Jump to content
Sign in to follow this  
Danut

Brazylijska magia - Status: lenda do clube [atualizado em 21.08]

Recommended Posts

Henrique M.

Me parece ter uma equipe bem coesa em mãos, e com o talento brasileiro povoando bem do meio para frente. Agora que coisa essa Supercopa Polonesa, acho super estranho isso de time B poder participar de Copa Nacional.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Também acho muito bizarro time B participando de copa, e puta merda, sentou um vareio no time.

Quanto ao Bressan, foi avisado por todos, inclusive pela sua própria consciência hahahaha

Ainda é cedo, mas acho que o clube está indo bem. Acredito que vá dar liga. Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut
4 horas atrás, Henrique M. disse:

Me parece ter uma equipe bem coesa em mãos, e com o talento brasileiro povoando bem do meio para frente. Agora que coisa essa Supercopa Polonesa, acho super estranho isso de time B poder participar de Copa Nacional.

Sim, estou feliz com o elenco montado. Tem boas opções em todas posições.

Também acho bizarro time B participar da Copa. No outro ano já tivemos o confronto Pogon vs Pogon. Agora esse título do time B do Legia... É uma bagunça isso. Mas enfim, incompetência das outras equipes que não levaram o título (inclusive nós).

 

2 horas atrás, marciof89 disse:

Também acho muito bizarro time B participando de copa, e puta merda, sentou um vareio no time.

Quanto ao Bressan, foi avisado por todos, inclusive pela sua própria consciência hahahaha

Ainda é cedo, mas acho que o clube está indo bem. Acredito que vá dar liga. Boa sorte!

Sim, é bem bizarro mesmo. Não sei o que foi pior, o Legia B levando o título ou o outro ano em que disputamos eliminatória contra o nosso próprio time B.

Olha, realmente não foi por falta de aviso. Mas quem contrata Jean Chera não pode julgar quem aposta em Bressan, hein. E na verdade era tudo um plano para colocar o Bressan no Legia e implodir o adversário por dentro. Agora é hora do Bressan brilhar.

Estou otimista com o elenco. Vamos ver.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89
2 horas atrás, Danut disse:

Olha, realmente não foi por falta de aviso. Mas quem contrata Jean Chera não pode julgar quem aposta em Bressan, hein. E na verdade era tudo um plano para colocar o Bressan no Legia e implodir o adversário por dentro. Agora é hora do Bressan brilhar.

Jogou na cara hahahaha

Share this post


Link to post
Share on other sites
arecibo8

Bressan vai fazer gol em ti. 100% de certeza isso. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut
7 horas atrás, arecibo8 disse:

Bressan vai fazer gol em ti. 100% de certeza isso. 

Olha, a lista de ex-jogadores do clube que fazem gol na gente é grande. Espero que ele não entre nela. Veremos.

Share this post


Link to post
Share on other sites
LuisSilveira

Janela proveitosa, tirou os encostos e contratou muito bem. Galera jovem e cheia de qualidade. Queria ter uma equipe de olheiros assim.

O ódio ao Bressan só é igualado pelo desprezo ao Legia II. Oito a zero é sacanagem. Jogador do Legia também é gente, tem família, chora no travesseiro quando vai dormir (principalmente tomando uma sapatada dessas). Cadê o Danut danutando pra dar uma alegria pro time adversário?

Esse é o ano de botar o pé na porta do resto da Europa!

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tsuru

Muito bom o trabalho no mercado de transferências. E o Bressan tá super com cara que vai fazer valer a lei do ex hahahahaha, nunca devemos duvidar dos nossos instintos ao contratar jogadores. Menos mal que ele ainda rendeu um bom dinheiro ao clube.

A diretoria está mais exigente em termos de Liga dos Campeões, mas parece condizente com o que o clube vem apresentando. E já começou mostrando que está pronto para as expectativas ao vencer a Superpuchar. Que sapatada...

Share this post


Link to post
Share on other sites
felipevalle

Estou torcendo pro 🐜 copar tudo esse ano.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut
Em 06/06/2019 em 12:44, LuisSilveira disse:

Janela proveitosa, tirou os encostos e contratou muito bem. Galera jovem e cheia de qualidade. Queria ter uma equipe de olheiros assim.

O ódio ao Bressan só é igualado pelo desprezo ao Legia II. Oito a zero é sacanagem. Jogador do Legia também é gente, tem família, chora no travesseiro quando vai dormir (principalmente tomando uma sapatada dessas). Cadê o Danut danutando pra dar uma alegria pro time adversário?

Esse é o ano de botar o pé na porta do resto da Europa!

 

 

Entrei na janela com um objetivo claro, e acho que conseguimos sair dela com ele cumprido. O mais difícil foi segurar o assédio dos clubes estrangeiros, mas até aqui deu certo.

Sobre os olheiros, na real eu tenho notado que faz muito tempo que nenhum deles encontra ninguém. É tudo com base nas observações da equipe de dados mesmo, que traz sugestões e aí eu mando observar melhor jogadores específicos. Isso é algo que tem me incomodado, uma hora vou ter que analisar melhor o que fazer com os olheiros. Mas até tá funcionando bem desse jeito.

Pior que na real não tenho ódio pelo Bressan. Eu curto ele, o cara sempre foi esforçado demais. Não tem como reclamar do esforço e entrega. Só que ele é ruim. Na vida real tenho ódio de quem deixou o Grêmio precisando do Bressan como única opção. Esses que tem a culpa. No FM eu me decepcionei mesmo um pouco com o jogador, esperava mais pelos atributos, mas aí a culpa é de quem conhece bem a versão real e ainda assim acreditou que a versão do FM ia ser melhor (ou seja, eu mesmo).

Quanto ao Legia II, eu nem fiz nada demais nesse jogo. Jogamos inclusive com equipe mista. Mas com um time formatado pra atacar e um timezinho ruim desses do outro lado deu nisso. Eles já tiveram sua alegria ao vencer a copa, agora era nossa hora.

E acho que é a primeira vez que as danutadas são mencionadas nesse tópico. Espero que tu não atraia elas pra cá, tô bem sem 😛

Vamos ver, seria ótimo fazer algo mais na Europa.

 

18 horas atrás, Tsuru disse:

Muito bom o trabalho no mercado de transferências. E o Bressan tá super com cara que vai fazer valer a lei do ex hahahahaha, nunca devemos duvidar dos nossos instintos ao contratar jogadores. Menos mal que ele ainda rendeu um bom dinheiro ao clube.

A diretoria está mais exigente em termos de Liga dos Campeões, mas parece condizente com o que o clube vem apresentando. E já começou mostrando que está pronto para as expectativas ao vencer a Superpuchar. Que sapatada...

Gostei bastante de quem contratamos - e, especialmente, de quem conseguimos segurar no clube. Quanto ao Bressan, olha, tá com cara mesmo. Mas é o Bressan, então eu duvido 😛

No fim ele acabou sendo um bom negócio em termos financeiros, e bem ou mal cobriu nossa lacuna na zaga. Mas o Dawidowicz que veio pro lugar dele tem me dado muito mais segurança até o momento nos jogos importantes. Definitivamente devia ter ouvido a voz no fundo da cabeça que dizia "não faz isso, o Bressan não!".

Concordo que a exigência é condizente. Só que é aquela coisa né, pegar um adversário mais complicado no play-off e daí já ficamos pelo caminho. Ainda tem times muito bons ali. Mas acho que vamos ao grupo sim. Quanto à sapatada no Legiazinho, nem conta. Os coitados mal sabem chutar uma bola.

 

17 horas atrás, felipevalle disse:

Estou torcendo pro 🐜 copar tudo esse ano.

Olha, o Formiga é um ótimo zagueiro, e muito novo ainda. Se conseguir segurar no clube deve render muitas alegrias.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

MKNsO8eNDyrYfb3CTd_M2CXA1fHGAO60o_xYjjpE

Na última atualização falamos sobre as mudanças do elenco do Pogon para a quinta temporada do save. Agora é hora de ver como foram os primeiros jogos.

 

Ekstraklasa

ckGfWg1Te46bjVrKc2Foz18Xbyiq8OyGAGOcWR3Z

Fizemos um começo de liga quase perfeito, não fosse o empate de meus reservas com o Piast Gliwice. De qualquer maneira, é um começo muito bom. O grande destaque foi o jogo com o Lechia Gdansk. Antes da partida fui perguntado pela imprensa se teria algum plano específico para marcar o atacante alemão Nils Petersen, que marcou gols em todos os quatro jogos anteriores contra minha equipe. Falei aos repórteres que estava confiante de que dessa vez nosso plano seria suficiente para neutralizar o centroavante. Em campo a coisa não seguiu exatamente como esperado. Com 28 minutos de jogo, o Lechia vencia por 2 a 0. Dois gols de Petersen.

2b2wIPjee0fntiEf4IC1k5Ov_Hh1jgaCg2D4c90q

Na sequência da partida Petersen ainda conseguiu completar seu hattrick. Uma atuação defensiva nada memorável de nossa parte. Mas se a defesa não funciona, a solução é apelar para o plano "marcar mais gols do que sofremos". E de ataque o Pogon entende. Ainda perdemos um pênalti, mas nada que afetasse a ótima exibição ofensiva. Levamos quatro gols, sendo três do cara que não podia marcar de jeito nenhum. Mas fizemos seis, e a vitória foi nossa de qualquer maneira.

 

Classificação

Ds6Ba2YPK7cSm4JtNduDqRAfK2JcoqQifx-cUrHu

Para a surpresa de absolutamente ninguém, estamos no topo da tabela. O que surpreende, porém, é a distância dos nossos números para aqueles das equipes mais próximas. Marcamos 32 gols em nove jogos, mais de três por partida. É o mesmo que Lech Poznan e Legia Warsaw somados. Por outro lado, já são 13 gols sofridos. Número de equipe do meio de tabela, e quase o dobro do que Lech Poznan e Legia levaram juntos. O Pogon é uma equipe formatada para dar espetáculo, mesmo que isso custe bastante em estabilidade defensiva.

 

Puchar Polski

Abrimos a disputa da copa enfrentando o time B do Lech Poznan. Quem esperava uma vitória no estilo da goleada sobre o time B do Legia se enganou. Fizemos uma partida muito fraca, em que meus jogadores pareciam mais ocupados em parar o jogo com faltas do que realmente jogar bola. Até conseguimos abrir dois gols de vantagem graças a Sinan Kurt, que deu uma bela assistência aos 53 e deixou seu próprio gol aos 54. Mas nem com a vantagem não encontramos nosso futebol, e acabamos levando o empate com dois gols já na reta final. A classificação veio só na prorrogação, quando coloquei Carlos Antônio em campo. O brasileiro balançou as redes aos nove minutos e, pouco depois, deu a assistência para mais um gol de Sinan Kurt.

fHeRXyqCvZVmNpafPuaR7UHuhmWdlj4jMy7a0DPi

Não fossem os dois jogadores, provavelmente teríamos sofrido nossa eliminação mais vexaminosa do save, superando a do ano passado.

Na segunda eliminatória enfrentamos o Arka Gdynia. Dessa vez a equipe resolveu jogar bola e passamos com um tranquilo 3 a 0. O adversário nas quartas de final será o Bytovia Bytow, da segunda divisão.

 

Liga dos Campeões

Pela primeira vez, entramos já na fase de play-offs, precisando passar apenas por um adversário para chegar até o grupo. O adversário em questão seria um velho conhecido: o FC Basel. É a terceira vez que enfrentamos os suíços em quatro campanhas internacionais. Na primeira, vencemos no agregado por 5 a 2. Na segunda também saímos vencedores, graças a uma fantástica recuperação no jogo de volta (3 a 3 na ida e 4 a 2 de virada na volta).

O jogo de ida foi em território suíço. De início as coisas pareciam se encaminhar para uma classificação menos movimentada do que as anteriores. Saímos na frente aos 23 minutos com Sinan Kurt, e ampliamos com Raphael Guzzo aos 26. Depois dos gols, porém, não criamos muito. O Basel descontou no último lance da primeira etapa com van Wolfswinkel, e o mesmo atleta deixou tudo igual na metade da segunda etapa. A decisão ficou para o jogo de volta.

Eu já estava preparado para uma partida bastante tensa em Szczezin. Mas o que se viu em campo passou longe das expectativas. O Pogon simplesmente não tomou conhecimento do time suíço, enfiando quatro gols no primeiro tempo e mais três no segundo. Só não foi nossa maior goleada no âmbito internacional porque já enfiamos oito em uma equipe bósnia. Mas convenhamos que 7 a 0 contra o Basel é muito mais impressionante do que 8 a 0 no Zrinjski Mostar.

g3ouJClOLkOgNKKre-X10AQOO-1pNmSaBqeF9Tgh

O curioso é que aos 60 minutos de jogo eu queria substituir um zagueiro por outro, mas selecionei o jogador errado e acabei enviando um atacante a campo no lugar do zagueiro. Sem mais substituições, acabamos jogando meia hora com um zagueiro improvisado mesmo. Nem assim o Basel conseguiu marcar.

qEf5cpO6542IT8yC4Y97cYVI4SOTfj7ivOKWnJtU

Com a classificação veio o sorteio da fase de grupos. E olha, é difícil ser o Pogon. Pegamos simplesmente Liverpool e Juventus pela frente. Os ingleses são uma verdadeira máquina no save. Campeão da UCL em 2019 e vice-campeão na última edição, o time de Unai Emery não apenas manteve todos os grandes nomes do elenco da vida real como ainda adicionou Pjanic e Ángel Correa. Já a Juve tem um elenco levemente mais fraco do que na vida real - ainda assim, muito mais do que suficiente para nos enfrentar.

1r7qU-uxo01DHA9NMjuV9kOwVpzwbbSxBEULd7Or

Os dois primeiros jogos do grupo foram justamente contra esses adversários, e não deixaram dúvidas quanto à sua superioridade. O Liverpool nos despachou com um 5 a 0 sem cerimônias. Contra a Juve chegamos a sonhar graças a um gol cedo, mas a equipe italiana jogou melhor e fez por merecer a vitória - ainda que ela tenha sido confirmada apenas nos dez minutos finais.

 

Classificação

qLhjcBTV6NnzOwRCeUn7ksTWtmis9kObiLJggvgs

Com duas partidas disputadas, já podemos praticamente dar adeus às chances de classificação. A boa notícia é que Juve e Liverpool conseguiram se impor também diante do Lyon, o que nos permite sonhar com a vaga na Europa League. Os próximos dois jogos serão fundamentais para decidir nosso futuro continental.

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Que grupo foi esse que pegou na Champions Danut? Nem vou falar que é grupo da morte, mas sim infernal. Vamos ver se consegue pelo menos tirar pontos do Lyon e quem sabe conseguir uma vaga na Liga Europa. Torcendo para o Pogon conseguir algo no grupo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tsuru

Pogon vai nadando de braçada no Polonesão, deve confirmar o titulo sem problemas. E sensacionais os jogos com o Gdansk e o Basel.

Na UCL pegou um grupo muito difícil, mas acho que segue para a Liga Europa.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Vannces

Atualizando as últimas duas postagens:

Primeiro preciso dizer que cometi um engano ao achar que o Pogon entraria direto na fase de grupos da Champions, foi no automático, pois no meu save, o polonês já ganhou o status de enviar um representante direto para a fase de grupos.

Depois vi que você fez uma limpa no elenco e fez contratações pontuais, o Matheus (Matheusinho) parece ser uma ótima aquisição. O 8 a 0 contra o Legia II é para nunca mais acontecer, né? Rsrs.

Na outra postagem, teve um início muito animador, mas que jogo foi aquele contra o Lechia Gdansk em que saiu gol para tudo quanto é lado? Pelo saldo de gols, da para acreditar em mais um título nacional pela frente. A classificação para a fase de grupo da Champions foi até covardia, rs, mas a participação em um grupo difícil está sendo complicada, será que dá para beliscar uma vaguinha na Liga Europa ou ainda acredita numa recuperação?

Bom trabalho na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut
7 horas atrás, LC disse:

Que grupo foi esse que pegou na Champions Danut? Nem vou falar que é grupo da morte, mas sim infernal. Vamos ver se consegue pelo menos tirar pontos do Lyon e quem sabe conseguir uma vaga na Liga Europa. Torcendo para o Pogon conseguir algo no grupo.

O único consolo do grupo da UCL é que não pegamos uma terceira equipe tão difícil assim. O Lyon é forte, mas não é impossível passar - pegar um clube inglês por exemplo seria bem pior, já que eles sempre tem alguma equipe forte que acaba ficando no pote 3. Juve e Liverpool nos complicam demais a vida mesmo, mas o terceiro lugar está em aberto até aqui. Vai depender do confronto direto, que inicia na próxima rodada.

 

7 horas atrás, Tsuru disse:

Pogon vai nadando de braçada no Polonesão, deve confirmar o titulo sem problemas. E sensacionais os jogos com o Gdansk e o Basel.

Na UCL pegou um grupo muito difícil, mas acho que segue para a Liga Europa.

É, acho que na Polônia tá tudo tranquilo. Eu gostei demais do jogo com o Gdansk. Quer dizer, fora o fato de levar três gols do Petersen, um dia ainda consigo parar aquele filho da puta. Mas foi a essência do que eu quero da minha equipe. Atacar do começo ao fim do jogo. Se levar gol, atacar pra virar. Se virar, atacar pra ampliar e ter margem na defesa. E assim foi. O jogo com o Basel também foi muito legal pela elasticidade do placar, mas acho que eu gostei mais do 6 a 4 mesmo, teve mais emoção (mesmo que o 7 a 0 seja obviamente a atuação melhor).

Tomara que tu esteja certo. Como comentei ao LC, o bom do grupo é que o Lyon não é um time tão forte assim. Mas podem muito bem nos vencer, não sei o que vai dar.

 

2 horas atrás, Vannces disse:

Atualizando as últimas duas postagens:

Primeiro preciso dizer que cometi um engano ao achar que o Pogon entraria direto na fase de grupos da Champions, foi no automático, pois no meu save, o polonês já ganhou o status de enviar um representante direto para a fase de grupos.

Depois vi que você fez uma limpa no elenco e fez contratações pontuais, o Matheus (Matheusinho) parece ser uma ótima aquisição. O 8 a 0 contra o Legia II é para nunca mais acontecer, né? Rsrs.

Na outra postagem, teve um início muito animador, mas que jogo foi aquele contra o Lechia Gdansk em que saiu gol para tudo quanto é lado? Pelo saldo de gols, da para acreditar em mais um título nacional pela frente. A classificação para a fase de grupo da Champions foi até covardia, rs, mas a participação em um grupo difícil está sendo complicada, será que dá para beliscar uma vaguinha na Liga Europa ou ainda acredita numa recuperação?

Bom trabalho na sequência.

Aqui ainda estamos trabalhando para chegar direto na fase de grupos. Seria muito bom, pois um escorregão no play-off custaria muito caro. Quem sabe nos próximos anos isso acontece.

O Matheusinho é um jogador de muito futuro. Mas por enquanto ainda é reserva, vou fazer sua adaptação à equipe com calma. Até porque o Diego tem jogado bem na posição, então o guri vai ter que esperar.

Acho que vai demorar até outra equipe B levar a copa, então acho que outra vez oito gols não vai acontecer. É que a distância pra eles era muito grande mesmo em termos de qualidade.

O jogo com o Lechia foi sensacional. É o estilo do Pogon na sua forma mais pura. Eu sempre joguei FM no estilo "melhor vencer por 1 a 0 do que 4 a 3", priorizando a defesa acima de tudo. E aí nesse save eu justamente queria fazer algo diferente, sair do meu conforto. Os números do Pogon tão mostrando que isso tá acontecendo mesmo. E saem uns jogos divertidos como esse contra o Lechia.

A continuação na UCL é quase impossível. Mesmo se vencer os dois jogos com o Lyon, ainda precisaríamos vencer a Juve ou o Liverpool. Muito difícil. Com a UEL até dá pra sonhar, mas não tenho muita ideia de como vamos nos comportar diante dos franceses. É esperar para ver.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Neynaocai
Em 05/06/2019 em 13:39, Danut disse:

De outro, o Legia vai ter Bressan na sua zaga. Um baita reforço para o Pogon na briga pelo campeonato.

Cadê a torcida pra barrar essa saída. O cara era um xerifão, o mito!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.

Passou o trator no Basel para vir um sorteio ordinário como esse. É difícil quando as bolinhas não nos ajudam nesse sorteio, principalmente agora, onde conquistar vitórias ajuda significativamente o coeficiente europeu.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

É, chegou a aquela parte do save onde sobra no país mas falta mt ainda pra ser competitivo na UCL. Pelo menos está evoluindo bem.

Não sei se vai conseguir ir pra UEL não ein... vai ter trabalho. Lyon é um grande time.

Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Jirimias

Caraca, um grupo destes chega até ser um estupro de vulnerável...mas quem sabe não dá para aproveitar que o Lyon não tá bem e tentar surpreender. É difícil, mas é em campo que se decide e camisa não joga sozinha. Pra cima deles!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andreh68

Bicho que azar no grupo da UCL. Na Polônia já da para ir inventando uma regras e desenvolvendo jogadores jovens

Share this post


Link to post
Share on other sites
Herr Jones

Gostei bastante das transferências e isso se refletiu bem no campeonato, que o time está sobrando nessa primeira parte. A goleada contra o Basel é outro ponto alto que até deixa aquela sensação de que poderia conseguir alguns jogos interessantes na fase de grupos. Mas aí ela chegou e, com ela, veio o balde de água fria com um grupo que os adversários são potências em grandes centros. Acho que se conseguir tomar menos de 5 da Juventus é um lucro e tanto, porque o que a Vecchia Signora fez com o Lyon é caso de polícia. hahah

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

Pessoal, só pra trazer notícias aqui: o save vai ficar mais uns dias parado. Caí de bicicleta hoje e machuquei o braço. Nada grave, mas tô sem poder usar ele pra digitar, e aí só com o braço ruim não tenho condições de escrever posts longos. Logo o save vai precisar aguardar a recuperação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
vinny_dp

Boa arrancada no campeonato nacional e na Copa, enquanto que na UCL conseguiu chegar até a fase de grupos. Na competição continental acredito que o Lyon consiga se superiorizar contra você, apesar da campanha deles. Acho que com mais duas ou três temporadas já conseguirá fazer alguma graça nos matas-matas. 

Quanto ao fato do time B jogar uma Copa, um caso que eu lembro é do Real Madrid Castilla, que foi a final da Copa do Rei de 1980, eliminando a dupla basca (Athletic e Bilbao) nas fases mais agudas. Perderam a final, mas tiveram o direito de ir à Recopa Europeia porque o time principal iria a UCL de 80-81 e caíram logo na primeira eliminatória, contra o West Ham.

Boa sorte na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

Oi pessoal,

depois de dois meses com acidente de bicicleta e concurso público complicando a minha vida, estou de volta ao fórum. E isso significa também retomar o save com o Pogon, que eu já tava com vontade de voltar a jogar há um tempão. De imediato vou responder aos leitores que ficaram sem resposta, mas assim que possível trago também a próxima atualização.

 

Em 12/06/2019 em 14:17, Neynaocai disse:

Cadê a torcida pra barrar essa saída. O cara era um xerifão, o mito!

Rapaz, a torcida fez questão de levar o Bressan carregado até Varsóvia. Tudo pra ver ele longe daqui.

 

Em 13/06/2019 em 16:51, Henrique M. disse:

Passou o trator no Basel para vir um sorteio ordinário como esse. É difícil quando as bolinhas não nos ajudam nesse sorteio, principalmente agora, onde conquistar vitórias ajuda significativamente o coeficiente europeu.

Pois é, a fase de grupos da UCL com Juve, Liverpool e Lyon ficou complicada. Infelizmente foi o que colocaram no nosso caminho. Vencer seria muito importante, queremos logo o direito a uma equipe classificada para a fase de grupos para não ficar dependendo de playoff, mas contra os italianos e ingleses é pouco provável, como mostraram os jogos de ida do grupo. Quem sabe o Pogon não consegue ao menos aprontar pra cima do Lyon?

 

Em 14/06/2019 em 23:29, marciof89 disse:

É, chegou a aquela parte do save onde sobra no país mas falta mt ainda pra ser competitivo na UCL. Pelo menos está evoluindo bem.

Não sei se vai conseguir ir pra UEL não ein... vai ter trabalho. Lyon é um grande time.

Boa sorte!

Era esperado que essa fase chegasse relativamente rápido né, pois o futebol polonês não tem um nível tão alto. A esperança é que não demore demais para ser competitivo na UCL, mas de momento ainda estamos bem atrás. Não tenho muita ideia de como vai ser daqui pra frente. O time mais fraco que já levei pra competições internacionais europeias foi o Darmstadt no save que contei aqui, mas aí tinha todo o dinheiro e prestígio da liga alemã pra ajudar. Agora a coisa é diferente.

O Lyon é bom, com certeza é favorito. Mas não é uma daquelas equipes que a gente diz que é impossível, como seria um Tottenham ou Arsenal da vida. Muito provavelmente a vaga se decide nos dois próximos jogos, com o confronto direto.

Obrigado.

 

Em 15/06/2019 em 13:23, Jirimias disse:

Caraca, um grupo destes chega até ser um estupro de vulnerável...mas quem sabe não dá para aproveitar que o Lyon não tá bem e tentar surpreender. É difícil, mas é em campo que se decide e camisa não joga sozinha. Pra cima deles!!

Não tenho bem certeza agora, pois faz dois meses que o save estava parado, mas acho que esse foi teu primeiro comentário por aqui né? Se for, seja bem-vindo (e desculpa levar quase dois meses para responder 😛).

Pois é, o grupo ficou muito difícil mesmo. FM não quis saber de dar uma chance ao Pogon. Nossa briga vai mesmo ser pelo terceiro lugar. Acho que é perfeitamente possível, mas o Lyon ainda é favorito. Vamos ver como nos saímos no confronto direto.

 

Em 19/06/2019 em 13:20, Andreh68 disse:

Bicho que azar no grupo da UCL. Na Polônia já da para ir inventando uma regras e desenvolvendo jogadores jovens

Nem me fala, bateu até um desânimo quando vi o grupo.

No campeonato nacional estamos com boa folga, como já era de se esperar. O lado bom é que dá para colocar mais os garotos. Nosso time todo é muito jovem, então tem sempre gente precisando de tempo em campo para atingir o potencial.

 

Em 19/06/2019 em 15:19, Herr Jones disse:

Gostei bastante das transferências e isso se refletiu bem no campeonato, que o time está sobrando nessa primeira parte. A goleada contra o Basel é outro ponto alto que até deixa aquela sensação de que poderia conseguir alguns jogos interessantes na fase de grupos. Mas aí ela chegou e, com ela, veio o balde de água fria com um grupo que os adversários são potências em grandes centros. Acho que se conseguir tomar menos de 5 da Juventus é um lucro e tanto, porque o que a Vecchia Signora fez com o Lyon é caso de polícia. hahah

Acho que estamos reforçando bem o clube até o momento. Jogadores jovens, mas que tem capacidade para ajudar desde logo. Os resultados dessa parte inicial do ano foram bons, até vir o sorteio maldito da fase de grupos da UCL.

Nossa disputa vai ser mesmo com o Lyon. Temos dois confrontos diretos na sequência, se sair por cima deles a vaga pra UEL ao menos fica quase garantida.

 

Em 08/07/2019 em 10:53, vinny_dp disse:

Boa arrancada no campeonato nacional e na Copa, enquanto que na UCL conseguiu chegar até a fase de grupos. Na competição continental acredito que o Lyon consiga se superiorizar contra você, apesar da campanha deles. Acho que com mais duas ou três temporadas já conseguirá fazer alguma graça nos matas-matas. 

Quanto ao fato do time B jogar uma Copa, um caso que eu lembro é do Real Madrid Castilla, que foi a final da Copa do Rei de 1980, eliminando a dupla basca (Athletic e Bilbao) nas fases mais agudas. Perderam a final, mas tiveram o direito de ir à Recopa Europeia porque o time principal iria a UCL de 80-81 e caíram logo na primeira eliminatória, contra o West Ham.

Boa sorte na sequência.

Também acho que o Lyon é favorito. Mas se podemos vencer alguém, é o time francês. Então temos que ir para o jogo acreditando em nossa chance.

Não sei muito o que esperar dessa progressão de uma temporada para a outra. É a primeira vez que jogo competição continental europeia em uma equipe de país menor, então não tenho muita ideia do nível de dificuldade. Vai ser interessante observar quanto tempo leva.

Curiosa essa história do Real Castilla. Na Alemanha tem a história do time B do Hertha, que é parecida. O time tem três participações na Copa da Alemanha. Na segunda delas, em 92/93, foram até a final. Eliminaram adversários de peso como Hannover e Nürnberg. Na final perderam para o Bayer Leverkusen por 1 a 0 - gol aos 77 minutos. Curiosamente, o Leverkusen foi quem eliminou o time principal do Hertha naquela mesma competição - só que fez isso já nas oitavas.

Diferentemente do caso espanhol, porém, o Hertha B não jogou competição continental.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

2p_SdlsaYdjNkXqOwl7XUxOXsvVNb3rT-gFE9aOF

Estamos de volta pessoal. Foram dois meses longe do FM por questões pessoais, mas a vontade de jogar não diminuiu. Agora finalmente posso voltar a isso. Como fiquei tanto tempo longe, vou dar uma breve recapitulada no que aconteceu para situar os leitores:

  • Iniciamos o save em 2017. O Pogon estava cotado apenas para o meio de tabela, mas fez campanha surpreendente no ano de estreia e conseguiu o título nacional. Desde então, jogamos outras três vezes a liga, ganhando todas.
  • Na Copa da Polônia, o sucesso é bem menor. Em quatro temporadas, conseguimos apenas um título e um vice-campeonato. No âmbito interno, é a competição que o clube precisa melhorar o desempenho.
  • Desde a segunda temporada, participamos também do futebol continental. Ficamos na fase de grupos da UCL nas três participações anteriores. Este ano chegamos lá novamente, mas perdemos os dois primeiros jogos do grupo, contra Liverpool e Juventus. Faltam os dois jogos com o Lyon e a volta contra os demais, que serão vistos nessa atualização.
  • No atual campeonato nacional, estamos em primeiro lugar com 8 vitórias e 1 empate.

Acredito que com isso já dê para se situar um pouco no que vinha acontecendo. Voltamos agora à programação normal.

 

Ekstraklasa

D_mhQnGSc1swwY1Y1A3GX4AugIQU58y_LD18JT7w

Nossos resultados foram um pouco piores nessa parte final do ano, com três empates - um deles, um raro 0 a 0. Mas só digo isso porque é o único ponto que dá para criticar. Embalados pelos gols do uruguaio Anthony Silva conseguimos resultados expressivos, especialmente contra as maiores equipes do país.

O grande destaque foi o jogo com o Lech Poznan. Não só porque enfiamos 6 a 0 no terceiro colocado com nossa equipe reserva - o que já é bem expressivo. Mas o que mais chamou a atenção foi a velocidade com que abrimos 3 a 0. O primeiro gol até "demorou" - precisamos jogar por oito minutos para balançar as redes a primeira vez. Mal o Lech Poznan saiu com a bola, porém, e minha equipe já comemorava o segundo.

372170ba281dc7675e03a996c29f2cf7.gif

Nesse momento, o torcedor do time da casa já estava puto da vida. O que ninguém esperava é que a saída de bola seguinte seguiria o mesmo script. De novo o Lech Poznan perdeu a bola logo, de novo o Pogon avançou rapidamente, e de novo foi gol.

019ef8e55c474f0e54a995019b7d7c0c.gif

Do momento em que a bola tocou as redes no primeiro gol até o momento em que ela tocou as redes no TERCEIRO gol foram 34 segundos de bola rolando. Acho que não se contam estatísticas desse tipo no futebol. Se contassem, o Pogon estaria disputando o recorde mundial.

 

Classificação

LN6I7Vk_x7WWroMunsVhUkPZkh0mHz1RMTmy2jdE

15 vitórias, 4 empates, nenhuma derrota. 49 gols marcados, 18 sofridos. O Pogon continua a ser a grande força do campeonato nacional. Ainda assim, não podemos perder a atenção, já que o Legia faz excelente campanha. Não fosse a derrota no último jogo do ano, o time da capital estaria a apenas um ponto de distância. Acho difícil que eles consigam manter o ritmo, mas é melhor não pagar para ver.

 

Liga dos Campeões

Viajamos até a França sabendo da importância de conseguir um bom resultado contra o Lyon para a briga pela vaga na Liga Europa. Eu considerava os franceses favoritos, mas sabia que minha equipe poderia embaralhar um pouco as coisas. Como sempre fazemos, jogamos de modo ofensivo. E não foi preciso muito tempo para mostrar nossas capacidades. Klups abriu o placar aos 8 minutos, e Carlos Antônio ampliou com 15. O Lyon descontou na metade da primeira etapa com o japonês Yoshinori Mutô, mas no segundo tempo fechamos o resultado com outro gol de Carlos Antônio. 

1FrPNoePX8Y8dgHQNmVseWU7joGh8TmSlcq-iWBl

Quem olha o número de chutes no gol acha que dominamos completamente, mas a verdade é que foi um jogo muito equilibrado, com chances para ambos os lados. O mais curioso é o número de bolas na trave. Foram três DE CADA EQUIPE. Com um pouco mais de pontaria esse jogo podia terminar desde 4 a 3 pro Lyon até 6 a 1 para nós.

Com a vitória no primeiro jogo, iniciamos o returno do grupo confiantes em outro bom resultado. Agora embalados pela torcida polonesa, partimos para cima dos franceses. Na primeira etapa, Kwietniewski marcou dois e Carlos Antônio completou a goleada. Voltamos do intervalo um pouco desatentos e o Lyon descontou, mas nada muito preocupante. Aos 70 minutos, Carlos Antônio apareceu de novo para ampliar. 4 a 1. Vitória garantida. Ou não.

O5LyMN_WvlLogVqEhmzxL6yrTpCHmHmQeW9Jjwpa

A imagem fala por si só. Levamos três gols nos últimos dez minutos. Por detalhe, o Lyon não virou. Um apagão completamente inaceitável.

No restante do grupo, Liverpool e Juventus trocaram golpes. Os italianos venceram a primeira, os ingleses a segunda. Com isso, ambas equipes somavam nove pontos, contra quatro do Pogon e um do Lyon. Para continuar na UCL, seria preciso derrotar os dois gigantes. Difícil.

A situação ficou ainda mais complicada pela lesão de meu goleiro titular. Sobrou para Jedrzej Grobelny, garoto de 20 anos da base. Era ele quem teria a missão de tentar parar a máquina inglesa. Em campo, o Liverpool precisou de apenas 10 minutos para abrir o placar com Firmino. Já imaginei que levaríamos outra goleada. Mas não foi o que aconteceu. Empatamos aos 20 e, para minha completa surpresa, marcamos de novo aos 28 e aos 34. Controlamos bem o restante da partida, sem muitos riscos, e conseguimos uma ótima vitória. No outro jogo, o Lyon surpreendeu e derrotou a Juventus.

-jtdlxCevip6bjP77K1XLicUtOOvtU-zIsnh7V4l

Provavelmente nossa maior vitória até o momento no save.

Com o resultado diante dos ingleses, garantimos a classificação para a Liga Europa - o Lyon ainda poderia chegar aos mesmos 7 pontos, mas a vantagem no confronto direto era nossa. Mais do que isso: graças à vitória francesa sobre a Juve, chegamos ao último jogo dependendo apenas de nosso confronto para continuar na própria UCL.

bA3gxLvN9WuRTPli-A0ocQnTT0CbTxC2xHWEYZha

Infelizmente os italianos mostraram ter muito mais experiência nesse tipo de situação e controlaram a partida do início ao fim. Com gols de Carrasco e Jota logo cedo, a velha senhora carimbou a passagem para a próxima fase.

 

Classificação

HXTxm8o5OQ92_K90Qu-XHYOrNFTmbRJoknD0aino

Por ver a vaga tão perto, a situação final é dolorida. Ainda assim, podemos ficar felizes com o desempenho. Em um grupo extremamente complicado conseguimos mostrar nossa força. Fizemos a nossa melhor campanha na fase de grupos, e ainda por cima levamos a classificação para as eliminatórias da Liga Europa - nossa primeira participação nas fases agudas de competição continental durante o save.

 

Notícias gerais

Realizei uma série de pedidos de melhoria de infraestrutura para a diretoria, que foram aceitos. Assim, melhoramos o orçamento de treino das camadas jovens (nível excelente), o recrutamento de jovens (nível relativamente bom) e as instalações para análise de dados (infraestrutura básica). 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Jirimias
      By Jirimias
      Fala aí, povo!   Depois de muito tempo, eis que decidi retornar ao ofício de jogar e contar saves. Apesar do tempo está ainda mais curto do que antes, a saudade era maior, e depois de ensaiar vários retornos, enfim tomei coragem. A versão do jogo escolhida é o FM 2018, pois comprei e não havia jogado. Como já estamos quase no meio do ano, achei conveniente esperar para comprar o 20, e não o 19. 
      Como vocês podem ver eu escolhi a Hungria tema deste save, e isso deve-se muito à admiração adquirida por ter conhecido um pouco do futebol mágico do país na década de 50. Soma-se a isso o imenso desafio que é jogar e desenvolver um trabalho num país que hoje vive uma realidade no futebol muito diferente daquela do passado. Estes dois fatores foram fundamentais para minha escolha.   Peço apenas a compreensão se não houver postagens regulares, mas farei o possível para tentar duas por semana, exceto por este início que há capítulos introdutórios que já estão prontos.   
      Conhecer o passado nos ajuda a compreender suas consequências no presente, seja ele este atual que estamos vivendo agora, ou aquele que virá a ser presente, a qual chamamos de futuro. Só que na maioria das vezes mexer no passado é abrir feridas , e é isso que veremos em  "O sonho proibido" . Se esta aventura de voltar ao passado sem máquina do tempo pode ser perigoso, por outro lado, também é somente através desta visita ao passado que tanto o personagem  como o próprio futebol húngaro encontrarão respostas que poderão mudar suas histórias.
      A trama passa pelo encontro entre dois personagens que viveram em épocas diferentes, mas que tem em comum um sonho: trazer de volta a glória do futebol húngaro. Átila é um jovem recém-formado em Educação Física que tem como sonho treinar um time de futebol profissional. A inspiração para sua carreira é um ex-treinador que não teve uma carreira brilhante, mas que tinha a mesma determinação em fazer de sua carreira um combate pelo resgate da grandeza do futebol da Hungria. Tal dedicação  pela Causa Húngara, como ele mesmo denominou sua busca, fez o velho treinador ser tido como lunático. Sem familiares e esquecido, o velho treinador interna-se voluntariamente num asilo onde inicia a carreira de escritor.  Quando estas duas gerações se encontrarem, nem a vida dos dois, e nem o futebol húngaro serão mais os mesmos.  
      O "Sonho proibido" tem como objetivo principal levar a Hungria ao centro das atenções do futebol mundial, e para isso, a pretensão não é fazer o save de uma única liga, mas  de uma nação. Desta forma, terei a liberdade de mudar de liga, treinar mais de um clube da Hungria, treinar seleções, trabalhar com a revelação de talentos húngaros, enfim, buscar em todos horizontes resgatar as glórias do passado do futebol do país. Em síntese, são estes os objetivos:
      Ser campeão treinando um time brasileiro, remontando a ligação do passado entre húngaros e brasileiros no futebol; Revelar um novo Puskás; Levar a Seleção Húngara à disputa de uma Copa do Mundo, que desde 1986 não acontece; Vencer uma competição europeia com um clube húngaro; Ser o melhor treinador húngaro no quadro de Honra; Colocar a Primeira Divisão Húngara entre as dez primeiras do mundo:

      (atualmente atrás das ligas de Catar, segunda divisão da Turquia, segunda divisão da Áustria, Moldávia, Egito, entre outras)        
       
    • Lanko
      By Lanko
      Próxima>>>                 
       
      ATUALIZAÇÃO MAIS RECENTE!
      ÍNDICE
       
      E aê galera, tudo bom? Descobri o fórum recentemente há uns dias atrás, especificamente a área de histórias. Li algumas e adorei o formato e o fato que a galera resolveu postar suas jornadas e challenges interesantíssimos. 
      Enquanto jogava o FM18 fiquei pensando nas várias coisas que aconteceram e que dificilmente conseguiria guardar pra lembrar depois, especialmente as coisas memoráveis.
      Deixei quieto e segui em frente, mas como disse, encontrei essa área aqui e me arrependo de não ter pesquisado e encontrado antes. Mas antes tarde do que nunca, né! O save não tem tanto tempo e muitas dos principais eventos estão frescas na memória.
      Esse save não tem objetivos específicos a serem alcançados, simplesmente criei um perfil de treinador (sem escolher clube, comecei desempregado) e saí pro mundo pra ver no que vai dar. 
      PERFIL DO TREINADOR:
       
      Lanko Askarian sempre teve interesse por futebol, principalmente na parte tática, já que jogando ele é um grande perna de pau. Decidiu ir adiante com esse pensamento e resolveu estudar para ser técnico e dirigir uma equipe.
      Diante dos vários fracassos do Brasil na área, decidiu, corretamente ou não, ir estudar e fazer cursos na Europa. Escolheu a Inglaterra já que sabia inglês e nada dos outros idiomas. Depois de algum tempo, adquiriu profundo conhecimento tático, de treinamentos, de filosofias de jogo.
        
       
      Agora só faltava botar tudo isso em prática, e é aí que morava o problema. Lanko entrou determinado a começar 2018 como técnico, mas passou o primeiro semestre desempregado. Nem clubes brasileiros da 3a divisão quiseram sequer conceder uma entrevista.
      No fim da temporada europeia, Lanko voltou a Inglaterra, disposto a aceitar propostas da 5a ou 6a divisão inglesas só pra começar a trabalhar, mas mesmo dessa vez conseguindo entrevistas, não foi o escolhido em nenhum dos oito clubes em que bateu a porta.
       

       
      Jovem (30 anos, muito menos que muitos jogadores em atividade), sem ter comandado vestiário antes e ainda por cima estrangeiro, esses foram os principais motivos das recusas.
      Até que viu um anúncio de um clube de Portugal (o único), a Mondinense, da terceira divisão portuguesa, e decidiu entrar em contato com eles.
      O presidente foi surpreendido pelo contato. Ele acabou gostando do perfil. Avisou que o clube era pequeno, mas gostaria de ver o clube crescer e talvez tentar algo inusitado seria o primeiro passo ideal. O presidente convidou Lanko para a cidade de Mondim de Basto para assinarem o contrato.
       

       
      Lanko aceitou, muito feliz. Portugal não estava nos planos iniciais, mas quem sabe, caindo do céu, seria o melhor lugar para começar a carreira. O idioma não seria problema e Portugal era um bom país, além de ter certa história no futebol e um cenário respeitável.

      Ele sabia que o começo ia ser difícil, mas até chegar em Portugal e ver a sede da Mondinense de perto, ele não fazia ideia do quão difícil…
       
      Próxima>>>
    • Herr Jones
      By Herr Jones
      Luz, câmera e... Futebol: l'histoire de Damien Devereaux
      CONSIDÉRATIONS INITIALES – entendendo o propósito da história:
      PROFIL DU ENTRTEINEUR – contextualizando o protagonista:
      O personagem escolhido para protagonizar toda a história é um jovem chamado Damien Devereaux. Nascido na cidade de Cannes, em 31 de maio de 1992, mudou-se ainda moço, aos 16 anos, para Paris onde graduou-se em Ciências Sociais pela Sorbonne, buscando enfatizar o aspecto de gestão esportiva. Amante de futebol, simpatizava bastante com as equipes de futebol que eram capazes de revelar grandes nomes para o cenário futebolístico internacional. Cresceu assistindo, e ouvindo de seu pai, sobre uma prática fulminante do futebol francês: o Jeu à la Nantaise, protagonizado pela equipe de Nantes e inspirado no jeito irreverente de se jogar futebol que faz brilhar os olhos de qualquer brasileiro quando assistia à seleção canarinho protagonizar maravilhas com a bola nos pés. Através de seu pai, o jovem Devereaux criou um carinho especial pelo Nantes; porém, por si, passou a acompanhar o Cannes: time de sua cidade e que, na época, estava em franco crescimento chegando a revelar grandes nomes para o futebol, incluindo um dos mais geniais meio-campistas que o jovem teve a oportunidade de acompanhar: Zinédine Zidane.

      Ao longo de sua graduação, Devereaux participou de algumas competições amadoras de futebol atuando pelo Corbeil-Essonnes, das divisões de honra francesas. Ele atuava como meio-campista avançado, mas não considerava a hipótese de se tornar um jogador profissional; preferiu enfatizar sua formação e, assim, dedicou-se bastante aos estudos. Tão logo recebeu seu diploma de graduação, decidiu abandonar o futebol amador para buscar uma vaga no mercado de trabalho. Conseguiu, ainda em 2014, quando se formou, uma vaga como professor em um Liceu particular dando aulas de Sociologia e Filosofia. Sem desistir de seu sonho para atuar no futebol, Devereaux seguiu sua formação adentrando ao mestrado em gestão esportiva e buscou, junto à Fédération Française de Football, a obtenção de sua Licença Nacional C para poder atuar como treinador. Tanto sua licença quanto seu título de mestre só chegaram em 2017.
      Neste meio-tempo, enquanto aguardava sua licença, Devereaux se disponibilizava nas horas vagas para realizar consultorias aos clubes de futebol franceses, principalmente para os clubes semi-profissionais próximos a Paris, mas também prestou seus serviços a alguns clubes mais conhecidos que hoje se estagnaram como, por exemplo, o Racing Club de Lens e Association de Jeunesse Auxerroise.
    • IgorNatalino
      By IgorNatalino
      Estamos animados em apresentar a todos, a criação do tópico para os kits FC'12, um projeto do FM Slovakia, para a temporada 2018-2019.
      Para os que gostam do nosso estilo de kits, aqui ficarão todos os links úteis e atualizações sobre o lançamentos dos kits, principalmente os brasileiros feitos por mim; A ideia principal do tópico é entregar packs de qualidade para todos jogadores do FM.
      Gosta de acompanhar o desenvolvimento dos kits e saber quais estão sendo produzidos?
      Nos acompanhe no Facebook - https://www.facebook.com/groups/allstar.kitmakers/
      Parceiros:
      FM Slovakia - http://fmslovakia.com/

      Todos os Kits produzidos na temporada 2016-2017:
      http://fmslovakia.com/downloads/kitpacks/fc12-season-201617/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2017-2018:
      http://fmslovakia.com/downloads/kitpacks/fc12-season-201718/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2018-2019:
      https://fmslovakia.com/en/downloads/kitpacks/fc12-season-2018-19/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2019-2020:
      https://fmslovakia.com/en/downloads/kitpacks/fc12-season-2019-20/

      Como instalar:
      Passo 1:
      Faça o download do pack e extraia usando Winrar ou 7-zip.
      Passo 2:
      Copie a pasta com os arquivos para:
      \Documents\Sports Interactive\Football Manager 201x\graphics\kits\
      p.s: Crie as pastas Graphics e Kits caso não existam.
      Passo 3:
      Abra o FM e vá em Preferências > Interface
      Marque "Recarregar Skin quando confirmar alterações nas preferências"
      Desmarque "Usar cache para reduzir o tempo de carregamento das telas"
      Tutoriais FC'12 (Inglês):
      Como criar kits com templates:
      https://www.youtube.com/watch?v=RDCOCkivnP4
      Como criar um template (Do zero):
      https://www.youtube.com/watch?v=up4P2sMZaus
      Política de Redistribuição:
      Para as pessoas que queiram disponibilizar packs em seus sites, vocês deveram linkar a respectiva página do pack oficial no FMSlovakia, não podendo ter seu próprio host do arquivo. Obrigado!
      FMSlovakia.com não como objetivo o lucro, só queremos ajudar a comunidade de Football Manager. Entretanto, considerando a quantidade de trabalho, um reconhecimento não seria de todo ruim, então obrigado em adianto por respeitar nosso trabalho e regras.
      ATENÇÃO
      O pack pertence ao seu criador, e ao site FMSlovakia.com. Disponível para quem quiser usar, mas apenas para uso pessoal . Os únicos links de downloads autorizados são no site oficial ou qualquer outro autorizado pelo autor. Ações legais poderão ser tomadas pelo autor.
      Gostou do nosso trabalho e esta disposto a doar uma pequena quantia?
      Sua doação será muito mais que bem vinda e garantirá o futuro do projeto.
      https://fmslovakia.com/donate/
      PS: Qualquer doação é destinada ao criador do projeto (Patres10) e ao site oficial FMSlovakia.
       
      Qualquer dúvida, sugestão ou comentário, deixe sua postagem!

      Quer nos ajudar?
      Me contate para fazer parte do All Star Kitmakers.
    • Ari Cesar
      By Ari Cesar
      Olá a todos.
      Comprei o FM 18 e resolvi iniciar um save no Brasil de formação e base. Já estava realizando em off no FM 17 com o Milan RS e ai com a nova versão resolvi jogar da mesma forma e compartilhar. A ideia é bem similar aos demais saves de base: levar o clube a glória usando apenas a base.
      Escolha do clube
      Para escolher o clube resolvi pesquisar na base do brasil up qual seria o clube profissional com menor estádio no Brasil. Inicialmente havia encontrado um clube do RS com um estádio de 200 lugares, mas procurando um pouco mais encontrei o SC Jaraguá que possui um estádio com apenas 100 lugares. Após isso resolvi pesquisar um pouco da história e descobri que SC Jaraguá foi criado graças ao desenvolvimento da base. Dessa forma resolvi escolher o Leão do Vale para iniciar minha empreitada.
      Objetivos do save
      Resolvi colocar algumas metas que em sua maioria serão atingidos a longo prazo. Coloquei asterisco naqueles que acho ser quase impossíveis mas que gosta de ver como o FM se comporta.
      Equipe
      Utilizar a base Aplicar o modelo de jogo ofensivo visando a posse de bola e passes rápidos.  Reter o máximo de jogadores na equipe impedindo que saiam para a Europa. * Ter eleito o melhor jogador jovem do mundo. * Ter eleito o melhor jogador do mundo. *  
      Clube
      Possuir a melhor estrutura de Santa Catarina Possuir a melhor estrutura do Brasil Possuir a melhor estrutura de clube Sul Americano Se tornar o principal clube formador de Santa Catarina Se tornar o principal clube formador do Brasileiros Se tornar o principal clube formador Sul Americano Se tornar o principal clube Catarinense Se tornar o principal clube Brasileiro Se tornar o principal clube da América do Sul Ficar entre os 5 melhores clubes do mundo * Títulos
      Ganhar a campeonato catarinense [ 2040, 2041] Ganhar o Brasileiro série A Ganhar a copa do Brasil Ganhar a Sul Americana Ganhar a libertadores Ganhar o mundial de clubes Técnico
      Me tornar o melhor técnico brasileiro de todos os tempos História do clube
      O Sport Club Jaraguá nasceu inicialmente com o nome de: Associação Catarinense de Futebol Arte, quando foi fundado em 15 de abril de 2008, e no dia 25 de março de 2011, passou a ser chamado pelo nome atual. O clube iniciou suas atividades com o intuito de trabalhar com atletas da região, com idade de categorias de base. Com o passar do tempo a base foi se estruturando, parcerias foram sendo firmadas com outros clubes e empresários e, no ano de 2011, um novo clube de futebol profissional foi lançado no futebol catarinense.
      O Sport Club Jaraguá possui as cores preto, vermelho e amarelo, devido a forte imigração alemã da região.Sua estreia em competições oficiais, ocorreu na disputa da Divisão de acesso do Campeonato Catarinense de 2011 quando terminou a competição como vice-campeão.
       
      Historia do manager
      Lucas Castro é morador de Jaraguá e em sua infância/adolescência atuou na Associação Catarinense de Futebol Arte. No período de transição dos nomes Lucas abandonou a equipe por perceber que não possuía qualidade suficiente para atuar como jogador. Apesar de sua paixão pelo clube e pelo futebol Lucas decidiu cursar Educação física para no futuro ajudar a equipe fora das 4 linhas. Agora chegou esse dia e Lucas foi escolhido como técnico do Sport Clube Jaraguá. Ele não possui licença e seu passado esta como futebol amador.
       
      Em breve coloco informações sobre a equipe, formação, competições e início da aplicação da filosofia na equipe.
       
×
×
  • Create New...