Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Entre para seguir isso  
guigasparotto

El Gaucho del Pantanoso

Recommended Posts

guigasparotto
progreso.png
 
Montevideo, Uruguay - Sábado, 20 de Julho de 2013
 
La vuelta del Gaucho del Pantanoso
 
O fim da década de 80 e início dos anos 90 foram marcantes para os torcedores do Club Atlético Progreso e para um jovem atacante louro que gostava de aprontar para cima dos dois maiores clubes do Uruguai. O Progreso, hoje quase centenário, já estava firmado como um clube de primeira divisão e revelava uma promessa do futebol local, o jovem Johnny Miqueiro. Vindo do Sud América com 22 anos em 1986, Johnny foi um dos principais responsáveis pela histórica campanha dos Gauchos del Pantanoso em 1989, que terminou com um inédito título do Campeonato Uruguaio e a artilharia do torneio em seus pés.
 
O destino do clube e do jogador foram semelhantes. Os gols quase levaram Miqueiro para um gigante do futebol uruguaio. As vítimas Peñarol e Nacional - esse tendo sofrido dois hat-trick de Johnny - sempre tentaram sua contratação, mas Miqueiro preferiu o futebol japonês. Um ano depois, em 1995, retornou ao Uruguai, mas não para onde se esperava. A escolha foi pelo Club Atlético Basañez, onde teve outra curta passagem. O ponto final da carreira da promessa que não vingou fora do país foi no Equador, defendendo as cores do Emelec.
 
3.png
 
O Club Atlético Progreso também não ficou no topo e logo começou a disputar posições intermediárias na tabela, até ser rebaixado em 1995, o mesmo ano em que Johnny retorna ao Uruguai após o insucesso no futebol japonês. Desde então muitos rebaixamentos e voltas à elite do futebol uruguaio. Na temporada 2010/11 disputaria mais uma vez a segunda divisão, mas uma série de dívidas levou o clube ao licenciamento. Retornou no ano seguinte, com um time formado por jovens do bairro e das divisões de base do clube, comandados pelo técnico da equipe sub 16. No segundo semestre contou com o retorno de Fábian Canobbio, uma das maiores revelações do clube e com passagens pelo futebol grego e espanhol. Canobbio comandou a equipe numa surpreendente volta à primeira divisão.
 
Hoje, clube e jogador voltam a se encontrar. Atualmente na segunda divisão, o Club Atlético Progreso foi até a Guatemala para recuperar o antigo ídolo e contratar um novo treinador. Miqueiro estava desde o fim de sua carreira como jogador no país da América Central, onde treinava um clube da segunda divisão nacional e dava aulas de educação física em colégios. Com o retorno a sua terra natal, Johnny tem a oportunidade de reescrever o final de sua carreira no país onde encontrou as portas fechadas após a apagada passagem pelo Emelec. Aos 49 anos, o antigo goleador tem a missão de reerguer o Progreso as vésperas do centenário do clube.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
CaioRaposo

Boa sorte, espero boas histórias

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Pensei que não voltaria mais para cá.

Gostei da escolha do clube e da história contada.

Pretende apenas "conquistar" os títulos ou investirá também nas categorias de base?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Stay Heavy

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Bielgb

boa sorte

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Luchín

Boa sorte, Gasparotto.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
LuizH

Gostei da escolha. Afinal, se for pelo retrospecto de suas histórias com clubes uruguaios, há grandes chances de termos uma grande história a ser contada. - acompanhei um tanto daquela sua história com o Cerro Largo, nos remotos tempo de orkut - Boa sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Maiiron

Lá vem história boa. Eu lembro de tuas histórias no Orkut, tanto que eu sou colorado e lia as do Grêmio. Aguante.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
guigasparotto

Boa sorte, espero boas histórias

Valeu, espero contar boas histórias.

Pensei que não voltaria mais para cá.

Gostei da escolha do clube e da história contada.

Pretende apenas "conquistar" os títulos ou investirá também nas categorias de base?

Por que pensou isso? hahaha. Acredito que tenho uma "dívida" com essa área, pois apesar dos fracassos sempre fui muito bem recebido por vocês.

Penso que as conquistas passam pelo bom aproveitamento dos jovens do clube. Isso vai ficar mais claro na próxima atualização.

Boa sorte.

Valeu!

boa sorte

Valeu!

Boa sorte, Gasparotto.

Valeu!

Gostei da escolha. Afinal, se for pelo retrospecto de suas histórias com clubes uruguaios, há grandes chances de termos uma grande história a ser contada. - acompanhei um tanto daquela sua história com o Cerro Largo, nos remotos tempo de orkut - Boa sorte!

Caramba! Como era teu nome lá no orkut?

O save com o Cerro Largo foi um dos melhores que eu tive, talvez o que eu mais me diverti jogando.

Lá vem história boa. Eu lembro de tuas histórias no Orkut, tanto que eu sou colorado e lia as do Grêmio. Aguante.

De ti eu lembro, Maiiron hahaha. Espero que goste da história assim como gostou das outras.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Por que pensou isso? hahaha. Acredito que tenho uma "dívida" com essa área, pois apesar dos fracassos sempre fui muito bem recebido por vocês.

Pensei por conta do último save que você não postou aqui, mas apenas lá.

Na verdade, mesmo com os fracassos, como você disse, penso que você faça parte da área não como um visitante, mas como um integrante dela.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
guigasparotto

Pensei por conta do último save que você não postou aqui, mas apenas lá.

Na verdade, mesmo com os fracassos, como você disse, penso que você faça parte da área não como um visitante, mas como um integrante dela.

Pretendo aproveitar o que os dois fóruns podem me oferecer de positivo. Nesse momento optei por contar aqui, mas continuarei frequentando e participando dos dois.

Valeu pela força!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Pretendo aproveitar o que os dois fóruns podem me oferecer de positivo. Nesse momento optei por contar aqui, mas continuarei frequentando e participando dos dois.

Valeu pela força!

Claro que sim. Não vejo motivos para optar por um ou por outro.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
guigasparotto

progreso.png

Montevideo, Uruguay - Sábado, 07 de Setembro de 2013

Olhando o futuro com os olhos do passado

Johnny viveu na Guatemala nos últimos quase vinte anos. Adotou o país e foi adotado por ele. Lecionou em colégios do país e treinou clubes de divisões inferiores. Lá, conheceu histórias parecidas com a sua e outras nem tanto. No meio da década passada viu um compatriota chegar ao país como um dos maiores ícones futebolísticos que já trabalhou na América Central. Luís Cubilla chegou consagrado como jogador e técnico. Vestiu as camisas de Peñarol, Nacional, River Plate e Barcelona. Foi tricampeão da Copa Libertadores como jogador. Mas chegava ao país como treinador, função com a qual já havia vencido mais duas Libertadores. Aos 65 anos, era o maior astro a pisar por aquelas terras. Johnny acompanhou de perto a carreira que poderia ter tido. Alguns anos depois, Luís já estava longe, mas outro Cubilla desembarcou na Guatemala. Promessa do futebol uruguaio, autor de inúmeros gols nas bases do Peñarol, Rodrigo chegou ao país provavelmente a contragosto. Após tentativas fracassadas de reerguer sua carreira como jogador, reencontrou na Guatemala os gols que antes encantavam o pequeno país da América do Sul. Desde 2009, rodou por quatro clubes guatemaltecos. Johnny via outra promessa tendo suas portas cada vez mais fechadas no Uruguai. Rodrigo, sem o prestígio de seu avô, estava sendo esquecido pelo futebol e assim como o artilheiro de 1989, encontrava na Guatemala um refúgio. Johnny não hesitou, entrou em contato com Rodrigo e fechou a sua primeira contratação como técnico de um clube uruguaio. As portas que se abriram para Miqueiro, agora se abrem para Rodrigo Cubilla.

Mas toda ação tem uma reação e para Johnny a reação foi dura. O tempo perdido na Guatemala custou caro para o Club Atlético Progreso. Enquanto concretizava sua primeira contratação, ainda fora do continente, Johnny recebeu a notícia que seus três principais defensores estavam sendo fortemente sondados por clubes maiores. Para piorar, dois deles estavam sem contrato. O técnico voltou às pressas para sua terra natal, mas não a tempo de evitar as saídas de Walter Fernández e Rafael Tabárez. Um foi para o futebol argentino defender o tradicional Independiente, enquanto o outro preferiu a primeira divisão uruguaia, assinando com o Defensor Sporting. Perder dois jogadores a custo zero foi um forte golpe sofrido por Miqueiro. Para piorar, a maior promessa do clube, o lateral Alex Silva, estava sendo fortemente sondado pelo futebol estrangeiro. Propostas vindo da Europa chegavam a todo momento, mas as recusas eram constantes. Johnny foi valente, mas chegou o ponto em que o dinheiro falou mais alto e os R$ 750 mil reais oferecidos pelos mexicanos do Vera Cruz se tornaram em algo irrecusável.
Abalado com a perda de dois jogadores experientes e de uma grande promessa, Johnny imediatamente assinou contrato com quem estava sem e renovou por duas temporadas com boa parte do elenco. Alguns jogadores deixaram o clube, mas agora com consentimento do treinador. Muitos jovens ganharam espaço e foram promovidos. Alguns se tornaram fortes candidatos ao time titular. Criado no Sud América, Johnny bem sabe que nunca é tarde para formar um jogador. Não se limitou aos jovens das divisões de base e buscou promessas fora do clube. Encontrou o zagueiro Morello livre. Para um setor defensivo jovem, trouxe Júnior Giordano por empréstimo, buscando mais experiencia.
Certamente o que mais causou dor de cabeço para o treinador foi o setor ofensivo. Tudo bem, o ataque estava bem servido com a chegada de Cubilla, mas o meio de campo não existia. Dizer isso pode parecer exagero, mas o que pensar quando o setor conta apenas com um jogador de 20 anos? Das bases do clube foram promovidos outros dois jovens meias, um de 17 anos. Faltavam os titulares e o primeiro foi contratado por intermédio do Diretor de Futebol, após negociações fracassadas de Johnny com o empresário de Gonzalo Curbelo. Mauricio Díaz foi contratado por R$ 135 mil. Ainda com poucas opções no setor, Sebastián Sánchez foi contratado por empréstimo.
Com apenas sete jogadores acima dos 24 anos no elenco, Johnny repete a aposta feita no fim da década de 80. Junto à direção, fixou como objetivo praticar um futebol de solidez defensiva e dar oportunidade aos jovens jogadores do clube. A baixa idade média da equipe, de incríveis 22 anos, é um retrato da segunda divisão uruguaia, onde clubes trabalham com pouco dinheiro e precisam apostar em jogadores criados no clube e em outros que não conseguiram atingir o sucesso esperado. A carreira de Johnny Miqueiro é apenas mais uma que não terminou como se imaginava, num futebol dominado por dois clubes e muito atingido por investidas de empresários com dinheiro. Resta a Miqueiro, que optou pelo dinheiro asiático em 1994, mudar de alguma forma o destino de mais uma safra de jovens jogadores de um pequeno clube da América do Sul.

Transferências
Foram feitas mais contratações do que eu imaginava, devido a perda de alguns jogadores:
7.png
Alguns saíram contra a minha vontade e outros dispensei/vendi para aliviar a folha salarial:
8.png
Outros jogadores
Nicolás Gentillo, goleiro rodado na primeira divisão uruguaia. Um dos pontos fortes da equipe.
19.png
Diego Valerio, jovem promessa. Vai lutar por titularidade.
20.png
Alex Djellatián, outra promessa do setor defensivo. Também busca a titularidade.
21.png
Alejandro Suárez, a aposta para a lateral esquerda. Foi muito sondado por clubes maiores, mas ficou no time.
22.png
Gastón Añón, outro jovem de potencial. Titular.
23.png
Ricardo Queiro é um dos jogadores mais experientes e vai ser fundamental no meio de campo.
24.png
Javier Martínez é atualmente a maior promessa do clube. Aos 18 anos, começa na reserva.
25.png
Marcelo Tapia, outro jovem de potencial e muito sondado na janela de transferências.
26.png
Gabriel Echenique, de apenas 17 anos, é o mais jovem do elenco.
31.png
Germán Bombaci, atacante promissor.
27.png
Gastón Nicoletti, outro jovem para fazer sombra à Cubilla.
28.png

Editado por guigasparotto

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Kaique Lopes

Boa Sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
João.Vitor

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
LuizH

Cara, meu nome era Luiz mesmo, mas não era um membro muito participativo na época do orkut. Acompanhava mais de fora.

Bom ver que sua "idolatria" ao mito Rodrigo Cubilla permanece haha

Aparentemente tens um bom time nas mãos, e creio ser possível acreditar no acesso já neste ano. Além disso, achei interessante a sua aposta em um elenco jovem. Boa sorte novamente!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.

Boa sorte, é um desafio interessante.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
WleoW

boa sorte, boa escolha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias

Imaginei ver jogadores de pior qualidade, parece ter um time bem competitivo e bem jovem.

Sorte no save e sucesso no comando do clube!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Gourcuff

Pelo os jogadores que você mostrou, entre os que já estavam no elenco e os contratados, parece ter uma equipe de um bom nível para a segunda divisão do Uruguai. As outras equipes também tem nível semelhante?

BS!

Cubilla eterno. :fovhappy:

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
xokomaster

Que bacana, sempre gosto de acompanhar essas histórias, parece que me animo ainda mais para jogar, infelizmente nunca contei as minhas acho que não ficariam boas hehehe.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
guigasparotto

Boa Sorte!

Valeu!

Boa sorte.

Valeu!

Cara, meu nome era Luiz mesmo, mas não era um membro muito participativo na época do orkut. Acompanhava mais de fora.

Bom ver que sua "idolatria" ao mito Rodrigo Cubilla permanece haha

Aparentemente tens um bom time nas mãos, e creio ser possível acreditar no acesso já neste ano. Além disso, achei interessante a sua aposta em um elenco jovem. Boa sorte novamente!

Jogar no Uruguai e não trazer o Cubilla seria quase uma traição da minha parte hahaha. Desde 2008 levando ele para tudo que é lado.

O objetivo é subir já nessa temporada e penso que o time tem um bom nível para isso acontecer, apesar do equilíbrio que a segunda divisão uruguaia tem.

Boa sorte, é um desafio interessante.

Valeu!

boa sorte, boa escolha

Valeu!

Imaginei ver jogadores de pior qualidade, parece ter um time bem competitivo e bem jovem.

Sorte no save e sucesso no comando do clube!

Os jogadores uruguaios costumam ter atributos bem razoáveis, independente do nível deles. Mas sem dúvidas, com as contratações ficamos entre os favoritos à promoção. Valeu!

Pelo os jogadores que você mostrou, entre os que já estavam no elenco e os contratados, parece ter uma equipe de um bom nível para a segunda divisão do Uruguai. As outras equipes também tem nível semelhante?

BS!

Cubilla eterno. :fovhappy:

Como eu respondi para o Jirimias, os jogadores uruguaios sempre possuem bons atributos, independente de serem bons ou não. Os outros times também possuem bons jogadores. Talvez o meu esteja entre os que possuem mais jogadores bons, mas também temos outras boas equipes. Na próxima atualização vou tentar mostrar algumas equipes e jogadores adversários.

Cubilla sempre! hahaha

Que bacana, sempre gosto de acompanhar essas histórias, parece que me animo ainda mais para jogar, infelizmente nunca contei as minhas acho que não ficariam boas hehehe.

Só tentando contar para a gente saber hahaha. Tenta aí, cara! Se lendo tu fica animado, contando tu vai ficar mais ainda.

Valeu pelos elogios.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Inner Logic

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Luchín

Gasparotto e seu relacionamento com o Cubilla, a cada FM que passa você consegue fazer dele seu matador sem a menor dificuldade. :lol:

As perdas que teve são complicadas para qualquer treinador, porém, baseando-me por atributos, você contratou bem, mas por outro lado, você mesmo disse que este é o nível médio nos jogadores uruguaios, então não será nada fácil.

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Maiiron

Com o time montado tem tudo pra subir de primeira. Bombaci e Tapia são bons jogadores e vão render frutos no futuro. Agora tô na espera do início da Liga.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
Entre para seguir isso  

  • Conteúdo Similar

    • Thiago Anjo
      Por Thiago Anjo
      No FM 14 enquanto eu tentava mudar a câmera do 3d para o 2d, aconteceu esse bug quando eu via replay de outros gols, a câmera ficou sensacional, tentei rodar a web tentando uma forma, mesmo que fosse um tipo de hackeamento, mas não achei nada que indicasse ser possível fazer no FM 2018, alguém tem alguma ideia? Foi a câmera mais legal que já vi, ela deixa o 3D porém tira os movimentos de pernas e corpo, que muitas vezes fica bem tosco e nos dá um pouco pra imaginar como seria  jogada na vida real:

      https://youtu.be/bwCuIcVCwX4

      https://www.youtube.com/watch?v=fypVi0Y8Urs
       
    • Orange 2
      Por Orange 2
      Quando vou colocar o código do produto desse jogo na minha segunda conta da Steam aparece essa mensagem de erro:

       
      A antiga conta da Steam que eu tinha e que eu não lembro mais foi cadastrada com um email IG, que de uns tempos pra cá passou a ser paga e não tenho como ter acesso a ele, só pagando pra mim recuperar a antiga conta.
       
      Alguém tem outra solução?
    • Toggy81
      Por Toggy81
      A seguir vou disponibilizar a tradução de um belíssimo material do FMSite que serviu para que eu revesse minha relação com o Football Manager no último mês.
      Este guia procura explicar o que realmente são os atributos, como funciona o motor do jogo em relação a eles e como você pode utilizar essas informações para preparar sua equipe para um jogo na prática.
      É um material extremamente extenso, por volta de 70 páginas que irei atualizando conforme for terminando as traduções dos capítulos.
      Será um trabalho demorado devido à quantidade de informações a serem traduzidas e à minha falta de tempo, mas acredito que será muito útil para quem quiser realmente entender o jogo.
      Se você está com a sensação de que a cada versão que é lançada entende cada vez menos o jogo, este material pode ajudá-lo assim como me ajudou muito.
      Mudou o meu jeito de ver o jogo e consequentemente minha satisfação ao jogá-lo.
      Download: Guia Teórico e Prático sobre o Football Manager (pdf)
      PRÓLOGO - FUNDAMENTOS DO GUIA
      CAPÍTULO 1 – CONHECENDO OS JOGADORES
      1.1. Classificação dos Atributos.
      1.2. Explicação Definitiva dos Atributos.
      1.2.1. Atributos Técnicos.
      1.2.2. Atributos Físicos.
      1.2.3. Atributos Mentais.
      1.2.4. Atributos de Goleiro.
      1.2.5 Atributos de Personalidade.
      1.3. Movimentos Preferidos do Jogador
      1.3.1. MPs Defensivos.
       
      1.3.2. MPs de Movimento.
      1.3.3. MPs de Disciplina.
      1.3.4. MPs de Passe.
       
      1.3.5. MPs de Finalização.
       
      1.3.6. MPs de Técnica.
       
      1.4. Uma Observação Cautelosa.
       
       
       
    • alexcarvalho
      Por alexcarvalho
      Boa noite Galera! jogo fm 14 e gostaria de saber se tem como eu ainda baixar o pacth para ativar a serie d no meu jogo, pois ta muito chato jogar só com a series A,B E C.
      se puderem me ajudar fico grato!!
       
      Alexandre
    • Stay Heavy
      Por Stay Heavy
      Fala galera! A nossa equipe traz para vocês, mais um guia traduzido. Dessa vez, o guia é o How to Play FM14: A Twelve Step Guide, do famoso user, wwfan.
      Um Guia em 12 passos
      1- Entenda com profundidade os conceitos estratégicos:
      Filosofia/Liberdade: A filosofia/liberdade é a estrutura de mentalidade e liberdade criativa. Elas vão desde um jogo muito estruturado com baixa liberdade criativa, até pouco estruturados com alta liberdade criativa. Segue uma descrição prática:
      Muito Estruturado: Cada jogador recebe uma responsabilidade/função específica e se espera que obedeça a ela (geralmente um time possui 5 ou mais funções diferentes); Estruturado: A cada jogador é designado uma função que contribui de uma forma específica ao jogo (defesa, defesa e transição, transição e ataque e ataque); Flexível: Os jogadores focarão sua função específica (defesa, suporte ou ataque); Fluído: Os jogadores se focarão em defender ou atacar; Muito Fluído: Os jogadores contribuem em todas as funções. Como visto, cada filosofia reduz o nível de especialização. No "Muito Estruturado" você tem cinco diferentes tipos de funções, no "Estruturado" quatro responsabilidades, no "Flexível" três, no "Fluído" dois e na opção 'Muito Fluído" apenas uma. Na filosofia "Muito Estruturada" você espera que cada jogador obedeça a sua descrição de responsabilidades, então você poderá selecionar várias funções específicas. Na filosofia "Muito Fluída", você espera que todos os jogadores façam um pouco de tudo, o que torna as marcações de funções redundantes.
      Eu considero o seguinte como funções especializadas:
      Jogador Alvo; Oportunista; Centroavante; Falso 9; Enganche; Armador Avançado; Armador Recuado; Regista; Meio-campista Recuperador de Bolas; Volante; Líbero. Essas quatro funções podem se encaixar em qualquer campo, dependendo da sua interpretação:
      Atacante Completo; Atacante Defensivo; Atacante Sombra; Camisa 10; Lateral Limitado; Meio-campista Área-Área; Ala Completo; Defensor com bola. E considero as seguintes, funções genéricas:
      Atacante Recuado; Meia Atacante; Segundo Atacante; Ponta; Meio-campista Central; Meio-campista Lateral; Meia Defensivo; Terceiro Zagueiro; Lateral; Líbero; Zagueiro; Defensor Limitado; Goleiro Líbero. Eu geralmente sugiro a seguinte regra:
      Muito Estruturado: 4-5 funções especializadas Estruturado: 3-4 funções especializadas Flexível: 2-3 funções especializadas Fluido: 1-2 funções especializadas Muito Fluido: 0-1 funções especializadas 2- Adaptar as funções para os jogadores:
      Você vai perceber que muitas funções não se encaixam perfeitamente nos pontos fortes e fracos de um jogador. Use as instruções individuais para ajustar as habilidades de um jogador com a as exigências da função. Se você achar que está ajustando muita coisa, pode ser que o jogador escolhido possa não realizar a função desejada e outro jogador seja mais adequado. Não confie cegamente no seu assistente. Dê uma conferida. Como a função do jogador fica com o jogador, você pode ter um meia-atacante pelos lados definido como Ponta, com função de Ataque, mas um outro jogador com um conjunto de habilidades mais adequadas, com bom passe como Armador Avançado/Apoiar. Você não está mais preso a ter as mesmas funções para todos os jogadores sem fazer mudanças complicadas.
      3- Tenha em mente que os nomes das mentalidades são mais complicados do que parecem:
      A mentalidade defensiva ainda usa o contra-ataque, enquanto que a mentalidade ofensiva pode ter uma defesa sólida. Os dois extremos (Contenção e Sobrecarregar) são tanto ofensiva, quando defensiva. Uma boa regra é que, se você quiser jogar com vários meias recuados e um jogo de passes curtos, escolha uma mentalidade menos ofensiva, enquanto que se você quiser ter pontas eficientes e um estilo direto, escolha uma mentalidade mais ofensiva.
      4- Concentre-se nas funções e deveres e suas combinações:
      Certifique-se que você tem uma função de Ataque na defesa, geralmente, mas não necessariamente combinada uma função de Apoio, uma função de Ataque e uma de Defesa no meio de campo e uma de Apoio (Camisa 10, Falso 9) no ataque. Esse tipo de estrutura incentiva o movimento entre as linhas, o que é vital para uma tática dinâmica, que cria diversas oportunidades. Ele também garante um sistema defensivo mais fechado, em que a equipe defende em blocos ao invés de linhas desconectadas. Se você jogar com uma formação que tenha um atacante solitário, garanta que ele recue um pouco, dando-lhe função de apoio (Camisa 10 ou Falso 9), pois com outros papéis, corre o risco de isolá-lo, resultando na incapacidade de criar/participar das jogadas. A exceção é quando há um Armador Avançado atrás dele. Nessas formações, você vai querer que seu atacante permaneça na faixa alta em toda linha ofensiva, abrindo espaços para o Armador se movimentar. Certifique-se que você tenha pelo menos uma função de Meio-Campista automática, para quebrar as jogadas e ter posse de bola. Se você quiser usar um armador, pense na melhor posição para que ele crie jogadas, ou então, ele ficará isolado.
      5- Olhe para a página de comparações da equipe para determinar quanto forte/fraca sua equipe é na divisão:
      Considere usar os ajustes táticos para aproveitar isso (por exemplo, se você tem uma equipe lenta, pressione menos, ao passo que, se a equipe é veloz e trabalhadora, pressione mais). Embora isso se torne menos importante com o moldar da equipe ao seu estilo, as vantagens adquiridas com a compreensão de como sua equipe está, comparada com as demais da divisão, pode ser vital ao assumir um novo clube.
      6- Use as instruções da equipe para desenvolver e salvar um estilo de jogo preferido:
      Tais instruções devem se adequar aos pontos fortes e fracos da equipe. Por exemplo, uma equipe altamente técnica pode jogar de forma mais profunda, mantendo a posse de bola, passando para o espaço a frente, correndo para cima da defesa, utilizando estratégia de contra ataque, pode valer a pena. Uma equipe menos técnica, porem mais forte fisicamente, pode se impor de forma diferente, então considere utilizar passes mais diretos, cruzamentos rápidos, utilizando uma estratégia ofensiva. Há diferentes modos de construir um estilo de jogo. Às vezes, você terá uma equipe boa o suficiente para moldar um estilo de jogo, outras vezes, o estilo de jogo pode ser forçado. Você pode querer alterar um estilo em uma partida, com base em outras partidas. Não há nenhuma regra geral. Somente tente ser lógico em suas combinações.
      7- Antes de cada partida, considere olhar as condições climáticas e a formação da equipe adversária para determinar sua estratégia de jogo:
      Pode ser muito difícil de contra atacar em um gramado pesado e encharcado, então você pode ter que abandonar seu estilo de jogo preferido e optar por um mais feio. Você pode querer expor uma formação aberta do seu oponente, explorando os flancos e procurando sobreposições. Você pode obter êxito com sua estratégia inicial. Embora seja pessoal o quanto você gostaria de adaptar as coisas, em tais circunstâncias, esteja ciente de que a falta de flexibilidade pode custar caro.
      8- Olhe a formação da equipe adversária e as condições/habilidades dos jogadores e considere usar as Instruções Sobre o Adversário para combatê-los:
      Você pode utilizar as Instruções Sobre o Adversário para combater alguns jogadores perigosos, ou impedir os cruzamentos de chegarem, direcionando para jogadores lentos ou menos corajosos. Seja cuidadoso ao definir essas Instruções, uma vez que você pode prejudicar a estrutura geral do seu time.
      9- Jogue a partida de forma dinâmica:
      Durante o jogo, não tenha medo de mudar as coisas através de gritos e estratégias se as coisas não estiverem funcionando. Faça de forma lógica, e não apenas fazer por fazer. Por exemplo, pode ser uma má ideia jogar mais ofensivamente para fazer mais gols, principalmente se o adversário está jogando mais recuado e fechando o último terço do campo com jogadores defensivos. Se você observar esse padrão, você pode preferir jogar de forma mais profunda e o contra ataque possa produzir mais chances do que ser mais agressivo, pois assim você irá trazer o adversário um pouco mais. Uma vez que você marcou, decida se você quer fazer mais gols ou segurar a vantagem, mudando ou mantendo a mesma postura. Com o tempo, você vai confiar nas suas decisões em jogo e desenvolver um sistema que funcione. Você vai saber quando mudar, o que mudar e quando confiar na sua equipe para avançar.
      10- Perceba que as preleções são contextuais:
      Elas não se relacionam com o placar, o placar é contra a qualidade/reputação do adversário e o modo que você joga. Às vezes, você pode estar satisfeito com um 0x0, às vezes, você escapou com um 2x0 contra uma equipe bem inferior, nesse caso, alertar a equipe contra a complacência é necessário. Reaja ao que você acha que deveria ter acontecido e não ao placar. É importante notar que, embora as preleções e interações com a mídia geralmente não têm grande influência em como um jogo se desenrola, às vezes podem fazer a diferença. Pode ser que uma boa estratégia motivacional resulte em um jogador que vá jogar “a partida de sua vida”. Consequentemente, vale a pena considerar a sua estratégia motivacional antes de um “jogo-chave”, que pode ter uma diferença sutil, mas vital durante a partida.
      11- Nunca pare de aprender:
      Eu comecei a trabalhar quando minha estratégia de passar para o espaço vazio não funcionou com uma estratégia ofensiva. Observando o jogo após um doloroso 0x0, ficou óbvio para mim que todos estavam correndo muito à frente dos meus principais criadores, Lateral – Apoiar e Meio-campista Recuperador de Bolas. Não era o ideal. No entanto, com uma estratégia menos agressiva, meus principais criadores eram o Armador Avançado e os Pontas – Apoiar, que era o que eu queria. Por isso, abandonei a estratégia ofensiva e adotei a estratégia padrão, mudando nos gritos se eu decidisse jogar de forma mais agressiva (geralmente devido às condições climáticas do gramado). Se as coisas não estão funcionando como esperado, há sempre “pistas” no jogo, se você observar cuidadosamente.
      12-  Por fim, se você não progredir e ficar frustrado, visite o fórum de táticas e explique seu problema. Contando que você seja claro e detalhado, as chances de nós não sermos capazes de te ajudar, são pequenas.
      Tópico Oficial: https://community.sigames.com/topic/297428-how-to-play-fm14-a-twelve-step-guide/
      Autor: wwfan
      Tradução: @Stay Heavy
      Banner: @_Matheus_
×