Jump to content

'Relato fiel', diz primo de Rodolfo nos 20 anos de 'Puteiro em João Pessoa'


F J

Recommended Posts

bessanger-roda-viva.jpg

A vida presentou Rodolfo Abrantes, ex-líder da banda Raimundos, com dois primos já marmanjos, Augusto e Bessanger, e o músico retribuiu o presente transformando a tarde ensolarada com os primos no hino 'Puteiro em João Pessoa', uma das marcas do rock brasileiro nascido nos anos 90. A canção completa 20 anos nesta segunda-feira (12), data de lançamento do primeiro álbum da banda.

O engenheiro mecânico de 61 anos Bessanger Abrantes, o primo safado de 'Puteiro em João Pessoa', garante que a aventura vivida e cantada por Dudu, como carinhosamente chama Rodolfo, é quase completamente verídica. “A música é um relato fiel do que aconteceu naquele dia. Aliás, quase fiel, porque aqueles adjetivos que ele usou para me descrever não condizem com a realidade [risos]”, contou.

O episódio que originou a música aconteceu cerca de cinco anos antes de integrar o primeiro disco do Raimundos, que levou o mesmo nome da banda e foi lançado em 1994. Segundo Bessanger, em meados de 1989, o primo Rodolfo, na época com idade entre 15 e 16 anos reclamava recorrentemente da falta de namoradas. Compadecido da situação, ele conta que resolveu dar um empurrãozinho na vida amorosa do adolescente em uma das viagens que a família de Rodolfo fazia periodicamente para João Pessoa.

“Estávamos em uma chopperia em Tambaú, quando eu e Augusto avisamos a Manoel [pai de Rodolfo] que levaríamos Dudu para passear. Ele não sabia de nada, estava completamente perdido. Eu já era frequentador do Roda Viva, sabia que lá era o local indicado para levá-lo. Quando voltamos para o bar, cerca de duas horas depois, avisei aos pais dele sobre a aventura. Manoel riu bastante, mas Jaciara [mãe de Rodolfo] me deu uma bronca daquelas”, relatou o primo.

"No início, jamais imaginei que uma música da tal ‘banda de garagem’ de Dudu fosse me proporcionar essa fama"
Bessanger Abrantes

A citação dos responsáveis pela aventura erótica do recém-adolescente da família rendeu o status de lenda para os primos. Bessanger Abrantes comentou que seu perfil em uma rede social ficou congestionado com diversas mensagens após ser descoberto por uma comunidade do Raimundos na internet. “Todos queriam conversar, saber se a história era verdadeira, outros me pediam para que eu levasse eles também, me chamaram até de lenda! No início, jamais imaginei que uma música da tal ‘banda de garagem’ de Dudu fosse me proporcionar essa fama”, comentou o engenheiro.

Depois do episódio contado na música, Bessanger passou a ser tratado como o responsável pelo rito de passagem. Ele conta que irmãos e sobrinhos o questionam sobre a possibilidade da aventura se repetir com outros membros do clã. A fama se espalhou de tal forma que Bruno Abrantes, irmão de Rodolfo, ficou muito chateado com o primo mais velho porque também não passou pelo ritual. “A história se tornou uma tradição de família”, explicou.

Casado justamente há 20 anos, Bessanger garante que os dias de Roda Viva ficaram no passado. Há cerca de um ano o engenheiro mecânico retornou de Brasília para João Pessoa ao lado da esposa e de sua filha. Na capital federal ficou o outro primo cantado na música, o 'muito justo' Augusto Abrantes citado na canção, que trabalha como professor universitário de Direito.

Duas décadas depois, pouco do que foi cantado no primeiro single do Raimundos remanesceu. O Roda Viva foi transformado em motel, o forró não toca mais no local e os primos largaram as aventuras amorosas e os rituais de passagem, mas a história de como um adolescente descobriu como 'a vida é boa' em João Pessoa resistiu ao tempo.

Herança sertaneja na música

Rodolfo Abrantes é brasiliense, mas seus pais são paraibanos e sertanejos. Bessanger, primo legítimo do pai de Rodolfo, comenta que toda família cresceu sob uma forte cultura sertaneja, essencialmente patriarcal e machista. “A cultura sertaneja prega essa coisa de se afirmar como ‘cabra macho’, então era comum levar o seu filho, irmão ou primo que chegava à adolescência para iniciar sua vida amorosa. Assim como fui criado, o pai de Rodolfo também foi, então ele teria que passar por esse ritual de passagem”, comentou.

http://g1.globo.com/pb/paraiba/noticia/2014/05/relato-fiel-diz-primo-de-rodolfo-nos-20-anos-de-puteiro-em-joao-pessoa.html

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

  • Similar Content

    • felipevalle
      By felipevalle
      Essa votação consiste em escolher as duas músicas que mais gostaram do grupo A.
      Os links das 4:
       
    • felipevalle
      By felipevalle
      FMC FF'21
      E aqui estou no hall do rock para apresentar a vocês o projeto de fazermos juntos uma copa de músicas do Foo Fighters.
      A ideia é semelhante a que tinha na MTv, com o programa do The Clash, se lembram?
      É uma ideia bem legal, e que se o pessoal daqui aderir bem, podemos fazer de outros artistas também.
      E o mais legal é que vamos nos aprofundando na história musical de artistas consagrados.
      Muitos daqui devem se lembrar do círculo do livro que vinhamos mantendo até um tempo atrás. Eu confesso que gostei. Sempre aparecia algo bacana que talvez não fosse ler por conta própria.
      Enfim, hora da apresentação de como se dará esse projeto musical.
      Basicamente, eu reuni 32 músicas do Foo Fighters, e as organizei em 8 grupos de 4. De cada grupo, as duas mais bem votadas se classificam para as oitavas-de-final, e assim, através de eliminatórias vai se realizando até chegar as semi-finais. Nisso, o sistema de votação passa a ser constituído do voto e mais da justificativa. E aí, que entra o mais legal, que é saber os detalhes de que cada música despertou, e se vocês vão se sair bem.
      Alguns detalhes; 8 músicas são cabeças-de-chave, cada uma representando um álbum especifico deles, no geral, músicas que fizeram mais sucesso naquele álbum. Daí, outras 16 são distribuídas aos pares pelos grupos, e outro grupo de 8 que nem sempre são singles fecham os grupos.
      Acreditem-me, eles têm 32 músicas de alto nível. Fiquei surpreso pela quantidade de música boa. Não faço ideia de qual música vocês gostarão mais, e confesso que nem eu sei qual é a minha favorita deles.
      E minha ideia é que essa copa não passe de um mês de duração.
      Enfim, aqui está a tabela:
      Lembrando que caso dê desempate em algum embate, será sorteado um membro da comissão para efetuar o desempate.
      Gostaria que digam aqui embaixo 3 candidatos que gostam da banda para se candidatarem. 
    • Leho.
      By Leho.
      Rapaaaaaaaz... olha esses convidados hahahaha! FODA PRA CACETE! Tem tudo pra ser pica demais, tá louco.
      E sempre ele né? Sempre Dave Grohl. Baterista, guitarrista, depois frontman de uma das maiores bandas do mundo, e agora (já há algum tempo, na verdade) diretor hahahaha. Rodrigo Hilbert é meu pau de óculos, esse cara tem que ser a referência maior.
    • Leho.
      By Leho.
      Ouvi no rádio falando sobre o tema e resolvi vir aqui alertar os senhores: não conheço sobre a tal fundação aí (Teenage Cancer Trust), mas aparentemente é inglesa e estará completando 30 anos em 2020 agora. Por conta da pandemia, vão disponibilizar streaming's de várias bandas/artistas (tipo um festival mesmo) pra comemorar e, claro, angariar fundos.
      Os shows são inéditos, material exclusivo e serão liberados de acordo com a programação. Será disponibilizado a opção para que as pessoas doem de bom grado valores para a instituição, mas os shows em si são de graça.
      Line-up:
      8/Out - Ed Sheeran 9/Out - Muse 10/Out - Rudimental 11/Out - Paul McCartney 12/Out - Paul Weller 13/Out - Stereophonics 14/Out - Pulp 15/Out - Noel Gallagher 16/Out - Them Crooked Vultures 17/Out - The Who 18/Out - The Cure 31/Out - The Who   
      Para assistir aos shows, canal deles no Yotube já tá no ar: https://www.youtube.com/TCTUnseen
      Página do Festival: https://www.teenagecancertrust.org/about-us/our-story/music/unseen
       
       
       
      (tô aqui só pelo Stereophonics, hahahahaha)
    • Leho.
      By Leho.
      Essa vai especialmente para meu amigo @Vitor Jaú, hahahaha... e ae? Algo a dizer?
×
×
  • Create New...