Jump to content
Sign in to follow this  
Leho.

Cultura do cancelamento e julgamentos virtuais

Recommended Posts

Leho.

 

Acredito que os senhores estejam sabendo do caso... e aí?

Rafinha Bastos, pessoa que é bem próxima ao acusado soltou esse vídeo hoje:

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Léo R.

Comprovada a veracidade das mensagens, tem que ser punido. Chega a ser doentia a conversa.

Tem esse aqui também:

https://entretenimento.uol.com.br/noticias/redacao/2020/06/10/cpm-22-afasta-o-baterista-japinha-apos-conversa-vazada-com-menor.htm


 

Edited by Léo R.

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉

Esse PC pra mim sempre foi tosco, mas daí pra pedofilia tem um espaço enorme. Espero que seja punido.
Esse perfil que jogou a história no ar: https://twitter.com/ExposedEmo1 e tem um áudio de uma suposta confissão rolando também, e outros artistas, como o Marcelo da Strike.

Edit: O PC apagou do Insta o storie que usou pra se defender. Ihhhhh...

Share this post


Link to post
Share on other sites
-Igor

Esses tempo atrás também aquele tal de Muca Muriçoca foi acusado aí, tinha muito print de menina falando disso. Mas não sei se isso foi levado pra frente. 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
ZMB

O que me assusta é o crescimento desses tribunais de cancelamento da internet.

Como o Rafinha exemplificou, acharam coisa dele de dez anos atrás pra botar ele no bolo da pedofilia, só porque ele fazia programa com o PC, ou porque não se manifestou antes.

Basicamente, ou você imediatamente se manifesta e atira cinco pedras no acusado, ou você é tão culpado quanto ele.

Calma, pessoal.

O Rafinha (usando de exemplo, mas vale para qualquer outra pessoa próxima ou influenciador com relevância nesse meio) é um ser humano, leva tempo para assimilar as informações (se coloquem no lugar, você trabalha anos com uma pessoa, e do nada descobre que existe uma forte possibilidade desse sujeito ter um distúrbio psiquiátrico grave e cometer atos do nível ora discutido) e tem, mais do que qualquer um, grande responsabilidade pelas palavras que proferir.

Pode ter 99% de chance de tudo ali ser verdade. Mas e se não for? Como fica. Aliás, só a perícia vai confirmar, o resto é achismo nosso.

Ou ainda, se ele tiver mesmo cometido esses atos horríveis, mas diante da reação popular, vier a cometer um ato contra a própria vida? E aí?

Eu sempre interpretei pessoas que cometem atos dessa natureza (contra a dignidade sexual alheia) como mentalmente perturbadas. Não consigo visualizar alguém mentalmente sadio estuprando outra pessoa, ou mesmo fazendo o que o PC alegadamente fez.

O que eu quero dizer com isso? Que se cadeia já não resolve o problema de criminoso "comum", não é nesse caso que vai resolver. Serviria somente como vingança pelo ato que supostamente cometeu (e, até onde me consta, abandonamos a fase da vingança faz alguns séculos).

Na minha opinião, esse cara tem sim que ser investigado, eventualmente processado criminalmente, e se for o caso, cumprir medida de segurança, e não pena privativa de liberdade.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lowko é Powko
49 minutos atrás, ZaMBiA disse:

O que me assusta é o crescimento desses tribunais de cancelamento da internet.

Como o Rafinha exemplificou, acharam coisa dele de dez anos atrás pra botar ele no bolo da pedofilia, só porque ele fazia programa com o PC, ou porque não se manifestou antes.

Basicamente, ou você imediatamente se manifesta e atira cinco pedras no acusado, ou você é tão culpado quanto ele.

Calma, pessoal.

O Rafinha (usando de exemplo, mas vale para qualquer outra pessoa próxima ou influenciador com relevância nesse meio) é um ser humano, leva tempo para assimilar as informações (se coloquem no lugar, você trabalha anos com uma pessoa, e do nada descobre que existe uma forte possibilidade desse sujeito ter um distúrbio psiquiátrico grave e cometer atos do nível ora discutido) e tem, mais do que qualquer um, grande responsabilidade pelas palavras que proferir.

Pode ter 99% de chance de tudo ali ser verdade. Mas e se não for? Como fica. Aliás, só a perícia vai confirmar, o resto é achismo nosso.

Ou ainda, se ele tiver mesmo cometido esses atos horríveis, mas diante da reação popular, vier a cometer um ato contra a própria vida? E aí?

Eu sempre interpretei pessoas que cometem atos dessa natureza (contra a dignidade sexual alheia) como mentalmente perturbadas. Não consigo visualizar alguém mentalmente sadio estuprando outra pessoa, ou mesmo fazendo o que o PC alegadamente fez.

O que eu quero dizer com isso? Que se cadeia já não resolve o problema de criminoso "comum", não é nesse caso que vai resolver. Serviria somente como vingança pelo ato que supostamente cometeu (e, até onde me consta, abandonamos a fase da vingança faz alguns séculos).

Na minha opinião, esse cara tem sim que ser investigado, eventualmente processado criminalmente, e se for o caso, cumprir medida de segurança, e não pena privativa de liberdade.

A questão da punição tem a ver com como você enxerga o ato, realmente. Eu não considero que estupro é questão de problema mental. Estupro é quase sempre uma questão de poder. Abuso de crianças tem outras características, claro.

Quanto a cultura do cancelamento, isso é reflexo da polarização radical, do bem contra o mal. Se você não está conosco, está contra nós.

Share this post


Link to post
Share on other sites
RYUxd
21 minutos atrás, Lowko é Powko disse:

Quanto a cultura do cancelamento, isso é reflexo da polarização radical, do bem contra o mal. Se você não está conosco, está contra nós.

Eu discordo. Pra mim, o crescimento da cultura do cancelamento é um reflexo direto da falta de confiança do brasileiro nas suas instituições.

Cancelar é um tipo de linchamento virtual, no fim das contas, isso daí se resume na vontade de fazer justiça com as próprias mãos. O brasileiro, hoje, prefere expor um criminoso nas redes sociais pra destruir a reputação dele instantaneamente do que usar as leis do país para que o criminoso seja punido de forma correta. Um prato cheio pra merdas gigantescas quando uma injustiça for feita.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lowko é Powko
7 minutos atrás, RYUxd disse:

Eu discordo. Pra mim, o crescimento da cultura do cancelamento é um reflexo direto da falta de confiança do brasileiro nas suas instituições.

Cancelar é um tipo de linchamento virtual, no fim das contas, isso daí se resume na vontade de fazer justiça com as próprias mãos. O brasileiro, hoje, prefere expor um criminoso nas redes sociais pra destruir a reputação dele instantaneamente do que usar as leis do país para que o criminoso seja punido de forma correta. Um prato cheio pra merdas gigantescas quando uma injustiça for feita.

Pode ser, também. Pensei agora na instrumentalização da internet, dentro de um contexto propício, para expressar algo que sempre esteve presente. A internet não demanda que você esteja cara a cara com alguém, e isso traz incentivos para que você trate o outro de forma despersonalizada, ou mesmo que ignore argumentos e o diálogo. Basta ver isso aqui no fórum.

Não é que hoje o brasileiro prefere fazer isso, é que apenas hoje o brasileiro consegue fazer isso nessa escala.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mantrax

Embora não acompanhasse tem algum tempo o seu canal no youtube, era inscrito no Ilha de Barbados e receber uma notícia dessas é um choque.

O áudio vazado dele após as denúncias não deixa margem pra dúvida. Que os responsáveis sejam punidos.

Não se pode passar pano pra esse tipo de atitude.

Edited by Mantrax

Share this post


Link to post
Share on other sites
Léo R.

Vi o vídeo do Rafinha e que o PC apagou as paradas do instagram. Pra mim, ele se entregou. Que seja punido.

Sobre esse lance do cancelamento com pessoas, penso igual. Até refleti sobre, isso é bem comum na galera de esquerda que reclama de gente que quer fazer justiça com as "próprias mãos", mas estão fazendo a mesma coisa em um formato virtual.

 

Edited by Léo R.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Leho.
1 hour ago, ZaMBiA said:

[...] Pode ter 99% de chance de tudo ali ser verdade. Mas e se não for? Como fica? Aliás, só a perícia vai confirmar, o resto é achismo nosso. [...]

Sim, exatamente. Criei o tópico no intuito de conversarmos sobre o tema, e não especificamente chegar a um veredito sobre o caso do PC, ou o de outros, nem de longe foi minha intenção. No mais, concordo bastante com teu post.

🙂

 

p.s: alterei o título pra se encaixar melhor no intuito do tópico.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.
2 hours ago, ZaMBiA said:

O que eu quero dizer com isso? Que se cadeia já não resolve o problema de criminoso "comum", não é nesse caso que vai resolver. Serviria somente como vingança pelo ato que supostamente cometeu (e, até onde me consta, abandonamos a fase da vingança faz alguns séculos).

Mas, meu amigo, cadeia não é para resolver problema, cadeia é para "nós" nos vingarmos dos criminosos mesmo. Existem bastante pesquisas de opinião sobre essa questão da reabilitação do criminoso x punição do criminoso. A maior parte da população não quer que o criminoso seja reabilitado e colocado novamente na sociedade, ele quer que ele apodreça no cárcere.

A questão é saber encontrar a linha entre reabilitação e punição. Existem crimes que não tem como, o parecer final tem que ser punitivo. A chave é achar o ponto moral e ético que vai delimitar o que dá para reabilitar e o que não dá.

42 minutes ago, RYUxd said:

Eu discordo. Pra mim, o crescimento da cultura do cancelamento é um reflexo direto da falta de confiança do brasileiro nas suas instituições.

Cancelar é um tipo de linchamento virtual, no fim das contas, isso daí se resume na vontade de fazer justiça com as próprias mãos. O brasileiro, hoje, prefere expor um criminoso nas redes sociais pra destruir a reputação dele instantaneamente do que usar as leis do país para que o criminoso seja punido de forma correta. Um prato cheio pra merdas gigantescas quando uma injustiça for feita.

A cultura do cancelamento não é algo nosso, foi importada (ou cooptada) dos EUA.

Share this post


Link to post
Share on other sites
raskor

Essa cultura de cancelamento tem que acabar.

Lembro de um caso onde um pro player de LoL disse que o nazismo foi importante para o desenvolvimento da ciência, ou algo do tipo. Taxaram o cara de nazista, ele foi expulso do time e perdeu contratos de patrocínio.

Teve o caso de uma youtuber que apenas emitiu a opinião dela ao afirmar sobre a existência de racismo contra brancos. Essa ainda sofreu mais, porque o Felipe Neto fez questão de cancelá-la. Anos de esforço e carreira jogados no lixo porque ela quis emitir uma opinião que destoa do que a turma do cancelamento prega.

Espero que linchamento virtual torne-se crime, e qualquer um que participe ou lidere uma cruzada contra alguém, seja punido de acordo com a lei.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉
21 minutes ago, raskor said:

Essa cultura de cancelamento tem que acabar.

Lembro de um caso onde um pro player de LoL disse que o nazismo foi importante para o desenvolvimento da ciência, ou algo do tipo. Taxaram o cara de nazista, ele foi expulso do time e perdeu contratos de patrocínio.

Teve o caso de uma youtuber que apenas emitiu a opinião dela ao afirmar sobre a existência de racismo contra brancos. Essa ainda sofreu mais, porque o Felipe Neto fez questão de cancelá-la. Anos de esforço e carreira jogados no lixo porque ela quis emitir uma opinião que destoa do que a turma do cancelamento prega.

Espero que linchamento virtual torne-se crime, e qualquer um que participe ou lidere uma cruzada contra alguém, seja punido de acordo com a lei.

 

Felipe Neto já cancelou um monte de gente comum, fez perder emprego, etc. Tenho convicção que esse cara tem sujeira envolvida por trás e um dia vão achar. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
ZMB
30 minutos atrás, Henrique M. disse:

Mas, meu amigo, cadeia não é para resolver problema, cadeia é para "nós" nos vingarmos dos criminosos mesmo. Existem bastante pesquisas de opinião sobre essa questão da reabilitação do criminoso x punição do criminoso. A maior parte da população não quer que o criminoso seja reabilitado e colocado novamente na sociedade, ele quer que ele apodreça no cárcere.

A questão é saber encontrar a linha entre reabilitação e punição. Existem crimes que não tem como, o parecer final tem que ser punitivo. A chave é achar o ponto moral e ético que vai delimitar o que dá para reabilitar e o que não dá.

O que a população quer ou não quer é diferente dos fins e funções da pena. O fracasso destas independe da opinião pública, até porque é uma discussão mundial, e não somente em relação a esse sistema carcerário falido que temos no Brasil.

21 minutos atrás, raskor disse:

Espero que linchamento virtual torne-se crime, e qualquer um que participe ou lidere uma cruzada contra alguém, seja punido de acordo com a lei.

E vai resolver: nada.

A grande questão que precisamos perceber, enquanto cidadãos, é que a criminalização de condutas não resolve problema social.

O Direito Penal não é um tapete para baixo de onde você varre a sujeira e espera magicamente que ela suma.

Share this post


Link to post
Share on other sites
-Igor
4 horas atrás, ZaMBiA disse:

O que me assusta é o crescimento desses tribunais de cancelamento da internet.

Como o Rafinha exemplificou, acharam coisa dele de dez anos atrás pra botar ele no bolo da pedofilia, só porque ele fazia programa com o PC, ou porque não se manifestou antes.

Basicamente, ou você imediatamente se manifesta e atira cinco pedras no acusado, ou você é tão culpado quanto ele.

Calma, pessoal.

O Rafinha (usando de exemplo, mas vale para qualquer outra pessoa próxima ou influenciador com relevância nesse meio) é um ser humano, leva tempo para assimilar as informações (se coloquem no lugar, você trabalha anos com uma pessoa, e do nada descobre que existe uma forte possibilidade desse sujeito ter um distúrbio psiquiátrico grave e cometer atos do nível ora discutido) e tem, mais do que qualquer um, grande responsabilidade pelas palavras que proferir.

Pode ter 99% de chance de tudo ali ser verdade. Mas e se não for? Como fica. Aliás, só a perícia vai confirmar, o resto é achismo nosso.

Ou ainda, se ele tiver mesmo cometido esses atos horríveis, mas diante da reação popular, vier a cometer um ato contra a própria vida? E aí?

Eu sempre interpretei pessoas que cometem atos dessa natureza (contra a dignidade sexual alheia) como mentalmente perturbadas. Não consigo visualizar alguém mentalmente sadio estuprando outra pessoa, ou mesmo fazendo o que o PC alegadamente fez.

O que eu quero dizer com isso? Que se cadeia já não resolve o problema de criminoso "comum", não é nesse caso que vai resolver. Serviria somente como vingança pelo ato que supostamente cometeu (e, até onde me consta, abandonamos a fase da vingança faz alguns séculos).

Na minha opinião, esse cara tem sim que ser investigado, eventualmente processado criminalmente, e se for o caso, cumprir medida de segurança, e não pena privativa de liberdade.

Não poderia concordar mais.

Porém, chegamos num ponto tão extremo, que se você solta um argumento desse num twitter da vida, o cancelamento é direcionado a você, pois começam a te chamar de lacrador, esquerdopata, comunista, defensor de bandido e todas essa coisas que costumamos ver diariamente a quem emite uma opinião. 

Infelizmente, a falta de interpretação e discernimento do brasileiro está chegando num nível absurdo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mantrax
2 horas atrás, raskor disse:

Essa cultura de cancelamento tem que acabar.

Lembro de um caso onde um pro player de LoL disse que o nazismo foi importante para o desenvolvimento da ciência, ou algo do tipo. Taxaram o cara de nazista, ele foi expulso do time e perdeu contratos de patrocínio.

Teve o caso de uma youtuber que apenas emitiu a opinião dela ao afirmar sobre a existência de racismo contra brancos. Essa ainda sofreu mais, porque o Felipe Neto fez questão de cancelá-la. Anos de esforço e carreira jogados no lixo porque ela quis emitir uma opinião que destoa do que a turma do cancelamento prega.

Espero que linchamento virtual torne-se crime, e qualquer um que participe ou lidere uma cruzada contra alguém, seja punido de acordo com a lei.

 

Pera aí. Concordo com essa questão do linchamento virtual, a tal cultura do cancelamento e que ela deveria acabar.

Porém, a partir do momento que a pessoa fala bosta, ela deveria saber que isso pode ter repercussões em sua vida profissional e é normal que instituições queiram se desligar de quem tem opiniões "contraditórias". Isso é tanto na internet quanto fora dela. 

Como por exemplo, o coach de lol que vc se referiu, ele não só falou do nazismo em questão de ciência, como falou outras merdas relacionadas ao tema, passando pano nas merdas nazistas. Que time vai querer um coach q trás esse tipo de pensamentos pra uma mulecada nova que tem 18 anos e está começando a formar opinião?

Share this post


Link to post
Share on other sites
raskor
11 minutos atrás, Mantrax disse:

Pera aí. Concordo com essa questão do linchamento virtual, a tal cultura do cancelamento e que ela deveria acabar.

Porém, a partir do momento que a pessoa fala bosta, ela deveria saber que isso pode ter repercussões em sua vida profissional e é normal que instituições queiram se desligar de quem tem opiniões "contraditórias". Isso é tanto na internet quanto fora dela. 

Como por exemplo, o coach de lol que vc se referiu, ele não só falou do nazismo em questão de ciência, como falou outras merdas relacionadas ao tema, passando pano nas merdas nazistas. Que time vai querer um coach q trás esse tipo de pensamentos pra uma mulecada nova que tem 18 anos e está começando a formar opinião?

Mas essas repercussões só se dão por conta da cultura do cancelamento, ué. Ou tu acha que se não fosse pela pressão exercida pela militância, as empresas iriam desfazer parcerias? Duvido muito. O que acontece é simples: A pessoa emite uma opinião, a militância discorda e faz o possível e o impossível para que a pessoa se foda muito na vida. Agem com ódio. Aí para a empresa de desvincular desse ódio, cortam laços com a pessoa que está sendo alvo desta covardia.

Eu não vi passadas de pano não, eu vi ele falando das coisas boas que aconteceram como consequência do nazismo, como a evolução tecnológica e científica que ocorreu por conta da guerra. Eu não acho que ele tenha uma suástica tatuada no braço ou que ele odeie judeus. O problema é que é quase impossível tratar de temas delicados hoje em dia porque já te acusam de passar pano e ser aquilo que você não é. Isso se reflete até em temas mais simples: Se você elogiar algo que o Lula fez, você é petista comunista, se você elogiar algo que o Bolsonaro fez, você é nazista fascista. E assim por diante.

Edited by raskor

Share this post


Link to post
Share on other sites
Mantrax
4 minutos atrás, raskor disse:

Mas essas repercussões só se dão por conta da cultura do cancelamento, ué. Ou tu acha que se não fosse pela pressão exercida pela militância, as empresas iriam desfazer parcerias? Duvido muito. O que acontece é simples: A pessoa emite uma opinião, a militância discorda e faz o possível e o impossível para que a pessoa se foda muito na vida. Agem com ódio. Aí para a empresa de desvincular desse ódio, cortam laços com a pessoa que está sendo alvo desta covardia.

Eu não vi passadas de pano não, eu vi ele falando das coisas boas que aconteceram como consequência do nazismo, como a evolução tecnológica e científica que ocorreu por conta da guerra. Eu não acho que ele tenha uma suástica tatuada no braço ou que ele odeie judeus. O problema é que é quase impossível tratar de temas delicados hoje em dia porque já te acusam de passar pano e ser aquilo que você não é. Isso se reflete até em temas mais simples: Se você elogiar algo que o Lula fez, você é petista comunista, se você elogiar algo que o Bolsonaro fez, você é nazista fascista. E assim por diante.

Eu acho que vc está confundindo um pouco as coisas. Pessoas sempre fizeram merda e quando isso torna-se público é natural os efeitos na vida profissional. Isso sempre ocorreu.

A diferença é que pela questão da internet, esse tipo de exposição está sendo feito por pessoas que só querem ver o circo pegando fogo e jogando em mídias sociais, como o Twitter, onde todo mundo tá se comendo em cada comentário.

Isso não muda o fato de o PC, motivação da criação do tópico, tem que ser cobrado pelo que fez ou deixou de fazer e que isso vai ter peso na vida do cara.

O que não pode é 1 milhão de pessoas xingando o maluco, perseguindo em redes sociais e mandando email pra qualquer empresa que um dia teve ligação profissional com o cara.

Share this post


Link to post
Share on other sites
raskor
1 minuto atrás, Mantrax disse:

O que não pode é 1 milhão de pessoas xingando o maluco, perseguindo em redes sociais e mandando email pra qualquer empresa que um dia teve ligação profissional com o cara.

Mas eu to falando exatamente disso.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ZMB

Outra coisa: cara, o ato absurdamente mais grave é da MÃE da criança, né?

Pqp. Essa menina precisa ser encontrada logo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
raskor

Estão querendo cancelar o Monark porque ele convidou o cara do Xbox Mil Grau pro Flow (podcast de entrevista do Monark).

Isso porque eles avisaram como que vai ser o teor da conversa:
 

 

Mas a lacrosfera, do alto de sua ignorância e ódio, não consegue enxergar que não existe pessoa proibida e ficam repetindo esse papo de "dar palco pra racista", sendo que os entrevistadores já disseram que vão cobrar o xbox mil grau.

Parabenizo o Monark, que tava tacando o foda-se no Twitter e disse que entrevistaria até Hitler, se pudesse.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Léo R.

Parece que o PC confirmou que os áudios são reais e disse que o vídeo das mensagens está "fora de contexto". Resumindo, ele assumiu. Que ele e os envolvidos sejam punidos.

Edited by Léo R.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Aleef

Apagou o canal do youtube.

Share this post


Link to post
Share on other sites
𝙻𝚄𝙸𝚉

Olha o lixo tentando destruir mais um, sempre em busca de lAcRaR. 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

×
×
  • Create New...