Jump to content
Sign in to follow this  
Henrique M.

A MLS no FM

Recommended Posts

Henrique M.

m3P0inK.jpg

A Major League Soccer (MLS) é uma liga que vem atraindo crescente interesse ao longo dos últimos anos e muita gente se aventura em jogar na terra do Tio Sam em algum save do Football Manager. Contudo, como é uma liga muito diferente do que estamos acostumados no mundo do futebol, as mecânicas da elite futebolística dos Estados Unidos acaba assustando. Portanto, para ajudar as pessoas interessadas em jogar na MLS no FM, trouxemos esse guia explicando tudo aquilo que importa para compreender melhor a liga dentro do jogo.

A temporada regular da MLS - MLS Supporters' Shield

A primeira e mais importante coisa a ser notada é que a MLS é uma liga de verão, não uma liga de inverno. A temporada regular da Major League soccer ocorre entre Março e Outubro, com os playoffs da MLS Cup começando logo em seguida.

A liga é dividida em duas conferências - Conferência Oeste e Conferência Leste. Mas por que é assim? Como a maioria das outras ligas esportivas dos Estados Unidos utilizam esse formato, acharam que seria mais fácil aumentar a aceitação do esporte copiando esses formatos. Além disso, é uma das heranças de quando os estadunidenses resolveram "americanizar" muitos aspectos do esporte.

A conferência em que seu time se encontra afeta quantas vezes você joga contra cada time da liga. Cada um dos 22 times na liga irá jogar 34 partidas na temporada regular, 17 em casa e 17 fora. Os clubes irão enfrentar duas vezes cada time de sua conferência, uma vez em casa e outra fora Além disso, eles também enfrentam ao menos uma vez os times da outra conferência, alternando o mandante a cada nova temporada. Por exemplo, se Dallas versus Chicago Fire ocorre em Dallas nesse ano, no próximo ano, ele ocorrerá em Chicago.

Também existem mais três jogos adicionais entre equipes de conferências diferentes, com um time em cada conferência jogando uma partida extra contra um time da outra conferência. Ao final da temporada, os pontos somados ao longo dos 34 jogos determinam o vencedor da temporada regular, a MLS Supporters' Shield.

1047366213_MajorLeagueSoccer_VistaGeralFases.thumb.png.1081c97b33e9a3c5a5c18121adf84c3e.png

Os playoffs - MLS Cup Playoffs

Conquistar a MLS Supporters' Shield é uma conquista relevante dentro da MLS, entretanto, ela não é o grande prêmio. Após a temporada regular, os seis melhores times de cada conferência disputam os playoffs em buscada de conquistar a MLS Cup. Esse prêmio é o equivalente ao Super Bowl, da NFL ou ser o campeão da pós-temporada na NBA. O verdadeiro campeão da temporada é definido aqui.

A primeira rodada de cada conferência tem o terceiro melhor colocado enfrentando em casa o sexto melhor colocado, enquanto o quarto melhor colocado recebe o quinto melhor colocado. O confronto em partida única determina quem avança para as semi-finais de cada conferência. Nas Semi-finais das conferências, o time de melhor campanha enfrenta o time de pior campanha, enquanto o time de segunda melhor campanha, enfrenta o time com a segunda pior campanha. Diferentemente da primeira rodada, que é disputada em uma única partida, aqui ocorrem partidas de ida e volta, com a melhor campanha decidindo em casa. Os vencedores avançam para as finais da Conferência, que também são disputadas em ida e volta. Quem vencer esse confronto avança para disputar a MLS Cup, com o vencedor das finais da outra Conferência. O time de melhor campanha geral decide a partida em jogo único em sua casa, com o vencedor desse confronto se sagrando o campeão da MLS daquele ano.

Copas

Existem duas copas que ocorrem concomitantemente com a temporada regular. A US Open Cup, disputada pelos times estadunidenses da MLS e divisões inferiores, enquanto o Canadiam Championship é disputa por todos os times profissionais de futebol do Canadá, estando eles ou não na MLS. O vencedor de cada uma dessas competições garantem uma vaga na Champions League da Concacaf, ocupando uma das vagas destinadas a cada um de seus países.

Aproveitando o gancho, a distribuição de vagas para os times da MLS na Champions League da Concacaf é a seguinte:

  • Uma vaga para o campeão da MLS Cup;
  • Uma vaga para o vice-campeão da MLS Cup;
  • Uma vaga para o vencedor da temporada regular, o MLS Supporters' Shield;
  • Uma vaga para o vencedor da US Open Cup;

Se um time conquistar o direito a diversas vagas, ou se um time canadense vencer o Supporters' Shield ou a MLS Cup, o time estadunidense com a melhor campanha que ainda não se qualificou para a competição fica com a vaga. Os times canadenses (Toronto FC, Montreal Impact e Vancouver Whitecaps) só podem se classificar para a Champions League da Concacaf vencendo o Canadian Championship.

Em um menor grau, existem as "copas entre rivais". Elas são disputada toda temporada por rivais, com o vencedor sendo aquele tiver a melhor campanha nesses jogos especiais em cada temporada. Ainda utilizando o exemplo do FC Dallas, existem três dessas "copas". A Lamar Hunt Pioneer Cup, disputada contra o Columbus Crew, o Texas Derby contra o Houston Dynanmo e a Brimstone Cup disputada contra o Chicago Fire.

Nenhum dessas "copas" tem real importância para a direção e para a torcida, já que não trazem prestígio adicional e nem são competições de verdade. São apenas títulos sem noções criados pela MLS para fabricar rivalidades e dar aos times algo para torcer. Nessas competições, você quer que seu time vença por causa dos três pontos, não por causa da conquista.

Regras sobre Inscrição de jogadores e categorias de jogadores

Depois de cobrirmos a estrutura da liga, é hora de mudarmos para as regras de inscrição de jogadores e suas diferentes categorias. Essa parte é destinada a informar aquilo que você precisa saber para montar seu time para a próxima temporada. Serão detalhadas as regras de inscrição e montagem de elenco, assim como as diferentes categorias de jogadores que podem ter em seu elenco.

Um elenco da Major League Soccer é composto de um mínimo de 15 jogadores e no máximo 30 jogadores. Para a temporada de 2017 da MLS (o Football Manager 2018 não fornece a opção de começar na temporada 2018) o limite salarial é de 3.300.000 euros por ano. Enquanto a maioria dos jogadores de FM estão acostumados com valores salariais mensais, a Major League Soccer não computa as coisas dessa maneira, por isso, nesse guia, se necessário, as informações salariais serão mostradas em valores anuais.

206483615_LAGalaxy_JogadoresInscrio.thumb.png.d0051650f82d678e63ece2f3dabec889.png
Tela de inscrição dos jogadores na MLS com as regras a serem respeitadas.

Como o teto salarial de 3,3 milhões de euros alocados para cada time, como eu faço para distribuir ele entre meus jogadores? O teto salarial somente é aplicado aos jogadores profissionais "dentro do orçamento". Esses serão cerca de 20 jogadores que você considera como o núcleo regular do seu time, e o salário máximo que pode ser pago é de 413 mil euros, isso sem utilizar o dinheiro de Alocação Geral para balancer as coisas.

Os "jogadores fora do orçamento" são os seus dez jogadores suplementares e reservas e não contam para efeitos de teto salarial e são geralmente jogadores que serão últimos reservas ou opções aos jogadores mais regulares. Desses 10, no máximo 6 podem ser considerados Reservas e no máximo 4 podem ser considerados Reserva não-Homegrown. O valor máximo que pode ser pago aos reservas é de 45 mil euros anuais e para o Reserva Homegrown é de 55 mil euros

Categorias dos jogadores

Existem diversas categorias de jogadores que irão influenciar quem você pode e não pode contratar para ao seu time. A MLS aloca oito vagas para jogadores estrangeiros em cada time. Além disso, essas vagas podem ser trocadas em incrementos anuais, portanto, alguns times podem ter mais vagas em uma temporada e outros podem ter menos. Isso será discutido com mais detalhes abaixo.

Jogadores domésticos e internacionais

Para as regras de inscrição de jogadores, um jogador internacional para times baseados nos Estados Unidos é qualquer jogador que não se qualifica para um status de jogador doméstico do país. Para os clubes canadenses, um jogador internacional é qualquer jogador que não se qualifica para um status de jogador doméstico do Canadá ou dos Estados Unidos.

Apesar de parecer óbvio o que deve ser um jogador doméstico ou internacional, é necessário fazer essa distinção pois as regras de jogadores domésticos são diferentes para estadunidenses e canadenses. Os jogadores canadenses não vão ser considerados domésticos num time dos EUA, mas jogadores estadunidenses serão considerados domésticos num time do Canadá. Para o jogo, um jogador doméstico é aquele que tem nacionalidade americana (ou canadense, no caso de clubes localizados nesse país), seja primária ou secundária e não existe limites para a quantidade de jogadores domésticos em seus times. Além disso, em times canadenses, é obrigatório ter ao menos três jogadores canadenses no elenco.

Generation Adidas

Generation Adidas é um programa designado para cultivar o talento de prospectivos jogadores de alto nível nos EUA e Canadá. Eles são jogadores de universidades e das seleções de base dos dois países que a MLS contratará para a liga com um status especial e que vão entrar no SuperDraft e podem ser considerados jogadores de maior potencial que os outros. Enquanto eles não se graduam no Generation Adidas, esses jogadores são registrados como jogadores suplementares no elenco e não impacta no teto salarial. No Football Manager 2018, os jogadores serão gerados no jogo no SuperDraft anual como newgens, portanto, você só pode adquirir esses jogadores durante o draft ou através de trocas. Vale ressaltar que não é um contrato ou categoria que você pode criar para você mesmo.

Jogadores designados

A última grande categoria que existe são os "Jogadores Designados". Esses jogadores são profissionais com uma qualidade significantemente mais alta que outros jogadores da MLS (pense em Beckham, Pirlo e Ibrahimovic, por exemplo). Esses jogadores contam no teto salarial apenas como o valor máximo de 413 mil euros, mas os times podem pagar muito mais se houver capacidade financeira para isso.

Um "Jovem Jogador Designado", que ainda conta como um dos três jogadores designados na inscrição de elencos, é um jogador com idade inferior a 23 anos, mas seu impacto máximo no teto salarial será de 130 mil euros anuais para um jogador com menos de 20 anos e 172 mil euros anuais para jogadores entre 21 e 23 anos.

Os clubes tem direito a duas vagas para Jogadores Designados, mas podem comprar uma terceira pagando cerca de 130 mil euros do seu orçamento de Alocação Geral para a organização da liga. Esse dinheiro será redistribuído para os outros times da liga na próxima temporada como verba de Alocação Geral.

Ademais, tenha em mente que um clube pode utilizar seu orçamento de Alocação Geral para diminuir o impacto de um salário de um Jogador Designado até um valor mínimo de 130 mil euros anuais, o que pode ajudar a criar espaço no teto salarial de um clube.

Aquisição de jogadores

Para encerrar, cobriremos os diferentes tópicos relacionados a aquisição de jogadores. Falaremos de ranking de alocação, fundos de Alocação, os três drafts que um jogador de FM irá enfrentar e as diferentes formas que os clubes da MLS podem realizar trocas entre si.

Fundos de alocação

A coisa mais simples de explicar seriam os fundos de alocação. A Major League Soccer distribui um fundo de alocação anual para cada time que serve como fundo para contratar jogadores de ligas estrangeiras, para ser usado para cobrir pagamentos aos agentes, para ser usado como incentivo e opções na negociação contratual com jogadores, como parte das trocas entre times e para pagar de volta à organização da liga para diminuir o impacto salarial de um jogador designado no teto salarial anual. Enquanto pode ser utilizado de diferentes maneiras, mas todas específicas à MLS, pode ser rusticamente comparado com orçamentos de transferências em outras ligas.

Ranking de Alocação

O próximo conceito é o de "ranking de alocação". Favor não confundir com os fundos de alocação. Esse ranking determina a prioridade dos clubes em escolher jogadores no SuperDraft e no Re-Entry Draft.

Para o SuperDraft, os clubes de expansão (novas franquias/clubes) ficam com a primeira escolha na sua primeira temporada, em seguida vem os times que não se classificaram para os playoffs em ordem inversa à sua classificação final na tabela geral da temporada regular (o último colocado tem preferência sobre o sétimo colocado), depois os times que foram eliminados nos Play-offs são encaixados na ordem em que foram eliminados e por fim, o vice-campeão e campeão da MLS Cup ficam com a penúltima e última escolha, respectivamente.

Em suma, novos times ou os últimos colocados escolhem primeiro, e os vencedores por último. Essa é uma das maneiras encontradas pela estrutura da MLS é designada para encorajar competitividade e equilíbrio, garantindo que os piores times possam ter potencial acesso aos melhores jogadores primeiro. Além disso, é possível trocar a ordem de escolhas de qualquer rodada do SuperDraft com outros times da competição, dessa forma, os times podem fazer escolhas fora da ordem mencionado anteriormente, ou ter múltiplas escolhas em uma mesma rodada. Também é possível que um time não escolha ninguém e tenha que esperar até a próxima oportunidade em que tiver uma escolha, isso ocorre caso em alguma negociação, um clube tenha aberto mão de suas escolhas para contratar um jogador de outro clube da MLS.

Drafts

Agora que explicamos o ranking de alocação, podemos seguir para os três grandes drafts que ocorrem durante um save do FM 2018. Os anuais SuperDraft e Re-Entry Draft e o Draft de Expansão, que ocorre apenas ao final da primeira temporada, quando o Los Angeles FC se junta a competição a partir da temporada de 2018 em diante.

SuperDraft

O SuperDraft é o primeiro draft do calendário, e ocorre no começo de Janeiro. Você não pode participar do SuperDraft de 2017, mas eles começam a ocorrer anualmente a partir de 2018. O SuperDraft é um evento de quatro rodadas, onde os times escolhem newgens na faixa dos 20 anos em turnos. Esses são jovens jogadores que atuam em universidades americanas e estão buscando passar do futebol amador para o futebol profissional. Eles participam de uma série de combinados nas semanas anteriores ao evento. Esses combinados são sessões de treino e partidas que geram relatório de notícias dizendo quem está indo bem e quem está indo mal para dar uma ideia aos times na hora de buscar quem escolher.

Na interface do Draft, você pode ver qual time será o próximo a escolher, pode revisar as seleções de drafts anteriores e pode avaliar os atributos dos jogadores para decidir quem escolher. Você pode passar suas escolhas ou deixar o draft a qualquer momento e pedir uma recomendação ao seu assistente técnico sobre quem selecionar para o seu time.

DM-MLS-06-SuperDraft.jpg

Re-Entry Draft e Waiver Draft

A MLS não tem agentes livres como em outros esportes americanos, já que todos os contratos são de propriedade da organização da liga e não dos times, e é isso que permite o movimento interno de jogadores dentro da liga. O Re-Entry Draft que ocorre em Dezembro, permite que jogadores veteranos que estejam sem contrato ou que não tiveram suas opções de renovações ativadas por seus clubes possam ser draftados por um novo time para a próxima temporada. O time que escolheu o jogador tem o direito de reativar o antigo contrato do jogador ou oferecer um novo contrato. Os jogadores que participam desse draft tem mais de 23 anos e experiência dentro da competição. Além disso, existe um outro pequeno draft dos jogadores que foram liberados pelos seus times para trocar de clubes, mas não atingem os limites de idade ou de experiência dentro da competição exigidos pela organização da liga para participar do Re-Entry Draft. Como eles funcionam de maneira idêntica, discutiremos apenas o Re-Entry Draft, pois já é o suficiente para entender ambos.

O Re-Entry Draft tem dois estágios divididos em duas rodadas, separados por alguns dias. Se um time não encontrar um jogador que gosta no draft, ele pode passar sua escolha e sair de determinado estágio do draft. Esse draft geralmente conta com jogador de pior qualidade que não foram capazes de causar impacto na competição, por isso, a maioria dos jogadores em quase todas os anos tendem a não ser uma boa escolha, mas às vezes um diamante perdido pode ser encontrado ou um reserva de qualidade aceitável.

DM-MLS-04-Re-Entry-Draft.jpg

Draft de Expansão

O último draft no jogo ocorre apenas quando o Los Angeles FC se junta ao torneio em 2018. O Draft de Expansão é um draft apenas para os novos times para ajudá-los a construir um elenco para a próxima temporada. Num Draft de Expansão, cada time nomeia 11 jogadores do seu elenco como "jogadores protegidos" que não podem participar do draft, sendo assim, o restante dos jogadores está disponível para ser por times que estão se juntando a MLS em um draft curto de cinco rodadas, onde o time pode escolher uma pequena seleção de jogadores veteranos para juntar ao seu time. Nesse draft, o Los Angeles FC terá cinco escolhas, e assim que um jogador for escolhido, o restante dos jogadores de um time estão salvos de serem selecionados e retornam para seus clubes originais.

DM-MLS-05-Expansion-Draft.jpg

Transferências e trocas

Para contratar jogadores livres ou para times de fora da MLS, você pode usar o orçamento de alocação do seu time como um orçamento de transferências para fazer ofertas para jogadores de outros clubes, pagar os agentes e adicionar incentivos ao contrato do jogador, da mesma forma que qualquer outra liga do Football Manager. Entretanto, existem trocas únicas que os times da MLS podem fazer um com os outros.

Para a transferências de jogadores que já estão em um clube da MLS, existe um sistema de trocas onde você pode trocar um jogador por outro, por fundos de alocação, pela escolhas de um time em qualquer rodada do SuperDraft pelos próximos anos, ou por uma vaga de jogador internacional, entre outras coisas. Além disso, você pode fazer trocas que não envolvam jogadores, como trocar escolhas de draft por fundos de alocação, ou vagas para jogadores internacionais, ou qualquer combinação que você desejar.

698598107_SebastianGiovinco_TransfernciaTroca.thumb.png.7e7068abd4b5fe6858163e0e12453a32.png

O valor preciso de items como escolha de draft ou vaga para jogadores internacionais pode variar, e muitas vezes é necessário prática para determinar o que pode ser um valor justo por algo como uma escolha de draft. Por exemplo, um escolha de primeira rodada no SuperDraft de um time que tem mais probabilidades de ser um dos primeiros da lista tem mais valor do que um escolha de secunda ou última rodada, já que até lá, os bons jogadores já terão sido escolhidos, por isso, pode ser importante ter diversas escolhas em uma mesma rodada. Escolhas em algumas temporadas para frente, tem seu valor próprio, mas também tem menos valor o quão mais longe você estiver da data do draft, mas podem ser uma boa estratégia de longo prazo para ter opções em negociações futuras.

É necessário intuição e prática para determinar se uma oferta é boa ou ruim para seu time. Se você tem um time fraco e precisa de um time de qualidade imediatamente, uma escolha próxima ao topo da lista pode ser uma boa troca com times de campanhas melhores por um jogador já desenvolvido, mas que não tem o espaço adequado por lá. Na contra-mão disso, se você for um treinador que gosta de desenvolver jovens jogadores não terá problemas em trocar essas escolhas, já que você pode usar essas escolhas para ter direito sobre jovens jogadores ou conseguir algum bom jogador mais velho caso você precisa.

Outros guias do FManager Brasil

Texto traduzido e adaptado por Henrique M. para o FManager Brasil e Engenharia do Futebol
Fontes: https://www.thehighertempopress.com/2017/11/fm18-league-guide-major-league-soccer-i-league-structure/https://www.thehighertempopress.com/2017/11/fm18-league-guide-major-league-soccer-ii-roster-composition/ e https://www.thehighertempopress.com/2017/11/fm18-league-guide-major-league-soccer-iii-player-acquisition/
Banner: @_Matheus_

Share this post


Link to post
Share on other sites
DiegoCosta7

Joguei uma vez só a MLS, é muito complicada pro meu gosto (E pessoalmente gosto de desafios, mas a MLS é chatinha demais pra jogar)  

Share this post


Link to post
Share on other sites
Thiago Anjo

Muito interessante, bem mais complicado (estrategicamente) do que imaginava.

Share this post


Link to post
Share on other sites
felipevalle

Cheguei a jogar alguns desafios na MLS e achei bem equilibrado o nível dos times. Ainda que seja chato ter play-off depois dos pontos corridos.

A respeito da estrutura da liga entendo o fato de serem divididas por regiões, pois o país possui dimensões continentais. Ainda que mesmo estando divididas em duas é bastante espaço para se percorrer no decorrer de uma temporada. Sem contar que um time acaba tendo que viajar para enfrentar outros de outra conferéncia algumas vezes. 

Agora, só fica esquisito para os clubes canadenses. Mas deve compensar financeiramente fazerem parte desse rolo ?

Já o sistema de transferéncia prioriza e nivela o campeonato do que um ou dois clubes muito acima dos demais.

Share this post


Link to post
Share on other sites
lakers20

Acrescentando algumas coisas sobre a MLS: Times de base são separados da equipe principal então vc não tem o controle direto sobre esses jogadores até oferecer um contrato profissional. E consequentemente não da pra melhorar as condições de estrutura, treinos etc... Todavia nenhum outro time pode abordar seus jovens enquanto eles tem contrato com a equipe.

Esses jogadores da base são sempre vindos de um raio próximo a equipe, então um jogador da base do Orlando City por exemplo na maioria das vezes será da Flórida.

Share this post


Link to post
Share on other sites
senna889091

Eu tava jogando com  o Toronto no FM 17, liderando a MLS. O tirando o fato da ME doida, o nivel do futebol é equilibrado, me lembra um pouco a K-League (Coréia) mas de qualidade mais baixa. Minha dificuldade é montar a equipe por causa das regras. As normas transformam as trasnferências em uma ferramenta de estratégia, então voce precisa ter noção de quem/o que irá contratar primeiro e antever um ou mais passos em relação as outras equipes, principalmente se você está em um draft.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ViniM

Não consigo adicionar a MLS em save em andamento ?

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
nosredna

Excelente e muito elucidativo post, @Henrique M.. Deu até vontade de fazer um save por lá.

As regras realmente tem muitas minúcias que são chatinhas de antever e pra quem gosta de montar times fortes, ou de ter jogadores de renome, não é um save indicado. Mas, ao contrário, é um save muito indicado pra quem quer o desafio no nível extremo.

Uma dúvida, é possível jogar com o Los Angeles FC no começo do save já, ou, no caso, como você comentou de não ser possível começar em 2018, isso é impossível?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.
6 horas atrás, Butilheiro disse:

Excelente e muito elucidativo post, @Henrique M.. Deu até vontade de fazer um save por lá.

As regras realmente tem muitas minúcias que são chatinhas de antever e pra quem gosta de montar times fortes, ou de ter jogadores de renome, não é um save indicado. Mas, ao contrário, é um save muito indicado pra quem quer o desafio no nível extremo.

Uma dúvida, é possível jogar com o Los Angeles FC no começo do save já, ou, no caso, como você comentou de não ser possível começar em 2018, isso é impossível?

Sim, é possível.

Mas tem que ver se não precisa simular até o time surgir.

Share this post


Link to post
Share on other sites
osorio_fla10

Já joguei algumas vezes na MLS, é divertido no mínimo. Mas me incomoda exatamente isso aqui: o sistema de draft. Me parece em maioria das vezes bem inútil, onde só vale basicamente a sua primeira escolha pra que com muita sorte venha um jogador decente. 

 

Além disso sempre acreditei que ele inviabiliza um trabalho a longo prazo dos clubes. Afinal o jogador vai meio que ao acaso pra uma equipe. Não existe moldar ele a uma filosofia de jogo ou esquema tático desde cedo. 

Em 13/07/2018 at 19:27, Henrique M. disse:

SuperDraft

O SuperDraft é o primeiro draft do calendário, e ocorre no começo de Janeiro. Você não pode participar do SuperDraft de 2017, mas eles começam a ocorrer anualmente a partir de 2018. O SuperDraft é um evento de quatro rodadas, onde os times escolhem newgens na faixa dos 20 anos em turnos. Esses são jovens jogadores que atuam em universidades americanas e estão buscando passar do futebol amador para o futebol profissional. Eles participam de uma série de combinados nas semanas anteriores ao evento.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lowko é Powko

Acho que só conseguirei absorver decentemente jogando. Joguei uma save em 2005 e outro em, sei lá, 2014, mas foram curtos e confesso que não lembro de quase nada. Parecia mais simples.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Toda pessoa que joga FM sonha em descobrir uma pérola (o famoso "wonderkid" ou miúdo maravilho) de um país longínquo. Uma jovem promessa que seja capaz de elevar o patamar do time por anos a fio. Durante meus vários anos jogando FM, eu sempre apreciei a liga brasileira. Os truques que ensinarei para ajudar na busca por wonderkids são simples e não demandam muito trabalho. Entretanto, algumas pessoas podem acabar considerando que isso seria como roubar. A decisão é toda sua.
      Vá na Tela de Olheiros, selecione a opção Visão Geral, um menu irá abrir, daí é só escolher a opção Personalizado > Configurar Vista Actual..., ao fazer isso, um menu como o da imagem abaixo irá abrir: 

      A partir daí, é só selecionar na coluna do lado esquerdo a opção Descrição da Imprensa, clicar em Adicionar e OK. Isso irá adicionar uma coluna na sua vista atual que informará qual a descrição que a imprensa dá aos atletas. Wonderkid ou miúdo maravilha é uma delas, dependendo do idioma. Sendo assim, é só selecionar para filtrar a nova coluna por ordem alfabética e procurar os jogadores que são descritos dessa forma.
      Provavelmente, quando você começar seu save, você terá o conhecimento mínimo de jogadores no mundo, dessa forma, a sua listagem será impactada. Como seu olheiro não conhece bem os jogadores, ele não sabe como a imprensa trata o jogador. Logo, é preciso colocar seus olheiros para trabalhar. Quanto mais informações eles obterem, mais proveito você tirará desse truque para encontrar wonderkids no FM. Além disso, é normal que os jogadores venham com descrições de imprensa pré-definidas no editor e por isso, não apareçam para jogadores que vem com o jogo, entretanto, a medida que o jogo progride e os newgens surge, esse truque trará mais frutos.
      Por isso, gostaria de deixar claro, o truque só funciona se você observar jogadores. Logo, coloque seus olheiros para trabalhar. Se tem dificuldades para encontrar jogadores, talvez os guias "O mapa das promessas jovens no FM" e "Como encontrar as melhores promessas no FM" possam lhe fornecer ferramentas para tirar o máximo proveito para encontrar wonderkids no FM.
      A atual definição de Wonderkid no FM
      Nós tendemos a associar a expressão Wonderkid ou Miúdo Maravilha para qualquer jovem jogador que tenha uma boa capacidade atual e imenso potencial em idades muito baixas. Entretanto, nos FMs mais recentes, para tentar dificultar a vida dos jogadores na hora de buscar um atleta, eles mudaram o conceito de Wonderkid no FM.
      Antigamente, um jogador para ser considerado Wonderkid precisava ter mais de 130 de Capacidade Atual e mais de 170 de Capacidade Potencial. Portanto, não é surpreendente que o termo Wonderkid ou Miúdo Maravilha tenha ficado marcado da maneira descrita anteriormente no imaginário popular. Mas, para as versões mais recentes, a Sports Interactive realizou uma mudança no conceito. Atualmente, qualquer jogador que tenha Capacidade Atual superior a 125 e seja muito jovem, já pode ser descrito pela imprensa como um wonderkid no FM.
      Dessa forma, você eventualmente encontrará jovens jogadores com a descrição de imprensa de Wonderkid, mas que já está próximo da sua Capacidade Potencial e não virará o novo Messi. Mas isso não significa que esses jogadores não sejam úteis a curto e longo prazo. A maioria, mesmo se for um Wonderkid de CA e PA 125, poderá ser extremamente útil e rentável financeiramente nos times certos. Além disso, mesmo que ele tenha a descrição mas não tenha um PA de outro mundo, ele certamente poderá ser titular em grandes times. Dessa forma, não menospreze um Wonderkid no FM só porque ele tem sua Capacidade Atual próxima a Capacidade Potencial.
      Todos eles podem ser úteis de uma certa forma, já que para atingir uma CA tão elevada muito jovem, é necessário bons atributos psicológicos. E bons atributos psicológicos costumam gerar personalidades positivas. Ou seja, nem todo Miúdo Maravilha será o melhor jogador do universo, mas certamente o próximo Messi estará entre eles.
      Um filtro personalizado para download
      Para aqueles mais preguiçosos, ou que só procuravam um filtro de transferências, criei um filtro personalizado onde eu adicionei todas as informações a respeito de clausulas de rescisão que o jogo fornece, além do truque mencionado no guia. Ele é personalizável, e você pode fazer as alterações que quiser.
      Para instalar, basta extrair o arquivo e colocá-lo na pasta Meus Documentos/Sports Interactive/Football Manager 2020/views. Ir no jogo, escolher o mesmo caminho que escolheu para personalizar a vista, mas ao invés de clicar em Configurar Vista Actual..., é só escolher, Importar Vista... e escolher o filtro.
      Para fazer o download, é só clicar aqui.
      Aplicações em outros FMs
      O texto original é do FM 2018, portanto, funciona em todos os que vieram depois. E também funcionará em qualquer versão do jogo que lhe permita editar essas vistas da forma ensinada. Entretanto, o filtro só irá funcionar no FM 2020.
      Fonte: https://strikerless.com/2019/01/03/finding-wonderkids-the-easy-way/
      Texto traduzido e adaptado por Henrique M. para o FManager Brasil e Engenharia do Futebol
      Filtro criado por Henrique M. baseado no conteúdo original
      Banner: @_Matheus_
    • Lanko
      By Lanko
      Esse é um experimento pra uma ideia de estilo de save. Ele também tinha outro nome, "It's Coming Home" que meio que inspirei no slogan inglês, porque a proposta do save é a seguinte:
      Escolher (ou sortear) uma nacionalidade pro treinador. Começar então em um país de um continente diferente dessa nacionalidade (escolha livre ou aleatória). Trazer o treinador de volta pro seu país de origem. Você só pode se transferir para clubes de países que façam fronteira com o país onde você está treinando atualmente (sem poder retornar a um país onde já treinou). Parece simples, mas na verdade é preciso mais algumas considerações que talvez não dê pra pensar antes de iniciar, como por exemplo, alguns países não tem fronteiras terrestres com outros, e apenas marítimas, e obviamente, alguns não tem qualquer tipo de conexão com outro continente. A minha inspiração pra resolver isso veio dos antigos jogos de tabuleiro de War, onde você ia conquistando territórios, e alguns países específicos davam passagem pra outro continente, como Portugal para o Brasil, Austrália para o Chile (e vice-versa), e assim pro diante.
      Então usaremos em certa medida algo parecido, mas sem exatamente uma regra fixa. Mas há também um "mecanismo de prevenção" se necessário, pra evitar ficar "preso" também:
      Se o treinador ganhar títulos em 5 países diferentes do mesmo continente, ele pode ir diretamente para outro continente, até mesmo o continente do país alvo (contanto que não vá exatamente para o país final, no meu caso, irei sortear caso use esse mecanismo). Se o treinador treinar em 7-8 países diferentes do mesmo continente, mesmo que não ganhe títulos, ele também pode avançar um continente. Isso é pra prevenir casos que poderiam ser muito extremos e longos, por exemplo, o destino final ser a Rússia mas você começar na África do Sul. Esses números foram simplesmente inventados, não sei se é pouco ou muito. Como esse desafio acaba de ser inventado, então ninguém tem como saber 🤣 e poderia ser facilmente alterado de acordo com a vontade do jogador, se necessário.
      Também não é necessário "trazer o treinador pra casa", eu que coloquei esse desafio extra pra mim. Acredito que a proposta seja facilmente jogável num estilo "Journeyman", apenas limitando o treinador a clubes de países com fronteiras com o país onde ele está treinando, e ir jogando e ver no que dá sem nenhum tipo de tempo limite ou objetivo específico.
      Um adendo: estou usando o megapack de ligas do Claassen, que criou ligas de futebol pra quase todos países do mundo (221, acho). Como não é possível adicionar ligas extras depois que a base de dados é carregada, então é necessário ativar todas elas na base de dados antes de começar o jogo. Se não, por exemplo, caso você vá para a África, se não adicionou anteriormente ligas africanas, só poderia jogar na África do Sul. Mesmo na América do Sul não tem metade dos países na database original. Então adicionei todas as ligas extras na database antes de começar.
      Então começando: Usei um randomizador de países para escolher primeiro o país de origem do treinador e onde ele começará. Lembrando que tem que ser continentes diferentes. E também tem vários países super minúsculos que não tem ligas criadas, então esses devem ser desconsiderados também. Você pode escolher livremente ou sortear até achar algo interessante.
      Eu peguei os dois primeiros ontem e acho que dei sorte, e as escolhas também são interessantes e na teoria simples pra um save de teste da proposta:
      O país de origem do treinador será a França, e o Uruguai é onde ele começará a carreira de treinador. Do Uruguai, então, teremos que chegar até a França para termos sucesso com o objetivo principal.
           
      Os países que o Uruguai faz fronteira são apenas o Brasil e a Argentina, mas como disse anteriormente, darei uma opção para seguir para outro continente também. Então nesse caso, poderemos ir também para a África do Sul e nos aventurar pelo continente africano.
      Eu deixarei carregado até as últimas divisões disponíveis dessas 3 ligas então (se alguém quiser dar mais sugestões, fiquem à vontade) pra elas se desenvolverem razoavelmente antes de eu ter que escolher o novo destino (irei deixar a escolha nas mãos de vocês, leitores!). Depois que me mudar apenas carregarei as ligas de países que fazem fronteira com o novo país, e assim por diante.
      Além disso, tem outra coisa que é preciso esclarecer: quando decidir que poderemos avançar de país? A resposta mais simples é ganhar a liga nacional, mas não parece tão simples. Se começarmos na 4ª divisão espanhola por exemplo, poderia virar quase um save de clube até ganhar a La Liga, por exemplo. Pra isso temos a regra de que se 5 anos passarem pode-se mudar de país se desejar. Mas eu queria colocar um sistema de penalização (apenas para eu mesmo) e isso meio que entrou em conflito. Discuti um pouco no Boteco sobre isso, e pra esse teste, decidi o seguinte:
      Qualquer troféu conquistado, exceto torneios estilo Supertaça, contará para o treinador poder seguir adiante. O que importa é ter um "souvenir" dos lugares por onde passou. Mas apenas até as credenciais do treinador melhorarem. Depois de conquistar digamos, a Licença Continental, só o nível máximo contará. Haverá então um prazo de 3 anos pra subir de divisões, caso comece de baixo, que resetará com promoções até o nível máximo, onde os 5 anos começam a contar. Se isso ficar muito fácil ou difícil, poderei fazer alterações durante o jogo. O importante primeiramente é testar a proposta. Títulos continentais permitem pular de continente, do contrário, pelo menos um título de 5 países diferentes do mesmo continente, ou pelo menos passar por uns 8 países diferentes. Copas nacionais contam. Adicionarei uma possibilidade de "Game Over" criando um sistema de "pontos de vida" para o treinador. Onde ele poderá avançar de país após 5 anos, mas se o prazo passar sem ganhar títulos, perderá 1 ponto de vida. Ele terá 3 pontos, e se isso acontecer 3x, será portanto, Game Over e fim de save. Apenas pra dar uma certa tensão.
      O estilo do save será JET, já que primeiramente o foco é compartilhar o experimento e ver se é possível finalizá-lo, se divertir e refinar regras/objetivos/etc. Então as atualizações serão bem simples e mais diretas, cobrindo uma temporada inteira, bem diferente do que faço no meu outro save. Isso também ajudará a manter dois saves ativos, acredito. 
      Não colocarei nesse primeiro momento obstáculos extras como "Deixar contratações pra o diretor", "Expectativas sempre no máximo", "Sem filosofias", "Atributos 100% ocultos" e etc.
      Embora pretenda ter um save no futuro com tudo isso e mais algumas limitações extras ativas ao mesmo tempo, por enquanto acredito que é melhor focar pra ver como a proposta se sai, e também, como tenho mais de 200 ligas alternativas (fora suas divisões extras) carregadas na database, evitar ter que penar com tantas limitações apenas pro jogo em algum ponto resolver dar pau. Acredito que o mecanismo de "pontos de vida" e possibilidade de um Game Over possam cobrir isso no momento.
      Dúvidas e sugestões são muito bem vindas.
    • Ari Cesar
      By Ari Cesar
      Olá a todos.
      Comprei o FM 18 e resolvi iniciar um save no Brasil de formação e base. Já estava realizando em off no FM 17 com o Milan RS e ai com a nova versão resolvi jogar da mesma forma e compartilhar. A ideia é bem similar aos demais saves de base: levar o clube a glória usando apenas a base.
      Escolha do clube
      Para escolher o clube resolvi pesquisar na base do brasil up qual seria o clube profissional com menor estádio no Brasil. Inicialmente havia encontrado um clube do RS com um estádio de 200 lugares, mas procurando um pouco mais encontrei o SC Jaraguá que possui um estádio com apenas 100 lugares. Após isso resolvi pesquisar um pouco da história e descobri que SC Jaraguá foi criado graças ao desenvolvimento da base. Dessa forma resolvi escolher o Leão do Vale para iniciar minha empreitada.
      Objetivos do save
      Resolvi colocar algumas metas que em sua maioria serão atingidos a longo prazo. Coloquei asterisco naqueles que acho ser quase impossíveis mas que gosta de ver como o FM se comporta.
      Equipe
      Utilizar a base Aplicar o modelo de jogo ofensivo visando a posse de bola e passes rápidos.  Reter o máximo de jogadores na equipe impedindo que saiam para a Europa. * Ter eleito o melhor jogador jovem do mundo. * Ter eleito o melhor jogador do mundo. *  
      Clube
      Possuir a melhor estrutura de Santa Catarina Possuir a melhor estrutura do Brasil Possuir a melhor estrutura de clube Sul Americano Se tornar o principal clube formador de Santa Catarina Se tornar o principal clube formador do Brasileiros Se tornar o principal clube formador Sul Americano Se tornar o principal clube Catarinense Se tornar o principal clube Brasileiro Se tornar o principal clube da América do Sul Ficar entre os 5 melhores clubes do mundo * Seleção
      Treinar a seleção Brasileira e conquistas todos os títulos possíveis. (adicionado 3/12/2019) Treinar alguma seleção européia e conquistar todos os títulos possíveis (adicionado 3/12/2019) Títulos
      Ganhar a campeonato catarinense [ 2040, 2041] Ganhar o Brasileiro série A Ganhar a copa do Brasil Ganhar a Sul Americana [2041] Ganhar a libertadores Ganhar o mundial de clubes Técnico
      Me tornar o melhor técnico brasileiro de todos os tempos História do clube
      O Sport Club Jaraguá nasceu inicialmente com o nome de: Associação Catarinense de Futebol Arte, quando foi fundado em 15 de abril de 2008, e no dia 25 de março de 2011, passou a ser chamado pelo nome atual. O clube iniciou suas atividades com o intuito de trabalhar com atletas da região, com idade de categorias de base. Com o passar do tempo a base foi se estruturando, parcerias foram sendo firmadas com outros clubes e empresários e, no ano de 2011, um novo clube de futebol profissional foi lançado no futebol catarinense.
      O Sport Club Jaraguá possui as cores preto, vermelho e amarelo, devido a forte imigração alemã da região.Sua estreia em competições oficiais, ocorreu na disputa da Divisão de acesso do Campeonato Catarinense de 2011 quando terminou a competição como vice-campeão.
       
      Historia do manager
      Lucas Castro é morador de Jaraguá e em sua infância/adolescência atuou na Associação Catarinense de Futebol Arte. No período de transição dos nomes Lucas abandonou a equipe por perceber que não possuía qualidade suficiente para atuar como jogador. Apesar de sua paixão pelo clube e pelo futebol Lucas decidiu cursar Educação física para no futuro ajudar a equipe fora das 4 linhas. Agora chegou esse dia e Lucas foi escolhido como técnico do Sport Clube Jaraguá. Ele não possui licença e seu passado esta como futebol amador.
       
      Em breve coloco informações sobre a equipe, formação, competições e início da aplicação da filosofia na equipe.
       
    • thyagocda
      By thyagocda
      SUMÁRIO

      Apresentação
      Sou mais um daqueles apaixonados por FM, mas por conta dos compromissos pessoais, o tempo gasto com o jogo deve ser bem equilibrado. Ano passado criei uma história aqui na PM com o Porto mas acabei interrompendo depois que descobri que eu seria pai, a gravidez passou, meu filho (Thayler) já nasceu com saúde graças a Deus. E agora que as coisas acalmaram vinha planejando o retorno a área.
       
      Estilo de Postagem
      Tentarei seguir um padrão de postagens bimestrais sobre os acontecimentos no jogo. Mas pretendo utilizar as probabilidades de apostas do jogo para gerar interatividade com os leitores entre as postagens. Pelo menos a introdução do save contará com uma "pequena ficção" e ao longo do save tentarei dar prosseguimento.
       
       

      O Desafio Real #1 | A Dany - MAI/17
      Valência - ESP

      Clique aqui para a próxima postagem
×
×
  • Create New...