Jump to content

PedroJr14
 Share

Recommended Posts

Em 29/12/2018 at 11:21, marciof89 disse:

3V 2E 3D não é uma campanha magnífica, mas não tá de todo ruim. Pode melhorar, e playoffs é totalmente possível, se acertar o passo.

O maior destaque fica mesmo para os juniores, mandando muito bem hahahha

Boa sorte!

A nossa formação antiga já não estava rendendo o suficiente, fizemos algumas mudanças pontuais e as coisas vêm melhorando lentamente. A garotada tá bem mesmo, espero que mantenham a pegada para dar mais um orgulho ao nosso clube.

Valeu!

Em 29/12/2018 at 11:44, thyagocda disse:

Se as coisas continuarem nesse ritmo as chances de sucesso são grandes. O Castilla está tão ruim assim mesmo? Não tem nenhum Vinicius Junior pra ajudar lá não? hehehe

KKKKKK, a maioria dos bons jogadores da base deles estão emprestado, o time é mais o que sobrou. Eles perderam o Luca Zidane de graça pro Milan, tinha um potencial incrível. Muitos dos jogadores deles estão ainda com contrato de formação, já tem alguns que podem ser negociados com a nossa equipe em breve e só precisaremos de uma pequena compensação, ainda estamos vendo se algum vale a pena.

Obrigado pelo comentário!

22 horas atrás, Thiago Snitram disse:

33 mil em contratações é melhor que 0 ... kkkkkkkkkkk
conseguiu se recuperar bem em setembro na competição e o playoff é totalmente possível. Se não vier creio que nem brigará pelo rebaixamento. Juniores muito bem? será que saí uns 3 jogadores pro elenco principal?

 

KKKKKK, melhor que nada mesmo. Estamos melhorando aos poucos e já começamos a vislumbrar algo além da briga contra a queda. A garotada tá jogando o fino, acho que nas próximas temporadas vamos colher alguns bons frutos que podem vir a nós ajudar bastante.

Valeu pelo comentário!

19 horas atrás, LC disse:

Se recuperou bem e agora já pode tentar chegar aos playoff. Bela vitória em cima do Getafe na Copa do Rey. Vamos ver até onde pode chegar com o time.Boa sorte na sequência.

A partir dessa fase em que estamos, já ficam sorteadas todas as chaves, salvo engano a gente só pode enfrentar uma das equipes top se chegar na semifinal. Pra isso, teremos que bater em outros clubes tradicionais, mas sem tanta força como Real, Barça e Atlético. 

Obrigado por acompanhar!

Link to comment
Share on other sites

Parabéns pelas conqusitas anteriores.

O clube se desenvolveu bem, e apesar do início, o time parece estar dando sinais que a temporada sera muito boa ainda.

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Link to comment
Share on other sites

Uma semaninha de folga e conseguirei atualizar algumas leituras e começar outras, sempre bom conhecer histórias/projetos novos.

A sua saga já começou grande com um clube de tradição, embora sem título de expressão.
Grandes nomes passaram pelo clube, isso mostra que tem certo status no futebol e o estádio é absolutamente muito melhor que vários estádios brasileiros.

De cara você usou uma formação que é a das que tenho mais usado atualmente. Se tiver os jogadores certos, poderá sempre fazer boas campanhas. Embora você tenha falado do problema existente no elenco quanto ao número de jogadores inscritos, fez ótima campanha até a rodada 16.

Aquele 5 a 0 do Barcelona foi de tirar o coro, heim! Mas isso não é tão importante se entender que o momento do Racing é de lutar pela chegada à primeira divisão o primeiro passo já foi dado. O acesso a B1 foi concretizada com sucesso e o título veio na sequência em jogos com placar apertado, exceto o 3 a 0 contra o Alcoyano, os registros da temporada confirmam o bom trabalho desenvolvido.

A campanha na Segunda Divisão não poderia ser diferente do que acontece, pois sem contratações, o time certamente iria enfrentar dificuldades e mesmo assim, está conseguindo um bom rendimento. Dos destaques apresentados no início da temporada, o lateral Dani Estrada e o Meio campista Rafa de Vicente certamente ajudarão e muito no rendimento da equipe.

Curti bastante esse início de saga e imagino que virão confrontos históricos pela frente, principalmente porque está jogando num país que comporta pelo menos 3 dos principais times do mundo hoje.
Uma observação, esses gráficos do FM 2017 são do próprio jogo ou você baixou alguma atualização que deu essa cara? Bem diferente da aparência que o jogo tem hoje em dia onde tudo é muito escuro. Continuarei acompanhando, boa sorte na sequência!

Link to comment
Share on other sites

Em 30/12/2018 at 20:47, baltazar disse:

Parabéns pelas conqusitas anteriores.

O clube se desenvolveu bem, e apesar do início, o time parece estar dando sinais que a temporada sera muito boa ainda.

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Fala, Balta.

Estamos buscando uma reação, quem sabe venha mesmo algo muito bom por aí, é pra isso que estamos trabalhando.

Valeu por acompanhar.

Em 31/12/2018 at 08:17, Vannces disse:

Uma semaninha de folga e conseguirei atualizar algumas leituras e começar outras, sempre bom conhecer histórias/projetos novos.

A sua saga já começou grande com um clube de tradição, embora sem título de expressão.
Grandes nomes passaram pelo clube, isso mostra que tem certo status no futebol e o estádio é absolutamente muito melhor que vários estádios brasileiros.

De cara você usou uma formação que é a das que tenho mais usado atualmente. Se tiver os jogadores certos, poderá sempre fazer boas campanhas. Embora você tenha falado do problema existente no elenco quanto ao número de jogadores inscritos, fez ótima campanha até a rodada 16.

Aquele 5 a 0 do Barcelona foi de tirar o coro, heim! Mas isso não é tão importante se entender que o momento do Racing é de lutar pela chegada à primeira divisão o primeiro passo já foi dado. O acesso a B1 foi concretizada com sucesso e o título veio na sequência em jogos com placar apertado, exceto o 3 a 0 contra o Alcoyano, os registros da temporada confirmam o bom trabalho desenvolvido.

A campanha na Segunda Divisão não poderia ser diferente do que acontece, pois sem contratações, o time certamente iria enfrentar dificuldades e mesmo assim, está conseguindo um bom rendimento. Dos destaques apresentados no início da temporada, o lateral Dani Estrada e o Meio campista Rafa de Vicente certamente ajudarão e muito no rendimento da equipe.

Curti bastante esse início de saga e imagino que virão confrontos históricos pela frente, principalmente porque está jogando num país que comporta pelo menos 3 dos principais times do mundo hoje.
Uma observação, esses gráficos do FM 2017 são do próprio jogo ou você baixou alguma atualização que deu essa cara? Bem diferente da aparência que o jogo tem hoje em dia onde tudo é muito escuro. Continuarei acompanhando, boa sorte na sequência!

Bom te receber por aqui, Vannces.

É uma marca registrada minha tentar reerguer clubes que já não estão nos seus melhores dias, é exatamente esse o caso do Racing. 

Você realmente está a par de tudo o que tem acontecido no clube nessas duas primeiras temporadas e acho que compartilha o mesmo pensamento que eu, de que o clube pode render ainda mais. Uma mudança aqui, outra ali podem fazer a diferença em uma possível arrancada e você foi muito bem em observar Estrada e De Vicente, realmente têm potencial para ajudar muito o nosso clube nessa temporada.

Quanto aos gráficos, eu jogo com a skin "FM Flut skin 17 White", a pesar dessa skin ter como carro chefe a Flut skin Dark, eu também prefiro algo mais claro, acho mais bonito. Apesar dela ser optimizada para telas maiores, acho que caiu bem no meu jogo.

Muito obrigado por acompanhar e espero que continue conosco e faça parte do desenvolvimento do clube.

Link to comment
Share on other sites

  • 2 weeks later...

Que subida hein. Eu ia xingar o Di Pasquale mas como é o futebol. Nada como um dias após o outro.

Uma boa campanha na segunda divisão, meio da tabela depois de subir tá tranquilo.

O que eu não entendi foi o Real Madrid B aí também, vocês não eliminaram eles pra subir?

Boa sorte na sequencia.

Link to comment
Share on other sites

Em 16/01/2019 at 09:30, Neynaocai disse:

Que subida hein. Eu ia xingar o Di Pasquale mas como é o futebol. Nada como um dias após o outro.

Uma boa campanha na segunda divisão, meio da tabela depois de subir tá tranquilo.

O que eu não entendi foi o Real Madrid B aí também, vocês não eliminaram eles pra subir?

Boa sorte na sequencia.

Haha, o futebol é maravilhoso!

Os campeões de cada grupo se classificam para um playoff, do segundo ao quarto colocado de cada grupo se classificam para outro playoff, num total de 12 times. Entre esses 12 times é feito um sorteio dividindo-os em 6 confrontos, onde se classificam os 6 vencedores. No playoff dos 4 campeões os dois classificados para a final sobem direto, os dois eliminados caem para o outro playoff junto com os 6 classificados, formando assim 8 times que se enfrentam em mata-mata, onde o campeão ascende de divisão. O Real foi o campeão. 

Complicado, mas lendo umas 14 ou 15 vezes dá pra entender kkkkkkk

Link to comment
Share on other sites

II Temporada, Capítulo 2 - "Meu nove veste a 11!"

Real-Racing-Club-Santander.png&key=d0634

A mudança na tática da equipe principal resultou em 3 vitórias nos últimos 4 jogos, seria isso uma coincidência ou um reflexo da visão aguçada do treinador que detectou as deficiências da equipe e fez as alterações corretas? A resposta seria dada com o passar dos jogos, a torcida esperava uma reação, já a imprensa não apostava nisso.

Depois das recentes vitórias as críticas sobre o treinador cessaram, sua vida pessoal foi deixada de lado e não só ele como os jogadores puderam trabalhar em paz. Ou não...

O técnico do Racing foi capa do jornal mais importante de Santander, apenas alguns dias após a classificação na Copa do Rei, que teve como principal assunto do dia, a difícil relação de Botín com a família. O jovem técnico é neto do falecido bilionário Emilio Botín e da Marquesa Paloma O'Shea, por consequência é sobrinho da atual presidente do grupo Santander. A matéria tratou de salientar que Marco era o xodó do avô (entre outros 18 netos, de 6 filhos) , que faleceu em 2014, mas não sem deixar uma poupança gorda para o neto, porém tudo foi gasto em festas o que piorou ainda mais a relação de Marco com o resto da família. Quando terminou a faculdade, marco passou a morar sozinho em um pequeno apartamento, sem luxo algum e tinha as despesas pagas pela avó. Apesar de Ana Patricia Botín presidir o grupo Santander, o pai de Marco é uma das pessoas mais influentes da cidade e muitas vezes é quem dá a última palavra nas principais decisões do grupo, acima mesmo até da sua irmã.

Marco Botín tenta agora, de todas as maneiras, reconstruir a sua história. Tentando se livrar do que o seu sobrenome representa e tentando esquecer o seu passado.

 

Transferências e Finanças

Estamos apresentando um pequeno Déficit que deve continuar até o final da temporada, mas nada tão grande como o que foi no último ano. Os motivos desse déficit não mudaram, continuam sendo os salários dos jogadores, pagamento das parcelas da dívida do clube e os impostos. Já estamos prestes a alcançar os números da última temporada, tanto nas despesas quanto nas receitas.

R.-Santander_-Financas-Sumario-2.png

Quanto às transferências, estamos em negociações avançadas com o goleiro Aléx Craninx, do Real Madrid B. O jogador espanhol naturalizado belga tem 22 anos está entrando nos seus 6 meses finais de contrato e sente que nunca terá oportunidades suficientes no time principal dos merengues. Lembrando que o Real Madrid já perdeu Luca Zidane de graça para o Milan e agora pode estar perdendo mais um bom goleiro.

Ainda temos 186 mil Euros em caixa para transferências, além de contarmos com 30% do valor de alguma transferência de qualquer jogador nosso, caso isso venha a acontecer. 

Jogos

[Outubro]

Tivemos uma sequência de 3 jogos consecutivos fora de casa no início do mês de Outubro. No primeiro visitamos o Huesca e em um jogo que tinha tudo para ser tranquilo, vencemos por o placar apertado de 2x1, com direito a pênalti perdido por Jara. O segundo confronto da maratona de jogos fora foi contra o Tenerife e vimos um show de Egea, que marcou 3 gols no vira-vira e garantiu nossa vitória por 3x2. O reencontro com o atacante Ábdon, que agora defende o Tenerife não foi muito bom para o jogador, que além de derrotado saiu de campo machucado.

Sporting Gijón: O adversário da terceira fase da Copa del Rey era a boa equipe do Gijón que liderava com folga a segunda divisão, naquela ocasião. Sabíamos da qualidade deles, por isso fizemos um jogo mais seguro e mais recuado, buscando aproveitar momentos de desatenção do adversário. Coulibaly abriu o placar aos 17 minutos, ganhando de cabeça da dupla de zaga. Resistimos a pressão até os 76, quando Sandoval empatou para o time da casa. O gol da vitória só sairia aos 83 minutos, quando Beobide acertou um chutaço do meio da rua e nos colocou na quarta fase da copa do rei. O adversário seria o Oviedo, clube de La Liga, mas que até então não havia vencido nenhum jogo no ano (0V-4E-10D) e iria estrear na Copa do Rei justamente contra a nossa equipe.

S.-Gijon---R.-Santander_-Geral-Vista-Ger

De volta a Santander, enfrentamos o Cádiz e vencemos por 3x2 em um jogo muito apertado que ainda teve as expulsões de Jon Ander Garrido, do lado do Cadiz, e Borja Granero do lado do Racing. O adversário seguinte foi o Alcoyano, que apesar de ter saído na frente, quase não ofereceu nenhuma resistência frente a nossa equipe, acabando o jogo com 6 finalizações contra 35 da nossa equipe.

out17.png

 

[Novembro]

Rayo Vallecano: Começamos o mês com um tropeço em Vallecas, apesar de termos tido um jogador expulso aos 35 minutos de partida, saímos na frente com Egea ainda no primeiro tempo. O peso de ter um a menos no campo prevaleceu na segunda etapa e vimos Bangoura marcar duas vezes e decretar a vitória dos donos da casa.

Vallecano---R.-Santander_-Geral-Vista-Ge

Em sequência recebemos Alcorón e Zaragoza, derrotamos ambos pelo placar de 3x0. O jogo contra o Zaragoza foi decidido com os 3 gols sendo marcados ainda na primeira etapa e a coisa só não ficou mais feia por conta da expulsão gratuita de Borja Granero no início da segunda etapa. Depois de dois jogos fáceis, encontramos um adversário nobre e esse foi o Elche, que só não saiu de campo com a vitória por conta de um gol heroico arrumado por Lauren Egea no último minuto da partida.

Oviedo: Enfim um confronto contra um time da primeira divisão nessa temporada. Recebemos o Oviedo sabendo das nossas possibilidades e num jogo muito parelho conseguimos aproveitar melhor as chances de gol para abrir 2x0. O Oviedo ainda diminuiria com De Tomas, mas Ivan Bolado daria o golpe de misericórdia faltando dois minutos para o fim do jogo. Poderíamos perder o jogo de volta por um gol de diferença e ainda sairíamos com a classificação.

R.-Santander---Oviedo_-Geral-Vista-Geral

nov17.png

 

[Dezembro]

Recebemos o Hércules no único jogo que faríamos em casa no mês de Dezembro e os visitantes assustaram com Fito abrindo o placar aos 10 minutos, mas a alegria durou só até a segunda etapa, quando Egea marcou 2 vezes e garantiu a virada. Atropelamos o Leganés fora de casa com um 3x0, mais uma vez mostrando a força do nosso ataque, o mais prólífero da competição. Contra o Numancia, Egea marcou mais dois gols e garantiu a nossa vitória apesar da tentativa de reação do time da casa que ainda marcou um gol aos 88 minutos.

Oviedo: Na segunda entre as nossas equipes pela Copa do Rei, o Oviedo entrou mordido e fez uma grande pressão inicial, inclusive com bola na trave. O gol que parecia certo saiu aos 20 minutos com De Tomás. O empate saiu ainda no primeiro tempo com Pol Calvet batendo falta. Na segunda etapa De Tomas colocou o time da casa na frente de novo e incendiou o jogo, mas Miguel Nuñez subiu mais alto que todo mundo aos 65 minutos para empatar novamente o confronto. Apesar de toda a pressão, a pontaria do Oviedo não estava nada boa, poderíamos ter saído com uma derrota pesada, mas tivemos sorte!

Oviedo---R.-Santander_-Geral-Vista-Geral

dez17.png

 

Competições

[Copa del Rey]

R.-Santander_-Competicoes-5.png

Nosso adversário será o Osasuna, clube que ocupa a 11ª posição em La Liga e tem como principal jogador o meia Roberto Torres, ídolo do clube, o qual defende há mais de 10 anos. Já superamos a nossa meta que era chegar até a quarta eliminatória, vejo poucas possibilidades de classificação, mas não é proibido sonhar. Passando ou não, foi uma ótima experiência chegar até as oitavas de final da Copa do Rei da Espanha.

[Segunda Divisão]

Segunda-Divisao-Espanhola_-Vista-Geral-F

Uma arrancada espetacular que nos permite não só sonhar com o acesso, mas também com o título. Assim como na última temporada, demoramos um pouco para nos acertar, mas quando isso aconteceu acabamos por mostrar a nossa superioridade frente à grande parte dos times que enfrentamos. Se a coisa continuar assim, o Gijón que se cuide, a diferença que era de 7 pontos na última atualização, caiu para três!

 

Destaques

O grande destaque desses últimos 3 meses fica, sem dúvida alguma, com Lauren Egea. Nosso camisa 11 tem números impressionantes nessa temporada, marcando gols em todos os últimos 11 jogos que disputou, somando um total de 18 bolas na rede, nesse período. Egea agora é o artilheiro da Segunda divisão com 18 gols em 19 partidas, 4 gols à frente de Rodri, jogador do Córdoba. Rafa de Vicente também merece destaque, já que a transição de jogo passa pelos seus pés e vem sendo muito bem feita, possibilitando que a bola chegue redonda para os jogadores da frente. Héber é o líder de assistências do campeonato com 9 e é seguido por Santi Jara que tem apenas 1 a menos.

O destaque negativo vai para a defesa. Nesses 3 meses disputamos 14 jogos e sofremos gols em 11 deles, contabilizando um total de 15 gols sofridos nesse período. Temos que fazer alguma coisa para corrigir o setor defensivo, caso queiramos realmente nos afirmar como candidatos ao título, pois não é toda noite que o nosso ataque vai estar inspirado. Quase que coloco o título do capítulo "A melhor defesa é o ataque, porque a defesa mesmo tá uma merda", kkkk.

Ps: Ziquei os moleques da base e espero que não aconteça o mesmo com esses que eu estou elogiando. A garotada começou a tropeçar e caiu para sexto lugar após 21 partidas disputadas, somando 42 pontos, 14 a menos que o líder Gijón.

Link to comment
Share on other sites

Conseguindo um bom resultado em casa, consegue até mesmo passar pelo Osasuna e avançar mais um pouco na Taça do Rei. E na Segunda Divisão, conseguiu uma sequência muito boa de resultados, o que lhe permite lugar por uma vaga para a La Liga da próxima temporada.

Link to comment
Share on other sites

Bacana ver uma galera que ajudou na subida tendo destaque na segundona, como o Heber.

Di Pasquale virou titular pelo jeito. Ele tem capacidade pra tanto ou virou teu xodó? hahaha

Só eu que acho esquisito um Coulibaly de atacante?

Boa sorte na sequência, embora fique com um pé atrás por chegar tão rápido com possibilidade de acesso. O Racing teria bala pra se manter na primeira - caso concretize o acesso? - ou rolaria um apoio paternal $?

 

Link to comment
Share on other sites

Vem fazendo um bom primeiro turno e se manter a regularidade vai conseguir subir direto ou no mínimo disputar os playoffs de acesso. Boa sorte na sequência.

Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, LC disse:

Vem fazendo um bom primeiro turno e se manter a regularidade vai conseguir subir direto ou no mínimo disputar os playoffs de acesso. Boa sorte na sequência.

A nossa equipe cresceu bastante e espero que esse crescimento continue para fazer de nós reais candidatos ao título.

Obrigado por acompanhar!

6 horas atrás, Neynaocai disse:

Bacana ver uma galera que ajudou na subida tendo destaque na segundona, como o Heber.

Di Pasquale virou titular pelo jeito. Ele tem capacidade pra tanto ou virou teu xodó? hahaha

Só eu que acho esquisito um Coulibaly de atacante?

Boa sorte na sequência, embora fique com um pé atrás por chegar tão rápido com possibilidade de acesso. O Racing teria bala pra se manter na primeira - caso concretize o acesso? - ou rolaria um apoio paternal $?

 

Di Pasquale jogou os últimos jogos na temporada passada e tá tendo chances de ganhar experiência na Copa do Rei, onde jogamos com um time alternativo. A partir de agora vamos começar a jogar com os titulares, tendo em vista que um avanço maior é possível.

Eu também estranho muito KKKKKK, Coulibaly é nome de defensor, me acostumei com isso a minha vida inteira, agora tenho que mudar de perspectiva.

No meu ver tem alguns times de La Liga que não ficam muito à frente do nosso, mas para continuar lá, caso o acesso venha, teremos que ganhar a maioria dos pontos contra esses times, senão todos, já que a grande maioria é muito superior. Com alguns reforços dá pra pensar em escapar, mas antes temos que focar na garantia de fazer uma boa campanha ainda esse ano.

Obrigado por comentar!

17 horas atrás, Johann Duwe disse:

Conseguindo um bom resultado em casa, consegue até mesmo passar pelo Osasuna e avançar mais um pouco na Taça do Rei. E na Segunda Divisão, conseguiu uma sequência muito boa de resultados, o que lhe permite lugar por uma vaga para a La Liga da próxima temporada.

Fala, Johann.

Estamos caminhando lentamente em busca dos nossos objetivos. Nos davam como candidatos à luta contra o rebaixamento, escapando por pouco ao final da temporada e hoje já nos colocamos como favoritos em jogos até contra times da primeira divisão. É uma clara evolução, não é mesmo?

Estamos seguindo em busca do acesso, é cedo pra dizer algo, mas eu EMPOLGUEI. Valeu por acompanhar!

Link to comment
Share on other sites

Vai passar pelo Osasuña, profetizei aqui.

Campanha bacana, jogadores importantes da temporada passada se destacando, isso é bacana quando se sobe.

Acho que vai ter título da segundona sim. Tá com muita pinta de campeão!

Boa sorte!

Link to comment
Share on other sites

6 horas atrás, marciof89 disse:

Vai passar pelo Osasuña, profetizei aqui.

Campanha bacana, jogadores importantes da temporada passada se destacando, isso é bacana quando se sobe.

Acho que vai ter título da segundona sim. Tá com muita pinta de campeão!

Boa sorte!

Espero que você acerte essa, mas vai ser complicado. O time do Osasuna está no meio da tabela de La Liga, em uma situação bem diferente da do Oviedo, vai ser um desafio e tanto.

Acho isso legal também, geralmente eu só tiro do time se o cara não estiver tendo serventia nenhuma mesmo, ou se chegar alguém muito superior, procuro dar valor aos meus jogadores e acho que por isso que vamos tendo uma boa campanha em todas as frentes. Fazer eles se sentirem valorizados também é importante.

Estamos subindo, o Gijón que se cuide!!

Valeu por acompanhar, Márcio!

Link to comment
Share on other sites

  • Vice-President

Achei que a equipe teria mais dificuldades nessa subida, mas parece que já está pronto para retornar até a La Liga.

Link to comment
Share on other sites

Espetacular a campanha na competição nacional e pelo que você disse, a mudança tática realmente fez sentido e a equipe passou a produzir muito mais. Na derrota por exemplo, com um jogador a menos aos 35 minutos, ainda assim conseguiu fazer um bom jogo e nesse caso, o resultado negativo é absolutamente natural.
Você falou sobre a arrancada e a possibilidade do título. Acho que pode ganhar sim. O saldo de gols é o segundo melhor da competição e se houver a possibilidade de algum pequeno ajuste ao ponto de conseguir um melhor equilíbrio, poderá, sem dúvida, brigar pelo títulos até o fim. Boa sorte na sequência.

Link to comment
Share on other sites

Em 19/01/2019 at 13:00, Henrique M. disse:

Achei que a equipe teria mais dificuldades nessa subida, mas parece que já está pronto para retornar até a La Liga.

Eu também, foi uma completa surpresa, mas a distância entre a qualidade dos times da Segunda B e da Segunda não difere tanto assim. Com um ou outro reforço dá pra se manter, mas estamos conseguindo algo além disso, estamos sonhando com o acesso.

Valeu por acompanhar!

Em 19/01/2019 at 22:35, Vannces disse:

Espetacular a campanha na competição nacional e pelo que você disse, a mudança tática realmente fez sentido e a equipe passou a produzir muito mais. Na derrota por exemplo, com um jogador a menos aos 35 minutos, ainda assim conseguiu fazer um bom jogo e nesse caso, o resultado negativo é absolutamente natural.
Você falou sobre a arrancada e a possibilidade do título. Acho que pode ganhar sim. O saldo de gols é o segundo melhor da competição e se houver a possibilidade de algum pequeno ajuste ao ponto de conseguir um melhor equilíbrio, poderá, sem dúvida, brigar pelo títulos até o fim. Boa sorte na sequência.

Crescemos demais com os ajustes táticos, as vezes uma ou outra mexida no posicionamento ou na função de um jogador pode fazer muita diferença. Vamos ao mercado nesse intervalo de temporada para tentar concretizar a aquisição de algum jogador que possa fazer a diferença para o nosso time e que nos ajude a chegar de vez na briga pelo título.

Obrigado pelo comentário.

5 horas atrás, LC disse:

Novidades @PedroJr14?

Com o post do dia 17, eu achei que fosse demorar um tempinho pra postar de novo porque as coisas aqui estavam meio atribuladas, mas no outro dia eu já joguei o capítulo seguinte inteiro rs

Acho que hoje mesmo já começo a escrever e talvez dê tempo de postar, caso a internet melhore.

Valeu, LC!

 

Link to comment
Share on other sites

II Temporada, Capítulo 3 - Um gol bizarro!

Real-Racing-Club-Santander.png&key=d0634

Seguimos na perseguição pelos líderes e com alguns nomes a observar no mercado em busca de fortalecimento para a equipe na temporada que se segue. Rumores apontaram a presença de Ronaldinho Gaúcho em Santander. O craque que acabara de encerrar oficialmente a sua carreira é amigo pessoal de Botín e seria o elo de ligação entre o Racing e alguns membros da diretoria do Atlético-MG, já que os mesmos ofereceram um jogador da sua base ao clube espanhol, inicialmente por empréstimo, mas depois de observação o clube resolveu por tentar a compra do atleta.

O ex-atleta, o técnico do Racing e os empresários do jogador se reuniriam antes de uma festa particular. A noite de Santander não é muito atrativa, mas Botín e Ronaldinho sabem como fazer uma festinha...

Em algum lugar a sul de Santander 22h, 18/01/2018.
- Ronaldinho: Excelente resultado no meio de semana, creio que aqui em Santander vocês sejam capazes de passar por eles.
- Botín: Valeu, cara! Os convidados já estão chegando, está quase na hora de relembrarmos os velhos tempos.
- Ronaldinho: Nem tão velhos assim, haha. Nos conhecemos há quase 10 anos, você era apenas um garoto, mal sabia que iríamos nos encontrar em festas ao redor do mundo anos depois.
- Botín: É engraçado mesmo, principalmente por ter um ídolo como amigo. Mas vamos falar do outro motivo que lhe trouxe aqui além da festa. O menino é bom mesmo?
- Ronaldinho: Olha, o que eu vi foi de impressionar. Boa visão de jogo, trabalho em equipe, pensa rápido, além de ser excelente nos passes. Acredito que ele possa mudar o nível do meio-campo do clube em algum tempo, me lembra um pouco Djalminha. Se pedirem menos de 10 milhões de Euros, é melhor fazer de tudo pra comprar logo. Te conheço bem e sei que o seu poder de persuasão vai fazer baixar bem esse preço.
- Botín: Uau! Deve ser bom mesmo. O nosso orçamento está bem apertado, mas alguns jogadores estão de saída, com isso vamos ter algum dinheiro pra gastar. Não sei se chega nem a 5 milhões, mas vamos fazer de tudo para trazer o garoto. Agora vamos ao que interessa!

 

Transferências e Finanças

Tivemos uma grande quantidade de jogadores oferecidos ao nosso clube, principalmente vindos do futebol brasileiro. Mas quem chamou atenção mesmo foi um africano. O marfinense Souleymane Koné-Kouamé não tinha contrato assinado, mas jogava por um clube da sua terra natal, chegando sem custo algum ao nosso clube.

Souleymane-Kone-Kouame_-Geral-Perfil.png

Nossos olheiros começaram a viajar para fora da Europa pela primeira vez e o destino foi logo o Brasil. Lugar nenhum é melhor para achar talentos do que o próprio país do futebol. Logo de cara um jogador nos chamou atenção, esse era Marquinhos, meia do Atlético-MG, que apesar das poucas partidas com o elenco principal (9 jogos e nenhum gol), o meia era a principal joia do clube até pouco tempo. As negociações se arrastaram por um bom período e a contratação foi fechada com um valor que chegará a €2,8 milhões após 4 anos de parcelas e dependendo do desempenho do jogador esse valor ainda poderá ascender até os €6,25 milhões.

Marquinhos_-Geral-Perfil.png

Falando agora das saídas, Mohamed Coulibaly acertou a sua saída para o Numancia em uma negociação que nos rendeu €725 mil e chegará aos €900 mil após alguns jogos. Outro atacante que deixou o clube foi Chris O'Grady que assinou com o Port Vale da terceira divisão inglesa por €100 mil. Davide D'Ambrosio e Alessandro Di Pasquale acertaram suas voltas à Itália por €250 mil e €400 mil, respectivamente, ambos com uma cláusula que nos garante 50% da quantia integral da próxima transferência de ambos. D'Ambrosio assinou com a Lazio e Di Paquale com o Torino, espero que deem certo e nos rendam uma boa grana.

A negociação com Craninx, do Real Madrid, acabou após o jogador renovar com o clube merengue. O diretor do clube acertou a volta de Álvaro Odriozola ao clube, mas essa só vai acontecer em julho quando o seu contrato com a Real Sociedad terminar. Outro que tem um pré-contrato assinado com o nosso clube é Cristian Cedrés, que também pertence ao Real Madrid, mas está em fim de contrato. A diretoria negocia com dois jogadores de divisões inferiores para completar o plantel.

 

Jogos

[Janeiro]

Osasuna: Iniciamos o ano com o primeiro confronto das oitavas-de-final da Copa do Rei. Egea, de cabeça, abriu o placar logo aos 13 minutos. Apenas 4 minutos depois Marlos Moreno empatou tudo para os visitantes após boa jogada individual. Voltamos à frente no placar aos 36 minutos, após belo chute de Rafa de Vicente. Fofo ampliou na segunda etapa. Marlos Moreno ainda diminuiu, mas a reação parou por aí.

R.-Santander---Atletico-Pamplona_-Geral-

Granada: Em seguida fomos derrotados pelo Granada, na nossa própria casa. Poupamos o time para o segundo confronto com o Osasuna pela Copa da Espanha, tentamos segurar a diferença técnica fazendo faltas, mas acabamos por não segurar o time adversário.

R.-Santander---Granada_-Geral-Vista-Gera

Garantimos a classificação contra o Osasuna após empatar fora de casa em 0x0, o nosso próximo adversário seria coincidentemente o Granada. Empatamos com o Mallorca em um jogo maluco, onde saímos atrás ao 9 e aos 16 já vencíamos por 3x1, pena que não seguramos o resultado e permitimos o empate na segunda etapa, há dois minutos do fim. Voltamos a empatar, dessa vez contra o Granada no primeiro jogo das quartas da Copa do Rei, mas o 0x0 mostrou que a nossa equipe seria bem capaz de vencê-los, levando em consideração que fomos melhores o jogo inteiro. O Mirandés, nos arrancou um empate em 0x0, já era o quinto jogo sem vitória, acendendo assim a luz vermelha para a nossa equipe.

Granada: Voltamos ao caminho das vitórias em grande estilo. Aos 38 minutos, Jara abriu o placar em belíssima cobrança de falta, nos garantindo a vantagem no intervalo. Seguimos sem pressão até os 56 minutos, quando aconteceu o lance mais bizarro que eu vi em muito tempo. Falta na direita do nosso ataque, bola perdida nas mãos do goleiro Ruiter que sentiu imediatamente que pegou a bola. Na tentativa de chutar a bola para fora para receber atendimento o goleirão chutou a bola contra as costas de Miguel Nuñez, vendo a bola entrar devagarinho na sua meta. O desanimado Granada ainda viu Egea ampliar e garantir o placar final de 3x0 para a nossa equipe. O adversário posterior seria o gigante Real Madrid.

R.-Santander---Granada_-Geral-Vista-Gera

Ps: Até fiz um corte maior no print do jogo, pra mostrar que a contusão aconteceu mesmo no lance do gol e não 3 minutos depois como mostra nos registros.

Goleamos o Gijón fora de casa, apesar de termos saído atrás no placar. No primeiro confronto pela semifinal da Copa do Rei, até saímos na frente com Egea, mas Cristiano e Benzema (2x), trataram de garantir a vitória dos merengues. Foi um mês e tanto, 9 jogos onde pelo menos 4 poderiam ser destaque.

jan18.png

 

[Fevereiro]

O Lugo aproveitou a nossa sequência ruim de resultados para nos ultrapassar na tabela e abrir uma certa frente, que diminuiu após o confronto direto no qual saímos vencedores.

Real Madrid: Foi uma grande surpresa chegar até às semifinais da Copa do Rei, não que seja incomum uma equipe da segunda divisão alcançar tal feito, mas para mim foi algo quase que inacreditável. Já vivíamos um sonho e o resultado já não importava. O Real foi completo senhor do jogo contra o nosso time B e com um 4x0 confirmou a sua classificação e a garantia do El Classico na final.

R.-Madrid---R.-Santander_-Geral-Vista-Ge

Vencemos o Córdoba e o Getafe, antes de parar no 1x1 contra o Girona. Encerramos o mês com mais um empate, dessa vez foi sem gols contra o Huesca.

fev18.png

 

[Março]

Real Madrid B: "Vingamos" a eliminação da Copa do Rei, vencendo o time B do Real mais uma vez. Freguês é freguês. Apesar de ter sido superior no jogo, o Real deu oportunidades para que construíssemos a nossa vitória, com o tempero de ter marcado o gol da vitória nos 10 minutos finais.

R.-Madrid-B---R.-Santander_-Geral-Vista-

O resultado de 3x2 ao nosso favor voltou a se repetir contra o Valladolid, mas dessa vez fomos infinitamente superiores, tomando 2 gols em falhas defensivas. Marcaríamos 3 gols de novo contra o Tenerife, com destaque para Marquinhos que deixava sua marca pelo terceiro jogo consecutivo, tem caído nas graças do torcedor. Encerramos o mês empatando com o Cádiz, em um jogo onde poderíamos tranquilamente ter saído com a vitória.

mar18.png

 

Competições

[Copa del Rey]

Taca-do-Rei_-Vista-Geral-Perfil-2.png

Depois da campanha surpreendente e de termos chegado até as semifinais, vamos ver a competição ser decidida por quem a gente já esperava mesmo. Durante a nossa campanha eliminamos Getafe, Gijón, Oviedo, Osasuna e Granada até cair para o Real Madrid, uma campanha para ser lembrada.

[Segunda Divisão]

Segunda-Divisao-Espanhola_-Vista-Geral-F

Seguimos na perseguição pela liderança. Essa noite o Lugo dorme na primeira posição, mas uma vitória do Gijón pode levar o time de volta à liderança. Seguimos no bolo, qualquer bobeira estaremos atentos para não deixar as oportunidades escapar, como quando empatamos com Girona e Huesca, onde uma simples vitória nos levaria à ponta ainda que parcialmente.

 

Destaques

A equipe vem jogando bem como um todo, mas a presença de Marquinhos no meio-campo vem nos dando uma boa força ofensiva. Apesar de Peña ainda ser o dono da posição, o garoto brasileiro tem correspondido quando exigido. Com 4 presenças no time titular e mais 4 partidas entrando do banco, Marquinhos já soma 4 gols pelo Racing, chegando a marcar por 3 jogos consecutivos e deverá brigar forte por posição daqui para a frente.

Link to comment
Share on other sites

Na Copa do rey infelizmente pegou pela frente os madridistas e o resultado por enquanto ainda é normal. Na Liga continua jogando bem, tanto que está a 1 ponto do segundo e a 3 do líder. Basta manter a regularidade e tentar um sprint final para conseguir a vaga direta. Boa sorte na sequência.

Link to comment
Share on other sites

Pelo visto o mago do dibre tava certo, esse Marquinhos parece ser craque e com personalidade. Daqui a pouco o Real cai matando em cima dele, excelente negócio.

A temporada está excelente, vindo da terceira e já disputando o título.

Na Copa do Rei foi muito bem, mas teve bastante sorte nos adversários também.

Vida longa ao Botín

Link to comment
Share on other sites

  • Vice-President

Excelente campanha na Copa do Rey, mas ainda não tem como enfrentar o Real Madrid e esperar algo diferente. Quanto a Segunda Divisão, está com tudo encaminhado para participar dos playoffs, mas é melhor não dar chance para o azar e garantir a vaga direta.

Link to comment
Share on other sites

5 horas atrás, Henrique M. disse:

Excelente campanha na Copa do Rey, mas ainda não tem como enfrentar o Real Madrid e esperar algo diferente. Quanto a Segunda Divisão, está com tudo encaminhado para participar dos playoffs, mas é melhor não dar chance para o azar e garantir a vaga direta.

Estamos na luta, acredito que tenhamos potencial pra segurar a peteca e não perder o fôlego para continuar lutando até o final do campeonato.

Valeu por comentar!

5 horas atrás, Neynaocai disse:

Pelo visto o mago do dibre tava certo, esse Marquinhos parece ser craque e com personalidade. Daqui a pouco o Real cai matando em cima dele, excelente negócio.

A temporada está excelente, vindo da terceira e já disputando o título.

Na Copa do Rei foi muito bem, mas teve bastante sorte nos adversários também.

Vida longa ao Botín

Haha, espero que tenhamos acertado na contratação e que não seja só um fogo de palha. Estamos bem na temporada e vamos fazer de tudo para continuar bem.

Quanto à Copa do Rei, realmente tivemos sorte no nosso caminho, pegando adversários do nosso nível pra baixo, vai ser difícil fazer uma campanha dessas novamente, essa vai ficar na história por um bom tempo.

Obrigado por acompanhar!

7 horas atrás, LC disse:

Na Copa do rey infelizmente pegou pela frente os madridistas e o resultado por enquanto ainda é normal. Na Liga continua jogando bem, tanto que está a 1 ponto do segundo e a 3 do líder. Basta manter a regularidade e tentar um sprint final para conseguir a vaga direta. Boa sorte na sequência.

Tivemos muita sorte na nossa caminhada, pegando um grande somente na semifinal. A eliminação foi mais do que normal e agora teremos a oportunidade de focar as nossas atenções no campeonato para tentar derrubar os primeiros colocados e agarrar a liderança. Se derem bobeira, estaremos lá!

Valeu, LC!

Link to comment
Share on other sites

Todo caminho tem uma pedra, mas não precisava ser uma pedra gigante (diga-se Real Madrid). Mas adversário assim é algo muito bom para ir fazendo medições do potencial da equipe. Na competição nacional, acho que tem tudo, como disse o LC, chances de manter a regularidade e na parte final dar aquele gás para conseguir o acesso. O problema é quando jogadores importantes se machucam etc. Enfim, vida que segue. Como está o moral da equipe com o treinador? Se isso estiver positivo, será um fator determinante a seu favor. Boa sorte na sequência.

Link to comment
Share on other sites

Em 25/01/2019 at 19:04, Vannces disse:

Todo caminho tem uma pedra, mas não precisava ser uma pedra gigante (diga-se Real Madrid). Mas adversário assim é algo muito bom para ir fazendo medições do potencial da equipe. Na competição nacional, acho que tem tudo, como disse o LC, chances de manter a regularidade e na parte final dar aquele gás para conseguir o acesso. O problema é quando jogadores importantes se machucam etc. Enfim, vida que segue. Como está o moral da equipe com o treinador? Se isso estiver positivo, será um fator determinante a seu favor. Boa sorte na sequência.

Que pedra tivemos, hein?! O fato é que temos de nos orgulhar muito por ter chegado até as semifinais. Realmente pudemos ter a dimensão da distância que separa o nosso elenco do elenco do Real, Atlético e Barça, que são as equipes principais do país. Creio que vá demorar um bom tempo para que a gente figurar entre eles e até mesmo para chegar novamente em uma semifinal, a menos que contemos com a sorte, como foi nesse ano. 

Até aqui não temos sofrido com contusões, podendo contar sempre com os principais jogadores do time em momentos decisivos, acho que esse é um dos fatores principais para a nossa boa colocação no campeonato. Quanto à moral, de vez em quando estamos tendo alguns problemas com jogadores que tem poucas oportunidades no time principal e pedem para jogar ou sair. Às vezes eles não entendem a minha posição e tentam mobilizar o elenco contra mim, mas nas reuniões eu sempre mudo a opinião deles. Geralmente eu conto com o apoio do capitão, Granero, e isso facilita minha vida. Os jogadores tem que entender que está jogando quem está melhor e que são os jogadores que eu estou escalando que estão nos mantendo nessa posição. Caso as confusões continuem isso pode nos atrapalhar bastante na luta pela subida e teremos que lutar não só contra os adversários, mas contra nós mesmos.

Obrigado pelo comentário, Vannces.

Link to comment
Share on other sites

Real Madrid é muito para o Racing, mas uma hora você vai conseguir passar pelos madrileños sem sustos!

Se conseguir apertar o passo, consegue terminar o ano com título. Acredito que o time tem força para isso, mas precisa tentar não perder mais na divisão, senão só vai sobrar playoffs, e isso é um saco.

PS: Já falaram aqui em cima, mas que jogador esse Marquinhos!

Boa sorte XD

Link to comment
Share on other sites

  • marciof89 changed the title to Alma Verdiblanca
  • marciof89 locked this topic
Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

  • Similar Content

    • Bigode.
      By Bigode.
      A Federação Espanhola de Futebol decidiu mudar. Decidiu inovar. E, bem... vou deixar a notícia e as imagens da nova logomarca (que substitui a histórica inspirada em Joan Miró) e do novo escudo.
      Minha opinião, especialmente em relação a logomarca, vai de encontro a do sempre ótimo Gustavo Hofman: abriram mão de um dos símbolos mais bonitos entre federações em troca de "uma marca que poderia tranquilamente representar uma rede ferroviária". Não consigo olhar pra nova marca, aliás, e não pensar também numa logo de empresa farmacêutica, na linha da Bayer.
      E aqui o vídeo de apresentação:
       
    • #Vini
      By #Vini
      INTRODUÇÃO E CONSIDERAÇÕES INICIAIS Olá, eu me chamo Thomas Lawrence. Se você conhece o Oriente Médio como ele é hoje, mais precisamente o que era território do antigo Império Otomano, isso tem a ver com meu homônimo.
      O meu nome veio por pura coincidência, mas o desejo de liberdade e o gosto pelo desconhecido pode-se dizer que é bem parecido com o dele. Já que falamos um pouco sobre o Lawrence da Arábia, agora falemos sobre o Lawrence de Alexandria, no caso eu. Meu bisavô, trabalhou em atividades no protetorado inglês no Egito e gostou tanto que acabou fixando residência, algo repetido pelo meu avô e pelo meu pai.
      Eu vim ao mundo em setembro de 1987, quando o mundo já era completamente diferente e a Inglaterra estava bem longe do que era no começo do século XX. Ainda assim, ouvi bastante histórias sobre os dias gloriosos do império onde o sol nunca se punha, ficando fascinado com tantos locais diferentes: Índia, Afeganistão, Chipre e Grécia, só para ficar em alguns exemplos.
      O que me chamava realmente a atenção eram as histórias sobre o Mar Mediterrâneo, com a quantidade de países que ele abrigava e a beleza de suas paisagens. Esse fascínio sempre me trouxe a vontade de ler mais sobre o assunto, sem contar que a minha viagem após terminar os estudos básicos começou em Malta, passando por outros países banhados pelo famoso Mar.
      O que tudo isso tem a ver comigo? Bem, além de ser uma paixão pessoal, começou a se ligar quando eu comecei a estudar Educação Física e o sonho de trabalhar com o futebol foi ficando cada vez mais forte. Desse modo, quando concluí os estudos, resolvi que iria me aventurar pelo mundo, trabalhando com a minha paixão.
      Primeiro comecei com alguns trabalhos como preparador e assistente no futebol local, inclusive participando da comissão técnica do meu time do coração, o Zamalek. Assim, quando cheguei próximo aos meus trinta anos, com alguma experiência acumulada, resolvi cair no mundo, agora buscando a vaga de técnico.
      Distribuí currículos entre vários lugares, até que fui chamado para trabalhar em um país próximo. Porém deixemos essa história para depois.
      O SAVE Bom, como alguns notaram, na entrevista do Cleyton falou-se de um membro que teve o notebook furtado no bar. Então, a história foi comigo.
      Para ajudar, o idiota aqui não salvou nada na nuvem e acabou sem o save do Ajaccio e o na América do Sul. Depois do coração partido e mais despesas para recuperar o que eu perdi naquele dia, faltava voltar ao FManager. Qual foi a minha surpresa ao perceber que eu não lembrava a senha?
      Bem, passado todo esse caminho, comecei a me decidir sobre o que faria na sequência. Indo na contramão de alguns amigos que não estão com pique para o FM, eu estou voltando com a certeza que quero ir longe. E nada melhor do que conquistar a revanche com uma história que não foi para frente no FM 16, sobre o Mar Mediterrâneo.
      Só que até aí faltava me decidir sobre os caminhos do save, ponto esse em que o homem das 1000 ideias, @Tsuru, me deu uma baita ajuda.
      Consultei quais eram os países banhados pelo Mediterrâneo e verifiquei que eram 22. Deles eu tirei de cara Malta, Mônaco, Gibraltar, Síria e Palestina; por motivos que variam de uma liga que eu não julgava ser interessante, até pelo momento dos países na vida real. Nas listas que verifiquei, inicialmente não localizei o Chipre, mas decidi coloca-los por conta própria e assim fiquei com 18 ligas jogáveis.
      Dividi essas 18 ligas em potes, a saber:
      Pote 3
      Argélia, Egito, Líbano, Líbia, Tunísia e Marrocos
      Pote 2
      Albânia, Bósnia-Herzegovina, Chipre, Eslovênia, Montenegro e Israel
      Pote 1
      Croácia, Espanha, França, Grécia, Itália e Turquia
      Com essa divisão estabeleci que só passaria para os países do próximo pote assim que vencesse um título nacional em cada um dos locais do pote. Assim, só irei ativar as ligas do pote 2 assim que estiver no último país do pote 3.
      Dito isso, meus objetivos são os seguintes:
      Vencer títulos nacionais em todos os países do desafio Conquistar três Liga dos Campeões com clubes de países de continentes diferentes (alterado pela conquista com um clube libanês, que abriu frentes para a conquista do continente africano e europeu) Mudar de time apenas via convite, nunca me candidatando a outros cargos   (retirado pela dificuldade em surgirem convites, treinador passou a se candidatar, escolhendo opções viáveis dentro do plano de carreira)  
      HISTÓRICO  
       
      SALA DE TROFÉUS  
       
      O CLUBE Como disse, comecei desempregado o save, com experiência local e licença nacional A. Recebi alguns convites e acabei aceitando a proposta do ES Hamman-Sousse da Tunísia, que calhou de ser uma cidade na costa do Mediterrâneo. O time, que nunca foi muito além de campanhas medianas na Tunisian Ligue 1, já vai para sua quinta temporada na Tunisian Ligue 2.
      Vale lembrar que estou com o FM 17, o que quer dizer que o jogo irá iniciar na temporada 2016/17.
      Basicamente estou indo treinar um asilo. Fiquei impressionado com a quantidade de jogadores já beirando os 40 anos e devo pensar em qual estilo adotar com tantos veteranos, uma vez que uma reformulação completa não deve acontecer agora.
      Mandamos nossos jogos no estádio municipal Bou Ali-Lahouar, com capacidade para 6500 pessoas. Já pensando em um estilo que não canse tanto a equipe, solicitei ao responsável pelo gramado que deixe o tapete com as menores condições possíveis, no caso 90x70m.
      O time é cotado para a promoção à Ligue 1 e só me resta cumprir esse objetivo ou se não deverei sofrer minha primeira demissão.

      INFRAESTRUTURAS | LIGAS CARREGADAS
      A LIGA A Ligue 2 é um campeonato dividido em dois grupos de 10 equipes, que jogam em turno e returno, totalizando 18 jogos na primeira fase. Após essa fase, os três primeiros de cada grupo jogam o playoff de promoção, que é disputado também em turno e returno.
      Depois dos 10 jogos, os dois primeiros garantem acesso direto à Ligue 1, enquanto o terceiro disputa um playoff contra o antepenúltimo da divisão principal. O penúltimo da L2 disputa um playoff contra o vice da terceira divisão e o último colocado é rebaixado automaticamente.
       

      TEMPORADA 2016-2017 - Ligue 2 - Um Asilo na Tunísia
      Mercado de Transferências
      Nossa janela buscou reduzir a alta média de idade do elenco. Arouri veio para a reserva na lateral-esquerda, Onana veio (e já foi, devido às regras de estrangeiros no país), Adjeman-Pamboe é um inglês e atua nas duas pontas; Khenissi, Chikoto e Barrani vieram no final da janela, mas já para entrar no time titular, no comando do ataque, zaga e meio-campo, respectivamente.
      Em janeiro perdemos Momble (PE) e Khemiri (LE). Trouxemos Bani (LE) e Kacem (PE) como reposição destes, além de Kchok para reforçar a zaga.

      ELENCO INICIAL | ELENCO PÓS-JANELA
       
      Ligue 2 e Copa da Tunísia
      Abrimos esta fase contra um dos piores times do campeonato, - o Stade Africain – e fizemos a nossa parte goleando, com uma baita partida de Khenissi, que marcou 4 dos 5 gols do ESHS. Nosso domínio foi tão evidente que até trouxe uma empolgação para as partidas seguintes, na qual vencemos o Korba (4-1) e Ben Arcus (1-0).

      Essa empolgação foi por terra quando encaramos os times mais fortes do nosso grupo. Contra o Monastir, abrimos o placar e até pensamos que poderíamos tirar algo de bom da partida mas o adversário virou em 7 minutos no segundo tempo e sacramentou nossa primeira derrota na competição. O Gafsa, outra equipe cotada para brigar pelo acesso à L1, foi o time que enfrentamos na rodada seguinte e também nos derrotou.

      Nos recuperamos vencendo o Hammamet com um gol já nos minutos finais da partida e fomos para o jogo contra o Gafsa, dessa vez pela Copa da Tunísia, e perdemos novamente, saindo precocemente da competição.
      Um empate contra o Siliana e uma vitória contra o Kef colocaram nosso time nos eixos, prontos para jogar contra o Kasserine, nosso principal adversário pelo acesso. E o duelo foi bastante disputado e nos detalhes a derrota foi selada, com um gol próximo do final do primeiro tempo.

       
      Ligue 2 – Returno
      Nesse segundo turno eu já sabia o que seria preciso para conquistar a promoção, então a meta era vencer todos os três primeiros jogos, roubar pontos contra Monastir e Gafsa, para depois perder o mínimo de pontos possíveis nos três jogos antes de decidir a vaga contra o Kasserine.
      Bem, parte desse roteiro aconteceu conforme eu esperava: vitórias contra Stade Africain (5-0), Korba (1-0) e Ben Arcus (2-1); a derrota para o Monastir (0-2) quebrou um pouco minha expectativa, mas o empate contra o Gafsa (2-2) recuperou meu ânimo.
      Contra o Hammamet só a vitória interessava para nos manter firmes na briga pelo acesso. Bem, aí é que vimos do que esse time é feito.
      Ben Frej abriu o placar aos 6’, mas sofremos a virada em cinco minutos. Aos 31’ pênalti para o Hammamet e o goleirão pegou. Essa defesa deu o gás necessário para buscarmos o resultado e logo aos 35’ empatamos com Barrani. Aos 57’ mais drama no jogo: Ben Abid comete falta estúpida e leva o segundo amarelo, comprometendo seriamente nossas chances no duelo. Fomos nos segurando como dava até os 10 minutos finais, quando fomos para o pau e aí Barrani, o nome do jogo, marcou o 3 a 2 aos 87’. Jogaço.

      Essa partida deu o ritmo para a equipe nos três últimos compromissos e vencemos Siliana (3-0), Kef (2-0) e Kasserine (3-1). Neste último duelo, tínhamos dois pontos de vantagem para o quarto colocado e precisávamos da vitória para garantir a vaga.
      O jogo foi bastante duro. Labroussi abriu o placar aos 28’ e nos colocou nas cordas, fazendo com o que o primeiro tempo fosse um suplício. No segundo tempo, eu coloquei a instrução sobrecarregar, mesma tática que usei nas últimas cinco partidas, e logo aos 57’ empatamos. Continuei com a instrução, ainda que o empate já nos garantisse na próxima fase. Aos 80’, a recompensa: gol de Aouichaoui e o desespero trocava de lado; no final, jogamos a última pá de cal nas esperanças do Kasserine com Bachouche.

       
      Calendário

       
      Classificação - Ligue 2 - Primeira Fase

       
      Ligue 2 – Grupo de Promoção
      Na segunda fase, os três primeiros dos dois grupos jogaram entre si em turno e returno, totalizando 10 jogos. E o meu cálculo foi que eu teria que ganhar seis pontos contra o terceiro da outra chave, no caso o Jendouba Sport e vencer os outros times em casa, para roubar pontos fora. Vamos aos jogos.
      A abertura foi justamente contra o Jendouba e terminamos com um empate frustrante por 1 a 1. Empates foram os resultados finais contra Djerba e Monastir (ambos por 0 a 0), este último uma evolução.
      O duelo pela quarta rodada marcou a virada na briga pelo acesso. Enfrentando o líder do outro grupo na primeira fase, o Stade Tunisien, fomos mais efetivos em um jogo muito complicado e saímos com a vitória por 2 a 0. Vale destacar que desde o final da primeira fase tenho entrado com a proposta de atacar desde o início, alterando para sobrecarregar se preciso do resultado e controlar para segurar vantagem.

      Mais um empate, desta vez contra o Gafsa e assim já somávamos quatro empates e uma vitória em cinco jogos, uma marca bem ruim. No returno, batemos o Jendouba Sport e ficamos firmes na briga pelo acesso.
      Estávamos invictos, apesar do maior número de empates e fomos encarar o Djerba, duelo em que flertamos bastante com o perigo e só conseguimos o empate (mais um!) no final dos 90 minutos. Outro empate foi o resultado contra o Monastir e assim o acesso era bastante incerto, considerando que todos os times eram de níveis equivalentes. Contra o Stade Tunisien fizemos outro jogaço e com três gols depois dos 30 minutos do segundo tempo, fizemos o 4 a 2 e ficamos muito próximos da Ligue 1. Sacramentamos o acesso justamente contra o time que mais nos deu dor de cabeça durante o ano, virando o duelo contra o Gafsa, fechando o placar em 3 a 1.

       
      Calendário

       
      Classificação
      No final das contas, terminamos na liderança da segunda fase, algo surpreendente pela primeira fase que fizemos. Valeu a pena colocar o time no ataque e invictos, fechamos esta fase com quatro vitórias e seis empates.
      No fim, fomos promovidos diretamente junto com o Stade Tunisien, deixando o Monastir para jogar o playoff de rebaixamento contra o Gabes, não conseguindo o resultado para chegar à Ligue 1. O quadro de honra da Tunísia tem tão poucos nomes que esse título foi suficiente para me colocar no top 10.

      LIGUE 1 PRIMEIRA FASE | LIGUE 1 GRUPO REBAIXAMENTO | LIGUE 1 GRUPO DO TÍTULO
       
      Elenco 
      No geral, o elenco foi bem para os desafios dessa temporada, apesar da alta média de idade, algo que é urgente corrigir para 2017/18. Na defesa, fica o destaque para Ben Frej, que conseguiu contribuir bastante ofensiva e defensivamente, do alto dos seus 38 anos.
      O meio-campo foi dominado por Barrani – eleito o jogador do ano pela torcida -, que ditava o ritmo das partidas, além de marcar ou dar passes em momentos importantes. Sua renovação é fundamental para a próxima temporada.
      No ataque, Khenissi fez o que se esperava dele e marcou 13 gols em 23 jogos, média razoável. Como perdeu algumas partidas por lesão, creio que seu desempenho ficou comprometido em alguns momentos.

      ESTATÍSTICAS
    • cheirador
      By cheirador
      O mesmo megapack do FM2016, com algumas adições e updates. Mais de 1000 imagens. 

      Método de instalação:
      1. Extraia o arquivo
      2. Coloque em Meus Documentos\Sports Interactive\Football Manager 2016 (ou 17)\graphics\pictures
      3. Abra o Football Manager 2017
      Download
      PRÉVIAS:

    • Kalemy
      By Kalemy
      Fala pessoal, espero que estejam bem.
      Seguinte: estou jogando a liga das Ilhas Cook e me classifiquei pra fase preliminar da liga dos campeões da Oceania. Porém, em nenhum momento aparece solicitando inscrever os jogadores e no dia da estreia não tem ninguém inscrito e não consigo jogar prq simplesmente não tenho nenhum jogador pra escalar. Já procurei de toda forma inscrever os jogadores e não consigo. Tem alguma forma de fazer isso, por editor ou algo parecido? Prq me parece que é bug no jogo ou a liga foi mal editada.
      Agradeço!
      Abraços
    • oLightw
      By oLightw
      Durante qualquer partida no FM 17 os personagens correm parados e com os braços abertos. E até o manager no menu do jogo após abri-lo.

×
×
  • Create New...