Jump to content

Reina no Bayern pode definir próximo "camisa 1" do Brasil


Leho.

Recommended Posts

  • Diretor Geral

Publicado em 06/08/2014, 13:16 / Atualizado em 06/08/2014, 13:19

Reina no Bayern pode definir próximo camisa 1 do Brasil

ESPN.com.br

GETTY

622_66a519df-db8b-308f-925c-4133c82a7888

Goleiro Pepe Reina trocou o Napoli pelo Bayern de Munique, para ser reserva de Neuer

Um espanhol, que fez carreira na Inglaterra, e agora vai para a Alemanha pode ser decisivo para a escolha do próximo camisa 1 da seleção brasileira. A história pode parecer complicada, mas fica mais simples de ser compreendida diante das palavras do preparador de goleiros escolhido por Dunga.

Em entrevista ao portal ‘UOL', Taffarel, que integrará a comissão técnica do novo comandante verde-amarelo, não quis falar sobre convocação, mas deu uma dica sobre seu goleiro brasileiro favorito: o jovem Rafael Cabral, ex-Santos, quem, segundo ele, "é jogador de seleção brasileira".

Apesar dos elogios, o jogador de 23 anos vinha sofrendo com a concorrência para se firmar como titular no Napoli, clube que o contratou junto ao Santos, em 2013. Nesta temporada, porém, ao menos em tese, os problemas acabaram, com a ida de Pepe Reina, ex-Liverpool, para o Bayern de Munique.

O espanhol, contratado juntamente com Rafael pelo Napoli, era o titular de Rafa Benitez no gol italiano, ainda que Rafael tenha tido suas chances. Quando começava a se firmar, contudo, o brasileiro acabou se lesionando gravemente e perdeu todo o fim de temporada, voltando em amistoso na última semana.

AS PALAVRAS DE TAFFAREL

“No ano passado, fizemos um amistoso contra o Napoli e eu conversei com ele depois. Eu disse: 'Cara, aproveita essa oportunidade porque a Itália tem um futebol sério, disciplinado, exigente. Aproveita porque você tem muito a aprender, porque você é goleiro de seleção'; Foi o que eu falei para ele. É uma pena que ele teve uma lesão, ficou afastado muito tempo. Mas agora é um goleiro que eu estou acompanhando bastante e vou acompanhar até para dar uma sugestão para o Dunga.”

Até se lesionar, Rafael acumulava dez jogos como titular, incluindo o último jogo da fase de grupos da Uefa Champions League, com o Napoli praticamente eliminado, e uma da Copa da Itália, em um time que não iniciou com força máxima. Fora isso, o brasileiro também se aproveitou de uma lesão de Reina.

Como a contusão que teve foi menos grave que a que Rafael sofreu no joelho posteriormente, Reina retomou a titularidade um mês depois, ainda que tenha ficado no banco mais algumas vezes. No total, ao fim da temporada 2013/14, o espanhol iniciou exatas 42 partidas como titular.

Agora, Reina seguirá para o Bayern, para ser o reserva de Manuel Neuer, deixando a meta do Napoli livre para Rafael. O brasileiro já foi titular no primeiro amistoso da equipe, contra o PAOK, da Grécia, sem ser vazado, e deve iniciar novamente a partida desta quarta-feira, contra o Barcelona.

Discordo do Taffarel. Se é pra apostar em um jovem goleiro brasileiro disputando atualmente o Calcio, esse cara é o Neto da Fiorentina. Pra mim tem mt mais potencial que o Rafael pra se tornar um goleiro de nível mundial, apto a nos representar na Seleção.

O Rafael não é mal goleiro não, mas pra mim não vai evoluir mt mais do que já mostrou no Santos e lá no Napoli por exemplo.

Mesmo assim, meu goleiro pra essa "renovação" de grupo seria ainda o Diego Alves, ou até o Jefferson.

Link to comment
Share on other sites

Cássio, Neto, depois Rafael...

Mas o técnico é o Dunga... qualquer bosta pode aparecer do nada...

Link to comment
Share on other sites

Na boa, eu acho o Rafael um bom goleiro. mas pra ser titular da seleção... não dá

Link to comment
Share on other sites

Cassio?? UAHhaUAHuAHuauA

To loco...

Daqui a 4 anos não vai ser titular, mas vai estar muito bem é o Matheus, goleiro que foi vendido pro Braga(POR) nessa janela...era do América-MG

Link to comment
Share on other sites

Neto pra mim é o goleiro titular da seleção pros próximos anos.

Rafael seria boa opção, mas titular não.

Link to comment
Share on other sites

  • Vice-Presidente

O Neto merece a chance. Tá pegando muito.

E sério, Rafael é mó mão de alface, não fosse a Libertadores que todo mundo chutava a bola em cima dele, nem estaria no Napoli. Querer ele na seleção é tipo cruzeirense querendo o Fábio na seleção, ridículo.

Link to comment
Share on other sites

Pra mim a ordem é Vitor, Jefferson, Diego Alves e Neto.

Goleiro sente menos a idade, dá pra ir renovando com calma. Como temos eliminatórias, jogo não vai faltar.

Link to comment
Share on other sites

Goleiro titular tem que ser alguém experiente, os reservas que por mim podem ser mais novos, principalmente o 3º

Link to comment
Share on other sites

pelo que eu li o rafael catou pra caramba contra o barça, procede?

Link to comment
Share on other sites

Grohe, e não é clubismo não. Tem que corrigir algumas coisas mas tem qualidade.

Link to comment
Share on other sites

Taffarel ainda agencia jogadores? Pelo jeito Rafael é cliente dele.

Pelo cenário atual os três goleiros do Brasil para mim seriam Diego Alves, Marcelo Grohe e Neto. Rafael não seria nem a 4ª ou 5ª opção. Mas muita coisa pode mudar em 4 anos.

Vitor e Jefferson não são goleiros espetaculares para justificar uma continuidade com 30 e tantos anos.

Link to comment
Share on other sites

pelo que eu li o rafael catou pra caramba contra o barça, procede?

Procede

Link to comment
Share on other sites

Marcelo Grohe, goleiro cagão que não ganha nada e nunca e defendeu um penalti na carreira?? Tem que melhorar 460 coisas...

Link to comment
Share on other sites

Cassio, Grohe, vão se ferrar né caras, da pra ser menos clubista não?

Se for o Jefferson, Diego Alves ou Victor a camisa 1 vai ter um bom dono, não vejo muita diferença entre eles (talvez a diferença seja porque o Diego Alves tem 2 anos a menos). Ele voltou a ser titular absoluto do Valência, antes revezava com outro goleiro e tal.

Pra mim o 3 goleiro sempre tem que ser um cara jovem, como não sei como andam Neto e o Rafael não falo nada.

Link to comment
Share on other sites

Marcelo Grohe, goleiro cagão que não ganha nada e nunca e defendeu um penalti na carreira?? Tem que melhorar 460 coisas...

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAAHHA

Peraí, deixa eu pegar um ar...

hehe

Link to comment
Share on other sites

Cássio realmente é sacanagem os caras pedirem na seleção... Como já falaram o processo de renovação dos goleiros é diferentes das demais posições, dá pra ir com um cara mais "velho" por um bom tempo e pra ir passando experiência pros demais. Pra mim, os goleiros da seleção seriam Diego Alves o primeiro, Victor ou Jefferson e aí sim um mais novo, tipo o Neto, pra terceiro goleiro e ir pegando experiência e etc.

Link to comment
Share on other sites

Victor, Jefferson, Diego Alves, Grohe e Cássio não são grandes goleiro. O melhor é Diego Alves, convocaria ele. A reserva ficaria com Neto e a 3ªvaga ficaria entre Rafael e Gabriel.

Link to comment
Share on other sites

Diego Alves melhor que Victor? Piadista. Isso pra não falar do Jefferson...

Link to comment
Share on other sites

Diego Alves melhor que Victor? Piadista. Isso pra não falar do Jefferson...

Ambos tem mesmo nível e tenho leve preferência pelo Diego Alves, além de ele ser 2 anos mais novo

Link to comment
Share on other sites

Marcelo Grohe é bom pra caramba mesmo, a nível futebol brasileiro está entre os 3 melhores, junto com Victor e Jefferson. Mas tá longe de ser o fora de série que a seleção precisa.

Nossa esperança é que o Neto concretize as expectativas, se não teremos goleiros normais. Nota 8 no máximo.

Link to comment
Share on other sites

Não vejo nada absurdo em falaram no Grohe, se vivem colocando o Victor como um candidato a vaga. Pra mim o Grohe sempre passou muito mais confiança do que o Victor no gol do Grêmio.

Link to comment
Share on other sites

  • Vice-Presidente

A verdade é que não tem um goleiro incontestável para o Gol do Brasil.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...