Jump to content
Sign in to follow this  
joga

O melhor, onde for! - THE END

Recommended Posts

Valismaalane

Barcelona me decepcionou horrores nessa reta final kkkkkkkkkkkkk

Perder título pro real beleza, mas 2x 4° e perder título pro Betis é fogo kkkkkkkkkk

Pelo menos veio um vice pra conta de um fantasy sensacional. Já estamos preparados para mais! 

Vlw @joga

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroLuis

Performance vergonhosa aheuaheuahe.

No mais, muito boa essa nova edição de fantasy!

Share this post


Link to post
Share on other sites
LucasGuitar

Tive uma pequena recuperação no final, senão teria sido tenebroso meu desempenho

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • ADAUTO FILHO
      By ADAUTO FILHO
      O Burnley Football Club, apelidado de The Clarets (Os Vinho Tinto) devido a cor de sua camisa, é um clube de futebol profissional situado na cidade de Burnley, no leste do condado de Lancashire, Inglaterra.
      O Burnley foi um dos 12 fundadores da Football League, em 1888,[4] além de ser um dos cinco times que já conquistaram as quatro principais divisões profissionais do país, ao lado de Portsmouth, Wolverhampton Wanderers, Sheffield United e Preston North End.[5] Foi campeão inglês em duas oportunidades (temporadas 1920-21 e 1959-60),[6][7] da FA Cup uma vez (1913-14) e da Supercopa da Inglaterra duas vezes (1960 e 1973). Entre seus grandes feitos consta, também, as quartas de final da Copa dos Campeões da Europa, atual UEFA Champions League, em 1960-61, quando foi eliminado pelo alemão Hamburgo.
      Disputa atualmente a Premier League, a principal divisão do futebol inglês, a qual retornou após conquistar o título da Segunda Divisão na temporada 2015-16. Manda seus jogos no estádio Turf Moor, onde atua desde 17 de fevereiro de 1883.
                                                                                                          
    • ElPerroMG
      By ElPerroMG
      Em todos os meus saves, desde que comecei a jogar FM, sempre fui vislumbrado por utilizar a divisão de base no FM. Esse amor pelo base só aumentou quando comecei acompanhar de perto o futebol argentino nos últimos anos. Devido a crise no país, os times são obrigados a utilizar o que de melhor em sua categoria jovem para formar elencos competitivos. O maior exemplo disso, e minha maior inspiração, é o que faz Gallardo no comando do River. Nos últimos anos, Gallardo revelou diversas jóias como Emanuel Mammana, Exequiel Palacios, Gonzalo Montiel, Martinez Quarta, Júlian Alvarez, Benjamín Rollheiser entre outros. Devido a essa inspiração no trabalho do Muñeco e minha idolatria pela utilização da base, resolvi abraçar o Desafio da base no FM20, principalmente por conta das melhorias que foram feitas no acompanhamento da base nessa versão do FM. Acompanhei 2 sagas com esse modelo aqui no fórum, a do Ari com o Jaraguá e a do Henrique com a Caldense, que também me serviram de inspiração.

      Como um bom mineiro, não quis fugir do estado na escolha do clube, e, pra falar verdade foi até fácil a escolha. Escolhi o Boston City FC Brasil, time criado em 2018 exatamente com essa ideia - O clube brasileiro foi criado com a missão de ser autossuficiente no que diz respeito ao desenvolvimento de seus próprios atletas. O clube hoje já conta com uma excelente infraestrutura para o apoio, suporte e desenvolvimento de seus jogadores.

      Utilizando somente nossas fornadas, tentaremos atingir os seguintes objetivos:
      Equipe
      Utilizar somente a base Aplicar o modelo de jogo ofensivo visando a posse de bola e passes rápidos.  Reter o máximo de jogadores na equipe impedindo que saiam para a Europa.  Ter eleito o melhor jogador da América do Sul Ter eleito o melhor jogador jovem do mundo.  Ter eleito o melhor jogador do mundo.  Clube
      Possuir o melhor centro de treinamento profissional de Minas Gerais Possuir o melhor centro de treinamento de base de Minas Gerais Possuir o melhor centro de treinamento profissional do Brasil Possuir o melhor centro de treinamento de base do Brasil Possuir a melhor estrutura de clube Sul Americano Se tornar o principal clube formador de Minas Gerais Se tornar o principal clube formador do Brasil Se tornar o principal clube formador da América do Sul Se tornar o principal clube Mineiro Se tornar o principal clube Brasileiro Se tornar o principal clube da América do Sul Ficar entre os 5 melhores clubes do mundo  Títulos
      Chegar a elite do campeonato mineiro (2025) Ganhar o Campeonato mineiro Ganhar a Taça Minas Gerais Chegar a elite do campeonato brasileiro Ganhar o Brasileiro série A Ganhar a Copa do Brasil Ganhar a Super Copa do Brasil Ganhar a Sul Americana Ganhar a Libertadores Ganhar a Recopa Sulamericana Ganhar o Mundial de clubes
      O Boston City F.C Brasil é um clube de futebol brasileiro profissional sediado na cidade de Manhuaçu – MG. O Clube foi fundado no Brasil em Janeiro de 2018 por seus idealizadores, o empresario brasileiro Renato Valentim e o Ex Craque do futebol Internacional o brasileiro Jorge Ferreirra, mais conhecido como Palhinha.
      A filial brasileira do Boston City F.C Brasil foi criada após o enorme sucesso e destaque de sua matriz americana, o Boston City F.C, que hoje tem sua sede na cidade de Boston – EUA . O Clube brasileiro foi criado com a missão de ser autossuficiente no que diz respeito ao desenvolvimento de seus próprios atletas. O clube hoje já conta com uma excelente infraestrutura para o apoio, suporte e desenvolvimento de seus jogadores.
      No mesmo ano de sua fundação o clube teve sua filiação junto ás principais entidades do futebol brasileiro, Federação Mineira de Futebol (FMF) entidade maxima do futebol para o Estado de Minas Gerais e Confederação Brasileira de Futebol (CBF), entidade máxima do futebol para o Brasil. O Clube já conta com quatro categorias de base e uma equipe profissional nas quais disputam os principais campeonatos estaduais.
      O Escudo bem como as cores oficiais do Boston City F.C Brasil seguem as mesmas de sua matriz americana, O escudo: Leão Rampante dominando uma bola de futebol com a cidade de Boston como plano de fundo da imagem. Suas cores oficiais são: Vermelho, Azul e Branco.

       

       
       

    • Bruno Trink
      By Bruno Trink
      INFO   EQUIPE   ACADEMIA   1.FCK II  JOGOS   CLASSIFICAÇÃO   TRANSFERÊNCIAS   FINANÇAS
       
      Grüße, rote Teufel!
       
      Sejam bem-vindos à minha nova casa. Começo hoje a escrever meu blog, que alguns de vocês já devem conhecer, aqui na prestigiosa kicker Sportmagazin.
       

      E é mera coincidência que isso aconteça bem na semana em que Miroslav Klose foi anunciado como novo treinador da equipe principal do Kaiserslautern. Miro, que jogou no clube de 1999 a 2004, primeiro no sub-23 e depois no time de cima, estava trabalhando como treinador do sub-17 do Bayern München. A notícia caiu como uma surpresa entre os torcedores, em grande parte pela pouca bagagem dele comandando uma equipe de futebol. 
      Como jogador, lógico, não há nada a contestar. Da base do SG Blaubach-Diedelkopf, começou sua carreira no FC 08 Homburg antes de vir para cá. Daqui, passou três anos no Werder Bremen, quatro no Bayern e cinco na Lazio, da Itália, onde se aposentou em 2016 com 37 anos. Foi campeão mundial com a seleção em 2014 e é o recordista de gols marcados em Copas do Mundo. É, também, o maior artilheiro da seleção em todos os tempos, com 71 gols. No final do ano de 2016, ele foi contratado para fazer parte da equipe de treinadores de Die Mannschaft, tirou os certificados e, em 2018 começou a trabalhar no Bayern.
      Na coletiva de apresentação, Miro foi bastante tradicional, sempre com aquela conversa de recolocar o Kaiserslautern onde ele merece estar, que é no topo do futebol alemão. Disse que pretende ficar muitos anos no clube, construir uma dinastia. No entanto, um trecho me chamou bastante a atenção:

      Klose foi bem enfático ao afirmar que trabalhará com as categorias de base. Não haverá, nesse primeiro momento, uma limpa do elenco. Deixou claro que as contratações que, por ventura, venham a ser feitas, agora e para a frente, necessariamente precisarão ter experiência de, ao menos, dois anos no time de baixo. Podem até, eventualmente, ser usados na equipe principal mas não serão contratados com esse propósito.
      Viel Glück, Miro!
       

      Retornar à 2. Bundesliga ✅ Retornar à Bundesliga ✅ Voltar a conquistar a Bundesliga ✅ Voltar a conquistar a DFB Pokal ✅ Vencer uma competição continental ✅  
       

      Contratar apenas jogadores com menos de 18 anos que devem atuar pelo menos dois anos nas categorias de base  
    • Peepe
      By Peepe
      Apresentação Pessoal
      Bom, vamos começar do começo. Sou novo na área, tenho interagido aos poucos e acho justo que eu seja minimamente conhecido antes de começar a minha primeira história aqui. Meu nome é Pedro Ribeiro, sou do Rio de Janeiro, tenho 24 anos e torcedor do Fluminense. 
      Sempre fui fã do Football Manager e joguei ativamente o 10, 11 e o 12 durante a adolescência, mas tive problemas no meu computador e acabei passando anos com o 2010. Ou seja, não joguei as novas versões, até o período free do FM20 que foi liberado no início da quarentena. Peguei ainda mais gosto pelo jogo, decidi comprar e cá estou eu intensificando meu vício. Também sou um grande fã das histórias desde os tempos do falecido Orkut, e lembro que criei minha conta aqui quando aquela rede social foi abandonada, mas como acabei um bom tempo sem jogar FM/com versões antigas, esqueci um pouco do fórum e reativei minha conta recentemente. Por isso, não estranhem em ver meu perfil com 7 anos e menos de 50 postagens. 
      Enfim, falando do save, eu sou um "tapa-buraco" por natureza nesse jogo e busco sempre saves que não oferecem estabilidade, com mudanças drásticas sempre que me seja permitido. É a primeira vez que farei isso no FM20, então posso cometer algum erro pelo caminho, mas tenho grandes histórias de jogos nesse formato nos outros FMs que joguei.
       
      Sonho
      Me tornar o treinador mais bem pago do mundo
       
      Objetivos
      Receber mais de 5 mil por semana.
      Receber mais de 15 mil por semana.
      Receber mais de 25 mil por semana.
      Me tornar o treinador mais bem pago da América do Sul
      Dentro desse save, a ideia maior é construir a história em cima das regras e não dos objetivos. Apesar disso, coloquei um sonho gigantesco, que é o fator motivador do nosso personagem, e alguns objetivos palpáveis para medir o sucesso.
       
      Regras
      1) O save gira em torno de dinheiro, e meu objetivo é sempre arrecadar o máximo para mim e meus times. Portanto, eu não posso dispensar nenhuma proposta por nenhum jogador, devo sempre tentar negociar. É claro que isso não significa vender todo meu time a preço de banana, mas para os mais procurados, eu devo fixar um valor “justo” e vender sempre que a proposta atingir o que eu espero. A reposição, é claro, não deve ser mais cara que a venda.
      2) Independente de onde eu estiver, de como eu estiver, dos meus objetivos pessoais, profissionais e gosto pelo jogo, sempre devo sair de um clube quando receber uma proposta salarial melhor em outro clube.
      3) Após 1 ano de clube, independente de qualquer coisa, eu devo iniciar negociações para renovação contratual com um aumento salarial. Se a diretoria se recusar, eu ainda me permito ficar mais 2 meses como forma de me valorizar no mercado mas sempre buscando um novo clube.
       
      Base de Dados

       
      Aqui cabe uma pequena explicação dos motivos para a escolha desse desenho de save, são 2 coisas principais: 1) eu gosto muito da América do Sul, e queria começar aqui com um save no continente; 2) a ideia de fazer algo mundial é ótima e eu confesso que pensei, mas exigiria uma base de dados muito maior, o que deixaria o computador pesado, a história voltada para a Europa e tornaria o desafio muito irreal para esse momento.
      Como meio de contornar isso, fiz o save baseado na América do Sul, com o objetivo local, mas para caso eu anime, deixei em aberto como sonho. Carreguei para ver apenas as ligas com os treinadores mais bem pagos do mundo: Inglaterra, Espanha, Itália e China. Se eu chutar o balde em algum momento, fica mais fácil redesenhar o save para a busca desse título mundial.
      --
       
      Tarde de sábado, janeiro de 2020, em algum vilarejo do interior paraguaio…
      Sento eu na cadeira de uma pequena praça e aguardo. Olho o celular em busca de respostas, nenhuma aparente, mas nem preciso. Cruzando a esquina vem os dois rapazes, bem vestidos e apessoados, apertam minha mão e se apresentam timidamente:
      - Errr, eu sou o Rivaldo Rojas, nos falamos pelo telefone. Este é meu amigo e parceiro, Andy Gomez. Como vai, señor Hernandéz?
      Eu retribuo, seguimos as trivialidades e o Andy abre seu notebook na praça, começa a me fazer perguntas:
      - Então, você é o Hernandéz Fernandéz Salvio, há algo de errado no seu nome, não?
      - Bom, tenho pais brasileiros e eles não entendiam muito bem a lógica de nomes hispânicos quando nasci. Acabei ganhando um sobrenome como nome, mas me chamei Nandéz em maior parte da carreira justamente para driblar esse problema.
      - Nascido quando mesmo? Me ajuda…
      Olhei desconfiado, sem entender a razão daquilo e logo fui cortado por Rivaldo
      - É que achamos boa a ideia de fazer uma página no wikipedia pra você. Vai dar uma impressionada nos nossos leitores, eu acho, mas a gente promete que é rapidinho. Até adiantamos os times da sua carreira, vê se faltou algum
      Abri um pequeno sorriso. Ao longo da minha carreira de futebolista amador nas divisões inferiores de Paraguai, Venezuela, Peru e Bolívia, eu tive 27 clubes na carreira e 35 transferências. Uma vez fui até entrevistado como recordista sulamericano de transferências no futebol, mas a Conmebol se recusou a me premiar (uma pena, eu adoraria ter derretido o ouro de uma possível medalha). Até olhei despreocupado para a lista dos garotos e devolvi:
      - Um clube a mais, um a menos na minha carreira não faria grande diferença. Façam como quiserem, mas vamos logo.
      - Tudo bem! Só me conta o que você faz da vida, pra deixar o seu wikipedia um pouco mais atualizado.
      - Eu sou treinador de futebol!
      - O que? E quantos clubes já treinou?
      - Nenhum até agora!
      Na verdade eu não era, ou melhor, eu queria ser. Quando se passa por 27 clubes em uma carreira, você naturalmente faz contatos diversos e eu queria aproveitar essa faceta para tentar a vida no futebol. Tive tantos amigos ricos, vi tanta gente aproveitar a vida de forma confortável e eu sabia que o futebol era uma mina de ouro, bastava ter sorte. E toda a sorte que eu não tive como jogador, quem sabe eu tivesse como técnico? Eu já tinha 46 anos, parado há 4 e precisava pagar as minhas contas, crescer, construir o meu legado.
      A entrevista foi algo um tanto quanto clichê e eu realmente não entendia o que dois jornalistas tão jovens, de um jornal relevante em Assunção, faziam comigo, num vilarejo interiorano do Paraguai. Deixei as coisas correrem, foi aquele lenga-lenga de sempre “Qual foi seu time favorito?” ou “As condições atrapalharam muito em suas lesões” ou “Por que tantos clubes em tão pouco tempo”, os garotos não entendem que na vida você enriquece trabalhando ou sendo esperto, e a cada rescisão que eu pegava, eu ficava um pouco mais cheio de Guaranís, ou de Sóis, ou de Pesos. Não importava a moeda, o que eu queria saber era da quantidade.
      No finalzinho, já com gravador desligado, notebook carregando em uma tomada ligada diretamente do poste e toda a improvisação de uma mesa de praça com amendoim e coca-cola, eu perguntei:
      - Mas vem cá, o que vocês, tão importantes e moradores da capital, jornalistas com algum prestígio, vieram fazer nesse fim de mundo com um jogador fracassado? Isso tudo é por que o Roque Santa Cruz estava ocupado?
      - Então, aconteceu um pequeno desvio de comunicação – a troca de olhares entre os dois foi ficando nervosa – nós somos de Assunção, até vamos escrever em um jornal mas é o da faculdade. Na verdade mesmo, a gente mora aqui na cidade, estamos de férias escrevendo o TCC e você foi a única referência que a gente conhecia disponível pra falar sobre as dificuldades da transmissão esportiva radiofônica do século 21 no Paraguai. Pela sua experiência, por viver tão intensamente esse país, afinal jogou nele todo, achamos que era boa ideia
      - P**** moleques, vocês estão de sacanagem? Eu não autorizo o uso da minha imagem sem o pagamento devido – blefei, mas um bom golpe é composto de blefes – E eu achando que o episódio da ameaça de morte ao jornalista que eu fiz na coletiva tinha chamado atenção por isso a pergunta...
      O medo e o desespero da dupla foi perceptível, eles tentaram argumentar mas eu me fiz forte. Talvez nem tanto assim pois cedi: de 1000 guaranís como pedida inicial, aceitei os 100 que eles tinham pra me oferecer na hora. É melhor um pássaro no bolso do que dois voando. 
      Já anoitecia quando eles, enfim, aceitaram que deviam me pagar, sem nenhum tipo de consulta jurídica antes. Jovens sempre inocentes, doces e na crença que o mundo é um arco-íris. Eles ainda pediram uma foto pra guardar como recordação.
      - Me desculpa, Hernandéz, foi só um deslize. Pra compensar o desconto, eu prometo que vou publicar na capa do nosso jornal.
      - E que diabos de jornal é esse?
      - Ah, é interno da faculdade, serve como espaço para os alunos publicarem seus trabalhos em forma jornalística. Eu gostei da sua história e vou aproveitar.
      - Mas aí, são mais 200… - Mais um blefe, queria testá-los
      - Obrigado, seu Nandéz – o Andy já veio se despedindo - caso a gente realmente publique, conversaremos mas sem o pagamento
      - Tudo bem, farei essa bondade a vocês. E afinal, isso impulsionaria minha carreira de técnico!
      - Então adeus, e boa sorte na carreira de técnico – despediu-se Rivaldo
      - Boa sorte na carreira de jornalista!
      Eu podia não saber, mas aquele moleque me valeu muito mais que os 100 pesos daquela tarde. E já que eu não sabia, nada mais justo que pedir uma pizza pra celebrar a vitória do dia (de mussarela que é mais barato)
      Perfil do Treinador
      --
      (É isso, gente, se eu tiver esquecido alguma coisa, me avisem)
       
    • Jirimias
      By Jirimias
      Boa noite, povo! Bom, depois da Revolução Húngara no FM 2018, e do hiato deixado por ter abdicado do FM 2019, eis que venho fazer meu primeiro save no FM 20. Espero que esse “pulo” de versões do jogo me cause problemas, e pelo que vi nos primeiros acessos ao jogo, já percebi, ainda que visualmente, muita coisa diferente. Mas chega de falar do jogo, quero-lhes apresentar meu novo save.
      “O clube” é um save ficcional, mas não um jogo em uma estória, como no save que terminei esse dias, até pelo tempo que tenho disponível por conta da pós. A ficção vai restringir à abordagem do treinador e algumas micro-histórias dentro da narrativa, como uma contratação importante, ou coisa do tipo. Tentarei fazer postagens com pouco texto, tentando tanto facilitar meu trabalho, como também respeitando o tempo dos leitores. A exceção será do primeiro capítulo, que aliás é um dos poucos que não será contado pelo treinador. 
       O desafio
      O desafio do save passa pela profissionalização do clube escolhido, e por uma rivalidade com os clubes da cidade, além, lógico de todo sonho de um jogador de FM: ver seu time surgir das águas profundas e conquistar o topo.As águas profundas no caso é a oitava divisão inglesa, e o clube escolhido é o clube mais antigo do mundo: o Sheffield FC.
       Base de dados
      Além dos países abaixo selecionados, adicionei para “ver apenas” Irlanda, Irlanda do Norte, País de Gales, Escócia e Africa do Sul, afim de conseguir ter acesso a mercados alternativos.

       Objetivos
      Ao traçar as metas do save não poderia deixar de aumentar a exigência, contudo, sem criar regras adicionais que possam tirar-me a liberdade de jogar e ter prazer em fazê-lo. Ainda que a gente crie metas para não cumprir, vejo como fundamental ter um horizonte para onde olhar e que esse horizonte seja de fato distante no momento do primeiro passo. Vamos a eles:
      Profissionalização
      Ampliação da Estrutura do clube
      Disputa da Premier League
      Vencer a Premier League
      Superar os xarás Sheffield United e Wednesday
      Disputar competições continentais
      Vencer competições continentais.
      Ser a base da Seleção Inglesa
      Conseguir chegar com o save até o bicentenário do clube, ou seja, em 2057.
       Auxiliar o Hallam, o segundo clube mais antigo do mundo. 
       
      Em caso demissão do treinador, criarei outro perfil para seguir o save.
       

×
×
  • Create New...