Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
Danut

SV Darmstadt 98 - Chegando ao século XXI

Recommended Posts

Danut
9 horas atrás, Generator disse:

Eita nóis, tá parecendo o Joinville.

Faltando 10 jogos pro final da temporada a situação é complicada. Já são 8 pontos de diferença pro primeiro fora da zona de rebaixamento e a longa ausência do Kempe, que tava carregando o time nas costas, deixou as coisas, que já estavam difíceis, mais complicadas.

Vendo a situação atual da Bundesliga no seu save e, tomando como base a temporada anterior (onde o Hertha Berlin se salvou com 35 pontos), quantos pontos você acha que precisa fazer pra salvar a equipe?

O pior é que o Kempe voltou já, ele se recuperou em menos tempo do que esperado. Mas nem ele não tá mais conseguindo resolver, não.

Sobre o número de pontos, acho que esse ano terminará mais difícil do que o anterior. Tem 10 rodadas, eu apostaria que os três times com 26 pontos ali cheguem nos 35, 36 pontos pelo menos - então provavelmente eu precisaria de uns 36 pra ir pro play-off. Pra salvar direto eu já nem considero mais. O que complica mais ainda é que já jogamos contra todos os que estão na nossa frente brigando pra não cair. Então não tem nem como conseguir alguma vitória salvadora que ao mesmo tempo afunde o adversário, sou completamente dependente dos resultados deles.

 

3 horas atrás, ggpofm disse:

Realmente o pequeno Darmstadt teve uma temporada em 13/14. Talvez isso esteja lhe causando problemas agora no save.

A temporada não é boa, nem tanto pelas derrotas, mas pela ausência de vitórias. O time até consegue bons empates, mas vencer parece proibido.

Se cair não será nada ruim. Vou adorar... o único problema é saber se a diretoria vai mantê-lo. Você colocou cláusula de redução de salário nos contratos que renovou em caso de rebaixamento? 

Danut, salve suas imagens em png. A qualidade ficará melhor

Eu realmente não consegui fazer o time atacar. No começo do campeonato até chegava bastante pelos lados, ganhava um monte de escanteios por jogo e assim conseguia um ou dois gols. Agora, acabou isso (ao menos, era a percepção, não fui olhar de novo as estatísticas para conferir). Acho que os adversários perceberam que o Darmstadt só oferece perigo pelos lados mesmo, e daí mataram nosso jogo.

A diretoria já tá pressionando o treinador, não sei como ficará. A expectativa deles até está sendo cumprida, já que ela era só "lutar contra o rebaixamento", por isso acho que pode ser que consiga ficar, mas que está apertando, está.

Sobre os contratos, não tenho certeza, mas acho que não coloquei, não. De idiota mesmo. Até hoje só caí de divisão no FM quando significava cair para divisão não jogável e daí encerrava o save, então esqueci completamente disso. Só se já estava marcado na primeira oferta do jogador, mas duvido que estivesse.

Quanto às imagens, muito obrigado pela dica. Eu vi que a qualidade não tava tão legal, mas não sabia o que fazer para mudar (: Vou fazer assim de agora em diante (mas acho que as do próximo update eu já tenho salvas desse mesmo jeito e sem as originais mais, então talvez fique para a temporada que vem só). Mas muito obrigado pela dica, mesmo :)

 

1 hora atrás, Toggy81 disse:

O descenso parece inevitável. Será que é uma boa ideia continuar no clube após esse desgaste? Quem sabe novos desafios não façam bem ao nosso técnico...

O plano do save é ficar só no Darmstadt mesmo, não gosto muito de ficar indo de clube em clube nos meus saves. Estou apanhando mais do que imaginava, mas isso me motiva ainda mais a tentar dar a volta por cima.

Agora, se vier a ser demitido, aí terei que pensar o que fazer. Acho que continuarei o save com a equipe que me oferecer contrato daí, mesmo, pra não abandonar quem tá acompanhando aqui. Mas não pensei muito sobre ainda, continuo confiante que vai dar pra ficar no Darmstadt.

 

1 hora atrás, Andreh68 disse:

Se o Borrussia oferecer o contrato manda um dedo pra direção!

Como está a tática que vc vem usando? Nos empates contra times bem superiores parece ter sido efetiva, mas nos que precisava vencer não. Com a porca torcendo o rabo talvez seja hora duma mudança geral, pelo menos para observações para a próxima temporada.

Como disse o túnel do tempo me lembra a João Havelange, com a diferença que o AB não teve a qualidade do São Caetano.

Hahaha, olha, seria uma subida considerável, do Darmstadt ao Gladbach, realmente. Mas como falei na resposta de cima, meu plano para o save é ficar só no Darmstadt mesmo, não quero ficar indo de clube em clube. Então eu recusaria, mesmo que tivesse proposta. Foi só pra me fazer de difícil pra diretoria, mas eles não compraram essa.

E no fim eles tavam certos também, porque o Gladbach já contratou outro treinador...

A tática funciona bem na parte defensiva. Minha defesa tem se saído melhor do que eu esperava, quase não levei goleadas na temporada. Mas realmente, não tem santo que faça o ataque deslanchar. Acho que somos muito dependentes da velocidade dos pontas, e os adversários já pegaram isso, colocam marcação dupla pra cima deles. Sobre mudar a tática, nos jogos finais da temporada eu passei a tentar jogar mais ofensivo, porque de empate em empate o Darmstadt seria rebaixado igual. Os resultados disso virão no próximo update, provavelmente amanhã :)

E a João Havelange foi uma confusão bem maior, acho :P

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut

Sem%20tiacutetulo2_zpsap4ynd9j.png

 

Os Resultados

anexo%201%20resultados_zps27cr7lgh.jpg

 

Novamente, a parte final do turno foi horrível para a equipe. Vendo que a salvação estava muito distante, o time não conseguiu reunir as forças necessárias para alterar o rumo dos acontecimentos. Até começamos com dois empates, que reduziram a diferença para o Hamburg, que estava no lugar de play-off. Mas depois da derrota contra o Mainz, optei por convocar uma reunião de equipe para tentar alterar o rumo da situação. Elogiei nossa campanha e disse aos jogadores que acreditava que, com um pouco mais de esforço, seria possível fazer uma temporada que realmente orgulhasse os torcedores. A reação do elenco, contudo, foi negativa. Os jogadores disseram que eu estava lhes colocando expectativas demasiadas nas costas:

anexo%202%20reaccedilatildeo%20elenco_zp

 

Para completar a situação, nosso atacante mais técnico, Jan Rosenthal, quebrou o pé e com isso fica de fora até o começo da próxima temporada.

Após o jogo seguinte, contra o Köln, a diretoria convocou uma reunião com Brussig para que este explicasse as razões que levaram ao mau resultado. A pressão ficou grande. Por sorte, Brussig conseguiu convencer a direção que o time jogou mal por conta das inúmeras ausências de jogadores lesionados.

anexo%204%20diretoria_zpsgwgktaqy.jpg

 

A argumentação de Brussig parece ter mesmo convencido o presidente de que o problema não era o treinador. Na mesma semana em que foi chamado para explicar o péssimo desempenho da equipe, Thomas Brussig recebeu uma proposta de renovação contratual, pelo prazo de dois anos. A oferta inicial envolvia um pequeno aumento salarial – de 450 mil euros anuais para 480 mil -, mas previa uma redução de 30% dos ganhos em caso de rebaixamento. Com a equipe já quase matematicamente rebaixada, tentei retirar a cláusula de redução salarial, mas consegui fechar o negócio somente em 450 mil euros anuais e 10% de redução em caso de rebaixamento. Aprovado também o pedido de uma nova filosofia de trabalho (contratar jovens jogadores para a equipe principal), o contrato foi assinado.

E considerando os resultados que se seguiram, Brussig definitivamente teve sorte em assinar o contrato logo. Após três pesadas derrotas em sequência, o campeonato acabou para o Darmstadt:

anexo%205%20rebaixamento_zpsnyrgbzta.jpg

 

Com o rebaixamento definido, o time teve sérias dificuldades em se motivar para a próxima partida, o que resultou em uma humilhante goleada por cinco a um. O detalhe é que o adversário teve apenas uma chance clara e uma meia chance. Mesmo assim, marcou cinco gols.

Terminamos o campeonato com uma vitória e um empate, que ao menos serviram para quebrar a série negativa da equipe.

 

As Tabelas

anexo%207%20tabela_zpsqqnbf3lp.jpg

 

A péssima campanha no final fez com que o Darmstadt perdesse até mesmo o 17º lugar. A última posição na tabela é condizente com o que a equipe apresentou durante a temporada. O destaque do campeonato fica por conta da disputa sensacional pelo título. Na 28ª rodada, o líder era o Leverkusen. Na 29ª, o Mainz reassumiu a ponta que foi sua durante a maior parte do campeonato. Duas rodadas depois, porém, o líder era o Bayern. Foi só na 33ª rodada que o Wolfsburg chegou pela primeira vez à liderança do campeonato. A disputa pode ser melhor visualizada aqui.

Na segunda divisão, tivemos uma disputa acirrada pela vaga do play-off de acesso, e outra para escapar do play-off de rebaixamento – além de uma campanha do Sandhausen que fez a do Darmstadt parecer maravilhosa.

anexo%209%20segunda%20divisao_zpschcqyil

 

A terceira divisão, que rende boas histórias aqui no FManager, viu o Rostock conseguir no detalhe a vaga ao play-off, apesar da enorme diferença no saldo de gols da equipe quando comparado ao restante da divisão. Ao Dresden, faltou o gás nos jogos finais.

anexo%2010%20terceira%20divisatildeo_zps

 

Na Copa da Alemanha, o Bayern foi surpreendido pelo RB Leipzig na decisão.

A nível europeu, o destaque do ano foi o Chelsea, campeão da Champions League em cima do Barcelona.

 

Os Destaques

Marcel Heller foi o melhor jogador da equipe na temporada, com média sete. O artilheiro foi Dominik Stroh-Engel, que aos trinta anos marcou seus sete primeiros gols no mais alto nível do futebol alemão. O ceifador de ouro foi Jérôme Gondorf, que apesar de ter jogado menos de quinze partidas no ano conseguiu a façanha de levar sete cartões amarelos e dois vermelhos.

Marcel Heller também se destacou ao nível do campeonato como um todo, sendo o jogador com mais dribles por jogo de toda a Bundesliga.

Por fim, um destaque curioso do campeonato: o brasileiro Luiz Gustavo conseguiu acumular vinte e cinco cartões amarelos e um cartão vermelho em vinte e sete partidas disputadas. Uma performance de respeito.

 

As Finanças

Devido à sua colocação no campeonato alemão, o Darmstadt recebeu 20 milhões de euros de premiação. O valor vem em boa hora, pois a situação financeira da equipe estava ficando bastante complicada. Mesmo com o prêmio, no entanto, a situação do clube não é muito boa – o que contraria a previsão do começo da temporada -, e a diretoria negou o pedido de melhoria das instalações de treino, que não estão acompanhando as novas tecnologias:

anexo%2016%20instalaccedilotildees_zpsze

 

O Staff

O final da temporada significou também o final da carreira para alguns membros da comissão técnica do Darmstadt. O fisioterapeuta-chefe Michael Weingart, o olheiro-chefe Eberhard Schuster, seu grande amigo e também olheiro Horst Franz e o diretor do futebol juvenil Ramon Berndroth anunciaram a aposentadoria.

 

Os Próximos Passos

Rebaixado à segunda divisão, o Darmstadt tem um grande desafio pela frente. Os jogadores até tem um bom nível se comparados ao restante do campeonato, mas a situação financeira continuará apertada – a direção já informou que todo valor recebido com transferências será mantido no clube, sem possibilidade de reinvestimentos. Além disso, Florian Jungwirth, Marcel Heller, Konstantin Rausch, Yannick Stark, Mario Vrancic, Aytac Sulu e Christian Mathenia, todos titulares da equipe, já anunciaram ao treinador que não pretendem jogar a esse nível. Brussig conseguiu convencer o capitão Sulu a permanecer por mais uma temporada para tentar retornar à divisão de topo, e o goleiro Mathenia acabou concordando que seria melhor ficar no clube e ser titular do que ter que disputar posição em um nível superior. Os demais jogadores, contudo, só poderão ser segurados contra sua vontade, assim que Brussig agora tem que decidir se reformula completamente o elenco ou inicia a temporada com um clima muito ruim no vestiário.

 

O Túnel do Tempo

16 de maio de 2014. O estádio am Böllenfalltor está completamente lotado. 16 mil e 300 torcedores vieram empurrar o Darmstadt rumo à segunda divisão. Uma vitória no primeiro jogo colocaria a equipe em excelente posição para o jogo de volta, em Bielefeld.

O jogo começa com o Darmstadt no ataque. O time pressiona o Arminia, que não consegue sair do campo de defesa. Mas Stroh-Engel não parece estar em um bom dia, e apesar do domínio da possa de bola, o Darmstadt não consegue concluir a gol.

Do outro lado, a primeira chance vem aos 22 minutos. Um lançamento longo vai direto para a zaga do Darmstadt, mas Aytac Sulu cabeceia errado e a bola sobra para Christian Müller na entrada da área. Livre, o atacante do Arminia finaliza com muita força no canto. 1 a 0 para os visitantes.

O gol altera o rumo do jogo. O Bielefeld logo tem outra chance, mas o goleiro Zimmermann faz boa defesa. O mesmo Zimmermann, porém, se atrapalha no lance seguinte: em um lançamento longo aos 33 minutos o goleiro sai atrasado do gol e Fabian Klos consegue encobri-lo. Aytac Sulu ainda consegue chegar na bola, mas o atacante do Arminia, Sahar, chega com mais velocidade na dividida e empurra a bola para dentro. 2 a 0 e o Darmstadt fica cada vez mais longe da segunda divisão.

Até o intervalo, pouca coisa acontece. O Darmstadt está chocado, sua torcida permanece calada. Do outro lado, o Bielefeld se contenta em levar a excelente vantagem para a cabine.

O segundo tempo inicia com o Darmstadt buscando de todas as maneiras reduzir o prejuízo. Na primeira chance, Stroh-Engel finaliza mal. No segundo minuto, Jérôme Gondorf é acertado nas costas pelo goleiro do Arminia. Pênalti claro, mas o juiz não apita. Aos 65 minutos, finalmente o Darmstadt é recompensado: Gondorf cruza a bola na área, Marco Sailer toca de letra e Milan Ivana finaliza para diminuir a desvantagem do time da casa.

O Darmstadt agora volta a acreditar. Os torcedores empurram o time em busca do empate. O Bielefeld se fecha ainda mais e tenta diminuir o ritmo do jogo. Com bom posicionamento defensivo, o time visitante consegue esfriar o jogo. Apesar do ímpeto do Darmstadt, as poucas jogadas de perigo são do ataque do Bielefeld. E, aos 85 minutos, o Bielefeld se lança mais uma vez ao ataque. Hille faz uma tabela com Klos e finaliza com precisão – a bola bate na parte de baixo do travessão e morre no fundo da rede. 3 a 1 para o Arminia.

A torcida do Darmstadt vai para casa devastada. O Bielefeld mostrou que a diferença de qualidade entre as divisões é grande. Um grande jornal alemão escreve, sobre o resultado: "As palavras 'milagre' e 'superação' vinham sendo utilizadas com frequência quase exagerada em Darmstadt durante os últimos anos. Os torcedores foram ao estádio esperando poder utilizá-las novamente. Queriam ver outra exibição incrível de sua equipe. Mas não houve nem superação nem milagre. Agora, o time precisa vencer por três gols de diferença no jogo de volta. Ou por quatro a dois. Isso sim seria um verdadeiro milagre."

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Aconteceu o que estava anunciado na atualização anterior a essa, a queda do Darmstadt. Não há muito o que elogiar em um time que fez a pior campanha da Bundesliga, mas o mais importante é que você está animado para seguir na 2.Bundesliga e não está pensando em largar o save ou está? Espero que não, pois um save é mais do que vitórias e títulos. Um save é, principalmente, superar desafios.

Desde o início achei que as táticas do Cleon não funcionariam bem em sua equipe, pois um tática só funciona se tiver os jogadores com os atributos corretos para ela. Algumas táticas, por serem mais simples, funcionam com uma variedade maior de jogadores, outras são mais exigentes e definitivamente, o Cleon, pelo conhecimento que tem, faz táticas específicas para o elenco que ele tem.

Agora terá o desafio de reestruturar a equipe. Terá que resolver o problema dos insatisfeitos que não querem jogar uma divisão mais baixa, poderá vendê-los, emprestá-los ou até mantê-los insatisfeitos no elenco. O grande problema que vejo é que adicionou uma variável a mais em algo que já não está fácil, a necessidade de contratar jovens para a equipe e para isso terá que diminuir o espaço de atletas mais experimentados que poderiam vir para o clube em um momento delicado como esse.

Espero que esteja preparado para os desafios que virão ou que pelo menos esteja animado para enfrentá-los. Estarei por aqui apoiando e cornetando. ;)

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
luancampos89

Pelo desempenho do time durante a temporada deu para concluir que no final não iria colher louros. No início até conseguiu alguns bons resultados, mas depois o time oscilou bastante e ficou "impedido" de vencer.

Espero que se mantenha no comando e dê a volta por cima, retornando a Bundesliga. Como não possui orçamento para investir em bons nomes, aconselho a buscar promessas ou medianos por empréstimo, desde que não arque com o pagamento destes. Ademais, poderia reduzir os salários do elenco, vendendo jogadores com vencimentos altos e trazendo outros que tenham bom custo/benefício.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Toggy81

Triste pelo rebaixamento mas curioso e empolgado por uma temporada redentora que virá dessa equipe que eu ainda não consigo pronunciar o nome direito!

Dale Darmstadt !!!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut
4 horas atrás, ggpofm disse:

Aconteceu o que estava anunciado na atualização anterior a essa, a queda do Darmstadt. Não há muito o que elogiar em um time que fez a pior campanha da Bundesliga, mas o mais importante é que você está animado para seguir na 2.Bundesliga e não está pensando em largar o save ou está? Espero que não, pois um save é mais do que vitórias e títulos. Um save é, principalmente, superar desafios.

Desde o início achei que as táticas do Cleon não funcionariam bem em sua equipe, pois um tática só funciona se tiver os jogadores com os atributos corretos para ela. Algumas táticas, por serem mais simples, funcionam com uma variedade maior de jogadores, outras são mais exigentes e definitivamente, o Cleon, pelo conhecimento que tem, faz táticas específicas para o elenco que ele tem.

Agora terá o desafio de reestruturar a equipe. Terá que resolver o problema dos insatisfeitos que não querem jogar uma divisão mais baixa, poderá vendê-los, emprestá-los ou até mantê-los insatisfeitos no elenco. O grande problema que vejo é que adicionou uma variável a mais em algo que já não está fácil, a necessidade de contratar jovens para a equipe e para isso terá que diminuir o espaço de atletas mais experimentados que poderiam vir para o clube em um momento delicado como esse.

Espero que esteja preparado para os desafios que virão ou que pelo menos esteja animado para enfrentá-los. Estarei por aqui apoiando e cornetando. ;)

 

Não pretendo largar o save, de maneira alguma. Me comprometi a levar ele adiante quando resolvi começar a postar aqui, e faria isso de qualquer maneira.

E além disso, to bastante animado ainda. Claro, quando o time tava perdendo tudo, deu uma desanimada. O cara acompanha o jogo todo (jogo no segundo mais longo, não o jogo inteiro mesmo), aí o time vai lá e faz um pênalti aos 80, ou um gol contra, dá raiva. Então na parte final do campeonato eu coloquei os jogos em lances chave só, provavelmente teria levado o 17º lugar se tivesse acompanhado com mais cuidado, mas já não dava vontade de ficar sendo tão detalhista naquela altura.

Mas agora tenho mais espaço pra reestruturar a equipe, não precisamos lutar pela nossa salvação a cada jogo. Então o rebaixamento permite trabalhar melhor o time daqui pra frente. E como tu falou, um save não é só vitórias e títulos - já larguei o último save que fiz no FM14 porque tava ganhando de todo mundo. A ideia com o Darmstadt era pegar um desafio maior. Até agora, foi maior do que eu consegui lidar, mas quero dar a volta nisso :)

E, por fim, tem os comentários de vocês todos que tão acompanhando, que tão sendo muito mais legais do que eu esperava. Sem querer puxar o saco mas já puxando, o pessoal tem deixado comentários muito bons aqui, isso também dá mais vontade de jogar :)

Sobre a reestruturação e a coisa dos jogadores insatisfeitos: é o maior problema nesse momento mesmo. Mas considerando a idade do elenco, boa parte teria que ser trocada logo de qualquer forma. A questão aperta mais nos jogadores que são mais novos, tipo o Konstantin Rausch. Mas tenho que ver o que farei.

A necessidade de contratar jovens para a equipe eu não vejo como um problema. Porque faz parte da minha filosofia de trabalho em qualquer clube que eu vá. Não contrato jogadores mais velhos, se passar dos 30 só vem pro meu clube se for o Messi e jogar de graça quase. Para mim, um momento como esse é justamente a hora de deixar a nova geração fazer mais, não de colocar ainda mais gente velha para dentro do barco. Então eu só ganho respaldo da diretoria para fazer o que já faria de qualquer maneira.

 

2 horas atrás, luancampos89 disse:

Pelo desempenho do time durante a temporada deu para concluir que no final não iria colher louros. No início até conseguiu alguns bons resultados, mas depois o time oscilou bastante e ficou "impedido" de vencer.

Espero que se mantenha no comando e dê a volta por cima, retornando a Bundesliga. Como não possui orçamento para investir em bons nomes, aconselho a buscar promessas ou medianos por empréstimo, desde que não arque com o pagamento destes. Ademais, poderia reduzir os salários do elenco, vendendo jogadores com vencimentos altos e trazendo outros que tenham bom custo/benefício.

Não dá nem pra dizer que o time oscilou: fomos constantemente ruins :P Realmente, a campanha já indicava qual seria o final.

Por um tempo eu fiquei com medo que a diretoria ia me mandar pra rua, aquela reunião depois do jogo com o Köln foi super tensa, porque se eles exigissem um resultado melhor no jogo seguinte, contra o Schalke fora de casa, eu provavelmente terminaria minha carreira no Darmstadt muito cedo. Mas agora tenho até contrato novo, acho que vai dar pra recuperar.

Para a reestruturação a ideia é essa mesmo. Vai ter gente saindo do clube, vamos buscar alguns nomes mais desconhecidos e que tenham capacidade de melhorar ainda. E empréstimos para complementar o elenco, onde for necessário. Vamos ver no que vai dar :)

 

3 minutos atrás, Toggy81 disse:

Triste pelo rebaixamento mas curioso e empolgado por uma temporada redentora que virá dessa equipe que eu ainda não consigo pronunciar o nome direito!

Dale Darmstadt !!!

Hahahah, valeu, espero que seja mesmo uma temporada redentora, já nem lembro como é comemorar uma vitória :P

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
LuizH

Que pena Danut, quando criaste a proposta de jogar com o Darmstadt, pensei que conseguiria manter-se na primeira divisão, mas aconteceu e fico feliz de ver você se mantendo firme com a história. Tenho certeza de que isso lhe garantirá alguns pontos de prestígio com a grande maioria dos leitores aqui da área.

No entanto, para sua infelicidade, terás um trabalho bastante árduo para reestruturar o clube e reconquistar uma vaga na Bundesliga, afinal, além de jogadores insatisfeitos com a atual divisão em que o clube se encontra, o Darmstadt vai vendo sua infraestrutura defasar-se e isto pode impedir que você alcance uma de suas novas filosofias. 

Enfim, o próximo ano ainda deve ser difícil para você. 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut
4 horas atrás, LuizH disse:

Que pena Danut, quando criaste a proposta de jogar com o Darmstadt, pensei que conseguiria manter-se na primeira divisão, mas aconteceu e fico feliz de ver você se mantendo firme com a história. Tenho certeza de que isso lhe garantirá alguns pontos de prestígio com a grande maioria dos leitores aqui da área.

No entanto, para sua infelicidade, terás um trabalho bastante árduo para reestruturar o clube e reconquistar uma vaga na Bundesliga, afinal, além de jogadores insatisfeitos com a atual divisão em que o clube se encontra, o Darmstadt vai vendo sua infraestrutura defasar-se e isto pode impedir que você alcance uma de suas novas filosofias. 

Enfim, o próximo ano ainda deve ser difícil para você. 

 

Claro que eu também esperava a manutenção, né :( mas não é o fim do mundo, hora de tocar pra frente.

E realmente, vamos ter que reestruturar bastante coisa, não estou esperando que tudo ocorra muito bem. Acho que o time não tem condições de subir de volta nessa temporada, na verdade. Mas vai ser um desafio interessante. Espero ao menos vencer mais vezes que na temporada que passou :P

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Inner Logic

Eita, que situação. Mas era compreensível pela diferença de nível entre o Darmstadt e as demais equipes. Força para a nova temporada.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Andreh68

South Park mode on

Spoiler

Na boa, eu fico puto(mesmo) com esse bando de babaca, fazendo uma campanha de merda, deviam ta limpando privada com escova de dente, e vem me dizer que tá cobrando demais que tão fazendo uma campanha boa? Vão se fú, manda todo mundo pra casa do cacete.

Que houve com o Bayern? Campanha micha também...

esse túnel do tempo foi com mais emoção do que eu imaginava!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut
4 horas atrás, Generator disse:

Eita, que situação. Mas era compreensível pela diferença de nível entre o Darmstadt e as demais equipes. Força para a nova temporada.

Pois é, a diferença era bem grande mesmo. Valeu pelo comentário, espero que a próxima temporada seja melhor sucedida :)

 

4 horas atrás, Andreh68 disse:

South Park mode on

  Mostrar conteúdo oculto

Na boa, eu fico puto(mesmo) com esse bando de babaca, fazendo uma campanha de merda, deviam ta limpando privada com escova de dente, e vem me dizer que tá cobrando demais que tão fazendo uma campanha boa? Vão se fú, manda todo mundo pra casa do cacete.

Que houve com o Bayern? Campanha micha também...

esse túnel do tempo foi com mais emoção do que eu imaginava!

hahahaha, mas o pior é que a campanha foi dentro do nível das expectativas do time. Quanto a isso, achei até bastante realista. Na vida real, o Darmstadt provavelmente também não estaria abaixo do que se esperava dele se fizesse uma campanha assim (até agora, tem superado isso, mas já começam a dar sinais de que não vai durar). Agora, se aquele bando de jogadores não aceita que se exija mais deles quando tão na zona de rebaixamento, como é que depois eles vêm falar na minha cara que não querem jogar na segunda divisão? Aí sim fiquei com vontade de mandar eles à merda....

O Bayern teve um ano de crise, realmente. Se não me engano, demitiram o Guardiola na metade da competição até. Mas na nova temporada eles parecem estar mais fortes (não olho muito, mas toda semana tá aparecendo o maldito do Götze na minha caixa de notícias como melhor jogador da semana...)

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut

Sem%20tiacutetulo2_zpsap4ynd9j.png

Pessoal, eu ia fazer um post com pré-temporada + dois meses iniciais, mas considerando quanta coisa aconteceu, achei melhor dividir em duas partes. Então nessa primeira vou colocar basicamente as transferências que o time fez, do período de férias dos jogadores até o final de julho. No outro post, coloco eventuais transferências que tenham sido feitas depois, bem como os jogos do período. Acho que fica melhor assim. Além disso, resolvi trocar do photobucket pro imgur, porque cada vez tava sendo um parto conseguir fazer o upload das imagens, tinha que reiniciar o pc umas três vezes até ele funcionar. Como não sei fuçar no imgur, pode ser que tenha algum erro ainda.

Enfim, chega de enrolação, vamos ao que interessa.

 

A Reunião

Ainda durante o período de férias dos jogadores, a diretoria chamou Brussig para uma nova conversa. Os últimos dias haviam sido de diversas mensagens na imprensa de jogadores que estariam descontentes com o fato de serem obrigados a disputar a segunda divisão. O comando do clube não gostou da situação, e pediu a Brussig para prestar esclarecimentos acerca do clima no vestiário. Brussig tentou diminuir a importância da situação, dizendo que a harmonia no vestiário não era tão importante, mas o presidente não concordou. O treinador então não teve outra alternativa que não prometer que diminuiria o número de jogadores descontentes no clube, sendo informado que o não cumprimento da promessa resultaria em sua demissão.

 

As Transferências

Tendo prometido à direção que melhoraria o clima no vestiário, me vi obrigado a ceder aos pedidos dos jogadores que queriam ir embora. Não vi outra forma de melhorar o clima no vestiário em pouco tempo, que não fosse deixar quem está infeliz ir buscar outros ares. E era isso, ou perder o cargo.

 

Saídas:

(Nome - tipo de negócio – valor inicial + cláusulas [em euros] – destino: comentário)

1. Lukasz Zaluska – fim de contrato – sem clube: goleiro reserva, de 34 anos. Pretendo trazer alguém mais novo para a posição, pois não vejo utilidade em pagar salário a um jogador que, se tudo der certo, jamais jogará na equipe e nem poderá dar lucro.

2. Patrick Platins – fim de contrato – sem clube: o outro goleiro reserva, de 33 anos.

3. Florian Jungwirth - venda – 1,5 milhão + 400 mil – Sunderland: nosso lateral direito titular, uma perda importante, até por falta de opções na posição, mas estava insatisfeito.

4. Junior Diaz – venda – 105 mil – Toluca: disputou a titularidade na lateral esquerda, alternando bons e maus momentos na temporada. Aos 32 anos e causando problemas quando fica no banco, era hora de liberar espaço no elenco. Detalhe que o vendi e no dia seguinte, quando tirei a screen, já não sei mais quais os atributos do jogador...

5. Michael Stegmayer – fim de contrato – sem clube: lateral esquerdo que esteve emprestado durante a temporada passada, não convenceu onde jogou. Aos 31 anos, foi liberado a procurar um novo desafio na carreira.

6. Sandro Sirigu – venda – de graça – Osnabrück: lateral esquerdo/direito, meia esquerda/direito, atacante. Um reserva que não jogou bem quando foi chamado. Apesar das atuações, gostaria de ter mantido o jogador no clube por conta de sua versatilidade, agora que tanta gente estava indo embora. Mas já havia prometido durante a temporada passada que o venderia, então ele foi liberado.

7. György Garics – venda – de graça – Osnabrück: reserva da lateral direita, não estava feliz com seu status no clube e já havia conseguido forçar o treinador a prometer que iria vendê-lo na metade da temporada anterior. Aos 32 anos, também não tinha tanto assim a contribuir para a equipe mais.

8. Luca Caldirola – fim de empréstimo – Werder Bremen: foi um bom zagueiro na temporada que passou, mas queria voltar ao seu time e não foi possível fazer nada.

9. Benjamin Gorka – venda – 7 mil + 2 mil – Wehen Wiesbaden: zagueiro/volante reserva, não estava satisfeito com a condição. Com 32 anos, a tendência era só passar cada vez mais tempo no banco de reservas.

10. Marcel Heller – venda – 2 milhões + 1,7 milhões – Celtic: a estrela do time estava insatisfeita e possuía só mais um ano de contrato, exigindo valores irreais para renovar o contrato. Aos 30 anos, era mesmo momento do clube deixá-lo ir embora.

12. Konstantin Rausch – venda – 6 milhões – RB Leipzig: tinha tudo para ser o jogador-chave da temporada. Havia renovado o contrato até 2019, e com 26 anos ainda poderia contribuir muito para nosso jogo, mas não quis nem ouvir falar de jogar a segunda divisão. E por esse valor, ficou difícil recusar. É a venda mais cara da história do clube.

13. Mario Vrancic – venda – 2,5 milhões + 1,2 milhão – Bordeaux: outro que pediu para sair. Seria um jogador muito importante para o clube, mas estava insatisfeito e no último ano de contrato.

14. Tobias Kempe – venda – 1,6 milhão – Augsburg: Havia renovado na metade da temporada, mas não gostou de ter que jogar na 2ª divisão. Também não estava mais apresentando um futebol que justificasse seu salário. E, de todo modo, o Augsburg pagou o valor de sua rescisão contratual, então não podia fazer nada.

15. Marco Sailer – fim de contrato – sem clube: pediu 350 mil por ano para renovar, mais do que o dobro do salário atual. Em idade avançada, e tendo jogado melhor como Atacante Defensivo, posição que não pretendo usar na temporada, foi considerado desnecessário ao clube.

16. Johann Aumann – fim de contrato – sem clube: jogador liberado da base.

17. Leon Montalvo – fim de contrato – sem clube: liberado da base.

18. Ali Kazimi – empréstimo – 100% salário – Oberhausen: jogador da base, emprestado para ver se desenvolve o futebol.

Para compensar a saída de tanta gente, o clube foi ao mercado. No entanto, não havia verba de transferências disponível, mesmo após a venda dos jogadores, de modo que fomos buscar jogadores que se encontravam sem clube.

 

Entradas:

(nome – posição – idade - salário anual – período do contrato: comentário)

1. Jesse Bertrams – Goleiro – 21 anos – 90 mil p/a – 06/2019: veio para ser o reserva do Mathenia. Tem potencial para ser um bom goleiro. Ainda que não deva atingir o lugar de titular na equipe, espero que possa vendê-lo por uma boa quantia no futuro.

2. Naim Sharifi – Lateral Esquerdo/Direito – 24 anos – 300 mil p/a – 06/19: está longe de ser um grande lateral e saiu bastante caro, mas não foi possível encontrar opção melhor no mercado. Foi contratado em um momento de desespero, porque eu só tinha o Holland, lesionado, para a lateral esquerda e ninguém para a direita. O jogador convenceu por sua capacidade de jogar naturalmente nos dois lados e porque, da observação que foi possível realizar, parecia um bom jogador. Mas acabou que quase todos atributos eram no limite baixo do que poderiam ser, e já penso que foi um erro fechar contrato por tantos anos.

3. Yarouba Cissako – Lateral Esquerdo – 21 anos – 0 p/a [empréstimo do Mônaco] – 06/2017: um bom lateral direito, foi contratado após o Naim Sharifi e muito possivelmente acabe sendo o titular da posição. Ainda por cima veio de graça, então não temos nada a perder.

4. Dylan Burns – Meia Central – 18 anos – 115 mil p/a – 06/2019: jogador de bastante potencial, vem para compor elenco e, se tudo der certo, brigar pela titularidade nos próximos anos.

5. Francisco Rodríguez – Meia Direita, Meia-Atacante Direita/Centro – 20 anos – 0 p/a [empréstimo do Wolfsburg] – 06/2017: não possui a velocidade do Marcel Heller, mas é um jogador bastante técnico e que pode acrescentar muito à equipe esse ano. Vem para ser titular na ponta direita, mas sua versatilidade significa que poderá ser empregado em outras posições.

6. Florian Trinks – Meia-Atacante Centro – 24 anos – 888 mil p/a – 06/2020: o jogador mais técnico de todos os contratados. Com alto salário, espera-se que ele comande as jogadas ofensivas da equipe e faça com que o time crie muito mais oportunidades do que no ano anterior. É também alemão, o que foi importante para sua contratação, já que o clube precisa cumprir com o número mínimo de jogadores da nacionalidade.

7. Fede Vico – Meia Esquerda, Meia-Atacante Esquerda/Centro – 22 anos – 925 mil p/a – 06/2020: o jogador já fora alvo do Darmstadt na metade da temporada anterior, mas o negócio acabou cancelado por falta de verbas. Agora sem clube, Fede Vico assina o contrato mais alto do clube para fazer carreira no lado esquerdo do ataque. Também é um jogador bastante versátil.

8. Raphael Dwamena – Meia-Atacante Esquerda – 20 anos – 34 mil p/a – 06/2019: um atacante de mais velocidade, chega para compor o elenco. Como é jovem, pode ainda se desenvolver e vir a ocupar a titularidade no ataque que se abrirá nos próximos anos. Se não funcionar, também não custará muito ao clube.

Além disso, foi renovado o contrato de Milan Ivana. O ponta de 32 anos estava na lista de dispensa, mas com tanta gente querendo ir embora foi considerado que o jogador, versátil e muito determinado a continuar no clube, ainda poderia acrescentar ao grupo. Contrato de um ano com renovação automática caso participe de 25 jogos no ano.

 

A Diretoria

Temos um novo presidente: Jonas Bößl venceu a eleição e assumiu o comando do clube. Vamos ver se agora consigo uma relação melhor com a diretoria.

CraEEG6.png

Ainda sob o comando do presidente anterior, foi fechada uma parceria com o Wolfsburg. O campeão alemão pode agora enviar jogadores por empréstimo ao Darmstadt, que fica responsável por desenvolvê-los. Francisco Rodríguez já foi o primeiro jogador transferido devido ao acordo. Achei interessante que a parceria foi realizada sem pedido de minha parte (no FM14 não tinha isso ainda, ou ao menos eu nunca vi).

HupJjnc.jpg

De minha parte e já com o novo presidente, foi solicitada a melhoria das instalações de treino, tanto da equipe principal quanto de juniores. Ambos os pedidos foram atendidos, e as obras se iniciarão ao final da temporada, custando 1,3 milhão e 2,2 milhão, respectivamente.

 

O Departamento Médico

Fabian Holland se lesionou durante um amistoso, e ficará fora do primeiro mês da temporada. Uma grande perde, já que era o único lateral no elenco no momento de sua lesão.

j9keK4f.png

 

O Túnel do Tempo

7AmrmaR.png

O Darmstadt não teve muito tempo para assimilar a derrota do primeiro jogo. Três dias depois de perder em casa para o Arminia, era hora de enfrentá-los no jogo de volta. 26 mil e 200 torcedores compareceram ao estádio para festejar a manutenção do Bielefeld na segunda divisão, o que já era dado como certo.

O jogo começou com o Darmstadt pressionando, em busca de um gol cedo que permitisse ao time continuar acreditando. Com cinco minutos jogados a bola é cruzada na área, Marco Sailer se estica a três metros da linha e consegue empurrar em direção ao gol, mas o goleiro do Arminia, muito bem posicionado, faz a defesa.

O Darsmtadt continua tentando pressionar, mas à medida que o tempo vai passando o Bielefeld se encontra melhor em campo. Aos 20 minutos, já não há mais vantagem visível para o Darmstadt. O jogo esfria. E justo nesse momento, Aytac Sulu lança uma bola do meio de campo em direção ao ataque, Gondorf ajeita com o peito na entrada da área e Dominik Stroh-Engel finaliza no canto direito. 1 a 0 para o Darmstadt.

VbnXKsR.png

O gol reacende a partida. O Darmstadt sabe que precisa aumentar o placar logo, e agora volta a acreditar. Aos 28 minutos, Gondorf finaliza no mesmo canto direito de fora da área, o goleiro cai e rebate a bola para o meio da área. O próprio Gondorf corre para tentar marcar, mas o arqueiro adversário se recupera e chega primeiro. O meio campista do Darmstadt ainda chuta a mão do goleiro, gerando protestos da equipe adversária. Um defensor do Arminia o empurra para dentro do gol, alguns jogadores se juntam à confusão, outros cercam o juiz, que nada faz. A tensão fica evidente no rosto dos jogadores de ambas as equipes. A torcida do Bielefeld começa a perceber que o jogo não era mera formalidade.

O primeiro tempo se encerra com muito nervosismo e poucas chances. O Bielefeld só chega ao ataque através de bolas paradas, e não consegue criar perigo. Do outro lado, o Darmstadt tropeça no próprio nervosismo, e vai para o intervalo necessitando de dois gols na segunda etapa.

E o segundo tempo começa como haviam sido os primeiros minutos da etapa inicial. O Darmstadt parte para o ataque, o Bielefeld procura contra-atacar. Aos 50 minutos de jogo, Milan Ivana cobra escanteio baixo para o Darmstadt, Hanno Berens corre em direção ao primeiro poste e finaliza de letra. A bola acerta a parte de dentro da trave e ultrapassa a linha do gol. 2 a 0 para o Darmstadt. O que parecia impossível antes do jogo está agora a um gol de acontecer.

Mais 40 minutos por jogar. A torcida do Arminia está calada. Os torcedores do Darmstadt querem que o jogo recomece logo, para buscar de uma vez por todas o gol da classificação. E um gol não demora a sair. Só que para o Bielefeld. Na saída de bola após o gol o Bielefeld consegue uma falta na intermediária. A bola é levantada para a área, a zaga não sobe e Burmeister cabeceia no canto, sem chance de defesa. 2 a 1 para o Darmstadt. Agora, o Darmstadt precisa buscar um gol só para levar o jogo à prorrogação.

O jogo fica mais aberto. O Bielefeld enxerga a chance de matar o jogo com mais um gol. Em seis minutos, duas chances são criadas de cada lado, mas a bola acerta o lado da cabeça de Stroh-Engel de um lado e passa poucos centímetros por cima do gol do outro. Um gol parece questão de tempo, mas ninguém se arrisca a cravar de qual lado a bola vai entrar.

Aos 78 minutos a bola é jogada para o ataque do Darmstadt. Stroh-Engel desvia de cabeça para a entrada da área, a bola cai na frente do defensor Schulz, que tenta dar um chutão. Mas o jogador do Bielefeld erra a bola, que sobra para dividida entre Marco Sailer e outro defensor do Arminia. Sailer é uma fração de segundo mais rápido e consegue dar um leve toque na bola, ela se oferece à Jérôme Gondorf que acerta um lindo chute no ângulo. 3 a 1 para o Darmstadt. O placar do primeiro jogo se repete. Agora, o Darmstadt parte para a cima para decidir ainda no tempo normal. O Bielefeld só assiste e torce para que o jogo acabe de uma vez.

NCd2C5q.png

83 minutos. O Darmstadt tem escanteio pela direita. A bola é levantada na segunda trave. Dominik Stroh-Engel sobe mais que todo mundo e cabeceia certeiro no canto. O goleiro nem se mexe, mas um jogador do Bielefeld consegue cabecear a bola de cima da linha. Na sequência, uma disputa confusa pela bola e ela sobra para Marco Sailer a oito metros do gol. O atacante finaliza com força em cima do único defensor do Bielefeld que se encontrava na sua frente. Duas chances claras, mas o Darmstadt não consegue assegurar a subida.

94 minutos. Último lance do tempo normal. O Darmstadt com a chance de bola parada na intermediária. O cruzamento vem para Stroh-Engel, que divide com a defesa no alto. A sobra para nos pés de Sulu, que finaliza caindo no chão, mas o goleiro do Bielefeld faz uma grande defesa. O juiz apita. Final de jogo.

Serão mais 30 minutos para decidir a vaga na segunda divisão.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
RTORRES27

Uma pena que o time foi rebaixado, agora o time vai precisar se reconstruir e vc já mostrou isso mandando 18 jogadores embora.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Entre as saídas e entradas, quanto o clube arrecadou?

A nova diretoria parece determinada a reposicionar o clube na estrutura do futebol alemão e isso é bom.

Achei bem interessante a reunião. Isso é legal.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut
2 horas atrás, RTORRES27 disse:

Uma pena que o time foi rebaixado, agora o time vai precisar se reconstruir e vc já mostrou isso mandando 18 jogadores embora.

 

To seguindo a filosofia palmeirense. Mandar todo mundo embora e ver se resolve :p

Pela idade do elenco precisaria reconstruir mesmo, espero que os novos jogadores dêem menos problema e mais resultados.

1 hora atrás, ggpofm disse:

Entre as saídas e entradas, quanto o clube arrecadou?

A nova diretoria parece determinada a reposicionar o clube na estrutura do futebol alemão e isso é bom.

Achei bem interessante a reunião. Isso é legal.

 

sobre o arrecadamento, confiro em casa depois, mas o principal foi mesmo diminuir os salários, que foram uns quatro milhões de redução. Ainda assim, estou levando prejuízo todo mês. Mas depois trago as finanças em detalhes.

Sobre a diretoria, antes todos meus pedidos tavam sendo negados, fiquei bem feliz que agora tão aceitando. A ideia é trazer o clube para a modernidade, e pra isso precisamos de estruturas muito melhores.

Da reunião, eu não achei tão legal ver meu cargo colocado em risco de novo né, mas pensando de forma mais neutra é legal ver o treinador ser cobrado por algo que não sejam os resultados.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
baltazar

Grande save. Tenho acompanhado e está muito bom, continue assim.

Infelizmente aconteceu a queda, mas isso não vai abalar a história do clube, que dará a volta por cima.

Teve um mercado interessante, conseguiu bons nomes, controlou melhor o orçamento, isso é bom pro futuro.

Boa sorte, e que venha a promoção.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Toggy81

Fede Vico fez parte do meu plantel do Köln no FM15. Foi a transferência mais cara que fiz em todos os meus FMs. Paguei algo em volta dos 120 milhões de dólares nele.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut

@ggpofm, até final de setembro, que é onde estou agora, o clube arrecadou 8 milhões e 700 mil com transferências. Importante destacar que tem alguns valores que recebemos parcelados - receberemos cerca de 630 mil por mês pelos próximos 10 meses ainda.
Quanto a gastos, com transferências foram 360 mil.

Na parte de salários, eu falei errado ali em cima: os gastos na temporada passada eram muito próximos de 14 milhões ao ano, e agora estamos gastando 7,25 milhões/ano.

Se quiser mais detalhes, aqui tem o resumo das finanças, as receitas, as despesas, os gastos com salário e a projeção para as próximas temporadas. Sempre lembrando que é como tá a situação no final de setembro (fiz mais alguns poucos negócios depois dos que tão na última atualização aqui, mas a base é essa ali).

 

2 horas atrás, baltazar disse:

Grande save. Tenho acompanhado e está muito bom, continue assim.

Infelizmente aconteceu a queda, mas isso não vai abalar a história do clube, que dará a volta por cima.

Teve um mercado interessante, conseguiu bons nomes, controlou melhor o orçamento, isso é bom pro futuro.

Boa sorte, e que venha a promoção.

Muito obrigado pelo elogio, sempre bom saber que o pessoal tá gostando :)

Eu acho que o time agora tem um pouco mais a minha cara. Espero que isso ajude a fazer uma campanha menos turbulenta. E o orçamento é uma das grandes preocupações - o time arrecada muito pouco com ingressos, então precisamos cuidar os gastos nesse momento inicial do save.

Agradeço o desejo de boa sorte, espero que continue sendo uma história agradável de acompanhar :)

 

21 minutos atrás, Toggy81 disse:

Fede Vico fez parte do meu plantel do Köln no FM15. Foi a transferência mais cara que fiz em todos os meus FMs. Paguei algo em volta dos 120 milhões de dólares nele.

 

Nossa, mas então ele tava muito melhor no FM15. Ele é um bom jogador, eu já queria ter contratado antes, mas não acho que ele tenha potencial pra se desenvolver tanto assim. Se chegar a ser um bom jogador de primeira divisão, eu ficaria muito feliz já.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
luancampos89

Seu time teve perdas importantes, mas conseguiu um lucro interessante com isso. Das aquisições eu gostei do Vico e do Trinks, mas acho que ainda é pouco para brigar por um acesso. Penso que poderia trazer um zagueiro cascudo, assinando por apenas 1 temporada, só para dar uma consistência maior ao sistema defensivo. O mesmo serve para o meio campo, talvez um jogar experiente possa ajudar bastante.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Andreh68

Quanto a mudar o time todo acho péssimo em geral, como o Celso Barros fez muito no Fluminense, mas considerando a postura deles já discutidas anteriormente, tá mais que certo. Acharia legal alguma preocupação com personalidade, como no save do @Seo Beraldo .

Legal que após a frustração da compra não feita temporada passada o Vico tenha vindo, vamos ver se ele vai ter uma história de amor com o Darmstadt!

Retiro a não equiparação do AB com o São Caetano, que sufoco! Agora gol de letra num jogo desses é desaforo!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Inner Logic

Ao que parece, soube se aproveitar da insatisfação dos jogadores em disputarem a 2. Bundesliga e fez um bom caixa com eles. Se reforçou bem nas contratações e, ao que parece, tem um time forte para essa nova temporada.

Sobre o Tobias Kempe - aliás, faturou bem com a venda dele -, ele é mercenário assim mesmo. Lembro que eu fiz um save no FIFA 12 com o Erzgebirge Aue e ele estava na equipe com o contrato vencendo em 2012. Ofereci renovação pra ele e o rapaz não aceitou. Tive que vender pra outro time.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
vinny_dp

Li o save agora e gostei bastante do que vi, muito bom.

Uma pena o rebaixamento, mas parece que você está conseguindo lidar bem com a situação e tem tudo para voltar a Bundesliga em breve.

Boa sorte!

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut
6 horas atrás, luancampos89 disse:

Seu time teve perdas importantes, mas conseguiu um lucro interessante com isso. Das aquisições eu gostei do Vico e do Trinks, mas acho que ainda é pouco para brigar por um acesso. Penso que poderia trazer um zagueiro cascudo, assinando por apenas 1 temporada, só para dar uma consistência maior ao sistema defensivo. O mesmo serve para o meio campo, talvez um jogar experiente possa ajudar bastante.

Os dois são realmente os jogadores mais caros do elenco, espero que tragam para o time o suficiente para justificar o preço pago. Concordo que é pouco para brigar pela subida, mas esse não é o objetivo para a temporada. O objetivo é ficar perto do grupo que sobe - e a expectativa mínima seria um 10º, no máximo 11º lugar (objetivo pra mim é o que quero conseguir, o que acho que é possível se tiver um bom ano, a expectativa mínima é aquilo que acho que tenho que conseguir pra não ser um ano considerado muito ruim).

Sobre o zagueiro, concordo que precisaria de mais alguém. Por isso acabei trazendo um jogador por empréstimo, o que vem na próxima atualização aqui. Até considerei alguém mais velho, mas não achei nenhuma boa opção (é a primeira vez que jogo com atributos mascarados no FM, tô apanhando um pouco na procura de jogadores). E como já temos nosso capitão que é um homem mais velho por ali, achei a opção do empréstimo uma boa para complementar. No inverno quero ver se consigo alguém mais novo para ser o titular da próxima temporada.

No meio também concordo que falta alguém, embora discorde que precisamos de experiência. Os três jogadores que ficaram no time para o meio de campo, Niemeyer, Gondorf e Stark tem, respectivamente, 32, 28 e 26 anos. O time tá procurando alguém mais novo para ir gradualmente assumindo a posição ali, mas ainda não encontrei ninguém (e acho que já perdi uns jogos por faltar um quarto homem para jogar ali).

 

Vamos ver se no inverno eu consigo cobrir essas deficiências da equipe. De todo modo, valeu pelo comentário, acho que tu fez uma bela análise da situação mesmo :)

 

3 horas atrás, Andreh68 disse:

Quanto a mudar o time todo acho péssimo em geral, como o Celso Barros fez muito no Fluminense, mas considerando a postura deles já discutidas anteriormente, tá mais que certo. Acharia legal alguma preocupação com personalidade, como no save do @Seo Beraldo .

Legal que após a frustração da compra não feita temporada passada o Vico tenha vindo, vamos ver se ele vai ter uma história de amor com o Darmstadt!

Retiro a não equiparação do AB com o São Caetano, que sufoco! Agora gol de letra num jogo desses é desaforo!

Eu também não gosto de mudar muito, mas a direção me obrigou a isso. E eu tava tendo problemas com os jogadores, não tava conseguindo encontrar uma boa forma de jogar com eles, então melhor que vá todo mundo embora e eu possa montar uma equipe com a minha cara.

Quanto à preocupação com a personalidade, eu dou uma olhada na personalidade do jogador sempre, e levo isso em consideração. Mas não estou fazendo disso uma parte tão fundamental porque esse é o primeiro save que jogo com atributos mascarados, apesar de jogar FM desde o 07 pelo menos. Então tá sendo um desafio grande o suficiente pra mim já me virar no mercado de transferências com o pouco dinheiro que tenho à disposição e com tanto jogador que eu não sei os atributos. Em um próximo save, muito possivelmente essa coisa da personalidade entre com mais força, mas agora acho que ia dificultar muito para mim. Mas valeu pela sugestão, será algo a considerar para o futuro (talvez até mesmo nesse save, dependendo de quanto tempo eu continuar com ele...).

O Vico foi uma compra que envolveu um pouco de "agora essa direção que não me liberou dinheiro pra comprar ele vai ver como o cara joga muito" :P Espero que ele possa corresponder às esperanças que deposito nele. E, considerando a idade, acho que ele pode sim ter uma história legal no clube nos próximos anos.

Olhando os gols do jogo do Darmstadt contra o Arminia (vou postar vídeo aqui na próxima atualização, se alguém se interessar), nem parece que é disputa entre 3ª e 2ª divisão alemãs. O de letra é o mais bonito, mas tem uns outros que foram bons também. Deu vontade de ver o jogo todo.

 

2 horas atrás, Generator disse:

Ao que parece, soube se aproveitar da insatisfação dos jogadores em disputarem a 2. Bundesliga e fez um bom caixa com eles. Se reforçou bem nas contratações e, ao que parece, tem um time forte para essa nova temporada.

Sobre o Tobias Kempe - aliás, faturou bem com a venda dele -, ele é mercenário assim mesmo. Lembro que eu fiz um save no FIFA 12 com o Erzgebirge Aue e ele estava na equipe com o contrato vencendo em 2012. Ofereci renovação pra ele e o rapaz não aceitou. Tive que vender pra outro time.

Pois é, até consegui juntar uma grana boa. Teria vendido um ou outro por mais se não fosse a pressão de vender logo, acho, mas no geral não foram vendas ruins. Agora é ver como o time se comporta com os novos reforços.

O Kempe me decepcionou. Tinha começado tão bem a temporada, achei que ia ter uma linda história de amor com ele, daí ele me obriga a colocar cláusula de rescisão no contrato dele (e um valor baixo), briga pra não jogar a segundona e vai embora pra um time sem expressão tipo o Augsburg. Bom saber que não sou só eu que ele rejeita :P

 

1 hora atrás, vinny_dp disse:

Li o save agora e gostei bastante do que vi, muito bom.

Uma pena o rebaixamento, mas parece que você está conseguindo lidar bem com a situação e tem tudo para voltar a Bundesliga em breve.

Boa sorte!

Muito obrigado pelo elogio :) Espero que consiga continuar agradando.

O rebaixamento foi ruim, claro, mas não era de todo inesperado. Sabia que era uma possibilidade quando escolhi o save, e agora é tentar organizar da melhor forma possível para retornar. Mas acho que esse "em breve" não será essa temporada e nem temporada que vem, provavelmente.

Agradeço o comentário :)

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Danut

Sem%20tiacutetulo2_zpsap4ynd9j.png

Como referido no post anterior, vou colocar aqui dos jogos da pré-temporada e dos dois primeiros meses de campeonato, algumas informações mais gerais e as contratações que aconteceram após o dia 1º de agosto.

 

O Staff

Agora que seu pai se aposentou, nosso auxiliar técnico Sascha Franz não viu mais razões para ficar preso ao Darmstadt. Buscando novos ares, ele aceitou proposta do Fortuna Düsseldorf. Para seu lugar, foi contratado Falk Schindler.

No restante do staff, eu até tenho as imagens de cada um dos novos membros, mas enquanto escrevia o post pensei que tava ficando chato até para mim, então vou só colocar os nomes e a tela geral mesmo. Se alguém quiser mais detalhes, só avisar que eu posso passar.

Para a fisioterapia, trouxe Danny Kaes, que chefiará o setor. A observação foi reforçada com Mogi Bayat, Mousa El Habchi, Mohamed Yahia, Bjorn Kessels e Stefan Maletic, o novo olheiro-chefe. Sebastian Barth seguiu os passos do mercenário Kempe e trocou o Darmstadt para ir ser infeliz no inexpressivo pelo Augsburg.

Para os treinamentos, vieram Daan Vaesen e Ronald Leenders. Nos treinamentos de juniores atuam agora Rene van Delft, Markus Stadtlbauer e Dennis Jos.

A situação geral da comissão técnica ficou assim:

FRn46ZL.png

 

O Elenco

Agosto foi um mês bem menos movimentado, mas, ainda assim, foram realizadas algumas alterações na equipe.

Saída:

Sandro Wagner - empréstimo - 100% salário - Holstein Kiel: Sandro Wagner era apenas o terceiro melhor atacante do elenco, sendo que o quarto é um jovem que pode se desenvolver bastante. Então sua possibilidade de utilização em uma equipe que jogará com apenas um atacante é bastante reduzida. Terá sua situação avaliada conforme o desempenho no empréstimo.

 

Entradas:

Théo Pellenard – Lateral esquerdo – 22 anos - 0 p/a [emprestado pelo Bordeaux]: veio para disputar posição com Naim Sharifi quando Fabian Holland não puder jogar. O Holland parece ser bastante suscetível a lesões e as primeiras atuações de Sharifi deixaram bastante a desejar, então optei por trazer uma terceira opção para a posição.

Steven Moreira – Lateral direito – 22 anos – 0 p/a [emprestado pelo Rennes]: surgiu como opção relativamente tarde. É um jogador de grande capacidade técnica e bons atributos mentais, vem para o clube com salário pago pelo Rennes e com status de revezamento. Pode ocupar a vaga de titular, contudo, se jogar tudo que dele se espera.

Pontus Jansson – Zagueiro – 25 anos – 80 mil p/a + 11,25 mil p/m [emprestado pelo Sparta Praha]: chega com status de revezamento, mas possui qualidade para ser titular da equipe. Em uma posição onde o reserva imediato era um jogador de 19 anos da base, pode acrescentar bastante à equipe.

 

Com isso, o elenco do time foi fechado para a primeira parte do campeonato. Temos ainda algumas deficiências, mas vamos aguardar a metade da temporada para tentar encontrar os melhores negócios para as posições ainda faltantes. O elenco atual está assim:

bGnTlbf.png

 

O que é bom destacar ainda é que o elenco agora é muito mais jovem do que na temporada passada. Se antes éramos o elenco mais velho da Bundesliga, com 27,9 de média de idade, agora a situação é bem melhor:

MIEqvHd.png

 

Além disso, os novos jogadores (ainda) não estão brigados comigo, o que melhorou muito o clima no vestiário. Foi o suficiente para que a diretoria me informasse que estão contentes que eu cumpri o prometido na reunião que tivemos na pré-temporada, e que agora eles me deixariam mais espaço para trabalhar.

 

As Expectativas:

aLSLyai.jpg

Foram definidas expectativas modestas para a temporada. Atingir a segunda rodada da Copa da Alemanha é obrigatório, já que com certeza enfrentaremos uma equipe menor na primeira eliminatória da competição. No campeonato, acredito que seja possível cumprir sem problemas a expectativa, mas depois do péssimo ano que passamos o estabelecimento de metas não muito altas é bem vindo.

Em relação ao gasto de salários, após todas as transferências realizadas, a situação ficou assim:

uGW4z1K.png

 

Os Resultados:

DbIU00Q.png

A verdade é que os amistosos dessa temporada não tiveram importância nenhuma para a equipe. A maior parte dos jogadores chegou após o final do período, e alguns jogadores que estavam em experiência no clube e participaram dos jogos já não estão por aqui. Mesmo assim, o primeiro amistoso da equipe merece destaque. Fomos com uma equipe de jogadores já sendo negociados enfrentar o Alemania Aachen, da quinta divisão, e levamos inacreditáveis seis gols só no primeiro tempo de jogo. Foi o pior jogo que já vi uma equipe minha jogar no FM. O destaque individual é Florian Jungwirth. Tudo bem que o jogador já estava com contrato acertado com os ingleses, mas nada justifica uma atuação assim.

xkPqWDB.png

 

Passados os amistosos, fomos para os jogos oficiais, esperando que a falta de entrosamento da equipe não atrapalhasse muito:

Nürnberg 4x1 Darmstadt 2ª Bundesliga, 1ª rodada

Começamos a temporada contra um dos times mais fortes da divisão e fora de casa. Perdemos feio, mas a derrota era esperada. No todo, serviu para observar algumas coisas sobre a equipe e tentar corrigir para o jogo seguinte.

 

Darmstadt 0x0 Kaiserslautern – 2ª Bundesliga, 2ª rodada

Conseguimos corrigir alguns dos erros defensivos do jogo anterior, mas nossa defesa ainda está muito exposta, o que se reflete no alto número de cartões amarelos – os jogadores estão recorrendo às faltas para matar jogadas que poderiam ser perigosas.

 

Hankofen 0x4 Darmstadt – Copa da Alemanha, 1ª eliminatória

Nenhum problema para passar por cima de um adversário muito fraco na Copa.

 

St. Pauli 0x2 Darmstadt – 2ª Bundesliga, 3ª rodada

A equipe mostra uma clara evolução. Controlamos o jogo, levamos menos cartões amarelos do que nos encontros anteriores, e levamos a primeira vitória na liga para casa. Esse jogo me deixou otimista, pela melhoria clara no desempenho.

Ay79EnT.png

 

Darmstadt 2x0 Eintracht Braunschweig – 2ª Bundesliga, 4ª rodada

Outra boa atuação. Não dominamos por completo o jogo, e o Braunschweig provavelmente merecia um gol, mas foi o suficiente para vencer.

 

Duisburg 2x2 Darmstadt – 2ª Bundesliga, 5ª rodada

Jogamos contra o líder fora de casa, e a verdade é que deveríamos ter vencido a partida. Nossas jogadas foram sempre mais perigosas que as do Duisburg, mas infelizmente pecamos na finalização. Fico feliz pelo desempenho, mas dava para tirar mais do resultado.

PW0BOEN.png

 

Darmstadt 1x4 Freiburg - 2ª Bundesliga, 6ª rodada

O Freiburg vinha desde a outra temporada sem perder, então já sabíamos que seria um jogo difícil. Em campo, levamos uma aula que nos mostrou que ainda há trabalho pela frente. A defesa aceitou todas as bolas que vieram pelo chão hoje, havia muito espaço para o ataque adversário.

 

Bielefeld 0x0 Darmstadt - 2ª Bundesliga, 7ª rodada

Um jogo ruim de assistir. Poderíamos ter vencido, mas o empate foi justo.

 

Darmstadt 1x1 Hannover - 2ª Bundesliga, 8ª rodada

Um jogo muito ruim da nossa equipe. Demos um monte de chances ao Hannover, e a verdade é que tivemos sorte em só levar gol nos acréscimos. Deveria ter sido mais. Ao mesmo tempo, fica aquela sensação ruim por levar um gol tão no final.

QBjZD2p.png

 

Com os resultados, o time se encontra na 12ª colocação do campeonato. Certamente podemos melhorar, e espero que com o maior entrosamento dos jogadores e familiaridade tática os resultados comecem a aparecer.

Aqui eu peço desculpas aos leitores, mas vou ficar devendo a tabela do campeonato. Na empolgação de continuar jogando, esqueci do print da tabela. Sei que era uma informação importante, mas vai ter que ficar para a próxima atualização, quando trarei a situação do primeiro turno.

 

O Túnel do Tempo:

As duas equipes se encaram nervosas, esperando o apito do juiz. 30 minutos. Metade de uma hora que decidiria o destino daqueles vinte e dois jogadores, de seus técnicos, dos mais de vinte e cinco mil torcedores. Uma bola na rede errada poderia condenar o Bielefeld a sabe-se lá quantos anos na terceira divisão. Para o Darmstadt, poderia significar a perda daquela que deveria ser a única chance de retornar aos holofotes do futebol, de mostrar que não é uma equipe que se perdeu em seu passado.

O Bielefeld joga pela vitória. Ou então, pela manutenção do placar que leva o jogo às penalidades. O Darmstadt pode empatar a prorrogação, desde que com gols – o três a um no tempo regulamentar garante a classificação do Darmstadt se ambas as equipes marcarem o mesmo número de gols na prorrogação, pelos gols fora de casa.

O tempo extra começa espelhando o nervosismo patente. Nenhuma equipe quer arriscar. Ninguém quer levar um gol, temendo encontrar a passagem para a terceira divisão escondida no fundo de sua rede. A única oportunidade nos minutos iniciais é um chute de longe do Arminia, que passa longe e não assusta o Darmstadt. Até o minuto 103. O Darmstadt cobra lateral na ponta esquerda, a bola é enviada direto para a área. Ela bate no chão e passa em frente a um defensor do Bielefeld, que movimenta o braço aberto em direção à bola e bate nela. A bola sobra para Landeka. O atacante do Darmstadt, que havia entrado no segundo tempo, gira para a direita e finaliza da entrada da pequena área, mas o goleiro do Bielefeld consegue fazer uma defesa incrível no reflexo. Os jogadores do Darmstadt se voltam agora para o juiz. O defensor do Bielefeld havia batido com a mão na bola. Pênalti claro. Todo mundo viu. O juiz dá escanteio.

O Darmstadt reclama, mas a decisão havia sido tomada. Resta ir cobrar o escanteio e continuar em busca do gol. A bola viaja para a área, sempre na direção de Stroh-Engel. O artilheiro sobe mais que todo mundo novamente, cabeceia a bola no canto direito e, de novo, um defensor coloca a cabeça nela em cima da linha.

Hn16LDl.jpg

O Darmstadt continua pressionando. A troca de lado não altera o fluxo do jogo, que é agora todo em direção à defesa do Bielefeld. Aos 107 minutos, Marco Sailer recebe a bola na área, dribla a marcação com o corpo e chuta para o gol, mas a bola vai fraca e o goleiro do Bielefeld faz a defesa com facilidade. Pouco mais de um minuto depois, é a vez do Bielefeld atacar. Strifler recebe a bola de Hille na meia-lua. O jogador corre em direção à ponta da área, toca novamente para Strifler que, de primeira, coloca para Hille na frente. A defesa do Darmstadt não acompanha e Hille consegue tocar cruzado para Przybylko. O camisa 10 finaliza de onze metros de distância, sem chances para o goleiro do Darmstadt. 3 a 2. O Bielefeld está a onze minutos de se manter na segunda divisão.

sdmDB1R.jpg

O Darmstadt se joga com tudo para o ataque. Do outro lado, Przybylko tenta matar o jogo. Três minutos após seu gol, o atacante consegue puxar um bom contra-ataque, mas a finalização sai em cima do goleiro Zimmermann.

113 minutos. Escanteio para o Darmstadt, bola jogada na área. Na sobra, um jogador do Darmstadt finaliza de fora da área, para longe. A torcida do Bielefeld comemora cada erro do adversário, vendo-se cada vez mais perto da vitória.

116 minutos. A bola é lançada para a área, o goleiro do Bielefeld sai de soco e afasta. A sobra cai a poucos metros do goleiro, nos pés de um jogador do Darmstadt. O chute vem enquanto o goleiro ainda está se levantando, mas sua movimentação foi suficiente para realizar nova defesa.

119 minutos. Outra vez a bola é jogada direto para a área em cobrança de lateral. A defesa ganha de cabeça e o Darmstadt tenta outro chute de fora da área, novamente muito longe. O desespero dos jogadores do Darmstadt é evidente. Não há mais plano de jogo, todos esperam conseguir resolver a situação com um chute e muita sorte.

120 minutos e 47 segundos. Mais 1 minuto e 13 segundos por jogar. O Darmstadt pega a bola na defesa e dá um chutão para a frente. A bola é dominada pelo ataque, que não consegue colocar ela no chão. A bola é disputada uma vez, duas vezes. Elton da Costa acerta ela de cabeça. Sulu cai fazendo a parede, impedindo que a defesa do Bielefeld consiga afastar. A bola sobra a um passo da meia-lua para Elton da Costa novamente. O gaúcho da cidade de Condor ajeita o corpo e finaliza de esquerda. A bola bate em um jogador do Bielefeld caído no meio do caminho e toma a direção do gol. O goleiro voa na bola, mas ela vai muito no canto. 4 a 2. O Darmstadt consegue o milagre.

mVX6pFp.jpg

Toda a comissão técnica invade o gramado. Os reservas pulam em cima de da Costa. O treinador dá pulos de alegria, sem saber direito o que fazer. Do outro lado, jogadores caídos no chão em desespero. A torcida começa a sair do estádio.

Mas o jogo ainda não havia acabado. O juiz informa que há ainda um minuto de jogo. O Bielefeld parte ao ataque e consegue uma falta na intermediária. Todos os jogadores vão para a área. A bola é levantada, o goleiro do Bielefeld desvia de cabeça para a pequena área. Um atacante consegue cabecear. Zimmermann ainda pula, mas não alcança a bola. Ela voa em direção ao canto e acerta a trave em cheio, voltando para o meio da pequena área. O camisa 30 do Bielefeld é mais rápido que os defensores e chega na bola, mas a finalização vai em cima do único defensor do Darmstadt que estava entre a bola e o gol. Na sobra, a defesa afasta pela linha de fundo.

alAibmI.jpg

Mais um escanteio. O comentarista da TV se pergunta se essa loucura tem fim. Os torcedores acreditam na última bola do Bielefeld. O cruzamento vem para a área, ninguém marca o goleiro do Arminia na segunda trave. Ele pula para a bola completamente livre, mas erra o tempo da jogada e consegue apenas um leve desvio. A bola vai em direção à lateral do campo. O juiz apita.

Acabou. O Darmstadt volta à segunda divisão depois de vinte e um anos!

5gzXnVj.jpg

 

 

 

--------------

Se interessar a alguém, aqui tem um vídeo com o último gol do tempo normal, o gol do Bielefeld na prorrogação e uma parte final que vai desde o gol do Darmstadt até o final do jogo, com narração de uma rádio alemã. O começo do vídeo é em inglês. A parte da narração me emociona absurdamente de ouvir, mas não sei se tem o mesmo efeito pra quem não entende o que o cara tá falando.

E aqui tem outro vídeo, esse com todos os melhores momentos do jogo, mais comprido. Narração também em alemão, infelizmente.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
ggpofm

Não se preocupe em postar imagens da comissão técnica é desnecessário em minha opinião. É melhor mostrar o nível geral como você fez ou apresentar alguma contratação especial desse tipo de profissional.

O começo não foi dos melhores se levarmos em conta que o clube foi rebaixado na temporada passada, mas levando-se me conta a reformulação do elenco e que o objetivo da direção é modesto, acho que está tudo dentro do esperado e que é possível melhorar durante a temporada, mas isso exigirá boas decisões de sua parte. E aí, se sente preparado. 

Muito bons os vídeos. Alegria de uns, tristeza de outros. Emocionante.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Introdução e propostas 
       
       
      Então galera, depois de um longo inverno longe daqui, decidi voltar a escrever aqui na área, com uma aventura nos rochedos do estreito de Gibraltar onde estou montando simultâneamente dois trabalhos, desenvolvendo o Morrocan United, que no jogo milita na quarta divisão local, paralelamente estarei desenvolvendo a seleção local com o objetivo de coloca-la entre as principais seleções mundiais, como podem perceber, será um save de longo prazo, e espero estar me divertindo, e claro, proporcionar a galera uma experiência maravilhosa aqui na área, então vamos aos objetivos do Save:
      Clube: Subir para a primeira divisão Se consolidar entre os melhores times do país se tornar campeão da primeira divisão e da copa nacional desenvolver as infraestruturas do time ao nível máximo Disputar a Champions League Conquistar a Champions League Ser o clube gibraltino mais bem reputado  Ter uma categoria de base sólida que abasteça o time principal com jovens talentos (outros objetivos serão adicionados posteriormente, conforme a evolução do time)
       
      Seleção: Classificar a seleção para a Eurocopa Classificar a seleção para uma Copa do Mundo Chegar ao Top5 do ranking da FIFA Ganhar a Eurocopa Ganhar a Copa do Mundo Ter mais vitórias que Espanha, Inglaterra, Portugal e Marrocos nos confrontos diretos (Também como nos objetivos do Clube, serão adicionados novos objetivos posteriormente, conforme a evolução da Seleção)
       
      Próxima Atualização: Perfil do treinador, Elenco, Staff, Táticas e Pré temporada.
       
       
       
       
    • daniloxw36
      Por daniloxw36
      eae galera e que estou jogando fm 2016 jogo original notei que em algumas equipes de divisão inferiores na hora de escalar o time não mostra se o jogar esta apto para fazer aquela função não aparece o grafico indicando se o jogador se adaptar a fazer aquela função ou não,Sera que tenho que contratar alguém para que possa mostra isso ?
    • Danut
      Por Danut
      Olá pessoal,
      bem, como aqueles que acompanharam a história já sabem, meu save com o Union Berlin não teve um final feliz. Mas é claro que eu não conseguiria ficar afastado aqui da área. Então apresento a vocês minha nova história. E dessa vez, com uma grande novidade: não jogarei na Alemanha!
      O clube escolhido para essa nova aventura é o FC United of Manchester. Não pretendo ficar descrevendo a história do clube por aqui, pois acho que a maioria já deve ter ouvido falar dele. Para os que não sabem nada, um brevíssimo resumo: o United of Manchester foi criado em 2005 por torcedores do Manchester United que não concordaram com a venda do clube para um investidor estadosunidense. Assim, surgiu o clube, gerido pelos próprios torcedores. Os primeiros anos do clube foram de muito sucesso, incluindo três promoções seguidas. No sétimo nível do futebol inglês, contudo, a equipe encontrou mais dificuldades, e foram precisos sete temporadas para conseguir a promoção. Desde a temporada 2015/16, o United of Manchester se encontra no sexto nível do futebol inglês.

      "Conheça os donos" - os torcedores tem orgulho em mostrar quem é que manda no clube
       
      No manifesto de constituição do clube existem sete princípios básicos que devem guiar o FC United:
      A diretoria será eleita democraticamente por seus sócios; As decisões tomadas pelos sócios serão decididas seguindo a sistemática "uma cabeça, um voto"; O clube irá desenvolver ligações com a comunidade local, e procurará se manter acessível a todos, sem discriminar ninguém; O clube irá se empenhar em manter os preços de ingressos tão acessíveis quanto possíveis; O clube irá encorajar a participação da juventude local – seja jogando ou torcendo – sempre que possível; A diretoria irá se empenhar, sempre que possível, em evitar a comercialização excessiva; O clube irá se manter uma organização sem fins lucrativos.  
      Bem, quem já acompanhou minhas opiniões sobre certos clubes aqui pelo Fórum pode bem imaginar que a ideia do United of Manchester me encanta bastante. Por isso a escolha de clube. Mas além de achar legal os princípios colocados, ler eles me deu a ideia de como tornar o save um pouco mais interessante do que um mero save com uma equipe de divisão inferior na Inglaterra. Sendo um clube que valoriza a participação da juventude, o FC United me parece o clube perfeito para minha primeira tentativa de jogar só com a base. Ou seja: durante o save todo, não pretendo realizar a contratação de nenhum jogador, apenas desenvolver os talentos que surjam através de nossas categorias de base.
       
      Em termos de objetivos, esse save será um pouco diferente do normal. Não tenho a pretensão de conquistar nenhum título específico – embora, claro, ficarei feliz se isso vier a ocorrer. A pretensão do clube é outra, talvez muito mais ambiciosa: queremos ser, por uma temporada, a melhor equipe de Manchester.
      Para tanto, defini alguns critérios que precisarão ser cumpridos durante a temporada para considerar o objetivo completado:
      Terminar à frente de Manchester United e Manchester City em todas as competições disputadas; Não perder nenhuma partida contra os rivais locais diante dos próprios torcedores; Obter um resultado favorável na soma dos confrontos contra cada um dos rivais (vencer mais do que perder); Não ser humilhado em nenhuma partida contra os rivais (não perder de goleada em nenhuma partida).  
      Obviamente, esse objetivo é algo de longo prazo. Não sei nem mesmo se será possível chegar ao nível necessário para completá-lo. Mas será isso o que eu buscarei durante o save. Caso fique óbvio que o clube não tem mais condições de evolução, posso acabar decidindo por encerrar o save antes disso.
       
      Em relação ao save, carreguei a liga inglesa apenas, com todas suas divisões, e uma base de dados grande. Foram escolhidas as opções "Não adicionar comissão técnica" e "Impedir uso do editor do jogo". A data de início é a pré-temporada da temporada 2015/16.
       
      PS: Acho que está claro já, mas só pra ninguém ter dúvidas: não será um save voltado para histórias, e sim ao FM mesmo.
      PS²: Obrigado ao @vinny_dp e ao @ggpofm pelas conversas construtivas e que me encorajaram a tentar o save.
    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Como modificar a Champions e as regras dela e de outros campeonatos ?
    • DiegoCosta7
      Por DiegoCosta7
      Prezados, Boa Noite.
      Alguém aí sabe como modificar as competições de copa, em Particular a Champions e a UEL, e criar uma estrutura da liga sérvia, com mais times na primeira divisão, no caso das competições européias de clubes, quero colocar mais clubes nas mesmas e abolir regras como o limite de jogadores inscritos nelas, se possível, como posso estar modificando, pois pretendo fazer alguns testes.
×