Jump to content
Sign in to follow this  
ElPerroMG

Boston City FC Brasil - (29/03) - 10 vezes para o Boston

Recommended Posts

tricolor de coraçao
Em 03/05/2020 em 15:34, ElPerroMG disse:

Títulos

  • Chegar a elite do campeonato mineiro (2025)
  • Ganhar o Campeonato mineiro (2045)
  • Ganhar a Taça Minas Gerais (2036)
  • Chegar a elite do campeonato brasileiro (2042)
  • Ganhar o Brasileiro série A
  • Ganhar a Copa do Brasil
  • Ganhar a Super Copa do Brasil
  • Ganhar a Sul Americana
  • Ganhar a Libertadores
  • Ganhar a Recopa Sulamericana
  • Ganhar o Mundial de clubes

Sobre aquelas questão que perguntei outro dia de mostrar as conquistas, agora eu vi...bacana, você está riscando conforme ganha, uma ideia boa também.  Eu fiz um post resumo na saga lá do Desbravador da América ó sobre os títulos de clubes e pessoais e seleções...está quase no fim, mais 2 posts, ali pelo dia 5 de janeiro termino. Acho que dia 5 de janeiro termino, por que comecei jogar o FM21, estou desbravando a Ásia nuns times da Cingapura agora.....passei pelo Young Lions e estou no Tampines agora. Parece time de pré-regional kkkk mas está bem legal. Mas voltando ao foco, parabéns por tamanho emprenho e minuciosidade nos detalhes, e as vezes perco a paciência nisso kkkk

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG
Em 13/12/2020 em 21:28, ggpofm disse:

Aqui, o Cruzeiro recebeu 60 milhões.

Fala, GG!!

Já é um valor alto, né? Acredito que esse valor vai se atualizando com o passar dos anos, o que não deixa de ser real, é só observar os valores das negociações sempre aumentando.

Valeu, GG!

Em 14/12/2020 em 07:27, Tsuru disse:

É, não foi um fim de temporada brilhante, mas acontece. Ao menos garantiu a vaga para a Sulamericana, a fornada trouxe reforços para a defesa - algo que andava em falta - e a diretoria vai investir ainda mais no clube, aproximando o Boston dos grandes do país. E ainda venceu o título no Sub-17, isso é sempre muito legal de ver.

Acho que o FM está mais sensível do que nunca à forma como reagimos quando estamos ganhando, se a gente não dá instruções para o time administrar a vantagem, a virada e o empate são quase certos (ainda mais do que em versões anteriores). Eu senti um pouco isso em vários jogos ali, especialmente contra o River, talvez pensar em como mexer nessa parte, além de é claro usar as palestras, possa ajudar a evitar essas danutadas.

Boa sorte na continuação!

Fala, Tsuru!!

A gente sabia que seria difícil na Libertadores, mas eu acreditava em uma recuperação no Br e conseguir essa vaga para Libertadores. No entanto, nosso objetivo era se afastar do Z4 e buscar o que desse. Veio a Sula, então vamos por ela. 

O time Sub-20/Sub-17 vem vencendo bem as competições, embora regionalmente ainda não tenha ganho o Mineiro Sub-20.

Eu costumo dar uma recuada só quando passa dos 75', deve ser toque meu, mas sempre fico receoso em colocar o time pra trás antes. Irei ficar mais ligeiro nisso e testar outras formas de evitar essas Danutadas heheh.

Valeu, Tsuru!!

Em 14/12/2020 em 07:36, ggpofm disse:

Sabíamos que o River seria um adversário complicado para o tamanho atual do Boston e foi mesmo. Concordo que na partida de ida, o Boston perdeu uma bela vantagem que poderia ter sido decisiva na volta. Vale registrar que o River ter nove chances claras de gol. É muito. A entragada em casa custou caro e eliminação foi merecida. Gostei de ver dois clubes baianos nas quartas da Liberta.

O Inter está bem, hein? Conquistou dois títulos importante e em um deles passou pelo Boston que viu novamente a eliminação ao não conseguir fazer o resultado em casa.

O desempenho no Brasileirão não foi tão diferente quanto parece, né? Até perdeu menos no que na temporada passada. O problema foi que venceu menos e isso pesou. E eu pensei que a equipe ficaria forte no ataque e muito mais frágil na defesa e acabou a Série A tendo marcado menos gols do que antes e também sofrendo menos gols. Acho que o caminho do Boston é por aí mesmo durante algumas temporadas, depende do amadurecimento dos jogadores e da capacidade de mantê-los no clube para poder cescer. Isso traz uma dificuldade ao desafio, por isso dá para considerar a campanha boa na minha opinião. Se no save você tivesse a oportunidade contratar jogadores, a situação seria bem diferente e você teria obrigação para continuar subindo para melhores colocações na tabela.

Converse com o jogador e veja se consegue fazer com que ele demita o agente. Se conseguir, renove rápido com ele.

Financeiramente, o clube vai muito bem e pergunto se tem alguma estratégia para usar esse dinheiro produtivamente para o clube, além de fazer caixa. Tá pensando em oferecer valores altos para jovens como forma de segurá-los e aumentar a rescisão contratual? Tem alguma infraestrutra para ser melhorada? Ampliação do estádio?

O Bostinho (nome horrível) tem mostrado um bom desempenho nas competições. Parabéns.

 

Fala, GG!!

A minha reação quando vi o 3x0 e 4x1 no placar era quase inacreditável. Eu imaginei que não entregaríamos, quando fizemos o 4º gol. Acabou que no segundo tempo as coisas saíram do controle e acabamos sendo eliminados ali.

Inter e Grêmio dominam o continente, sempre revezando os títulos da Libertadores e Brasileirão. Aliás, são os dois únicos times com reputação mundial na América.

Tenho o mesmo sentimento do seu, GG. Tanto na Série D e Série B, a gente teve que sofrer algumas perdas e se reestruturas antes de subir. Esperamos alguns anos pela geração 33 pra pode subir e se consolidar. Infelizmente no YC ficamos a mercê do trabalho do Diretor Jovem em recrutamentos. Enquanto isso, a gente quebra a cabeça pra tentar resolver o problema defensivo da melhor forma possível. 

O jeito vai ser persuadi-lo, ainda mais pela parte financeira do time, acredito que oferecer um salário mais alto não irá nos custar muito, financeiramente falando. Eu já tinha começado a oferecer um salário em torno de 30~50 mil para os 3 melhores das fornadas, ainda mais depois de perder alguns jogadores internamente por conta da cláusula. Porém, se aparecer algum acima da média como o Adriel, Lucas e outros, acho que não hesitarei em oferecer mais. A infraestrutura vou tentar levá-la ao maximo até daqui 2 temporadas. Depois disso vou ficar por conta de insistir em um estádio gigante hahha. 

Valeu, GG! 

Em 14/12/2020 em 15:44, div disse:

Poxa, que pena a eliminação para o River, ainda mais da forma que foi no 1º jogo. Mas vamo que vamo que acredito que o Boston tá perto de algum título grande.

Na CdB, caiu para o infelizmente campeão, de modo que ameniza um pouco a queda.

Já no brasileirão, a campanha foi abaixo do ano passado, mas com a vaga na Sula, quem sabe não vem um título aí?

Como tu não tem problemas financeiros, eu diria pra segurar o Adriel até o final do contrato (caso não seja possível seguir a dica do GG), uma venda, a não ser que seja estratosférica, não te fará tanta diferença, já que não pode contratar mesmo.

Boa sorte na próxima temporada. Vamos renovar esse título mineiro hein.

Fala, Div!!

Esse primeiro jogo infelizmente definiu o confronto. Perder do River na Argentina é "normal", dando uma de Abel Braga. 

HAHAHHA Inter e Grêmio disputam ponto a ponto cada competição aqui, é até legal de se ver. Infelizmente ganharam, podia ser a gente :(.

Quem sabe né? Aquele ano perdemos pro Flu porque era nossa estreia hahha.

Ainda mais que não posso contratar. Acredito que só saíra se for pela cláusula.

Valeu, Div!!

Em 14/12/2020 em 21:47, M. Feitosa disse:

O primeiro confronto contra o River foi um jogaço, mas que infelizmente culminou em um resultado bem amargo para o Boston, ainda mais depois de abrir três gols de vantagem. Bem, a eliminação veio, mas vimos boas coisas na sua equipe, o que nos faz crer que é plenamente plausível ir um pouco mais além em edições posteriores.

Na Copa do Brasil, mais um desfecho complicado, mas que eu não ousaria cornetar. Afinal, conciliar esse calendário não é nada fácil, e o Boston pegou confrontos complicados nas duas frentes (River na Libertadores e Internacional na Copa do Brasil). Não à toa, o Inter venceu ambas as competições, e com goleadas em ambas decisões.

Na Série A, talvez o Boston tenha pago o preço por ter ido um pouco mais longe nas taças, o que acabou ocasionando uma campanha inferior à temporada passada. 

De toda forma, vai ser interessante ver o que o time poderá fazer na próxima Sulamericana. 

Fala, Feitosa!!

Quando tomei o primeiro gol eu pensei que entregaríamos, mas quando fizemos o quarto em seguida fiquei bem confiante de que levaríamos pelo menos 2 de frente para Argentina. Infelizmente a primeira impressão é que se concretizou e acabamos saindo, mas com certeza tiveram coisas positivas por ali.

Rodar duas competições assim requer um elenco mais equilibrado, com certeza. Por vezes já mostramos que é difícil arrumar os titulares em algumas posições, quando mais reserva a altura né? Pode sim ter sido um fator a mais. Com certeza isso pode ter custado no Brasileirão também, tivemos que entrar alguns jogadores reservas em diversas oportunidades.

Tomara que seja legal pra gente heheh.

Valeu, Feitosa!!

 

23 horas atrás, tricolor de coraçao disse:

Sobre aquelas questão que perguntei outro dia de mostrar as conquistas, agora eu vi...bacana, você está riscando conforme ganha, uma ideia boa também.  Eu fiz um post resumo na saga lá do Desbravador da América ó sobre os títulos de clubes e pessoais e seleções...está quase no fim, mais 2 posts, ali pelo dia 5 de janeiro termino. Acho que dia 5 de janeiro termino, por que comecei jogar o FM21, estou desbravando a Ásia nuns times da Cingapura agora.....passei pelo Young Lions e estou no Tampines agora. Parece time de pré-regional kkkk mas está bem legal. Mas voltando ao foco, parabéns por tamanho emprenho e minuciosidade nos detalhes, e as vezes perco a paciência nisso kkkk

Fala, Ernani!!

Tem lá no histórico de títulos também. Pois é, tem que fazer mesmo, ajuda quem for começar a leitura por agora. 

Eu fiz uns testes no FM21, mas ainda tenho coisas a conquistar aqui no 20 hehe. Ta curtindo? Espero que sim. 

Valeu, Ernani!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG

Banner-Bost2f9dc1dda405f090.png

Soberania regional ratificada.
09 de Setembro de 2046

Mais uma temporada com calendário cheio pra gente. Dessa vez estamos fora da Libertadores, mas pela terceira temporada seguida teremos uma competição internacional para disputar.

Vamos lá, desde a saída de Lucas Santos Araújo (41A) na última temporada eu segui com a mesma tática, porém, não tinha um jogador que fizesse a mesma função dele, e acabei com Romulo Frank (33G) sendo "queimado" por ali. Tentando corrigir isso nessa temporada, resolvi modificar as coisas.

Resolvi optar pelo simples, mas sem abrir mão do jogo ofensivo. Vou usar o famigerado 4-2-3-1 sem volantes. Nas laterais, deixarei os dois como apoiar, a princípio. A dupla de meio irá mudar. Allanzinho (44A), como CJA, e José Cristiano (40B), como MAA, serão a dupla titular. Nas duas pontas, usarei o extremos simples, usando ainda mais o jogo pelas laterais. No MOC usarei Breno Rayol (43A) como CJA na sua melhor função. Na frente, Adriel Luciano (42A) será o PL.

TATICA-1dffe67f8b06d19ad.png
COM POSSE | TRANSIÇÃO | SEM POSSE

Maikon (42B) | Lúdyo (35E) | Cris (34F) | João William (38E) | Matheus Philiphe (32A) | José Cristiano (40B) | Allanzinho (44A) | Breno Rayol (43A) | Romulo Frank (33G) | Nei Não Cai (38D) e Adriel Luciano (42A)

Como segunda opção, fica o mesmo 4-1-3-2 com alguns ajustes. João Vitor (41B) sendo volante como CJ a frente da defesa.

Em relação as promoções dos jovens, subi com 4 jogadores da base. Os zagueiros Flávio Loures (43M), Magrão (44E) e Wander Luis (42D). Além deles, promovi o craque da base, Fábio Feijão (44G).

Nessa temporada chegamos a 16ª posição na reputação nacional, chegando pela primeira vez na primeira página do ranking nacional. Por fim, receberemos mais R$170M de direitos televisivos pela Série A.

ModuloI974a376f9bb714d6.png

 

O campeonato nessa temporada será disputado por:

  • Atlético Mineiro
  • América Mineiro
  • Atlético Patrocinense
  • Boston City (MG)
  • Cruzeiro
  • Democrata GV
  • Inter de Minas
  • Mamoré
  • Tupi
  • Tombense
  • URT
  • Villa Nova (MG)

JOGOS JANEIRO

Em janeiro tivemos apenas 3 jogos e vencemos 3. Contra o Tupi na estreia, Adriel Luciano (42A) foi o destaque marcando 2 gols. No clássico contra o Galo, foi a vez de Breno Rayol (43A) marcar 2 vezes e nos dar a vitória por 2x1. Contra os recém promovidos da URT fomos com o time reserva, mesmo assim vencemos por 2x1 com destaque para o gol de Bruno Cesar (38F) que marcou depois de algum tempo longe.

JANEIRO26bd70cab2df8777.png
Tupi | Galo | URT

JOGOS FEVEREIRO

Em fevereiro foram 4 jogos e ainda sem derrotas. Começamos empatando 0x0 no clássico regional contra o América. Não fizemos um bom jogo e o empate saiu no lucro. Contra o Villa Nova (MG) foi outro empate, mas dessa vez com gols. Colocamos um time misto e empatamos em 2x2. Só fomos empatar com um gol de pênalti aos 87'. Os dois últimos jogos foram tranquilos, vitória por 1x0 contra o Inter de Minas, gol de Adriel Luciano (42A) e vitória por 3x0  contra a Tombense, com destaque para Romulo Frank (33G) que deu 3 assistências.

FEVEREIROc13d9eb8d0534ceb.png
América | Villa Nova (MG) | Inter de Minas | Tombense

JOGOS MARÇO

Em Março foram mais 4 jogos e fechamos a primeira fase sem derrotas. Amassamos o Atlético Patrocinense no primeiro jogo do mês, mas só conseguimos marcar com Ramon William (42M) aos 81' e tomamos um gol de falta aos 84', acabando ficando no empate. No final, foram 3 vitórias seguidas para fechar a primeira fase. Nada de novo na vitória por 2x1 contra o Democrata GV e na goleada por 5x1 contra o Mamoré. O jogo do mês foi contra o Cruzeiro, jogando em BH. Mesmo jogando fora de casa e com 1 a menos o segundo tempo todo, depois da expulsão de Matheus Philiphe (32A) aos 52', vencemos por 2x0. Breno Rayol (43A) abriu o placar aos 69' e Cris (34F) completando um escanteio, aos 75', deu números finais ao jogo.

MARCO396b7f54ffc60e9a.png
Patrocinense | Democrata GV | Cruzeiro | Mamoré

Mesmo invicto na primeira fase, ficamos na terceira posição da tabela. O Galo teve o mesmo número de pontos nosso (27) e ficou em segundo pelo saldo de gols, 8 a mais que a gente. E com 28 pontos, 1 a mais que a gente, o América foi novamente o líder na primeira fase.

TABELA-FINALaea34b5a86c77bc0.png

 

SEMI FINAL

Nosso adversário da semi final foi o Atlético Mineiro, que terminou a primeira fase em segundo, com mesmo número de pontos nosso.

O primeiro jogo foi em Manhuaçu e se alguém tinha alguma dúvida de que mandava em MG, nosso time deixou tudo claro com 35' de jogo. Adriel Luciano (43A) abriu o placar aos 23' de jogo e ampliou aos 32'. Aos 35', nosso time sofreu um pênalti, que foi convertido por José Cristiano (41B) e fomos para o intervalo vencendo por 3x0. O segundo tempo continuou aberto, mas sem gols de nenhum lado. Levamos uma vantagem de 3 gols para BH.

Jogando em BH, o time do Galo veio com tudo para tentar tirar essa vantagem de 3 gols e jogaram até muito bem. Porém, temos o melhor goleiro do país por 2 anos seguidos, e com nota 7,4 ele não deixou passar NADA e o Galo só abriu o placar aos 88', tarde demais e mesmo com a vitória por 1x0, era nós que estávamos na final.

SEMI-FINAL994b23c71930df75.png
Galo (C) | Galo (F)

FINAL

O adversário na final foi o Cruzeiro, que, mesmo com a péssima primeira fase, eliminou o América (MG) na semi.

O primeiro jogo foi no Mineirão lotado e não foi nada bom pra gente. Orlando abriu o placar aos 10' para o time celeste, o que deu tranquilidade para eles jogarem o jogo. Nosso time sentiu o baque e pouco criou no jogo. Muito por conta do treinador também, que decidiu entrar mais recuado para o jogo, assumo. Aos 49', Tamochunas fechou o placar em 2x0 para o Cruzeiro, grande vantagem.

CAMPEAOce0a807d19f4ba2d.pngNo jogo da volta, abri o time e foi completamente o oposto do primeiro. Nosso time pressionando desde o minuto inicial e o Cruzeiro pouco pode fazer para resistir, dando apenas 1 chute no nosso gol. Logo com 1' de jogo, Tamouchas, que havia marcado gol no primeiro jogo, puxou Adriel Luciano (42A) na área e juiz deu pênalti. José Cristiano (40B) não desperdiçou e nos colocou na frente. Empolgados com o gol cedo fomos ainda mais pra cima e aos 14', Lúdyo (35E) achou Adriel Luciano (42A) na pequena área e nosso craque não desperdiçou, 2x0 Boston com 14' de jogo e a vantagem do Cruzeiro por água. O time deles fez um jogo péssimo e continuamos em cima, mas sem conseguir marcar. Quem marcou foram eles, aos 47', com Jimmy Martinez, mas o juizão anulou o gol, para nossa sorte. No fim do jogo, ficou somente no mesmo 2x0 do primeiro jogo, mas como fomos o terceiro colocado na primeira fase e eles o quarto, fomos os campeões pelo critério de desempate. BOSOTN BI CAMPEÃO MINEIRO!! Dessa vez sem nota de encerramento HAHAH.

 

FINALff5f4d39f43b37d4.png
Cruzeiro (F) | Cruzeiro (C)

A torcida estava em êxtase, assim como a direção. Parecia mesmo que erámos nós os donos do estado. Nas medalhas do campeonato, percebe-se que o grande destaque foi Adriel Luciano (42A), que marcou 8 gols em 10 jogos. Esses lindos números lhe proporcionaram o título de melhor jogador do campeonato, artilheiro da competição, melhor jogador jovem e titular na seleção do campeonato. Outro destaque foi José Cristiano (41B), que marcou 6 gols de pênaltis e foi o terceiro artilheiro da competição.

MEDALHAS79b21eae4951b3ea.png

Como no ano anterior, o título veio junto com uma má notícia. Nosso craque continuou irredutível em querer renovar. A coisa só piorou quando o atual campeão italiano, o Parma, chegou com uma proposta de R$120M pelo jogador, pagando sua cláusula e assinando com o jogador, que se apresenta em Julho no time italiano. A venda foi um recorde para o time.

RECORDE-SAIDA-ARIELe8681ecb01b38457.png

COPA-DO-BRASIL99d30c16e4ddd839.png

 

PRIMEIRA FASE

Pela primeira fase da Copa do Brasil fomos sorteador para enfrentar o Coritiba fora de casa. O time do Coxa não vive um bom momento, chegando a mofar na Série D do Brasileiro por alguns anos. Hoje eles estão na Série C, mas longe do brilhantismo de outrora. A facilidade ficou só por aí, dentro de campo eles fizeram um jogo equilibrado com a gente e complicaram nossa classificação. No fim das contas, o 0x0 nos beneficiou porque tínhamos o melhor ranking.

1-CORITIBA2fde442818b25765.png

SEGUNDA FASE

Na segunda fase pegamos outro gigante do PR, o Athletico, que nos eliminou ano passado. O jogo foi praticamente idêntico ao do ano passado, mas dessa vez jogávamos em casa. Cris (34F) abriu o placar aos 9' e o Furacão empatou aos 24', mesmo cenário do ano passado. Jogo empatado no tempo regulamentar e decisão nos pênaltis, assim como na última época. Porém, nesse ano fizemos os 5 gols e eles erraram 1, o que nos deu a classificação para a terceira fase.

2-FURACAOec7b5b18cb124e03.png

TERCEIRA FASE

Na terceira fase caímos para jogar contra o Santos, que jogará a Série B nesse ano. Saímos atrás no primeiro jogo, mesmo jogando em casa. Ademir Ambrósio abriu o placar aos 49'. Ramon William (34M) empatou aos 71' e fechou o placar em 1x1, com a decisão ficando para Santos.

No jogo da volta, Ramon William (34M) ganhou a chance como titular pela direita. O jogo foi parecido com o primeiro, o time do Santos não é ruim e deu trabalho, mas nosso time estava muito eficaz nas chances em que tivemos. Allanzinho (44A) abriu o placar logo aos 8' e José Cristiano (41B) ampliou aos 36'. Logo no começo do segundo tempo, Ramon William (34M) fechou o caixão em 3x0, selando nossa vaga.

SANTOS5ff140c148e70295.png
Santos (C) | Santos (F)

QUARTA FASE

O adversário na quarta fase foi outro time da Série B, o Avaí. O primeiro jogo foi em Manhuaçu e praticamente liquidamos o confronto, goleando por 4x0. O mais legal que o jogo estava 1x0 até os 83' de jogo. Depois disso fizemos mais 3 gols e goleamos.

Ao contrário do que pensei, o time deles complicou no segundo jogo. Abrimos o placar aos 3' de jogo com Adriel Luciano (42A) e colocando 5x0 no agregado. Acontece que, ainda no primeiro tempo, eles viraram para 3x1 e nos complicaram. No segundo tempo, eles morreram em campo, nosso time se portou bem e o jogo ficou mesmo nisso. Vitória deles, mas classificação nossa.

AVAIda28aa45a79fcec2.png
Avaí (C) | Avaí (F)

QUINTA FASE

A quinta fase começou a apertar as coisas pra gente. Caímos para enfrentar o Corinthians. O primeiro jogo, assim como na fase passada, foi em casa. Surpreendendo o time paulista, abrimos logo 4x0 no placar. José Cristiano (40B) aos 10', de pênalti, Breno Rayol (43A) aos 19', Romulo Frank (33G) aos 68' e Guguinha contra aos 70'. Porém, nosso time parece que não sabe segurar bem esses resultados, vide temporada passada, e Fabiano Araújo descontou aos 77' e Celso Oliveira ainda fez mais um aos 88', deixando o confronto aberto e decisão para São Paulo.

O jogo da volta foi parecidíssimo com a última fase. Saímos na frente com Romulo Frank (33G) logo aos 8' de jogo e ampliamos aos 19' com Adriel Luciano (42A). Porém, assim como no jogo contra o Avaí, complicamos o jogo ao tomamos a virada, com 3 gols gols de Fabiano Araújo, o terceiro deles aos 67'. Precisando de mais um gol eles vieram pra cima. Maikon (42B) salvava como podia lá trás, terminando a partida com nota 7,2. O balde de água fria veio quando Matheus Phlhipe (32A) lançou da defesa, a zaga Corinthiana dormiu e Adriel Luciano (42A) empatou novamente, nos dando a vaga para as quartas de final.

CORINTHIANSe0c761bd547320fb.png
Corinthians (C) | Corinthians (F)

O adversário nas quartas de final será um adversário conhecido. Pegaremos o América Mineiro, em um confronto regional. 

COPA-SULAMERICANA4a6668d2decd7df9.png

 

PRIMEIRA FASE

Novamente caímos em um confronto Brasil x Argentina logo na primeira fase. Dessa vez fomos sorteados para enfrentar o Talleres de Córdoba. O primeiro jogo foi em Manhuaçu. A partida foi tensa, truncada e com poucas chances para ambos os lados. Jogo feio mesmo, típico Brasil e Argentina. A parte positiva é que marcamos uma vez com Adriel Luciano (42A) aos 33' e levamos uma pequena vantagem para a Argentina.

O jogo da volta foi mais interessante. João William (38E) desviou um escanteio e abriu o placar aos 19'. Com isso, o Talleres teria que vir pra cima e buscar 2 gols, no mínimo. Pois é, eles tomaram foi outro, Allanzinho (44A), aos 47' completou um cruzamento de Nei Não Cai (38D) e ampliou o placar. Aos 59' eles tiveram um gás a mais, quando Reichert diminuiu. Porém, o balde de água fria veio 2' depois, quando Matheus Philiphe (32A) fechou o placar em 3x1.

TALLERES-CBA7fb0aa99a6bfb81c.png
Talleres (C) | Talleres (F)

SEGUNDA FASE

O adversário na segunda fase foi o General Díaz do Chile Paraguai. O primeiro jogo foi em território chileno e saímos na frente com Romulo Frank (33G) aos 39'. No segundo tempo apareceu o brasileiro Jully, emprestado pelo Vitória, o jovem marcou um hat-trick e virou o jogo pra 3x1. Já no final, um velho conhecido apareceu. Einstein Jr. (33D) descontou pra gente, chegando em 3x2, e nos dando esperança para a volta.

No jogo de volta, abrimos o placar logo com 2' de jogo com Nei Não Cai (38D). Einstein Jr. (33D) aparecendo novamente, ampliou o jogo aos 9' de jogo. Com uma boa vantagem, só controlamos o jogo. Aos 86', Julio Benitez ainda descontou para o General, mas ficou nisso, vitória nossa por 2x1 e classificamos pelo critério de gols marcado fora.

GENERAL-DIAZfb931213aeac6bdf.png
General (F) | General (C)

O adversário na terceira fase será o Estudiantes de Mérida da Venezuela.

BRASIL-SERIE-A4090b436d986d9ff.png

 

O destaque dessa temporada é o retorno do Paysandu a elite do futebol nacional, fazendo com que o Norte novamente tenha um representante na elite.

Outro boa notícia é que novamente somos líderes na produção de jogadores que disputam a competição.

Nossa meta é a mesma, fazer os pontos necessários para fugir do Z4 e depois disso pensar em algo a mais na competição.

JOGOS ABRIL E MAIO

Abrimos a competição indo visitar o Goiás e saímos atrás logo aos 16', quando Edinaldo marcou para eles. Por sorte, Nei Não Cai (38D) recebeu um cruzamento aos 21' e deixou tudo igual. O resto do jogo não teve muito mais coisa e o placar ficou nisso. Ainda fora de casa, fomos visitar o Sport e perdemos por 3x2. Saímos 3 gols atrás, fomos buscar com gols de Rômulo Frank (33G)  e um gol contra de Pedro Henrique, mas não tivemos força para empatar. Nossa primeira vitória veio contra o Vasco, em Manhuaçu. Abrimos 3x0 com Adriel Luciano (42A), Breno Rayol (43A) e Esintein Jr. (33D) e o Vasco diminuiu na segunda etapa. Vitória por 3x1. Os últimos 3 jogos do mês foram 3 empates. O primeiro deles em um jogo feio contra o Ceará, no qual o apito final naquele 0x0 foi o melhor momento da partida. Contra o Palmeiras em Manhuaçu, saímos atrás logo aos 2' de jogo. Viramos com Adriel Luciano (42A) e Romul Frak (33G) ainda no HT. Porém, aos 64' Miltão empatou para o Palmeiras e deu números finais ao jogo, 2x2. Ainda em casa, recebemos o Corinthians e saímos na frente com Einstein Jr. (33D).  Fabiano Araújo fez 2 vezes  e virou para o Corinthians. Sexto gol em 3 jogos dele contra a gente só esse ano. Aos 90', Einstein Jr. (33D) empatou novamente e deu números finais em 2x2.

ABRIL-E-MAIO046cd2be19fb3357.png
Goiás | Sport | Vasco | Ceará | Palmeiras | Corinthians

JOGOS JUNHO E JULHO

Abrimos Junho indo a capital mineira pegar o Cruzeiro, na reedição da decisão do campeonato estadual. O primeiro tempo foi bem parelho, terminando 1x1. O segundo tempo foi todo nosso e marcamos mais duas vezes e vencemos por 3x1. Em outro confronto mineiro, empatamos em 1x1 com o Galo, dessa vez em Manhuaçu. O galo perdendo e, com 1 a menos, conseguiu empatar ainda com a gente. Contra o Vitória, ainda em Manhuaçu, empatamos novamente em 1x1. Mais uma vez tomamos um empate no fim do jogo, deixando escapar os 3 pontos.  Esse último jogo contra o Vitória marcou a despedida de Adriel Luciano (42A), que se apresentou ao Parma.

A tabela de Julho era bem tranquila, na teoria, porque na prática foi completamente diferente. Perdemos o clássico contra o América com um gol de Cleyton Delfino já no final do jogo. Contra o Athletico Paranaense foi mais tranquilo. Fizemos um gol logo aos 9' com Nei Não Cai (38D) e administramos o resultado até o fim, vitória por 1x0. Contra o CSA em Alagoas, saímos na frente com Einstein Jr. (33D) logo aos 5', mas ainda no HT sofremos a virada e perdemos por 2x1.

JUNHO-E-JULHO19db5ea6be891eb4.png
Cruzeiro | Galo | Vitória | América Mineiro | Athletico PR | CSA

JOGOS AGOSTO E SETEMBRO

Agosto foi bem equilibrado pra gente, com 2 vitórias e 2 derrotas. Vencemos o atual campeão brasileiro, o Flamengo, jogando em Manhuaçu. Saímos na frente logo aos 2' de jogo, mas tomamos o empate ainda no HT. No segundo tempo, apareceu a estrela de Nei Não Cai (38D), que voltou a jogar como PL, sua posição de origem, e marcou duas vezes, nos dando a vitória por 3x1. Tivemos 3 jogos fora de casa em sequência. Perdemos para o Fortaleza por 2x1, com outro gol de Nei Não Cai (38D). Contra o Paysandu, vencemos por 1x0 com gol simples de Nei Não Cai (38D) ainda no HT. Por fim, fomos goleados pelo São Paulo por 4x1 no Morumbi.

Fiz uma pequena modificação na formação durante o mês de Agosto. Einstein Jr. (33D) cresceu demais de produção e com a saída de Adriel, Nei também voltou a ser a referência na frente. A alteração foi "simples". Recuei o MOC para MC, mantendo a mesma função de CJA. Agora temos dois CJA no meio central, Breno Rayol (43A) e Allanzinho (44A), os dois melhores do time. Sem abrir mão de José Cristiano (40B), o coloquei como homem de marcação no meio, jogando como MRB. Na defesa e nos extremos não mexi. Nas instruções táticas, também deixei as mesmas, acho que não mudará muita coisa.

TATICA-NOVA1b84d84718b2886e.png

Em Setembro, tivemos 3 jogos para fechar o turno. Recebemos o Inter em Manhuaçu, atual campeão da Libertadores, e a freguesia falou mais alto mais uma vez. O jogo era todo do Inter, eles pressionavam demais, quando Matheus Phiphipe (32A) abriu o placar aos 52'. Ainda em cima, tentando o empate, Nei Não Cai (38D) apareceu a partir dos 80' e marcou nada mais, nada menos do que um hat-trick, fechando a goleada em 4x0. Contra o Grêmio, em Manhuaçu, tivemos um jogo truncado, brigado, no qual tomamos 6 cartões amarelos e não sei como não tivemos jogadores expulsos. A parte técnica ficou de lado e o 0x0 representou bem o jogo. Contra o Goiás no último jogo do turno vencemos por 3x1. Empatávamos até os 70', quando Ramom William (42M) e Romulo Frank (33G) marcaram duas vezes e nos deram a vitória.

AGOSTO-E-SETEMBRO25fdd645688b7f11.png
Flamengo | Fortaleza | Paysandu | São Paulo | Internacional | Grêmio | Goiás

Nesse momento estamos na 7ª posição na tabela com 28 pontos. Estamos 12 pontos acima do Z4 e 17 atrás do líder Corinthians, que segue isolado em uma baita campanha. Acredito que nossa briga será nessa faixa mesmo, buscando uma vaga na pré-libertadores. Vamos ver até onde nosso elenco aguenta, ainda mais que ainda estamos em duas competições, Sulamericana e CdB.

FIM-1-TURNO80d59f03f8bdf03c.png

Rodap-Bost40e93ba1af5af2f6.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
Peepe

Parabéns pelo título mineiro! Esse pra lavar a alma de todas as decepções ganhando na melhor campanha, algo que tanto aterrorizou o Boston por várias vezes. Uma pena a venda do Adriel Luciano mas fez o que era possível e a multa rescisória até que estava bem gorda, o problema é mesmo não ter como repor e finanças não serão mais o problema definitivamente. Nessa linha, em pouco tempo figura entre os mais ricos times do Brasil.

Sobre os mata-matas faço a observação: o General Díaz é paraguaio, não chileno como apontado. Apesar de não ter a pompa da Libertadores, e nem jogar contra o River Plate (aliás, que gallinada hein? De 4x1 pra 4x4 é triste), a Sula é um título sempre muito palpável e o vice de anos atrás só reforça isso, vai passar pelos venezuelanos e seguirá a mercê do sorteio para ter um bom caminho até o final. Inclusive, deixo a dica, traga sempre a visão geral do mata-mata com todos os confrontos em um link em baixo, ainda que muita coisa tenha mudado é bacana pra gente fazer especulações.

No mais, foque mesmo nas Copas porque o caminho tem sido favorável, o América MG já está virando freguês do verdadeiro dono de Minas. E, por fim, esse sorteio da Copa do Brasil não tem algo errado não? Confrontos de Série A na segunda fase são raríssimos e no seu caso acontece em todo ano, chega a ser curioso que teve vida mais fácil na quarta fase do que nas duas primeiras.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Nei não cai (38D)

Ah, hoje eu to feliz... As marias estão titis e eu não to nem aí.

Eu vou pagar com traição, a quem sempre me deu a mão. Quer dizer, pera

Ainda bem que esse Adriel saiu, espero voltar pro comando de ataque. 

Enfim, tudo vai bem, perfectenschlag.

Share this post


Link to post
Share on other sites
div

Parabéns pelo título renovado e pelas campanhas nas copas. No brasileiro a campanha segue bem semelhante às anteriores, o que mostra que tem regularidade.

Ponto positivo pra ti é que o América vem mal na temporada, pode facilitar uma chegada nas semis da Copa do Brasil.

Boa sorte na 2ª metade da temporada.

Share this post


Link to post
Share on other sites
André Honorato

parabéns pelo mineiro
rapaz, pelo que vejo, o que anda quebrando é essa lateral esquerda ai, não surgiu ninguém melhor ainda não? rsrs

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG
18 horas atrás, Peepe disse:

Parabéns pelo título mineiro! Esse pra lavar a alma de todas as decepções ganhando na melhor campanha, algo que tanto aterrorizou o Boston por várias vezes. Uma pena a venda do Adriel Luciano mas fez o que era possível e a multa rescisória até que estava bem gorda, o problema é mesmo não ter como repor e finanças não serão mais o problema definitivamente. Nessa linha, em pouco tempo figura entre os mais ricos times do Brasil.

Sobre os mata-matas faço a observação: o General Díaz é paraguaio, não chileno como apontado. Apesar de não ter a pompa da Libertadores, e nem jogar contra o River Plate (aliás, que gallinada hein? De 4x1 pra 4x4 é triste), a Sula é um título sempre muito palpável e o vice de anos atrás só reforça isso, vai passar pelos venezuelanos e seguirá a mercê do sorteio para ter um bom caminho até o final. Inclusive, deixo a dica, traga sempre a visão geral do mata-mata com todos os confrontos em um link em baixo, ainda que muita coisa tenha mudado é bacana pra gente fazer especulações.

No mais, foque mesmo nas Copas porque o caminho tem sido favorável, o América MG já está virando freguês do verdadeiro dono de Minas. E, por fim, esse sorteio da Copa do Brasil não tem algo errado não? Confrontos de Série A na segunda fase são raríssimos e no seu caso acontece em todo ano, chega a ser curioso que teve vida mais fácil na quarta fase do que nas duas primeiras.

Fala, Pepe!!

Foi difícil ganhar a primeira, agora que saiu, parece que abriu a porteira hahah. Não queria perder o jogador, ele é mito demais, faz qualquer função ali na frente e os atributos são sensacionais. No entanto, não tive muita escolha. Agora é torcer pra que apareça outro nesse nível no futuro. A gente é econômico por obrigação, então acabamos tendo um caixa bem alto. 

Opa, erro no caminho hahah, vou corrigir lá, valeu demais. Gallinada ou danutada, temos várias versões hahah. Tomara que o sorteio continue nos colocando contra times com os quais possamos lutar de igual e quem sabe trazer esse título. Pois é, até pensei nisso, vou dar um jeito nas próximas, fica mais legal mesmo.

Sim, o objetivo principal tem sido realmente nas Copas, tô até poupando time em algumas ocasiões. Acho que as Copas são um jeito mais fácil de aumentar nossa reputação e consequentemente atrair melhores jogadores para as fornadas. A gente sempre dá azar nesse sorteio kkkk. O Furacão fica revezando entre Série A e B, enquanto o Coxa chegou a bater na D. Pode ser que seja pelo ranking.

Valeu, Pepe!!

18 horas atrás, Nei não cai (38D) disse:

Ah, hoje eu to feliz... As marias estão titis e eu não to nem aí.

Eu vou pagar com traição, a quem sempre me deu a mão. Quer dizer, pera

Ainda bem que esse Adriel saiu, espero voltar pro comando de ataque. 

Enfim, tudo vai bem, perfectenschlag.

Fala, NeiMito!!

Não consigo escutar o choro deles daqui de cima do 1º lugar haahha.

Nei nunca será sacado do time. Quando ele saiu do ataque foi pra ir pra a MOD. Agora ele está de volta e no melhor estilo "on fire".

Valeu, Nei!!

15 horas atrás, div disse:

Parabéns pelo título renovado e pelas campanhas nas copas. No brasileiro a campanha segue bem semelhante às anteriores, o que mostra que tem regularidade.

Ponto positivo pra ti é que o América vem mal na temporada, pode facilitar uma chegada nas semis da Copa do Brasil.

Boa sorte na 2ª metade da temporada.

Fala, Div!!

Valeu, demais. Título renovado com sucesso.

Brasileirão segue os ditames anteriores, manter esse equilíbrio acho que é o mais importante.

Nas taças vamos tentar levar o mais longe que der.

Valeu, Div!!

13 horas atrás, André Honorato disse:

parabéns pelo mineiro
rapaz, pelo que vejo, o que anda quebrando é essa lateral esquerda ai, não surgiu ninguém melhor ainda não? rsrs

Fala, André!!

Obrigado!!

Pois é, não só na esquerda. Embora o Lúdyo seja um pouco melhor, também não me agrada muito. Pior que não, todos que surgiram até aqui são piores. Acho que o Matheus vai aposentar ali kkkk. 

Valeu, André!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Parabéns pelo bicampeonato mineiro. É muito importante conquistá-lo quando ainda não se ganha títulos mais importantes. Ajuda a reputação do clube e do treinador. No futuro, não será tão importante ganhá-lo, mas ainda servirá para dar espaço para jovens que irão se tornar titulares. Fez um campeonato muito bom. Na semi passou pelo Galo com o resultado da partida de ida e as defesas do goleiro. Na final, conseguiu se recuperar de um resultado bem adverso e garantiu o título no regulamento. Parabéns.

O Adriel sempre se destacou, né? Desde o início e, pelo menos, gerou essa grande quantia para o clube. É nossa hora que acho que o YC poderia ter uma regra de recontratação de jogadores que deixaram o clube. Seria bem legal, eu acho.

Na Copa do Brasil começou bem mais ou menos, né? Pensei que fosse cair diante do Santos depois do empate em casa, mas avançou e depois de passar pelo Avaí e o Corinthians tem tudo para chegar à semifinal, afinal conhece o adversário. Se conseguir fazer tudo certo, poderemos ter um título importante para o Boston.

É isso mesmo que você quis dizer? "Outro boa notícia é que novamente somos líderes na produção de jogadores que disturbam a competição."

O Boston faz uma campanha mediana daquelas que esperamos que ele faça. E isso é muito importante para o clube. Está com uma campanha muito parecida com a de 2044, com a vantagem que sofre menos gols do que sofria e segue marcando a mesma quantidade de gols. Isso pode ser um bom sinal e indicar uma colocação melhor do que o 11º lugar da temporada passada. 

Vai passar pelo time venezuelano.

Será que neste ano teremos mais titulos?

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG
Em 18/12/2020 em 08:04, ggpofm disse:

Parabéns pelo bicampeonato mineiro. É muito importante conquistá-lo quando ainda não se ganha títulos mais importantes. Ajuda a reputação do clube e do treinador. No futuro, não será tão importante ganhá-lo, mas ainda servirá para dar espaço para jovens que irão se tornar titulares. Fez um campeonato muito bom. Na semi passou pelo Galo com o resultado da partida de ida e as defesas do goleiro. Na final, conseguiu se recuperar de um resultado bem adverso e garantiu o título no regulamento. Parabéns.

O Adriel sempre se destacou, né? Desde o início e, pelo menos, gerou essa grande quantia para o clube. É nossa hora que acho que o YC poderia ter uma regra de recontratação de jogadores que deixaram o clube. Seria bem legal, eu acho.

Na Copa do Brasil começou bem mais ou menos, né? Pensei que fosse cair diante do Santos depois do empate em casa, mas avançou e depois de passar pelo Avaí e o Corinthians tem tudo para chegar à semifinal, afinal conhece o adversário. Se conseguir fazer tudo certo, poderemos ter um título importante para o Boston.

É isso mesmo que você quis dizer? "Outro boa notícia é que novamente somos líderes na produção de jogadores que disturbam a competição."

O Boston faz uma campanha mediana daquelas que esperamos que ele faça. E isso é muito importante para o clube. Está com uma campanha muito parecida com a de 2044, com a vantagem que sofre menos gols do que sofria e segue marcando a mesma quantidade de gols. Isso pode ser um bom sinal e indicar uma colocação melhor do que o 11º lugar da temporada passada. 

Vai passar pelo time venezuelano.

Será que neste ano teremos mais titulos?

Fala, GG!!

Concordo contigo. Como falei em algum comentário passado, vencer essas competições nos ajudam a aumentar nossa posição no ranking de reputação, nem que seja pouco, e consequentemente recrutar melhores jovens. Nosso goleiro é muito bom, mas assim como outros já está despertando interesse de grandes.

O Adriel já chegou na fornada com capacidade pra ser titular e coloca-lo de titular só ajudou ele a atingir seu potencial. Vejo ele com potencial pra ser um dos melhores da atualidade. Recontratação era algo que eu acharia muito bacana e ajudaria demais.

Não era não hahah, vou corrigir lá, obrigado por avisar, GG.

Nossas campanhas vêm sendo muito parecidas, o difícil é que nessa temporada ainda estamos em 2 copas e levaremos o condicionamento dos jogadores ao extremo.

Tomara que a gente passe e que venham títulos 🙏.

Valeu, GG!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Vai p'ra cima deles Leão. Escalada até à Série A foi brilhante e dominas o Campeonato Mineiro. Bons resultados na Copa e na Sul-Americana e quem sabe onde podes chegar. Na Série A, estás numa posição confortável e com hipóteses de chegar à Libertadores. Seria fantástico.

Share this post


Link to post
Share on other sites
mfeitosa

Grande campanha no Campeonato Mineiro, culminando em mais um título estadual para o Boston City. Parabéns! Adriel Luciano foi crucial nessa caminhada e que pena que "chegou" o momento dele ir embora. Tem uma hora que se torna impossível segurar esses caras. 

Na Copa do Brasil, a equipe vem avançando muito bem e, contra o Coelho, é bem possível que avance ainda mais. Digo o mesmo em relação à Sulamericana. Não acredito que o Estudiantes de Mérida tenha força suficiente para causar uma surpresa. 

Como segue vivo em todas as frentes, é preciso considerar a campanha no primeiro turno da Série A muito boa. Com um calendário tão inchado, o Boston tem feito milagres.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG
23 horas atrás, Cadete213 disse:

Vai p'ra cima deles Leão. Escalada até à Série A foi brilhante e dominas o Campeonato Mineiro. Bons resultados na Copa e na Sul-Americana e quem sabe onde podes chegar. Na Série A, estás numa posição confortável e com hipóteses de chegar à Libertadores. Seria fantástico.

Fala, Cadete!!

Bem vindo!!

A escalada foi realmente árdua, mas como dizem, a vista aqui de cima é mais legal hahah. Tomara que possamos continuar chegando nas competições até conseguir nos estabelecer entre os maiores. 

Disputamos a Libertadores ano passado, mas caímos logo nas oitavas. Quem sabe no futuro não avançamos mais. 

Valeu, Cadete!!

14 horas atrás, M. Feitosa disse:

Grande campanha no Campeonato Mineiro, culminando em mais um título estadual para o Boston City. Parabéns! Adriel Luciano foi crucial nessa caminhada e que pena que "chegou" o momento dele ir embora. Tem uma hora que se torna impossível segurar esses caras. 

Na Copa do Brasil, a equipe vem avançando muito bem e, contra o Coelho, é bem possível que avance ainda mais. Digo o mesmo em relação à Sulamericana. Não acredito que o Estudiantes de Mérida tenha força suficiente para causar uma surpresa. 

Como segue vivo em todas as frentes, é preciso considerar a campanha no primeiro turno da Série A muito boa. Com um calendário tão inchado, o Boston tem feito milagres.

Fala, Feitosa!!

Obrigado!! Pois é, o Adriel é diferenciado demais e quando ele não quis renovar eu já sabia que não iria segurá-lo. Confesso que ainda achei legal ter recebido essa grana, porque estava imaginando ele saindo de graça.

Seria fantástico conseguir chegar bem nas duas competições e manter a média de pontos no Brasileirão, mas vamos ver até onde o elenco aguenta, porque serão colocados à prova.

Valeu, Feitosa!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG

Banner-Bost2f9dc1dda405f090.png

Segunda chance em dobro.
Alguma data perdida em 2046

Logo no começo do segundo semestre terminamos nossas reformas nos 2 CTs. Com isso, chegamos naquelas 4 estrelas comentadas na última atualização. De pronto, aproveitando o cofre cheio e a boa relação com a direção, solicitei mais 1 reforma em cada CT. De pronto, o presidente aceitou ambas reformas, CT profissional e CT de base, e as obras começaram no começo do ano que vem. 

BRASIL-SERIE-A4090b436d986d9ff.png

Terminamos o primeiro turno na 6ª posição, dentro da zona de classificação para a Libertadores. Além disso, estávamos com uma formação diferente e 4 jogos invictos.

JOGOS SETEMBRO E OUTUBRO

Nossa série invicta continuou nos 3 jogos remanescentes de Setembro, mesmo jogando fora de casa. Fomos visitar o Vitória e conseguimos segurar um 0x0, mesmo com a equipe baiana jogando melhor do que nós, o que no final foi um bom resultado. Fomos visitar o Vasco, que se encontrava em uma pindaíba danada na zona de rebaixamento e acabamos de afundar os cariocas. Goleamos por 4x0 e ainda poderia ter sido mais, se José Cristiano (40B) não tivesse desperdiçado um pênalti. O destaque do jogo foi Allanzinho (44A). Para fechar o mês, fomos até o estado de São Paulo e derrotamos o Palmeiras por 2x1. Nei Não Cai (38D) e Einstein Jr. (33D) abriram o placar na etapa inicial, nos deixando em ótima vantagem. O Palmeiras só foi descontar no final e não deve tempo de tentar o empate.

Em Outubro, tivemos apenas 1 derrota e foi justamente o primeiro jogo. Entramos com o time reserva contra o Corinthians, líder do campeonato, por conta de uma eliminatória que tivemos. O resultado é que fomos massacrados, fomos goleados por 4x0, com direito a uma lei do ex, com gol de Hugo Miller (39A). Na sequência, recebemos o Cruzeiro e vencemos por 2x1, com destaque para José Cristiano (40B), que jogou demais na marcação e ainda anotou o dele. Contra o Atlético Mineiro, na capital mineira, não tivemos a mesma sorte. Saímos atrás logo aos 23'. Aos 76' eles tiveram um jogador expulso e naquele abafa de final de jogo, Romulo Frank (33G) sofreu um pênalti, que ele mesmo cobrou e deu números finais ao jogo, 1x1. No terceiro jogo seguido contra os times de BH, afundamos ainda mais o América (MG) na zona de rebaixamento, ao vencê-los por 1x0 com um gol de Einstein Jr. (33D) aos 93'. Fomos visitar o Athletico (PR) em Curitiba e massacramos. Vencemos facilmente por 3x0, com destaque para Nei Não Cai (38D), que marcou duas vezes. Fechando o mês, recebemos o Bahia em casa e vencemos por 2x0, com mais 1 gol do mito Nei Não Cai (38D).

SETEMBRO-E-OUTUBRO7b1b47c28ef2802c.png
Vitória | Vasco | Palmeiras | Corinthians | Cruzeiro | Atlético (MG) | América (MG) | Athletico (PR) | Bahia

JOGOS NOVEMBRO E DEZEMBRO

Tivemos 4 jogos seguidos em casa em Novembro, nossa chance de chegar ainda mais nos líderes. Iniciamos bem, vencendo o CSA por 1x0  com gol de Romulo Frank (33G). O mesmo Romulo ainda desperdiçou um pênalti. Colocamos um time 100% reserva contra o Ceará por conta de uma eliminatória aí, e acabamos sofrendo outra goleada, assim como o Corinthians. Perdemos de 4x0. Contra o Sport tivemos um belo jogo, com 2 viradas e acabamos vencendo por 4x3. O destaque fica por conta de Nei Não Cai (38D), autor de 2 gols. Contra o Fortaleza, fechando os jogos em casa, saímos bem no jogo, com boas chances. Porém, foi o Fortaleza que matou o jogo ainda no HT, quando fizeram 2 gols em 2 chutes e mataram o jogo. O segundo tempo teve chances para ambos os lados, mas o placar não se alterou. Perdemos outra na sequência, quando fomos enfrentar o Flamengo no RJ e perdemos por 4x2. Destaque para Nei Não Cai (38D) que marcou outro. Fechando o mês de Novembro, vencemos o Bahia por 2x1 em Salvador. Na ocasião, jogamos com 1 a mais praticamente o segundo jogo todo. Fechamos o mês vencendo o Paysandu em casa por 3x1. Claro, Nei Não Cai (38D) marcou nos dois jogos.

Em Dezembro pegamos os três melhores times do país em sequência. Visitamos o Grêmio e perdemos de 3x0, sem ver a cor da bola. Recebemos o São Paulo em casa e ganhávamos por 1x0, com gol de José Cristiano (40B), até que, no fim, Muralha empatou para o tricolor paulista. O último jogo foi contra o Internacional em Porto Alegre. Entramos com um misto no jogo. Nossa posição já estava garantida e muitos jogadores estavam exaustos. No fim, fomos goleados por 5x0 e não fizemos nada no jogo.

NOVEMBRO-E-DEZEMBROa6f8c629cb37b81f.png
CSA | Ceará | Sport | Fortaleza | Flamengo | Bahia | Paysandu | Grêmio | São Paulo | Internacional

Terminamos a competição na 6ª posição, dentro das vagas para a Libertadores, com 61 pontos, 1 a menos que nossa melhor campanha em 2044. Desses pontos, conquistamos 39 deles em casa, aproximadamente 63% deles. Isso mostra que estamos equilibrando essa campanha casa/fora.

TABELA-FINAL786aec426558515b.png

O Corinthians não aguentou manter a mesma forma e acabou perdendo título para o todo poderoso Grêmio. O América após grandes campanhas na elite, acabou sendo rebaixado, ao lado do Vasco, que retorna a B depois de anos.

Quanto aos prêmios individuais, Maikon (42B) foi eleito novamente o melhor goleiro da competição e Allanzinho (44A) completou nossos jogadores na seleção do campeonato. Na artilharia tivemos Nei Não Cai (38D). Nosso centroavante marcou 20 vezes e ficou em segundo na disputa, 7 gols atrás do primeiro. Por fim, eu ganhei como melhor treinador da competição.

fornada-de-jovens2e4fb2a2cc7bf01f.png

 

Depois do fracasso da última fornada e tendo em vista que apareceram outros Diretores Jovens na nossa pesquisa, resolvi demitir o Carlin e dar uma chance para o uruguaio Federico Martínez como Diretor Jovem. O mesmo Federico trouxe o pré-relatório, dizendo que era a geração de ouro. Quando os nomes chegaram, o craque dessa fornada era Bocão (MC/MOC).Com 3,5 estrelas de potencial, não vi nada demais nele e com uma personalidade fraca, não sei se boto fé. O segundo destaque é David Luiz (MD/MOD), outro jogador com personalidade acomodada e com habilidades questionáveis. Por fim, temos Bibi (PL). O jovem de 15 anos chuta com as duas pernas e uma habilidade ainda a melhorar.

Confesso que fiquei chateado com a personalidade dos jogadores e pensei em demitir o Federico logo de cara, mas darei mais uma chance pra ele.

Os outros contratados fora: Agnelo (ZC), Enderson (LE), Felipe Bezerra (GK), Deco (ME/MD), Fernando (MC), Leozão (ZC), Sérgio Murilo (MOE), Maykon (LD), Luiz Gustavo (MOD), Rubão (MC) e Dênis (MOC).

COPA-DO-BRASIL99d30c16e4ddd839.png

 

Depois de eliminarmos a dupla paulista Corinthians e Santos, estávamos em um confronto caseiro contra o América (MG).

QUARTA DE FINAL

O primeiro jogo foi em Manhuaçu. A partida foi bem confusa, com poucas chances e um jogo feio. O segundo tempo se abriu mais e o América saiu na frente com Aguirre, aos 56'. Aos 72', Nei Não Cai (38D) empatou o jogo. Crescemos depois do empate, mas não conseguimos virar.

No jogo da volta, seguiu o mesmo panorama do primeiro tempo e com o passar do tempo, parece que os times desistiram de atacar com medo e o 0x0 ficou até o fim, levando a decisão para os pênaltis.  Nas 5 primeiras cobranças, cada um errou uma e fomos para as alternadas. Na primeira rodada das alternadas, Toninho desperdiçou para o América e Kell (37H) nos colocou na semi final.

AMERICA-MG98c99a4b7e91d1f7.png
América (C) | América (F)

 

SEMI FINAL

O adversário na semi final foi o Flamengo Marcelo Gallardo, colocando-me frente a frente com meu ídolo e logo em um confronto mata-mata, sua especialidade.

O jogo de ida foi no RJ e armei uma retranca ferrada, entrando com um 4-1-4-1 e saindo no contra golpe. O Flamengo nos amassou o jogo todo, mas tínhamos o melhor goleiro do país por 3 anos seguidos e Maikon (42B) segurou bem a barra, terminando com nota 7,1. O Flamengo só conseguiu furar o bloqueio uma vez, marcando aos 86' e nos vencendo por 1x0.

No jogo da volta em Manhuaçu, não teve como, tive que ir pra cima, precisávamos do resultado. Tudo ficou mais fácil quando, aos 22', Nei Não Cai (38D) tentou entrar driblando, a zaga afastou, mas a bola sobrou pra Einstein Jr. (33D) que acertou um lindo arco, no anglo direito e nos colocou em vantagem.

spacer.png

O jogo permaneceu tenso, com chance para ambos os lados e nada de ninguém marcar. Aos 92' o "impossível", como disse a imprensa antes do jogo, aconteceu. Fábio Feijão (44G) achou José Cristiano (40B) na intermediária e José arriscou, chutando até mal, no meio do gol. Porém, o goleirão do Fla aceitou, espalmando a bola para dentro do gol.

spacer.png

Conseguimos dar a volta no placar do primeiro jogo e isso nos deu a chance de disputar a final da Copa do Brasil pela primeira vez, no jogo mais importante da nossa história.

FLAMENGO213e3d380f7e3f94.png
Flamengo (F) | Flamengo (C)

O adversário na decisão será nosso grande freguês, Internacional, atual campeão da Libertadores e finalista novamente da América.

CDBc52c9c1efc6fa46e.png

 

COPA-SULAMERICANA4a6668d2decd7df9.png

Pela sul-americana, já havíamos jogado duas eliminatórias e caímos contra os venezuelanos do Estudiantes de Mérida na terceira fase.

TERCEIRA FASE

O primeiro jogo foi em solo venezuelano e ainda no HT eles abriram 2x0 no placar. Nosso time não jogava nada e eu estava realmente preocupado. Aos 88', Romulo Frank (33G) completou um cruzamento da direita e descontou pra gente. No último lance, aos 93', tivemos um escanteio, que foi batido na primeira trave, onde Lúdyo (35E) desviou e nos deu o empate.

No jogo de volta, saímos atrás novamente. Camacaro abriu o placar aos 12'. Nosso time pressionava e nada, quando aos 65', Breno Rayol (43A) acertou um balaço de longe, única forma de quebrar a defesa venezuelana, e deixou tudo igual. Aos 90', João William (38E) ainda foi expulso, mas nada que mudasse o jogo. Empate em 1x1 e classificação para as quartas de final.

ESTUDIANTES-DE-MERIDAb6f53356255a0961.pn
Mérida (F) | Mérida (C)

QUARTA DE FINAL

O adversário nas quartas de final foi outro brasileiro, o Ceará. O primeiro jogo foi em Manhuaçu e Einstein Jr. (33D) abriu o placar aos 16' de jogo. O Ceará sentiu o gol e começou a errar passes  e dar umas estabanadas defensivas. Em uma dessas, aos 29', Lúdyo (35E), no melhor estilo Boston, cobrou a lateral direto na área. O goleiro catou borboleta e Nei Não Cai (38D) nos colocou em ótima vantagem, 2x0. O segundo tempo foi o inverso e o Ceará jogou bem melhor, chegando a acertar 10 chutes na nossa meta. Só que vocês já sabem né? Maikon (42B) teve outra atuação de gênio e com nota 7,1 fechou o gol. O Ceará só conseguiu fazer um gol com Yuri e levou a decisão para o Ceará.

O jogo de volta foi bem amarrado, o que foi ótimo pra gente. O primeiro tempo, mesmo com o domínio do Ceará, foi bem feio. No segundo tempo voltamos melhores e aos 61' Ramon William (42M) levou em drible pelo corredor esquerdo e acertou um lindo chute, abrindo o placar pra gente.

spacer.png

O Ceará só foi descontar aos 86', mas já era muito tarde para tentar algo a mais. Com o empate em 1x1 nos classificamos para as semis.

CEARA26e673ca4ee2c5c9.png
Ceará (C) | Ceará (F)

SEMI FINAL

O adversário na semi-final foi o Guarani (PAR). O time paraguaio é o melhor time do país, vencendo 4 dos últimos 5 campeonatos locais. O time teve a virada a partir de 2034, quando venceram a Libertadores e de lá pra cá acumularam 7 campeonatos paraguaios.

O primeiro jogo foi em Manhuaçu e advinha? Isso, eles abriram o placar aos 34' com o uruguaio Diego Bentacur. O atacante pertence ao Inter e está emprestado ao Guarani. No segundo tempo, em um bate e rebate, a bola sobrou para Ramon William (42M), que colocou par ao fundo da rede. Nosso time teve uma leve melhora depois disso, mas não conseguimos a virada e o jogo decisivo ficou para o Paraguai.

O Estádio do Guarani, construído em 2033, estava lotado e uma bela festa para receber a semi-final. Só esqueceram de nos avisar. José Cristiano (40B) abriu o placar aos 9'. No segundo tempo, quando eles começaram a gostar do jogo, Nei Não Cai (38D) deu um banho de água fria nos paraguaios e marcou nosso segundo gol, em outro frango do goleiro, ou até mesmo azar.

spacer.png

Espinoza devolveu a esperança aos paraguaios, ao marcar o primeiro deles aos 62'. O time deles vieram com tudo tentando o empate e eu retranquei, obviamente. Aos 95, último lance do jogo, quando já fazíamos cera no setor ofensivo, conseguimos um escanteio e na cobrança João William (38E) testou para o fundo das redes e deu números finais ao confronto, 3x1 e mais uma final da Sula pra gente.

GUARANI-PAR214572a249e6fef0.png
Guaraní (PAR) (C) | Guaraní (PAR) (F)

A final da Sul-americana acabou virando um campeonato Mineiro. O adversário será o Atlético Mineiro, que eliminou o Always Ready, Junior Barranquilla e Cesar Vallejo antes de chegar a final. O jogo será no Estádio Roberto Meléndez na Colômbia.

spacer.png

Rodap-Bost2a2df53666073681.png

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Muito bem na Sul Americana e tenho esperanças que a conquistes. Na Copa do Brasil, percurso muito bom até á Final mas será uma missão herculeana, contra o todo-poderoso Internacional. Mesmo assim há que lutar e acreditar, pois as finais são para se ganhar.

Na Série A, tiveste uma bela fase onde só perdeste contra o Corinthians mas depois a equipa quebrou um pouco, se bem que acabar a jogar contra 3 das melhores equipas também não ajudou. O mais importante é a qualificação para a Libertadores. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Nei não cai (38D)

A estrutura do clube vai de vento em popa, já é padrão fifa.

No campo, não sei na final da Copa do Brasil, mas na Sula pode entregar a taça. Caiu no Juscelino, chora menino!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.

Grande máquina esse Internacional, ganhou duas Copas e ainda foi vice do Brasileirão. Grande temporada dos colorados. Que vai repetindo novamente nesse ano.

Do outro lado, o que começou empolgante, acabou com um gosto amargo, mas, trabalhar com jovens é assim mesmo, muita montanha russa. Vamos ver se a experiência copeira dessa temporada surtirá resultados na casca e psicológico da equipe.

Nessa nova temporada, bom começo e bi do mineiro, e o retorno garantido à Libertadores no Brasileiro, agora é ver como se sairá nas finais.

Share this post


Link to post
Share on other sites
mfeitosa

Excelente campanha na Série A. Aos poucos, o Boston vai se consolidando entre as principais equipes do Brasileirão, ainda mais no que diz respeito à briga pelas vagas continentais. E isso já é muito bom. E em "mata-mata", a equipe tem mostrado ainda mais brio. Muito legal ver o Boston chegando a duas finais, e terá dois times mais do que conhecidos pela frente. Pretende priorizar alguma das duas competições?

Quanto à nova fornada, compartilho da sua frustração. Infelizmente, a garotada que chegou possui nível bastante duvidoso. Você acha que a troca do Diretor Jovem realmente faz a diferença nessas fornadas? Ou, de repente, seja algo mais relacionado à reputação do clube e suas estruturas? 

PS: Não ando muito animado em jogar FM, mesmo já tendo comprado o 21, mas tenho que dizer que sua trajetória no Boston tem sido inspiradora. Acredito que se eu for arriscar algo mais na frente, será com base no Desafio da Base, muito pelo que você tem feito aqui. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Tá na hora de cozinhar a galinha mineira. É para ganhar o título e zuar as galinhas. Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Em certa medida, as campanhas do três anos de Série A são muito parecidas, divergindo por alguns resultados a mais ou menos entre os três possíveis, isso provoca oscilações para cima e para baixo na tabela. Nessa temporada voltou a subir e felizmente estará na Libertadores. Terá que passar pelas fase classificatória, mas faz parte. Parabéns pela colocação e o mais importante é que não tem corrido riscos de rebaixamento. Aos poucos, o clube fica mais forte em todos os sentidos e esse elenco amadurece.

Conseguiu passar por duas fases na CdB e vai disputar a final. Eu diria que já é campeão pelo suspense que criou. Quem diria que o América daria tanto trabalho, hein? Depois de perder por pouco fora de casa, conseguiu reverter a desvantagem contra o Flamengo com gols de fora da área.

Eu não botei fé no time venezuelando e eles complicaram também. Os gols de fora da área parecem estar salvando a equipe nesse momento em várias eliminatórias de várias competições e começo a achar que teremos título com gol de fora da área também. A Sula tem se mostrando competitiva e agora terá que passar do Galo.

Será que teremos uma triplice coroa (Mineiro, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana) para o Boston?

Por favor, sem clickbait fuleiro na próxima atualiazação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
div

Mais uma campanha pra se consolidar no top-10 brasileiro. Dá pra dizer que o Boston chegou pra ficar.

Olha só... ganha essa Copa do Brasil aí, na moral. Nunca te pedi nada hahaha

E a final da Sula reservou um clássico, seria uma bela vingança por todas aquelas semifinais do campeonato mineiro hehe.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG
Em 21/12/2020 em 10:12, Cadete213 disse:

Muito bem na Sul Americana e tenho esperanças que a conquistes. Na Copa do Brasil, percurso muito bom até á Final mas será uma missão herculeana, contra o todo-poderoso Internacional. Mesmo assim há que lutar e acreditar, pois as finais são para se ganhar.

Na Série A, tiveste uma bela fase onde só perdeste contra o Corinthians mas depois a equipa quebrou um pouco, se bem que acabar a jogar contra 3 das melhores equipas também não ajudou. O mais importante é a qualificação para a Libertadores. 

Fala, Cadete!!

Pegamos um adversário conhecido na Sul-Americana e isso pode pesar a nosso favor. Contra o Inter o buraco é mais embaixo, o time deles é quase 100% perfeito, atuais campeões da Libertadores e finalistas mais uma vez. Daremos o máximo. 

Pois é, fomos com nosso time reserva, que não é lá grandes coisas e tomamos um pipoco. No fim fomos além do que imaginei e terminamos com mais uma vaga pra Liberta.

Valeu, Cadete!!

Em 21/12/2020 em 11:29, Nei não cai (38D) disse:

A estrutura do clube vai de vento em popa, já é padrão fifa.

No campo, não sei na final da Copa do Brasil, mas na Sula pode entregar a taça. Caiu no Juscelino, chora menino!

Fala, Nei!!

Estrutura daqui a pouco vai estar melhor que a do City.

Galão vai tremer pro Nei? Inter costuma pipocar pra gente, tomara que trema mais uma vez haha.

Valeu, Nei!!

Em 21/12/2020 em 18:12, Henrique M. disse:

Grande máquina esse Internacional, ganhou duas Copas e ainda foi vice do Brasileirão. Grande temporada dos colorados. Que vai repetindo novamente nesse ano.

Do outro lado, o que começou empolgante, acabou com um gosto amargo, mas, trabalhar com jovens é assim mesmo, muita montanha russa. Vamos ver se a experiência copeira dessa temporada surtirá resultados na casca e psicológico da equipe.

Nessa nova temporada, bom começo e bi do mineiro, e o retorno garantido à Libertadores no Brasileiro, agora é ver como se sairá nas finais.

Fala, Henrique!!

Os dois gaúchos são uma máquina aqui. O Grêmio deu uma desacelerada e o Inter virou potência. Eles têm um argentino excelente no ataque, que inclusive é titular da seleção.

Pior de tudo é quando a gente perder jogadores, a reposição costuma ser mais lenta do que simplesmente contratar. Vamos ver se os tropeços anteriores serviram pra criar uma casca.

No campeonato mineiro demorou pra vir o primeiro, mas agora parece que abriu a porteira.

Valeu, Henrique!!

Em 21/12/2020 em 19:35, M. Feitosa disse:

Excelente campanha na Série A. Aos poucos, o Boston vai se consolidando entre as principais equipes do Brasileirão, ainda mais no que diz respeito à briga pelas vagas continentais. E isso já é muito bom. E em "mata-mata", a equipe tem mostrado ainda mais brio. Muito legal ver o Boston chegando a duas finais, e terá dois times mais do que conhecidos pela frente. Pretende priorizar alguma das duas competições?

Quanto à nova fornada, compartilho da sua frustração. Infelizmente, a garotada que chegou possui nível bastante duvidoso. Você acha que a troca do Diretor Jovem realmente faz a diferença nessas fornadas? Ou, de repente, seja algo mais relacionado à reputação do clube e suas estruturas? 

PS: Não ando muito animado em jogar FM, mesmo já tendo comprado o 21, mas tenho que dizer que sua trajetória no Boston tem sido inspiradora. Acredito que se eu for arriscar algo mais na frente, será com base no Desafio da Base, muito pelo que você tem feito aqui. 

Fala, Feitosa!!

Essa última geração foi muito boa, desde o Lucas Santos até agora com Allanzinho, foram 4 anos vindo jogadores de elite. Acho que estamos colhendo os frutos dos investimentos passados. Então, eu postei o Brasileirão todo pra não ficar ruim de visualizar. Porém, as finais foram intercaladas e deu pra ir 100% nas duas sim.

Por tudo aqui que eu li, faz bastante diferença. Tanto do artigo do Henrique, quanto dos artigos gringos, todos falam que o Diretor Jovem influencia bem, ainda mais na personalidade dos atletas. Mas claro que a reputação, estrutura e tudo mais conta tb, e não deve ser pouco.

Que isso, fico feliz demais em estar escutando isso. Quando comecei a frequentar o fórum esse ano, a sua história da América do Sul era uma das minhas favoritas, uma pena que tenha acabado. Quanto ao desafio, será muito legal ver você fazendo e como anda sem tempo, pode até ser proveitoso, porque não precisará procurar jogadores e poderá focar no desenvolvimento tático e outros. Espero que anime. Mais uma vez obrigado.

Valeu, Feitosa!!

22 horas atrás, LC disse:

Tá na hora de cozinhar a galinha mineira. É para ganhar o título e zuar as galinhas. Boa sorte.

Fala, LC!!

Tá na hora de vingar toda a raiva do Mineiro hahaj. 

Valeu, LC!!

11 horas atrás, ggpofm disse:

Em certa medida, as campanhas do três anos de Série A são muito parecidas, divergindo por alguns resultados a mais ou menos entre os três possíveis, isso provoca oscilações para cima e para baixo na tabela. Nessa temporada voltou a subir e felizmente estará na Libertadores. Terá que passar pelas fase classificatória, mas faz parte. Parabéns pela colocação e o mais importante é que não tem corrido riscos de rebaixamento. Aos poucos, o clube fica mais forte em todos os sentidos e esse elenco amadurece.

Conseguiu passar por duas fases na CdB e vai disputar a final. Eu diria que já é campeão pelo suspense que criou. Quem diria que o América daria tanto trabalho, hein? Depois de perder por pouco fora de casa, conseguiu reverter a desvantagem contra o Flamengo com gols de fora da área.

Eu não botei fé no time venezuelando e eles complicaram também. Os gols de fora da área parecem estar salvando a equipe nesse momento em várias eliminatórias de várias competições e começo a achar que teremos título com gol de fora da área também. A Sula tem se mostrando competitiva e agora terá que passar do Galo.

Será que teremos uma triplice coroa (Mineiro, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana) para o Boston?

Por favor, sem clickbait fuleiro na próxima atualiazação.

Fala, GG!!

Acho que as nossas vitórias em casa ajudam demais na questão do rebaixamento. Ainda bem que estamos bem fortes em casa e espero que isso melhore ainda mais com estádio novo, mais torcida, enfim, não sei se influencia, mas tô empolgado heheh. A última pré-libertadores nos passamos razoalvelmente bem, apesar do susto com a LDU. Espero que nessa possamos pegar times mais fracos.

O sorteio nos favoreceu contra o América, apesar deles terem engrossado o caldo. Acredito que contra o Flamengo foi aquele jogo pra levantar a moral e ir com tudo para a final. HAHAHAH será que ganhamos?

Nosso time sempre se complica contra times mais fracos, é impressionante. Quase entregamos na Cdb para o Avaí depois de fazer 4x0. Desde que comecei a jogar com "rematar sempre que possível" o time começou a fazer muitos gols de fora. O Galo é bem parelho com a gente, só ver pelas posições no Brasileirão. 

Será uma virada de rumo? Tomara que sim hehhe.

Pode deixar, não terá click bait hahah. 

Valeu, GG!

11 horas atrás, div disse:

Mais uma campanha pra se consolidar no top-10 brasileiro. Dá pra dizer que o Boston chegou pra ficar.

Olha só... ganha essa Copa do Brasil aí, na moral. Nunca te pedi nada hahaha

E a final da Sula reservou um clássico, seria uma bela vingança por todas aquelas semifinais do campeonato mineiro hehe.

Fala, Div!!

Essa geração vem sendo fantástica, como falei acima. De 41 até a 44 revelaram jogadores de ponta. Essas duas últimas não se repetiram, mas acho que dá pra gente continuar competitivos. 

HAHAHAHA vamos com tudo pra ganhar, mas o time deles é uma máquina. 

Ta na hora né? Revenge is justice hahha.

Valeu, Div!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ElPerroMG

Banner-Bost2f9dc1dda405f090.png

Triplete.
15 de Dezembro de 2046

Assim como em 2044, chegamos novamente nas finais da Sul-Americana. Naquela ocasião, perdemos do Fluminense e ainda por cima rateamos no Brasileirão perdendo a chance da Liberta. Dessa vez, teremos duas finais próximas uma da outra, Sula e Copa do Brasil. Dupla chance de vencermos o maior título da história do Boston e se consolidar como um time copeiro, o que começou lá atrás com o Bi da Taça MG. Ante desses jogos decisivos, ainda tivemos a saída de Max William (34M), que estava insatisfeito com a reserva e saiu por R$15M para o futebol chinês.

COPA-DO-BRASIL99d30c16e4ddd839.png

O adversário na final da Copa do Brasil foi um velho conhecido, o Internacional. O primeiro jogo foi em Porto Alegre e usei o mesmo esquema da semi contra o Fla. 4-1-4-1 retranquinha de leve. Só que dessa vez não deu muito certo. Pugliese abriu o placar aos 30' para o Inter e Piccolo aumentou aos 37'. No segundo tempo não tinha muito o que fazer, dei uma avançada nas linhas e tentei ao menos descontar. Por sorte, o Inter sempre pipoca pra gente e, aos 72', Luquinhas derrubou Romulo Frank (33G) na área e juizão deu pênalti, que foi cobrado e convertido pelo mesmo Romulo Frank (33G). Fim de jogo, 2x1 Inter e decisão para Manhuaçu.

O jogo de volta foi bem mais interessante. Jogando com um time mais aberto, abrimos o placar aos 2', quando Nei Não Cai (38D) completou um cruzamento da direita.

spacer.png

Aos 10', Pugliese aproveitou o cochilo da nossa defesa e, sem marcação, empatou o jogo. Ainda no primeiro tempo, os 33', Einstein Jr. (33D) desviou uma cobrança de escanteio na primeira trave e nos colocou em vantagem novamente.

spacer.png

Aos 2' do segundo tempo eu vi a coisa mais linda da minha vida. Nei Não Cai (38D) recebeu a bola na ponta direita e recebia dupla marcação de José Henrique e do Prodígio argentino Piccolo. A visão de Nei era exatamente essa:

VISAO-DO-NEIbf70183deaeae4d1.png

 

Não tinha o que fazer né? Não para Nei, imparável. Ele foi pra dentro dos dois, tirou José Henrique lindamente, Piccolo? Nem o viu, e no fim ele fuzilou o goleirão, 3x1 Boston.

 spacer.png

1' antes o juiz tinha anulado um gol legal nosso, os Deuses do futebol nunca vacilam. Aos 65' Cris (34F) derrubou Pugliese na área e Picollo deixou tudo igual no agregado, 4x4. O jogo ficou assim até o fim e a decisão foi para os pênaltis.

Os dois melhores batedores, Pugliese e José Cristiano (40B), começaram errando. Depois disso, todo mundo converteu, ficando em 3x3 no placar. O pênalti decisivo caiu nos pés do zagueiro Magnos Barradas. Ele bateu no meio do gol e Maikon (42B) fez uma linda defesa.Com isso, era só a gente converter nossa cobrança e o nosso decisivo caiu nos pés do iluminado Nei Não Cai (38D). Quando ele foi pra bola parte da torcida já gritava "É CAMPEÃO", eu nem respirava, não sei como não morri. Com aquela tranquilidade de sempre, bola num canto e goleirão do outro, era só emoção. BOSTON CAMPEÃO DA COPA DO BRASIL!!! 

CAMPEAO8a34413905c5fbf4.png

INTERNACIONAL0b7eaffd6d1f507d.png
Inter (F) | Inter (C)

A torcida estava em delírio e a diretoria mais ainda.

O presidente da CBF veio me parabenizar pelo título e no melhor estilo Lisca Doido só falei: "Faz o TED". Arrecadamos só R$53M com o título e quase R$80M com todas as fases.

Eu fui eleito o melhor treinador da competição. Allanzinho (44A) a terceira maior revelação e Maikon (42B) o segundo melhor goleiro.

COPA-SULAMERICANA4a6668d2decd7df9.png

Depois do título da Copa do Brasil, chegamos com moral na Colômbia para a final contra o Galo. Nossa tabela foi mais difícil que a deles e os confrontos recentes nos colocavam em vantagem. Era uma bela chance de consagrar mais ainda essa geração. O mais legal de tudo, é que no time titular da decisão, tínhamos 2 jogadores da geração 33', quem tá aqui a mais tempo se lembra dela. Foi a geração que havia vencido a Taça MG e nos tirado da Série D na ocasião. Einstein Jr. (33D), Romulo Frank (33G) e Matheus Philiphe (32A) estão conosco desde a Série D.

Roberto Meléndez lotado com 66.000 torcedores. Claro, a maior parte era de torcedores do Galo, mas nossos 18.000 torcedores eram bem barulhentos. E foram nossos torcedores que comemoraram primeiro, quando Lúdyo (35E) cobrou a lateral direto na área e Nei Não Cai (38D) ajeitou de primeira para José Cristiano (40B), que levantou a cabeça e viu Einstein Jr. (33D) livre no segundo pal para abrir o placar. A pergunta que não quer calar é apenas uma: Seria a reencarnação do "Dinimizmo"? GOLAÇO.

spacer.png

No início do segundo tempo, Allanzinho (44A) foi derrubado na área e juiz marcou pênalti. José Cristiano (40B) foi para a cobrança e aumentou nossa vantagem ainda mais. Aos 56', Evanor recebeu livre na esquerda e bateu prensado depois da nossa zaga tentar tirar, a bola foi morrendo devagarzinho, quase parando, mas acabou entrando e o Galo descontou, dando um fôlego pra eles. Aos 76', em uma falta na lateral direita do nosso ataque, Allanzinho (44A), que jogou DEMAIS na final, colocou a bola com as mãos na cabeça de Cris (34F) que afundou o goleirão do Galo e nos colocou novamente em ótima vantagem, 3x1.

spacer.png

Depois disso nem preciso falar o que fiz né? Retranquinha linda. O Galo não fez mais nada e a gente só segurou o resultado. Fim de jogo, 3x1 pra gente e o BOSTON CONQUISTAVA SEU PRIMEIRO TÍTULO INTERNACIONAL, CAMPEÕES DA COPA SUL-AMERICANA

spacer.png
 

A direção ficou extasiada, a torcida em delírio e a gente sem dinheiro, depois de gastar tudo com puta e cachaça uma festa tranquila com familiares, banda sertaneja e pão de queijo.

Fui eleito o melhor treinador da competição e Allanzinho (44A) o melhor jogador do torneio. Na equipe do torneio colocamos 6 jogadores.

Como toda grande conquista nossa vem com uma má notícia, dessa vez não foi diferente. O AZ Alkmaar da Holanda, pagou a cláusula de R$116M do Allanzinho (44A) e provavelmente fechará com nosso prodígio.

PROPOSTA-ALLANZINHOb91c3c3a28bed112.png

an-lise-individuala41fdc776d655318.png

 

Maikon (42B) mais uma vez encabeça no lista de destaques. Eleito mais uma vez o goleiro do Brasileirão, nosso guarda redes ainda foi eleito o melhor goleiro da Sul-Americana e o segundo melhor goleiro da Copa do Brasil.

No meio campo, nossos 2 principais jogadores são sempre destaque. Allanzinho (44A) e Breno Rayol (43A) anotaram 28 assistências na temporada e só faltaram fazer chover. Quero eles eternamente no time.

No setor ofensivo é quase impossível não trazer Nei Não Cai (38D). Quando a temporada parecia ir por água abaixo com a saída de Adriel Luciano (42A), mercenário safado, Nei chamou a responsabilidade mais uma vez e marcou 29 gols na temporada, incluindo 2 na final da Cdb e foi nosso artilheiro e principal jogador, ao meu ver, na temporada. Fico feliz em saber que ele tem apenas 24 anos e nenhum interesse europeu.

EST-1ae53930153476de6.png
EST-218ffc90a2958595f.png
EST-37d180da40c18ada1.png

FINANCAS20e589252043182a.png

 

Nossas finanças continuam crescendo e terminamos a temporada com um saldo global de R$587M.

FINANCAS198d361351f0a0d3.png

Tivemos R$499M de receitas na última temporada. R$176M de direitos televisivos, R$150M de jogadores vendidos e mais R$115M em prêmios de competições com os dois títulos.

Nossa maior despesa foi com manutenção de campo, acredito que tenha sido por conta do estádio novo. Além disso, os impostos só aumentam, chegando a totalizar R$55M, dos R$300M de despesa da temporada.

Por falar em estádio, a diretoria finalmente anunciou a construção do novo estádio e a partir do ano que vem já estaremos jogando no Estádio do Boston City. Além disso, a diretoria confirmou o início das reformas nos CTs, que haviam sido aceitas em meados da temporada.

SUMARIO-COMERCIAL2f8a514a1b0b8d5e.png

Boston-sub20726bd1d5a9646a3c.png

O destaque do nosso time juvenil nessa temporada foi o título inédito da Taça BH de Futebol Júnior. Nas outras competições não repetimos o mesmo desempenho, conseguindo apenas um vice campeonato no Mineiro juvenil e outro vice no Br Sub-17.

TACA-BH47ebc28f8d770cad.png

Mineiro | BR Sub-17 | BR Sub-20 | BR Sub-23

outras-informa-es00243bf70d84f82a.png

Transferências | Melhor 11 | Time da torcida | Resumo estatística | Série B | Série C | Série D | Libertadores | Recorde de gols numa temporada

Rodap-Bost2a2df53666073681.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Final emocionante na Copa do Brasil contra o Inter. Um título para inaugurar uma nova etapa para o clube. Agora, nem aqui e nem em qualquer lugar do mundo haveria grito de "é campeão" em uma decisão por pênaltis. Todo mundo ficaria paralisado de medo.😁

E ainda teve mais...o primeiro titulo internacional do clube contra um rival estadual. Que maravilha.

Acho que ninguém segura mais o clube a partir do novo estádio e tudo mais envolvendo a infraestrutura. Agora, provavelmente conseguirá crescer ainda mais. Talvez, demore alguns anos por conta das novas gerações de jogadores que aparecerão e levarão um tempo para crescer e amadurecer e também porque dependerá bastante de como irá gerenciar essa questão de formação do elenco, já que não tem condições de contratar. Talvez, conseguir manter os melhores jogadores, ou quem sabe a 2ª linha dos principais jogadores, seja o diferencial do Boston daqui para frente. Quais são seus planos depois dessa temporada fantástica o clube?

Agora é o Junqueirismo.

Feliz Natal.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadete213

Final da Copa foi imprópria para cardíacos e mesmo com os penálties falhados, não desanimaram e acabaste a festejar. Emoção ao rubro.

Na sul americana, foram só 18 mil adeptos na bancada mas suficientes para encorajar a equipa a derrotar o Galo. Vitória memorável que ficará na história do clube.

No plano financeiro, o clube está muito bem com infra-estrutura muito forte e camadas jovens também fortes, oferecendo um bom futuro ao clube.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Na década de 90, a coisa mais comum nos campos europeus eram os tradicionais pontas velocistas; dribladores rápidos com capacidade de cruzar bem uma bola e que ficavam sempre preso no seu corredor de atuação. Atualmente, esse é um perfil bastante difícil de se encontrar nos elencos dos grandes clubes do mundo. No jogo moderno, é função dos alas e laterais atacarem os flancos e cruzar a bola para a aula. O ponta tradicional foi substituído pelo ponta de pé trocado. O ponta invertido (extremo invertido em PT-PT, por isso também no jogo e aqui nesse guia) é um desses casos dentro do FM, assim como o avançado interior.
      Enquanto esses pontas de pé trocado surgiram e evoluíram dentro do 4-2-3-1, eles tem funções diferentes dentro de campo de acordo com o time que jogam ou com a formação que são usados. Nas versões anteriores do Football Manager, a única opção tática que um treinador tinha para esse tipo de formação era utilizar um avançado interior. Atualmente, ganhamos uma ferramenta a mais, com o extremo invertido. A principal tarefa desses pontas de pé trocado é utilizar sua velocidade e técnica para duelar com seu marcador e conduzir a bola e o time para mais próximo do gol adversário.
      Para aqueles que ainda não sabem do que estamos falando, vou deixar alguns exemplos da vida real e que inspiraram a Sports Interactive a moldar a função de acordo com seu talento. Jogadores como Arjen Robben, Franck Rybéry e Thierry Henry são alguns dos ícones do futebol que ajudaram o Football Manager a trazer esse tipo de atleta do campo para as telas dos computadores. Hoje, atletas como Serge Gnabry e David Neres são grandes máquinas dentro do Football Manager graças ao que esse tipo de atleta trouxe para o motor do jogo.
      Normalmente, o estilo de jogo desses atletas é bem direito. Uma vez que tem a bola nos pés, eles combinam técnica e dribles com aceleração e boas tomadas de decisão para deixar o marcador para tráz e ou finalizar ou passar a bola para um companheiro melhor posicionado para continuar a jogada. Esse estilo de jogo não combina muito com o estilo de outros avançados interiores da vida real, que cortam para dentro, mas optam por uma enfiada de bola ou cruzamento ao invés do chute.
      Em versões anteriores, ou você transformava esses jogadores em avançados interiores, incluindo seus comportamentos codificados no motor do jogo (e que não podem ser removidos) que instruíam eles a cruzar menos, ou os transformava em construtores de jogo avançados, aceitando que eles iriam cruzar menos e chutar menos, mas fariam passes mais arriscados. Isso mudou a partir do FM 2020, que passou a nos oferecer o Extremo Invertido.
      Como essa função dá aos treinadores maior flexibilidade? As instruções se tornaram mais claras, assim como as percepções de cada um sobre o que cada função pode fazer dentro de uma partida. Para vermos o que eles devem fazer, basta olharmos para as instruções que não podem ser removidas no painel tático. Como mencionamos o Avançado Interior e o Construtor de Jogo Avançado, iremos compará-los antes de chegarmos à estrela desse guia, o Extremo Invertido. Começaremos pelo Construtor de Jogo Avançado.

      O construtor de jogo avançado, quando colocado nas pontas, é primariamente um meio-campista colocado em uma posição de maior largura, que busca encontrar espaços e criar oportunidades para si ou para os companheiros de equipes. O jogador funciona de forma bem restrita, mas tendem a recompor defensivamente quando o time está sem a bola.

      Quando comparamos o construtor de jogo avançado com o avançado interior, podemos ver imediatamente que o avançado interior movimenta-se mais em direção à área, buscando penetrações e necessitam de um tipo diferente de capacidades e habilidades ofensivas.

      E isso faz sentido quando nós examinamos seus comportamentos inerentes e que não podem ser retirados. O avançado interior é mais ofensivo. Eles querem conduzir a bola até o coração da defesa adversária, cortando para dentro a partir do corredor lateral. Ao invés de tentarem criar chances para seus companheiros com uma enfiada de bola, é mais provável que eles tentem marcar o gol por conta própria.
      Entretanto, isso não significa que eles irão chutar a esmo e ignorar companheiros melhores posicionados. Quando colocado em uma tarefa atacar, eles tendem mais a querer marcar o gol, enquanto na função apoiar, o avançado interior está mais afastado do gol e é mais provável que procurem um companheiro livro ou no espaço.

      Isto tudo nos traz até o extremo invertido. A descrição do jogo diz que ele "busca cortar para dentro a partir do terço ofensivo para criar espaço para laterais ultrapassarem e subsequentemente sobrecarregar defensores recuando."

      Seu comportamento inerente é diferente quando comparado as outras funções que mencionamos, já que eles não são instruídos a cruzarem menos ou a correr mais riscos nas tomadas de decisão. Eles são uma versão mais conservativa do avançado interior, ou talvez para ser mais preciso, a combinação entre o avançado interior e o construtor de jogo avançado.
      A movimentação de um extremo invertido é mais lateral se comparada ao avançado interior. O extremo invertido move-se para o corredor central, cortando de uma posição mais aberta. Mas ao invés de finalizar, ele quase sempre passa a bola antes de correr para se posicionar dentro da grande área.

      Quando examinamos o mapa de calor do, combinado com o de passes recebidos pelo, extremo invertido, nós podemos ver essa movimentação. Ele corta para dentro para receber o passe, progride e se posiciona entre o zagueiro e o lateral na área.

      Texto traduzido e adaptado por Henrique M. para o Engenharia do Futebol e FManager Brasil
      Fonte: https://www.footballmanager.com/the-byline/look-inverted-winger-wednesday-wisdom
    • PedroJr14
      By PedroJr14
      Eu já venho matutando há algum tempo uma nova história com um time do meu estado. Depois que o Altos conseguiu o acesso à Série C essa vontade aumentou mais ainda. A grande cereja do bolo foi o relatório sobre a última história que eu fiz aqui, onde o nosso querido @Peepedisse que ainda esperava uma história minha com começo, meio e fim. Desafio aceito!
      O CLUBE
      Muitos aqui sabem que o Altos subiu para a Série C de 2021, mas acredito que poucos sabem das dificuldades enfrentadas pelo clube durante o ano de 2020. A Associação Atlética de Altos fundada como equipe amadora em 2013, na cidade de Altos-PI, cerca de 40km de distância da capital Teresina, se profissionalizou em 2015 e logo obteve sucesso a nível estadual. A organização do clube impressionava e logo no seu primeiro ano profissional conquistou o título da Segunda Divisão do Piauí, garantindo assim o acesso para a Primeira Divisão no ano seguinte. Já no seu primeiro ano na elite, o Altos obteve a melhor campanha do campeonato e venceu a final sobre o River por 4x2 no agregado, porém perdeu o título no tribunal, por conta da escalação de um jogador irregular. Ainda em 2016 o altos obteve a melhor campanha da história da primeira fase da Série D, naquela época(5v-1e-0d), mas acabou eliminado pelo CSA, que conseguiria acessos consecutivos até a primeira divisão.
      O ESTÁDIO

      O Altos manda seus jogos no Estádio Municipal Felipe Raulino, o "FELIPÃO", que tem capacidade para cerca de 4 mil torcedores. Apesar de ficar muito próxima à capital Teresina, o Altos prefere mandar até os jogos grandes no seu estádio, mesmo às vezes sendo menos vantajoso financeiramente, só não joga lá quando é obrigado pela federação. O acanhado Felipe Raulino se transforma em Felipão, um verdadeiro caldeirão quando o time do Altos pisa lá dentro, que já fez o clube conseguir resultados improváveis.
      O MASCOTE

      Particularmente a coisa mais espetacular que eu acho nesse time é o mascote, que além de ser LINDO e SENSUAL, literalmente vive para o clube. E por conta dele eu criei o clássico dos mascotes entre Altos e Piauí Esporte Clube, que também tem um mascote espetacular, nada mais nada menos que um RATO MOLHADO, que se enxuga durante os jogos.
      O QUE ACONTECEU EM 2020?
      A nossa história começará no início de 2020, ignorando os acontecimentos desde ano, mas sem a maioria dos jogadores importantes contratados no ano, diria que sem os mais importantes. Nossas finanças estão zeradas, não temos dinheiro para contratações ou salários e contamos com apenas 18 jogadores no elenco, com posições muito carentes como a presença de apenas 1 goleiro, 1 lateral-direito e 3 zagueiros e 3 meias de ofício.
      Os desafios para um time como o Altos vão bem além das 4 linhas. O clube não tem estrutura, nem investimentos, não tem um banco de análise de dados, nem categorias de base. Vai ser um grande desafio comandar esse time nas próximas temporadas, ainda que eu já conheça alguns atalhos nas divisões inferiores e no Nordeste do Brasil.
      Ainda não posso adiantar qual será a meta para o fim da história, mas acredito que eu só vá parar depois de pelo menos um título de Campeonato Brasileiro, já que eu costumo dar sorte em Copas, então não vou colocar a Copa do Brasil como meta principal. O intervalo (ingame) entre os capítulos também ainda não foi determinado, mas pode ser de 3/3 meses, 4/4 ou 6/6. Devo fazer uma história baseada em tudo que rodeia o clube, passando pelo treinador, presidente e a relação do Altos com a política, o que não costuma dar certo no futebol.
      Estou aberto a dicas, críticas e tudo que possa me ajudar a melhorar como contador dessa história, espero contar com vocês.
      É possível ter uma temporada semelhante à que aconteceu na vida real em 2020-21? Como fazer um time tão limitado ser competitivo? Veremos nos próximos capítulos.
      Sala de troféus
      Capítulos
    • Danut
      By Danut
      Olá pessoal. Sejam bem-vindos ao meu novo save aqui no Profissão: Manager. Desde o FM14 que eu namoro a ideia de jogar um save em que as contratações fiquem nas mãos da diretoria. Nas versões anteriores do FM, porém, essa opção não funcionava de forma adequada. Deixar tudo na mão da diretoria significava jogar campeonatos com apenas cinco ou seis jogadores, com um elenco de dez homens em que seis são laterais esquerdos, e outras bizarrices do tipo. Por conta disso, nunca levei um save do tipo adiante.
      Nas versões mais recentes, porém, isso parece ter sido corrigido. Notadamente, temos aqui na área o exemplo do @ggpofm (que, aliás, novamente merece os créditos pelo banner, que peguei da Galeria de Gráficos), que tem conseguido jogar de forma satisfatória um save nesse estilo. Isso me encorajou a tentar um save no mesmo estilo. A primeira tentativa não teve grande sucesso esportivo, mas a parte das contratações funcionou bem e me encorajou a compartilhar um save nesse formato por aqui.
      E é a partir disso que chegamos ao save atual, no qual acompanharemos a trajetória de Mathis Liam, jovem belga nascido na pequena cidade de Tubize. Diferentemente do que costumo fazer, este será um save de carreira, com o treinador podendo circular também pelos países vizinhos. No entanto, pretendo abordar a carreira de forma um pouco diferente do que está sendo feito em outros saves da área, dando prioridade ao trabalho no clube atual. Não haverá nenhuma regra fixa quanto a isso, mas o meu plano é focar as escolhas de troca de clube no ciclo de cada equipe, em vez de pensar no que seria melhor para a carreira do treinador em si.
       
      Treinador

      Mathis Liam tem 25 anos e poucas qualificações para ser treinador de futebol. Em um daqueles milagres que só acontecem no FM, porém, conseguiu um cargo como treinador em equipe a ser apresentada no próximo post. Com sorte, nosso treinador conseguirá aproveitar a oportunidade para aumentar seu status dentro do mundo do futebol.
       
      Dados do save
      Ligas carregadas: Bélgica, Alemanha, França, Inglaterra (todos 3ª divisão e acima) e Holanda (2ª divisão e acima).
      Base de dados: pequena, com cerca de 24 mil jogadores.
      Data de início: 1º de julho de 2019
      Outras opções: mascarar atributos, não adicionar equipe técnica, sem orçamento na primeira janela de transferências
    • Valismaalane
      By Valismaalane
      O nosso primeiro clube na carreira será o:
        Paide Linnameeskond
       
      Paide Linnameeskond é um clube estoniano de futebol, fundado em 1990 e refundado em 2004, com sede em Paide e manda seus jogos no Paide Linnastaadion. O Paide iniciou como um clube filial do FC Flora (O maior time da Estonia), e no ano de 2005, conseguiu 4 acessos consecutivos, uma coisa inédita no campeonato Estoniano, sendo o primeiro a fazer isso e o único, por enquanto. O Paide é um time com um grande projeto, sendo o time que busca todo seu sucesso baseado em se sustentar na elite do campeonato estoniano. Neste sentido, rapidamente o Paide se tornou a quarta força do país conseguindo um Vice-campeonato da copa em 2015, ainda não foi campeão de nada, mas o seu desenvolvimento chama atenção, principalmente pela contratração de jogadores estrangeiros e repatriação de jogadores estonianos que já estiveram na seleção. O Paide ainda não venceu nada na Estonia, mas vamos mudar isso!
      Site oficial do clube: https://www.paidelinnameeskond.ee/ 
      Técnico: O Técnico sera Ragnar Dragunov, um antigo jogador da seleção estoniana e revelado pelo próprio Paide. Embora não tenha sido um jogador de sucesso, é um jogador relativamente conhecido entre os torcedores estonianos. Ragnar foi contratado com apenas 19 anos como uma das maiores promessas do país pelo Schalke 04, mas não conseguiu espaço no clube e rodou por diversos países como Japão, Uzbequistão, Cazaquistão, Russia e armênia, retornou a Estonia e encerrou sua carreira no Valga Warriors de Valga na segunda divisão estoniana. (Experiência passada no clube // História ficticia)
       
      Metas do Save:
       
       - Me tornar um dos maiores técnicos da Estonia
       - Classificar um clube estoniano para fase de grupos da EURO
      Classificar um clube estoniano para fase de grupos da Champions
      Revelar jogadores estonianos com nível para seleção (Zarikov - Cap. 30)
      - Ver ou Classificar a Estonia para uma copa do mundo inédita
      - Ver ou Classificar a Estonia para uma Eurocopa Inédita
      Objetivos do save:
      - Permitido trocar de clube durante o save
      - Se assumir a seleção tenho que estar sem clube ou trocar o clube pela seleção (não comandar os dois simultaneamente)
      - O save é voltado para o técnico e não para a liga estoniana (embora seja uma das minhas vontades crescer o futebol estoniano)
      - Se for necessário, posso mudar os objetivos do save durante a temporada.
      - Me divertir
      Início da Carreira:
       Temporada 01/2019

       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       Temporada 02/2020

       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Primeira fase Mata-Mata
       Temporada 03/2021
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Fase de Grupos
       Temporada 04/2022
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Vice-Campeão)
      Copa da Estonia (Eliminado pelo Kalju nas Quartas-Final)
       - Não classificado para nenhuma competição Continental
       Temporada 05/2023
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       - Eliminado no Mata-Mata para o Heerenveen
       Temporada 06/2024
       Paide Linnameeskond -
       Campeonato Estoniano (Campeão)
       Copa da Estônia (Campeão)
       Champions League (Eliminado na fase de Grupos)
       Temporada 07/2025 e 2026
      Juventus Football Club - Demitido
       Campeonato Italiano (4º Lugar)
       Copa da Italia (Eliminado)
       Champions League (Eliminado nas Quartas)
       Temporada 08/2026 e 2027
       Sassuolo -
      -
      -
      -
      Base do Jogo:
      *Foram adicionados no ano de 2021 o Brasil, Portugal e a Italia
      Notas do Jogador:
      Espero me divertir e que todos os leitores se divirtam. Criticas construtivas sempre serão bem recebidas, e espero uma boa interação com todos! Obrigado e "NAUTIGE"!
      Obs: Kogemus Jalgpall significa algo como: "Sinta o futebol", "experiencie o futebol" (não tem um significado literal para português, mas é utilizado para vivenciar algo)
       
      Gostaria de deixar aqui um agradecimento especial ao @ggpofm pelas varias dicas e conselhos e por ter feito o Banner da saga! Também gostaria de agradecer a todos que estão dando seus respectivos feedback e acompanhando, interagindo com a saga! Obrigado!
    • Makengo
      By Makengo
      Esta vai ser a minha 1ª história aqui no fórum. 
      Se estiveres a ler isto, irás ler a história de dois treinadores com passados e objetivos diferentes:
      -Um deles, Ben Ivanov não sabe muito bem o que quer da vida mas está disposto a escrever o seu nome na história do futebol;
      -A outra, Manami Yoshida, irá querer calar a boca de críticos e reerguer um gigante adormecido;
      Histórias completamente diferentes mas que irão se cruzar (ou não) em um ponto.
      Seguindo a vibe de algúem chamado Justice (do fórum FMScout), também farei entrevistas e conferencias de imprensa mais detalhadas do que as que o jogo tem para oferecer.
      Fiquem apenas ligados em Manami Yoshida e Bennet «Ben» Ivanov
       
×
×
  • Create New...