Jump to content

União Portuguesa — Red Bull?


GNozaki

Recommended Posts

EU não acho uma boa idéia, mas eu estou interessado na discussão que vai surgir. 

Flávio Gomes, aquele petista maluco lá do Foxsports atualmente fez esse post

 

E aí? Fã da Lusa tá desesperado mesmo ou pode ser interessante?

Link to comment
Share on other sites

Eu já tinha falado algo do tipo ano passado com relação ao São Caetano.

Acho que seria uma boa sim, tanto pra Lusa quanto para o Projeto Red Bull, pois vejo que foi um erro da empresa "começar do zero", brasileiro é bairrista demais, já nasce com um ou dois times pré determinados de acordo com onde mora, preferência dos pais e familiares, isso torna um time novo um "corpo estranho".

O grande problema agora seria, o que fazer com a estrutura do Red Bull (que fica na região de Campinas) e a Portuguesa que que tem sua sede em SP.

Mas a ideia é boa para ambos os lados e poderia ser algo a se levar em consideração.

Link to comment
Share on other sites

  • Leho. changed the title to União Portuguesa Red Bull?
  • General Director

Eu bato nessa tecla toda vez que aparece o papo sobre "clubes-empresa". Sou amplamente a favor desse tipo de "fusão".

Já defendi mt isso aqui com relação ao Guarani, e ainda defendo. Times como a Lusa, o próprio Guarani, o América-RJ, entre outros pelo Brasil afora que possuem história, tradição e apelo regional da torcida e sua cidade, DEVERIAM ser base pra esse tipo de negócio que empresas globais gostam de fazer quando se metem no futebol. Porra, é tão mais fácil você agregar valor numa marca que JÁ EXISTE do que ter de criar tudo do zero, não é mesmo?

O Red Bull BR aqui em Campinas NÃO COLOU, e nem nunca vai colar. Na região metropolitana também não. Porque esse tipo de apelo vem do emocional, é a paixão do torcedor, e isso não se forja tão rapidamente assim, em alguns anos e milhões investidos.

Se soubessem aproveitar a marca (no caso, a Portuguesa) e fazer crescer algo que já teve repercussão e história, todos sairiam ganhando.

 

Agora, eu tenho um "leve" palpite pra esse tipo de acordo nunca ter sido aplicado por aqui.

NOSSOS CARTOLAS. Nossos gênios da gestão e do marketing. Aposto e ganho que é o grande empecilho da questão.

 

1 hora atrás, Marco.Oliveira disse:

O grande problema agora seria, o que fazer com a estrutura do Red Bull (que fica na região de Campinas) e a Portuguesa que que tem sua sede em SP.

Nem acho que seria um grande problema. O Red Bull se não me engano está instalado em Atibaia (belíssimas instalações, dizem), e manda os jogos aqui no campo da Ponte. Só teria que mudar o local dos jogos, e a cidade de SP fica a menos de 1h, então tranquilo.

Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Leho. disse:

Eu bato nessa tecla toda vez que aparece o papo sobre "clubes-empresa". Sou amplamente a favor desse tipo de "fusão".

Já defendi mt isso aqui com relação ao Guarani, e ainda defendo. Times como a Lusa, o próprio Guarani, o América-RJ, entre outros pelo Brasil afora que possuem história, tradição e apelo regional da torcida e sua cidade, DEVERIAM ser base pra esse tipo de negócio que empresas globais gostam de fazer quando se metem no futebol. Porra, é tão mais fácil você agregar valor numa marca que JÁ EXISTE do que ter de criar tudo do zero, não é mesmo?

O Red Bull BR aqui em Campinas NÃO COLOU, e nem nunca vai colar. Na região metropolitana também não. Porque esse tipo de apelo vem do emocional, é a paixão do torcedor, e isso não se forja tão rapidamente assim, em alguns anos e milhões investidos.

Se soubessem aproveitar a marca (no caso, a Portuguesa) e fazer crescer algo que já teve repercussão e história, todos sairiam ganhando.

 

Agora, eu tenho um "leve" palpite pra esse tipo de acordo nunca ter sido aplicado por aqui.

NOSSOS CARTOLAS. Nossos gênios da gestão e do marketing. Aposto e ganho que é o grande empecilho da questão.

 

Nem acho que seria um grande problema. O Red Bull se não me engano está instalado em Atibaia (belíssimas instalações, dizem), e manda os jogos aqui no campo da Ponte. Só teria que mudar o local dos jogos, e a cidade de SP fica a menos de 1h, então tranquilo.

A esperança dos caras era (achismo meu) o Guarani falir de vez e deixar uma galera órfã.

Quanto aos cartolas, da Portuguesa em especial, eles não teriam muitas opções em um cenário hipotético de proposta da RB ou qualquer outra. O clube tá afundado em dividas, trocentos processos nas costas, a social do clube nem deve estar dando muito lucro também, então uma parceria com a RB seria a única fonte de renda real do clube.

Acho que cabe uma hashtag pra juntar os dois lados kkkkkkkkk

Link to comment
Share on other sites

  • General Director
4 minutos atrás, Marco.Oliveira disse:

A esperança dos caras era (achismo meu) o Guarani falir de vez e deixar uma galera órfã.

Quanto aos cartolas, da Portuguesa em especial, eles não teriam muitas opções em um cenário hipotético de proposta da RB ou qualquer outra. O clube tá afundado em dividas, trocentos processos nas costas, a social do clube nem deve estar dando muito lucro também, então uma parceria com a RB seria a única fonte de renda real do clube.

Acho que cabe uma hashtag pra juntar os dois lados kkkkkkkkk

Mesmo o Guarani falindo cara (como quase aconteceu!), duvido mt que vingasse esse tipo de tentativa, por tudo que disse acima. Paixão de torcedor não é algo sazonal nem mt menos manipulativo dessa forma, não em grandes escalas.

Sobre os cartolas, sim, tudo isso é fato e os dirigentes lusitanos não teriam mt pra onde correr. Mas sabe como é brasileiro, né? Pediriam mil e uma exigências, colocariam seus lucros à frente dos da empresa, pediriam controle quase total e a empresa que se foda se quiser aceitar, hahahahaha!

Tenho certeza de que isso seria factível, e numa dessas a Red Bull desistiria e tocaria seu projeto sozinha mesmo.

Link to comment
Share on other sites

1 minuto atrás, Leho. disse:

Mesmo o Guarani falindo cara (como quase aconteceu!), duvido mt que vingasse esse tipo de tentativa, por tudo que disse acima. Paixão de torcedor não é algo sazonal nem mt menos manipulativo dessa forma, não em grandes escalas.

Sobre os cartolas, sim, tudo isso é fato e os dirigentes lusitanos não teriam mt pra onde correr. Mas sabe como é brasileiro, né? Pediriam mil e uma exigências, colocariam seus lucros à frente dos da empresa, pediriam controle quase total e a empresa que se foda se quiser aceitar, hahahahaha!

Tenho certeza de que isso seria factível, e numa dessas a Red Bull desistiria e tocaria seu projeto sozinha mesmo.

Isso que mata. Não duvido nada a Portuguesa virar um "Desportivo Brasil" da vida... um Juan Figer FC, e outros N exemplos.

Portuguesa vai jogar Copa Kaiser, Copa Cinnar, Troféu do PCC em 2018... triste... bem triste.

Link to comment
Share on other sites

  • General Director
1 minuto atrás, Marco.Oliveira disse:

Isso que mata. Não duvido nada a Portuguesa virar um "Desportivo Brasil" da vida... um Juan Figer FC, e outros N exemplos.

Portuguesa vai jogar Copa Kaiser, Copa Cinnar, Troféu do PCC em 2018... triste... bem triste.

Pois é, fico triste também.
SPFC e Portuguesa sempre protagonizaram clássicos bem legais, fora a importância do clube pro futebol de SP.

Link to comment
Share on other sites

1 - Red Bull iria se fundir com a Portuguesa e absorver todas as dívidas (que devem ser muitas) pra que ? São dois times de mesmo escalão atualmente (alias, a Portuguesa ta na segunda divisão estadual e o Red Bull na primeira). Isso seria só um empecilho, sem falar que viria a cartolagem toda pra cima.

2 - Esse não é o modo de trabalhar da Red Bull no esporte, todos times deles se chamam Red Bull, tanto os comprados quanto os novos e tão cagando se é um time muito tradicional ou não.

Seria um baita negócio para a Portuguesa em termos financeiros e uma furada sem tamanho pra Red Bull a troco de comprar "tradição" (?) e ganhar de brinde um monte de problemas pra resolver. 

Link to comment
Share on other sites

2 minutos atrás, Iagotta disse:

1 - Red Bull iria se fundir com a Portuguesa e absorver todas as dívidas (que devem ser muitas) pra que ? São dois times de mesmo escalão atualmente (alias, a Portuguesa ta na segunda divisão estadual e o Red Bull na primeira). Isso seria só um empecilho, sem falar que viria a cartolagem toda pra cima.

2 - Esse não é o modo de trabalhar da Red Bull no Sport, todos times deles se chamam Red Bull, tanto os comprados quanto os novos e tão cagando se é um time muito tradicional ou não.

Seria um baita negócio para a Portuguesa em termos financeiros e uma furada sem tamanho pra Red Bull a troco de comprar "tradição" (?) e ganhar de brinde um monte de problemas pra resolver. 

Era só a RB fazer como fizeram algumas empresas na Europa e "alugar" o Departamento de Futebol da Portuguesa. Ficariam responsáveis pelo futebol e a Portuguesa receberia uma compensação $$$.

Link to comment
Share on other sites

52 minutos atrás, Marco.Oliveira disse:

Era só a RB fazer como fizeram algumas empresas na Europa e "alugar" o Departamento de Futebol da Portuguesa. Ficariam responsáveis pelo futebol e a Portuguesa receberia uma compensação $$$.

Mas pode rolar esse tipo de coisa oficialmente aqui no Brasil ? 

Link to comment
Share on other sites

56 minutos atrás, Iagotta disse:

1 - Red Bull iria se fundir com a Portuguesa e absorver todas as dívidas (que devem ser muitas) pra que ? São dois times de mesmo escalão atualmente (alias, a Portuguesa ta na segunda divisão estadual e o Red Bull na primeira). Isso seria só um empecilho, sem falar que viria a cartolagem toda pra cima.

2 - Esse não é o modo de trabalhar da Red Bull no Sport, todos times deles se chamam Red Bull, tanto os comprados quanto os novos e tão cagando se é um time muito tradicional ou não.

Seria um baita negócio para a Portuguesa em termos financeiros e uma furada sem tamanho pra Red Bull a troco de comprar "tradição" (?) e ganhar de brinde um monte de problemas pra resolver. 

Basicamente isso hahaha

Link to comment
Share on other sites

4 minutos atrás, Iagotta disse:

Mas pode rolar esse tipo de coisa oficialmente aqui no Brasil ? 

Já vi em algum lugar falando que poderia sim, mas é uma operação jurídica e econômica um tanto complicada. O Clube talvez tenha que "criar uma empresa" onde uma das sócias seria a empresa que vai assumir o futebol,

Não sei ao certo como, mas seria uma manobra cabível no cenário de que praticamente TODOS os times no Brasil são Clubes e Associações.

Link to comment
Share on other sites

3 minutos atrás, Außenseiter disse:

Só vou marcar o @Danut e sair correndo. Abraços! SUHASHUAHUSAHUSHAUSHUASHUAUHSAHUS

hahahahaha, filho da mãe, eu tava bem feliz sem ver essa discussão.

Não vou me deixar atrair por ela, não vou me deixar atrair por ela, não vou me deixar atrair por ela...

Tá, seguinte: que porra de ideia de bosta é essa? Seria só matar a Portuguesa. Os caras não são uma empresa que tem interesse em associar seu nome à marca de um clube existente, que iriam colocar dinheiro lá para transformar a Portuguesa em um time grande de novo e aí levar no marketing como patrocinador do clube ou algo assim. Eles são uma empresa que tem um projeto de colocar times da empresa no mundo. Como já falaram aí, todos os times deles se chamam Red Bull (menos o RasenBallsport, que é uma palavra praticamente inventada por eles e que por pura coincidência se abrevia como RB), todos os times utilizam o mesmo escudo, as mesmas cores. Não ia sobrar bosta nenhuma da Portuguesa.

Link to comment
Share on other sites

O Flávio Gomes é uma vergonha pra torcida da Portuguesa.

Link to comment
Share on other sites

  • General Director
4 horas atrás, Iagotta disse:

1) Red Bull iria se fundir com a Portuguesa e absorver todas as dívidas (que devem ser muitas) pra que? São dois times de mesmo escalão atualmente (aliás, a Portuguesa tá na segunda divisão estadual e o Red Bull na primeira). Isso seria só um empecilho, sem falar que viria a cartolagem toda pra cima.

2) Esse não é o modo de trabalhar da Red Bull no esporte, todos times deles se chamam Red Bull, tanto os comprados quanto os novos e tão cagando se é um time muito tradicional ou não. 

Então, começando pelo 2): sim, sei que o modo de trabalhar da Red Bull é dessa maneira, como o fazem na Áustria e na Alemanha. Compram, remodelam o clube inteiro com sua marca, seu escudo e tudo mais e foda-se tudo, foda-se todos. Dessa maneira eu também não vejo vantagens para os clubes brasileiros, e nem defenderia algo do tipo.

1): A questão não é simplesmente assumir dívidas, essa análise é superficial demais. A questão é: ter um contingente já estabelecido (torcedores) pra poder trabalhar com sua marca, e assim poder alavancar vendas, patrocínios, promoções e etc, etc etc. Mas claro, eu sei que a RB Brasil não pensa assim, e eles devem estar bem felizes com o projeto aqui, só acho que seria mais vantajoso pra ambos os lados se houvesse algo do tipo.

É claro que, pra esse tipo de fusão ser benéfico como estou querendo dizer, a empresa teria que abrir mão da forma agressiva como trabalha a imagem do clube, tendo que aceitar que escudo, cores, hino e tudo que se refere ao cerne e tradição do clube fosse mantido (no máximo algumas adições no nome e tal). E é aí que eu acho que eles não cederiam, e preferem atuar como já atuam.

 

Então, que continuem com a ideia financeira em mente, sem ninguém no estádio e achando que, um dia, em UM LONGÍNQUO DIA algum brasileiro vá comprar essa ideia de "time-empresa". Continuo achando ok como negócio, e ridículo como projeto esportivo.

 

2 horas atrás, Danut disse:

(...) Não ia sobrar bosta nenhuma da Portuguesa.

Mas e hoje... o que resta dela?

Link to comment
Share on other sites

O argumento do criador da ideia é uma coisa de louco...

 

Link to comment
Share on other sites

14 minutos atrás, Leho. disse:

Então, começando pelo 2): sim, sei que o modo de trabalhar da Red Bull é dessa maneira, como o fazem na Áustria e na Alemanha. Compram, remodelam o clube inteiro com sua marca, seu escudo e tudo mais e foda-se tudo, foda-se todos. Dessa maneira eu também não vejo vantagens para os clubes brasileiros, e nem defenderia algo do tipo.

1): A questão não é simplesmente assumir dívidas, essa análise é superficial demais. A questão é: ter um contingente já estabelecido (torcedores) pra poder trabalhar com sua marca, e assim poder alavancar vendas, patrocínios, promoções e etc, etc etc. Mas claro, eu sei que a RB Brasil não pensa assim, e eles devem estar bem felizes com o projeto aqui, só acho que seria mais vantajoso pra ambos os lados se houvesse algo do tipo.

É claro que, pra esse tipo de fusão ser benéfico como estou querendo dizer, a empresa teria que abrir mão da forma agressiva como trabalha a imagem do clube, tendo que aceitar que escudo, cores, hino e tudo que se refere ao cerne e tradição do clube fosse mantido (no máximo algumas adições no nome e tal). E é aí que eu acho que eles não cederiam, e preferem atuar como já atuam.

Então, que continuem com a ideia financeira em mente, sem ninguém no estádio e achando que, um dia, em UM LONGÍNQUO DIA algum brasileiro vá comprar essa ideia de "time-empresa". Continuo achando ok como negócio, e ridículo como projeto esportivo.

Mas pra isso a gente tem que saber qual a ideia da Red Bull no futebol brasileiro. Eles não me parecem tão interessados assim em ter uma torcida muito grande e que lota estádios. Tanto é que tão jogando em campinas, que provavelmente é a pior cidade de interior pra tentar estabelecer um time de futebol, a outra opção deles era Caxias do Sul (tentaram comprar o Juventude) que também tem duas equipes bem estabelecidas. 

E por mais que a Lusa tenha uma base legal de torcedores, não é algo tããããão expressivos que possa mexer com os caras. 

Me parece que eles tão ali existindo e quando o time emplacar e fizer grandes campanhas atraia torcedores meio orfãos ou que simpatizem com o time (só que no Brasil é bem mais dificil chegar ao alto nível e se manter la). E caso não de certo (como o RB Gana) eles encerram as atividades. 

Link to comment
Share on other sites

  • General Director
9 minutos atrás, Iagotta disse:

(...) Eles não me parecem tão interessados assim em ter uma torcida muito grande e que lota estádios. Tanto é que tão jogando em campinas, que provavelmente é a pior cidade de interior pra tentar estabelecer um time de futebol, a outra opção deles era Caxias do Sul (tentaram comprar o Juventude) que também tem duas equipes bem estabelecidas. (...)

Exato, concordo contigo. Por isso disse ali que, nos moldes atuais do projeto da Red Bull, essa fusão simplesmente seria um homicídio a qualquer clube brasileiro. Eles estão com outros objetivos que não esses que citei.

Paciência.

Como negócio, é ok. Mas duvido muito que alguém compre a ideia desportiva disso tudo, mesmo os torcedores órfãos hahahaha!

Link to comment
Share on other sites

Aliás, no tema, alguém sabe qual é a proposta do Red Bull Brasil? Galera tá falando que o time não conseguiu emplacar e tal porque no Brasil isso é mais difícil. Mas eles tem algum interesse em emplacar? Ou o time existe só pra servir de base para tentar juntar talentos, já que o Brasil é um bom mercado pra isso?

Eu sempre tive a impressão de ser o segundo caso, mas também nunca fui atrás pra saber se é mesmo isso.

Link to comment
Share on other sites

  • Leho. changed the title to União Portuguesa — Red Bull?
  • General Director
23 minutos atrás, Danut disse:

Aliás, no tema, alguém sabe qual é a proposta do Red Bull Brasil? Galera tá falando que o time não conseguiu emplacar e tal porque no Brasil isso é mais difícil. Mas eles tem algum interesse em emplacar? Ou o time existe só pra servir de base para tentar juntar talentos, já que o Brasil é um bom mercado pra isso?

Eu sempre tive a impressão de ser o segundo caso, mas também nunca fui atrás pra saber se é mesmo isso.

Pois é então, eu também não sei, mas penso como você.

E além de recrutar talentos, a marca da RB é também trabalhada e ampliada no mercado interno, né? Aqui em Campinas por exemplo eles fazem bastante eventos promovendo suas bebidas e tals, sempre com o pano de fundo no time e no esporte. Esse é outro objetivo, creio eu.

Link to comment
Share on other sites

Mas de cabeça eu não lembro de nenhum jogador interessante que saiu do Red Bull Brasil. Acho que eles planejam ter algum sucesso esportivo, viver só de estadual é furada. 

 

34 minutos atrás, Leho. disse:

Pois é então, eu também não sei, mas penso como você.

E além de recrutar talentos, a marca da RB é também trabalhada e ampliada no mercado interno, né? Aqui em Campinas por exemplo eles fazem bastante eventos promovendo suas bebidas e tals, sempre com o pano de fundo no time e no esporte. Esse é outro objetivo, creio eu.

Mas a Red Bull mete a cara em qualquer coisa que possa ser chamada de esporte hahah Eu moro aqui no RS e eles tavam patrocinando um campeonato de futebol 2x2 na universidade que eu estudo hahahah 

Link to comment
Share on other sites

  • General Director
1 hora atrás, Iagotta disse:

Mas a Red Bull mete a cara em qualquer coisa que possa ser chamada de esporte hahah Eu moro aqui no RS e eles tavam patrocinando um campeonato de futebol 2x2 na universidade que eu estudo hahahah 

Sim, tô ligado hahahahaha... só reforça o que eu disse.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...