Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Henrique M.

Uma só Nação - Uma nova era para o Hoops [19/02]

Recommended Posts

LC

Se não fosse o Shamrock  a Liga Irlandesa estava muito abaixo. Vamos ver se consegue chegar até o top 3.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
Em 26/12/2018 at 23:04, Tsuru disse:

Muito legal ver a liga irlandesa entre as 10 maiores da Europa.

Passou bem pelo Rapid Viena e de fato o Arsenal não era o adversário mais complicado. Acho que avança.

Sim, não achei que isso ocorreria.

Fizemos valer nossa melhor qualidade, agora é tentar surpreender os Gunners.

Em 27/12/2018 at 16:48, ggpofm disse:

Parabéns pelo feito com a liga irlandesa. O Shamrock é uma locomotiva puxando os vagões. Se não fosse ele...

Triste em ver o Conor Wilson deixar o clube, mas ele quis respirar novos area e foi melhor mesmo respeitá-lo.

Uma pena a eliminação na UCL e o pegar o Arsenal depois de ter passado pelo Rapid.

Se não for pedir demais, lembro que você fez uma mudança na filosofia durante o save na ideia que tinha para fortalecer a liga irlandes. É possivel, de forma bem resumida explicar como ela era e qual mudança você fez? 

Pois é, quem sabe uma hora os vagões encaixam e ajudam a locomotiva a ir mais longe?

Eu ainda venho seguindo todas as diretrizes que coloquei no começo, entretanto, quando decidi transformar o clube em um hub de jovens promessas, a oferta de jogadores para as outras equipes irlandeses diminuiu consideravelmente, já que venho pagando salários mais altos e muitos sequer tentam contratar meus jogadores mais, só os da base. Eu pretendo fazer uma nova reformulação na forma como gerencio as transferências, mas mais porque essa coisa de ficar perseguindo todas as jovens promessas possíveis para o clube acaba não sendo realmente um planejamento a longo prazo.

Em 27/12/2018 at 18:19, PedroJr14 disse:

Como disse acima o ggpofm, o Shamrock é uma locomotiva puxando vagões e são vagões bem pesados. Mesmo com a equipe já sendo figurinha carimbada nas competições europeias há várias temporadas, inclusive em suas fases mais agudas, só agora a APL apareceu entre as 10 maiores ligas da Europa. Acredito que vá subir ainda mais a medida que o Shamrock continue crescendo. Sucesso!

 

Cara, tu nunca pensou em criar uma espécie de Pelé irlandês? (KKKKKK) com a força do Shamrock na liga nacional, se tu conseguisse revelar um atacante com muito potencial e colocasse ele pra jogar em todas as competições, acredito que seria possível alcançar os 1000 gols, ia ser um baita feito, digno de ser comparado com Ivica Strok, o maior jogador de futebol de todos os tempos.

Mas num mundo real, duvido muito que os feitos do Shamrock Rovers por si só levassem a APL até as maiores ligas do continente. Eu já acredito que por enquanto, esse é o teto, a não ser que comecemos a chegar frequentemente em quartas e semi de UCL.

Eu provavelmente já tive algum atacante com potencial enorme, mas as outras equipes não deixam ele ficar aqui por muito tempo. O mais perto que eu possa ter chegado de um Strok seja o próprio Conor Wilson, entretanto, como aplico times A e B, a quantidade de gols nunca chegaria próximo da relevância de 1000 gols.

21 horas atrás, Danut disse:

Tive que rir da história do Damien King, ao imaginar os caras pedindo um amistoso pra liberar o jogador e o outro lado dizendo "sério? Toma aí um milhão, que não me faz diferença mesmo". Aliás, sabe qual o valor do clube deles antes da venda?

Uma dúvida que já tenho a algum tempo: tu tem sido bem rígido nessa história de time A e time B, né? E como fica quando alguém se machuca no time A? a) O cara do time B joga as partidas de ambas equipes, b) o cara do time B joga pelo time A, mas outro jogador (do time reserva) assume o lugar dele no time B, c) outro jogador (do time reserva) assume o lugar no time A, d) nenhuma das anteriores (explique).

Ótima notícia ver a liga entrar no top10, mesmo que os outros clubes irlandeses não estejam ajudando.

Eu também ri quando eles fizeram a contra-proposta, e eu já deixei de trazer outros jogadores irlandeses por não achar que a compensação paga valia o prejuízo que estava dando aos clubes. Espero que o Shelbourne use o dinheiro conscientemente.

Sim, tenho. Normalmente o cara do time B joga pelo Time A e outro jogador assume a posição dele no time B.

Concordo, até achei que não seria possível chegar lá sem a ajuda deles.

5 horas atrás, LC disse:

Se não fosse o Shamrock  a Liga Irlandesa estava muito abaixo. Vamos ver se consegue chegar até o top 3.

Aí eu já acho que não vai rolar.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
marciof89

Uma pena essas quedas de reputação em geral, mas a subida para décimo como campeonato mais importante acaba até se sobressaindo. Está atrás apenas das ligas tradicionais do velho continente, um feito histórico. E isso tudo é apenas por conta do Shamrock, que vai mandando brasa em tudo.

Espero que vença a UEL para poder dar uma amenizada nos estragos. Mas passar pelo Arsenal vai ser difícil. vai ter que entrar na ponta dos cascos. Gostei da eliminação na Copa do Presidente hahahah

Boa sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
thyagocda

Sair da 66ª posição para o Top10 é realmente impressionante. Meus Parabéns pelo grande feito.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
14 horas atrás, marciof89 disse:

Uma pena essas quedas de reputação em geral, mas a subida para décimo como campeonato mais importante acaba até se sobressaindo. Está atrás apenas das ligas tradicionais do velho continente, um feito histórico. E isso tudo é apenas por conta do Shamrock, que vai mandando brasa em tudo.

Espero que vença a UEL para poder dar uma amenizada nos estragos. Mas passar pelo Arsenal vai ser difícil. vai ter que entrar na ponta dos cascos. Gostei da eliminação na Copa do Presidente hahahah

Boa sorte!

O Shamrock Rovers deve ter alcançado um patamar que o próprio jogo não espera que ocorra, então, é normal que as coisas tendam a equilibrar depois daquela temporada maravilhosa e voltar para um estágio mais aceitável para o universo do save.

Vamos ver, é complicado, pois aquele time se construiu bem ao longo do mata-mata, esse não sei se está nesse nível ainda. Ainda mais que o adversário é complicado, qualquer vacilo e já era.

Se essa eliminação significasse uma temporada difícil e disputada, eu também ficaria feliz.

13 horas atrás, thyagocda disse:

Sair da 66ª posição para o Top10 é realmente impressionante. Meus Parabéns pelo grande feito.

Valeu, thyago, e o pior é que eu realmente achei que não ia conseguir sozinho.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Johann Duwe

Levar a Airticity ao patamar das melhores ligas europeias é um feito louvável, ainda mais considerando que as outras equipes locais não conseguem ter bons desempenhos em competições continentais.

Para manter essa posição, somente as boas campanhas do Shamrock bastam ou os demais times precisam melhorar?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
baltazar

Rapaz, desde a última vez que comentei o clube como sempre evoluiu bastante, várias contratações e muitas mudanças, sendo 3 delas bem grandes, novo estádio, novo presidente e até mesmo o fim da carreira do Wilson no clube, o que é uma pena, ver uma lenda deixar o clube, mas faz parte.

Enfim, achei que o clube se candidataria a tentar algo grande na UCL, mas estava enganado e pelo visto é no máximo favorito para aprontar algo na UEL mesmo, enfim, importante é continuar avançando nela o máximo que der para ajudar não so o time a evoluir, como a própria liga, que graças a você entrou no top10 de reputação da europa, o que é bem bacana, e ao contrário do que vc pensa, acredito que atingirá 3 estrelas e meia quando ganhar a UCL, o que deve demorar ainda pelo visto, enquanto que para chegar nas 4 estrelas e quem sabe no top 5 de reputação no mundo, ai sim será necessário uma boa ajuda dos outros clubes do país. 

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
6 horas atrás, baltazar disse:

Rapaz, desde a última vez que comentei o clube como sempre evoluiu bastante, várias contratações e muitas mudanças, sendo 3 delas bem grandes, novo estádio, novo presidente e até mesmo o fim da carreira do Wilson no clube, o que é uma pena, ver uma lenda deixar o clube, mas faz parte.

Enfim, achei que o clube se candidataria a tentar algo grande na UCL, mas estava enganado e pelo visto é no máximo favorito para aprontar algo na UEL mesmo, enfim, importante é continuar avançando nela o máximo que der para ajudar não so o time a evoluir, como a própria liga, que graças a você entrou no top10 de reputação da europa, o que é bem bacana, e ao contrário do que vc pensa, acredito que atingirá 3 estrelas e meia quando ganhar a UCL, o que deve demorar ainda pelo visto, enquanto que para chegar nas 4 estrelas e quem sabe no top 5 de reputação no mundo, ai sim será necessário uma boa ajuda dos outros clubes do país. 

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Sim, faz parte, quanto ao resto, o importante é não estagnar.

É complicado, talvez se a geração que ganhou a UEL ficasse por mais umas duas temporadas, fosse possível. Mas anda complicado segurar jogador por aqui, eles são todos promessas de grande qualidade e os clubes de maior reputação vem voando em cima. Quando dá para resistir, eu resisto, mas nem sempre é possível.

E é pensando nessa falta de progressão da equipe, que eu estou bolando um novo planejamento de contratações.

Bem, se sua previsão estiver correta, ainda vai demorar um tempo para ganharmos a UCL. hahaha

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.

rovers.png

20 anos de Danny Green

UEFA Europa League, Airtricity Premier League e Copas Irlandesas

Começamos a temporada com a classificação para as oitavas-de-final da Europa League, mas antes de enfrentar o Arsenal, havia dois compromissos na Irlanda. Vencemos o derby de Dublin, que abria a temporada e depois passamos fácil pelo Shelbourne para continuar na EA Sports Cup. Os Gunners vieram nos visitar para a primeira partida dos nossos compromissos e o Arsenal fez valer seu futebol na primeira etapa, abrindo dois gols de diferença. Não posso reclamar muito, porque não foi uma questão de equilíbrio e azar, eles realmente dominaram a etapa. Na volta, conseguimos um gol logo no começo e isso ajudou a trazer o domínio da partida para o nosso lado, entretanto, os londrinos se defenderam muito bem e não deram muita chance para o azar. Teríamos que buscar uma vitória heroica em Londres se quiséssemos seguir adiante.

Tivemos um confronto contra uma equipe sem divisão pela Leinster Senior Cup, e Mitch Bramley nos salvou na bacia das almas de uma complicação ou vexame. Depois, viajamos para Londres, em busca de uma vitória que nos levasse adiante. O Arsenal que enfrentamos em Dublin não deu as caras, provavelmente pelo interino estar jogando com cautela, e acabamos vendo um confronto similar a segunda etapa do jogo no Tallaght. A postura do Arsenal nos ajudaria em uma eventual luta pela classificação, mas os ingleses se defenderam bem. Conseguiram amarrar o jogo, mas se assustaram quando Mitch Bramley abriu o placar na segunda etapa. Tentamos o segundo gol de qualquer maneira, mas os Gunners amarraram o jogo de maneira esplêndida e fizeram valer o regulamento. Apesar da não classificação, fiquei orgulhoso da equipe, fomos, lutamos e quase surpreendemos.

Depois disso, passamos a ter só preocupações domésticas e a gente sabe o que aconteceu quando o Shamrock Rovers não tem que dividir suas atenções com a Europa. Tirando um susto contra o Shelbourne pós-eliminação e duas partidas em que a retranca prevaleceu, não tivemos muito trabalho para fazer o que fazemos de melhorar, dominar a Irlanda.

Shamrock-Rovers-FC_-Calendario-do-Princi
v Arsenal (C) | v Arsenal (F) | v Shelbourne (F) | v Derry City (F)

Airtricity Premier League

Se olharmos a tabela, existe a esperança de que possa existir competição nessa temporada. Mas a defesa do Shamrock Rovers está em um estado surreal e sofreu apenas um gol, no empate contra o Shelbourne. O ataque não tem nada de especial, mas faz o suficiente para vencermos as partidas. Contudo, sabemos que defesas ganham campeonatos e a solidez atual indica mais uma tempora tranquila para o clube.

Danny-Green_-Inicioad944ab6eb074c8c.png
Tabela Completa | Estatísticas gerais e individuais da Airtricity Premier League

Notícias, informações e estatísticas do Shamrock Rovers

9lWzaKk.jpg

Convocação de março

A convocação desse mês não traz muitas surpresas, mas marcou o retorno de Enrico Fenocchio (não aparece na imagem) à seleção italiana. E também foi a primeira vez que Andy O'Connor marcou um gol com a camisa da seleção irlandesa. Com a chegada de Conor Molloy e Damien King, provavelmente serão esses os jogadores que ingressaram na seleção irlandesa advindos do clube, além de uma maior presença para Shane Murphy, ao longo do tempo.

Danny-Green_-Inboxd1660b15cad4ddd3.png

Uma análise de 20 anos de Danny Green

Danny Green completou 20 anos a frente do clube (e eu até consegui aquela conquista de Lenda do Clube no FM 2017 por ficar 20 anos no mesmo clube) e pensando nisso, gostaria de fazer uma retrospectiva da passagem do treinador pelo Shamrock Rovers.

Em termos de Shamrock Rovers, o clube passou de 17 títulos irlandeses para 36. Passou de 24 FAI Ford Cup para 36. Passou de 2 EA Sports Cup para 10. Passou de 18 Leinster Senior Cup para 29. Além é claro de adicionar duas glórias europeias, a UEFA Europa League e a Super Copa da UEFA. Isso sem contar o aumento da presença de jogadores irlandeses na seleção local, seja advindo do clube, ou como mais recentemente, de outros clubes da liga. A presença de jogadores do clube na seleção deu uma diminuída desde que as prioridades de contratação mudaram, mas somos presença constante em qualquer convocatória.

A equipe passou de um valor estimado de 2,2 milhões de euros para 187 milhões, além é de ter se tornado uma das equipes mais valiosas da Europa. Em termos de reputação, passou de 2 estrelas para 4, dobrando o seu tamanho e figurando entre as equipes de maior reputação do velho continente. Isso sem contar o coeficiente da equipe nas competições europeias e o impacto geral que essa competitividade continental trouxe para o futebol irlandês, mas iremos abordar isso daqui a pouco.

A Airtricity Premier League passou da 66ª posição para o 9º lugar, deve cair umas posições, mas ficar oscilando entre o 9º e o 15º lugar, de acordo com as campanhas europeias. Ou seja, a liga irlandesa se tornou uma das maiores do continente, graças ao clube.

Em termos de coeficientes, a Irlanda estava em 41º lugar quando começamos essa jornada. O país possuía uma vaga na 2ª Fase Qualificatória da rota dos campeões da Champions League e 3 vagas na Primeira Fase de Qualificação da Europa League. Hoje a Irlanda tem o 9º maior coeficiente, 2 vagas na Champions League (1 na fase de grupos e outra na 3ª Fase de Qualificação na rota dos melhores classificados das ligas europeias. Na Europa League, mantemos as 3 vagas, mas temos um clube entrando diretamente na Fase de Grupos e 2 entrando na 3ª Fase de Qualificação.

Os clubes irlandeses ainda não são de grande ajuda na manutenção do coeficiente europeu, mas se conseguirmos manter as posições (até a 12ª posição nos coeficientes) que garantem uma equipe sempre na fase de grupos da Europa League, mais cedo ou mais tarde, poderemos analisar melhor os impactos para os clubes locais, e se eles vão ser capazes de evoluir.

No mais, um Feliz 2019 a todos, e que vocês joguem muito FM novo ano.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
baltazar

Nacionalmente continua sobrando, agora na UEL deu azar com o regulamento em, ficou por 1 gol apenas, mas tudo bem, o clube tem crescido, espero que continue assim e chegue mais longe, até pq o coeficiente do país tá caindo e logo pode perder vagas, já que os outros clubes n tem feito muito pra ajudar ainda.

Enfim, vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Master Darthz

Já vinha lendo o save aos poucos, e finalmente atualizei. Excelente trabalho Henrique, 20 épocas é muita coisa, e tornar a liga irlandesa numa das mais importantes da Europa é um grande feito. Força na continuação.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
marciof89

Primeiramente, parabéns pelas 20 temporadas, um feito e tanto.

Segundo, a eliminação para o Arsenal foi um duro golpe pois a classificação ficou bem próxima, mas faz parte. Eles tiveram mais sorte do que competência no fim das contas e isso é uma boa coisa. Próxima temporada você pode tentar beliscar de novo esse bolo hahahaha

No mais, provavelmente vai sobrar no país, mas é sempre bom ver uma defesa sólida como essa. Boa sorte na sequência!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
rofas

Cara parabéns muito empolgante esse seu save, o que vou escrever parece até heresia mas nunca pensou em trocar de clube na tentativa de fazer outra agremiação crescer e consequentemente melhorar mais ainda o nível do futebol irlandês?

Parabéns e continue esse caminho para ser uma lenda do futebol.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Tsuru

Danny Green é o Alex Ferguson da Irlanda, 20 anos num clube não é para qualquer um. 

Uma pena a eliminação para o Arsenal, a equipe jogou bem mas não deu. Temporada que vem tem mais.

E a defesa está surreal mesmo, sofrer apenas um gol é um feito e tanto.

Boa sorte na continuação!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
Em 31/12/2018 at 23:59, baltazar disse:

Nacionalmente continua sobrando, agora na UEL deu azar com o regulamento em, ficou por 1 gol apenas, mas tudo bem, o clube tem crescido, espero que continue assim e chegue mais longe, até pq o coeficiente do país tá caindo e logo pode perder vagas, já que os outros clubes n tem feito muito pra ajudar ainda.

Enfim, vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Não dei azar com o regulamento, não jogamos bem em casa e o Arsenal mereceu vencer, assim como nós merecemos vencer na Inglaterra. O ideal seria uma prorrogação, mas se o regulamento dá essa vantagem para o Arsenal, não podemos fazer nada. Já eliminamos algumas grandes equipes baseado nessa regra.

O coeficiente do país oscila com as campanhas do Shamrock Rovers, precisamos ser mais consistentes.

Em 01/01/2019 at 01:18, Master Darthz disse:

Já vinha lendo o save aos poucos, e finalmente atualizei. Excelente trabalho Henrique, 20 épocas é muita coisa, e tornar a liga irlandesa numa das mais importantes da Europa é um grande feito. Força na continuação.

Valeu, Darthz. Obrigado pela paciência em ler tanto tempo de atualização.

Em 02/01/2019 at 02:08, marciof89 disse:

Primeiramente, parabéns pelas 20 temporadas, um feito e tanto.

Segundo, a eliminação para o Arsenal foi um duro golpe pois a classificação ficou bem próxima, mas faz parte. Eles tiveram mais sorte do que competência no fim das contas e isso é uma boa coisa. Próxima temporada você pode tentar beliscar de novo esse bolo hahahaha

No mais, provavelmente vai sobrar no país, mas é sempre bom ver uma defesa sólida como essa. Boa sorte na sequência!

Acho que é a segunda vez que conquisto essa conquista dos 20 anos no FM.

Como disse para o baltazar, cada um mereceu vencer um jogo, se o regulamento dá a vantagem para o Arsenal, nos resta aceitar e preparar para não vacilar em casa. Espero que na próxima temporada estejamos no bolo da Champions League.

Sim, o que é triste.

Em 03/01/2019 at 22:33, rofas disse:

Cara parabéns muito empolgante esse seu save, o que vou escrever parece até heresia mas nunca pensou em trocar de clube na tentativa de fazer outra agremiação crescer e consequentemente melhorar mais ainda o nível do futebol irlandês?

Parabéns e continue esse caminho para ser uma lenda do futebol.

Não, apesar de fortalecer a liga irlandesa ser parte do meus planos, o save é com o Shamrock Rovers. Já me perguntaram isso antes e a resposta é sempre a mesma. hahaha

Em 04/01/2019 at 00:23, Tsuru disse:

Danny Green é o Alex Ferguson da Irlanda, 20 anos num clube não é para qualquer um. 

Uma pena a eliminação para o Arsenal, a equipe jogou bem mas não deu. Temporada que vem tem mais.

E a defesa está surreal mesmo, sofrer apenas um gol é um feito e tanto.

Boa sorte na continuação!

Do Shamrock Rovers, mas ainda faltam mais 6 temporadas para chegarmos nele.

O importante é sempre estar sendo capaz de competir com esses clubes de igual para igual, mesmo perdendo aqui e acolá, demonstra que não devemos nada a ninguém.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.

rovers.png

Um campeonato que ainda está aberto

Com a presença do Shamrock Rovers diretamente na fase de grupos da Champions League, essa parte da temporada ficou bem menos atribulada em termos de calendário. Entretanto, a equipe vive uma dicotomia em sua performance na Liga e nas Copas. E depois de algum tempo, chegamos nessa altura da temporada com o um campeonato que ainda está aberto.

Airtricity Premier League e Copas Irlandesas

O Hoops teve um primeiro turno muito bom, mantendo a invencibilidade nos primeiros 11 jogos. Pelo segundo turno, isso tornou a se repetir, mas a equipe empatou um pouco mais e também sofreu mais gols. Entretanto, a grande surpresa dessa temporada foi que a equipe não se deu bem em nenhuma das Copas secundárias. Na final da Leinster Senior Cup, o Dundalk anulou a equipe e fez uma brilhante atuação para conquistar o seu segundo título consecutivo na competição. Na EA Sports Cup, o Sligo Rovers fez um primeiro tempo para lá de perfeito e aguentou a pressão do Shamrock Rovers no segundo tempo. Quase conseguimos empatar e levar para a prorrogação, mas o Bit O'Red mereceu a passagem até as finais.

23XdphM.png
v Derry City (C) | v Dundalk (F) | v Cork City (F) | v Dundalk (F) | v Sligo Rovers (F) | v Waterford United (F)

Airtricity Premier League

A equipe mantém uma defesa sólida, mas a melhor defesa do primeiro turno tomou quatro gols e se igualou com a defesa do título invicto. A equipe vai vencendo seus jogos, inclusive se safou da derrota com gols nos últimos minutos algumas vezes. Entretanto, o ataque atual se mostra dentro dos parâmetros da divisão e não é nada de outro mundo. Com o Cork City correndo atrás, veremos como as duas equipes lidaram com a disputa quando os jogos europeus apertarem o calendário irlandês. Não acredito que teremos uma grande disputa, mas já seria uma evolução ser campeão depois da 30ª rodada pela primeira vez em muito tempo.

RyWaZUY.png
Tabela Completa | Estatísticas Gerais e Individuais da Airtricity Premier League

Notícias, informações e estatísticas do Shamrock Rovers

9lWzaKk.jpg

Saídas

Eu costumo fazer mais jogo duro do que fiz nessa janela de transferências. Porém, como irei fazer modificações no gerenciamento e construção do elenco do Hoops para o próximo ano, resolvi facilitar a vida de quem não quer estar aqui e tem substitutos internos. Falando assim, parece que saiu uma grande leva de jogadores, entretanto, de jogadores importantes, apenas dois saíram: Mitch Bramley e Paul Weaver. O atacante pediu para retornar para a Inglaterra, e como ele já recebeu outras investidas e nunca falou nada, achei que era o momento adequado. Recebi uma oferta honesta do Southampton, e vendi. Paul Weaver foi nos mesmos critérios, mesmo que o lucro tenha sido pequeno (5 milhões de euros). O zagueiro chegou aqui como uma jovem promessa inglesa, chegou até a seleção nacional e vem sendo convocado frequentemente. O zagueiro não pediu para sair explicitamente, contudo, provavelmente ele se despediria da equipe em janeiro. Resolvi faturar com o interesse que existiu sobre o atleta nessa janela. Outra saída que será sentida será de Jordan Kelly, mas uma atleta como ele não podia ser terceiro goleiro, portanto, deixei ele ir seguir sua carreira adequadamente. O restante das vendas foi de jogadores que não serão usados e ou receberam propostas ou foram ofertados e equipes fizeram propostas.

v18GZlH.png

Entradas

Com a cabeça em 2038, não mergulhei de cabeça nessa janela de transferências. Como minha ideia é ter um planejamento mais coerente e que se baseie menos em contratar jovens promessas aos montes, não fazia sentido sair à caça faltando seis meses para mudar a forma como funcionamos. Entretanto, uma oportunidade rara e outra que se tornaram um objetivo meu surgiram e fechei dois negócios. Nelson Ruben é argentino e como é muito difícil jogadores jovens de futuro do país (e do Brasil também) aceitarem até a conversar conosco, quando o jogador abriu a brecha, não hesitei. O atacante Craig Mitchell é o segundo inglês com nacionalidade irlandesa que contratamos para tentar fazer eles escolherem a seleção irlandesa. Mitch Bramley foi o primeiro e deu certo, veremos como Mitchell se comportará com respeito a esse objetivo meu.

EhbNXyn.png

Convocações de Junho

Com as saídas de Mitch Bramley e Jordan Kelly em julho, essa foi a última convocatória com cinco jogadores do clube por um futuro próximo. Weaver e Fenocchio também foram convocados para suas seleções, entretanto, fica aqui o registro de algo que vai demorar para ocorrer. No momento, sobraram cinco irlandeses natos no elenco, quatro já foram convocados em algum momento. Contudo, Shane Murphy tem muita concorrência no ataque, mas talvez a titularidade do time A impulsione ele. O outro é Connor Molloy, o ponta-esquerda vem fazendo uma boa temporada, mas pode demorar um pouco para seguir os passos de Andy O'Connor. Dos jogadores nas seleções de base, mas que não estão no elenco principal, apenas Walsh e King tem potencial para chegar na principal.

QZKY8Pi.png

Queda da Irlanda na tabela de coeficientes

Como previsto, caímos duas posições na tabela de coeficientes da UEFA. Mantemos nossa quantidade de vagas, entretanto, a concorrência deve apertar se melhorias na performance dos clubes irlandeses não ocorrer. É difícil ficar esperando uma temporada de ouro do Shamrock Rovers para manter o ciclo.

8gYPSrb.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
LC

Fica difícil manter ou aumentar o coeficiente do país tendo apenas um clube se destacando.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
Em 09/01/2019 at 15:10, LC disse:

Fica difícil manter ou aumentar o coeficiente do país tendo apenas um clube se destacando.

Pois é, mas temos que dar tempo ao tempo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
marciof89

Uma pena essa queda no coeficiente, mas você já tinha cantado a pedra, faz parte. Se você conseguiu ele aumentar uma vez, consegue de novo.

E que bom ver que o título na liga não está garantido, apesar de estar em primeiro e com 4 pontos de vantagem. Vai que?

Boa sorte

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
thyagocda
Em 08/01/2019 at 19:24, Henrique M. disse:

Queda da Irlanda na tabela de coeficientes

Como previsto, caímos duas posições na tabela de coeficientes da UEFA. Mantemos nossa quantidade de vagas, entretanto, a concorrência deve apertar se melhorias na performance dos clubes irlandeses não ocorrer. É difícil ficar esperando uma temporada de ouro do Shamrock Rovers para manter o ciclo.

Aquele momento que a torcida começa a pedir uma Champions League... Se vira aí treinador kkkkkk

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
Em 11/01/2019 at 21:55, marciof89 disse:

Uma pena essa queda no coeficiente, mas você já tinha cantado a pedra, faz parte. Se você conseguiu ele aumentar uma vez, consegue de novo.

E que bom ver que o título na liga não está garantido, apesar de estar em primeiro e com 4 pontos de vantagem. Vai que?

Boa sorte

Eu consegui aumentar porque ganhei uma Europa League, será que foi obra do acaso, ou iremos repetir algo similar algum dia?

A ideia é essa mesmo, vamos ver se o Cork não degringola agora nessa reta final.

Em 13/01/2019 at 20:00, thyagocda disse:

Aquele momento que a torcida começa a pedir uma Champions League... Se vira aí treinador kkkkkk

Esse tipo de pedido é irreal, então, nem me incomoda.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Master Darthz

Queda de coeficiente é normal, já que só o seu clube consegue fazer campanhas boas nas competições europeias.

É bom ver que o título ainda não está entregue. Mostra que as outras equipas irlandesas também estão melhorando pouco a pouco, ainda que, como você disse, não deverão conseguir tirar-lhe o título.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
10 minutos atrás, Master Darthz disse:

Queda de coeficiente é normal, já que só o seu clube consegue fazer campanhas boas nas competições europeias.

É bom ver que o título ainda não está entregue. Mostra que as outras equipas irlandesas também estão melhorando pouco a pouco, ainda que, como você disse, não deverão conseguir tirar-lhe o título.

Sim, é normal, principalmente quando nem mesmo a gente faz campanhas tão regulares assim.

É algo para se olhar, e espero realmente que eles estejam melhorando, e em breve, possam ajudar a manter um coeficiente mais constante e uma liga irlandesa mais competitiva.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
felipevalle

Ainda nâo havia dito o quanto é bonito esse banner do Hoops. Mas aqui fica o registro 👏

E apesar de estar invicto no nacional, seu melhor jogador em termos de média, não a possui tão alta assim. Não sei quanto as atuações dele, pois está acompanhando de perto seu rendimento, mas imagino que merecesse algo à partir da nota 8. Ao menos no circuito interno da liga irlandesa.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Henrique M.
5 minutos atrás, felipevalle disse:

Ainda nâo havia dito o quanto é bonito esse banner do Hoops. Mas aqui fica o registro 👏

E apesar de estar invicto no nacional, seu melhor jogador em termos de média, não a possui tão alta assim. Não sei quanto as atuações dele, pois está acompanhando de perto seu rendimento, mas imagino que merecesse algo à partir da nota 8. Ao menos no circuito interno da liga irlandesa.

Qual deles? O primeiro ou o segundo?

Nunca tive nenhum jogador com média acima de 8 ao final de uma temporada. Algo acima de 7,5 é o normal, lembrando que essa informação conta todas as competições que os atletas disputam.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • PedroJr14
      Por PedroJr14
      Real Racing Club Santander, S.A.D.
      O clube da cidade de Santander teve sucesso relativo na Espanha, mantendo-se na primeira divisão do país em 15 das 16 temporadas entre 1996/97 e 2011/2012, só não esteve presente em 2001/02. Em todas essas temporadas em La Liga, o Racing superou a décima posição apenas uma vez, quando terminou em sexto na temporada 2007/08, ganhando assim a vaga continental. Los Verdiblancos terminaram em quarto, num grupo que continha Twente, Manchester City, Schalke e PSG, perdendo apenas um jogo e vencendo o Manchester City, que terminou na liderança do grupo. Conseguiram se manter na liga principal até 2011/12, quando começou a cair sucessivamente até chegar à Terceira Divisão, 2 anos mais tarde. O clube ensaiou uma reação em 2014/15, quando conseguiu o acesso para a Segunda Divisão, mas logo caiu de volta e até o presente não mais saiu de lá.

      O Racing Santander manda seus jogos no folclórico estádio El Sardinero, que tem capacidade para pouco mais de 22 mil espectadores. Entre os nomes que desfilaram por esse aconchegante estádio vestindo a camisa do Racing, estão: Felipe Melo (Palmeiras), Henrique (Corinthians), Ezequiel Garay (Valencia), Yossi Benayoun (ex-Chelsea e Liverpool), Giovanni Dos Santos (LA Galaxy), Sérgio Canales (ex-Real Madrid), Marcos Alonso (ex-Barcelona e A. Madrid, pai de Marcos Alonso do Chelsea) e Christian Stuani.

      Sem nunca ter conquistado um título de expressão, o Racing Santander caiu ao fundo do poço por causa de uma crise financeira e nunca mais conseguiu se reerguer. A saída do treinador Pedro Muntis para o Ponferradina e a falta de recursos para buscar um técnico fora de Santander, obrigaram o clube a promover o Técnico Marco Botín, que terá um contrato curto, de apenas 1 ano. O jovem treinador de 26 anos terá que provar o seu valor e o seu amor pelo clube da cidade.
       
      Objetivos
      [Secundários]
      - Subir de volta à La Liga
      - Ter um jogador convocado por uma seleção top 10 mundial
      - Fortalecer as estruturas das divisões de base do clube ao máximo
      - Construir um novo estádio, ou ampliar o Sardinero
      - Transformar ao menos 3 jogadores contratados por mim em lendas do clube

      [Primários]
      - Terminar acima do décimo lugar em La Liga
      - Chegar a uma competição continental
      - Vencer uma competição de nível nacional 
      - Vencer uma competição intercontinental
      - Ser Campeão Mundial de Clubes
      - Tornar-se uma lenda no clube
       
    • math6667
      Por math6667
      Eae galera,queria saber se tem alguma atualização de elencos atual para o Football manager 2017 de 2018,pq meu pc só roda ele e tá ficando chato com os mesmos elencos???
    • Tsuru
      Por Tsuru
      APRESENTAÇÃO

      E cá estou eu de volta. As coisas se acalmaram aqui em Portugal, fiquei com mais tempo para jogar e decidi começar a retornar ao FM aos poucos; quando vi, já estava mais que viciado no jogo e empolgadíssimo com um novo desafio. Como jogar sem postar não tem a menor graça, inicio assim uma nova jornada aqui na área - o tempo longe do Projeto Nacional me fez perder o gás e, quando voltei a jogar FM, estava sem vontade nenhuma de continuá-lo.
      A ideia desse save surgiu há mais ou menos um ano, quando li o livro “Futbol Total” em que Arrigo Sacchi narra suas memórias. Desde então estava com vontade de fazer um tributo a ele. 
      Apesar de ser um tributo, farei um save de clube, que hoje é um formato que me agrada mais, podendo assumir uma seleção (ver objetivos abaixo). As atualizações serão semanais, e a ideia é que cada uma consiga cobrir um bimestre inteiro.
      Até pensei em iniciar no Pro Piacenza, que é uma equipe rossoneri como o Milan e fica na mesma região onde Sacchi nasceu (Emília-Romanha). Mas como no save não terei obrigação de seguir os mesmos passos do técnico, preferi ir para o Sul da Itália, onde há muitas equipes interessantes - e uma em especial com a qual tenho vontade de jogar há bastante tempo. 
      O nome do treinador será Alfredo Beletti, um personagem fictício que tem o mesmo nome de um dos mentores e melhores amigos de Arrigo Sacchi.
       
      REGRAS
      Se for demitido, o save acaba;
        Em homenagem ao grande Milan de Arrigo Sacchi, só poderei contratar jogadores italianos e holandeses;
        Poderei utilizar todos os jogadores surgidos na base do clube, independente da nacionalidade;
        A partir do primeiro ano na Série A, os contratos de jogadores que não forem italianos, holandeses ou criados na base do clube não poderão mais ser renovados, podendo o jogador ser vendido ou sair de graça. Esta regra não muda em caso de rebaixamentos para a Série B.
        OBJETIVOS
      Ser bicampeão da Série A e da Supercopa Italiana, superando Arrigo Sacchi;
        Ser bicampeão da Liga dos Campeões e do Mundial de Clubes, se igualando a Arrigo Sacchi;
        Depois de atingir todos os objetivos com o clube, deixar a equipe, assumir uma seleção e ganhar a Copa do Mundo, superando Arrigo Sacchi (pode ser com qualquer seleção e pode ser tentado mais de uma vez)
        O PROFETA
      Arrigo Sacchi nasceu em Fusignano, Itália, e é considerado por muitos um dos maiores treinadores italianos de todos os tempos. Ele ficou especialmente conhecido pelo Milan que comandou entre 1987 e 1991, que era inspirado na Holanda de Rinus Michels mas tinha uma identidade própria bastante forte.
      Contando com a força econômica de Silvio Berlusconi e a confiança do diretor de futebol Adriano Galliani, Sacchi montou uma verdadeira seleção, que incluía nomes como Carlo Ancelotti, Franco Baresi, Alessandro Costacurta, Paolo Maldini e os holandeses Ruud Gullit, Frank Rijkaard e Marco Van Basten. O treinador exigia uma intensidade enorme de seus jogadores, tanto na defesa quanto no ataque, e propunha um futebol ofensivo, vibrante e que fosse para divertir as pessoas. Para sorte dele, o grupo que foi montado à época compreendeu bem sua filosofia de jogo e conseguiu executá-la com perfeição.
      Unido dentro e fora de campo, o Milan venceu a Série A uma vez (desbancando o Napoli de Maradona e Careca) e foi bicampeão da Liga dos Campeões, da Supercopa Italiana, Supercopa da Europa e do Mundial de Clubes. O sucesso e o estilo arrojado levaram a equipe a ser eleita pela revista World Soccer como a quarta melhor da história do futebol, atrás apenas das seleções da Hungria (1954), Brasil (1970) e Holanda (1974).
      Depois do Milan, Arrigo Sacchi assumiu o comando da seleção da Itália que foi à Copa do Mundo de 1994, mas não teve o mesmo sucesso. Os jogadores da seleção não compreenderam bem seus conceitos e a Itália foi avançando na base da sorte, aos trancos e barrancos, conforme relata o próprio treinador. Ainda assim, a Azzurra chegou até a final com o Brasil de Bebeto e Romário e foi derrotada após o famoso pênalti perdido por Roberto Baggio, o Codino Divino.
      O modo revolucionário de Sacchi ver o futebol italiano - que até então era refém de esquemas com um líbero - deu origem ao apelido “Profeta de Fusignano”. Ironia do destino ou não, muitos dos conceitos utilizados por Sacchi nos anos 80 pareciam mesmo "futuristas" e se tornaram bastante comuns no futebol anos mais tarde, inspirando por exemplo Pep Guardiola e Jupp Heynckes. 

      HISTÓRICO
      Temporada 16/17 - Série C, Girone C - CAMPEÃO (promovido à Série B) Temporada 17/18 - Série B - 12º lugar Temporada 18/19 - Série B - 6º lugar / Classificado para os playoffs e eliminado pelo Verona (2 a 1) Temporada 19/20 - Série B - 5º lugar / Classificado para os playoffs e eliminado pelo Carpi na semifinal (5 a 2 no agregado) Temporada 20/21 - Série B - CAMPEÃO (promovido à Série A)
        SALA DE TROFÉUS
      🏆 Série C, Girone C - 16/17
      🏆 Série B - 20/21
    • Neynaocai
      Por Neynaocai
      PRA QUEM CHEGOU AGORA, RECOMENDO DAR APENAS UMA OLHADA POR CIMA NA PRIMEIRA TEMPORADA E IR LOGO AO QUE INTERESSA, QUE A PARTIR DE HOJE (07/12/2018) SERÁ INDICADO ABAIXO:
       
      CLUBE
      Uma nova jornada. Capítulo 1: La voix du peuple est la voix de Dieu.
      Uma nova jornada. Capítulo 2: Entre grandes expectativas e a realidade!
      Uma nova jornada. Capítulo 3: A segunda temporada.
      Uma nova jornada. Capítulo 4: X-saladas, caldo-de-canas, bolachas, refrigerantes e gols.
      Uma nova jornada. Capítulo 5: Tem que ter pojeto?
      Uma nova jornada. Capítulo 6: Tutorial de como ser campeão em menos de duas temporadas.
      Uma nova jornada. Capítulo 7: Em segundo, se virares a mesa.
       
      SELEÇÃO
      You are fake news. Um desabafo contra a imprensa.
      Copa do Mundo Sub-20 2017.
      Copa Ouro 2019 - Campeonato Mundial Sub-20 2019.
      Pré-olímpico 23:
       
      ESPECIAIS
      Copa do Mundo 2018
       
       
    • LucaSilva32
      Por LucaSilva32
      Bom, eu usava normalmente o FM 17 com as faces que eu tenho (85.000 faces ao total), funcionava perfeitamente. Hoje quando fui entrar no meu save, vi que quase todas as faces do jogo sumiram.
      Pensei que fosse o fato de eu tentar colocar a face do meu treinador, mas exclui a foto do meu treinador na facepack e tirei o id do meu treinador do config.xml localizado na facepack, ao recarregar a skin dentro do jogo continuou o mesmo problema.
      Desde já agradeço a quem tentar me ajudar.
×