Jump to content

7 clubes ameaçam boicotar Copinha caso São Paulo a dispute


BrunoChu

Recommended Posts

Sete clubes ameaçam boicotar Copinha se São Paulo a disputar

Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo, Cruzeiro, Atlético-MG e Ponte Preta reclamam de assédio do Tricolor aos seus jogadores da base

Cansados do que consideram assédio do São Paulo a seus jogadores das categorias de base, sete clubes ameaçam não disputar a próxima Copa São Paulo de Futebol Júnior caso o Tricolor não seja excluído da competição. Flamengo, Fluminense, Vasco, Botafogo, Cruzeiro, Atlético-MG e Ponte Preta informaram por carta a decisão à Federação Paulista de Futebol (FPF), organizadora da disputa que ocorre anualmente em janeiro. Segundo Sidnei Loureiro, gerente técnico do Botafogo, outros clubes também estão revoltados com o Tricolor paulista.

- O São Paulo é o único clube entre os 40 das séries A e B do Brasileirão que não respeita e nunca respeitou o acordo e continua aliciando jogador sem contrato profissional ou com contrato de formação que para conseguir una indenização leva tempo. Independentemente da lei, houve um pacto para não se roubar jogador de ninguém. Não é possível que 39 clubes estejam errados. Tentamos todas as medidas de diálogo, e essa foi a forma que encontramos de chamar a atenção para o problema. Botafogo, Fluminense, Flamengo, Vasco, Vitória, Bahia, Atlético-MG, Cruzeiro, Internacional, Grêmio e Coritiba não vão jogar a Copa São Paulo se o São Paulo não mudar sua conduta - disse Loureiro.

A ação das agremiações foi motivada pelo suposto assédio são-paulino ao goleiro Lucão, da Ponte. Dirigentes tricolores teriam convidado o arqueiro, constantemente convocado para a seleção brasileira sub-17, para conhecer e treinar no CT de Cotia. De acordo com cartolas, tal prática não é novidade. Segundo eles, o Tricolor tem usado intermediários para recrutar atletas, ferindo um acordo que determina que os clubes sejam procurados antes de qualquer contato com os garotos.

Por conta disso, o clube do Morumbi já foi excluído de duas competições de juniores neste ano: a Taça Belo Horizonte, entre agosto e setembro, e a Copa 2 de Julho, em julho. O curioso é que neste segundo torneio, além do São Paulo, também foram impedidos de jogar os clubes que pediram a exclusão (Corinthians, Santos, Palmeiras, Cruzeiro e Audax-SP). Bahia e Vitória só foram poupados porque sediavam a disputa, em Salvador.

Questionado sobre a ameaça das agremiações citadas, o São Paulo não se mostrou preocupado e garantiu que vai estar presente na Copinha. O São Paulo foi convidado, fez inscrição e vai jogar a Copa São Paulo normalmente afirmou o diretor de futebol amador do Tricolor, Marcos Tadeu Novais dos Santos. Envolvido diretamente na briga, a Ponte Preta informou que uma reunião na segunda-feira vai definir os próximos passos dos clubes descontentes.

Na segunda-feira, nós teremos uma reunião no Rio de Janeiro para alinhar isso. Como recebemos o convite antecipadamente para a disputa da Copa São Paulo, confirmamos a presença da Ponte. Mas será uma reunião extraordinária e, por isso, provavelmente iremos acatar o boicote. A ideia era começar isso já no Brasileiro Sub-20, mas o foco maior está mesmo na Copa São Paulo disse o coordenador das categorias de base da Macaca, Francisco Marques.

A postura do São Paulo não tem agradado. Nossa ideia é melhorar o futebol, e certas coisas precisam mudar" Mauro Galvão, diretor da base do Vasco O Vasco também se pronunciou. Recentemente, o clube carioca reclamou que o São Paulo teria assediado dois de seus jovens jogadores: o atacante Mosquito e o lateral Foguete.

A postura do São Paulo não tem agradado. Nossa ideia é melhorar o futebol, e certas coisas precisam mudar. É preciso respeitar o adversário, e o jogador só deve ser admitido quando for liberado pelo clube argumentou Mauro Galvão, diretor da base vascaína. Os grandes mineiros deixaram claro que vão lutar para que o Tricolor seja excluído da Copa São Paulo. Preferimos que o São Paulo não participe, pois não está agindo de acordo com o que combinamos. Eles têm assediado jogadores de outros clubes, aliciado eles - falou Márcio Rodrigues, vice-presidente do Cruzeiro e responsável pelas categorias de base.

Link to comment
Share on other sites

  • Replies 72
  • Created
  • Last Reply

Vamos ver os proximos capitulos , tem muita agua pra rolar até janeiro.

Link to comment
Share on other sites

Pega, e reforma a lei. Enquanto tiver acordo de cavalheiros, sempre vai ter merda, não adianta.

E formata aí velho, ficou horrível de ler assim.

Link to comment
Share on other sites

O novo vaz paulista, o chuchuzinho!!!

Tudo noticia pra vender jornal

Link to comment
Share on other sites

Ué, tão falando só a verdade não sei porque vcs se doem.

Se todo mundo fosse ladrão ninguém tava nem ai, agora só rola esse mimimi com o SPFW.

Link to comment
Share on other sites

Aooooooow, chegou mais um com essas notícias contra o SPFC...

Quem será o próximo?

EDt: Chuchuzinho :yeah: :yao:

Link to comment
Share on other sites

Ué, tão falando só a verdade não sei porque vcs se doem.

Se todo mundo fosse ladrão ninguém tava nem ai, agora só rola esse mimimi com o SPFW.

Sim claro, só o São Paulo que faz isso. :yeah2:

Link to comment
Share on other sites

  • General Director

Boicote ao São Paulo na Copinha é confirmado e reúne mais de dez clubes

Por Marcus Alves, do ESPN.com.br

Divulgação

622_46160907-297a-359e-952c-553b3c95fed9

Rodrigo Caio foi uma das revelações mais recentes do clube na Copa São Paulo

A próxima edição da Copa São Paulo pode ser uma das mais esvaziadas de sua história recente. Em mais um episódio envolvendo as acusações de aliciamento de jogadores contra o São Paulo nas categorias de base, dirigentes de dez clubes responderam ao convite da organização condicionando a participação no campeonato à não presença do time tricolor.

LEIA MAIS:

Por medo de aliciamento, clubes querem tirar seleções de CT do São Paulo

Depois de 'esnobada', boicote ao São Paulo ganha apoio de presidentes e deve crescer

Em documento, clubes reforçam boicote contra São Paulo após novas acusações de aliciamento

Agora é oficial: clubes decretam boicote ao São Paulo por aliciamento na base

O ESPN.com.br teve acesso ao documento enviado pelas equipes na última segunda-feira, data-limite de inscrição no torneio (veja abaixo).

A mensagem foi construída através da troca de e-mails na internet entre os representantes dos clubes e repete a estratégia já utilizada no primeiro semestre em outras duas competições - a Taça BH e a Copa 2 de Julho. O São Paulo acabou sendo deixado de fora de ambas.

Ao todo, aderiram ao movimento os quatro grandes do Rio de Janeiro (Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco), os três de Minas Gerais (Cruzeiro, Atlético-MG e América-MG), Vitória, Sport e Coritiba. A expectativa é de que o grupo cresça ainda mais nos próximos dias. Figueirense e Goiás já sinalizaram que são favoráveis à postura.

O Corinthians pode ser outro a desfalcar ainda mais a Copinha. Em contato recente com a reportagem, o diretor-geral das categorias de base Fernando Alba prometeu, inclusive, responder ao São Paulo na mesma moeda, se necessário.

"Eles querem esse jogo? É esse jogo que vai ser jogado. Se me interessar um jogador em Cotia, vou assediar e vou trazer", disse na ocasião.

Segundo o ESPN.com.br apurou, o presidente da federação paulista de futebol, Marco Polo del Nero, aproveitou a terça-feira para fazer contato direto com nomes como Alexandre Kalil, do Atlético-MG, pedindo que reconsiderassem a posição. O mandatário alvinegro respondeu que não irá voltar atrás em sua exigência.

O teor do documento enviado à FPF protege ainda os times de terem que pagar uma multa R$ 20 mil em caso de desistência da Copa São Paulo.

A exemplo do que acontece desde o início do ano, quando os clubes oficializaram o boicote na base, a diretoria tricolor não reconhece o movimento e nega as acusações de que assedie atletas adversários. Segundo ela, a equipe costuma ser procurada por empresários e familiares dos jovens jogadores. Existe a convicção interna de que os casos não configuram aliciamento.

A medida anunciada contra o São Paulo já vinha sendo estudada há algum tempo, conforme revelou oESPN.com.br, e surge como consequência de reclamações recentes de Ponte Preta, Portuguesa e Vitória contra a postura do clube no mercado. Por medo de terem suas promessas ‘roubadas', as equipes contestaram no último mês até mesmo a decisão da CBF de realizar a fase final da preparação para o Mundial Sub-17 no CT de Cotia.

O próximo encontro dos dirigentes da base está marcado para novembro, em Porto Alegre, mas eles estudam a convocação de uma assembléia extraordinária.

Reprodução

02326193-4f68-3571-86c4-ee96e76faf6f.png

O ESPN.com.br teve acesso ao modelo do documento enviado pelos clubes

Se estão se sentindo lesados, que tomem atitudes CONCRETAS, como esse boicote à Copa SP de Juniores da matéria. Aí sim tudo bem, o foda é ficar lendo 'mimimimimi' toda hora na mídia, sem nenhuma atitude de fato vinda dos dirigentes dos clubes.

E porra, o SPFC também tomar no cu. Pra quê construir Cotia então? Pra ficar pinçando garotos de outros lugares? Se foder porra, tem que se extrair o máximo possível daquele CT de juniores, tem uma puta de uma estrutura, consegue acolher quase que todas as categorias de base (Sub-15 ao Sub-20) nos seus dormitórios mas não, prefere ficar nessa putaria de trazer jogador de fora.

Link to comment
Share on other sites

Boicotaram a Dona Benta.

PS: Já começaram as férias escolares? Começou a invasão da molecada novamente... puta que pariu.

Link to comment
Share on other sites

Sim claro, só o São Paulo que faz isso. :yeah2:

Bixo e porque só com os bambis que da merda, nunca vi noticia de outro clube roubado destaque de outros times.

Link to comment
Share on other sites

Agora a coisa ta ficando boa....

eu acho que já não era a tempo... quero ver se a federação paulista vai ter culhões ....

também acho que os clubes deveriam ter proíbido os seus respectivos jogadores sub 17 de treinarem com a seleção sub 17 em cotia. Já que a CBF (por meio do ladrão de medalhas) está mancumunada com o São Paulo.

Link to comment
Share on other sites

A próxima edição da Copa São Paulo pode ser uma das mais esvaziadas de sua história recente. Em mais um episódio envolvendo as acusações de aliciamento de jogadores contra o São Paulo nas categorias de base, dirigentes de dez clubes responderam ao convite da organização condicionando a participação no campeonato à não presença do time tricolor.

O ESPN.com.br teve acesso ao documento enviado pelas equipes na última segunda-feira, data-limite de inscrição no torneio.

A mensagem foi construída através da troca de e-mails na internet entre os representantes dos clubes e repete a estratégia já utilizada no primeiro semestre em outras duas competições – a Taça BH e a Copa 2 de Julho. O São Paulo acabou sendo deixado de fora de ambas.

Ao todo, aderiram ao movimento os quatro grandes do Rio de Janeiro (Flamengo, Fluminense, Botafogo e Vasco), os três de Minas Gerais (Cruzeiro, Atlético-MG e América-MG), Vitória, Sport e Coritiba. A expectativa é de que o grupo cresça ainda mais nos próximos dias. Figueirense e Goiás já sinalizaram que são favoráveis à postura.

O Corinthians pode ser outro a desfalcar ainda mais a Copinha. Em contato recente com a reportagem, o diretor-geral das categorias de base Fernando Alba prometeu, inclusive, responder ao São Paulo na mesma moeda, se necessário.

“Eles querem esse jogo? É esse jogo que vai ser jogado. Se me interessar um jogador em Cotia, vou assediar e vou trazer”, disse na ocasião.

Segundo o ESPN.com.br apurou, o presidente da federação paulista de futebol, Marco Polo del Nero, aproveitou a terça-feira para fazer contato direto com nomes como Alexandre Kalil, do Atlético-MG, pedindo que reconsiderassem a posição. O mandatário alvinegro respondeu que não irá voltar atrás em sua exigência.

O teor do documento enviado à FPF protege ainda os times de terem que pagar uma multa R$ 20 mil em caso de desistência da Copa São Paulo.

A exemplo do que acontece desde o início do ano, quando os clubes oficializaram o boicote na base, a diretoria tricolor não reconhece o movimento e nega as acusações de que assedie atletas adversários. Segundo ela, a equipe costuma ser procurada por empresários e familiares dos jovens jogadores. Existe a convicção interna de que os casos não configuram aliciamento.

A medida anunciada contra o São Paulo já vinha sendo estudada há algum tempo, conforme revelou o ESPN.com.br, e surge como consequência de reclamações recentes de Ponte Preta, Portuguesa e Vitória contra a postura do clube no mercado. Por medo de terem suas promessas ‘roubadas’, as equipes contestaram no último mês até mesmo a decisão da CBF de realizar a fase final da preparação para o Mundial Sub-17 no CT de Cotia.

O próximo encontro dos dirigentes da base está marcado para novembro, em Porto Alegre, mas eles estudam a convocação de uma assembléia extraordinária.

Por que os clubes não se unem assim para mudar o calendário? Mais não pra tirar o SP de alguma coisa todo mundo dá o rabinho, palhaçada!!!

Link to comment
Share on other sites

Por que os clubes não se unem assim para mudar o calendário? Mais não pra tirar o SP de alguma coisa todo mundo dá o rabinho, palhaçada!!!

tem q se unir pras duas coisas, cara, qdo os dirigentes do meu time fazem merda eu sou contra eles, mas vcs tricolores estão defendendo eles ainda, inacreditável, não acho que isso vem da instituição, é coisa de dirigente, mas vcs ficam com essa de "todo mundo faz", mas pouco se fala desse todo mundo e mesmo se fosse verdade, vcs vão se espelhar pelos maus exemplos? por favor neh...

Link to comment
Share on other sites

Essa merda não vai dar em nada, é simples.

Link to comment
Share on other sites

Essa merda não vai dar em nada, é simples.

Tomara que não de mesmo , não quer disputar...não dispute horas !

Link to comment
Share on other sites

Assessor do São Paulo sobre contratação de Foguete: 'Precisou extrair 12 dentes'

"O Vasco da Gama não cumpria nada do que tinha combinado com o atleta", afirmou assessor de Juvenal Juvêncio

O São Paulo vem sofrendo com o boicote de outros clubes na Copa São Paulo de Futebol Júnior. Diante disso, o assessor do presidente Juvenal Juvêncio, José Francisco Mansur, veio a público defender o time do Morumbi. Para isso, usou o exemplo do jogador Foguete, ex-Vasco, que tinha sérios problemas odontológicos quando chegou às categorias de base do clube, em Cotia, além de desafiar as equipes que integram o “boicote” a provarem que o São Paulo alicia atletas de outros times.

“O Vasco da Gama não cumpria absolutamente nada do que tinha combinado com esse jogador. Tanto não tinha que nós pudemos fazer contrato com o atleta. E mais: o Foguete foi um jogador que chegou ao São Paulo com problemas odontológicos gravíssimos. Nós tivemos que extrair quase 12 dentes desse jogador”, disse Mansur.

Em entrevista ao programa “Esporte em Debate”, da rádio “Bandeirantes”, o assessor afirmou que foi a própria família do jogador que viajou até São Paulo para pedir que o lateral tivesse uma oportunidade de treinar em Cotia. “A partir do momento em que nós recebemos o atleta, que tem um enorme potencial, a gente constatou que ele tinha esses problemas dentários de tamanha gravidade. Se a gente não fizesse uma intervenção urgente, esse rapaz iria ter problemas que não só iriam inviabilizar a carreira dele como jogador de futebol, como poderiam deixar sequelas graves na saúde dele”, disse.

A contratação de Foguete pelo São Paulo, que ocorreu no início deste ano, foi uma das mais questionadas pelos outros clubes que disputam a Copa São Paulo e acusam o Tricolor de aliciar jogadores. O acerto com o jogador foi o estopim para as outras equipes iniciarem o boicote ao clube do Morumbi.

No aguardo pra ver a resposta.

Link to comment
Share on other sites

Ninguem é dono de ninguem a realidade é essa e outra os dirigentes do sp não vão e poem uma arma na cabeça do cara e pedem pra sair , o cara vai pq quer acha que o futuro sera melhor , e é como o léo disse torneio enganador do caralho com sp ou sem dá na mesma.

Link to comment
Share on other sites

M

O novo vaz paulista, o chuchuzinho!!!

Tudo noticia pra vender jornal

Manoo.. o que eh Vaz? Ja disseram que sou o fake do tal de Bodu.. agora esse Vaz? Porque? o.o

?

Aooooooow, chegou mais um com essas notícias contra o SPFC...

Quem será o próximo?

EDt: Chuchuzinho :yeah: :yao:

PARA DE ME CHAMAR DE CHUCHUZINHO CARAIII!

Eh Chu de Churros, nao de Chuchu!!

E outra coisa, como eu edito o topico, pra por outro tipo de letra.. esssas coisas?

Vlw


E quanto ao topico, acho justo se afastar, o SPFW fica aliciando jogadores de outros times, sem que o clube formador tenha retorno.

Link to comment
Share on other sites

disse porque tu é chato pacario rs

Pra editar tem Fontes é só clicar ali.

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

×
×
  • Create New...