Jump to content
Sign in to follow this  
Bega Gomes

Associação Desportiva Confiança

Recommended Posts

Bega Gomes
32 minutos atrás, andrefraga disse:

Primeiramente, boa sorte ! Irei acompanhar na medida do possível, infelizmente minha preferência é a Europa, apesar de ter vontade de algum dia me debandar pros lados de cá.

Sobre esses cursos, você verificou se algum deles não foi pago do próprio bolso do preparador ? Já vi acontecer comigo.

Abçs e boa sorte novamente!

Vlw por acompanhar, man.

Olha, não tinha levado essa hipótese em consideração. Achei que sempre que um deles saia pra cursos era pago pelo clube. Imagino que foi assim comigo pois, no texto que informava sobre a "saída" não percebi nada que me sugerisse que seria pago de forma particular, embora eu ache que só se sabe por quem foi pago se olharmos nas finanças, não é? Bom, muito obrigado pela informação, vou ficar ligado nisso nas próximas vezes.

Abs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
bruno introvertido

Acho que o Confiança mantém a regularidade no segundo turno, está mais confiável do que temporada passada.

Sorte que esse Gustavo sabe os caminhos da linha de fundo, por que ser fosse depender da velocidade dele...

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes

banner_confia_zpsdm7nkngf.jpg

 

Pra segunda sequência de jogos nossa meta era não repetir o fiasco do ano passado e, depois do bom primeiro turno e das lições anteriores estávamos concentrados em conseguir pelo menos mais 12 pontos e melhorar nossa classificação final. Vejamos o capítulo final de 2017.

barra_confia_zpsmnhp2rld.jpg

Concentrados ao extremo, pensávamos em fazer uma campanha de quem deseja escapar do rebaixamento, ou seja, o famoso jogo-a-jogo. E assim foi. Não muito animados com o primeiro adversário do returno, fomos à Minas e enfrentamos o América (atual líder) de peito aberto. Fazíamos um bom jogo, Caio Dantas já havia marcado o seu, porém, aos 39, levamos o gol da derrota. Não fazia mal perder pro líder, era esse o nosso pensamento.

Voltando pra casa, mostramos que esse pensamento era verdadeiro goleando o Serrano (BA), com direito a Poker de Caio Dantas.

Estávamos nos sentindo bem e nos próximos 07 jogos vencemos 05, empatamos 01 e perdemos outro, marcando 19 gols e sofrendo 11.

5YT9jyx.jpg

Caio fez mais 05 gols e dominou a artilharia da primeira fase com 13.

Estávamos na Segunda Fase e, com a vitória sobre o Cuiabá na Última Rodada chegamos aos 35 pontos e terminamos na liderança do grupo. O Cuiabá terminou com 33 seguido de América (MG) com 30 e Salgueiro 28. Os jogadores superaram o que aconteceu ano passado e deram a real esperança de acesso aos torcedores.

No outro grupo o Guarani terminou em 4º colocado, o que os colocou em nosso caminho.

Estávamos empolgados pela vitória sobre o Cuiabá e nossa ideia era pressionar o time de Campinas em sua própria casa no primeiro jogo. A estratégia deu certo, pois fomos nós que abrimos o placar aos 13 (Da Silva). Gustavo Salomão foi expulso e desfalcou a equipe deles aos 34. Com isso, resolvemos soltar as amarras e pressionar mais ainda, resultado: levamos o empate nos acréscimos. No segundo tempo não mudamos de atitude e tínhamos a obrigação de vencer. Aos 26 sofremos a virada. A desilusão foi total. Gritei com os jogadores.

Em uma semana o segundo jogo. Em casa voltamos a ter a obrigação de ganhar e sem tomar gols. Com uma postura ofensiva entramos em campo. Aos 15 Matheus Peixoto marca para o Guarani. O 1x0 durou até o final. Estávamos fora da competição. O sonho do acesso deu adeus em 2017. Nas estatísticas do jogo vemos o domínio do Guarani. Inacreditável como fomos capazes de perder pro “pior” dos 04 classificados.

R5ICCSb.jpg

Futebol que segue. Nessa temporada, Cuiabá, Luverdense e Boa chegaram à Série C. O Guarani foi o campeão. No nosso grupo, Serrano (BA) e Rio Branco (ES) caíram.

No extra campo renovamos por mais um ano. A diretoria, satisfeita com o desempenho da equipe em 2017, definiu os orçamentos pro ano que vem (mais uma vez com um teto de salários exorbitante, kkk),recebemos o prêmio pela participação na Série C (muito bom por sinal) e evitamos pagamento de impostos. No sumário comercial tivemos leves quedas no uso das instalações e publicidades em dias de jogo, assim como, leve alta nas receitas televisivas.

Dados da Equipe ao final da Temporada

1ZzTd7l.jpg

Nossa reputação atual no spoiler
 

Spoiler

 

edlBdcZ.jpg

1aMZ3w2.jpg

 

barra_confia_menor_transf_zpskijnchst.pn

Desde a Série C do ano passado, percebi que nosso Staff era de mediano para ruim se comparado ao restante das equipes, porém, no início dessa Temporada, preferi investir em jogadores e melhorar o time em posições carentes. Agora, com o grande desempenho na competição nacional, resolvi olhar um pouco mais para a equipe técnica. Na busca de melhorar um pouco nossa situação trouxe Nem, preparador que vai ficar responsável pelos treinos Defensivos, Técnicos e Táticos junto a mim e ao auxiliar Alan Dotti.

 

barra_confia_menor_premios_ind_zpsrphv43

1º e 2º Gol do Mês (Julho) - Caio Dantas

3º Jogador do Ano – Caio Dantas

Artilheiro – Caio Dantas (13 gols)

Jovem Jogador do Ano – Murilo

Equipe do Ano – Caio Dantas (ATA), Everton (PE), Marllon (PD), Lucas Rocha (Zag) e Jacson(Gol)

Melhor 11 do Confiança

barra_confia_menor_destaques_zpsvtfpbdiv

Grêmio bi-campeão da Série A

Corinthians campeão da Copa do Brasil

Chuteira de Ouro – Jonathan Calleri (São Paulo – 33 gols) só não entendi pq Caio não apareceu em 3º lugar já que fez o mesmo número de gols que o 2º. Será que a pontuação dos gols do Sergipano é tão baixa assim?

Messi Jogador do Ano e Bola de Ouro 2018

Equipe Mundial do Ano

LMooWdW.jpg

Edited by Bega Gomes
adicinei "Estatísticas do Jogo" contra o Guarani

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
2 minutos atrás, bruno introvertido disse:

Acho que o Confiança mantém a regularidade no segundo turno, está mais confiável do que temporada passada.

Sorte que esse Gustavo sabe os caminhos da linha de fundo, por que ser fosse depender da velocidade dele...

To começando a suspeitar que vc esconde uma bola de cristal por aí, bruno. kkkk. Cravou que não subiríamos na temporada passada e parece que acertou que seríamos mais regulares nessa. Pois é, Sauer compensa a lentidão com precisão, pelo menos espero que compense, kkk. Abs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
bruno introvertido

A parte legal do mata mata é essa, o time com melhor campanha nós pontos corridos ser eliminado pelo menos "bom" do outro lado, evidente que para quem está de fora tudo é lido de ser ver, na palestra de intervalo do primeiro jogo contra o Guarani, qual foi o tom que você usou com o pessoal? Mesmo não sabendo a resposta eu teria usado tom agressivo.

Só observo o Crack Dantas

@Bega Gomes, sacomé ne kkkkkkkk, eu diria que eu sou um comentarista de resultados e desempenho XD.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Yagamiiori

Poxa, tá complicada essa série C aí em ... tô quase na mesma situação com o Cianorte!
ahuahuahuahuahuahuahuhauha
Tá tenso!
Menino Dantas tá deitando em ... acredito que logo vem uma ótima proposta dos Gigantes aí!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Morian

Mais um ano que a equipe não consegue o acesso, mais ao menos fica a sensação de uma temporada com melhor desempenho, caso suba na próxima temporada irá ter mais consistência para não cair logo após um possível acesso.

Boa sorte, acompanhando.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
41 minutos atrás, bruno introvertido disse:

A parte legal do mata mata é essa, o time com melhor campanha nós pontos corridos ser eliminado pelo menos "bom" do outro lado, evidente que para quem está de fora tudo é lido de ser ver, na palestra de intervalo do primeiro jogo contra o Guarani, qual foi o tom que você usou com o pessoal? Mesmo não sabendo a resposta eu teria usado tom agressivo.

Só observo o Crack Dantas

@Bega Gomes, sacomé ne kkkkkkkk, eu diria que eu sou um comentarista de resultados e desempenho XD.

No intervalo ainda estávamos com 1x1 daí eu usei tom assertivo e disse algo como que eles poderiam sair com um vitória ou alguma coisa do tipo pra incentivar, mas, admito que a vitória do Guarani, nas duas partidas foram mais mérito deles do que demérito nosso. Não se abalaram em sair perdendo e nem com a expulsão. Acho tb que essas duas vitórias (uma delas heróicas) impulsionou o time Bugre a conquistar o título. Não tenho certeza, mas, acho que eles eram (parafraseando vc) os menos "bons" entre todos os 08.

Caio vai fazendo valer o salário e já garantiu uma renovação. Na tela do elenco já da pra ver qt a mais ele garantiu, hehe. Tá matando a pau então na análise de desempenho, kkk. Vlws.

7 minutos atrás, Yagamiiori disse:

Poxa, tá complicada essa série C aí em ... tô quase na mesma situação com o Cianorte!
ahuahuahuahuahuahuahuhauha
Tá tenso!
Menino Dantas tá deitando em ... acredito que logo vem uma ótima proposta dos Gigantes aí!

Pois é, qd posto aqui vez por outra lembro do seu Save e da odisseia que é uma Série C, mas, depois de passada a raiva homérica do elenco, kkk, vi que seria bom ficarmos mais um ano na Série C. Dará tempo aos Jovens de se desenvolver e lutar por um lugar na principal já que o nível dos adversários ainda permite isso. Fora que é mais uma chance de planejar o futuro técnico e financeiro com mais calma, embora o segundo pareça nos reservar tempos sombrios, hauhauhu. Além disso, mais um ano de Sério C pra Caio vai ser bom, talvez seja o ano em que ele vai voar e aí sim, atrair a atenção dos grandes. Não lembro bem, mas acho que já despertou interesse de uma ou duas equipes um pouco maiores, porém, não houve proposta só especulação. E como falei pra bruno, Caio foi bem demais esse ano e garantiu um novo contrato com um salário mais gordo, kkk. Abs.

11 minutos atrás, Morian disse:

Mais um ano que a equipe não consegue o acesso, mais ao menos fica a sensação de uma temporada com melhor desempenho, caso suba na próxima temporada irá ter mais consistência para não cair logo após um possível acesso.

Boa sorte, acompanhando.

Isso mesmo Morian, não subir teve seus ônus e "bônus". Fiquei esperançoso mesmo com a próxima temporada e conto com essa consistência tb tanto técnica como financeira. Sinceramente, não sei se alguns jogadores desse grupo tem qualidade pra uma série B, mas, daqui pra lá espero ir conseguindo as peças certas. Abs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

Enquanto lia, achei que dessa vez o acesso vinha. Que bela primeira fase, e que péssimo jogo eliminatório. Levar virada com um a mais não dá, esses jogadores foram muito frouxos. Ou será que foi o treinador que levou um baile tático?

Bem, terá mais um ano de série C pela frente.  Quem sabe no próximo vai?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
34 minutos atrás, Danut disse:

Enquanto lia, achei que dessa vez o acesso vinha. Que bela primeira fase, e que péssimo jogo eliminatório. Levar virada com um a mais não dá, esses jogadores foram muito frouxos. Ou será que foi o treinador que levou um baile tático?

Bem, terá mais um ano de série C pela frente.  Quem sabe no próximo vai?

kkk, um pouco dos dois, mas, eu coloco mais na minha conta. Após a expulsão estávamos ganhando. Vi aí uma excelente oportunidade de ampliar o placar e garantir lá em Campinas nossa classificação. Errei feio ao pedir que a equipe sobrecarregasse o setor ofensivo. O gol do empate saiu nos acréscimos do primeiro tempo. No segundo, optei por manter a ofensividade e, mais uma vez, pagamos o pato. Aos 26 veio o gol da derrota. Em casa, fui pro tudo ou nada, mas, essa derrota coloco na conta dos jogadores também. Faltou garra pra marcarmos nem que fosse um gol, além de que não podia entrar com uma postura defensiva já que estávamos perdendo o confronto.

Foi difícil chegar na segunda fase. Fizemos um grande segundo turno. Pra chegarmos lá de novo é preciso um alto grau de concentração. Espero que essa eliminação não atrapalhe os planos. Abs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ademare

O Bugre é um time enjoado mesmo. Tem que tomar muito cuidado quando enfrenta eles.  Infelizmente caiu para o campeão. É esfriar a cabeça, remontar o grupo para mais um ataque ao acesso.

Caio Dantas prometeu e cumpriu! Artilheiro de tudo.

Que tenha um pouco mais de sorte neste ano!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
1 hora atrás, Ademar Tavares disse:

O Bugre é um time enjoado mesmo. Tem que tomar muito cuidado quando enfrenta eles.  Infelizmente caiu para o campeão. É esfriar a cabeça, remontar o grupo para mais um ataque ao acesso.

Caio Dantas prometeu e cumpriu! Artilheiro de tudo.

Que tenha um pouco mais de sorte neste ano!

Confesso que fiquei com muita raiva depois do jogo, mas, depois que olhei a campanha com calma vi que agt tinha feito um campeonato muito bom, principalmente, no segundo turno. Caio Dantas tá sendo essencial, levou até um novo contrato, hehe. Conto muito com os gols dele na próxima temporada. Outros que espero que possam ajudar eh Murilo, Mateus Santana e Jacson. Vlw pelos desejos de sorte. Abs.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes

banner_confia_zpsdm7nkngf.jpg

 

Depois do “quase” da última temporada a equipe está de volta. Com três reforços e três ausências vamos em busca do penta campeonato estadual, de mais um acesso e de mais uma boa campanha na Copa do Nordeste. Vamos ver o que aconteceu nos primeiros meses de 2018. Aqui vemos as expectativas da direção.

barra_confia_menor_pre_zpsnvfrq2ol.jpg

Marcamos dois amistosos, um contra o Coruripe (AL), vencido por 2x0, e outro contra o Atlético (BA), vencido pelo mesmo placar. Murilo, Felipe, Caio Dantas e Marllon marcaram os gols.

2GF9BjJ.jpg

barra_confia_menor_dispensas_zpsuoxsx05x

Wallace Sergipano (VOL/Zag), Elielton e Fabinho foram dispensados.

Elielton foi o jogador que mais atuou pela equipe principal entre os 03 citados. Com 21 participações (15 como suplente) perdeu espaço para Eron, Da Silva e Mateus Santana, porém, o fator decisivo foi a idade. Com 32 anos havia entrando na fase de perda de preparo físico e como não possuía grandes atributos técnicos ou psicológicos que justificassem sua permanência acabou saindo. Na minha gestão ele fez 36 jogos e marcou 01 gol.

Wallace era um jogador por que tinha grande respeito por ter jogado por boa parte do tempo em uma posição que não era a sua preferida. Atuando como zagueiro, infelizmente, não passava segurança. Como busco manter a boa fase, principalmente, na Série C, ele foi dispensado. Comigo ele fez 32 jogos. Marcou 01 gol e deu 01 assistência.

Fabinho figurou entre a equipe dos Reservas durante todo o segundo semestre e, como não fez nada que justificasse sua permanência no plantel foi dispensado tb.

barra_confia_menor_transf_zpskijnchst.pn

Ainda antes de terminar o ano de 2017, estávamos observando Oswaldo (Zag), do Sport. Como já era certa a saída de Wallace Sergipano, assinamos um pré-contrato que foi confirmado em 01/01/2018.

A ideia de deixar para repor a vaga do Fisioterapeuta após o término do Campeonato Brasileiro não foi das melhores. Ao irmos o mercado, o melhor profissional que encontramos foi Jurandir da Costa.

Em fevereiro, Renan Areias foi colocado na lista de empréstimo pelo Corinthians e acertamos sua chegada no dia 25. Renan era um jogador que já estava no nosso radar desde o primeiro semestre de 2017. Chegamos a fechar um acordo de transferência num valor próximo a R$60mil, acertando inclusive seu salário, porém, não achei que trazer mais um reforço pro clube fosse saudável às finanças e desistimos da compra depois de adiarmos 02 vezes. Resultado, pouco tempo depois ele foi emprestado ao Guarani e quando voltou ao Corinthians estava valendo mais de R$2,5 milhões. Quase bati a cabeça na parede, kkk.

No final de Março, Jacson se machucou nos treinos e Henrique assumiu a titularidade. Não confiei nele pra ser nosso titular e trouxe Marcos Felipe emprestado do Fluminense.

barra_confia_menor_estadual_zpsaolxm2k6.

Entramos mais uma vez como favoritos no grupo A. Nele encontramos um outro campeão estadual:  América de Propriá (02 títulos).

q53gsvH.jpg

Quase repetimos o sucesso de gols e desempenho de 2017. Terminamos a primeira fase novamente na liderança só que com 27 gols e 22 pontos, graças ao empate inesperado contra o já citado América.

Em 19 de Fevereiro João Olaria atingiu 100 jogos pelo clube. Algo a ser comemorado.

João Victor quebrou o recorde de gols marcados em uma única partida, por um atleta do Confiança, na goleada de 6x1 sobre o Coritiba (SE) e aplicamos a maior vitória de sempre.

WmLcr47.jpg

Um fato curioso foi ver que Alan Ruschel nos foi oferecido por seu empresário Gian Rocha.

Passada a primeira etapa, estávamos no Quadrangular novamente com Estanciano e Sergipe, acompanhados do Riachuelo (SE).

Riachuelo Futebol Clube é um clube de futebol que traz o mesmo nome da sua cidade sede. Localizada numa região chamada de centro-litorânea, Riachuelo faz divisa com Divina Pastora. O rio Sergipe é quem separa uma cidade da outra, assim como o rio São Francisco separa Juazeiro e Petrolina, em Pernambuco, por exemplo. O Clube traz o preto e o vermelho como cores principais. Conta a história que essa foi uma alusão clara às cores do Flamengo na tentativa de atrair os torcedores da equipe carioca, os quais são numerosos em todo Brasil. Foi campeão sergipano em 1941 e manda seus jogos no estádio Francisco Leite (2000 lugares).

Dos 06 jogos vencemos 05 e perdemos um para o Sergipe. O destaque fica por conta das boas vitórias sobre o Estanciano.

MRYdZsT.jpg

Estávamos na final com o Sergipe. E de novo foi difícil. Mais uma vez perdemos por 1x0 o primeiro jogo, com mando deles. O segundo seria um tudo ou nada. Fomos ofensivos, saindo do 4-3-3 ao qual estávamos nos habituando a jogar e que nos dava mais segurança defensiva. Embora ache que a tática influenciou no mal resultado do primeiro jogo, tenho quase certeza de que uma palestra mal feita no término de um jogo contra o Campinense na Copa do Nordeste tenha sido fundamental também. Bom, voltamos ao 4-4-2 e vimos uma boa vitória ser construída. 3x1 foi suficiente pra nos dar o 5º título Estadual.

KThO05M.jpg

Pra ilustrar o péssimo momento nos vestiários, vejam o humor dos jogadores após conquistar mais um título.

Enfim, somos pentacampeões sergipanos (2014-18) ao lado de Santa Cruz (1956-60) e Itabaiana (1978-82).

barra_confia_menor_CNE_zpsbqus1gvr.jpg

Caímos em um grupo possível de classificação, porém, não contávamos com uma surpresa, a minha querida Raposa, o Campinense Clube.

Luwtcyw.jpg

A estreia foi nervosa, vencemos por apenas 1x0 aquele que seria o mais fraco do grupo. No outro jogo o Campinense estreia vencendo o Sport, em Recife, também por 1x0. Nos jogos seguintes empatamos com o próprio Campinense, em Campina Grande e vencemos o Sport, em casa. No segundo jogo contra a Raposa decidi ser mais agressivo e pecamos por isso, 1x0 pra eles. Essa derrota me abalou a ponto de gritar com o elenco. A confusão estava feita e a equipe teve uma drástica queda no humor. Depois dessa palestra os jogadores ficaram chateados comigo e pediram pra que eu mudasse o tom, porém, eu não fiz isso e eles ficaram de mal mesmo.

7cLYHXo.jpg

Mais uma vez precisávamos de um empate na última rodada, fora de casa. Seguramos o Leão da Ilha até os 37 do segundo tempo, quando Madson fez o gol de mais uma desclassificação do Trovão Azul. Com os mesmos 10 pontos do ano passado, caímos pelo saldo de gols.

O título ficou com o Bahia após vencer o Ceará nos pênaltis.

barra_confia_menor_CBr_zpsgu2yd8wa.jpg

Fomos chaveados com o Fribuguense. Imaginei que seria um jogo fácil e que, mais uma vez, cumpriríamos a meta da Diretoria. Estava enganado. A equipe de Nova Friburgo foi um osso duríssimo de roer. Perdemos no Rio por 2x1 após abrirmos o placar logo aos 3 minutos com Guto (LE). No Batistão a missão era vencer a boa marcação deles. Aos 24 Caio Dantas fez o gol da vitória e da classificação (pelo critério do gol fora). Infelizmente, ele sofreu uma entrada dura e ficou 09 dias em recuperação.

O confronto seguinte será contra o CRAC de Goiás.

barra_confia_zpsmnhp2rld.jpg

Pela primeira vez desde a chegada de João Olaria, o Confiança foi cotado ao acesso pelo 138.com ao lado de Figueirense, Fortaleza, São Caetano, Londrina e Portuguesa. Acredito que esse crédito seja por conta da boa campanha em 2017. Só acho que fomos supervalorizados. Digo isso depois das péssimas exibições contra Friburguense e Sergipe. Se o humor dos jogadores não melhorar não vejo um bom futuro pro Dragão.

E o grupo já está formado:

2HzQnig.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
bruno introvertido

Ser o treinador não melhorar sua resenha com os jogadores, a uma possibilidade de conspiração para tirar o mesmo do cargo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
4 minutos atrás, bruno introvertido disse:

Ser o treinador não melhorar sua resenha com os jogadores, a uma possibilidade de conspiração para tirar o mesmo do cargo.

Achei que eles foram muito moles, mas, acho que pequei em não ter concordado em abrandar o discurso nas próximas palestras. Não sabia que eles iam ficar chateados por tanto tempoe que isso interferiria tanto no futebol da equipe. Espero que os "bonitões" melhorem o humor. Muito obg pelo coment, Bruno.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Ademare

Campanha parecida com a do ano passado. Título estadual e eliminação na copa do nordeste na primeira fase, uma pena, quando vi que tinha vencido o Sport acreditei que iria mais longe esse ano.

Na copa do Brasil, avançou com dificuldades e acredito que dá pra passar pelo Crac também.

Prepare-se, se te cotaram como favorito ao acesso a pressão será grande. E mais uma surpresa na série C, dessa vez o Figueirense!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
2 horas atrás, Ademar Tavares disse:

Campanha parecida com a do ano passado. Título estadual e eliminação na copa do nordeste na primeira fase, uma pena, quando vi que tinha vencido o Sport acreditei que iria mais longe esse ano.

Na copa do Brasil, avançou com dificuldades e acredito que dá pra passar pelo Crac também.

Prepare-se, se te cotaram como favorito ao acesso a pressão será grande. E mais uma surpresa na série C, dessa vez o Figueirense!

Foi parecida mesmo, só que achei que dessa vez tínhamos mais chances. Me preocupa pensar se no próximo ano repetiremos de novo, kkk.

Pela dificuldade que foi com o Friburguense penso que a equipe tem que render bem mais pra passar do CRAC. Não duvido da possibilidade de ser eliminado (pessimismo ON).

Rapaz, não sabia que havia essa de pressão por causa da previsão. Caramba, já não basta ter que lidar com um elenco cheio de "não me toques"?!

Abs e vlw pelo comentário.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.

A equipe mantém a dominância no estado, apesar de ter passado um sufoco maior para conquistar o pentacampeonato. A evolução na Série C vem ocorrendo e espero que após essa derrota para o Guarani, a equipe finalmente esteja preparada para seguir até a semi-final. E uma pena mais uma eliminação na Copa do Nordeste, mas pelo menos mostra que a equipe é capaz de lutar contra os grandes nordestinos mesmo na Série C.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
20 horas atrás, Henrique M. disse:

A equipe mantém a dominância no estado, apesar de ter passado um sufoco maior para conquistar o pentacampeonato. A evolução na Série C vem ocorrendo e espero que após essa derrota para o Guarani, a equipe finalmente esteja preparada para seguir até a semi-final. E uma pena mais uma eliminação na Copa do Nordeste, mas pelo menos mostra que a equipe é capaz de lutar contra os grandes nordestinos mesmo na Série C.

Pois é, o sufoco foi grande, fora que não temos grandes batedores o q me deixou mais apreensivo ainda. Espero que a evolução continue mesmo e espero tb superar essa crise de humor, acho que esse será o fator fundamental que dirá se iremos avançar ou não. Abs e obg pelo comentário.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes

banner_confia_zpsdm7nkngf.jpg

 

Antes de começar a falar sobre o início da Série C, gostaria de comentar sobre uma nova tática que venho usando desde o final da temporada passada. Falo sobre esse 4-3-3:

ARA2g4F.jpg

Com a presença de Gustavo (ArAv) no time, sentia a necessidade de pô-lo pra jogar. Ele tem potencial, mas, isso só se desenvolverá com tempo de jogo pelos titulares, já que acho um desperdício coloca-lo pra jogar pelos Reservas.

Sendo assim, adaptei o antigo 4-1-4-1 nesse esquema. Com ele percebi que ganhamos em poder de marcação e domínio de bola, principalmente na região mais congestionada, o meio campo.

Antes de aplica-la assim, com Pontas Atacar, utilizava os jogadores de lado apenas na função Apoiar. Dessa forma, os pontas estavam fazendo apenas a lateral do campo deixando o atacante isolado na frente pra criar suas chances de gol. Alterei eles pra função Atacar e a diferença foi notável. Os pontas passaram a apoiar mais o atacante além de entrar na área com mais frequência, criando outras situações de risco pro adversário.

Em consequência disso parece que os cruzamentos diminuíram e, mesmo com esse número maior de “atacantes”, ainda está deixando a desejar no quesito ofensividade.

Bom, vou insistir com ela na esperança que encaixe contra os adversários da Série C. No final da postagem vocês verão se deu certo ou não.

barra_confia_menor_transf_zpskijnchst.pn

Observando as partidas em que Izaldo (LE) foi a campo, percebemos que ele não tinha o futebol necessário pra substituir Guto. Assim, antes do final da temporada 2017, iniciamos uma busca por um novo LE reserva. Durante as buscas encontramos SIdcley (LE-Sport), porém, Sid jogava muita bola pra ser apenas banco. Guto fará 32 anos em 03 meses (Agosto) e a perda de capacidade física começa a aparecer. Assim, em Abril confirmamos a contratação de Sid, colocamos Guto como reserva e Izaldo foi jogar pelo time de Reservas.

barra_confia_zpsmnhp2rld.jpg

O Campeonato se inicia e a estreia é contra a conhecida equipe do Salgueiro. Um empate chocho marca nosso início. Contra o América (RN) não levei fé no 4-3-3 e experimentei de novo o 4-1-4-1. Até deu certo já que empatamos com um daqueles que considero candidatos a subida. Depois daí somamos mais 04 jogos de invencibilidade, mas, somente com 02 vitórias. Caímos frente ao Fortaleza. Foi aí que vi que o “sistema novo” não estava funcionando como eu gostaria. Voltei ao 4-4-2 e veio mais um empate. No último jogo do turno, contra o lanterna, esperava-se uma vitória fácil. Ganhávamos de 4x0 até os 30 do segundo tempo quando, em 15 minutos, levamos 03 gols. Juro que fiquei aperreado (preocupado) sem saber se íamos sair ou não com a vitória.

r6SQFuQ.jpg

No desenrolar dos acontecimentos terminamos a primeira mão em 5º, uma posição acima da colocação em 2016, mas, com o mesmo número de pontos. Ainda não sinto firmeza na equipe pra chegar até a segunda fase, contudo, resolvi assumir de novo o 4-4-2 e ir com ele até o fim do segundo turno.

fzzR6bD.jpg

barra_confia_menor_destaques_zpsvtfpbdiv

O Brasil foi eliminado da Copa do Mundo pela Alemanha. Perdemos também a disputa de 3º lugar pra Suíça. Na final, a França levou o título. O técnico dos azuis foi Arsène Wenger.

Chuteira de Ouro Copa 2018 – Breel Embolo (Suíça), Gabriel Barbosa e Jordan Rhodes (Escócia).

GdSTZmq.jpg

Melhor Jogador Copa 2018 – Kurt Zouma (França), Thomas Lemar (França) e Juan Mata (Espanha)

tnHmT0u.jpg

Melhor Goleiro Copa 2018 – Hugo Lloris

Melhor Gol Copa 2018 – Robbie Kruse (Austrália vs Costa do Marfim)

L3wZpOk.jpg

Melhor Jovem Jogador Copa 2018 – Breel Embolo

Dream Team da Copa do Mundo

n5KrnLq.jpg

Share this post


Link to post
Share on other sites
bruno introvertido

Começo bem ruim de série C, agora é ver ser esse 4-4-2 consegue salvar no segundo turno.

Só na Rússia para o Wenger ser campeão XD.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes

pois é @bruno introvertido, começamos de maneira decepcionante pra quem sonha em terminar no G4 mais uma vez, mas, vamos vê se mudando a formação mudamos os resultados.

Trumpet-icon.png Trumpet-icon.png Trumpet-icon.png Corneta mode on pra vc! kkkkkk.

Share this post


Link to post
Share on other sites
andrefraga
Em 05/02/2017 at 12:46, Bega Gomes disse:

LMooWdW.jpg

Rapaz, é impressionante como o Ozil sempre tá nessas premiações do FM. 
Pelo menos nos meus saves, desde 2015 que ele sempre tá entre os melhores.

 

Não achei o começo tão ruim não, tá ali coladinho no G5 sem se distanciar. O problema parecem ser os empates, mais da metade até o momento.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Bega Gomes
1 hora atrás, andrefraga disse:

Não achei o começo tão ruim não, tá ali coladinho no G5 sem se distanciar. O problema parecem ser os empates, mais da metade até o momento.

Acabei achando ruim pq alguns empates poderiam ter sido convertidos em vitórias, além disso, havia a expectativa de que esse ano, mais entrosados, poderíamos ter resultados melhores, tanto na Série C como nos outros campeonatos, oou seja, algo que ainda não senti na equipe foi alguma evolução de 2017 pra 2018. Abs  eobg pelo comentário.

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Tem que curar essa empatite. 5 empates que tiraram pontos importantes. Vamos ver se no desenrolar do campeonato o time ganha confiança (Essa foi culpa do @bruno introvertido.kkkk) e começa a subir na tabela. Vou Floodar o Bruno:

 

Em 10/02/2017 at 13:20, bruno introvertido disse:

Só na Rússia para o Wenger ser campeão XD.

2

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.
Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Neynaocai
      By Neynaocai
      by @ggpofm
      "Todos os dias nós nos deparamos com histórias inspiradoras de pessoas que triunfaram, mesmo quando tudo indicava que elas não iriam conseguir. Mas a gente nunca presta atenção nas histórias, em número absurdamente maior, das pessoas que quando tudo indica que elas não vão conseguir, elas de fato não conseguem." Daniel, Craque.
       
      Após uma fase de desacertos e apenas um título, Alexsandro “Big Head” de Souza precisou dar um passo atrás. Era preciso não repetir os erros anteriores, apenas trazendo deste passado recente a graciosidade e leveza que o conduziu até aqui. Um grande pensador, uma cabeça a frente de seu tempo.
      Quando o telefone tocou, o sotaque inebriante do outro lado tornava impossível de não reconhecer seu interlocutor. A fala arrastada e ausência de significativas consoantes davam um ar de charme ao dono da voz.
       
      LUXA: Tá melhor meu filho?
      ALEX: Estou pronto. Temos um projeto?
      LUXA: Sim. Está tudo encaminhado. Demorou um pouco para convencer, mas eles não tinham pra onde correr. Me deram carta branca. E eu a repasso. Enquanto estiver na frente da diretoria, ninguém te tira.
      ALEX: Obrigado, Pofexô. Você é o cara mesmo. Um dia você voltará ao Real Madrid ou num rival, como revanche. E será a minha forma de te recompensar.
      -------------------------------------------------
      Dias antes...
      Existem momentos de convergência entre necessidade e desejo. Alex saiu chateado da última entrevista de emprego e chegou a pensar em ficar apenas na ESPN. Mas tinha a necessidade de tirar o estigma de mal gestor, cavalo paraguaio, Claudio Ranieri. Precisa passar mais de dois anos num clube. Precisava de um clube que estivesse disposto a apoiar suas ideias e o projeto que havia desenvolvido neste tempo parado.
      Mais do que isso. Precisa de um time que necessitasse de mudança. De uma diretoria que já houvesse tentado de tudo e onde mesmo os opositores não tivessem proposta para contornar uma situação complicada.  
      Precisava também que o clube em questão fosse um grande clube capaz de ser desejado por bons jogadores e com uma história digna de ser levantada. O que se planeja não é algo simples e um clube pequeno jamais poderia manter a empreitada. Precisava de um diretoria e um conselho deliberativo desesperados, a ponto de entregar um clube às mãos de sonhadores, filósofos e teóricos do futebol. Com loucas ideias que podem levar o time ao sucesso ou enterrá-lo de vez.
      Um clube desesperado, com uma torcida machucada, ansiando por uma afago. Uma luz no fim do túnel. Alguém escravizado por um velho senhor, que uma vez morto teve sua família desfigurada. Um clube sem respeito dos rivais e com a moral baixa.
      Enquanto Alex e Luxa elaboravam o plano perfeito, uma notícia lhes conduziu ao destino ideal.
       
      LUXA: Você leu o Hora Extra hoje?
      ALEX: Por que faria isto?
      LUXA: Não importa, estou te mandando por e-mail.
       
      Ao abrir o e-mail, Alex percebeu um discurso inflamado, de uma figura conhecida.
       
      “Me apresente uma solução concreta, onde vamos arrumar dinheiro, onde vamos arrumar atletas para resolver o problema do nosso clube. Não vamos derrubá-lo sem ter uma solução concreta. Nenhum de nós tem. Nenhum de nós tem a solução! Eu não tenho, por isso não derrubo.
      Se eu tivesse uma solução ou se algum dos senhores... Eu conversei com todas as correntes do clube. Com todas elas! Todas! Nenhuma me apresentou UMA solução razoável para nos livrar do problema. O problema é grave.
      A probabilidade de sermos rebaixados e decretarmos o fim da nossa instituição, porque o rebaixamento desta vez não é apenas mora. Não é apenas mora. O rebaixamento desta vez é financeiro e é muito grave. Muito grave.
      José Luis Moreira, o próprio Luis Manoel, o Júlio, que está aqui. Brant, que é uma opção. Vamos estar daqui a um mês metralhando eles. Como que eles vão arrumar uma solução em 24h? Como que assume um clube que tem 600, 700, um bilhão... Não sei quanto.
      Então, sem, sem, sem nenhum carinho pessoal pelo presidente da diretoria administrativa. Nenhum. Um mísero pontinho. Não tenho. Tive uma relação muito desgostosa com ele. Muito. Pode ser que um dia volte.
      Mas pensando no clube e pensando tenho certeza que não existe outra solução."
       
      Perfeito, era o que precisávamos. Era a necessidade e o desejo se concretizando. E como diz o Professor Cortella, a soma desses fatores é a hora certa.
       
      ALEX: Precisamos falar com eles urgentemente. Tem o contato de alguém?
      LUXA: Vamos calma, pequeno cabeça. A reunião está marcada. Prepare o discurso e vamos revolucionar este pequeno rincão que costumam chamar de Vasco da Gama.
    • Ari Cesar
      By Ari Cesar
      Olá a todos.
      Comprei o FM 18 e resolvi iniciar um save no Brasil de formação e base. Já estava realizando em off no FM 17 com o Milan RS e ai com a nova versão resolvi jogar da mesma forma e compartilhar. A ideia é bem similar aos demais saves de base: levar o clube a glória usando apenas a base.
      Escolha do clube
      Para escolher o clube resolvi pesquisar na base do brasil up qual seria o clube profissional com menor estádio no Brasil. Inicialmente havia encontrado um clube do RS com um estádio de 200 lugares, mas procurando um pouco mais encontrei o SC Jaraguá que possui um estádio com apenas 100 lugares. Após isso resolvi pesquisar um pouco da história e descobri que SC Jaraguá foi criado graças ao desenvolvimento da base. Dessa forma resolvi escolher o Leão do Vale para iniciar minha empreitada.
      Objetivos do save
      Resolvi colocar algumas metas que em sua maioria serão atingidos a longo prazo. Coloquei asterisco naqueles que acho ser quase impossíveis mas que gosta de ver como o FM se comporta.
      Equipe
      Utilizar a base Aplicar o modelo de jogo ofensivo visando a posse de bola e passes rápidos.  Reter o máximo de jogadores na equipe impedindo que saiam para a Europa. * Ter eleito o melhor jogador jovem do mundo. * Ter eleito o melhor jogador do mundo. *  
      Clube
      Possuir a melhor estrutura de Santa Catarina Possuir a melhor estrutura do Brasil Possuir a melhor estrutura de clube Sul Americano Se tornar o principal clube formador de Santa Catarina Se tornar o principal clube formador do Brasileiros Se tornar o principal clube formador Sul Americano Se tornar o principal clube Catarinense Se tornar o principal clube Brasileiro Se tornar o principal clube da América do Sul Ficar entre os 5 melhores clubes do mundo * Títulos
      Ganhar a campeonato catarinense [alcançado em 2040] Ganhar o Brasileiro série A Ganhar a copa do Brasil Ganhar a Sul Americana Ganhar a libertadores Ganhar o mundial de clubes Técnico
      Me tornar o melhor técnico brasileiro de todos os tempos História do clube
      O Sport Club Jaraguá nasceu inicialmente com o nome de: Associação Catarinense de Futebol Arte, quando foi fundado em 15 de abril de 2008, e no dia 25 de março de 2011, passou a ser chamado pelo nome atual. O clube iniciou suas atividades com o intuito de trabalhar com atletas da região, com idade de categorias de base. Com o passar do tempo a base foi se estruturando, parcerias foram sendo firmadas com outros clubes e empresários e, no ano de 2011, um novo clube de futebol profissional foi lançado no futebol catarinense.
      O Sport Club Jaraguá possui as cores preto, vermelho e amarelo, devido a forte imigração alemã da região.Sua estreia em competições oficiais, ocorreu na disputa da Divisão de acesso do Campeonato Catarinense de 2011 quando terminou a competição como vice-campeão.
       
      Historia do manager
      Lucas Castro é morador de Jaraguá e em sua infância/adolescência atuou na Associação Catarinense de Futebol Arte. No período de transição dos nomes Lucas abandonou a equipe por perceber que não possuía qualidade suficiente para atuar como jogador. Apesar de sua paixão pelo clube e pelo futebol Lucas decidiu cursar Educação física para no futuro ajudar a equipe fora das 4 linhas. Agora chegou esse dia e Lucas foi escolhido como técnico do Sport Clube Jaraguá. Ele não possui licença e seu passado esta como futebol amador.
       
      Em breve coloco informações sobre a equipe, formação, competições e início da aplicação da filosofia na equipe.
       
    • Aleef
      By Aleef
      Naturalização de jogadores na China: renúncia à nacionalidade brasileira e novo "batismo"
       
      Há alguns dias alguns supostos documentos que seriam certidões de nascimento de jogadores brasileiros que estariam processo de naturalização na China foram divulgados. Os documentos não eram verdadeiros. Mas o processo está em andamento, a história é curiosa e alguns dos nomes bem conhecidos. Elkeson, Ricardo Goulart, Aloisio, Fernandinho e Alan foram escolhidos. Para se tornarem cidadãos chineses precisam renunciar à cidadania brasileira, porque a lei que trata do assunto no país asiático não permite que qualquer chinês tenha dupla nacionalidade.

      O que isso significa? Com o passaporte chinês em mãos, todos eles deixarão de ter a nacionalidade brasileira. E jamais poderão conseguir de volta? Podem fazer o caminho inverso, entrar com pedido de renúncia na China e solicitar a brasileira. Mas para isso, o governo chinês precisa aceitar, caso contrário, não voltarão a ser cidadãos brasileiros.

      O plano para esses jogadores brasileiros é que possam, com a nacionalidade chinesa em mãos, defender a seleção nacional com o objetivo de classificação para a Copa do Mundo de 2022.
      Agora a curiosidade. Depois de feito o processo de naturalização chinesa para os jogadores brasileiros, eles terão de mudar de nome na China. Não poderão mais ter seus nomes ocidentais, terão de buscar outros de acordo com o idioma local.

      O jogador que está com o processo mais adiantado na China é o atacante Elkeson, que mora e joga no país desde 2013. Ele chegou em janeiro daquele ano para defender o Guangzhou Evergrande, depois passou pelo Shanghai SIPG e voltou recentemente ao Evergrande.

      Ricardo Goulart, que nesta temporada deixou o Palmeiras para voltar para a China, também para defender o Guangzhou Evergrande, teve seu processo de naturalização iniciado há pouco tempo. Já entrou com pedido no Itamaraty de renúncia à cidadania brasileira. O processo deve terminar em 2020.

      No caso dos brasileiros que entram com esse pedido no Itamaraty, no momento em que a perda da nacionalidade é deferida eles passam a ser pessoas apátridas de acordo com o direito internacional. E ficam nessa situação até que o governo chinês finalize o processo de nacionalidade por lá. Algo que, por alguma coincidência de tempo, pode durar apenas dias ou até meses.

      Os jogadores que não têm residência fiscal por terem em seus contratos prazos longos e, com isso, períodos de ausência do Brasil superiores a 183 dias, precisam atender normas do Banco Central como a abertura da CDE (Conta de Domiciliados no Exterior) para receberem câmbio e salário do exterior. E todos os citados estão nesse caso, pois têm contratos longos com seus clubes na China.

      Com isso, precisam fechar suas movimentações bancárias de residente fiscal no Brasil (fechamento de conta em bancos no Brasil, cancelamento de cartões de crédito e migração de investimentos para a CDE). Saques ou depósitos acima de R$ 10 mil precisam ser comprovados e comunicados. Quando sócios estrangeiros de empresa no Brasil, os atletas podem futuramente solicitar visto de trabalho e residir no país. Sem isso, só será permitida a entrada com visto de turista e seguindo as regras vigentes de período de entrada e estadia para cada nacionalidade.

      O processo de naturalização chinesa deve ser feito apenas com os jogadores, os familiares ficam com o passaporte brasileiro, não mudam suas vidas neste sentido.

      PROJETO COPA DE 2022

      Se fora de campo os chineses se movimentam para conseguir nomes de peso para a seleção nacional, de olho na classificação para a Copa de 2022, o projeto interno é enorme e passa pelo Guangzhou Evergrande, time que venceu sete das últimas oito edições do Campeonato Chinês.

      Todos os brasileiros citados no processo de naturalização têm vínculo com o clube, mas apenas Elkeson e Ricardo Goulart, de fato, fazem parte do elenco. Alan (Tianjin Tianhai), Aloisio (Guangdong Southern Tigers) e Fernandinho (Hebei Fortune) estão emprestados

      O capitão esportivo do projeto de naturalização de jogadores é o técnico da seleção chinesa, Marcello Lippi. Em sua segunda passagem pelo time nacional, ele também acumula experiência no Guangzhou Evergrande, clube pelo qual trabalhou entre 2012 e 2014 e conquistou três vezes a liga nacional e a Liga dos Campeões da Ásia de 2013.

      O Guangzhou Evergrande se tornou o maior time da China nos últimos anos, tem os melhores jogadores nacionais, é o grande papão de títulos. Foi escolhido como uma espécie de base da seleção nacional, por isso os brasileiros que estão em processo de naturalização têm vínculo com a equipe. Se o trabalho da seleção é idealizado por um italiano, o do Guangzhou também é. Fabio Cannavaro está no comando desde 2017, quando assumiu o posto de Luiz Felipe Scolari.
      Curiosamente, Cannavaro chegou a comandar a seleção chinesa em dois jogos em 2019, na China Cup. O time nacional perdeu ambos: 1 a 0 para a Tailândia, e 1 a 0 para o Uzbequistão. Depois, Lippi voltou ao comando da seleção.

      Enquanto o processo com os brasileiros está em andamento, os chineses conseguiram a naturalização de dois jogadores: o inglês Yennaris e o norueguês Saeter, ambos do Beijing Guoan.

      O volante Yennaris, que começou a carreira no Arsenal, disputou dois jogos pela seleção chinesa: vitória por 2 a 0 sobre as Filipinas e vitória por 1 a 0 sobre o Tadjiquistão. As partidas foram disputadas nos dias 7 e 11 de junho, respectivamente.

      A China está no Grupo A das Eliminatórias da Ásia para a Copa do Mundo de 2022, ao lado de Síria, Filipina, Maldivas e Guam. A estreia dos chineses será contra Maldivas no dia 10 de setembro. O time de Marcello Lippi não disputa um Mundial desde 2002, sua única participação no torneio.
    • Selat
      By Selat
      Fala galera!
      Não sei se é válido dizer que sou novo aqui no fórum pois sou membro desde 2006 🤣. Mas o fato é que passei mais de uma década aqui apenas aproveitando o grande serviço que o FManager oferece para a comunidade FM, sempre nos bastidores. Achei que seria hora de eu tentar reverter isso e conseguir proporcionar para a comunidade algo em “troca”. Então decidi promover esse pequeno entretenimento em forma de história fictícia. 
      Me chamo Tales, tenho 27 anos e sou fã de FM desde o 2005. Sou de Belém do Pará e tenho apenas um time do coração: Paysandu Sport Club. Que por sinal foi a equipe escolhida para iniciar este save, "aproveitando" o mal momento do time estando recém-rebaixado para a Série C e me dando o desafio de subir de volta para a elite do futebol brasileiro.
      Apesar de ser jogador de FM desde quase os primórdios, confesso que tem algumas coisas que nunca consegui atingir em um save. Vou me dar o desafio de conseguir atingir algumas dessas coisas com este. Por exemplo: Nunca fui campeão de uma libertadores ou um mundial de clubes em qualquer FM (sempre gosto de começar com um time lá embaixo nas divisões até chegar ao sucesso, mas sempre abandono o save antes do grande sucesso chegar 😂 – às vezes por falta de tempo, às vezes porque lançou outro FM melhor e às vezes simplesmente porque perco o interesse). Nunca fui campeão de uma champions (embora tenha chegado na final certa vez com o PSG no FM2014, perdendo de 3x2 pro Chelsea, mas isso é outra história) ou de uma Copa do Mundo (na verdade nunca nem treinei uma seleção no FM).
      Enfim, deu pra ver que apesar de ter tempo e experiência com o jogo, tem muitas coisas que ainda não alcancei, e algumas delas pretendo alcançar com este save, jogando o FM2019 pela primeira vez, segue a lista de objetivos abaixo:
      Objetivos:
      - Campeão de ao menos 5 estaduais, não importando quais estados. (Faltam 4)
      - Campeão Brasileiro 3 vezes (Ao menos um deles deve ser a Série A). (Faltam 2)
      - Campeão da Copa do Brasil ao menos uma vez.
      - Libertadores ao menos uma vez.
      - Mundial de Clubes ao menos uma vez.
      Ao ver esses objetivos já deve ficar claro que meu save se passará no Brasil. Começarei no Paysandu mas não pretendo me limitar apenas nele. Caso outro clube me chame durante a jornada, posso acabar optando por ir treiná-lo, me limitando apenas no Brasil.
      Ligas selecionadas (Tem bastante coisa mas o PC aguenta).
      A História
      A partir do próximo post, vamos acompanhar a história de dois amigos: Edílio Marques, um jornalista esportivo, e Donald Santos, um jovem recém promovido a técnico de futebol. Ao saber que o amigo conseguiu uma promoção dentro do Paysandu Sport Club como técnico da equipe principal para a temporada 2019, Edílio decide “abusar” da amizade para ter acesso aos bastidores de tudo o que rola dentro do clube, decidindo então escrever vários relatos sobre a trajetória que se iniciava ali.
       
      Índice - 1ª Temporada
      Capítulo I
      Capítulo II - Presente de Natal e Pré-temporada "fabulosa"
      Capítulo III - "É no detalhe que se define um clássico"
      Capítulo IV - "Diga ao Don que estou procurando ele"
      Capítulo V - 3 semanas, 3 decisões
      Capítulo VI - Um sobe, outro desce
      Capítulo VII - Entre glórias e fracassos
      Capítulo VIII - Pintando a chave de ouro
      Índice - 2ª Temporada
      Interlúdio - A Trilha
    • Aleef
      By Aleef
      A seleção brasileira feminina já tem um novo comando. Após a demissão de Vadão, a CBF chegou a um acordo com Pia Sundhage, sueca de 59 anos que é bicampeã olímpica com os Estados Unidos e estava dirigindo a categoria sub-16 de seu país. A confederação irá fazer o anúncio oficial nas próximas horas, e a treinadora terá no cargo uma atuação abrangente, desde as categorias de base.
      https://globoesporte.globo.com/blogs/blog-da-gabriela-moreira/post/2019/07/24/sueca-bicampea-olimpica-com-os-eua-sera-a-nova-treinadora-da-selecao-brasileira-feminina.ghtml?__twitter_impression=true
       
       
      Gostei, mas ainda precisa demitir o gordinho.
×
×
  • Create New...