Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Breno Rocha

Save Online FM 2014

9 posts neste tópico

Alguém afim de marcar alguns dias na semana pra jogar um save online?

Faz tempo que não faço isso, deu vontade de verminar um pouco, quem tiver afim da um toque aqui =)

Qualquer coisa me adiciona lá no face: /brenodarocha

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

cara , nunca joguei um online , eu topo ,

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

A depender do que venha a ser organizado participarei tb

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Adiciona no Steam ai galera: NickoBR
To afim de jogar online e sempre estão trancadas as salas!

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Me add ai na steam.

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Olá Pessoal...

Tudo bem?

Tenho um save online também..

Está muito bacana..

Jogamos de Segunda a Domingo sempre começando as 20:30h

Quem se interessar me adicione no stean ou no skyp: marinheirobrasil

abraços a todos

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Add ai na Steam galera, NetoPlay, estou afim de jogar um FM Online, vlw

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Add ai na Steam galera, NetoPlay, estou afim de jogar um FM Online, vlw

eaw miro, to em um save online junto com mais 7 pessoas... qualquer coisa add skype 1: marinheirobrasil

e skype 2: sherlockr17

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

SERVER SO OS MELHORES – JUNTE-SE A NÓS NO MELHOR JOGO ONLINE...

REGRAS

HORÁRIO DOS JOGOS: SEGUNDA A DOMINGO A PARTIR DE 20h30minh AS 23H00min, SENDO QUE SEXTA, SABADO E DOMINGO PODEREMOS ESTICAR ESSE HORÁRIO

REGRAS PARA O SERVER:

- O SERVER SERÁ CRIADO SEM USO DO EDITOR E COM A ULTIMA ATUALIZAÇÃO DO BRASIL UP

- TODOS OS JOGADORES AO ENTRAREM NO SERVER TERÃO QUE COMEÇAR TREINANDO UM TIME DO BRASIL INDEPENDENTEMENTE DA DIVISÃO.

- ZOAÇÃO ENTRE OS PARTICIPANTES SERÁ TOLERADO, SE VC NÃO GOSTA DE BRINCADEIRAS NÃO JOGUE...

- OS HORÁRIOS DOS JOGOS PODEM SOFRER ALTERÇÃO, MAS SEMPRE SERÃO AVISADOS COM ANTESCEDÊNCIA...

- JOGADOR QUE FICAR 3 DIAS SEM ENTRAR NO JOGO SERÁ EXCLUIDO DO SERVER....SE CASO PRECISAR FICAR DE FORA POR MAIS DE 3 DIAS COMUNICAR AO GRUPO...

- SE O JOGADOR FOR DEMITIDO, NÃO PODERÁ CRIAR OUTRO PERFIL....TERÁ QUE ESPERAR OUTRO TIME CHAMA-LO..

TEMPO USADO NO JOGO:

DE FEVEREIRO A DEZEMBRO – 1MIN

JANEIRO – 2MIN (PERIODO DE TRANSFRENCIAS)

ESCALAÇÃO PARA JOGO – 6 MIN

APÓS COMEÇAR A PARTIDA PODERÁ PAUSAR O JOGO DURANTE UM TEMPO DE ( 7 MIN)

- SÓ IREMOS INICIAR O SAVE QUANDOS TODOS ENTIVEREM PRESENTES PARA JOGAR AFIM DE NÃO PREJUDICAR NINGUEM NOS SEUS CLUBES....PODEREMOS INICIAR CASO O TREINADOR LIBERAR CONTINUAR ATÉ SUA CHEGADA

- CASO O TREINADOR NÃO POSSA JOGAR, O SERVER NÃO IRÁ AO AR NAQUELE DIA, MAS ISSO TEM QUE SER AVISADO EM ATÉ 3H HORAS ANTES DE COMEÇAR....

**EM CASO ESPECIAIS QUE NECESSITE DE MAIS TEMPO COMO NEGOCIAR CONTRATO COM ALGUM JOGADOR, CONTRATO COM SEU CLUBE, ENREVISTAS COM OUTROS CLUBES ETC FALA RAPIDAMENTE AO SKYP OU NO CHAT DO JOGO PARA QUE TODOS POSSAM PAUSAR.

PARA MAIS INFORMAÇÕES.

SKYP – MARINHEIROBRASIL

WATSAP – 31-96462498

steam: rudgebrasil

SERVER : SÓ OS MELHORES

SENHA : 555

0

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

  • Conteúdo Similar

    • Henrique M.
      Por Henrique M.

      Reflexões, ponderações e filosofias
      Antes de falar do save em si, queria aproveitar o espaço para fazer um desabafo. Parece que a cada novo FM que surge eu vou perdendo cada vez mais o contato que eu tinha com o jogo no passado, mas vejo alguns exemplos de pessoas na mesma faixa de idade, mesma faixa de afazeres ou até em faixa maiores, jogando e tendo a boa e velha conexão com o jogo. Não sei se posso culpar o jogo em si ou culpar o jogo com relação a mim. Poderia ser pessoal, mas recentemente venho me divertindo no Football Manager 2008 e poderia facilmente migrar para o Football Manager Touch, que foi minha grande empolgação com um save, tirando os playoffs de promoção com o Santarcangelo. Então acredito que o problema não é do jogo, nem da minha relação com o jogo. É do que eu quero ver acontecendo no jogo.
      Infelizmente eu escolhi um desafio que o jogo não estava disposto a aceitar nas minhas condições, era possível, mas eu precisava aceitar as condições que o jogo impunha e isso não era o suficiente, eu precisava de mais e não aguentava ver o resultado do que eu queria dentro de campo. Não ligo para derrotas, para os percalços, desde que eles ocorram com meu time atuando da maneira pela qual ele foi desenhado para atuar. Se eu me comprometo com a retranca, tenho que estar ciente do que ela causa, se eu me comprometo com o jogo ofensivo, tenho que estar ciente do que ele causa e assim por diante. A questão é que eu me comprometi com uma coisa diferente, que era o líbero, não era uma questão de tática, não era uma questão de estilo de jogo. Era uma questão de trazer uma função morta para o FM e fazê-la funcionar tanto defensivamente quanto ofensivamente, mas isso limitava meu estilo de jogo a ser puramente defensivo ou contra-ofensivo. E as equipes que tiveram grandes líberos ofensivos não jogavam exclusivamente assim e muitas poderiam ser descritas como equipes fluidas e ofensivas.
      Eu passei do estágio de querer ver um desafio impossível sendo feito por mim, passei do estágio de querer acumular títulos e fazer grandes saves em termos de troféus e vitórias. Tive um dos maiores prazeres no FM 2015 com uma equipe que ganhou 3 italianos em umas 15 temporadas, perdeu 2 vezes a Champions e até hoje sinto saudades desses momentos, pois ali eu não estava construindo a minha dinastia, ali eu estava construindo uma história em conjunto com um clube. Tinha aquele apego, tinha aquela paixão de transformar o mundo do futebol. E esse é um problema grande, não consigo fazer igual a maioria das pessoas e escolher um save simples, seguro e que seja factível de se encerrar. Eu quero o desafio de modificar a história, criar momentos que só o FM proporciona e isso acredito que vem dificultando o processo de jogar FM.
      Desafabo feito, hora de seguir adiante e tentar mais uma vez. Se falharmos, levantamos, sacudimos a poeira e tentamos de novo.
      Introdução
      No Football Manager 2014 eu tentei aquele desafio impossível, meu grande feito até hoje foi conquistar a Champions League com o Rangers da Escócia no FM 2012. Por isso, decidi apimentar as coisas e buscar o título da Champions League com outro clube britânico, só que dessa vez advindo da Irlanda. Foram lindas 12 temporadas com 10 títulos nacionais, 9 deles consecutivos e incontáveis títulos nas copas domésticas, transformando o Shamrock Rovers no maior vencedor de todas as competições irlandesas. Em nível continental, realizamos o feito que o Dundalk realizou nessa temporada, ao se tornar o primeiro clube irlandês a participar de uma fase de grupos de uma competição europeia e fomos além, chegamos até as oitavas-de-final da Champions em uma ocasião e participamos por 3 ou 4 vezes do mata-mata da Liga Europa. Porém, apesar de nunca sequer estar perto de alcançar o único objetivo do save, transformei o Shamrock Rovers, mas isso não foi o suficiente para alavancar o futebol irlandês e sem a alavancagem do futebol irlandês seria impossível chegar até o objetivo do save. Eu me frustrei com isso, encerrei o save, depois me arrependi, mas a decisão já estava feita. Contudo, nesse save desenvolvi jogadores, criei ícones e lendas do clube, inclusive consegui segurar uma gigante promessa irlandesa por mais de 10 temporadas na equipe, fazendo com que um jogador da base se tornasse um importante jogador da história da equipe. E eram essas pequenas coisas que seguravam o save, mas infelizmente, ele estaria fadado a nunca dar certo da maneira que eu gostaria.
      Por isso, no ano passado, o ggpofm traduziu e adaptou um texto sobre como tornar uma liga competitiva e eu decidi que era hora de tentar realizar o impossível novamente, porém eu incuti no erro de começar o jogo no FM 2014 e comparar as duas histórias e é óbvio que isso deu errado, pois eu me frustrava com o que ocorria e olhava e comparava com o que havia sido feito e me perguntava o que estava acontecendo e o que estava sendo feito de errado, até o ponto em que eu comecei a tentar emular as decisões do passado. Isso ruiu a tentativa.
      É hora de aprender com o passado e recomeçar um desafio diferente que é transformar uma liga com um desafio do passado, a busca do impossível. Sinceramente, espero que seja esse o combustível necessário, pois o fato de querer continuar participando ativamente da área me fez retornar rapidamente com uma história. Quando não estou contando um save, a atenção que dou a área é totalmente diferente e sinceramente, como é uma área que pulsa numa vibração interessante e revigorante, acho injusto comigo mesmo não estar aqui, mesmo que o preço seja mais uma história inacabada.
      Objetivo
      Conquistar a Champions League com o Shamrock Rovers Regras do save
      Se o jogador não serve mais para o Shamrock Rovers, a prioridade é repassá-lo para uma equipe irlandesa, mesmo que isso signifique aceitar uma oferta menor ou perder o jogador de graça. Não contratar destaques de outras equipes irlandesas. Buscar repatriar jogadores irlandeses de ligas estrangeiras. Buscar contratar jovens promessas de equipes irlandesas, com o propósito de acelerar a evolução do mesmo. Buscar antecipar a concorrência externa pelos principais jogadores da liga, evitando que jogadores de bom nível ou alto potencial saiam do país. (A única condição que permite contratar um jogador adversário que seja importante para o clube) Caso alguma nova necessidade vá surgindo, irei informar num post e adicionar aqui Histórico
      2017 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado na 1ª rodada qualificatória da Europa League
      2018 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado no Playoff dos campeões da Champions League, 4º lugar no Grupo K da Europa League
      2019 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Cup, 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2020 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, eliminado na 3ª Qualificatória da Champions League e nos Playoffs da Europa League
      2021 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup e 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2022 - 1º lugar na Airtricity Premier, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º colocado no Grupo H da Champions League
    • ggpofm
      Por ggpofm

       
      O "Princípio 323": como distribuir tarefas por um time
      Por ggpofm

      O Football Manager (FM) é um jogo envolvente. A possibilidade de atuar como um treinador que comanda e/ou influencia várias áreas de um clube é cativante, mas sabemos que muitos dos que estão dando os primeiros passos no FM se sentem um pouco perdidos em vários aspectos do jogo, inclusive naquele momento de colocar o time em campo.
      Para tentar ajudar quem é iniciante no FM, resolvi contribuir com um texto sobre a distribuição de tarefas na formação tática um time. Espero que as ideias que serão apresentadas possam ajudá-lo de alguma forma, mas tenha em mente que elas não são uma receita de bolo e nem a solução para todos os seus problemas. É fundamental a leitura de outros textos que abordam outros aspectos do jogo e também a compreensão de que o jogo simula o futebol e como tal, muitos acontecimentos em campo ocorrem de forma ocasional.
      Desde o FM 2010, a Sports Interactive (SI) introduziu o “Criador de Táticas” com objetivo de facilitar o trabalho de quem vai controlar um time. Com ele é possível organizar de forma intuitiva como um time se estruturará taticamente para as partidas. Mesmo assim, um dos aspectos do “Criador de Táticas” que podem gerar confusão para quem está dando os primeiros passos no mundo do FM é a definição das tarefas dos jogadores.

      As tarefas no FM
      No FM há seis opções de tarefas: defesa, apoio (suporte), ataque, cobertura, bloqueio e automática. Para algumas funções existe apenas uma tarefa, como por exemplo, o Primeiro Volante, que possui somente a tarefa defender. Para outras existem quatro tarefas, como por exemplo a função de Meia Central, com as tarefas de defesa, apoio, ataque e automática. Enfim, para cada posição em campo é possível escolher algumas funções e cada uma delas possui um número de tarefas pré-definidas pelo FM.
      Escolher bem as tarefas de um time permitirá que ele se torne equilibrado em campo, mantendo seus três setores (defesa, meio-campo e ataque) conectados, facilitando que os jogadores desenvolvam o modelo de jogo pretendido.
      Para o que nos interessa precisamos apenas nos concentrar nas tarefas básicas do FM: as tarefas de defesa, apoio e ataque. O motivo para isso é que as tarefas de bloqueio e cobertura são na realidade adaptações da tarefa defender, enquanto a tarefa automática reúne as três tarefas fundamentais (defesa, apoio, ataque) em uma só. Os mais experientes fazem uso da tarefa automática de forma precisa, mas para quem está iniciando eu acredito que é mais educativo controlar as tarefas que cada jogador executa em campo em determinado momento de uma partida, do que deixar que a inteligência artificial do jogo controle isso por conta própria.
       
      O que é o “Princípio 323”
      E como essas três tarefas devem ser distribuídas por um time? Quantas tarefas de defesa um time precisa ter? E quantas de apoio e ataque? Todos os jogadores de defesa devem ter tarefas de defesa e os jogadores de ataque devem ter tarefas de ataque?
      As respostas para essas e outras questões estão no que eu batizei de “Princípio 323”. A primeira vez que eu vi essa ideia apresentada de forma clara foi no “Tactical Theorems and Frameworks 09” (TT&F 09), dos idealizadores do “Criador de Táticas”, Richard Claydon (wwfan) e Gareth Millward (Millie).
      Todo time deve ter jogadores que foquem seu jogo intensivamente na defesa (tarefa defender), jogadores que foquem seu jogo intensivamente no ataque (tarefa atacar) e aqueles que jogam de forma mais equilibrada nas duas tarefas (tarefa apoiar). Para os autores do TT&F 09, para um time alcançar o equilíbrio tático é preciso que entre os 10 jogadores de campo exista o mínimo de três jogadores com tarefa defender, dois jogadores com tarefa apoiar e três jogadores com tarefa atacar.
      Sendo assim, quando se distribui as tarefas seguindo o “Princípio 323” entre os 10 jogadores de campo de um time, oito terão que estar distribuídos como a forma enunciada acima, enquanto a tarefa dos outros dois jogadores que sobraram serão designadas de acordo com a postura que for adotada em um determinado momento da partida.
      A partir desse princípio, os desdobramentos são lógicos. De forma geral, se em algum momento da partida o objetivo é atacar serão necessários mais jogadores com tarefas ofensivas e se em outro pretende-se defender, haverá necessidade de mais jogadores com tarefas defensivas. A conclusão para uma proposta defensiva, uma equilibrada (neutra) e uma ofensiva, a distribuição de tarefas entre os 10 jogadores de campo será a seguinte:
        Postura defensiva: cinco com tarefa defender, dois com tarefa apoiar e três com tarefa atacar;
      Postura equilibrada: três com tarefa defender, quatro com tarefa apoiar e três com tarefa atacar;
      Postura ofensiva: três com tarefa defender, dois com tarefa apoiar e cinco com tarefa atacar.
        Observe que em todas as três propostas acima sempre existe o mínimo proposto pelo “Princípio 323”, ou seja, três jogadores com tarefa defender, dois de apoio e três com tarefa atacar.
      Espero que não, mas alguém pode imaginar que as tarefas de defesa devem ser dadas aos defensores, as tarefas de apoio aos meio-campistas e as tarefas de ataque aos atacantes. Nada mais equivocado!
      Para um time alcançar o equilíbrio tático, evitando-se que a defesa, o meio-campo e o ataque fiquem desconectados, é preciso misturar as tarefas pelos três setores de um time para que exista movimento entre eles. Por isso, não basta saber a quantidade de tarefas necessárias em um time. É importantíssimo saber distribuí-las pelos três setores do time.
       
      “O Princípio 323” na prática
      Não tenho a intenção de apresentar imagens de várias formações táticas e sugestões de distribuição de tarefas porque não é meu desejo transformar o “Princípio 323” em algo a ser seguido às cegas e sem nenhuma reflexão por parte de quem irá usá-lo. Se pelo “Princípio 323” tenho um modelo a ser seguido que “exige” o mínimo de três jogadores com tarefa de defesa, três de apoio e três com tarefas de ataque, espero que ao distribuir as tarefas pelos setores de um time, você pare, pense e consiga distribuí-las de forma racional, lembrando-se que durante os 90 minutos de partida existem vários momentos diferentes e que, talvez, em cada um deles seu time precise de uma distribuição de tarefas diferente para conseguir jogar de forma equilibrada.
      Mesmo assim, vou apresentar um exemplo simples com uma formação que já foi muito usada no FM, o 4-4-2 inglês. Como você deve saber, essa formação tática utiliza os três setores em linha (quatro defensores, quatro meio-campistas e dois atacantes).


      Como toda e qualquer formação tática, ela só funcionará bem se conexões foram criadas entre os setores e por isso, o 4-4-2 inglês precisa de defensores que se aproximem do meio-campo ou que o ultrapasse, de meio-campistas que ajudem a defesa, de meio-campistas que ajudem o ataque e atacantes que ajudem o meio-campo.
      Seguindo as diretrizes do “Princípio 323” uma das maneiras possíveis de distribuir as tarefas do 4-4-2 inglês é a seguinte:

      Como é possível ver acima, existem três jogadores com tarefas defensivas (dois zagueiros e um meio-campista central), dois com tarefas de apoio (um meio-campista central e um atacante) e três com tarefas de ataque (um atacante e dois meio-campistas laterais). Também existem os dois laterais para os quais as tarefas não foram definidas.
      Determinadas escolhas parecem óbvias, mas outras nem tanto. O meio-campo é sempre problemático porque ele precisa executar várias atividades simultâneas. Ele é o setor que conecta a defesa e o ataque, mas também precisa proteger a defesa e se aproximar do ataque para não deixá-lo isolado. Por isso é comum que se tenha as três tarefas distribuídas por ele.

      Como é possível ver na imagem, existe um meia-central com tarefa defender que será o jogador mais recuado do meio-campo e que auxiliará na proteção da defesa, dois meio-campistas laterais que procurarão chegar ao ataque e um meia-central com tarefa de apoio que ajudará na ligação defesa e ataque.
      No ataque, há outro jogador com uma tarefa que não parece óbvia, o atacante com tarefa apoiar.

      Ele é responsável por impedir que o ataque se desconecte do restante da equipe, por isso ao receber a tarefa de apoio ele fica mais recuado. É um tarefa parecida com a do meia-central com tarefa defender que é o responsável por impedir que o meio-campo se desconecte da defesa.
      Observe que as ideias apresentadas no “Princípio 323” estão presentes no 4-4-2 inglês apresentado. O mínimo exigido pelo “Princípio” foi respeitado e as tarefas foram distribuídas entre os três setores do time garantindo que eles fiquem conectados e que exista movimento entre os jogadores desses setores.
      Ainda restam dois jogadores que fazem parte de um tipo de reserva: os dois laterais. Eles se adaptam dependendo do que se queira em determinado momento de uma partida.
      Se a ideia é que a defesa fique postada e resista à pressão do adversário, os laterais serão colocados com tarefa defender.


      Se quiser que os laterais vão à frente em busca de criar sobreposições e superioridade numérica no campo ofensivo, eles devem ser colocá-los com tarefa atacar.

      E se o objetivo é que eles subam ao ataque, mas de forma paciente, sem se descuidar da defesa, os laterais devem ter tarefas de apoio.


       
      As variações no “Princípio 323”
      Com esse exemplo do 4-4-2 inglês não quero dizer que outras combinações de tarefas não são possíveis. Isso depende do elenco de que se dispõe e também do modelo de jogo que se pretende jogar.
      Por usar há vários anos o “Princípio 323”, consigo manejá-lo com maior flexibilidade, inclusive “desrespeitando-o” algumas vezes, como por exemplo, ao usar apenas dois jogadores com tarefa de ataque em vez do mínimo de três que o princípio pede.
      Outros autores também sugerem combinações diferentes. Por exemplo, The Hand of God sugere no artigo “The Mentality Ladder: A Practical Framework for Understanding Fluidity and Duty” três jogadores com tarefa defender, dois com tarefa apoiar e três com tarefa atacar. Já o Llama3 em seu artigo “Pairs and Combination: The Complete Guide” sugere como regra que um time tenha três jogadores com tarefa defender, quatro com tarefa apoiar e três com tarefa atacar.
      A minha sugestão para quem está começando é que o ideal é seguir as ideias aqui expostas à risca e só quando a compreensão sobre como funcionam as dezenas de variáveis do FM se tornar maior, que se flexibilize o “Princípio 323”.
      Agora é com você. Boa diversão!
       
      Download da 1ª parte em pdf
      Download da 2ª parte em pdf
    • rsm_rlb
      Por rsm_rlb
      Montei uma base excelente, a pergunta é, como acho um bom treinador? Fui assistir a umas partidas da base e reparei que o meu treinador sub-20 tá usando jogadores fora de posição, sendo que ele tem jogadores para suprir tal função. 
    • VINÍCIUS cAELOS
      Por VINÍCIUS cAELOS
      Pessoal, tenho uma dúvida simples. Pars jogar uma atualização mais recente, no caso a 17.3 tenho que iniciar um novo sabe ou posso jogar o meu que está na 17.2.1 sem problemas?
      Obrigado desde já
    • Yancesar
      Por Yancesar
      Galera, ajudem aqui namoral.
      Eu ja estou em 2020, e o meu save nunca deu nada de errado. Meu jogo é original, e agora eu não consigo mais salvar.
      Como proceder? Tenho a impressão que nao conseguirei reabrir o save tambem.
      Valeu a quem puder ajudar, sagalera!