Ir para conteúdo
Henrique M.

Engenharia de Base: Como Lapidar Diamantes?

Recommended Posts

Chaves

Outra coisa importantes para atrair bons jogadores para as "peneiras" é investir no treino de equipe jovem (não confundir com as condições de treino) e em recrutamento de jovens. O primeiro melhora o C.A. dos jogadores gerados no clube e o segundo o P.A.

Ambas as opções podem ser pedidas a direção, sendo que "recrutamento de jovens" está ligado a condição de treino para jovens. A opção pode não aparecer na reunião se tiver atingido o limite imposto.

Compartilhar este post


Link para o post
CapitaoX

muito bom

Compartilhar este post


Link para o post
Yan Perisse

Muito Bom Henrique, acompanho seus tópicos como o 'Atributos-chaves para cada função e tarefa', entre outros que esqueci o nome, vou tentar usar essas dicas para produzir uma boa base na Série B...

Compartilhar este post


Link para o post
Jorudess

Material de primeira!

Sempre fiquei perdido sobre o que fazer com a base e os reservas. Basicamente eu só aproveitava algum jogador bom e esquecia o resto lá, deixando sob as responsabilidades do treinador adjunto.

A partir de agora vou focar no desenvolvimento da base, já que além de ter um orçamento apertado, é difícil encontrar um jogador bom que queira vim pro time.

Alguém indica um material sobre o trabalho com o time de reservas?

Compartilhar este post


Link para o post
Yan Perisse

Adorei esse guia falando das categorias de base... Pena que minha base é tudo cinza :yeah:

Compartilhar este post


Link para o post
Jeffim17

Me tirem uma dúvida...

Se eu escolher a opção "Como um dos jogadores mais velhos da equipe, eu gostaria que você fosse tutor de fulano, pois sinto que pode ajudá-lo a melhorar seu jogo", só o estilo do jogo que vai ser compartilhado? Nao importa os atributos mentais? Ou aqui também eles vão importar?

Perguntei isso pq acabo de receber a primeira fornada da base aqui no SPFC e dos que tem potencial para virar alguma coisas, TODOS tem atributos mentais (leia-se principalmente determinação) melhores que meus jogadores do time principal...se for assim não poderei escolher nenhum tutor para eles

Compartilhar este post


Link para o post
Rudsonnunes

Boa Henrique, eu fiquei 10 anos na juve e consegui montar um time da base, tinha uns 6 na seleção italiana e mais uns 6 na seleção olímpica. No segundo ano de trabalhado mando todos q tenha menos de 2* embora, saio pra captar alguns. Minha base sub15 não tem mais do q 25 jogadores assim consigo monitorar melhor, jogadores com 4* e determinação alta, aproveito pra treinar os movimentos preferido q eu preciso no elenco, quando ele completa 19 anos eu empresto ate os 21 jogando em times bons e titulares. Fiz mais de 300Milhoes vendendo jogadores da base, teve um moleque q foi vice artilheiro jogando pelo liverpoool, artilheiro do holandês pelo psv, e melhor jogador das olimpíadas de 2020, quando ele veio pro time principal com 22 anos ele valia 60M, teve outros q valeram 40M e 30M.

. Os treinadores e a mídia me criticaram varias vezes porq eu tinha um elenco muito jovem com idade maxima 26 anos, ganha a 1 temp, a 2 na terceira vez a mídia perguntava aos treinadores adversários a Juventus tem um elenco realmente novo, o Sr acha q poderá ganhar alguma coisa. A resposta era rudsonnunes já provou q com consegue tirar o máximo desses garotos.

. Deixo um dica, invista na base depois de 5 a 6 temporadas, os melhores jogadores do jogo ficam o olho da cara, vc não vai precisar gastar e ainda vai vender por alta cifras. Em 2025 eu tinha em caixa 750M e não gastava porq não precisa o dinheiro só ia acumulando. Qualquer posto uns pronta dessa basse.

Compartilhar este post


Link para o post
Henrique M.

Me tirem uma dúvida...

Se eu escolher a opção "Como um dos jogadores mais velhos da equipe, eu gostaria que você fosse tutor de fulano, pois sinto que pode ajudá-lo a melhorar seu jogo", só o estilo do jogo que vai ser compartilhado? Nao importa os atributos mentais? Ou aqui também eles vão importar?

Perguntei isso pq acabo de receber a primeira fornada da base aqui no SPFC e dos que tem potencial para virar alguma coisas, TODOS tem atributos mentais (leia-se principalmente determinação) melhores que meus jogadores do time principal...se for assim não poderei escolher nenhum tutor para eles

A primeira opção compartilha o estilo de jogo, a segunda os atributos mentais. Pelo menos é o que praticamente todo lugar que eu li e pelo que já vi lista.

  • Upvote 1

Compartilhar este post


Link para o post
danilonaef

Ótimo guia!

Uma dúvida...

Como desenvolver um goleiro com 20 de Determinação?

Compartilhar este post


Link para o post
Diogo Moreira

Fala galera! Tenho uma questão: gosto muito do Newcastle, me apaixonei assim q vi o ataque Duff, Owen e Oba oba Martins. Desde então, sempre jogo como Newcastle um modo carreira seja qual for o game. No fm 2015, depois de ler um pouco esse tópico, vi que o nível de treino surte grande efeito assim como staff, tutoria, e claro, jogos. Nessa nova atualização (15.3.0),Adam Campbell, considerado o novo Owen está emprestado e já n é aquele cara com 4 estrelas e meia como na atualização anterior, na verdade ele diminuiu consideravelmente para 3 a 3 e meia. Porém, Adam Armstrong, tornou-se a nova promessa de "novo Owen" com PA de 4a 5 estrelas!!! Só que o emprestei ao St Mirren da Escócia, time que é subsidiário do Newcastle. O bom é que eles usam constantemente os jogadores que eu empresto. Mas aí vem a pergunta: visto que o nível de treino deles é baixo qual seria a melhor opção? Trazer ele de volta ou deixar ele continuar para fazer muitos gols?

Compartilhar este post


Link para o post
Galford Strife

Fala galera! Tenho uma questão: gosto muito do Newcastle, me apaixonei assim q vi o ataque Duff, Owen e Oba oba Martins. Desde então, sempre jogo como Newcastle um modo carreira seja qual for o game. No fm 2015, depois de ler um pouco esse tópico, vi que o nível de treino surte grande efeito assim como staff, tutoria, e claro, jogos. Nessa nova atualização (15.3.0),Adam Campbell, considerado o novo Owen está emprestado e já n é aquele cara com 4 estrelas e meia como na atualização anterior, na verdade ele diminuiu consideravelmente para 3 a 3 e meia. Porém, Adam Armstrong, tornou-se a nova promessa de "novo Owen" com PA de 4a 5 estrelas!!! Só que o emprestei ao St Mirren da Escócia, time que é subsidiário do Newcastle. O bom é que eles usam constantemente os jogadores que eu empresto. Mas aí vem a pergunta: visto que o nível de treino deles é baixo qual seria a melhor opção? Trazer ele de volta ou deixar ele continuar para fazer muitos gols?

 

Opa, gosto mto do newcastle tb, é meu segundo time.

 

Enfim, como fala ali no guia, esses jogadores monstros (de 4 a 5 estrelas de potencial), é melhor manter no seu clube para que você possa acompanhar o desenvolvimento e dar algumas oportunidades de vez em quando.

Compartilhar este post


Link para o post
Diogo Moreira

Opa, gosto mto do newcastle tb, é meu segundo time.

 

Enfim, como fala ali no guia, esses jogadores monstros (de 4 a 5 estrelas de potencial), é melhor manter no seu clube para que você possa acompanhar o desenvolvimento e dar algumas oportunidades de vez em quando.

Valeu cara. Demoraram muito pra responder. Mas sobre o q vc disse, percebi agora. To na segunda temporada depois de ter arrebentado terminando em terceiro. Como fui pra UCL, tive que pegar gente de qualidade pra encher o elenco e revezar, o que no caso, me obrigou a emprestar o Armstrong. Aí vi que as estrelas de potencial abaixaram para 3. Então percebi que ele só evolui comigo msm. Como o Rolando Arons, que aos poucos está sendo util. Vlw fera...

Compartilhar este post


Link para o post
Galford Strife

Valeu cara. Demoraram muito pra responder. Mas sobre o q vc disse, percebi agora. To na segunda temporada depois de ter arrebentado terminando em terceiro. Como fui pra UCL, tive que pegar gente de qualidade pra encher o elenco e revezar, o que no caso, me obrigou a emprestar o Armstrong. Aí vi que as estrelas de potencial abaixaram para 3. Então percebi que ele só evolui comigo msm. Como o Rolando Arons, que aos poucos está sendo util. Vlw fera...

 

Sim, o ideal é deixar esses jovens no time e colocar em jogos de menos importância. Atualmente estou no Sporting e tenho 3 jovens newgens com potêncial 4+ estrelas. Como em Portugal os times pequenos não ameaçam muito, eu vivo colocando eles para jogar. Em uma liga como a inglesa, o ideal é você ver os jogos que sabe que vai ganhar, escalar o time titular e junto com eles colocar um dos jovens, ele vai se sair melhor ao lado dos craques do seu time. O ideal é usar esse jovem em pelo menos uns 15 jogos na temporada, vc vai ver como ele vai evoluir rápido (principalmente se tiver bastante determinação).

Compartilhar este post


Link para o post
Yan Perisse

Uma dúvida: Jogadores com Personalidade Equilibrada pode orientar ou ser orientado de qualquer jogador? 

Compartilhar este post


Link para o post
MitoMitológico

Gente, me ajudem aqui urgente. Tenho um jogador muito bom, 4 estrelas de potencial, meia-armador, está num time pequeno(Série C/D). 

 

Ele é uma grande promessa, estou com dúvida. Eu consegui captar ele por 1 á 5 mil dilmas.

 

Ele está jogando demais, o Ajax resolveu comprar ele por 1 Milhão. A situação financeira do time não éh das melhores. Vendo ele ou não, ou espero mais pra vender por preço maior ainda?

Compartilhar este post


Link para o post
Leo Miguel

Gente, me ajudem aqui urgente. Tenho um jogador muito bom, 4 estrelas de potencial, meia-armador, está num time pequeno(Série C/D). 

 

Ele é uma grande promessa, estou com dúvida. Eu consegui captar ele por 1 á 5 mil dilmas.

 

Ele está jogando demais, o Ajax resolveu comprar ele por 1 Milhão. A situação financeira do time não éh das melhores. Vendo ele ou não, ou espero mais pra vender por preço maior ainda?

Se eu fosse você segurava ele. Ele é titular do seu time?

Compartilhar este post


Link para o post
GameJvTutos

Se eu fosse você segurava ele. Ele é titular do seu time?

pode tirar print da proposta e do jogador?

Compartilhar este post


Link para o post
Yan Perisse

Gente, me ajudem aqui urgente. Tenho um jogador muito bom, 4 estrelas de potencial, meia-armador, está num time pequeno(Série C/D). 

 

Ele é uma grande promessa, estou com dúvida. Eu consegui captar ele por 1 á 5 mil dilmas.

 

Ele está jogando demais, o Ajax resolveu comprar ele por 1 Milhão. A situação financeira do time não éh das melhores. Vendo ele ou não, ou espero mais pra vender por preço maior ainda?

 

Segura ele até chegar no máximo de Potencial, para vender sempre mais por ele. Pois ainda deve estar novo, e uma regra boa se quer investir nos seus jogadores de base, é mante-lo até o último segundo, tentando encarece-lo o máximo.

  • Upvote 1

Compartilhar este post


Link para o post
Leo Miguel

Segura ele até chegar no máximo de Potencial, para vender sempre mais por ele. Pois ainda deve estar novo, e uma regra boa se quer investir nos seus jogadores de base, é mante-lo até o último segundo, tentando encarece-lo o máximo.

Exatamente. E ainda completo: Se precisar mesmo do dinheiro, coloque esse jogador em alguns jogos da temporada pra ele se valorizar ainda mais.

Compartilhar este post


Link para o post
Henrique M.

Mito, depende dos seus objetivos no save, se o cara está destruindo e você teme que a equipe vá sofrer, não venda. Mas se você acha que é melhor sanar a situação financeira e dá para continuar indo bem, venda, coloque uma cláusula de 50% da próxima transferência e venda.


Mito, depende dos seus objetivos no save, se o cara está destruindo e voc&ec

Compartilhar este post


Link para o post
PedroLuis

E os jogadores "lixo"? Qual a recomendação?

Vender? Dispensar? Manter pra compor elenco?

Compartilhar este post


Link para o post
MitoMitológico

Mito, depende dos seus objetivos no save, se o cara está destruindo e você teme que a equipe vá sofrer, não venda. Mas se você acha que é melhor sanar a situação financeira e dá para continuar indo bem, venda, coloque uma cláusula de 50% da próxima transferência e venda.

Mito, depende dos seus objetivos no save, se o cara está destruindo e voc&ec

 

Eu já decidi o que fui fazer. Depois conto pra vocês o que eu fiz.

 

 

 

E os jogadores "lixo"? Qual a recomendação?

Vender? Dispensar? Manter pra compor elenco?

Eu vejo o relatório do olheiro, se tiver potencial de jogador decente ou não for suficientimente bom, eu dispenso. Mas é bom ter um elenco numeroso na base, principalmente no brasil, com a copinha e copa do Brasil

 

Já pra vender depende do jogador. Se ele for bom, e você estiver sem grana e com peças de reposição, vende. Mas se ele está destruindo e jogando muito e ajudando mt a equipe, não vende. Já os jogadores mais medianos pra bom, pra compor elenco é bom, principalmente pro futuro.

Compartilhar este post


Link para o post
Gith

Bem li seu post @Henrique M.     e me surgiu uma dúvida, eu sei que você acompanha meu save na área das sagas e me surgiu um jogador que considero muito bom e inclusive já surgiram propostas por ele do Championship, mas o cara tem uma determinação altíssima longe de qualquer membro do time (19), como você aconselharia a que eu treinasse o jogador? Tutora-lo não seria perder esse atributo que por norma é super importante na evolução dum jogador?

 

Compartilhar este post


Link para o post
Henrique M.
37 minutos atrás, Gith disse:

Bem li seu post @Henrique M.     e me surgiu uma dúvida, eu sei que você acompanha meu save na área das sagas e me surgiu um jogador que considero muito bom e inclusive já surgiram propostas por ele do Championship, mas o cara tem uma determinação altíssima longe de qualquer membro do time (19), como você aconselharia a que eu treinasse o jogador? Tutora-lo não seria perder esse atributo que por norma é super importante na evolução dum jogador?

 

Talvez esse texto possa lhe ajudar na questão da determinação e sobre como você deve treinar seu jogador

 

Compartilhar este post


Link para o post
Gith
12 minutos atrás, Henrique M. disse:

Talvez esse texto possa lhe ajudar na questão da determinação e sobre como você deve treinar seu jogador

 

Ajudou sim, muito obrigado, gostava que realmente houvesse uma lista com todos os seus tópicos, tem ajudado muito, obrigado Henrique :)

Compartilhar este post


Link para o post

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • Henrique M.
      Por Henrique M.

      Além de uma rotina de escanteios eficiente no ataque, todos os jogadores de FM também precisam de uma rotina defensiva sólida. Existem diversas maneiras de se defender de cobranças de escanteios, mas é sempre bom tentar aquele algo a mais, não somente anular a cobrança do adversário. Nesse artigo, além de te ensinar como evitar gols de escanteios, iremos demonstrar como você pode transformar cada cobrança do seu adversário em um potencial contra-ataque. Vale lembrar que toda e qualquer configuração depende da qualidade dos seus jogadores em comparação ao nível dos adversários. 
      Passo 1: evitar o passe curto
      É sempre bom colocar seu jogador mais baixo fora da área, caso ele não seja um dos mais velozes, coloque ele para evitar que seu adversário cobre o escanteio de forma curta e caso cobre, você já tem um jogador na região para impedir um cruzamento ou jogada rápida após a bola ser introduzida em campo.
      Passo 2: eliminando oportunidades de gol na pequena área
      Coloque um dos seus laterais fechando a primeira trave e não existe uma grande preocupação em se preocupar com o segundo poste, já que ele não é algo visado pelos oponentes. Coloque três jogadores com boa impulsão, altura e cabeceio fechando as oportunidades na pequena área, desde que eles não sejam seus três melhores jogadores nesse quesito.
      Passo 3: marcando os jogadores mais altos
      Coloque seus zagueiros (costumam ser os mais altos do elenco, além do goleiro) e o terceiro jogador mais alto do clube para marcar os jogadores mais altos do adversário, buscando diminuir a vantagem da altura dos cabeceadores adversários.
      Passo 4: Iniciando um contra-ataque através da entrada da sua área
      Combine um jogador criativo e capaz de disputar fisicamente uma bola na entrada da sua área, dessa forma ele terá mais chances de recuperar o rebote e iniciar rapidamente uma jogada de contra-ataque do seu time. Se você olhar a imagem abaixo, pode ter uma ideia de como o cenário se desenvolverá:

      O meu time foi capaz de afastar a ameaça do escanteio do adversário e rapidamente iniciou um contra-ataque. Payet demarca o jogador do meu time e as setas as eventuais opções de movimentação dos jogadores mais avançados.
      Passo 5: Mantendo os defensores adversários ocupados
      Deixe o jogador mais rápido da sua equipe mais avançado, pois assim, ele mantém alguns jogadores do adversário recuados para fazer uma eventual marcação e retira jogadores da proximidade da sua área. Além da vantagem óbvia em um contra-ataque veloz, recebendo aquele passe açucarado do jogador que ganhou o rebote e acionou sua movimentação.
      LEIA MAIS: Escanteios: Como podem te ajudar a explorar o jogo?
      Abaixo segue a configuração dessa estratégia defensiva em uma imagem e também um link para download da rotina (lembre-se de ajustar sua rotina de acordo com o perfil físico e técnico do seu elenco).

      Link para download e instruções de instalação e uso: 
      Texto traduzido por Henrique M. para o FManager Brasil e Engenharia do Futebol
      Rotina disponibilizada por Henrique M. para o FManager Brasil e Engenharia do Futebol, através do conteúdo desse guia
      Fonte: https://fminside.net/defend-corners-properly/
      Banner: @_Matheus_
    • Henrique M.
      Por Henrique M.

      Esse artigo foca nos erros mais comuns do FM 2018 e como fazer para corrigi-los. E vale lembrar, que antes de reclamar de um eventual erro no seu jogo, verifique se seu computador atingi os requisitos mínimos.
      Sistema Operacional: Windows Vista (SP2), 7 (SP1), 8/8.1, 10 (1703/Creators Update) – 64-bit ou 32-bit Processador: Intel Pentium 4, Intel Core ou AMD Athlon – 2.2 GHz + Memória RAM: 2 GB RAM Placa de Vídeo: Intel GMA X4500, NVIDIA GeForce 9600M GT ou AMD/ATI Mobility Radeon HD 3650 – 256MB VRAM Versão do DirectX: Versão 9.0c Armazenamento: 7 GB disponível no disco 1) O FM não inicia
      O seu jogo não abre e lhe dá uma mensagem de aviso como essa: Football Manager 2018 18.2.1f1051982 (staging) parou de funcionar? Existem alguns processos simples que podem resolver o problema para você:
      Caso seu notebook tenha placa de vídeo dedicada e integrada, tente fazer com que o jogo rode apenas usando a placa de vídeo integrada; Instale todas as atualizações do seu Windows 10; Faça um escaneamento completo com seu anti-vírus; Desative seu anti-vírus e firewall e tente rodar o jogo novamente; Desative aplicativos e programa que rodam em plano de fundo, assim seu sistema direcionará toda sua capacidade computacional para o jogo. Nesse caso, recomendamos que utilize o CPUCores e/ou o Process Lasso para automatizar essa tarefa; Faça uma checagem da integridade dos arquivos pelo Windows, você pode preferir usar um programa para isso, como o CCleaner. 2) Crash Dumps
      Esse é um erro clássico e tradicional vilão do jogo (você pode visitar o tópico específico clicando aqui). Apesar de não existir nenhuma solução definitiva, algumas coisas podem mitigar a ocorrência do erro:
      Evite encher seu jogo de gráficos e skins, vá testando gradativamente a inserção deles, principalmente se sua máquina está bem próxima dos requisitos mínimos para se jogar o jogo; Atualize os drivers da sua placa de vídeo; Apague a pasta dos jogos salvos no Diretório em Meus Documentos (salve seus arquivos primeiro). Depois, desinstale o jogo e reinstale. Caso faça o passo acima, o ideal é seja uma reinstalação limpa: Desinstalar, remover todos os traços do FM do seu computador (você pode usar programas como o CCleaner para isso) e só então, fazer a reinstalação. Para maiores detalhes, visite o tópico dedicado mencionado acima. 3) Jogo salvo não carrega
      Normalmente é um erro que ocorre quando há interrupção do processo de salvamento do jogo, porém, muitas pessoas andaram reportando problemas assim sem causas tradicionais. Talvez o procedimentos abaixo possa lhe ajudar:
      Você pode resolver o problema rapidamente adicionando a extensão .fm no nome do seu save. Para isso, clique com o botão direito do mouse em cima do arquivo defeituoso, vá em Renomear, adicione .fm e aperte Enter. 4) Erro do ‘XML Parsing missing’
      Esse é uma aflição que pode lhe ocorrer quando você está salvando seu jogo e interrompendo a sua tentativa de armazenar seu progresso para continuar depois. Infelizmente, é um dos poucos erros que ainda não existem soluções conhecidas ou medidas paliativas para tentar evitar.
      5) Os gráficos não estão fluidos ou lisos
      Vá nas suas Preferências e diminua o nível dos gráficos, desative a maioria das perfumarias do motor 3D e veja se os drivers da sua placa de vídeo estão em dia; Caso não melhore, talvez o jeito seja retornar ao 2D. 6) Jogo não abre no modo offline e não vai para o modo online
      O erro da imagem abaixo vem proliferando bastante, porém, ele é uma questão que surgiu com a quantidade de gente que anda compartilhando o jogo, seja pelo preço, seja para dividir com amigos. Esse é um problema do sistema de ativação do jogo, que não reconhece o seu computador, ou muitos computadores estão utilizando o jogo naquele momento. A única solução possível, é tentar ficar online na steam, mesmo que demore horas, é uma das desvantagens da conta compartilhada.

      7) Meu jogo trava em determinada data e não consigo passar dela de jeito nenhum
      Esse erro é muito comum em quem usa ligas alternativas e updates que modificam na estrutura do futebol de certas ligas, podem ter dezenas de motivos, nesse caso, o ideal é seguir alguns dos procedimentos para descobrir a origem:
      Recrie seu save sem nenhum update ou liga alternativa e veja se o problema persiste; Caso persista, é um problema com o seu jogo e não com seu save ou com suas ligas; Caso contrário, é um problema com os arquivos extras que você está usando. Nesse caso, não existe alternativa, você terá que buscar uma solução para seu problema (caso não seja erro do save ou de ligas alternativas e/ou updates) ou então criar um novo save.
      Compilação criada por Henrique M. para o FManager Brasil e Engenharia do Futebol
      Banner: @_Matheus_
    • Henrique M.
      Por Henrique M.

      Eu descobri recentemente que é muito importante olhar para as categorias de base como um todo, e como uma parte importante de constantes mudanças e evoluções de um clube. Muitos jogadores apreciam o desafio de desenvolver suas equipes através das categorias de base mas também pode ser muito tentador focar no curto-prazo, mesmo sendo tão contraditório como parece, e ignorar o que acontece no futuro.

      Quando se trata das categorias de base, eu percebi que eu normalmente desenvolvia os jogadores como eles já estavam moldados para ser, poupando tempo e fazendo eles preparados para a equipe principal o mais rápido possível. Mas descobri recentemente que essa não é a melhor maneira de se lidar com eles e assim eu troquei minha estratégia para permitir futuras mudanças nas minhas táticas. Muitos times, na medida que crescem, vão desenvolver suas táticas drasticamente com o passar do tempo, muitas vezes a cada temporada se você deseja melhorar rapidamente.

      Ao mudar uma tática, os atributos que o treinador precisa em seus jogadores muda. No começo de uma carreira, um simples 4-4-2 geralmente é a melhor opção porque necessita de poucos especialistas e pode se obter sucesso com dois meias decentes com resistência para atacar e defender, tal qual Keane/Vieira e dois rápidos pontas clássicos. Nessa tática, não há necessidade para altos níveis de técnica, criatividade, decisões, antecipação e outros atributos altamente cobiçados, por isso é tão popular em divisões mais baixas e países taticamente atrasados (Inglaterra, estamos falando de você). O que quero deixar claro é que quando você assume uma equipe que está muito longe do topo, você busca por atributos totalmente diferentes de quando você está lutando por títulos nacionais e continentais cinco anos depois. No planejamento comercial, existe um conceito similar, chamado planejamento da mão de obra, no qual um negócio vai tentar descobrir onde ele está agora e onde estará no futuro, e quantos e qual tipo de trabalhadores eles vão precisar para cumprir o que o negócio necessita através do tempo. Isso permite que eles lentamente mudem o tipo de trabalhador que não se encaixa nos planos futuros, enquanto, eles treinam e buscam pessoas que se adequam as necessidades. Atualmente eu faço algo parecido com minhas categorias de base, meu principal objetivo é me preparar taticamente ao longo prazo e não olhar apenas para o presente.

      Geralmente existem duas filosofias que cercam as categorias de base, devo desenvolver jogadores para vender ou para usar? Para decidir qual é a melhor, olhe para o seguinte: seu clube tem projeções financeiras boas para o próximo ano ou você tem dívidas que sugam todo seu esforço? Se for a primeira, opte por usá-la, se não, pode ser mais interessante produzir jogadores para outras equipes, criando jogadores que eles necessitem e que possam pagar uma montanha de dinheiro por eles. Alguns jogadores, como Paul Pogba, são tão bons que podem se encaixar em ambos os casos (veja que os Devils de Fergie ano passado e o de Moyes atualmente choram a perda do jogador, que seria uma importante peça no atual time vermelho) e você tem a flexibilidade de decidir o que deseja fazer com ele. Mas se você desejar desenvolver esse tipo de jogador, pode acabar ficando desapontado com os resultados

      Eu sei como é fácil entrar num planejamento a curto-prazo porque recentemente eu estava fazendo isso. Em um save meu com o Schalke, o mais duradouro desse ano, eu percebi que estava desenvolvendo 4 ou 5 zagueiros de maneira similar:


      Eu tinha tantos "Zagueiros Limitados" na mesma faixa etária que eu tinha um problema com o que fazer com eles e com o que eu faria taticamente. Quando todos eles chegaram ao clube, entre a primeira e a segunda temporada, minha equipe principal estava necessitando de zagueiros fortes, bravos que poderiam receber pancadas e devolver ela com três vezes mais força, tipo Vidic. Naquela época eu tinha três defensores que "jogavam com a Bola", eram extremamente calmos com a posse de bola, mas pecavam nas disputas físicas para proteger e manter a estabilidade no nosso estilo de jogo, o contra-ataque. Todos os cinco chegaram com o potencial para serem grandes e durões "Zagueiros Limitados" e eu deixei eles continuarem seu desenvolvimento sem me preocupar com o futuro, apenas me preocupando em prepará-los o mais rápido possível para a equipe principal.

      Grande erro. Por que eu iria querer cinco jogadores no meu time que tivesse as mesma características e a mesma faixa de idade? Foi uma coisa ridícula a se fazer e agora eu tenho cinco zagueiros para uma posição e eu provavelmente só vou precisar de um ou dois deles. Um bom plano seria dividi-los em dois grupos, assim um substituiria Clark/Lucas Zen como "Defensor que joga com a Bola" - já que nenhum deles era tão ruim assim com a bola - ou melhor ainda, podia ter contratado apenas metade deles e investido em outros que pudessem suprir minha outra necessidade.


      Agora eu estou com muitos zagueiros que valem pouco porque eles competiram entre si, mesmo sem nenhuma experiência na equipe principal e ironicamente, para remediar a situação eu vou ter que gastar dinheiro num jovem "Defensor que joga com a Bola" de um clube que planejou para o futuro e produziu o que queria. E eu ainda tenho que pagar £500.000 por esse prazer.
      ---

      Link para o post original: http://www.pushthemwide.co.uk/youthdevelopment-planning/
      Autor: Jad
      Tradução: Henrique M.
      Banner: _Matheus_
    • ggpofm
      Por ggpofm

       
      A cada dia que passa o FM 16 fica mais próximo de seu lançamento, enquanto o FM 15 caminha para ficar para trás como apenas mais uma edição da série. Por vários motivos não fiz nenhum save com o FM 15, algo lamentável para quem desde o início da série Football Manager nunca deixou de jogar e postar saves no “Profissão: Manager”. Por isso mesmo, sabia que não podia deixar passá-lo em branco, mesmo achando que o FM 16 tem muitas chances de vir com poucos bugs, já que aparenta ser mais uma versão aperfeiçoada do FM 15 do que uma edição inovadora do jogo.
      Como entrarei em férias no fim de semana, pensei em começar apenas quando voltasse, mas não resisti e decidi postá-lo nesta quinta-feira. Peço desculpas, mas quero aproveitar o embalo.
       

      Como o título sugere, jogarei um save de clube e o escolhido é um pequeno clube espanhol da região de Andaluzia: o Cádiz Club de Fútbol. Com mais de um século de vida, o Cádiz é tipicamente um clube de 2ª divisão. Das 76 temporadas em que participou da liga espanhola, o clube disputou 12 temporadas na 1ª divisão, 37 na 2ª, 15 na 3ª e 12 temporadas na 4ª divisão.
       

      Mesmo sendo um clube pequeno, o Cádiz já recebeu em sua casa importantes equipes do futebol mundial porque em seu estádio realiza-se, desde 1955, o Troféu Ramón de Carranza, um torneio de verão que já foi conhecido como o mais importante entre todos os torneios de verão disputados na pré-temporada europeia.
      E como não podia deixar de ser, o meu save também terá o seu Trofeo Ramón de Carranza. Penso que um save com o Cádiz pede isso e a cada temporada realizarei a competição na pré-temporada.
       

      Pretendo usar o espaço do save para abordar momentos históricos do clube, mas também do futebol espanhol, sem contar a própria narrativa do save, que passará pela evolução do clube em busca de títulos, a qualificação do elenco por meio de contratações e do uso da categorias de base e também pelas experimentações táticas que pretendo utilizar.
       

      Para o save ativei as principais ligas europeias e também as ligas dos três países que mais forneceram jogadores para o futebol espanhol: Argentina, Brasil e Uruguai. Chamo atenção para a Sérvia que é o 6º país que mais forneceu jogadores para a liga espanhola atrás de Portugal e França e que também teve sua liga ativada.
      Dados do Save
       

      Temporada 2014/15
      Segunda B - Grupo 4: Campeão
      Segunda B - Ruta de los Campeones: Campeão
      Copa del Rey: eliminado na 1ª rodada
      Copa Federación: Vice-campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: 4º lugar
       
      Temporada 2015/16
      Liga Adelante: Campeão
      Copa del Rey: eliminado na semifinal
      Trofeo Ramón de Carranza: 3º lugar
       
      Temporada 2016/17
      Liga BBVA: 11º lugar
      Copa del Rey: eliminado na 4ª eliminatória
      Trofeo Ramón de Carranza: 3º lugar
       
      Temporada 2017/18
      Liga BBVA: 6º lugar (classificado para a Europa League)
      Copa del Rey: eliminado na 5ª eliminatória
      Trofeo Ramón de Carranza: Vice-campeão
       
      Temporada 2018/19
      Europa League: eliminado nas oitavas-de-final
      Liga BBVA: 7º lugar (classificado para a Europa League)
      Copa del Rey: eliminado na 5ª eliminatória
      Trofeo Ramón de Carranza: Vice-campeão
       
      Temporada 2019/20
      Europa League: eliminado nas quartas-de-final
      Liga BBVA: 4º lugar (classificado para a Champions League)
      Copa del Rey: Vice-campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: 3º lugar
       
      Temporada 2020/21
      Champions League: eliminado nas oitavas-de-final
      Liga BBVA: 3º lugar (classificado para a Champions League)
      Copa del Rey: eliminado nas quartas-de-final
       Supercopa de España: Campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: Campeão
       
      Temporada 2021/22
      Champions League: eliminado na semifinal
      Liga BBVA: Campeão (classificado para a Champions League)
      Copa del Rey: Campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: Bicampeão
       
      Temporada 2022/23
      Champions League: eliminado na semifinal
      Liga BBVA: Bicampeão (classificado para a Champions League)
      Copa del Rey: eliminado nas quartas-de-final
      Supercopa de España: Campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: 3º lugar
       
       
      Temporada 2023/24
      Champions League: Campeão
      Liga BBVA: Tricampeão (classificado para a Champions League)
      Copa del Rey: Campeão
      Supercopa de España: Vice-campeão
      Trofeo Ramón de Carranza: Campeão
×