Jump to content

Henrique M.

Recommended Posts

  • Vice-President

MLka0Ld.jpg

O analista de dados é um membro da comissão técnica que foi inserido no Football Manager 2017. A função dele no jogo é analisar os adversários e seus eventuais alvos para contratação. Contudo, a ferramenta pode lhe oferecer muito mais do que apenas uma análise superficial do adversário e observar seus jogadores.

O analista de dados é uma excelente forma de você obter uma vantagem contra a Inteligência Artificial (IA) do jogo. Por isso, esse guia tratará de como usá-lo para obter informações que lhe ajudaram a vencer jogos e conquistar títulos.

As informações que o Analista de Dados fornece

Desde que ele foi introduzido na versão passado do jogo, muita gente pode ter ignorado, ou não ter entendido o que ele faz. Como foi uma função adicionadas às pressas para o FM 2017, a implementação não foi perfeita e uma certa aura de inutilidade pairou sobre o pobre coitado.

Entretanto, se utilizada da maneira adequada, o Analista de Dados pode te fornecer uma quantidade infindável de informações sobre seu oponente. Mas como achar essas informações? É fácil, antes de cada jogo, assim como você recebe o relatório do olheiro, seu Analista de Dados Chefe irá te enviar um relatório similar, a respeito do jogo anterior do seu próximo adversário. Além do relatório pré-jogo, ele te enviará um relatório pós-jogo, analisando a partida.

Tim-Borowski_-Inbox77e013b78d079325.png

As coisas mais fáceis de identificar são a tática do adversário e como eles se comportam dentro de campo. Na partida anterior, o Augsburg entrou com um 4-4-2, mas as funções e instruções dos jogadores fizeram com que o time se comportasse como um 4-1-4-1. E pelo mapa térmico, podemos observar que mesmo com o desenho conservador, eles ocuparam mais o terço ofensivo que o defensivo nesse jogo.

Outra informação relevante é como os gols do adversário surgem: 38% deles vem de cruzamento. O Augsburg marcou 50 gols até o momento, 19 deles são oriundos de bolas alçadas na área. Além disso, eles tem dificuldades com bolas em profundidade, 15 dos 51 gols sofridos surgiram assim. Como aparentam ser uma equipe que ocupa bastante o terço ofensivo, isso é natural.

Outra informação importante são os dois jogadores que mais trocam bola na equipe. No caso, os dois meias-centrais da equipe. Com isso, já fica claro um alvo que pode ser neutralizado com a utilização de uma marcação individual ou mais cerrada. Por fim, o lado esquerdo deles é muito forte, portanto, uma maior cautela pelo lado direito é conselhável.

Usando essas informações

O grande truque é saber o que fazer com a informação que lhe foi dada. Já deixamos claro acima que eles são uma equipe que gosta de atacar, tem dificuldades com passes em profundidades e tem nos meias-centrais sua principal fonte de troca de bolas. Além disso, apresentam muita força no lado esquerdo do campo.

Dessa forma, eu posso preparar minha equipe para reagir a essas informações. Eu atuo com um volante e um meia-central, eu poderia corrigir essa linha (passando para dois meias-centrais) e fazer uma marcação cerrada e pessoal para cortar a troca de bola entre os meias-centrais.

Isso provavelmente faria com que eles forçassem o jogo pela esquerda do seu ataque. Posso recuar meu ponta-direita para a meia-direita e mudar a função Apoiar do meu lateral para defender. Dessa forma, eu resguardaria o lado mais forte, enquanto tento evitar que os meias-centrais toquem a bola entre si, buscando outras jogadas.

Além disso, posso mudar minha estratégia de mudança de posse de bola para passes mais diretos e que busquem o espaço, para aproveitar a fragilidade do adversário nesse tipo de situação.

Conclusão

Nesse caso, eu era o favorito contra o Augsburg e jogo em casa e tenho um estilo bastante ofensivo e intenso. Eu não mudaria minha estratégia por um adversário de meio de tabela. Mas podemos tirar algumas conclusões à respeito da análise feito.

Pelo relatório pós-jogo, é possível observar algumas coisas. Os laterais foram bem, assim como meus zagueiros, o que significa que defensivamente, a linha de dois não deu trabalhos. E os laterais foram eficientes na sua atuação defensiva pelos lados, como no apoio ofensivo. Ou seja, a principal fonte de gols do adversário não teve como se criar nessa partida.

Tim-Borowski_-Inbox-2684035f42a54f5c8.pn

Pelo mapa de calor, podemos observar que eles jogaram acuados no campo de defesa e que nosso jogo fluiu no centro do campo. Isso, somado a atuação contundente da linha defensiva, evitou que o adversário pudesse contra-atacar. Abaixo, verão o mapa de calor do adversário e o lado esquerdo foi a opção ofensiva mais procurada por eles para atacar.

Tim-Borowski_-Inbox-3.png

Analisando o mapa posicional, nossa equipe manteve a forma tática, assim como o adversário. Mas a sobrecarga ofensiva, graças a estratégia defensiva do adversário e nossa qualidade, colocou o Augsburg contra a parede. Enquanto estivemos por quase todo o campo, eles foram sufocados e quase não tiveram presença ofensiva.

Tim-Borowski_-Inbox-4.png

No meu caso, a diferença técnica e favoritismo não pedia uma estratégia diferenciada da minha parte. Mas tirando a mudança tática, o analista de dados acertou basicamente todos os comportamentos do Augsburg no jogo.

Se eu estivesse em uma situação inversa, poderia utilizar essas informações para surpreender meu adversário. Para aqueles que lutam por sobrevivência ou diminuir a distância em confrontos onde o adversário é muito maior, o Analista de Dados pode ser uma excelente ajuda.

Portanto, para quem deseja entender melhor como o adversário atua, ele é uma excelente ferramenta. Agora é hora de usá-lo sabiamente e fazer com que ele te ajude a trazer as vitórias que você precisar.

Conteúdo original produzido por Henrique M. para FManager Brasil e Engenharia do Futebol
Inspirado por: https://www.thehighertempopress.com/2017/06/data-analyst-potential-difference-maker/
Banner: @_Matheus_

Link to comment

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

  • Similar Content

    • flalutaina
      By flalutaina
      Há um tempo atrás criei um banco de dados no editor do fm2018, carreguei e funciona normalmente. Só que agora eu quis inserir mais jogadores, fiz a inserção,  só que nao aparece  no jogo, inclusive em um novo save. O que pode estar faltando? Obrigado aí!
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Como sabem, iremos oferecer um FM 2021 para o líder do nosso ranking de atividades, com a primeira atividade já encerrada há algum tempo, chegou a hora de começarmos a criar o ranking.
      Ranking atual
      @LucasGuitar - 20 pontos; @Lucas Matías - 18 pontos; @Lanko - 16 pontos; @Henrique M. - 13 pontos; @joga - 12 pontos; @gm360, @Neynaocai, @Gundogan, @Ricardo Bernardo, @Roman, e @Valismaalane - 10 pontos @Andreh68 - 9 pontos; @fabiotricolor, @ggpofm, @dralzito, @bstrelow, @EduFernandes e @PedroLuis - 8 pontos @DiegoCosta7 - 7 pontos @marciof89, @div e @André Honorato - 6 pontos @passarin33, @CristianTh9, @AllMight, @Vini-Ministro da Educação, @SilveiraGOD., @Mings, @Bruno Trink, @TicianoB, @JGDuarte, @Stay Heavy, @Messias Götze e @Ariel' - 5 pontos @Goias270187, @Vannces,  @Tsuru, @CCSantos, @Darknite, @Lowko é Powko, @Buzzuh e @ZMB - 4 pontos @Serginho10, @Danut, @Queiroz14, @Bigode., @Ighor S., @-Lucas e @felipevalle - 3 pontos @maninhoc12, @pedrodelmar1, @skp e @David Reis - 2 pontos @munozgnm, @LuisSilveira, @Mandalorian, @joseroberto389, @Leho., @Bruno NoWaK e @luancampos89 - 1 ponto Atividades participantes (em andamento)
      Jogos Vorazes; Bolão NBA; Atividades participantes (concluídas)
      Copa FManager; Copa Quarentena; Fantasy da Premier League; O Jogo dos Tronos; O melhor onde for; Ranking de participação - Profissão Manager 2020; Bolão FManager; Fantasy da Champions League;
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Na década de 90, a coisa mais comum nos campos europeus eram os tradicionais pontas velocistas; dribladores rápidos com capacidade de cruzar bem uma bola e que ficavam sempre preso no seu corredor de atuação. Atualmente, esse é um perfil bastante difícil de se encontrar nos elencos dos grandes clubes do mundo. No jogo moderno, é função dos alas e laterais atacarem os flancos e cruzar a bola para a aula. O ponta tradicional foi substituído pelo ponta de pé trocado. O ponta invertido (extremo invertido em PT-PT, por isso também no jogo e aqui nesse guia) é um desses casos dentro do FM, assim como o avançado interior.
      Enquanto esses pontas de pé trocado surgiram e evoluíram dentro do 4-2-3-1, eles tem funções diferentes dentro de campo de acordo com o time que jogam ou com a formação que são usados. Nas versões anteriores do Football Manager, a única opção tática que um treinador tinha para esse tipo de formação era utilizar um avançado interior. Atualmente, ganhamos uma ferramenta a mais, com o extremo invertido. A principal tarefa desses pontas de pé trocado é utilizar sua velocidade e técnica para duelar com seu marcador e conduzir a bola e o time para mais próximo do gol adversário.
      Para aqueles que ainda não sabem do que estamos falando, vou deixar alguns exemplos da vida real e que inspiraram a Sports Interactive a moldar a função de acordo com seu talento. Jogadores como Arjen Robben, Franck Rybéry e Thierry Henry são alguns dos ícones do futebol que ajudaram o Football Manager a trazer esse tipo de atleta do campo para as telas dos computadores. Hoje, atletas como Serge Gnabry e David Neres são grandes máquinas dentro do Football Manager graças ao que esse tipo de atleta trouxe para o motor do jogo.
      Normalmente, o estilo de jogo desses atletas é bem direito. Uma vez que tem a bola nos pés, eles combinam técnica e dribles com aceleração e boas tomadas de decisão para deixar o marcador para tráz e ou finalizar ou passar a bola para um companheiro melhor posicionado para continuar a jogada. Esse estilo de jogo não combina muito com o estilo de outros avançados interiores da vida real, que cortam para dentro, mas optam por uma enfiada de bola ou cruzamento ao invés do chute.
      Em versões anteriores, ou você transformava esses jogadores em avançados interiores, incluindo seus comportamentos codificados no motor do jogo (e que não podem ser removidos) que instruíam eles a cruzar menos, ou os transformava em construtores de jogo avançados, aceitando que eles iriam cruzar menos e chutar menos, mas fariam passes mais arriscados. Isso mudou a partir do FM 2020, que passou a nos oferecer o Extremo Invertido.
      Como essa função dá aos treinadores maior flexibilidade? As instruções se tornaram mais claras, assim como as percepções de cada um sobre o que cada função pode fazer dentro de uma partida. Para vermos o que eles devem fazer, basta olharmos para as instruções que não podem ser removidas no painel tático. Como mencionamos o Avançado Interior e o Construtor de Jogo Avançado, iremos compará-los antes de chegarmos à estrela desse guia, o Extremo Invertido. Começaremos pelo Construtor de Jogo Avançado.

      O construtor de jogo avançado, quando colocado nas pontas, é primariamente um meio-campista colocado em uma posição de maior largura, que busca encontrar espaços e criar oportunidades para si ou para os companheiros de equipes. O jogador funciona de forma bem restrita, mas tendem a recompor defensivamente quando o time está sem a bola.

      Quando comparamos o construtor de jogo avançado com o avançado interior, podemos ver imediatamente que o avançado interior movimenta-se mais em direção à área, buscando penetrações e necessitam de um tipo diferente de capacidades e habilidades ofensivas.

      E isso faz sentido quando nós examinamos seus comportamentos inerentes e que não podem ser retirados. O avançado interior é mais ofensivo. Eles querem conduzir a bola até o coração da defesa adversária, cortando para dentro a partir do corredor lateral. Ao invés de tentarem criar chances para seus companheiros com uma enfiada de bola, é mais provável que eles tentem marcar o gol por conta própria.
      Entretanto, isso não significa que eles irão chutar a esmo e ignorar companheiros melhores posicionados. Quando colocado em uma tarefa atacar, eles tendem mais a querer marcar o gol, enquanto na função apoiar, o avançado interior está mais afastado do gol e é mais provável que procurem um companheiro livro ou no espaço.

      Isto tudo nos traz até o extremo invertido. A descrição do jogo diz que ele "busca cortar para dentro a partir do terço ofensivo para criar espaço para laterais ultrapassarem e subsequentemente sobrecarregar defensores recuando."

      Seu comportamento inerente é diferente quando comparado as outras funções que mencionamos, já que eles não são instruídos a cruzarem menos ou a correr mais riscos nas tomadas de decisão. Eles são uma versão mais conservativa do avançado interior, ou talvez para ser mais preciso, a combinação entre o avançado interior e o construtor de jogo avançado.
      A movimentação de um extremo invertido é mais lateral se comparada ao avançado interior. O extremo invertido move-se para o corredor central, cortando de uma posição mais aberta. Mas ao invés de finalizar, ele quase sempre passa a bola antes de correr para se posicionar dentro da grande área.

      Quando examinamos o mapa de calor do, combinado com o de passes recebidos pelo, extremo invertido, nós podemos ver essa movimentação. Ele corta para dentro para receber o passe, progride e se posiciona entre o zagueiro e o lateral na área.

      Texto traduzido e adaptado por Henrique M. para o Engenharia do Futebol e FManager Brasil
      Fonte: https://www.footballmanager.com/the-byline/look-inverted-winger-wednesday-wisdom
    • Leho.
      By Leho.
      E aí comunidade, beleza? Seguinte...
      📌 PREFÁCIO
       
      📌 ROTINAS DE BASE
      Bom, eu gosto mt de times propositivos e que se valem do controle da posse de bola pra se impor e ganhar seus jogos. Isso na vida real e no FM também. Assim sendo, esse foi meu ponto de partida pra estipular essas rotinas de base que eu alterno ao longo da temporada, semana a semana, pra manter meu elenco afiado dentro da filosofia. São cinco no total:
      Pré-temporada global Rotina Ofensiva Rotina Defensiva Rotina de Posse Rotina para 2 jogos na semana (2J) Bom, já no nome dá pra sacar o intuito de cada uma delas, sendo que a "2J" foi pensada especialmente pra quem joga no Brasil, com um calendário absurdo de inchado, com jogos quarta/domingo em várias semanas do ano. Mas obviamente que ela se encaixa também em saves europeus, quando as ligas nacionais e as competições europeias disputam espaço na agenda.
      Vamos dar uma olhada em cada uma delas, e aí faço considerações importantes sobre cada uma:
      Pré-temp. Global

      (clique para ampliar)
      Aqui não tem segredo: rotina voltada ao início da temporada, pra acelerar e aprimorar a condição física do elenco, abordando num segundo plano praticamente todas as áreas técnicas importantes nos treinos 'S2' (Táticas, Defesa, Posse e Atacante). No Domingo, treinos voltados ao aprimoramento da familiaridade tática e um "rachão" pra simular jogos (aqui, no lugar de "ritmo de jogo" pode ser agendado os amistosos, ao passo que a temporada avance).
       
      Rotina Ofensiva

      (clique para ampliar)
      Com exceção da rotina da pré-temp., todas as outras começam a semana (segunda) imaginando um jogo da equipe tendo ocorrido no domingo, por isso o "dia de descanso & recuperação" ali. Novamente reitero: meu ponto de partida foi a filosofia de posse, por isso, alguns treinos da seção atacante podem ter ficado de fora, aí vai de cada um ajustar (as seções ofensivas aí no caso) até encontrar o cenário perfeito pro teu time e tua filosofia em questão. Na véspera de jogo, gosto de trabalhar em cima das táticas planejadas e também com bolas paradas.
       
      Rotina Defensiva

      (clique para ampliar)
      Bom, deu pra perceber que existe um padrão entre elas, né? Hahaha. Aqui o foco é defender, então além dos treinos específicos, a bola parada da véspera também é voltada pro posicionamento defensivo. Além disso, em todas as rotinas em deixo um treino pra "coesão de equipa" (que pode ser também o "actividades comunitárias"), importante pra criar um forte entrosamento e conexão entre o grupo.
       
      Rotina de Posse

      (clique para ampliar)
      Essa daqui é a que especifica da forma mais incisiva minha filosofia dentro do grupo, o trabalho da posse. Geralmente é a que mais uso também, por motivos óbvios. Se por um acaso você não gosta ou o seu clube no save não pede esse tipo de estilo, aconselho a fazer alterações ou simplesmente deixar de usá-la.
      Obs.: aqui podemos debater a construção de outras rotinas, privilegiando outros estilos (contra-ataque, forte retranca, ataque mais vertical e etc, etc).
       
      Rotina 2J

      (clique para ampliar)
      Essa daqui é a que eu mais modifico após aplicá-la no meu calendário de jogos, até por isso deixei ela o mais básica possível. Os dois treinos 'S1' de véspera podem ser modificados de acordo com o adversário: se for um jogo que você quer o time atacando melhor, dá pra optar pela seção "mov. ofensivo"; já se for um jogo pra se fechar mais, dá pra optar pelo "formato defensivo". A seção "antevisão de jogo" é a única que eu não mexo.
      Já os treinos 'S2' estão setados no "descanso", mas dá pra mudar aqui também pelos treinos de bola parada, ofensiva e defensiva — a depender do adversário. Livres ou cantos, eu gosto de trabalhar de véspera nesse sentido porque pode ser o diferencial pro seu time vencer ou não uma partida, seja marcando, seja evitando gols assim.
      Por fim, os treinos no único dia que dá pra trabalhar sem riscos nessa semana "turbulenta" - aqui no caso setado é a sexta-feira - também podem ser alterados, dependendo do que você tá precisando aprimorar naquele momento, eu só não aconselho a mexer no treino "coesão de equipa", pra manter seu grupo coeso e entrosado.
       
      📌 INSTALAÇÃO E DOWNLOAD
      Pra instalar os treinos é molezinha, basta extrair os arquivos do arquivo .RAR disponibilizado para a pasta:
      📁 C:\[...]\Documents\Sports Interactive\Football Manager 2021\schedules
      (se não existir tal pasta é só criar!)
       
      ⬇️ DOWNLOAD (Mediafire servidor)
      SENHA PARA EXTRAÇÃO:
      ---
      Bom, é isso. O que eu tinha pra falar e postar tá aí, mas volto a reiterar: este NÃO É um pacote de rotinas de treino DEFINITIVO e ABSOLUTO, onde você baixa, instala e simplesmente a mágica acontece. Não esperem milagres, o intuito é contribuir com o conteúdo ao mesmo tempo que se absorve sugestões, palpites e críticas e usa isso pra aprimorar ainda mais o material, criando até quem sabe novas rotinas e etc e etc, ampliando o leque de opções.
      Mas pra isso conto com a colaboração de quem quiser se envolver e pitacar.
      Bons treinos, bons saves.
       
       
       
       
      p.s: um salve ao nosso querido @Masca, pioneiro nisso tudo aqui e criador do famoso "Masca Training", que por anos embalou os treinos da galera do FManager.
      p.s²: agradecimento ao @Henrique M. também pelo banner.
    • Lohan
      By Lohan
      São quase 51 estadios de clubes das Series A,B, C e D do brasileirão, assim como as faixas das torcidas     
      A posição do sol é de acordo com a vida real nas partidas que ocorrem durante a tarde, para causar um maior impacto e imersão nas partidas 3D
      OBS: por limitaçoes dos estadios 3D (sabemos que não existe um editor) tive que fazer na mão grande da melhor maneira que pude, nao tem como fazer detalhes, alguns ficaram bem parecidos, outros mais ou menos, porem ainda assim, creio que bem melhores do que comparados aos estadios genericos que vem no jogo, mas tem um detalhe, os estadios de maior capacidade para que ficassem o mais parecido possivel,   ❌ tive que diminuir a capacidade deles, senão pelas limitaçoes do 3D, eles nao iriam ficar parecidos.
      ✔️ Porem com o uso do FMRTE vc pode deixar os estadios com a capacidade real sem modificar o 3D, e com o uso do FMRTE vc pode tb deixar os estadios mais parecidos ainda, como por exemplo colocando 0 na parte da arquibanca da fonte nova, vai fazer ter aquela abertuda igual na vida real, assim como Sao Januario que nao tem a parte esquerda, e varios outros estadios, por esse motivo vai um template grafico incluso na instalaçao pra quem quiser fazer essas melhorias, fica a seu criterio, e é bastante facil de fazer                                                                                                                                                                                                                                                                          
      DOWNLOAD:  V.4    https://www.4shared.com/file/IUioZD6Fei/Estadios_Brasileiros_3D_v4__FM.html?
      Versão sem instalador: https://www.4shared.com/rar/NAKktw5Nca/Estadios_Brasileiros_3D_v4__FM.html?
      Instalação: Após baixar o arquivo ¨Estadios 3D e Faixas de torcidas FManager Brasil¨ dê um duplo clique que vai ser instalado automaticamente no diretorio do FM18. se pedir para subscrever arquivos aceite..... Depois vá em preferencias do FM, e na aba interface, clique para ¨recarregar skin quando confirmar¨ e ¨desmarcar skin em cache¨
       
      ARENA FONTE NOVA

      BRINCO DE OURO

      MORUMBI

      BARRADÃO

       

       
       
×
×
  • Create New...