Jump to content

O que não te contaram sobre TREINOS! FUJA DOS MITOS!


just12

Recommended Posts

  • Leho. changed the title to O que não te contaram sobre TREINOS! FUJA DOS MITOS!
  • General Director

O vídeo é legal e tals, mas ele não desmistifica nada praticamente hahahaha. A questão é que ele acaba se pautando mais na questão do "próximo jogo" e nos aspectos que compõem a "familiaridade tática", como a 'marcação', o 'fazer pressão', 'posição papel/tarefa' e etc, etc etc.

De interessante mesmo foi notar que ele chama a atenção pra determinados tipos de treinos que impactam diretamente no próximo jogo da equipe enquanto outros não. Os treinos de bolas paradas por exemplo, eu não tinha me ligado nisso.

Agora, acho importante focar também no desenvolvimento dos atributos ao longo da temporada (coisa que ele parece não levar tão em conta assim, meio que até num tom de deboche), levando em consideração seu estilo de jogo, nível de CA da equipe, divisão atual em que o clube se encontra e etc, etc. Não dá pra só ficar focando no próximo adversário e/ou na coesão do elenco.

Link to comment
40 minutos atrás, Leho. disse:

O vídeo é legal e tals, mas ele não desmistifica nada praticamente hahahaha. A questão é que ele acaba se pautando mais na questão do "próximo jogo" e nos aspectos que compõem a "familiaridade tática", como a 'marcação', o 'fazer pressão', 'posição papel/tarefa' e etc, etc etc.

De interessante mesmo foi notar que ele chama a atenção pra determinados tipos de treinos que impactam diretamente no próximo jogo da equipe enquanto outros não. Os treinos de bolas paradas por exemplo, eu não tinha me ligado nisso.

Agora, acho importante focar também no desenvolvimento dos atributos ao longo da temporada (coisa que ele parece não levar tão em conta assim, meio que até num tom de deboche), levando em consideração seu estilo de jogo, nível de CA da equipe, divisão atual em que o clube se encontra e etc, etc. Não dá pra só ficar focando no próximo adversário e/ou na coesão do elenco.

Aí eu acredito que seja uma questão de liga e time em que se joga. Por ex: em um clube brasileiro série A, em que há dois jogos por semana (às vezes 3), e que raramente há semanas só com jogo no fds, é impraticável buscar treinos que foquem, exclusivamente, em desenvolver atributos.

Mas o que achei interessante é que ele aborda explicações sobre o treino que estão lá, mas que quase ninguém se atenta (eu incluso). E olha que jogo essa tranqueira há 22 anos.

Link to comment
  • General Director
3 minutos atrás, jonnyjones81 disse:

Aí eu acredito que seja uma questão de liga e time em que se joga. Por ex: em um clube brasileiro série A, em que há dois jogos por semana (às vezes 3), e que raramente há semanas só com jogo no fds, é impraticável buscar treinos que foquem, exclusivamente, em desenvolver atributos.

Mas o que achei interessante é que ele aborda explicações sobre o treino que estão lá, mas que quase ninguém se atenta (eu incluso). E olha que jogo essa tranqueira há 22 anos.

Ah sim, tem essa questão do calendário que vai acabar impactando realmente e aí não tem mt o que fazer. Mas nem é o caso dele ali no exemplo, ele tá usando uma semana cheia pra falar de um jogo no final de semana e tals.

Meu ponto é que não existe esse papo de "MITO x VERDADE", o que existe é o contexto. Você mesmo trouxe o contexto brasileiro, que vai forçar o treinador a se virar com pouquíssimos dias produtivos de treino, depois tem o contexto europeu, tem também o contexto de time pequeno, o do desafio LLM e por aí vai.

Link to comment

Vocês colocam descanso quase toda noite? Eu só dou descanso domingo, e só na parte da tarde HAHAHA! Se bobear, tem um evento de caridade à noite ainda. Depois dos jogos é treino leve, recuperação e descanso (ou talvez o descanso de manhã e duas sessões de recuperação). Eu não mato os jogadores na intensidade diária, mas usar as noites me possibilita ter mais opções pra variar os treinos de acordo com o calendário semanal e mensal. Pessoal não reclama. Cuidar de ter um bom staff e rotacionar o elenco também ajuda demais. Fazendo isso, eu consigo ter jogadores fisicamente bem e uma temporada com um número de lesões bem menor que o esperado inicialmente.

Link to comment
2 horas atrás, Bruno Caetano. disse:

Vocês colocam descanso quase toda noite? Eu só dou descanso domingo, e só na parte da tarde HAHAHA! Se bobear, tem um evento de caridade à noite ainda. Depois dos jogos é treino leve, recuperação e descanso (ou talvez o descanso de manhã e duas sessões de recuperação). Eu não mato os jogadores na intensidade diária, mas usar as noites me possibilita ter mais opções pra variar os treinos de acordo com o calendário semanal e mensal. Pessoal não reclama. Cuidar de ter um bom staff e rotacionar o elenco também ajuda demais. Fazendo isso, eu consigo ter jogadores fisicamente bem e uma temporada com um número de lesões bem menor que o esperado inicialmente.

Vai depender muito do seu calendário. Se você pegar 3 semanas com 2 jogos por semana, vai ter que maneirar a carga de treinamentos ou vai ter jogador se machucando mais facilmente. Os descansos são mais úteis do meio pro fim da temporada, porque aí com o cansaço acumulado não adianta só deixar sem jogar.

Link to comment
  • General Director
7 horas atrás, Bruno Caetano. disse:

Vocês colocam descanso quase toda noite? [...]

Descanso que você diz seria a Sessão Extra (SE)? Eu costumo usar em alguns dias sim — depende mt da intensidade das outras duas sessões anteriores geralmente —, em outros deixo no descanso mesmo ou com alguma atividade comunitária/coesão de grupo.

No fim vai cair exatamente no que o @Douglas. já disse: depende do calendário e da altura em que se está dentro da temporada (começo, meio ou fim).

Link to comment

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

  • Similar Content

    • Johann Duwe
      By Johann Duwe
      Banner by @Tsuru
      Após o insucesso com o FC Cincinnati, volto a Europa para dar seguimento em um save de desenvolvimento de clube, e gostaria de atuar em alguma liga do Top 10 e que me desse a liberdade necessária para poder garimpar pelo mundo todo sem ter restrições quanto a estrangeiros, ou ao menos ser mais liberal do que a MLS.
      Entre elas a Turquia e Portugal foram fortes concorrentes, mas no fim acabei me virando para a Holanda. Comecei então as buscas de um clube e me deparei com duas ou três opções, mas o escolhido foi o FC Eindhoven.
      Breve História
      O FC Eindhoven é um clube de futebol criado em 16 de Novembro de 1909 na cidade de Eindhoven, Província de Brabanta do Norte, ficando próximo de Antuérpia na Bélgica e Düsseldorf/Mönchegladbach na Alemanha, há outras é claro, mas com equipes relevantes para seus países, são as mais próximas.
      Então em 16/11/1909 o clube foi fundado e começa jogando em ligas amadoras, até ter seu primeiro momento de brilho em 1937 ao vencer a KNVB Beker e em 1950 teve o primeiro jogador chamado a seleção holandesa, no caso foi o atacante Nuod van Melis, seguido por Frans Tebak e Dick Snoek nos anos seguintes, essa geração teve ainda a conquista da Eredivisie em 1954, último ano antes da profissionalização.
      Em 1957 a equipe foi rebaixada a Erste Divisie e seguiu um tempo na gangorra, chegou a terceira divisão em 1969, mas já em 1975 voltou a Eredivisie, alegria que durou pouco e em 1977 voltou para ficar na Erste Divisie.
      Nomes
      Assim como muitos clubes, o Eindhoven trocou algumas vezes de nome. Criado como E.V.V. Eindhoven (Eindhovense Voetbal Vereniging), foi fundido em 1921 com a equipe amadora do Gestel, em 1997 o E.V.V. Eindhoven deixa de ser profissional. Pelo que entendi, no lugar dele foi criado o SBV Eindhoven (Stichting Betaald Voetbal Eindhoven) que manteve a história e títulos do passado e finalmente em 2002 o nome é alterado para o padrão inglês Football Club Eindhoven, o que é uma pena pois Voetbalclub Eindhoven seria muito mais charmoso e identificado com os nomes anteriores.
      Rivalidades
      Havendo duas equipes na cidade, normalmente uma delas é de maior sucesso. Foi o caso do FC Eindhoven, ao menos até o final da Década de 1950. Tendo o PSV fundado em 1913 e aceitado inicialmente apenas trabalhadores da Philips, naturalmente o lado azul predominou por um tempo, mas isso foi mudado pois ao menos pela Eredivisie, o Lichtstad Derby não ocorre desde a temporada 1976-1977. Sendo o PSV um clube de empresa, ele é considerado um clube da elite, enquanto que o FC Eindhoven é um clube do povo, vale ainda destacar que existe uma parceria entre ambos desde 2004.
      Infelizmente não encontrei em nenhum lugar nenhum os dados do Derby, seja quantidade de partidas jogadas e nem quem está levando a melhor no confronto.
      Atualmente o Helmond Sport é visto como grande rival, pois joga na mesma divisão e está distante 20km do estádio do clube.
      Distância até o Philips Stadion - Distância até o Stadion de Braak.
      Títulos
      Somente a KNVB Beker em 1937 e a Eredivisie em 1954.
      Estádio
      O Jan Louwers Stadion é um estádio multi-esportivo porém é principalmente usado para prática de Futebol, seu nome é uma homenagem a Jan Louwers que foi jogador da equipe entre 1949 e 1960 e tem capacidade para 4.600 pessoas.
      Objetivos
      - Vencer a Eredivisie.
      - Vencer a KNVB Beker.
      - Ter três jogadores chamados a Seleção Principal da Holanda, não necessariamente na mesma convocação.
      - Ser comparado ao Ajax no que tange ao desenvolvimento e valorização de produtos da base.
      Não colocarei nada sobre vencer algum título europeu pois isso, caso aconteça, será de forma natural com o desenvolvimento da equipe, das estruturas e do staff.
      Ferramentas Disponíveis
      Como o FM permite usar e abusar de ir manualmente para buscar jogadores e staff, é o que eu farei. Escrevendo até passou pela cabeça usar apenas olheiros e anúncio de emprego para contratar, porém o fato da liga holandesa não ter limite de estrangeiro, é um convite enorme para ficar fuçando e encontrando bons jogadores escondidos.
      Ressalto que minha intenção é desenvolver a base, mas isso não vai me impedir de contratar jogadores de outras equipes/nacionalidades.
      Resumo das Temporadas
       
       
       
       
       
    • Martini Branco
      By Martini Branco
      Destinos Cruzados
      Novo save: Depois de um tempo de introspeção e de maior perceção da realidade do fórum e da forma como as atualizações do save podem e devem decorrer, decidi lançar-me numa nova e que espero (bem mais longa) aventura. Agradeço os vários conselhos que o @LC, @mfeitosa, @div (muitíssimo obrigado pela experiência e pelas sábias palavras proferidas), @Cadete213 e @CCSantos me deram no tópico "O Discípulo de Ulisses", pois conseguiram-me fazer perceber que o problema podia estar em mim próprio e na forma como atualizo. Portanto, convém esclarecer desde já que as atualizações serão bem mais espaçadas, de forma a que as leituras por parte dos meus caros companheiros, possa ser mais fácil e mais regular. Mais tarde, falarei dos objetivos do save e das ligas que foram escolhidas para esta aventura, de nome "Destinos Cruzados".

      Capítulo 1
      “Uma infância atribulada”
      Julían Chávez é um menino que teve uma infância, como tantas outras crianças em Buenos Aires. A viver na zona sul desde que se conhece, em pleno bairro de Nueva Pompeya, cresceu no meio da miséria e da devastação. O seu pai, Martín, desde sempre se dedicara ao tráfico de droga e a família sempre soubera desse flagelo. Mas sejamos sinceros! Haveria outra forma para se sobre(viver)?
      Julían jogava à bola na rua até ao anoitecer, quando tiroteios e emboscadas policiais faziam toda as crianças regressar a casa. Corria como ninguém e depressa arranjava esconderijo… Assistiu a muitas mortes à queima roupa e viu bem debaixo dos seus olhos, cenários de carnificina. Quando se vê tantas coisas destas, facilmente se altera o conceito do que é “normal” ou não. Também jogava a jogos tradicionais como o “Limón, metade limón” ou às “Estátuas”, mas o futebol era uma das suas grandes paixões. Acompanhava o clube local, sempre que podia ou que se escapava de casa.
      A criança de quem temos falado, frequentava a escola, mas visto que a família não lhe atribuía qualquer tipo de significado ou importância, poderíamos estar aqui a falar de um em muitos outros meninos. Mas não! Julían gostava particularmente da área das ciências e da matemática e embora ninguém fizesse caso, dizia que gostaria de ser um engenheiro mecânico para tratar dos vários veículos da sua família e dos seus vizinhos. Era uma das poucas crianças em todo o bairro que sonhava ter um futuro académico. Coisa rara, pois está claro. Mas como o sonho comanda a vida, quem o poderia censurar?
      Mas um dia tudo mudou… Julían ouviu muitos mais tiros do que aquilo que era costume e várias sirenes da polícia. Naquele dia, um grande aperto no coração acabou por assolá-lo e deixá-lo de lágrima no canto do olho. Para uma criança tão pouco sentimental e que nunca recebera qualquer tipo de afeto, isso era uma raridade. Mas o que seria? Porque sentir algo que nunca havia sentido? Haveria real motivo para preocupação?
      Quando se preparava para virar a esquina da rua que dava para a sua casa, ganhou certezas de que algo não batia certo. Rebeca, vizinha da frente e que sempre fora considerada como “sangue do seu sangue” (família), embora obviamente não o fosse, correu na sua direção e abraçou-o a chorar compulsivamente. Julían não soltou uma única lágrima neste momento e desatou a correr sem direção. Percebera desde logo… O seu pai e a sua querida mãe haviam sido mortos de forma premeditada. Por quem? Não havia certezas, mas Julían sabia que Romero tivera uma grande discussão com o seu pai, uns dias antes. O negócio não andava nos seus melhores dias e Romero temia que Martín acabasse por ficar com o monopólio dos negócios obscuros no bairro.
      Desde esse dia que jurou vingar-se…
    • LC
      By LC
      Por Giuseppe Milano
       
      Como vou começar essa história sem me emocionar? Sou torcedor Rossoneri e sempre acompanhei o meu clube. Enzo Auditore começou treinando o Arzanese da Lega Pro Seconda Divisione (Grupo B) aos 30 anos de idade. Conseguiu levar o clube até a Lega Pro Prima Divisione e a partir disso os clubes mediano começaram a prestar atenção no novo treinador. Do Arzanese ele se transferiu para o AlbinoLeffe e fez uma boa campanha. Treinador de sangue quente ele teve alguns problemas no balneário e quase chegou as vias de fato com alguns jogadores. Foi mandado embora, mas não ficou muito tempo desempregado e logo foi contratado pelo Torino e depois de 3 temporadas ele foi contratado pelo AC Milan e aqui começa sua Via Crúcis. Aos 37 anos o jovem treinador assumiu a direção do clube dentro de campo e aos poucos foi colocando em prática suas táticas e seu jeito sangue quente de lidar com algumas estrelas do clube. Conquistou uma Copa da Itália e chegou a 4ª colocação na tabela. Na temporada seguinte começou muito bem no campeonato e estava liderando o Calcio quando uma tragédia abateu sua família. Seu filho de 5 anos morreu afogado na piscina de casa. Sua ex-esposa o culpou por não prestar atenção aonde a criança estava brincando. No seu depoimento Enzo Auditore informou que estava bebendo um whisky e quando se deu conta a criança estava se afogando na piscina. Ele mergulhou para tentar salvar o filho, mas infelizmente não conseguiu. Uma verdadeira tragédia. Sua esposa o largou. O Milan deu uma licença para ele de 90 dias, mas ele na época não aceitou. Dizia que precisava trabalhar para não pensar em besteira, até mesmo em suicídio. O problema era que ele começou a beber e até em certas situações ele dava treino um pouco alterado por causa da bebida. A situação se complicou quando ele chegou bêbado para dar a preleção antes do jogo contra a Internazionale Milano. A direção do AC Milan não teve mais paciência com Enzo Auditore:
       

      AC Milan demite Enzo Auditore.Depois de chegar bêbado para treinar a equipe, treinador é demitido.
       
      Enzo Auditore fora demitido. Auditore, depois disso se entregou a bebida e afastou a maioria das pessoas que o amavam. Só sobrou seu grande amigo e empresário Lucca Damianni. Damianni, junto com a mãe do treinador, o internou numa clínica de reabilitação. Se passaram 1 ano e 2 meses e depois da sua recuperação, Enzo Auditore voltou ao mercado de treinadores. Tentou alguns clubes de primeira linha, mas os diretores esportivos ficaram com um pé atrás em dar uma oportunidade ao treinador. Numa ligação rápida com Guardiola(Manchester City) e Mourinho(Roma), eu perguntei a eles o que achavam de Enzo Auditore:
       
      Mourinho respondeu:
      - Sucesso é algo que faz parte da vida do ser humano, mas não devemos deixar de lado os insucessos. As derrotas da vida. É nas derrotas que aprendemos com os erros.E acredito que o Enzo Auditore que possa se recuperar e para isso é necessário que deem a ele uma oportunidade.
      Guardiola complementou:
      - Com o aprendizado nos erros é que nos levantamos. Mesmo naquelas situações aonde estamos no fundo do poço é que devemos levantar a cabeça e recomeçar. Tanto eu e o o Mourinho treinamos clubes grandes e obtivemos de sucesso, mas também fracassos. O importante é não ter medo de recomeçar e Enzo Auditore merece uma nova chance.
       
      Eu acredito fielmente que depois dessas duas entrevistas alguém lá em cima resolveu ajudar o jovem treinador de 41 anos. Eu tenho a honra de ser o primeiro a dar a grande notícia:
       

       
      Seja novamente bem vindo ao Calcio Enzo Auditore. Seja bem vindo a Unione Sportiva Lecce
       
       
       

    • Ibarra
      By Ibarra
      Boa tarde galera,
      estou de volta com a continuação do FM22 FManager Brasil Ultimate Update.
      🇧🇷 
      ◉ Brasileirão Série A - atualizado para 2022
      ◉ Brasileirão Série B - atualizado para 2022
      ◉ Brasileirão Série C - atualizado para 2022
      ◉ Brasileirão Série D - atualizado com os 64 Clubes para 2022
      ◉ Brasileirão Divisão Inferior - atualizado com todos os clubes para 2022 desde o Grupo A até ao Grupo T (um total de 20 grupos)
      ◉ Todo o restante das Competições Brasileiras atualizadas para 2022
      ◉ Botafogo, Cruzeiro e Vasco da Gama como SAF.
      ◉ Pode-se jogar no Brasil em 2022 com os estaduais.
      ◉ Para poder jogar com o Brasil sem os estaduais em 2022 tem que selecionar a data de começo da Liga da India e de preferência selecionar o país (em Apenas Ver) a partir de Dezembro de 2021.
      🗺️
      ◉ Países Fundamentais inclusos (Bolívia, Equador, Paraguai, Venezuela, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos, Qatar e Tailândia)
      ◉ Transferências Nacionais e Internacionais elaboradas por minha autoria.
      ◉ Pode-se jogar na Temporada Europeia 2022/2023, selecionando a data de começo da Segunda Liga da Indonésia e de preferência selecionar o país (em Apenas Ver) a partir de Junho de 2022.
      ◉ Chelsea como SAF
      ◉ O Update é compatível com os Mod's de Realismo do Daveincid e com o Megapack de Ligas do Dave the Editor os links desses mod's estão na página da Community Sigames.
      ◉ Em Relação ao Megapack de Ligas do Dave the Editor é favor excluir as Ligas dele da Bolivia, Equador, Paraguai, Venezuela, Arabia Saudita, Emirados Arabes Unidos, Qatar e Tailândia de forma a evitar Ligas em duplicado.
      ---
      🔽 Download: FM22 FMANAGER BRASIL ULTIMATE UPDATE (BY IBARRA) (mediafire.com)
      🔽 Download: FM22 FMANAGER BRASIL ULTIMATE UPDATE (BY IBARRA) SEM ESTADUAIS (mediafire.com)
      Instalação: Extrair o arquivo .rar para a seguinte pasta ↓
      🗂️ C:/Meus Documentos/Sports Interactive/Football Manager 2022/Editor Data
       
       
      Bom Divertimento!
      Fiquem com Deus.
      Atualizado até 25/06/2022.
    • Bruno Trink
      By Bruno Trink
      E estamos de volta...

      Fiz os primeiros testes na nova versão do Football Manager com um time bastante conhecido meu, o Flamengo, joguei uma temporada e foi suficiente para me habituar com as novidades. Depois disso, a dificuldade foi encontrar uma história que me empolgasse para iniciar um save e voltar a contar histórias aqui. Não me animei com um jogo "fácil" com o novo milionário inglês nem com uma possível recuperação do Barcelona. Pensei em Palermo ou Siena mas entendi que a área está bem representada na Itália. Israel era uma possibilidade, voltar a jogar com o Hapoel Petach-Tikva mas acabei optando por minhas outras raízes. A história de um dos mais bem sucedidos clubes poloneses que despencou na última década me puxou.
       
      Ligas selecionadas

       

      O Ruch Chorzów, fundado em 20 de abril de 1920, conquistou o título polonês treze vezes, atrás apenas de Legia Warsaw, com quinze, e Górnik Zabrze e Wisla Kraków, com quatorze, e é o terceiro em pontos conquistados na primeira divisão. Chegou a ser vice-campeão da UEFA Intertoto Cup de 1998, perdendo uma das finais para o Bologna. Em sua história, o Ruch teve altos e baixos, algumas eras douradas com sequências de títulos mas era o único clube que nunca havia sido rebaixado até a temporada 1986/87. Rebaixamento esse que foi ainda mais instável, decidido em uma derrota por 2 a 1 para o Lechia Gdańsk, com o goleiro Janusz Jojko marcando um bizarro gol contra. No entanto, a equipe retornou no ano seguinte como campeão da segunda divisão e conquistou, em sequência, o título da Ekstraklasa, sendo a segunda equipe recém-promovida a conseguir esse feito.
       
      Após as transformações políticas ocorridas na Polônia em 1989 com a queda do Comunismo, o Ruch não reagiu bem, teve alguma melhora no início da década seguinte mas acabou rebaixado novamente na temporada 1994/95. Na segunda divisão, conquistou sua terceira Copa da Polônia. A crise real chegou na temporada 2002/03 com mais um rebaixamento. Diferente das outras vezes, não subiu imediatamente e, pelo contrário, por pouco não caiu para a terceira. Em 2005, o clube foi reestruturado como uma sociedade anônima. Um respiro que durou alguns anos. Em 2017, foi decidida, pela primeira vez na história do futebol polonês, uma reestruturação das dívidas e o Ruch teria que pagar PLN 8 milhões de złoty (equivalente hoje a pouco mais de R$ 10 milhões) em cinco anos. No campo, o time começou a I Liga (segunda divisão) com seis pontos negativos por dívidas não pagas e terminou o campeonato na última colocação, onze pontos atrás da zona de playoff de rebaixamento. No ano passado, o Ruch conseguiu o acesso ao vencer o grupo 3 da III Liga e jogará a terceira divisão polonesa.
       

      Quase sempre escolho uma figura histórica para dirigir minhas equipes em saves de clube. Dessa vez, não será diferente. Mariusz Lesław Śrutwa nasceu em 15 de julho de 1971 em Bytom e começou sua carreira no Polonia Bytom. Em 1991, chegou ao Ruch Chorzów onde atuou até 2006, com um ano emprestado ao Legia Warszawa. Foi artilheiro da I Liga em 1995/96, da Ekstralasa em 1997/98, conquistou a Copa da Polônia de 1995/96 e foi finalista da Intertoto de 1998. Marcou 185 gols em 442 partidas pelos azuis e disputou cinco partidas pela seleção polonesa sem marcar gols. 
       
       
       
       

      Primeira temporada
      S01E01: Introdução S01E02: A primeira pré-temporada S01E03: Melhor que a encomenda S01E04: Mantendo o ritmo inicial S01E05: Acesso e título indiscutíveis, primeiro passo dado  
      Segunda temporada
      S02E01: Ainda não estamos prontos S02E02: Elenco completo, campanha empolgante S02E03: Para não largar mais a ponta S02E04: Uma janela de outro patamar S02E05: Não tenho culpa se o adversário perdeu o gás  
      Terceira temporada
      S03E01: Aposta no entrosamento com pitadas de qualidade S03E02: Quem disse que não surpreenderíamos? S03E03: Presente de Natal, um novo contrato S03E04: Alterações discretas mas eficazes S03E05: Nada a lamentar  
      Quarta temporada
      S04E01: Mercado incompleto pode comprometer S04E02: Que bela volta à Europa! S04E03: Tudo embolado, aqui e lá S04E04: Frentes ainda abertas S04E05: Cadê o lateral? S04E06: Foi na emoção  
      Quinta temporada
      S05E01: O nível é outro, será que chegamos lá? S05E02: Sim, chegamos e queremos mais S05E03: Azarão ou cavalo paraguaio? S05E04: Entre dois S05E05: Para quem esperava o choque de realidade, ele não veio S05E06: Uma derrota decepcionante, um título esperado  
      Sexta temporada
      S06E01: A Europa quer Śrutwa e Śrutwa quer a Europa S06E02: Uma perda que ainda não é perda S06E03: Se um não marca, o outro faz S06E04: Nos últimos minutos S06E05: O mais bem pago da Polônia S06E06: Derrota pesada para ganhar casca  
      Sétima temporada
      S07E01: Casa nova? S07E02: Dessa vez, não tem moleza S07E03: Uma semelhança que até assusta S07E04: Uma derrota, só uma, decisiva S07E05: Passando o carro S07E06: Quadra histórica  
      Oitava temporada
      S08E01: Momento de reformulação forçada  
       

      Europa League
      Campeão: 2028 PKO Ekstraklasa
      Campeão: 2025, 2026, 2027, 2028 Vice Terceiro: 2024 Totolek Puchar Polski
      Campeão: 2025, 2027, 2028 Vice: 2024, 2026 Fortuna I Liga
      Campeão: 2023 Superpuchar Polski
      Campeão: 2025, 2026, 2027, 2028 II Liga
      Campeão: 2022 * Apenas durante o save
       
       
×
×
  • Create New...