Jump to content
Sign in to follow this  
Jirimias

Maldito Futebol Clube

Recommended Posts

Jirimias

Caraca, a partida refletiu o drama do encontro: Uma bola na trave para cada lado, 22 chutes a gol com 9 oportunidades claras de cochilar a pelota no fundo das redes e quatro gols. Familia Clough dominando.

Que venha o mata-mata, quero ver os dois se enfrentando novamente.

Clough neto tinha a vantagem numérica a seu favor, mas desperdiçou. Acho que se tivesse 11 de cada lado, ia dar o time do pai.

Teremos que contrariar o retrospecto contra o Port Vale para seguir vivo na briga pelo acesso. Já o Nigel, garantiu a subida sem muito esforço nestas rodadas finais.

Galera, amanhã tem atualização. Já até joguei, mas vou chegar em casa tarde demais para montar um post.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Khroiskantis

Jiri, parabéns pelo playoff. Agora vem a pedreira, boa sorte para os jogos finais.

Uma pergunta: você só monta o post depois que jogou todos os jogos que acha necessário ou vai colocando as idéias no papel durante a sessão de jogo?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Toggy81

...

Edited by Toggy81

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Jiri, parabéns pelo playoff. Agora vem a pedreira, boa sorte para os jogos finais.

Uma pergunta: você só monta o post depois que jogou todos os jogos que acha necessário ou vai colocando as idéias no papel durante a sessão de jogo?

Agora é que o H'Pool será testado de fato, vamos ver se o espírito copeiro do time supera o desgaste e a leve inferioridade para os demais concorrentes.

Eu faço assim: eu jogo todos jogos até descobrir uma coincidência, uma curiosidade, enfim alguma coisa que dê corda para um post. Conseguido isso, eu paro de jogar e monto o post. As vezes ignoro um ou outro fato para poder cobrir mais jogos. Dificilmente, escrevo algo jogando, não teria muito tempo para jogar. Como sempre escrevo no ônibus ou em pausa do trampo, então o post é montado após os jogos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
- igoor

Comecei lendo o save hoje depois do almoço, e não consegui parar, tá impecável Jiri, parabéns. A ficção está no mais alto nível, a história é bem interessante, quem não gosta de rivalidade? E ainda o save ajuda um pouco, dando margem para adicionar Mourinho a trama, e até mesmo confronto entre pai e filho.

Além do mais, dentro do jogo, vem encontrando dificuldades, mesmo quando estava na liderança com folga na temporada passada, houve um período de incerteza, em que o título estava em risco. Nessa temporada, o time começou da pior forma possível, aliada a restrição para contratar, mas ainda assim caminhou até uma vaga suada nos playoff's...

Ansioso pelo fim da temporada!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Comecei lendo o save hoje depois do almoço, e não consegui parar, tá impecável Jiri, parabéns. A ficção está no mais alto nível, a história é bem interessante, quem não gosta de rivalidade? E ainda o save ajuda um pouco, dando margem para adicionar Mourinho a trama, e até mesmo confronto entre pai e filho.

Além do mais, dentro do jogo, vem encontrando dificuldades, mesmo quando estava na liderança com folga na temporada passada, houve um período de incerteza, em que o título estava em risco. Nessa temporada, o time começou da pior forma possível, aliada a restrição para contratar, mas ainda assim caminhou até uma vaga suada nos playoff's...

Ansioso pelo fim da temporada!

Pô, obrigado, igoor! Valeu mesmo por gastar seu tempo lendo o save, isso compensa todo o trabalho que dá para montar uma história de ficção.

A rivalidade dá um sabor especial no save, um ingrediente que vai me ajudar a manter o save por muitas temporadas Minha intenção é fazer o save mais longo em relação ao jogo que já fiz. Ainda tem estes duelos paralelos que vc citou, bem como outros que irão surgir no decorrer do save.

O jogo também tem colaborado com a história, dando algum trabalho, mesmo quando tudo parece garantido. Esta temporada atual é que fugiu um pouco do que eu esperava, pois imaginei que brigaríamos para não cair e não para subir. Hoje eu conto como tudo terminou. Vlw!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.

Acho que mesmo na conta do chá, a equipe veio e chegou aonde queria. Mas agora o campeonato é outro e tudo pode acontecer. Vamos ver aonde se esse H'pool pode se encontrar com Revie no Boro.

No mais, li recentemente uma matéria sobre seu pai e a League Championship (da 2ª a 4ª divisão), mostrando o tanto que uma equipe nessas 3 divisões pode ser instável e um treinador também. Ele começou mal a temporada em time, foi para outro, vai bem e a equipe está na semi-final da FA Cup.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Acho que mesmo na conta do chá, a equipe veio e chegou aonde queria. Mas agora o campeonato é outro e tudo pode acontecer. Vamos ver aonde se esse H'pool pode se encontrar com Revie no Boro.

No mais, li recentemente uma matéria sobre seu pai e a League Championship (da 2ª a 4ª divisão), mostrando o tanto que uma equipe nessas 3 divisões pode ser instável e um treinador também. Ele começou mal a temporada em time, foi para outro, vai bem e a equipe está na semi-final da FA Cup.

Sim, foi mesmo no sufoco que chegamos lá. Além de ser promovido, Clough tem que torcer para o Boro não subir, mas isso é fácil para ele. Do contrário, é contar com estes encontros improváveis pelas copas.

Li algo a respeito da participação do Sheffield na FA CUp. Tb li que el vê nos escoceses um diferencial, algo que marcou também a carreira do pai, achei isso bem bacana, até parece o Will seguindo as opções do avô como uma superstição.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

clough-revie3.jpg

titulo.png

balaco1.png

Chegou a hora de parar. Pensei nisso durante semanas, conversei com minha família e tomei esta difícil decisão. Muita gente acha que eu poderia jogar pelo menos mais duas temporadas, e realmente, há muitos jogadores em atividade com 35 anos, mas comigo a coisa é um pouco diferente. Foram muitos anos como amador, sem a preparação correta e me desdobrando em dois empregos. O corpo agora cobra o preço. Não quero permanecer aqui como um peso que tem que ser carregado a todo custo por conta de uma contribuição do passado. Sei que eles seriam gratos pelo que fiz no clube e me ofereceriam a renovação, mas se eu aceitasse não estaria sendo justo com eles e comigo
O Hazell também anunciou sua aposentadoria, acho que foi tarde demais. Está com 36 anos e jogou apenas um jogo em toda temporada. Ninguém fala, mas tenho certeza que estão doidos para vê-lo pelas costas. Eu não quero isso para mim.
Quero não pensar, mas tudo o que faço a partir de agora será pela última vez. A última preleção, a última entrada no vestiário para pegar minha camisa, a última subida no gramado como profissional, o último toque na bola , o último jogo e quem me dera conseguir marcar o último gol. Nunca imaginei que minha despedida do futebol fosse no Wembley, acho que nem nos meus sonhos imaginaria jogar aqui. Será que a torcida gritará o meu nome? Será que trarão cartazes para me homenagear?
Talvez eu nem entre em campo, tenho ficado no banco nas últimas partidas e o time tem se saído bem sem minha ajuda. Por este ser o jogo mais importante da temporada, compreenderia sem nenhum rancor se o Clough não me colocasse em campo.
vsport.png
Resultados do Play-off (Fase semi-final)
balaco3.png
Como eu previa, comecei no banco. O Hartlepool entrou com o 4-5-1, formação que garantiu as duas vitórias sobre o Port Vale nas semi-finais. Em time que está ganhando não se mexe. Com o esquema de um atacante, Clough optava por James. Ele estava certo, eu também faria isso. Ele é jovem, e é o nosso artilheiro na temporada.
O jogo começou nervoso. A troca de "elogios" entre os treinadores mexeu com os dois times. Na verdade, Gregory, o treinador do Crawley, é quem parece ter tirado vantagem deste debate extra-campo. O time deles esbanjava vontade, vontade de vingar a perda do título da Jonhstone.
golpetrie.png
Ter aberto primeiro o placar deu-nos tranquilidade, segurando o adversário que começava a mandar no jogo. Grande jogada de Franks pela direita, e Petrie desviou com categoria. O Crawley estava mesmo disposto e o empate não tardou. Nossa zaga bobeou e eles aproveitaram a bola rebatida dentro da área. O adversário era superior e merecia até ter virado o jogo.
Aos 39 do primeiro tempo, Clough virou-se em minha direção: "- Aquece, Açougueiro!" O jogo estava empatado em 1-1. Clough sacou Bocaud e alinhou o time no 4-4-2. Conseguimos melhorar no segundo tempo, equilibrando bem as ações. Chances claras de gols só mesmo no final do tempo normal, mas o placar não mudou. No fim, dei uma arrancada do meio campo, passei por dois marcadores, só tinha um defensor em minha frente, mas acabei perdendo na dividida de ombro. Teria feito um gol memorável.
Veio a prorrogação e seguiu o mais do mesmo do segundo tempo. As duas equipes estavam cansadas, maltratadas por uma temporada intensa, assim o tempo adicional arrastou-se sem que nenhuma equipe mudasse o placar. Chegaria então a hora das penalidades. Eu fui escolhido para ser o batedor da quinta penalidade, ou seja, ou eu terminava minha carreira como herói ou como vilão. Achei isso uma puta sacanagem do Clough. Creio até que tenha sido uma resposta dele a minha recusa de continuar no clube como auxiliar técnico do sub-18. Nem era pelo cargo, mas sim pelo salário.
templemanpenal.png
Passei a torcer para alguém errar o pênalti do lado deles, o que não ocorreu. Também ninguém de nós errou as penalidades e assim a última cobrança estava nos meus pés. Na verdade, seria última se eu errasse. Olhei a posição do goleiro, peguei pouca distância e bati como bato nos treinos: bola alta no canto. Goleiro nenhum pega.
Nunca errei um pênalti na minha carreira, não seria aquele o primeiro. Começavam então as cobranças alternadas.Na segunda cobrança, um carinha deles chutou no meio do gol. Flinders defendeu sem problemas. Petrie, que marcou o nosso gol no tempo normal, foi para a cobrança. O moleque de 19 anos tinha responsabilidade enorme nas costas, mas esta em começo de carreira. Se errasse, não seria o fim do mundo.
pelatipetrie.png
Ele tomou uma grande distância e partiu para a bola. O chute foi no canto, o goleiro se esticou todo, tocou de leve na bola. que caprichosamente triscou na trave até balançar a rede lateral. Cara, que vibração! Comemoramos o acesso como se fosse um título. Viramos a noite . Depois da festa é que caiu a ficha. Acordei no outro dia de ressaca e aposentado.
finalplayoff.png
balaco2.png
Clough estava impaciente. Estava há vinte esperando para falar com o zelador do Wembley. Tinha estranhado ser chamado para conversar com o zelador, mas aceitou por achar que tinha alguma coisa a ver com o episódio do jogo passado. Para saciar sua curiosidade, abriu até mão dos primeiros goles da festa já programada pelo clube ali mesmo em Londres.
A camisa de mangas longas já incomodava antes, dentro de uma sala cujo o único vento vinha de uma janelinha no alto e de uma miniatura de ventilador sobre a mesa, aí que a situação ficou definitivamente insuportável. A camisa foi um presente do pai, que seguia tentando convencê-lo de que deveria se vestir melhor, principalmente nas partidas mais importantes.
Já tinha suportado muito tempo, não dava mais. Arrancou a camisa e despiu-se, deixando à mostra o tronco raquítico. Em seguida, colocou os pés sobre a mesa e cruzou os braços. Não mudou de posição nem quando a maçaneta girou para a entrada de um homem baixinho e grisalho. O velho arregalou os olhos vendo aquela cena dantesca. Certamente, falaria alguma coisa, mas não teve tempo para isso.
CLOUGH: - Olha,não gostei. O senhor pede para falar comigo e me deixa quase meia-hora esperando. O senhor tem ideia de quanto custa minha hora? É mais que o seu miserável salário do mês inteiro. Eu deveria estar comemorando com meus jogadores, entornando todas e estou aqui nesta sala quente dos infernos. O senhor me deve desculpas.
ZELADOR RUY: - Desculpas.
A humildade do velho não mexeu nenhum pouco com Clough que seguiu falando e gesticulando sem parar. Até que o velho gritou:
ZELADOR RUY: - Porra! Posso falar? Parece uma mulherzinha!
Clough calou. Impossível acreditar que aquele grito tinha saído daquela boca banguela.
ZELADOR RUY: - - Assim está melhor. Quero te pedir desculpas não por hoje, mas por aquele incidente em que o senhor ficou preso. Eu abri uma sindicância interna, pedi as imagens das câmeras e por isso te chamei aqui.
CLOUGH: - E aí? Me diz, quem me prendeu naquela sala?
ZELADOR RUY: - Não conseguimos descobrir. As duas câmeras que registram as imagens do corredor sofreram uma interferência e depois desligaram completamente. O rapaz que cuida da sala de vídeo-monitoramento foi verificar e as encontrou completamente quebradas.
CLOUGH: - Até pensei que eu tivesse errado a porta, mas ouvindo isso, estou certo que alguém planejou aquilo tudo.
ZELADOR RUY: - - Sem querer ser indiscreto: o que o senhor estava fazendo ali enquanto seu time estava em campo?
CLOUGH: - Coisa pessoal. Não tenho que te dar satisfação. Bom, se é só isso, estou indo, tem uma festa me esperando.
ZELADOR RUY: - Humpf! Mal educado! O Gregory está certo de não cumprimentá-lo, vai que essa doença sua seja contagiosa.
Clough ignorou a provocação e fez questão de bater forte a porta.
balaco4.png
Nunca foi um fã de coletivas de imprensa, mas seu humor piorava quando teria que explicar uma derrota. Por mais que justificasse com coerência, a certeza da própria culpa era maior. Mesmo tendo virado a tabela de ponta a cabeça desde quando havia chegado ao Boro, não tinha como desfazer a frustração do torcedor que queria ver seu clube na elite do futebol inglês.
Porém, a coletiva que teria duração de 30 minutos terminou com 21 minutos quando um repórter fez a pergunta chave:
JORNALISTA: - Semana passada, o Hartlepool conseguiu a promoção para a Championship. Queria saber o que você acha deste encontro com o Clough?
TOM REVIE: - A única coisa que vou responder em respeito ao trabalho de vocês, é que estou confiante que vamos conseguir a promoção no próximo ano. Começando o trabalho sem os vícios de um antigo treinador, estou certo que o acesso não escapará, principalmente agora que teremos seis pontos garantidos com a subida do Hartlepool.
Revie comportou como um soldado que joga a granada e vira as costas. O barulho da explosão era o zum-zum que tomou conta da sala de imprensa. Enquanto fugiu da réplica do repórter, o assessor de imprensa do clube encerrava a coletiva alegando que a pergunta fugia do tema da coletiva. Aquela bomba ressoaria em Hartlepool no mesmo dia. O encontro estava marcado. A guerra estava anunciada.

Share this post


Link to post
Share on other sites
rsm_rlb

Puta que Pariu. Vai explodir porra!. A Championship vai pegar fogo em Revie vs Clough.

Agora, o que é "boro"? Boiei nisso ai ...

No mais:

Muito gentil da sua parte dar uma chance pra um jogador com Down (Hã?)

Share this post


Link to post
Share on other sites
Johann Duwe

Puta que Pariu. Vai explodir porra!. A Championship vai pegar fogo em Revie vs Clough.

Agora, o que é "boro"? Boiei nisso ai ...

Boro é o apelido para Middlesbrough.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Messias Götze

Parabéns pela promoção!

Estou ansioso para ver o que vai dar no confronto com o Revie....

Share this post


Link to post
Share on other sites
LikeaBoss

Encontro marcado, próxima temporada promete. Sacanagem colocar o Templeman para bater o quinto penalty, hahaha!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Encontro marcado, próxima temporada promete. Sacanagem colocar o Templeman para bater o quinto penalty, hahaha!

Promete mesmo.

Haha ia me dar um capítulo muito bom se ele decidisse as penalidades, a favor ou contra, mas ele também era um dos melhores batedores, por isso escolhi.

Parabéns pela promoção!

Estou ansioso para ver o que vai dar no confronto com o Revie....

Vlw!

Vai ser bacana. Tomara que esteja sempre alguma coisa em jogo além da própria rivalidade, aí seria demais!

Boro é o apelido para Middlesbrough.

Vlw, Johann!

Puta que Pariu. Vai explodir porra!. A Championship vai pegar fogo em Revie vs Clough.

Agora, o que é "boro"? Boiei nisso ai ...

No mais:

Muito gentil da sua parte dar uma chance pra um jogador com Down (Hã?)

Vai mesmo. COm dois CLoughs e um Revie vai ser uma loucura.

haha vc estava falando do Petrie? hsuahsuahuhsua

Share this post


Link to post
Share on other sites
rsm_rlb

Sim. Ele mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
baltazar

Sensacional a sua história, estou gostando demais. E acho que o Will ainda vai descobrir quem tramou pra ele ficar trancado na sala. E outra, acho que o Revie está por trás disso com certeza.

E agora o save vai bombar, esse encontro vai ser muito tenso, acho que melhor pedir ate um escolta para os treinadores, porque quem ganhar vai tirar o sarro do outro.

Boa sorte.

Edited by baltazar

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Sim. Ele mesmo.

Não tinha reparado nisso rsrs

Sensacional a sua história, estou gostando demais. E acho que o Will ainda vai descobrir quem tramou pra ele ficar trancado na sala. E outra, acho que o Revie está por trás disso com certeza.

E agora o save vai bombar, esse encontro vai ser muito tenso, acho que melhor pedir ate um escolta para os treinadores, porque quem ganhar vai tirar o sarro do outro.

Boa sorte.

Obrigado, Baltazar.

Vai descobrir, e tenho quase toda certeza que ele só consegue imaginar o Revie como culpado disso tudo.

Nenhum dos dois vai querer perder este jogo, vai ser uma rivalidade extrema. Quero ver se o jogo vai usar bem o fato do Revie ter o Clough como desafeto para as coletivas antes dos confrontos. Para a história, cada encontro será um capítulo a parte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

conteudo-extra.png

Fala, galera!

Mais uma temporada finalizada, então é hora de falar sobre alguns detalhes dos bastidores do save e postar algumas coisas que, por um motivo ou outro, tenham ficado de fora dos capítulos.

Primeiro, vamos lembrar como está a Sala de Troféus de Will Clough. A sala de troféu encontra-se atualizada na primeira página do save, assim como o navegador de capítulos.

salass.png

trofeu.pngUntitled-2.png

# CASA PROVISÓRIA

distancia.png

A diretoria anunciou que o Victoria Park receberá mais de 3.000 assentos para atender os requisitos da Liga. Portanto, nos próximos seis meses, o Hartlepool mandará seus jogos Darlington Arena, localizado em Darlington.

Sua capacidade é de 25.000 pessoas, mas na vida real está limitada a 10.000 devido a algumas carências estruturais na região do estádio, como por exemplo, a precariedade no acesso ao estádio.

# JUVENTUDE HARTLEPOOL

Mesmo sem ter uma grande estrutura para formação de jovens jogadores ( condição de treino e profissionais especializados ), o Hartlepool conseguiu nos últimos anos ter uma boa fornada de jogadores.

Atualmente, o maior destaque vindo das categorias de base do clube é Kris Greenwood. Titular da Seleção Inglesa Sub-19, ele está sendo sondado no Man. City que chegou a oferecer 6M pelo jogador no início da nova temporada. Juntam-se a ele Andrew Sherindan, com passagens pela equipe titular na última temporada, e Martin Low, principal jogador do H'Pool sub-19.

Para a nova temporada, além de contar com Greenwood e Sherindan no time principal, Clough terá outros dois jovens, estes provenientes de outros clubes. São eles: o zagueiro Nathaniel Oseni, que atuou no time principal em algumas partidas em 2014 e Dean Rittenberg, um dos reforços da equipe para a temporada 14/15.

# ESTATÍSTICAS DOS TREINADORES

A temporada 14/15 tem tudo para ser marcante. Será nela os primeiros confrontos entre Will Clough e Tom Revie. Dois encontros estão garantidos pela Championship e é impossível esconder minha ansiedade por estes dois embates. Por enquanto, enquanto não chega a hora do "vamos ver", vai aí um pequeno aperitivo: o placar geral destes dois treinadores.

placar.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
baltazar

Clough ta ganhando em todos os aspectos do Revie, será que vai continuar assim depois que os dois se enfrentaram, para o "bem" do save, espero que não. Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Clough ta ganhando em todos os aspectos do Revie, será que vai continuar assim depois que os dois se enfrentaram, para o "bem" do save, espero que não. Boa sorte.

A tendência é uma virada nestas estatísticas. O Revie tem maior chance de sucesso com o Middlesbrough, pois o CLough acaba de subir e a primeira temporada provavelmente será para não cair.

Share this post


Link to post
Share on other sites
rsm_rlb

Eu diria que está 2x0 Revie. Primeiro pelo lance da mulher e segundo pelo ocorrido na final da copa.

Share this post


Link to post
Share on other sites
skp
#Capítulo 18
Excelente texto, gostei da forma como abordou o sentimento do "Açogueiro" Templeman sobre sua aposentadoria, parece trechos de uma biografia, a abordagem emocional é o mais interessante.
Esse Will tem estrela, de um time cotado para o meio da tabela ou até brigar para não cair, o Hatlerpool se transformou num time osso duro de roer e conseguiu ainda o acesso.
Parabéns pro Will.
Muito mistério ainda ronda aquele acontecimento, estou começando a achar que o Revie tem a ver com o "aprisionamento" do Clough.
Esse Revie! Já está começando a mostrar as asinhas, vamos ver se ele vai ser capaz de garantir o que foi falado.
#Conteúdo Extra
Muito legal ver que por mais precária que seja, a base do Hatlerpool está conseguindo dar bons frutos,
Sherindan e Greenwood são excelentes e pelo visto vão dar muita dor de cabeça para segurá-los.
Estou gostando de ver a abordagem de elenco, mesclar esses jovens com os mais experientes pode render bons frutos.
Clough está na frente do Revie, mas a dúvida que fica, é que com a disparidade de qualidade do elenco que os mesmos tem em mãos, se está vantagem mudará de lado?
Estou ancioso por isso, vai ser sinistra essa temporada, até porque a Championship é anos luz mais difícil e árdua que as divisões inferiores.
ps: quando li nova casa, pensei que o Clough tinha mudado de clube, ainda bem que não!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Eu diria que está 2x0 Revie. Primeiro pelo lance da mulher e segundo pelo ocorrido na final da copa.

haha é mas mulher não entra nas estatísticas, se entrasse era 1-0. Já o lance da final da copa não se sabe ao certo se foi ele, mas se foi, vai ser 2-0 pelo plano contra o rival rsrs

#Capítulo 18
Excelente texto, gostei da forma como abordou o sentimento do "Açogueiro" Templeman sobre sua aposentadoria, parece trechos de uma biografia, a abordagem emocional é o mais interessante.
Esse Will tem estrela, de um time cotado para o meio da tabela ou até brigar para não cair, o Hatlerpool se transformou num time osso duro de roer e conseguiu ainda o acesso.
Parabéns pro Will.
Muito mistério ainda ronda aquele acontecimento, estou começando a achar que o Revie tem a ver com o "aprisionamento" do Clough.
Esse Revie! Já está começando a mostrar as asinhas, vamos ver se ele vai ser capaz de garantir o que foi falado.
#Conteúdo Extra
Muito legal ver que por mais precária que seja, a base do Hatlerpool está conseguindo dar bons frutos,
Sherindan e Greenwood são excelentes e pelo visto vão dar muita dor de cabeça para segurá-los.
Estou gostando de ver a abordagem de elenco, mesclar esses jovens com os mais experientes pode render bons frutos.
Clough está na frente do Revie, mas a dúvida que fica, é que com a disparidade de qualidade do elenco que os mesmos tem em mãos, se está vantagem mudará de lado?
Estou ancioso por isso, vai ser sinistra essa temporada, até porque a Championship é anos luz mais difícil e árdua que as divisões inferiores.
ps: quando li nova casa, pensei que o Clough tinha mudado de clube, ainda bem que não!

Valeu! Q bom que gostou! A ideia era mesmo trazer a tona o drama de um jogador que está perto de aposentar. Tentei dar mais drama colocando ele como batedor da última cobrança, mas acabou não sendo a cobrança dele tão decisiva.

Will conseguiu acertar o time, mas contou também com um campeonato bem embolado para facilitar as coisas, tirando os jogos contra o Port Vale,q ue foram bem fáceis, a vida do H'Pool foi bem sofrida na League One. Dependendo de como será a janela para o clube, esta temporada na Championship poderá ser um desastre.

Sobre o mistério, posso dizer que ele está somente começando, mas lógico que o Revie tinha motivos de sobra para planejar algo contra o rival e é o nosso primeiro e maior suspeito até agora.

O legal sobre o Revie é que as mexidas no editor do jogo fez um bem danado para a personalidade dele. Copiei algumas coisas do Mourinho, adicionei outras e o cara se tornou um chato de galocha no jogo. Na última coletiva, por exemplo, perguntaram sobre o fato do Wigan ter contratado um diretor de futebol. Aí ele falou que achava aqui algo desnecessário, pois tira o poder de escolha do treinador. Então, acho massa ele ficar dando pitaco em assuntos tão bestas, acaba que ele tá arrumando tanto inimigo do jogo, que se for fazer uma lista não cabe em uma página haha.

Por falta de recursos, a tendência é que o Hartlepool entre com um time ainda mais jovem nesta temporada. Se não fosse pela questão financeira, a aposta nos jovens seria menor, por tatar-se de um save carreira. Mesmo não sendo intencional, trabalhar com os jovens é algo que me agrada muito. Ver jogadores como o Sheridan e o Kris surgindo da base e ganhando destaque é muito bacana, mas como vc falou, será difícil segurar. Por enquanto tenho conseguido.

Creio que esta temporada írá dar uma virada neste placar da rivalidade. Revie jogou somente Championship, e por isso leva alguma desvantagem para o Clough. Agora ele terá um elenco já formado para a disputa da Segunda Divisão, um elenco que por pouco não conseguiu o acesso, enquanto o Clough terá que desmanchar sua equipe para conseguir sobreviver na nova divisão. A tendência é que esta vantagem diminua ou mude de lado.

Ainda não foi desta vez que o Clough mudou de ares,era só pegadinha hehe. Isso é algo que só deve ocorrer se: ele perder o emprego, receber uma proposta salarial maior ou um clube em divisão superior.

Share this post


Link to post
Share on other sites
miro

Nunca mais tinha comentado por aqui, mas sempre acompanhava.. grande evolução do Clough parabéns, próxima temporada promete ser bem interessante e divertida com os encontros com o Revie !! boa sorte :yest2:

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Jiri, parabéns pela promoção. A decisão nos pênaltis foi emocionante e a forma que você encontrou para contá-la também foi bem legal.

Agora o save foi ficar mais legal com os confrontos diretos entre Clough e Revie.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • DiogoHernandes
      By DiogoHernandes
      A REENCARNAÇÃO DO HERÓI
      Olá, aqui estou de volta, já faz algum tempo que estava planejando este save mas nos últimos meses não tinha motivação para jogar FM novamente, isso tudo voltou quando estava com um PC velho e resolvi baixar o FM13 para passar um tempo, foi baixar o game e vontade de jogar veio com tudo pra cima de mim. Isso já faz um tempo, fui me segurando para não começar o save sem um formato estabelecido e conversando com um pessoal daqui da área e especialmente o @Tsuru fui estabelecendo as diretrizes do save.
      O save será totalmente dentro da Dinamarca, embora eu tenha carregado mais algumas ligas elas estão como "ver apenas", e terá como objetivo principal treinar a Seleção Dinamarquesa e superar a melhor campanha da seleção em Copas do Mundo, mas para isso preciso percorrer um longo caminho, meu treinador começará sua jornada com 20 anos e sem qualificações anteriores e com um passado somente no futebol amador. O nome dele será Holger Dasnke, o mesmo nome do herói que segundo a lenda quando a Dinamarca passar por um perigo iminente ele levantará do seu trono libertará a nação.

       
      DIRETRIZES DO SAVE
      Não sair dos clubes pedindo demissão ou se candidatando a outros clubes, só sair em fim de contrato ou sendo demitido. Não assumir clubes de divisões superiores ao meu antigo clube. Na primeira divisão até ganhar um título nacional, só assumir clubes que acabaram de subir ou da segunda divisão. Não assumir a seleção principal da Dinamarca sem antes ganhar um título nacional de primeira divisão. Não usar a barra de pesquisas para contratação de jogadores/staff, usar somente a base de dados fornecidas pelos olheiros do clube e pelos agentes.  
      OBJETIVOS DO SAVE
      Ganhar o Campeonato Dinamarquês Ganhar a Eurocopa Ganhar as Olimpíadas Chegar em uma Semi-Final de Copa do Mundo  
      ÍNDICE
      Temporada 1
      O primeiro emprego
      Os heróis improváveis
      Uma contratação mágica: Ibra chega ao Kolding!

    • Lanko
      By Lanko
      Próxima>>>                 
       
      ATUALIZAÇÃO MAIS RECENTE!
      ÍNDICE
       
      E aê galera, tudo bom? Descobri o fórum recentemente há uns dias atrás, especificamente a área de histórias. Li algumas e adorei o formato e o fato que a galera resolveu postar suas jornadas e challenges interessantíssimos. 
      Enquanto jogava o FM18 fiquei pensando nas várias coisas que aconteceram e que dificilmente conseguiria guardar pra lembrar depois, especialmente as coisas memoráveis.
      Deixei quieto e segui em frente, mas como disse, encontrei essa área aqui e me arrependo de não ter pesquisado e encontrado antes. Mas antes tarde do que nunca, né! O save não tem tanto tempo e muitas dos principais eventos estão frescas na memória.
      Esse save não tem objetivos específicos a serem alcançados, simplesmente criei um perfil de treinador (sem escolher clube, comecei desempregado) e saí pro mundo pra ver no que vai dar. 
      PERFIL DO TREINADOR:
       
      Lanko Askarian sempre teve interesse por futebol, principalmente na parte tática, já que jogando ele é um grande perna de pau. Decidiu ir adiante com esse pensamento e resolveu estudar para ser técnico e dirigir uma equipe.
      Diante dos vários fracassos do Brasil na área, decidiu, corretamente ou não, ir estudar e fazer cursos na Europa. Escolheu a Inglaterra já que sabia inglês e nada dos outros idiomas. Depois de algum tempo, adquiriu profundo conhecimento tático, de treinamentos, de filosofias de jogo.
        
       
      Agora só faltava botar tudo isso em prática, e é aí que morava o problema. Lanko entrou determinado a começar 2018 como técnico, mas passou o primeiro semestre desempregado. Nem clubes brasileiros da 3a divisão quiseram sequer conceder uma entrevista.
      No fim da temporada europeia, Lanko voltou a Inglaterra, disposto a aceitar propostas da 5a ou 6a divisão inglesas só pra começar a trabalhar, mas mesmo dessa vez conseguindo entrevistas, não foi o escolhido em nenhum dos oito clubes em que bateu a porta.
       

       
      Jovem (30 anos, muito menos que muitos jogadores em atividade), sem ter comandado vestiário antes e ainda por cima estrangeiro, esses foram os principais motivos das recusas.
      Até que viu um anúncio de um clube de Portugal (o único), a Mondinense, da terceira divisão portuguesa, e decidiu entrar em contato com eles.
      O presidente foi surpreendido pelo contato. Ele acabou gostando do perfil. Avisou que o clube era pequeno, mas gostaria de ver o clube crescer e talvez tentar algo inusitado seria o primeiro passo ideal. O presidente convidou Lanko para a cidade de Mondim de Basto para assinarem o contrato.
       

       
      Lanko aceitou, muito feliz. Portugal não estava nos planos iniciais, mas quem sabe, caindo do céu, seria o melhor lugar para começar a carreira. O idioma não seria problema e Portugal era um bom país, além de ter certa história no futebol e um cenário respeitável.

      Ele sabia que o começo ia ser difícil, mas até chegar em Portugal e ver a sede da Mondinense de perto, ele não fazia ideia do quão difícil…
       
      Próxima>>>
    • Lanko
      By Lanko
      Riqueza da Premier League também deverá ser compartilhada com times e ligas pequenas.
      "Dessa vez o Daily Mail está certo.
      Vamos enfrentar donos ruins e bilionários como Mike Ashley, vamos dar aos fãs voz em como seus clubes devem ser administrados e vamos garantir que as riquezas da Premier League sejam investidas no futebol local de nossas comunidades."
       
      Também disse que "futebol não é negócio, futebol é nossas vidas, nossas comunidades e onde vamos para nos socializarmos e aproveitar a companhia de todos". "Vamos tirar o "jogo bonito" dos bilionários e dá-los aos torcedores em vez disso."
      Claro que teve algumas reações:
      "Ideia muito interessante. Quem decidiria quais donos seriam "ruins" e qual seria o critério? Não gastar o suficiente em jogadores? Tentar interferir em assuntos do time? Escolhendo o técnico errado?"
       
    • DiegoCosta7
      By DiegoCosta7
      Alguém sabe me dizer porquê o FM não baixa o conteudo selecionado da oficina para ele ? (Eu estou inscrito em varios conteúdos mas o fm não baixa todos eles ou só baixauma parte do conteúdo que estou inscrito. Porquê isso acontece ?
    • Ighor S.
      By Ighor S.
      Joguei bastante tempo no fm14 com essa tática, mas após a última formatação perdi ela e não consegui mais encontrar. 
      Pelo que me lembro, ela foi baixada aqui no fórum antes da reformulação. Procurei no Google mas não achei nada. Alguma boa alma que possa ter a tática salva poderia upar? 
×
×
  • Create New...