Jump to content
Sign in to follow this  
𝙻𝚄𝙸𝚉

"Il y a quatre phrases, du lalala et du ici, ici, c'est Montpellier! | A maior da história | Atualizado em 06/4

Recommended Posts

𝙻𝚄𝙸𝚉

Montpellier.png

linha.png

miss-o-cumprida.png

linha.png
linha.png

avril2020.png

A maratona final começou com uma visita ao Lille Olympique. O canadense Jonathan David colocou os locais em vantagem aos 2' e o próprio teve outra chance pouco depois para aumentar, mas a perdeu. Empatamos com Delort aos 22' e viramos com Laborde aos 32', fazendo jus a um melhor momento nosso, que continuou e aos 36' e aos 38' praticamente sentenciamos a partida com o primeiro (e único) gol do defensor Hilton na temporada e outro de Laborde, fechando o primeiro tempo em 4-1. No segundo tempo o Lille atacou mais, mas chegamos ao quinto gol antes deles chegarem ao segundo (Mollet marcou aos 62') com Jonathan David novamente. Já no finalzinho, Delort marcou mais um e fechou uma vitória maiúscula por 6 a 2. 

Lille-Olympique-SC-v-Montpellier-H-raultLille-Olympique-SC-v-Montpellier-H-rault

Na sequência, entretanto, perdemos dois pontos em um empate injusto contra o Amiens SC por 1 a 1. "Recuperamos" ao vencer o Angers SC na rodada seguinte de virada - Antonio Valencia abriu o marcador para os locais, mas Mollet e Ristic viraram a partida ainda no primeiro tempo.

Fomos à Paris enfrentar o, já campeão, Paris Saint-Germain, mas os locais entraram com o mesmo ímpeto e aos 23 minutos venciam por 2 a 0 com gols de Pablo Sarabia e Draxler. Ainda assim, o PSG não amoleceu e segurou a vantagem. Conseguimos apenas descontar com Andy Delort mais já nos minutos finais. 

Paris-Saint-Germain-FC-v-Montpellier-H-rParis-Saint-Germain-FC-v-Montpellier-H-r

Encerramos o mês recebendo o Nantes e vencendo em uma partida bastante disputada com um primeiro tempo cheio de gols. Laborde abriu o marcador aos 11' e Nicolas Cozza aumentou aos 28', mas o Nantes diminuiu imediatamente com Ermond. O ritmo não diminuiu: Congré marcou o terceiro aos 34', Delort o quarto aos 40' e Fábio deu números finais aos 41' com o segundo gol dos Nantes.

linha.png

MAI2020.png

A partida contra o Olympique de Marselha foi bastante anormal. Skuletic abriu o marcador aos 29' e Payet empatou pouco depois aos 34' em uma partida de pouca inspiração das duas equipes. O empate era até justo, mas a partir do 86º minuto as coisas mudaram. Nele, Delort marcou o segundo gol após um bate-e-rebate na área e nos colocou em vantagem. Aos 90', outra bola na área, outra confusão e outro gol, dessa vez anotado por Ferri. Aos 91', contra-ataque rápido, troca de passes e Ristic concluiu para marcar o quarto. Fechando aos 92', Le Tallec marcou o quinto após um contra-ataque. Uma noite para não ser esquecida.

Montpellier-H-rault-SC-v-Olympique-de-MaMontpellier-H-rault-SC-v-Olympique-de-Ma

Visitamos o Bordeaux, que ainda lutava pela permanência. Mais uma vez, a partida teve uma faixa de tempo muito movimentada e com vários gols. Mollet abriu o marcador, Adli empatou e o próprio Mollet marcou o segundo - tudo isso entre os minutos 16 e 25. Mollet ainda perdeu um pênalti e Le Tallec foi expulso, mas não apenas seguramos a vitória, como marcamos o terceiro, com Delort, aos 90'.

Fizemos uma atuação ruim contra o Stade Rennais, mas vencemos por termos sido um tanto quanto eficientes no ataque. De quatro chutes certos, três entraram e vencemos a partida por 3 a 0 - Delort 20' e 65', e Skuletic 37'. 

Um dia é da caça, outro é do caçador, dizem. Enfrentamos o Mônaco na sequência e perdemos em uma noite muito semelhante a da partida contra o OM. Adrien Silva abriu o placar para os monegascos aos 5' e Delort empatou aos 34'. No segundo tempo, entre os minutos 71 e 85, o Mônaco marcou quatro vezes e confirmou seu vice-campeonato. Onyekuru, Gelson Martins (2x) e Jovetic completaram a vitória por 5 a 1. 

AS-Monaco-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-ReAS-Monaco-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-Re

Vencer o Racing Club de Strasbourg nos asseguraria na Liga dos Campeões, mas uma derrota poderia nos deixar em 4º. No entanto, deu tudo certo, vencemos por 3 a 0 e ainda vimos o OM perder pontos, assegurando nosso terceiro lugar a vaga. Com isso, fomos a campo na última rodada sem nenhuma pressão, alguma complacência e acabamos perdendo por 2 a 1 para o Nice

linha.png

LIGUE120190.png

O Paris Saint-Germain conquistou a Ligue 1 pela nona vez e de maneira invicta após vencer 34 das 38 partidas. Mesmo com uma campanha tão brilhante, os parisienses foram superados em um quesito: o número de gols. Marcamos 103 gols, contra 95 deles, obtendo o melhor número nos últimos quase 50 anos. Nosso objetivo era a vaga na próxima Liga dos Campeões e conseguimos cumpri-lo com uma rodada de antecedência após a citada vitória contra o Racing Club de Strasbourg. 

Classifica-o.png

destaquesindividuais.png

Téji Savanier foi o maestro, o craque, demonstrando toda sua capacidade e cometendo pouquíssimos erros durante a temporada. Não à toa terminou-a com a ótimos 7,45 de pontuação média em 35 partidas. Mas é como dizem, de nada adiantaria ter um grande jogador como Téji se o restante do elenco não acompanhasse, por isso tenho que dar um destaque para a grande temporada feita por Mollet, Delort e Laborde, que tiveram médias excelentes como Téji: 7.41, 7.39 e 7.34. 

Dois deles, inclusive, têm interesse de ligas maiores e certamente será um mercado muito movimentado em Montpellier. 

Montpellier.png

departamentofinanceiro.png

O Montpellier vive uma situação financeira confortável e terminou a temporada com um saldo próximo dos €30M. Com isso, a diretoria estabeleceu um orçamento superior a €15M para contratações. Já tenho alvos em mente para a ala-direita e para a defesa, mas por ora nenhuma negociação em curso. 

linha.png
linha.png

informa-esadicionais.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Nei não cai (38D)

A imponência do teu ataque só se compara à solidez defensiva do PSG - ou superioridade. Uma temporada espetacular.

Que organização de atualização, hein, meus parabéns.

Share this post


Link to post
Share on other sites
div

Cumpriu o que prometeu, o que não quer dizer que era uma missão fácil. Fez um excelente trabalho e levou o time pra Champions.

Aquele jogo contra o Marceille foi qualquer coisa, de uma resignação por um empate a uma goleada sonora em poucos minutos.

Parabéns pela temporada. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Perdeu para os campeão e vice da Ligue 1, mas eles possuem equipe fortes. O Monaco parece mais próximo de se alcançado nas próximas temporadas se o Montpellier continuar crescendo, o que é bastante provável. Já o PSG... o buraco parece ser mais embaixo. Eles também marcam muitos gols e sofreram pouquíssimos. Contudo, o objetivo da temporada foi plenamente alcançado como você havia dito que seria possível.

Que venha a próxima temporada. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Ataque muito forte e a marcar muitos golos mas nota-se que Mónaco e PSG ainda estão um patamar acima. Foi uma excelente época e em breve poderás lutar por mais e melhor.

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉
On 1/11/2021 at 8:21 PM, Nei não cai (38D) said:

A imponência do teu ataque só se compara à solidez defensiva do PSG - ou superioridade. Uma temporada espetacular.

Que organização de atualização, hein, meus parabéns.

O PSG une o meu ataque a uma defesa quase intransponível. 😅 Vamos ver o que acontece na próxima temporada.

Valeu, Ney.

On 1/12/2021 at 7:56 AM, div said:

Cumpriu o que prometeu, o que não quer dizer que era uma missão fácil. Fez um excelente trabalho e levou o time pra Champions.

Aquele jogo contra o Marceille foi qualquer coisa, de uma resignação por um empate a uma goleada sonora em poucos minutos.

Parabéns pela temporada. 

Concordo, mas agora certamente vão ter uma linha de corte mais alta. 😅 Vamos ver o que acontece.

Foi um jogo engraçado. Fizemos o 2-1, levantei e quando voltei havia terminado em 5-1. 

Valeu, div.

On 1/12/2021 at 8:46 AM, ggpofm said:

Perdeu para os campeão e vice da Ligue 1, mas eles possuem equipe fortes. O Monaco parece mais próximo de se alcançado nas próximas temporadas se o Montpellier continuar crescendo, o que é bastante provável. Já o PSG... o buraco parece ser mais embaixo. Eles também marcam muitos gols e sofreram pouquíssimos. Contudo, o objetivo da temporada foi plenamente alcançado como você havia dito que seria possível.

Que venha a próxima temporada. 

É o normal, mas também não precisava ser por 5-1. 😅 Em linhas gerais foi uma excelente temporada, não sei se o suficiente para lutar mais de igual pra igual com o PSG, ou se devemos pensar em superar o Mônaco primeiro. Vamos ver, o mercado vai ditar muito.

Valeu, GG.

On 1/12/2021 at 2:07 PM, Cadete213 said:

Ataque muito forte e a marcar muitos golos mas nota-se que Mónaco e PSG ainda estão um patamar acima. Foi uma excelente época e em breve poderás lutar por mais e melhor.

Valeu, Cadete. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉

Montpellier.png

linha.png

mercado-agitado.png

O Montpellier passou por um processo de rebrand para os próximos tempos. O processo resultou em duas variações de escudo que serão utilizadas de acordo com as cores do uniforme ou do projeto, com a versão à esquerda sendo considerada a versão principal.

Logos.png

linha.png

mercadodetransfer-ncias.png

Primeiramente vamos comentar sobre as necessidades da equipe naquele momento. Lembrando que perdemos Pedro Mendes durante a temporada e perderíamos Rulli, que retornaria à Real Sociedad, Skuletic, que não aceitou a proposta de renovação contratual, e Hílton, que aos 42 anos decidiu penduras as chuteiras. O elenco curto certamente necessitava de mais jogadores prontos para jogar a Liga dos Campeões. Durante o mês de junho fechamos praticamente todas as contratações, que demandaram quantias altas, mas que deixaram o elenco ainda mais qualificado para tentar, quem sabe, lutar mais de igual com o PSG. 

A defesa recebe Robin Le Normand, vindo da Real Sociedad por 6,25M€ (8,25M€). Le Normand tem 23 anos e foi revelado pelo Stade Brestois 29, mas aos 18 anos deixou o clube rumo a Espanha, onde atuou durante três temporadas na Real Sociedad B antes de chegar a equipe principal na temporada 2018/19. Na ultima temporada foi titular do clube espanhol, disputou 28 partidas com uma nota média de 6,82. É um defensor que une ser bom pelo ar com bom condicionamento físico, o ideal para a nossa tática, tendo sua contratação avalada por vários olheiros. 

LeNorm.png

Arnaud Souquet foi um dos melhores da temporada, mas quando esteve suspenso e/ou lesionado passamos por dificuldades. Na expectativa de resolvê-la, contratei Loïc Nego do Videoton, da Hungria, por 850m€. Aos 32 anos, a antiga promessa retorna a França quase uma década depois de deixar o Nantes rumo a Roma. Foi emprestado ao Standard Liège e logo rescindiu com a Roma para atuar no Újpest FC da Hungria. Ficou por um ano e foi vendido para o Charlton, então na Championship. Atuou muito pouco e duas temporadas depois retornou ao Újpest por empréstimo. Fez uma ótima temporada e antes mesmo de retornar a Inglaterra foi comprado pelo Videoton FC, onde se firmou e virou ídolo da equipe, além de chegar a seleção húngara. Loïc é melhor do que Souquet, mas o novato começará no banco ate se adaptar taticamente, o que não deve demorar, visto que o jogador possui características importantes para atuar de ala completo. 

Apenas Mollet e Savanier eram meio-campistas pensantes, como gosto de chamar. Felizmente, se lesionaram pouco, mas um reforço para o setor era necessário. Acertamos com Pierre Lees-Melou do OGC Nice por 5M€ (7M€). Lees-Melou foi formado no Bordeaux, mas debutou vestindo a camisa do Langon FC, time amador. Chegou ao US Lège Cap-Ferret, do CFA 2, e mesmo lá chamou a atenção do Dijon, que o contratou na Ligue 2. Com uma boa temporada ali e outra na elite, o Nice pagou 5M€ pelo jogador,  que disputou 98 partidas no Nice em três temporadas. É um meio-campista de ótimo work rate, bons atributos físicos e tenho uma certa confiança que o alto investimento ira se pagar.

As próximas duas contratações foram feitas pensando em uma nova variação tática que será treinada e utilizará extremos, mas, contratei dois jogadores que atuam por ali, mas também atuam como atacante, caso opte pela manutenção da tática da temporada passada.

Romain Del Castillo foi, além de tudo, uma oportunidade de mercado. Avaliado em 2M€, com apenas 23 anos e com uma boa temporada, uma sondagem revelou a pedida relativamente baixa do Rennes. Após breves negociações, fechamos a vinda do jogador de 23 anos por 2,5M€ + 1,5M€ em 3 parcelas e alguns bônus relativamente difíceis que renderiam mais 2M€ ao Rennes. Revelado pelo Lyon, atuou pouco e foi emprestado duas vezes antes de chegar ao Rennes, onde emendou duas boas temporadas com média próxima a 7. É um jogador muito técnico, de bom passe, drible e finalização, um jogador quase completo. Será muito útil.

Irvin Cardona vem do rebaixado, Stade Brestois, por 5,5M€ (7,5M€). O valor foi alto, mas trazer um terceiro atacante de ofício era mais do que apenas um desejo. Sondamos Cardona, destaque na mídia recentemente por esse verdadeiro golaço, no meio da temporada e a pedida do Brestois foi próxima do dobro da que terminamos pagando devido ao descenso do clube. Cardona tem apenas 22 anos, é da base do Mônaco, mas atuou apenas pelo Cercle Brugge antes de ser comprado pelo Stade Brestois. Na última temporada marcou 15 gols em 40 jogos por uma equipe que caiu, então a minha expectativa é de ter contratado um excelente atacante, o que justifica o valor pago. 

Card.png

Todas estas contratações foram feitas com o dinheiro da venda de Pedro Mendes somado ao orçamento disponibilizado pela direção, que ficou próximo de 15M€. Gastamos um pouco mais do que isso usando do artifício das parcelas, mas naquela altura mais contratações só seriam possíveis com vendas  e também naquela altura apenas um jogador recebera proposta, que foi aceita, mas a negociação não foi concluída. 

Recebemos propostas importantes por Gaëtan Laborde (DL PRO - 30,5M€) e Florent Mollet (Fiorentina - 16,5M€). Ambas foram aceitas, mas os jogadores optaram naquela altura a seguir no Montpellier.  Alguns dias depois, Mollet recebeu propostas de Torino, Tottenham e Manchester United no valor total de 14,5M€ (17,75M€). O meio-campista de 28 anos escolheu seguir sua carreira no Manchester United. Além de Mollet, Yun Il-Lok (Changchun Yatai - 1,3M€) e Keagan Dolly (Nantes - 1,8M€) deixaram o clube. 

Com pouco mais de 8M€ em caixa após a venda, dediquei-me a procurar outro meio-campista, mais um zagueiro para compor elenco e talvez um ponta. 

Poucos dias depois, Maxime Le Marchand acertou a sua vinda por empréstimo do Fulham sem custos, com 40% dos salários pagos e opção de compra de 4M€. Com essas condições foi uma negociação precisa, com custo baixo e qualidade para a função que o jogador exercerá. 

Um dia antes do início da Ligue 1, Andy Delort recebeu uma sondagem que virou uma proposta de 14,25M€ (16,75M€) da Internazionale, aceita, e poucas horas depois o Napoli ofereceu 15M€ (20M€) pelo franco-argelino. A proposta também foi aceita e o argelino escolheu ir para o Napoli, assinando por quatro temporadas com um salário cerca de cinco vezes maior do que o que recebia. 

A reposição para Delort foi rapidamente decidida. Apesar de não ser um centroavante de área, escolhi contratar Martin Terrier do Stade Rennais e para tal quebramos o recorde de contratação mais cara da história do clube - 16M€, sendo 6M€ a vista e o restante em parcelas. Terrier foi formado no Lille Olympique, onde atuou até a temporada 2017/18, sendo comprado pelo OL na sequência por 11M€. Uma temporada depois foi para o Rennes por valores não revelados, onde foi um dos expoentes da equipe com 9 gols. 

Montprefellier.png

linha.png
linha.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Ótima temporada, com muitos (muitos mesmo) gols que impulsionaram a equipe a chegar na Champions. A goleada em cima do Olympique foi sensacional, inclusive.

Acho que sua meta inicial deve ser se tornar o segundo melhor time do país, pq alcançar o PSG vai ser hardcore num primeiro momento. Porém, já vejo o time tendo força pra bater de frente com todo mundo abaixo do PSG.

Inclusive, boas contratações de jogadores que vão encorpar bem o elenco e ajudar bastante na aventura pela UCL.

Espero conseguir manter em dia a história a partir daqui 😛

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG

O final da temporada 19/20 só confirmou o bom momento do time, culminando nessa vaga para a UCL, que pra você não seria surpresa. De quebra ainda teve o melhor ataque da competição, embora tenha sofrido gols demais. Esses jogos contra Marseille e Mônaco dizem muito sobre o time, ou é 8 ou 80. Acho isso legal hahah. Os destaques individuais acabaram sendo os que você destacou no início, mostrando que conhecia o elenco e o desafio. 

Esse escudo laranja ficou lindo demais, dê os parabéns para a equipe de design por mim hahah.

Acabou perdendo Mollet e Delort na janela. Era algo que iria acontecer pela boa fase do time. Em contrapartida, foi bem no mercado de transferências. Contratou bons nomes e deixou o elenco mais robusto. Vamos ver dentro de campo. Tô curioso pra ver se deixará o mesmo modelo de jogo. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Novo logo está mesmo lindo. Gostei das mexidas no mercado e tens um plantel forte e pronto a competir ao mais alto nível.

Share this post


Link to post
Share on other sites
div

Equilibrou muito bem entradas e saídas e, sem dar prejuízo, conseguiu reforçar muito bem o elenco.

E o logo ficou muito massa mesmo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Nei não cai (38D)

Ótimo mercado. Não gosto do Normand, eis que tive uma má experiência com ele. Espero que tenha evoluído!

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉
On 1/13/2021 at 11:14 PM, marciof89 said:

Ótima temporada, com muitos (muitos mesmo) gols que impulsionaram a equipe a chegar na Champions. A goleada em cima do Olympique foi sensacional, inclusive.

Acho que sua meta inicial deve ser se tornar o segundo melhor time do país, pq alcançar o PSG vai ser hardcore num primeiro momento. Porém, já vejo o time tendo força pra bater de frente com todo mundo abaixo do PSG.

Inclusive, boas contratações de jogadores que vão encorpar bem o elenco e ajudar bastante na aventura pela UCL.

Espero conseguir manter em dia a história a partir daqui 😛

Boa sorte.

Valeu, Marcio.

É uma proposta muito ofensiva e que deixa espaços, então temos que marcar muitos para não correr riscos. 😛 

Vamos no passo a passo. O PSG investiu apenas 7x mais do que nós na temporada, só, hahaha, mas confio que podemos fazer outra boa campanha, talvez até dar um calor maior neles. Vamos ver.

On 1/14/2021 at 5:14 AM, ElPerroMG said:

O final da temporada 19/20 só confirmou o bom momento do time, culminando nessa vaga para a UCL, que pra você não seria surpresa. De quebra ainda teve o melhor ataque da competição, embora tenha sofrido gols demais. Esses jogos contra Marseille e Mônaco dizem muito sobre o time, ou é 8 ou 80. Acho isso legal hahah. Os destaques individuais acabaram sendo os que você destacou no início, mostrando que conhecia o elenco e o desafio. 

Esse escudo laranja ficou lindo demais, dê os parabéns para a equipe de design por mim hahah.

Acabou perdendo Mollet e Delort na janela. Era algo que iria acontecer pela boa fase do time. Em contrapartida, foi bem no mercado de transferências. Contratou bons nomes e deixou o elenco mais robusto. Vamos ver dentro de campo. Tô curioso pra ver se deixará o mesmo modelo de jogo. 

 

Eu acho que não é um 8 ou 80. Foi um dia ruim contra o Mônaco, mas felizmente foi só nesse dia que "apagamos". Em linhas gerais foi uma ótima temporada, sabia que dava pra ser assim, ainda que seja a primeira vez que jogo na França em muitos anos, hahaha.

Está dado, mas me esqueci de dar os créditos para o autor da versão original que peguei no DesignFootball e fiz apenas a adaptação de cores. 

Por incrível que pareça foram perdas não tão sentidas. Tudo bem que eram peças importantes, mas ao mesmo tempo são jogadores que podem ser substituídos com maior facilidade. Vai ser uma questão de adaptação, mas tenho muita confiança no Terrier.

Valeu, Perro.

On 1/14/2021 at 9:30 AM, Cadete213 said:

Novo logo está mesmo lindo. Gostei das mexidas no mercado e tens um plantel forte e pronto a competir ao mais alto nível.

Espero que sim, Cadete. Valeu.

On 1/14/2021 at 12:40 PM, div said:

Equilibrou muito bem entradas e saídas e, sem dar prejuízo, conseguiu reforçar muito bem o elenco.

E o logo ficou muito massa mesmo.

Acabamos quase no 0-0, o que é excelente para um clube vendedor como o nosso. 

Que bom que curtiu. Valeu, div.

On 1/14/2021 at 3:27 PM, Nei não cai (38D) said:

Ótimo mercado. Não gosto do Normand, eis que tive uma má experiência com ele. Espero que tenha evoluído!

Eu espero que ele vá muito bem, pois foi um investimento alto, hahaha. Valeu, Ney.

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉

Montpellier.png

cada-vez-melhor.png

linha.png
linha.png

Tenho duas opções de 4-4-2 como táticas alternativas, sendo uma mais ofensiva e outra mais "defensiva". Em termos de instruções e funções, ambas têm as mesmas, com a variação entre uma e outra sendo a posição dos alas e laterais. A ideia que tenho em mente é utilizar a mais defensiva quando enfrentarmos equipes com amplo favoritismo e a mais ofensiva quando formos amplo favoritos, imaginando um rival amplamente fechado, mas diminuindo muito os espaços para o contra-ataque em relação ao 2-3-2-3.

Kévin Gameiro foi colocado na lista de transferências do Valencia após uma temporada ruim. No último dia da janela, Gameiro ainda estava no Valencia. Não pensei duas vezes e propus um empréstimo, o Valencia aceitou e os termos acordados foram de uma taxa de 95 mil euros por mês e 60% do salário por nossa conta, contrato até o fim da temporada com opção de compra no valor de 2,8M€. 

Gameiro.png

Também no último dia, acertamos a compra do goleiro Gautier Larsonneur, que também foi rebaixado com o Brest, mas foi bem recomendado. Gastamos 3,2M€ para comprá-lo com algumas cláusulas bem difíceis de alcançar que podem render mais 1,8M€ ao Brest. Larsonneur inicialmente será o reserva de Jonas Omlin, mas ambos os goleiros estão em níveis tão parecidos que cada rodada poderá ser um diferente.

linha.png

AGOSTO2020.png

Recebemos o OM na abertura da temporada. Foi uma partida bem aberta, com muitas chances para as duas equipes. Abrimos o marcador aos 6 minutos com Lees-Melou, que apareceu como elemento surpresa na área e aproveitou um ótimo passe de Laborde. O OM não demorou a empatar com um daqueles chutes típicos de Payet. Passamos na frente novamente com Del Castillo, aparecendo na pequena área, mas o empate do OM foi imediato com um chutaço de Sanson. O empate era até justo e parecia determinado, mas aos 95 minutos encaixamos um contra-ataque, Cardona acertou um grande passe e Lees-Melou teve a tranquilidade de um monge para marcar o 3 a 2. Que estreia do meio-campista.

Montpellier-H-rault-SC-v-Olympique-de-MaMontpellier-H-rault-SC-v-Olympique-de-Ma

Vencemos o Stade de Reims na 2ª Rodada por 3 a 1 em uma partida tranquila. Lees-Melou abriu o marcador, o Reims empatou, e no segundo tempo Del Castillo e Cardona marcaram os gols da vitória.

Encerramos o mês com uma goleada contra o recém-promovido Lorient-Bretagne Sud por 4 a 0. Téji Savanier marcou dois gols nos primeiros vinte minutos e deu total tranquilidade para controlarmos as ações. Ainda no primeiro tempo, Irvin Cardona fez o terceiro e no segundo tempo Le Normand fechou a conta.

Nesse meio tempo, descobrimos o nosso grupo da Liga dos Campeões, que será o Grupo B, ao lado de Juventus, Real Madrid e Shakhtar Donetsk. Podemos lutar pela classificação? Podemos. Mas um 3º lugar e a vaga na Liga Europa já daria a sensação de dever cumprido nesse retorno continental.

linha.png

SETEMBRO2020.png

A primeira derrota na temporada aconteceu na visita ao Lille Olympique. Jogamos muito bem, com amplo domínio, mas não vencemos. O Lille marcou aos 35 minutos com Benjamin André e passou a atuar de maneira defensiva. Criamos muitas chances, mas a bola não quis entrar, coisas da bola.

Fizemos a nossa estreia na Liga dos Campeões contra o Shakhtar no Stade de la Mousson. Vencer era essencial para as nossas ambições e com uma atuação bastante segura conseguimos a vitória desejada. Le Normand abriu o marcador no fim do primeiro tempo após um escanteio e Del Castillo fez o segundo aproveitando uma sobra na área.

Montpellier-H-rault-SC-v-Shakhtar-ReviewMontpellier-H-rault-SC-v-Shakhtar-Review

Na sequência, encaixamos uma excelente sequência de três vitórias e nenhum gol sofrido. A primeira foi contra o Angers e vencemos por 3 a 0 com destaque para o primeiro gol de Terrier pelo clube - Laborde e Cardona marcaram os outros dois. Contra o Saint-Étienne, o mesmo resultado com mais uma atuação impecável. Cardona marcou dois e Le Normand outro. 

A terceira foi ainda melhor: 4 a 0 contra o Nîmes no Stade des Costières. Apesar do domínio, esbarrávamos na boa atuação do goleiro rival e na nossa falta de pontaria. Contudo, depois do primeiro gol, marcado por Savanier, aos 65 minutos, a porteira abriu. O próprio Savanier ampliou, Le Normand fez o terceiro e Ferri fechou a conta. 

Encerramos o mês indo à Turim enfrentar a Juventus no que foi a primeira vez que usamos a abordagem mais defensiva. A Juventus abriu o marcador com um pênalti nos primeiros minutos, convertido por Cristiano Ronaldo, mas como atuávamos bem não pensei em mudar a proposta. Em um contra-ataque fui recompensado com o gol de empate marcado por Laborde, nos minutos finais do primeiro tempo. No segundo tempo conseguimos travar bastante o jogo e manter esse valioso empate. 

Juventus-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-RevJuventus-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-Rev

linha.png

ligue120221.png

O PSG de Thomas Tuchel investiu 220M€ em contratações como Saúl (100M€), Matthias Ginter (43M€), Yussuf Poulsen (35M€) e Nakajima (43M€), conquistou o Trophée des Champions e é a única equipe que ainda está invicta após sete rodadas. Estamos na cola, com um ataque ainda muito prolífico e uma defesa bastante mais eficiente do que na temporada passada. É muito cedo para tecer qualquer previsão, mas se mantermos a consistência das atuações penso que podemos ao menos fazer um calor no PSG.

Ligue-1-Conforama-Stages.png

linha.png

championsleague202021.png

UEFA-Champions-League-Stages.png

linha.png

destaquesindividuais.png

Para quem não acreditava, Robin Le Normand tem demonstrado ser um investimento de muito valor. O defensor tem a melhor nota média do elenco (7,61) e já marcou quatro gols, sendo o vice artilheiro da equipe atrás apenas de Irvin Cardona (5) e empatado com Savanier. 

linha.png
linha.png

INFORMA-ESADICIONAIS.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Gostei da contratação do Gameiro que assim regressa a França. Muito bom o início de época e logo com um grande jogo contra o Marseille. Lille lá te derrotou mas estás na luta. Não será fácil bater o PSG pois são muito fortes e voltaram a investir imenso. 

Na Champions, foi um início prometedor. Boa vitória contra os ucranianos e empate saboroso em Turim. És favorito a passar o grupo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG

Gostei da contratação do Gameiro, além de ser uma baita atacante, vai trazer um pouco mais de experiência para o elenco. Só acho que será difícil ele brigar pela titularidade com o Cardona e o Laborde em alta.

Começou muito bem a temporada na Ligue 1, principalmente nesses 3 últimos jogos, nos quais o tive sequer levou gol. Mostra que mesmo com uma tática mais ofensiva, o time se porta bem defensivamente. 

Na UCL caiu em um grupo perigoso, qualquer vacilo pode culminar em um 3º lugar. Porém, começou bem, já arrancando um empate da favorita Juventus. CR7 fazendo gol de pênalti, como o FM imita a vida real. 

Boa sorte na sequência!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andreh68

Na França está pronto para o título, e o vice já é uma realidade.

Na Champions um grupinho bem encardido hein!

Me explica como funciona os dois zagueiros em cobertura, não proporcionam muitos tiros de média distância não?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lowko é Powko

Cê que fez esse rebranding aí? Carai ficou topíssimo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Eu já achava o escudo do Montpellier já com um toque moderno e por isso não gostei da solução que fizeram com um escudo dentro do escudo circular. Mas gostei muito da reorganização da fonte e do nome do clube e do ano e também da cor laranja que ficou mais presente do que o antigo. Se eu pudesse, fundiria o antigo com o novo, deixando as listras diagonais no circulo menor como o antigo e o restante do novo. Mas eu gostei do uso de um novo escudo no save, você fez isso só no Moreirense ou em outro também?

Fez um mercado bastante equilibrado, sem grandes loucuras financeiras. A expectativa é que tenha reforçado a equipe para tentar algo mais na temporada. E por falar nisso, como ficaram as expectativas da diretoria para temporada e as suas? Senti falta dessa avaliação sua até para termos uma ideia de quão ambicioso você está.

É muito legal ver um time mantendo em grande quantidade a nacionalidade da equipe no FM, ainda mais na França que costuma ser uma exportadora de jogadores, sem contar que é mais difícil montar um time só com jogadores de um País, do que com jogadores de todo mundo. Gameiro já teve seus momentos de glória em versões passadas do FM e provavelmente acabará encerrando carreira no Montpellier. Vamos ver se ele te dará o retorno esperado.

Caiu em grupo prá lá de ruim. Se for para a LIga Europa não será ruim, mas com você, eu espero a classificação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉
On 1/17/2021 at 5:55 AM, Cadete213 said:

Gostei da contratação do Gameiro que assim regressa a França. Muito bom o início de época e logo com um grande jogo contra o Marseille. Lille lá te derrotou mas estás na luta. Não será fácil bater o PSG pois são muito fortes e voltaram a investir imenso. 

Na Champions, foi um início prometedor. Boa vitória contra os ucranianos e empate saboroso em Turim. És favorito a passar o grupo.

Foi uma oportunidade, mas com aquela torcida para ele recuperar o nível de outros tempos. Seria fundamental para tentarmos vencer o PSG, mas ainda não acredito que seja possível nesta temporada.

Valeu, Cadete.

On 1/17/2021 at 6:12 AM, ElPerroMG said:

Gostei da contratação do Gameiro, além de ser uma baita atacante, vai trazer um pouco mais de experiência para o elenco. Só acho que será difícil ele brigar pela titularidade com o Cardona e o Laborde em alta.

Começou muito bem a temporada na Ligue 1, principalmente nesses 3 últimos jogos, nos quais o tive sequer levou gol. Mostra que mesmo com uma tática mais ofensiva, o time se porta bem defensivamente. 

Na UCL caiu em um grupo perigoso, qualquer vacilo pode culminar em um 3º lugar. Porém, começou bem, já arrancando um empate da favorita Juventus. CR7 fazendo gol de pênalti, como o FM imita a vida real. 

Boa sorte na sequência!!

Se ele recuperar o nível dos tempos de Sevilla, ou mesmo de Lorient, ele poderá nos ajudar muito, mesmo a princípio atuando como reserva - mas também tenho a opção de usar o Cardona como MAC e a dupla Laborde-Gameiro no 2-5-3. 

Acho que é uma consequência direta de termos trazido bons valores pro elenco, pois mesmo ainda usando o 2-5-3 mais vezes do que o 4-4-2 as coisas têm funcionado melhor do que na temporada passada.

Vejo o jogo contra o Real Madrid no Stade de la Mousson como determinante. Não podemos perder em casa, mas mesmo um empate já não seria tão bom. 

Valeu, Perro.

23 hours ago, Andreh68 said:

Na França está pronto para o título, e o vice já é uma realidade.

Na Champions um grupinho bem encardido hein!

Me explica como funciona os dois zagueiros em cobertura, não proporcionam muitos tiros de média distância não?

Eu percebi eles mais recuados do que apenas como "defender", o que é essencial para a minha proposta ofensiva. Não percebi nenhum aumento no número de chances do adversário, mas usei o esquema em menos de dez ocasiões pra poder fazer uma análise mais contundente. Vou seguir observando esse detalhe e respondo melhor depois.

Valeu, Andreh.

17 hours ago, Lowko é Powko said:

Cê que fez esse rebranding aí? Carai ficou topíssimo.

Fiz apenas o trabalho com as cores e o efeito metálico, a base é do Design Football - tem muito rebrand lindo por lá.

1 hour ago, ggpofm said:

Eu já achava o escudo do Montpellier já com um toque moderno e por isso não gostei da solução que fizeram com um escudo dentro do escudo circular. Mas gostei muito da reorganização da fonte e do nome do clube e do ano e também da cor laranja que ficou mais presente do que o antigo. Se eu pudesse, fundiria o antigo com o novo, deixando as listras diagonais no circulo menor como o antigo e o restante do novo. Mas eu gostei do uso de um novo escudo no save, você fez isso só no Moreirense ou em outro também?

Fez um mercado bastante equilibrado, sem grandes loucuras financeiras. A expectativa é que tenha reforçado a equipe para tentar algo mais na temporada. E por falar nisso, como ficaram as expectativas da diretoria para temporada e as suas? Senti falta dessa avaliação sua até para termos uma ideia de quão ambicioso você está.

É muito legal ver um time mantendo em grande quantidade a nacionalidade da equipe no FM, ainda mais na França que costuma ser uma exportadora de jogadores, sem contar que é mais difícil montar um time só com jogadores de um País, do que com jogadores de todo mundo. Gameiro já teve seus momentos de glória em versões passadas do FM e provavelmente acabará encerrando carreira no Montpellier. Vamos ver se ele te dará o retorno esperado.

Caiu em grupo prá lá de ruim. Se for para a LIga Europa não será ruim, mas com você, eu espero a classificação.

A cor da fonte mais o uso de maiúsculas e minúsculas foi o que me motivou a fazer a mudança, mas a sua ideia também daria um bom resultado. Ela, que era a minha segunda opção, ficou com muita cara de Bayern, muito mesmo, por isso optei por essa versão mais redesenhada. 

Já fiz em outros saves offline e em um save no FMSite onde redesenhei os logos de todos os clubes que passei. É algo que eu gosto de fazer, ainda mais com meu talento mínimo pros kits, hahaha.

Jurei que havia colocado as expectativas no post das contratações, mas cortei o parágrafo sem perceber. A minha expectativa é terminar em 2º e tentar fazer um pouco mais de calor na nuca do PSG. Acredito que tenhamos elenco para tal, mas não podemos errar.

Com o seu comentário pude constatar que restaram apenas dois jogadores sem nenhuma ligação com a França: Ristic e Omlin. Achei que levaria mais tempo para nacionalizar o elenco, mas acabou sendo bem rápido com algumas vendas importantes. Já sobre o Gameiro, tomara que ele renda bem após dois anos péssimos no Valencia e seja importante nesse retorno para garantir a compra no fim da temporada.

Juventus e Real Madrid são osso duro de roer. O empate na Itália foi bom e importante, mas não podemos perder pontos em casa, principalmente pra eles, se quisermos sonhar com a vaga.

Valeu, GG. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lowko é Powko
2 horas atrás, L U I Z disse:

Fiz apenas o trabalho com as cores e o efeito metálico, a base é do Design Football - tem muito rebrand lindo por lá.

Fui dar uma olhada e gostei muito de alguns escudos. Os caras dão uma pirada boa, mandam bem.

Share this post


Link to post
Share on other sites
div

Começou a temporada ainda melhor que a anterior. Com uma queda do Mônaco já se coloca como principal candidato a 2ª força no campeonato. Na UCL, pela lógica, brigaria com o Shakthar pelo 3º lugar e a vitória diante deles é um passo nessa direção. E o empate contra a Juve fora de casa foi uma mostra de que talvez dê pra brigar com ela e com o Real. Veremos.

Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Bom, na liga tá fazendo o que é importante: dando calor ao PSG. Se continuar assim, vai se consolidar. Agora, interessante mesmo foi na UCL onde TEORICAMENTE disputa o terceiro lugar com o Shakthar e já está dando provas de que pode ficar é em segundo no grupo, desbancando algum dos grandes. Não é besteira sonhar com isso.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉
On 1/18/2021 at 2:02 PM, Lowko é Powko said:

Fui dar uma olhada e gostei muito de alguns escudos. Os caras dão uma pirada boa, mandam bem.

Gosto muito deles, melhor que muita agência de 100k por um rebrand. 

On 1/19/2021 at 7:46 AM, div said:

Começou a temporada ainda melhor que a anterior. Com uma queda do Mônaco já se coloca como principal candidato a 2ª força no campeonato. Na UCL, pela lógica, brigaria com o Shakthar pelo 3º lugar e a vitória diante deles é um passo nessa direção. E o empate contra a Juve fora de casa foi uma mostra de que talvez dê pra brigar com ela e com o Real. Veremos.

Boa sorte!

Precisamos não perder pra Juventus na França pra sonhar com as 8ªs, mas ir pra UEL me deixaria até contente, pois é uma frente que podemos pensar em título de uma forma mais segura, se é que é a palavra correta, do que na Ligue 1.

Valeu, div.

On 1/20/2021 at 10:56 AM, marciof89 said:

Bom, na liga tá fazendo o que é importante: dando calor ao PSG. Se continuar assim, vai se consolidar. Agora, interessante mesmo foi na UCL onde TEORICAMENTE disputa o terceiro lugar com o Shakthar e já está dando provas de que pode ficar é em segundo no grupo, desbancando algum dos grandes. Não é besteira sonhar com isso.

 

Vamos no passo-a-passo. Não nos vejo lutando por titulo com o PSG ainda, mas vamos tentar pelo menos fazer eles não levarem com tanta antecedência. Na Champions, como respondi ao div, terminar em 3º pode ser até melhor para as nossas ambições atuais. Vamos ver.

Valeu, Marcio. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉

Montpellier.png

c-AMPEONATO-ESTRANHO.png

linha.png
linha.png

OUTUBRO2020.png

Iniciamos o mês com uma vitória contra o Amiens por 4 a 1. O panorama foi o habitual, com um domínio ofensivo nosso, mas sendo vítima dos contra-ataques. Por isso o placar se manteve empatado até meados da etapa final, quando Jordan Ferri abriu o caminho para a goleada com o segundo gol - Oyongo e Ciss (contra) marcaram. 

Na sequência vencemos o Racing Club de Lens por 3 a 0 em um dia onde os zagueiros foram determinantes. Le Normand marcou o primeiro e sofreu o pênalti do segundo, enquanto Le Marchand fechou a conta no fim. 

Optei por não usar uma proposta menos ofensiva contra o Real Madrid no Stade de la Mosson. A consequência foi um jogo bem aberto e com chances para os dois lados, que no fim resultaram em um justo empate por 1 a 1. Laborde marcou o nosso, enquanto Lukaku marcou para os merengues

Montpellier-H-rault-SC-v-Real-Madrid-CF-Montpellier-H-rault-SC-v-Real-Madrid-CF-

Vencemos o lanterna, En Avant de Guingamp, por 3 a 0 - Terrier, Gameiro e Le Normand -, mas deixamos quatro pontos no caminho com os empates por 0 a 0 contra o Nantes (A) e 1 a 1 contra o Nice (H). Poderia ser pior, mas o PSG também empatou duas vezes no mês (0 a 0 contra Strasbourg e Dijon) e naquela altura apenas um ponto a mais os separavam de nós.

NOVEMBRO2020.png

No Santiago Bernabeu, em Madrid, por outro lado, optei pelo 4-4-2 (Def.), o que ocasionou um duelo mais travado que na França, com menos chances, mas o Real Madrid não teve problemas para vencer por 3 a 1 com os três gols de Eden Hazard. 

Real-Madrid-CF-v-Montpellier-H-rault-SC-Real-Madrid-CF-v-Montpellier-H-rault-SC-

Chegamos, pela primeira vez, à marca de quatro partidas sem vencer com o empate por 1 a 1 contra o Rennes. Jogamos bem e fomos melhores que o adversário, mas faltou pontaria e sorte para sair com um resultado melhor.

Após dois amistosos na pausa internacional, recebemos o Lyon, que faz uma campanha bem abaixo das expectativas. Para acabar com qualquer dúvida após a sequência ruim, passamos por cima e vencemos com muita autoridade. Marcamos duas vezes no fim do primeiro tempo, com Oyongo e Cardona, o que nos tranquilizou para a etapa final, onde chegamos a marcar mais dois, com Cardona e Terrier, antes do Lyon conseguir entrar um pouco na partida e marcar dois gols em chutes de fora da área.

Vencer o Shakhtar seria importante para nos manter com chances de avançar e também porque asseguraria pelo menos a vaga na Liga Europa, com o time ucraniano em uma campanha pífia e sem pontos. Fomos à Ucrânia com a proposta ofensiva, mas vencemos por apenas 1 a 0 com gol de Le Normand, mais uma vez. E o Shakhtar perdeu um pênalti... um pouco de sorte faz bem.

Encerramos o mês visitando o Principado de Mônaco, onde enfrentamos outra equipe que vem fazendo uma temporada decepcionante. Foi uma partida equilibrada no Stade Louis II, mas nós vencemos porque fomos mais eficientes e marcamos três gols. Mais uma vez, Le Normand abriu o marcador, enquanto Loïc Nego e Laborde marcaram os outros dois. O Mônaco diminuiu no fim com Macías, mas não ameaçou a nossa vitória.

AS-Monaco-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-ReAS-Monaco-FC-v-Montpellier-H-rault-SC-Re

linha.png

ligue120221.png

O Paris Saint-Germain continua em primeiro e invicto, com 12 vitórias e 3 empates, um ataque, ainda que inferior ao da temporada passada, bom e uma defesa quase intransponível. Vamos logo atrás, com três pontos a menos, um ataque com média superior a 2G/j e uma defesa que desempenha muito melhor do que na temporada passada. 

A Ligue 1 2020/21 tem surpresas. Em 3º, vem o Rennes,  com 29 pontos, seguido de perto pelo Nice (28) e pelo surpreendente Dijon (28). O recém-promovido Racing Club de Lens é o 6º e o OM o 7º. Lyon e Mônaco fazem campanhas decepcionantes e ocupam respectivamente 9º e 10º lugares. 

Ainda há muito campeonato e já na próxima rodada enfrentaremos o PSG podendo assumir a liderança. 

Ligue-1-Conforama-Stages.png

 

linha.png

championsleague202021.png

Falta uma rodada e precisamos vencer a Juventus no Stade de la Mosson para conseguir avançar, enquanto a vaga na Liga Europa já está garantida. Ainda não decidi como vai ser a minha abordagem na partida contra os italianos. Vou analisar bem o que é melhor para nós no momento, seguir na Liga Europa e sonhar com um título internacional, ou ir como franco-atirador na Liga dos Campeões. 

UEFA-Champions-League-Stages.png

 

linha.png

destaquesindividuais.png

Robin Le Normand, Robin Le Normand, Robin Le Normand. Não é um erro, mas sim um reconhecimento pelo desempenho do recém-chegado defensor, que se adaptou de maneira rápida e não apenas contribui na defesa, mas também é um dos artilheiros da equipe com 8 gols, mesmo número de Irvin Cardona. Le Normand tem a melhor nota média do plantel com 7,54 pontos e seu valor mais do que dobrou em relação ao que pagamos - €16,75M. 

Além dele, como sempre, tenho que destacar Savanier, o cérebro, responsável por quatro gols e dez assistências em 19 partidas. O camisa 11 faz uma temporada ainda melhor do que a passada e garantiu uma merecida renovação contratual com aumento salarial e contrato até 2024. 

 

linha.png
linha.png

INFORMA-ESADICIONAIS.png

Spoiler

Nota: Pessoal que lê o save, a partir de amanhã volto à minha rotina acadêmica. Vou tentar e acredito que seja possível manter esse ritmo de uma atualização semanal, mas se não, apenas aviso que o save não irá ser encerrado. Espero que compreendam. 🙂 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Na década de 90, a coisa mais comum nos campos europeus eram os tradicionais pontas velocistas; dribladores rápidos com capacidade de cruzar bem uma bola e que ficavam sempre preso no seu corredor de atuação. Atualmente, esse é um perfil bastante difícil de se encontrar nos elencos dos grandes clubes do mundo. No jogo moderno, é função dos alas e laterais atacarem os flancos e cruzar a bola para a aula. O ponta tradicional foi substituído pelo ponta de pé trocado. O ponta invertido (extremo invertido em PT-PT, por isso também no jogo e aqui nesse guia) é um desses casos dentro do FM, assim como o avançado interior.
      Enquanto esses pontas de pé trocado surgiram e evoluíram dentro do 4-2-3-1, eles tem funções diferentes dentro de campo de acordo com o time que jogam ou com a formação que são usados. Nas versões anteriores do Football Manager, a única opção tática que um treinador tinha para esse tipo de formação era utilizar um avançado interior. Atualmente, ganhamos uma ferramenta a mais, com o extremo invertido. A principal tarefa desses pontas de pé trocado é utilizar sua velocidade e técnica para duelar com seu marcador e conduzir a bola e o time para mais próximo do gol adversário.
      Para aqueles que ainda não sabem do que estamos falando, vou deixar alguns exemplos da vida real e que inspiraram a Sports Interactive a moldar a função de acordo com seu talento. Jogadores como Arjen Robben, Franck Rybéry e Thierry Henry são alguns dos ícones do futebol que ajudaram o Football Manager a trazer esse tipo de atleta do campo para as telas dos computadores. Hoje, atletas como Serge Gnabry e David Neres são grandes máquinas dentro do Football Manager graças ao que esse tipo de atleta trouxe para o motor do jogo.
      Normalmente, o estilo de jogo desses atletas é bem direito. Uma vez que tem a bola nos pés, eles combinam técnica e dribles com aceleração e boas tomadas de decisão para deixar o marcador para tráz e ou finalizar ou passar a bola para um companheiro melhor posicionado para continuar a jogada. Esse estilo de jogo não combina muito com o estilo de outros avançados interiores da vida real, que cortam para dentro, mas optam por uma enfiada de bola ou cruzamento ao invés do chute.
      Em versões anteriores, ou você transformava esses jogadores em avançados interiores, incluindo seus comportamentos codificados no motor do jogo (e que não podem ser removidos) que instruíam eles a cruzar menos, ou os transformava em construtores de jogo avançados, aceitando que eles iriam cruzar menos e chutar menos, mas fariam passes mais arriscados. Isso mudou a partir do FM 2020, que passou a nos oferecer o Extremo Invertido.
      Como essa função dá aos treinadores maior flexibilidade? As instruções se tornaram mais claras, assim como as percepções de cada um sobre o que cada função pode fazer dentro de uma partida. Para vermos o que eles devem fazer, basta olharmos para as instruções que não podem ser removidas no painel tático. Como mencionamos o Avançado Interior e o Construtor de Jogo Avançado, iremos compará-los antes de chegarmos à estrela desse guia, o Extremo Invertido. Começaremos pelo Construtor de Jogo Avançado.

      O construtor de jogo avançado, quando colocado nas pontas, é primariamente um meio-campista colocado em uma posição de maior largura, que busca encontrar espaços e criar oportunidades para si ou para os companheiros de equipes. O jogador funciona de forma bem restrita, mas tendem a recompor defensivamente quando o time está sem a bola.

      Quando comparamos o construtor de jogo avançado com o avançado interior, podemos ver imediatamente que o avançado interior movimenta-se mais em direção à área, buscando penetrações e necessitam de um tipo diferente de capacidades e habilidades ofensivas.

      E isso faz sentido quando nós examinamos seus comportamentos inerentes e que não podem ser retirados. O avançado interior é mais ofensivo. Eles querem conduzir a bola até o coração da defesa adversária, cortando para dentro a partir do corredor lateral. Ao invés de tentarem criar chances para seus companheiros com uma enfiada de bola, é mais provável que eles tentem marcar o gol por conta própria.
      Entretanto, isso não significa que eles irão chutar a esmo e ignorar companheiros melhores posicionados. Quando colocado em uma tarefa atacar, eles tendem mais a querer marcar o gol, enquanto na função apoiar, o avançado interior está mais afastado do gol e é mais provável que procurem um companheiro livro ou no espaço.

      Isto tudo nos traz até o extremo invertido. A descrição do jogo diz que ele "busca cortar para dentro a partir do terço ofensivo para criar espaço para laterais ultrapassarem e subsequentemente sobrecarregar defensores recuando."

      Seu comportamento inerente é diferente quando comparado as outras funções que mencionamos, já que eles não são instruídos a cruzarem menos ou a correr mais riscos nas tomadas de decisão. Eles são uma versão mais conservativa do avançado interior, ou talvez para ser mais preciso, a combinação entre o avançado interior e o construtor de jogo avançado.
      A movimentação de um extremo invertido é mais lateral se comparada ao avançado interior. O extremo invertido move-se para o corredor central, cortando de uma posição mais aberta. Mas ao invés de finalizar, ele quase sempre passa a bola antes de correr para se posicionar dentro da grande área.

      Quando examinamos o mapa de calor do, combinado com o de passes recebidos pelo, extremo invertido, nós podemos ver essa movimentação. Ele corta para dentro para receber o passe, progride e se posiciona entre o zagueiro e o lateral na área.

      Texto traduzido e adaptado por Henrique M. para o Engenharia do Futebol e FManager Brasil
      Fonte: https://www.footballmanager.com/the-byline/look-inverted-winger-wednesday-wisdom
    • PedroJr14
      By PedroJr14
      Eu já venho matutando há algum tempo uma nova história com um time do meu estado. Depois que o Altos conseguiu o acesso à Série C essa vontade aumentou mais ainda. A grande cereja do bolo foi o relatório sobre a última história que eu fiz aqui, onde o nosso querido @Peepedisse que ainda esperava uma história minha com começo, meio e fim. Desafio aceito!
      O CLUBE
      Muitos aqui sabem que o Altos subiu para a Série C de 2021, mas acredito que poucos sabem das dificuldades enfrentadas pelo clube durante o ano de 2020. A Associação Atlética de Altos fundada como equipe amadora em 2013, na cidade de Altos-PI, cerca de 40km de distância da capital Teresina, se profissionalizou em 2015 e logo obteve sucesso a nível estadual. A organização do clube impressionava e logo no seu primeiro ano profissional conquistou o título da Segunda Divisão do Piauí, garantindo assim o acesso para a Primeira Divisão no ano seguinte. Já no seu primeiro ano na elite, o Altos obteve a melhor campanha do campeonato e venceu a final sobre o River por 4x2 no agregado, porém perdeu o título no tribunal, por conta da escalação de um jogador irregular. Ainda em 2016 o altos obteve a melhor campanha da história da primeira fase da Série D, naquela época(5v-1e-0d), mas acabou eliminado pelo CSA, que conseguiria acessos consecutivos até a primeira divisão.
      O ESTÁDIO

      O Altos manda seus jogos no Estádio Municipal Felipe Raulino, o "FELIPÃO", que tem capacidade para cerca de 4 mil torcedores. Apesar de ficar muito próxima à capital Teresina, o Altos prefere mandar até os jogos grandes no seu estádio, mesmo às vezes sendo menos vantajoso financeiramente, só não joga lá quando é obrigado pela federação. O acanhado Felipe Raulino se transforma em Felipão, um verdadeiro caldeirão quando o time do Altos pisa lá dentro, que já fez o clube conseguir resultados improváveis.
      O MASCOTE

      Particularmente a coisa mais espetacular que eu acho nesse time é o mascote, que além de ser LINDO e SENSUAL, literalmente vive para o clube. E por conta dele eu criei o clássico dos mascotes entre Altos e Piauí Esporte Clube, que também tem um mascote espetacular, nada mais nada menos que um RATO MOLHADO, que se enxuga durante os jogos.
      O QUE ACONTECEU EM 2020?
      A nossa história começará no início de 2020, ignorando os acontecimentos desde ano, mas sem a maioria dos jogadores importantes contratados no ano, diria que sem os mais importantes. Nossas finanças estão zeradas, não temos dinheiro para contratações ou salários e contamos com apenas 18 jogadores no elenco, com posições muito carentes como a presença de apenas 1 goleiro, 1 lateral-direito e 3 zagueiros e 3 meias de ofício.
      Os desafios para um time como o Altos vão bem além das 4 linhas. O clube não tem estrutura, nem investimentos, não tem um banco de análise de dados, nem categorias de base. Vai ser um grande desafio comandar esse time nas próximas temporadas, ainda que eu já conheça alguns atalhos nas divisões inferiores e no Nordeste do Brasil.
      Ainda não posso adiantar qual será a meta para o fim da história, mas acredito que eu só vá parar depois de pelo menos um título de Campeonato Brasileiro, já que eu costumo dar sorte em Copas, então não vou colocar a Copa do Brasil como meta principal. O intervalo (ingame) entre os capítulos também ainda não foi determinado, mas pode ser de 3/3 meses, 4/4 ou 6/6. Devo fazer uma história baseada em tudo que rodeia o clube, passando pelo treinador, presidente e a relação do Altos com a política, o que não costuma dar certo no futebol.
      Estou aberto a dicas, críticas e tudo que possa me ajudar a melhorar como contador dessa história, espero contar com vocês.
      É possível ter uma temporada semelhante à que aconteceu na vida real em 2020-21? Como fazer um time tão limitado ser competitivo? Veremos nos próximos capítulos.
      Sala de troféus
      Capítulos
    • Danut
      By Danut
      Olá pessoal. Sejam bem-vindos ao meu novo save aqui no Profissão: Manager. Desde o FM14 que eu namoro a ideia de jogar um save em que as contratações fiquem nas mãos da diretoria. Nas versões anteriores do FM, porém, essa opção não funcionava de forma adequada. Deixar tudo na mão da diretoria significava jogar campeonatos com apenas cinco ou seis jogadores, com um elenco de dez homens em que seis são laterais esquerdos, e outras bizarrices do tipo. Por conta disso, nunca levei um save do tipo adiante.
      Nas versões mais recentes, porém, isso parece ter sido corrigido. Notadamente, temos aqui na área o exemplo do @ggpofm (que, aliás, novamente merece os créditos pelo banner, que peguei da Galeria de Gráficos), que tem conseguido jogar de forma satisfatória um save nesse estilo. Isso me encorajou a tentar um save no mesmo estilo. A primeira tentativa não teve grande sucesso esportivo, mas a parte das contratações funcionou bem e me encorajou a compartilhar um save nesse formato por aqui.
      E é a partir disso que chegamos ao save atual, no qual acompanharemos a trajetória de Mathis Liam, jovem belga nascido na pequena cidade de Tubize. Diferentemente do que costumo fazer, este será um save de carreira, com o treinador podendo circular também pelos países vizinhos. No entanto, pretendo abordar a carreira de forma um pouco diferente do que está sendo feito em outros saves da área, dando prioridade ao trabalho no clube atual. Não haverá nenhuma regra fixa quanto a isso, mas o meu plano é focar as escolhas de troca de clube no ciclo de cada equipe, em vez de pensar no que seria melhor para a carreira do treinador em si.
       
      Treinador

      Mathis Liam tem 25 anos e poucas qualificações para ser treinador de futebol. Em um daqueles milagres que só acontecem no FM, porém, conseguiu um cargo como treinador em equipe a ser apresentada no próximo post. Com sorte, nosso treinador conseguirá aproveitar a oportunidade para aumentar seu status dentro do mundo do futebol.
       
      Dados do save
      Ligas carregadas: Bélgica, Alemanha, França, Inglaterra (todos 3ª divisão e acima) e Holanda (2ª divisão e acima).
      Base de dados: pequena, com cerca de 24 mil jogadores.
      Data de início: 1º de julho de 2019
      Outras opções: mascarar atributos, não adicionar equipe técnica, sem orçamento na primeira janela de transferências
    • ElPerroMG
      By ElPerroMG
      Em todos os meus saves, desde que comecei a jogar FM, sempre fui vislumbrado por utilizar a divisão de base no FM. Esse amor pelo base só aumentou quando comecei acompanhar de perto o futebol argentino nos últimos anos. Devido a crise no país, os times são obrigados a utilizar o que de melhor em sua categoria jovem para formar elencos competitivos. O maior exemplo disso, e minha maior inspiração, é o que faz Gallardo no comando do River. Nos últimos anos, Gallardo revelou diversas jóias como Emanuel Mammana, Exequiel Palacios, Gonzalo Montiel, Martinez Quarta, Júlian Alvarez, Benjamín Rollheiser entre outros. Devido a essa inspiração no trabalho do Muñeco e minha idolatria pela utilização da base, resolvi abraçar o Desafio da base no FM20, principalmente por conta das melhorias que foram feitas no acompanhamento da base nessa versão do FM. Acompanhei 2 sagas com esse modelo aqui no fórum, a do Ari com o Jaraguá e a do Henrique com a Caldense, que também me serviram de inspiração.

      Como um bom mineiro, não quis fugir do estado na escolha do clube, e, pra falar verdade foi até fácil a escolha. Escolhi o Boston City FC Brasil, time criado em 2018 exatamente com essa ideia - O clube brasileiro foi criado com a missão de ser autossuficiente no que diz respeito ao desenvolvimento de seus próprios atletas. O clube hoje já conta com uma excelente infraestrutura para o apoio, suporte e desenvolvimento de seus jogadores.

      Utilizando somente nossas fornadas, tentaremos atingir os seguintes objetivos:
      Equipe
      Utilizar somente a base Aplicar o modelo de jogo ofensivo visando a posse de bola e passes rápidos.  Reter o máximo de jogadores na equipe impedindo que saiam para a Europa.  Ter um jogador formado no time convocado para a seleção (Maikon Motta (38B), Adriel Luciano (42A), Allanzinho (44A)) Ter um jogador formado no clube disputando uma Copa do Mundo (Allanzinho 44A Copa 2050 e 2054); (Adriel Luciano 42A Copa 2054); (Felipe Bezerra 46F Copa 2054) Ter eleito o melhor jogador da América do Sul Ter eleito o melhor jogador jovem do mundo formado na base do Boston.  Ter eleito o melhor jogador do mundo formado na base do Boston. Clube
      Possuir o melhor centro de treinamento profissional de Minas Gerais Possuir o melhor centro de treinamento de base de Minas Gerais Possuir o melhor centro de treinamento profissional do Brasil Possuir o melhor centro de treinamento de base do Brasil Possuir a melhor estrutura de clube Sul Americano Se tornar o principal clube formador de Minas Gerais (2042, 2043) Se tornar o principal clube formador do Brasil  (2042, 2043) Se tornar o principal clube formador da América do Sul Se tornar o principal clube Mineiro Se tornar o principal clube Brasileiro (2053) Se tornar o principal clube da América do Sul (2053) Ficar entre os 5 melhores clubes do mundo: (Recorde: 8º em 2053) Títulos
      Chegar a elite do campeonato mineiro (2025) Ganhar o Campeonato mineiro (2045), (2046) (2047) (2048), (2049), (2050), (2051), (2053), (2054) Ganhar a Taça Minas Gerais (2036) Chegar a elite do campeonato brasileiro (2042) Ganhar o Brasileiro série A. (2051), (2052), (2053), (2054) Ganhar a Copa do Brasil (2046), (2050), (2051), (2054) Ganhar a Super Copa do Brasil (2047), (2051), (2053), (2054) Ganhar a Sul Americana (2046), (2049) Ganhar a Libertadores (2050), (2052), (2053) Ganhar a Recopa Sulamericana (2047), (2050), (2051), (2053), (2054) Ganhar o Mundial de clubes (2053)
      O Boston City F.C Brasil é um clube de futebol brasileiro profissional sediado na cidade de Manhuaçu – MG. O Clube foi fundado no Brasil em Janeiro de 2018 por seus idealizadores, o empresario brasileiro Renato Valentim e o Ex Craque do futebol Internacional o brasileiro Jorge Ferreirra, mais conhecido como Palhinha.
      A filial brasileira do Boston City F.C Brasil foi criada após o enorme sucesso e destaque de sua matriz americana, o Boston City F.C, que hoje tem sua sede na cidade de Boston – EUA . O Clube brasileiro foi criado com a missão de ser autossuficiente no que diz respeito ao desenvolvimento de seus próprios atletas. O clube hoje já conta com uma excelente infraestrutura para o apoio, suporte e desenvolvimento de seus jogadores.
      No mesmo ano de sua fundação o clube teve sua filiação junto ás principais entidades do futebol brasileiro, Federação Mineira de Futebol (FMF) entidade maxima do futebol para o Estado de Minas Gerais e Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entidade máxima do futebol para o Brasil. O Clube já conta com quatro categorias de base e uma equipe profissional nas quais disputam os principais campeonatos estaduais.
      O Escudo bem como as cores oficiais do Boston City F.C Brasil seguem as mesmas de sua matriz americana, O escudo: Leão Rampante dominando uma bola de futebol com a cidade de Boston como plano de fundo da imagem. Suas cores oficiais são: Vermelho, Azul e Branco.





    • Valismaalane
      By Valismaalane
      O nosso primeiro clube na carreira será o:
        Paide Linnameeskond
       
      Paide Linnameeskond é um clube estoniano de futebol, fundado em 1990 e refundado em 2004, com sede em Paide e manda seus jogos no Paide Linnastaadion. O Paide iniciou como um clube filial do FC Flora (O maior time da Estonia), e no ano de 2005, conseguiu 4 acessos consecutivos, uma coisa inédita no campeonato Estoniano, sendo o primeiro a fazer isso e o único, por enquanto. O Paide é um time com um grande projeto, sendo o time que busca todo seu sucesso baseado em se sustentar na elite do campeonato estoniano. Neste sentido, rapidamente o Paide se tornou a quarta força do país conseguindo um Vice-campeonato da copa em 2015, ainda não foi campeão de nada, mas o seu desenvolvimento chama atenção, principalmente pela contratração de jogadores estrangeiros e repatriação de jogadores estonianos que já estiveram na seleção. O Paide ainda não venceu nada na Estonia, mas vamos mudar isso!
      Site oficial do clube: https://www.paidelinnameeskond.ee/ 
      Técnico: O Técnico sera Ragnar Dragunov, um antigo jogador da seleção estoniana e revelado pelo próprio Paide. Embora não tenha sido um jogador de sucesso, é um jogador relativamente conhecido entre os torcedores estonianos. Ragnar foi contratado com apenas 19 anos como uma das maiores promessas do país pelo Schalke 04, mas não conseguiu espaço no clube e rodou por diversos países como Japão, Uzbequistão, Cazaquistão, Russia e armênia, retornou a Estonia e encerrou sua carreira no Valga Warriors de Valga na segunda divisão estoniana. (Experiência passada no clube // História ficticia)
       
      Metas do Save:
       
       - Me tornar um dos maiores técnicos da Estonia
       - Classificar um clube estoniano para fase de grupos da EURO
      Classificar um clube estoniano para fase de grupos da Champions
      Revelar jogadores estonianos com nível para seleção (Zarikov - Cap. 30)
      - Ver ou Classificar a Estonia para uma copa do mundo inédita
      - Ver ou Classificar a Estonia para uma Eurocopa Inédita
      Objetivos do save:
      - Permitido trocar de clube durante o save
      - Se assumir a seleção tenho que estar sem clube ou trocar o clube pela seleção (não comandar os dois simultaneamente)
      - O save é voltado para o técnico e não para a liga estoniana (embora seja uma das minhas vontades crescer o futebol estoniano)
      - Se for necessário, posso mudar os objetivos do save durante a temporada.
      - Me divertir
      Início da Carreira:
       Temporada 01/2019

       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       Temporada 02/2020

       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Primeira fase Mata-Mata
       Temporada 03/2021
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Fase de Grupos
       Temporada 04/2022
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Vice-Campeão)
      Copa da Estonia (Eliminado pelo Kalju nas Quartas-Final)
       - Não classificado para nenhuma competição Continental
       Temporada 05/2023
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Eliminado no Mata-Mata para o Heerenveen
       Temporada 06/2024
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       Champions League (Eliminado na fase de Grupos)
       Temporada 07/2025 e 2026
      Juventus Football Club - Demitido
       Campeonato Italiano (4º Lugar)
       Copa da Italia (Eliminado)
       Champions League (Eliminado nas Quartas)
       Temporada 08/2026 e 2027
       Sassuolo -
      -
      -
      -
      Base do Jogo:
      *Foram adicionados no ano de 2021 o Brasil, Portugal e a Italia
      Notas do Jogador:
      Espero me divertir e que todos os leitores se divirtam. Criticas construtivas sempre serão bem recebidas, e espero uma boa interação com todos! Obrigado e "NAUTIGE"!
      Obs: Kogemus Jalgpall significa algo como: "Sinta o futebol", "experiencie o futebol" (não tem um significado literal para português, mas é utilizado para vivenciar algo)
       
      Gostaria de deixar aqui um agradecimento especial ao @ggpofm pelas varias dicas e conselhos e por ter feito o Banner da saga! Também gostaria de agradecer a todos que estão dando seus respectivos feedback e acompanhando, interagindo com a saga! Obrigado!
×
×
  • Create New...