Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Jirimias

O Legado - Clough vs. Revie

Recommended Posts

Jirimias

 

BAN2.png

 

1

 

Nos primeiros dez anos de seu casamento, Clough e Anne tiveram dois filhos. James, o primogênito, foi criado sobre os olhos atentos da mãe para que o pai não motivasse o filho a seguir a carreira de treinador. Também  havia uma preocupação especial de Anne para que a convivência com o irmão postiço, Thomas Revie, fosse a melhor possível. James era um menino gordo e bobo, um caso perdido, como se referia Clough.

 

Cinco anos depois nasceria Lynda, de fato muito linda. Garota de bochechas fartas e rosadas, que desde cedo travava uma enorme batalha: a aceitação do pai. Clough queria um outro menino, que significava uma nova chance de fazer um herdeiro que seguisse seus passos, por isso nunca escondeu sua insatisfação por ver nascer uma garota. Mas com o tempo a menina foi conseguindo conquistar o coração do papai turrão, principalmente, quando ela começou a apresentar o mesmo gênio forte de Will. Com orgulho, Clough dizia: Esta é a minha menina, se fosse um menino seria um grande técnico.

 

A dor de não ter um herdeiro a altura aumentava ainda mais quando Will Clough assistia de perto o desenvolvimento do filho de seu grande rival, Tom Revie. Thomas desde cedo já se mostrava uma criança estrategista, criativa e dissimulada, conseguia vantagens em casa e na escola com seu grande poder de persuasão. Aos oito anos, demonstrava enorme espírito de liderança, chegando a liderar o movimento que ficou conhecido como a Revolução das Papinhas, uma série de ações de protestos contra ao tipo de merenda que serviam na escola  Saint Andrew.  Sua desenvoltura ia além da liderança sobre os meninos, mas também no fascínio que causava nas garotas. 

 

 Não tinha a menor intimidade com a bola, isso é verdade, algo que o deixava sempre fora das seleções para os jogos escolares. Colocado à parte, Thomas passava boa parte dos jogos observando seus colegas. Muitas vezes preferiu ficar ali do que entrar durante os jogos. Levava caneta e caderno e à beira do campo onde anotava posicionamentos, traçava formações, formulava estratégias e táticas até chegar a uma que fosse imbatível.

 

ft1.png

Na foto, Thomas Revie mostrava desde cedo que sabia como levar uma mulher às alturas.

 

Com o sucesso tático, o garoto não demorou a ser requisitado pelas outras turmas da escola e aos 13 anos liderou o famoso o The Boys, time formado pelos garotos do último ano. Sob o comando de Thomas Revie, o The Boys ficou invicto 58 partidas. A invencibilidade só terminou quando a equipe enfrentou o time de garotos do Southampton. Em vez da tristeza da primeira derrota, aquele dia foi um dia de grande alegria para Thomas, pois seu trabalho no comando de uma equipe amadora chamou a atenção da comissão técnica adversária que convidou-o a integrar a categoria de formação técnica do clube. Aos 15 anos saiu de casa e não deixou ninguém chorando por ele.

 

Você me perguntaria: onde estaria a mãe de Thomas que permitiu que o garoto saísse de seus cuidados tão novo? Curiosamente, é aí que entra a história do terceiro filho de Will Clough. Querendo fazer a vontade do marido, Anne aceitou dar luz a um terceiro filho, mesmo sabendo que aos 39 anos esta seria uma experiência arriscada, principalmente, depois do complicado parto de Lynda. A alegria de Will foi completa quando descobriu que a criança era um garoto. Ele queria que se chamasse Brian, como o bisavô, a mãe preferia Victor, mas estava decidida a ceder à vontade do companheiro - como sempre. Às duas horas da manhã de um sábado nascia um garoto de 2,5kg, que veio ao mundo de punhos fechados como um guerreiro e sem esboçar nenhuma reação. Aquele deveria ser um momento de grande felicidade, mas a notícia que veio em seguida não foi nada boa: Anne morreu no parto.

 

Untitled-2.png

 

2

 

Por longos anos, Will Clough carregou a dor de ter sido indiretamente culpado pela morte da mulher. Foi sua teimosia em ter um terceiro filho, e a possibilidade de continuar seu legado o que acabou levando para sempre  seu grande amor. Só que os dias de lágrimas teriam que ser deixados para trás, pois agora ele  tinha nas mãos uma competição da qual não deveria se furtar de participar :  criar  três filhos e um enteado, pelo qual nunca escondeu a antipatia. O clima insustentável, a falta de referência de alguém da família e a proposta de trabalhar no Southampton, fez com que Revie decidisse sair de casa aos 15 anos.

 

Clough por sua vez, sem a presença de Anne, tinha o caminho livre para criação dos seus filhos. No caso de James e Lynda pouco poderia influenciar, mas no caso do pequeno Brian, o pai passou a fazer uma pesada marcação para que seguisse seus passos. Nem nos presentes, Clough deixava de lembrar ao filho o que queria. Junto com os carrinhos e bonecos dos heróis ,vez ou outra o pai dava algo que lembrasse o que queria de Brian.  Como por exemplo, uma prancheta para colorir  que ganhou aos três anos;  um caderno com a capa de Sir Alex Ferguson, e  o passatempo predileto do pequeno Clough: toda a coleção de histórias em quadrinhos do Tio Hamsey, um desastrado super-herói  que matava seus adversários fazendo gols.

 

Assim crescia Brian: aprendendo a amar o futebol e a odiar seu irmão postiço, com quem conviveu por poucos anos. Cabia a Clough contar histórias terríveis de Thomas, uma parte inventadas, para que o ódio que por muito tempo alimentou a rivalidade entre as famílias, fizesse parte da vida de seu herdeiro. Para Clough sem o ódio por um Revie seu filho talvez jamais seguiria a carreira de treinador.

 

Por trás desta obsessão por reviver uma adormecida rivalidade, havia algo muito maior: a honra dos Clough. Com Brian seguindo os passos de seus ancestrais, os Clough teriam uma chance, não se sabe se talvez a última, de resolver uma maldição da família: o fato dos Clough jamais terem ocupado a função de treinador da Seleção Inglesa de Futebol.

 

 

Untitled-2.png

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias

BAN2.png

 

DETASAVE.png

 

icne.png Desconsidere qualquer ordem cronológica em relação às duas histórias, Maldito Futebol Clube e o Legado, e a própria  realidade, seria impossível fazer a continuação da história anterior dentro de uma lógica temporal.

 

icne.png Tive o cuidado de fazer o Thomas Revie espelhado no Mourinho, dupliquei o Mourinho no editor e editei. Seria o "espelho" mais capaz e mais polêmico que poderia utilizar. Apesar do FM não reagir como queremos, eu consegui aumentar as chances de vermos termos um herdeiro mais próximo de repetir o sucesso de Dom Revie.

 

icne.png Brian Clough foi colocado em um nível mais baixo que seu rival, nitidamente com atributos mais fracos e que terá que buscar seu espaço.  Creio que assim teremos algo mais próximo da rivalidade dos bisavôs. Revie inicia na segunda divisão no comando do Leeds, Clough inicia no Hartlepool. 

 

icne.png Procurei observar algumas coisas que não fiz no Maldito Futebol Clube, e entre elas está a criação de um parceiro forte para Brian Clough. Nada melhor que um Peter Taylor. Ele será o auxiliar técnico. Vou tentar levá-lo comigo onde for.

 

icne.png As estátuas não estarão presentes nesta edição, assim como Regílson ou até mesmo uma namorada entre os irmãos. A única mulher entre os dois será a própria mãe. A disputa entre os dois ficará em campo, trazendo a  disputa original dos bisavôs com uma dose apimentada de ódio, já que indiretamente Brian Clough sempre será acusado pelo irmão de ser o culpado da morte da mãe. O que moverá Clough será o desejo de superar o irmão mais bem sucedido, e logicamente, o tão sonhado lugar na Seleção Inglesa.

 

icne.png Liberdade para a carreira de Clough. Nesta edição não haverá a necessidade de seguir Revie aonde ele for. Os confrontos entre os dois serão sempre abordados de forma especial, mas já não há a necessidade de forçar os encontros, por exemplo, se houver mudança de ligas. Inclusive abri a Europa para Clough, tirando a restrição de apenas treinar na Inglaterra, algo que me incomodava na versão anterior. 

 

Untitled-2.png

 

SUBT.png

 

icne.png  Quebrar a Maldição:

Levar Brian Clough ao comando da Seleção Inglesa - algo inédito para um membro da família Clough.

OBJETIVO ALCANÇADO

 

Untitled-2.png

 

NAV.png

 

icne.png Capítulos:

1 | 2 | 3 | 4 | 5 | 6 | 7 | 8 | 9 | 10 | 11 | 12 | 13 | 14 | 15  | 16 | 17 | 18 | 19 | 20 | 21 | 22 | 23 | 24 | 25 | 26 | 27 | 28 | 29 | 30 | 31 | 32 | 33 | 34 | 35 | 36 | 37 | 38 | 39 | 40 | 41 | 42 | 43 | 44 | 45 | 46 | 47 | 48 | 49 | 50 | 51 | 52 | 53 | 54 | 55 | 56 |

 

icne.png Clubes:

 

2015 - 2018: Hartlepool

2018 - 2023: Nottingham Forest

2013 - ????:  Seleção Inglesa

 

icne.png Títulos: 

Vencedor da League Two: Hartlepool 

Vencedor da League One:  Hartlepool 

Vencedor da Copa da Liga: Nottingham Forest

Vencedor da Liga Europa: Nottingham Forest

Vencedor da Liga dos Campeões: Nottingham Forest

Vencedor da Supercopa Europeia: Nottingham Forest

Vencedor do Mundial de Clubes: Nottingham Forest

Vencedor da Premier League : Nottingham Forest

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias

Reservado

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Inner Logic

Jirimias, Maldito Futebol Clube e história boa são pleonasmos. Mais uma grande história está chegando. Boa sorte Jiri!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
JRN14

PM se não tiver umas historias do Clough, não é PM hahaha.

 

BS!

Editado por JRN14

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
40 minutos atrás, Generator disse:

Jirimias, Maldito Futebol Clube e história boa são pleonasmos. Mais uma grande história está chegando. Boa sorte Jiri!

Valeu, Generator! Agora só falta ser também sinônimo de história longa, tá difícil rs

30 minutos atrás, JRN14 disse:

PM se não tiver umas historias do Clough, não é PM hahaha.

BS!

Não pode faltar. Vlw!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
bruno introvertido
2 horas atrás, Jirimias disse:

fascínio que causava nas garotos.

3º parágrafo, ultima palavra, Não seria Garotas?

Eu entendi certo? você vai joga com dois treinadores no mesmo save?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
11 minutos atrás, bruno introvertido disse:

3º parágrafo, ultima palavra, Não seria Garotas?

Eu entendi certo? você vai joga com dois treinadores no mesmo save?

Corrigi, Vlw!

Não, treinarei apenas o CLough, como no MFC, acompanharei de longe a carreira do Revie.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
VitorSouza

Boa sorte e que tenha uma boa língua afiada nas entrevistas.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
38 minutos atrás, VitorSouza disse:

Boa sorte e que tenha uma boa língua afiada nas entrevistas.

Opa valeu!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
lucasmb83

Sempre com uma história muito daora por trás, tá de parabéns!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
16 minutos atrás, lucasmb83 disse:

Sempre com uma história muito daora por trás, tá de parabéns!

Vlw, Lucas!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias

BAN2.png

3

Terno preto, óculos escuros inadequados para um dia chuvoso. Sentou-se na cadeira para sua primeira coletiva. Havia alguma ansiedade no ar. Ao seu lado está o presidente do Hartlepool,aparentemente incomodado com alguma coisa. Brian Clough cochichou algo no ouvido.

  • - Cadê os torcedores?
  • - Esperava uma sala lotada para sua apresentação? Não tem jeito mesmo, os Cloughs acham que são o centro do mundo. Tente tratar bem os repórteres, nós somos um clube familiar e de bons costumes.
  • - Quanto tempo este clube familiar não ganha nada importante?
  • - Nunca ganhamos um título, mas isso não vem ao caso.
  • - Um clube virgem? Oh, lá vamos nós!

A coletiva durou cerca de quarenta minutos, menos do que foi programado, pois Clough deixou a coletiva depois de bocejar algumas vezes. Mesmo diante do desinteresse do rapaz, os jornalistas conseguiram algumas frase de efeito

frases_2.png 

caps_1.png

balaco.png

Clough toma seu capuccino nos arredores do Viktoria Park. Ainda era um rosto bastante desconhecido dos frequentadores do bar, por isso ousava ler seu jornal sem ser incomodado. Permaneceria anônimo ali se não fosse por um senhor que  aparentava ter uns 50 anos, que, repentinamente,puxou a cadeira e sentou-se a sua frente.

  • - Clough?
  • - Me conhece?
  • - Sim. Sou fã do seu bisavô e acompanho a trajetória dos treinadores da sua família. O mundo esperava ansioso por mais um membro da linhagem Clough.
  • - Quer um autógrafo?
  • - Dispenso. Preciso de um trabalho.
  • -  Sabe cozinhar, lavar roupa e arrumar casa?
  • - Sei, mas não estou falando disso. Quero ser seu parceiro, que tal?
  • - Desculpe, nada contra, mas gosto de mulheres.
  • - Eu também. Estou falando de parceria à beira do campo.
  • - Olha, com todo respeito, qual seu nome mesmo?
  • - Peter Taylor.
  • - Peter...está brincando?
  • - Não, é sério.

Peter não teve tempo de dizer que foi auxiliar técnico em alguns times, que não tinha nenhuma relação familiar com o antigo parceiro do bisavô de Brian e que queria receber dez mil por mês. Clough deu um abraço forte e creditava ao destino um encontro tão sublime. Convencer o presidente não foi difícil, pois o clube estava com lugares vagos na comissão técnica depois que o antigo treinador levou alguns membros para seu novo trabalho. Além de Peter Taylor, o Hartlepool trouxe outros seis novos nomes para compor sua comissão técnica. Após anunciada oficialmente, a dupla Brian Clough e Peter Taylor ganhou destaque na mídia de todo país pela enorme coincidência acerca de seus nomes. Estaria sendo revivida uma parceria de sucesso? Perguntava a manchete de um tabloide de Londres. Clough apostava que sim.

staffs.png.6f3b2ed0939e4e6f8eeb22e55be2e

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
lucasmb83

Como ficou os atributos do Peter Taylor? Tu fez de forma que realmente valha a pena levar ele pra cima e pra baixo?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
9 minutos atrás, lucasmb83 disse:

Como ficou os atributos do Peter Taylor? Tu fez de forma que realmente valha a pena levar ele pra cima e pra baixo?

Estava ali no segundo post, mas coloquei aqui pra vc.Vale a pena e muito, só não sei se vou conseguir.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
lucasmb83
2 minutos atrás, Jirimias disse:

Estava ali no segundo post, mas coloquei aqui pra vc.Vale a pena e muito, só não sei se vou conseguir.

UAU hahaha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
7 minutos atrás, lucasmb83 disse:

UAU hahaha

Pensei num cara do potencial do original, ou seja, que carregasse o Clough haha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
bruno introvertido

Clube Virgem, já sabe, pega leve. ;)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
9 horas atrás, bruno introvertido disse:

Clube Virgem, já sabe, pega leve. ;)

kkkkkk verdade.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias

HART.png

História do Clube

traco.png

Hartlepool >> Profundidade do plantel | Plantel | Expectativas da temporada

Fundado em 1908 com o nome de Hartlepools United Football Athletic Company, o Hartlepool é lembrado até os dias de hoje como o clube onde Brian Clough iniciou sua carreira em 1965. Em 2005, o clube esteve muito próximo do acesso a Championship, a segunda divisão inglesa, sendo este o maior feito da história do clube. Há um fato pitoresco na história do H'Pools que foi a eleição de seu mascote, "H'Angus the Monkey", ou melhor, Stuart Drummond, para prefeito da cidade em 2002. 

O Hartlepool manda seus jogos no Victoria Park, estádio de propriedade do clube que abriga 7.800 pessoas. 

estad.png

lin.png

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Ricardo Bernardo

Sabia que você não ficaria muito tempo sem postar um save kkkkkkkkkkkkkkk

o que me surpreendeu foi mais uma vez a historia Clough x Revie o primeiro já foi épico esse vai ser ainda mais irei acompanhar

 

estou assistindo Maldito Futebol Clube

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Inner Logic

- Um clube virgem? Oh, lá vamos nós!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, sensacional a reação.

Editado por Generator

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
vinny_dp

Acompanhei as séries anteriores com o Clough e não quero perder a chance de ver em tempo real essa nova saga.

Vamos ver o que o futuro reservará. Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Jirimias
6 horas atrás, Ricardo Bernardo disse:

Sabia que você não ficaria muito tempo sem postar um save kkkkkkkkkkkkkkk

o que me surpreendeu foi mais uma vez a historia Clough x Revie o primeiro já foi épico esse vai ser ainda mais irei acompanhar

 

estou assistindo Maldito Futebol Clube

Desta vez nem prometi que iria dar um tempo rsrs sei que não rola.

Essa vai ser um pouco diferente da outra, não sei se melhor, mas tentando preencher as lacunas da anterior, com por exemplo este objetivo, único,mas tão representativo. Ontem assisti tb rs

5 horas atrás, Generator disse:

- Um clube virgem? Oh, lá vamos nós!

HAHAHAHAHAHAHAHAHAHA, sensacional a reação.

haha esses CLoughs gostam de provocar rs

2 horas atrás, vinny_dp disse:

Acompanhei as séries anteriores com o Clough e não quero perder a chance de ver em tempo real essa nova saga.

Vamos ver o que o futuro reservará. Boa sorte.

Vlw pela força, Vinny! Tomara que seja muita bola na rede e sucesso na carreira do Brian. Vlw!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
suzano

Mais um futuro save pra figurar nas Histórias Memoráveis pintando! 

Ansioso pelas atualizações. Boa sorte

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Introdução e propostas 
       
       
      Então galera, depois de um longo inverno longe daqui, decidi voltar a escrever aqui na área, com uma aventura nos rochedos do estreito de Gibraltar onde estou montando simultâneamente dois trabalhos, desenvolvendo o Morrocan United, que no jogo milita na quarta divisão local, paralelamente estarei desenvolvendo a seleção local com o objetivo de coloca-la entre as principais seleções mundiais, como podem perceber, será um save de longo prazo, e espero estar me divertindo, e claro, proporcionar a galera uma experiência maravilhosa aqui na área, então vamos aos objetivos do Save:
      Clube: Subir para a primeira divisão Se consolidar entre os melhores times do país se tornar campeão da primeira divisão e da copa nacional desenvolver as infraestruturas do time ao nível máximo Disputar a Champions League Conquistar a Champions League Ser o clube gibraltino mais bem reputado  Ter uma categoria de base sólida que abasteça o time principal com jovens talentos (outros objetivos serão adicionados posteriormente, conforme a evolução do time)
       
      Seleção: Classificar a seleção para a Eurocopa Classificar a seleção para uma Copa do Mundo Chegar ao Top5 do ranking da FIFA Ganhar a Eurocopa Ganhar a Copa do Mundo Ter mais vitórias que Espanha, Inglaterra, Portugal e Marrocos nos confrontos diretos (Também como nos objetivos do Clube, serão adicionados novos objetivos posteriormente, conforme a evolução da Seleção)
       
      Próxima Atualização: Perfil do treinador, Elenco, Staff, Táticas e Pré temporada.
       
       
       
       
    • daniloxw36
      Por daniloxw36
      eae galera e que estou jogando fm 2016 jogo original notei que em algumas equipes de divisão inferiores na hora de escalar o time não mostra se o jogar esta apto para fazer aquela função não aparece o grafico indicando se o jogador se adaptar a fazer aquela função ou não,Sera que tenho que contratar alguém para que possa mostra isso ?
    • Danut
      Por Danut
      Olá pessoal,
      bem, como aqueles que acompanharam a história já sabem, meu save com o Union Berlin não teve um final feliz. Mas é claro que eu não conseguiria ficar afastado aqui da área. Então apresento a vocês minha nova história. E dessa vez, com uma grande novidade: não jogarei na Alemanha!
      O clube escolhido para essa nova aventura é o FC United of Manchester. Não pretendo ficar descrevendo a história do clube por aqui, pois acho que a maioria já deve ter ouvido falar dele. Para os que não sabem nada, um brevíssimo resumo: o United of Manchester foi criado em 2005 por torcedores do Manchester United que não concordaram com a venda do clube para um investidor estadosunidense. Assim, surgiu o clube, gerido pelos próprios torcedores. Os primeiros anos do clube foram de muito sucesso, incluindo três promoções seguidas. No sétimo nível do futebol inglês, contudo, a equipe encontrou mais dificuldades, e foram precisos sete temporadas para conseguir a promoção. Desde a temporada 2015/16, o United of Manchester se encontra no sexto nível do futebol inglês.

      "Conheça os donos" - os torcedores tem orgulho em mostrar quem é que manda no clube
       
      No manifesto de constituição do clube existem sete princípios básicos que devem guiar o FC United:
      A diretoria será eleita democraticamente por seus sócios; As decisões tomadas pelos sócios serão decididas seguindo a sistemática "uma cabeça, um voto"; O clube irá desenvolver ligações com a comunidade local, e procurará se manter acessível a todos, sem discriminar ninguém; O clube irá se empenhar em manter os preços de ingressos tão acessíveis quanto possíveis; O clube irá encorajar a participação da juventude local – seja jogando ou torcendo – sempre que possível; A diretoria irá se empenhar, sempre que possível, em evitar a comercialização excessiva; O clube irá se manter uma organização sem fins lucrativos.  
      Bem, quem já acompanhou minhas opiniões sobre certos clubes aqui pelo Fórum pode bem imaginar que a ideia do United of Manchester me encanta bastante. Por isso a escolha de clube. Mas além de achar legal os princípios colocados, ler eles me deu a ideia de como tornar o save um pouco mais interessante do que um mero save com uma equipe de divisão inferior na Inglaterra. Sendo um clube que valoriza a participação da juventude, o FC United me parece o clube perfeito para minha primeira tentativa de jogar só com a base. Ou seja: durante o save todo, não pretendo realizar a contratação de nenhum jogador, apenas desenvolver os talentos que surjam através de nossas categorias de base.
       
      Em termos de objetivos, esse save será um pouco diferente do normal. Não tenho a pretensão de conquistar nenhum título específico – embora, claro, ficarei feliz se isso vier a ocorrer. A pretensão do clube é outra, talvez muito mais ambiciosa: queremos ser, por uma temporada, a melhor equipe de Manchester.
      Para tanto, defini alguns critérios que precisarão ser cumpridos durante a temporada para considerar o objetivo completado:
      Terminar à frente de Manchester United e Manchester City em todas as competições disputadas; Não perder nenhuma partida contra os rivais locais diante dos próprios torcedores; Obter um resultado favorável na soma dos confrontos contra cada um dos rivais (vencer mais do que perder); Não ser humilhado em nenhuma partida contra os rivais (não perder de goleada em nenhuma partida).  
      Obviamente, esse objetivo é algo de longo prazo. Não sei nem mesmo se será possível chegar ao nível necessário para completá-lo. Mas será isso o que eu buscarei durante o save. Caso fique óbvio que o clube não tem mais condições de evolução, posso acabar decidindo por encerrar o save antes disso.
       
      Em relação ao save, carreguei a liga inglesa apenas, com todas suas divisões, e uma base de dados grande. Foram escolhidas as opções "Não adicionar comissão técnica" e "Impedir uso do editor do jogo". A data de início é a pré-temporada da temporada 2015/16.
       
      PS: Acho que está claro já, mas só pra ninguém ter dúvidas: não será um save voltado para histórias, e sim ao FM mesmo.
      PS²: Obrigado ao @vinny_dp e ao @ggpofm pelas conversas construtivas e que me encorajaram a tentar o save.
    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Como modificar a Champions e as regras dela e de outros campeonatos ?
    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Prezados, Boa Noite.
      Alguém aí sabe como modificar as competições de copa, em Particular a Champions e a UEL, e criar uma estrutura da liga sérvia, com mais times na primeira divisão, no caso das competições européias de clubes, quero colocar mais clubes nas mesmas e abolir regras como o limite de jogadores inscritos nelas, se possível, como posso estar modificando, pois pretendo fazer alguns testes.
×