Jump to content
Darthz

Stefan Kovács: Legado dos Cárpatos [Março, Abril, Maio e Junho de 2021 - Objectivo: Permanência - atualizado a 11/05]

Recommended Posts

vinny_dp

Já abre uma vantagem interessante de cinco pontos para o time que irá para o playoff de descida e agora, com os pontos sendo divididos pela metade, isso é ainda mais valioso. Creio que conseguirá a manutenção com tranquilidade, abrindo caminho para a preparação da equipe para uma segunda temporada mais forte. 

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

No começo da temporada eu disse que havia achado estranho a baixa expectativa para o desempenho do Alexandria. Conhecendo você pelos outros saves era claro para mim e também para outros que o Alexandria era candidato à promoção e não demorou para o Alexandria assumir a liderança da competição. Se a competição com o Alexandria na liderança não surpreendia ninguém, a mudança de ares serviu para sacudir um pouco o save pelo inesperado.

A escolha sentimental pelo U Cluj  pareceu ser uma certa dose de loucura pela posição do clube na tabela, mas mesmo em penúltimo lugar (13º), a realidade era que o clube estava a apenas seis pontos do 8º lugar e a um mísero ponto da saída do rebaixamento, ou seja, uma tarefa muito viável de ser completada. O acerto rápido da equipe mostrou que o U Cluj não terá dificuldades de se manter na liga na sequência da competição.

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Darthz
Em 29/04/2019 at 01:07, Andreh68 disse:

Apesar da derrota, e das estatísticas, fazer um jogo apertado com o Craiova, com um homem a menos é um bom augúrio para o futuro do Cluj, que tem tudo para continuar na Liga I

Eu concordo com a sua análise e até acho que faremos boa figura na fase de manutenção, mas temos de confirmar as expectativas.

Em 29/04/2019 at 01:58, Vannces disse:

A classificação mostra que o time está ainda precisando melhorar, mas os últimos jogos por outro lado apresentam um rendimento melhor. Acha que dá para subir mais na tabela? Boa sorte na sequência.

Muito mais não até porque a competição é dividida em dois grupos, mas penso que nos manteremos na primeira liga com facilidade. Valeu.

Em 29/04/2019 at 09:09, Tsuru disse:

Fez uma primeira sequência muito boa e abriu oito pontos para a zona de rebaixamento. Acho que o Cluj se mantém sem grandes problemas na Liga I, e a partir da próxima temporada terá mais tempo para moldar a equipe e alçar voos maiores.

Boa sorte na continuação!

A minha esperança é essa, e de saber com quem poderei contar para a próxima temporada, já que achei por bem não mudar grande coisa este primeiro ano. Valeu.

Em 29/04/2019 at 18:31, Jirimias disse:

Achei válida a mudança de ares, em condições reais acho que qualquer treinador faria isso, apesar do desafio que se desenhava duro. Tem conseguido os resultados e um dos objetivos da temporada caminham bem para serem cumpridos, já a parte financeira é mais complicada. Nitidamente, seu trabalho vai aparecendo, o Cluj fez tb uma boa escolha.

Era inevitável, depois das boas campanhas no Alexandria, o treinador tinha que progredir na carreira, e acho que "casou bem" com o U Cluj. As finanças são o principal problema, e provavelmente terei que fazer mudanças no plantel também devido a elas. Valeu Jiri.

Em 30/04/2019 at 02:17, marciof89 disse:

Pela pontuação que conseguiu e o futebol que apresentou, acho que consegue permanecer sem grandes sustos na primeira divisão. E isso vai ser um bom teste, afinal, você poderá avaliar bem o elenco para na próxima, ter mais tempo e liberdade para montar uma equipe mais competitiva.

Concordo, estou a utilizar o resto da época para fazer testes, e já que tenho de mudar algumas coisas, convém não piorar a qualidade do plantel.

Em 30/04/2019 at 17:54, PedroJr14 disse:

O time emendou uma boa sequência no campeonato romeno e agora está razoavelmente longe da queda. Quais são suas expectativas para a continuação, deverá fazer um campeonato de segurança ou vai tentar mostrar as garras para terminar numa posição ainda melhor?

Uma pergunta, o mito, a lenda, Andrei Ivan ainda está no Universitatea Craiova?

Vamos para a fase de manutenção com tranquilidade, mas é necessário ainda fazer alguns pontos para confirmar a manutenção. Confirmei o Andrei Ivan, e ele está no Lyon de França. Muito bom jogador por sinal, não conhecia.

Em 30/04/2019 at 19:23, Neynaocai disse:

Confundi com o CFR Cluj, achei que ia detonar de cara.

Mas, de qualquer forma, acredito no seu trabalho hahaha

Uma excelente recuperação no final, tivesse mais alguns jogos dava pra se garantir no grupo de cima. Ansioso pela janela de transferências.

Hehe, a maioria das pessoas conhece mais o CFR Cluj, já que nos últimos anos tem sido superior aos rivais. Quase que dava, se tivéssemos alguns pontos a mais, poderíamos ter ficado na parte de cima da tabela, mas fica para depois. Vamos ver o que vem por aí.

Em 02/05/2019 at 01:02, vinny_dp disse:

Já abre uma vantagem interessante de cinco pontos para o time que irá para o playoff de descida e agora, com os pontos sendo divididos pela metade, isso é ainda mais valioso. Creio que conseguirá a manutenção com tranquilidade, abrindo caminho para a preparação da equipe para uma segunda temporada mais forte. 

Boa sorte.

Cinco pontos já é alguma coisa, mas ainda faltam 14 partidas. Vamos manter o clube na primeira liga, disso estou convicto, mas quero ver o que a maioria dos jogadores poderá valer num futuro em que quero levar o U Cluj à primeira metade da tabela.

Em 02/05/2019 at 18:03, ggpofm disse:

No começo da temporada eu disse que havia achado estranho a baixa expectativa para o desempenho do Alexandria. Conhecendo você pelos outros saves era claro para mim e também para outros que o Alexandria era candidato à promoção e não demorou para o Alexandria assumir a liderança da competição. Se a competição com o Alexandria na liderança não surpreendia ninguém, a mudança de ares serviu para sacudir um pouco o save pelo inesperado.

A escolha sentimental pelo U Cluj  pareceu ser uma certa dose de loucura pela posição do clube na tabela, mas mesmo em penúltimo lugar (13º), a realidade era que o clube estava a apenas seis pontos do 8º lugar e a um mísero ponto da saída do rebaixamento, ou seja, uma tarefa muito viável de ser completada. O acerto rápido da equipe mostrou que o U Cluj não terá dificuldades de se manter na liga na sequência da competição.

 

A baixa expectativa teve mais a ver com a minha decisão de não colocar pressão nos jogadores, de forma a conseguir melhores resultados, já que o Alexandria não era candidato a nada. Como disse acima, a minha chegada ao U Cluj caiu bem no save, até porque nenhum treinador rejeitaria a possibilidade de treinar na primeira liga. Eu assumi o projecto pro isso mesmo, porque a permanência era bem possível e até provável, pela qualidade do plantel e diferença pontual.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Darthz

kovacsfinalcef1fd9e2f32209b.png

 

Temporada 2020/2021 

Outros Destaques - UEFA Champions League 2020/2021

Depois do “reinado” dos clubes espanhóis, o Manchester United venceu o Real Madrid por três a um e é o novo vencedor do troféu de clubes mais importante do Velho Continente. Curioso ver que o melhor marcador desta edição da Liga dos Campeões, o italiano Andrea Belotti, teve quase o dobro dos golos do segundo colocado, o alemão Dennis Man.

Alteração na direção do clube

Durante este período de final de época vinha sendo noticiada uma potencial alteração de direção, e acabou mesmo por acontecer. Não sabia o que esperar, mas fiquei esperançoso que a mudança pudesse trazer alguma melhoria das condições financeiras do U Cluj. Não foram definidas quaisquer filosofias, nem eu requisitei nenhuma para ser estabelecida.

Março, Abril, Maio e Junho de 2021 - Objectivo: Permanência

Eu já tinha explicado porque achava a permanência perfeitamente ao nosso alcance, e o final da fase regular parecia dar-me razão. Teríamos ainda 14 jogos pela frente de forma a confirmar as minhas expectativas e garantir a manutenção, que se não acontecesse, poderia condenar o U Cluj a um futuro muito penoso.

caljunho202129cec0b9a19bd0ef.png

O mês de Março foi decisivo para o bom arranque do U Cluj na fase de manutenção, com vitórias para o campeonato sobre Sepsi OSK e Voluntari, e divisão de pontos com o Astra Giurgiu. Neste encontro fomos claramente superiores, e só não conseguimos vencer por clara infelicidade dos nossos atacantes. Na primeira mão da meia-final da Taça da Roménia batemos novamente o Voluntari por um a zero, e eu usei muitos jogadores suplentes, pois o foco estava na manutenção.

Abril foi bem mais complicado, com três vitórias frente a Botosani, Poli Timisoara e Poli Iasi, todas por dois a zero, mas derrotas frente a Gaz Metan Medias, fora de portas, e a derrota e consequente eliminação da taça na segunda mão. Fomos terrivelmente perdulários na deslocação a Medias, e levámos um banho de cinismo, já que o adversário apenas rematou por nove vezes durante os noventa minutos, mais foi o suficiente para marcar dois golos.

gazmetanabril2021593e63e85ad40690.png

Na Taça caímos “borda fora” na segunda mão, com uma exibição fraca do U Cluj, em que acabei por ter de usar mais titulares do que o que eu queria devido à fraca resposta dada na partida durante os primeiros quarenta e cinco minutos. É certo que não era objectivo, mas penso que tínhamos qualidade para superar o Voluntari e chegar à final.

Em Maio jogou-se a cartada decisiva para a permanência, e depois de nova vitória sobre o Sepsi OSK e de um empate com o Astra, confirmámos a manutenção na Liga I com uma vitória por quatro a três sobre o Voluntari, num jogo épico. Estivémos duas vezes em desvantagem, mas conseguimos virar o marcador, e fazer uma exibição muito bem conseguida, que permitiu obter os pontos necessários para mais um ano no principal escalão romeno, isto ainda com quatro jogos para disputar.

voluntarimaio202100bcf65a2defee89.png

As últimas partidas da época 2020/2021 saldaram-se em três vitórias e um empate. Destaque para o jogo final de consagração da equipa, onde vencemos por cinco a um em nossa casa, e vulgarizámos o Poli Iasi, com três golos de Mihalache, que me convenceu a procurar renovar o empréstimo, já depois de ter marcado alguns golos decisivos durante esta metade de época.

Classificação Geral

Terminámos no primeiro posto do grupo de manutenção (7º da geral). O objectivo principal foi claramente superado, e até deu para fazer algumas experiências nos jogos finais. Se tivesse assumido o clube mais cedo poderíamos ter sonhado com o grupo de luta pelo título, mas não me posso queixar dos resultados obtidos em apenas seis meses de trabalho.

clagrupodespromojunho2021489f243335ed55c

Estatísticas

Gostei do que vi na maioria dos jogadores, e embora possa destacar os centrais Ambrose e Kosnic, além do lateral Berci, não tivemos ninguém que se salientasse claramente. Dos emprestados que estiveram no clube, pretendo manter Calin e Mihalache,e provavelmente precisarei de mais qualidade no meio-campo, que para mim foi a zona mais fraca. Vamos ver como vai correr o mercado de transferências, e tudo dependerá do que nos for disponibilizado para trabalhar, e de quem sair do clube.

estatisticasjunho202153c8288e4f6871fa.pn

Situação Financeira

Com a alteração de direção, foi injectado dinheiro para tentar fechar o “buraco” financeiro, e o novo presidente decidiu contrair um empréstimo. Não concordo muito com este modelo, mas vou tentar continuar a controlar os gastos e fazer algum dinheiro com vendas, de forma a não sobrecarregar as contas do clube.

finanjunho202153ff7c15d3ead16c.png

Share this post


Link to post
Share on other sites
beto7

Que calendário mais verde em, haha. O jogo contra o FC Voluntari deve ter sido muito bom mesmo. 

Parabéns pela temporada! 

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Pra alguém que assumiu o clube na metade do caminho, fez um senhor trabalho. Dá pra pensar em acesso na próxima temporada ein.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Darthz
Em 11/05/2019 at 14:33, beto7 disse:

Que calendário mais verde em, haha. O jogo contra o FC Voluntari deve ter sido muito bom mesmo. 

Parabéns pela temporada! 

Correu muito bem, melhor que a encomenda. Foi espectacular, mas fiquei feliz quando terminou hehe. Valeu.

Em 12/05/2019 at 02:27, marciof89 disse:

Pra alguém que assumiu o clube na metade do caminho, fez um senhor trabalho. Dá pra pensar em acesso na próxima temporada ein.

Foi bom para uma equipa que estava condenada para descer de divisão pela imprensa, mas conseguimos manter o clube na Liga I. Para a próxima época vamos tentar ficar na zona de cima.

Share this post


Link to post
Share on other sites
vinny_dp

Conseguiu com relativa facilidade a manutenção e acredito que possa fazer um bom trabalho na temporada seguinte.

O desafio será controlar as finanças para não sofra dentro de campo.

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Henrique M.

Salvou a equipe do rebaixamento e ainda criou uma sensação de que o futuro será um pouco melhor. Já conhece melhor a equipe, já sabe o que almeja para a próxima temporada, logo, a pré-temporada deverá ser mais fácil e em busca desses ajustes.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

O campeonato se divide em dois grupos, sendo que o grupo inferior tem duas equipes a mais que o superior? Que curioso. Sempre que vi essas divisões era metade do campeonato pra cada lado.

 

No mais, fiquei um pouco preocupado ao ver que assumiu o clube com o campeonato andando e na zona de rebaixamento, mas logo vi a tabela e me tranquilizei. A distância pro resto não era quase nada, e parecia claro que o clube deveria ser capaz de se manter. Como esperado conseguiu fazer isso mesmo, com direito a uma campanha muito boa. No próximo ano com certeza estará no grupo de cima na reta final.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

Promoção assegurada com segurança e sucesso. Livrou o U Cluj do rebaixamento e apesar de eu achar que na próxima temporada o clube vei ter novamente um desafio difícil, você me deu uma boa esperança de que o clube tenha potencial para não descer novamente para o grupo de despromoção. Espero um ano melhor, boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andreh68

Bom que a nova direção não criou confusão, e como esperado a U Cluj só tem a crescer no futuro.

Que houve com ALexandria?

Share this post


Link to post
Share on other sites
Vannces

Com ou sem alteração na gestão do clube, o importante é que você está conseguindo fazer boa campanha e como disse, o meio de campo merece atenção nesse momento. Acha que conseguirá dinheiro em alguma venda para fazer as mudanças que precisa? Parabéns pela campanha até o momento. Bom trabalho na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Neynaocai

Pelo período no Grupo de Rebaixamento, creio que ficou claro que o U Cluj está mais para o grupo de cima do que esse. Paciência, ano que vem tem mais.

A nova diretoria disse que recuperar as finanças era prioridade. Apesar de ser um erro, é melhor trabalhar com saldo positivo que negativo.

Boa sorte na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Darthz
Em 13/05/2019 at 20:40, vinny_dp disse:

Conseguiu com relativa facilidade a manutenção e acredito que possa fazer um bom trabalho na temporada seguinte.

O desafio será controlar as finanças para não sofra dentro de campo.

Boa sorte.

Nem eu esperava uma ponta final tão boa, e a base da equipa dá para montar um plantel melhor. As finanças são a minha preocupação principal, pelo menos nos gastos com salários e transferências.

Em 14/05/2019 at 15:39, Henrique M. disse:

Salvou a equipe do rebaixamento e ainda criou uma sensação de que o futuro será um pouco melhor. Já conhece melhor a equipe, já sabe o que almeja para a próxima temporada, logo, a pré-temporada deverá ser mais fácil e em busca desses ajustes.

Estes seis meses foram quase um conhecer melhor o clube e os jogadores, e acho que até fizemos um bom resultado, com todas as dificuldades que temos. Acho que a temporada que vem vai ser melhor ainda, mas vamos ver.

Em 14/05/2019 at 18:28, Danut disse:

O campeonato se divide em dois grupos, sendo que o grupo inferior tem duas equipes a mais que o superior? Que curioso. Sempre que vi essas divisões era metade do campeonato pra cada lado.

 

No mais, fiquei um pouco preocupado ao ver que assumiu o clube com o campeonato andando e na zona de rebaixamento, mas logo vi a tabela e me tranquilizei. A distância pro resto não era quase nada, e parecia claro que o clube deveria ser capaz de se manter. Como esperado conseguiu fazer isso mesmo, com direito a uma campanha muito boa. No próximo ano com certeza estará no grupo de cima na reta final.

É a primeira vez que encontrei uma liga assim, mas fui verificar e o campeonato romeno funciona mesmo com essas regras. 

A diferença pontual não era muita para os clubes de cima, e por isso assumi o objectivo de permanecer na Liga I. A campanha foi bem positiva, e espero que você esteja certo para a próxima época.

Em 14/05/2019 at 19:23, PedroJr14 disse:

Promoção assegurada com segurança e sucesso. Livrou o U Cluj do rebaixamento e apesar de eu achar que na próxima temporada o clube vei ter novamente um desafio difícil, você me deu uma boa esperança de que o clube tenha potencial para não descer novamente para o grupo de despromoção. Espero um ano melhor, boa sorte!

Foi mais fácil que o esperado, mas não deixou de ser um final de temporada emocionante. Para a temporada que vem vamos ver, o objectivo é ficar mais acima. Valeu.

Em 14/05/2019 at 21:22, Andreh68 disse:

Bom que a nova direção não criou confusão, e como esperado a U Cluj só tem a crescer no futuro.

Que houve com ALexandria?

É, eu não esperava nada da nova direcção, e pelo menos nunca puseram o meu lugar em risco. O Alexandria terminou em 5º da Liga II.

Em 15/05/2019 at 17:08, Vannces disse:

Com ou sem alteração na gestão do clube, o importante é que você está conseguindo fazer boa campanha e como disse, o meio de campo merece atenção nesse momento. Acha que conseguirá dinheiro em alguma venda para fazer as mudanças que precisa? Parabéns pela campanha até o momento. Bom trabalho na sequência.

O meio do terreno é a zona mais fraca, e essa será a minha prioridade para arranjar jogadores. Provavelmente venderei, até porque tenho um ou dois jogadores que estão valorizados e querem sair.

Em 16/05/2019 at 15:11, Neynaocai disse:

Pelo período no Grupo de Rebaixamento, creio que ficou claro que o U Cluj está mais para o grupo de cima do que esse. Paciência, ano que vem tem mais.

A nova diretoria disse que recuperar as finanças era prioridade. Apesar de ser um erro, é melhor trabalhar com saldo positivo que negativo.

Boa sorte na sequência.

É, paciência mesmo, no próximo ano acho que dá para fazer mais. Eu não concordo muito com os pedidos de empréstimo, porque a longo prazo traz dificuldades ao crescimento do clube, mas que fazer... Valeu.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Similar Content

    • Johann Duwe
      By Johann Duwe
      Fonte
       
       
      Fonte
      Inspirado no Ypiranga do @Leonardo Moreno e no Tupi do @marciof89 vem aí mais um save em terras tupiniquins, eu, pessoalmente, não gosto de jogar no Brasil, mas irei abrir uma exceção pois como disse o @CCSantos, promessa é dívida.
      A cidade de Joinville é mais reconhecida pela sua equipe de Futsal, que por muitas vezes eu vi jogar contra a equipe de Malwee/Jaraguá quando a mesma tinha o craque Falcão e tantos outros dando show.
    • Neynaocai
      By Neynaocai
      Prólogo
      Filho de mãe brasileira e pai português, André Rebouças nasceu em 08 de maio de 1980 na pequena cidade de Cachoeira, Bahia. Mas de baiano só carrega o sangue materno, pois ainda bebê seus pais foram obrigado a morar em Portugal. O pai, libertário convicto, criticava abertamente o regime militar em um jornal alternativo. Em tempos de ame-o ou deixei-o, a pátria escolhida não era mais um lar.
      Buscando apoio em seus familiares, o pai de André os levou a cidade de Funchal, na Ilha da Madeira, onde os ventos do destino determinariam a vida de nosso personagem.
      Assim, o menino André cresceu no bairro Santo Antônio, onde gostava de bater uma bola nas inúmeras ladeiras que permeavam aquele bairro montanhoso. Foi vizinho de um menino um pouco mais novo, bom de bola, mas muito xarope. Por tudo reclamava, chorava. O suportavam por seu futebol, sendo sempre o primeiro a ser escolhido na pelada.
      O tempo passou a molecada cresceu, cada um pro seu canto. André gostava muito de estudar e como não era um craque de bola, sabia que o caminho para fazer parte do mundo da bola seria pelos estudos mesmo.
      Gostava bastante de economia e direito, mas na hora de escolher o curso o coração falou mais alto: Licenciatura em Educação Física e Desporto, na Universidade da Madeira. Depois, entre as aulas na famosa Escola Secundária Jaime Moniz e um estágio no Banif, André ainda teve tempo para realizar um Mestrado em Educação Física, onde apresentou dissertação com o tema "A profissionalização do desporto: da base à direção". Com o tempo, o seu caminho começou a se afastar das quatro linhas. Era só um joguinho no fim de semana e pronto.
      No entanto, aos 38 anos, seja crise de meia idade ou que for, não bastava mais a carreira estruturada, a vida financeira e pessoal estável: aos poucos o sonho de gerenciar uma equipa de futebol voltava em seu peito.
       
      Aos corajosos
      Vamos tentar fazer algo diferente. Vai dar certo? Não sei. Que seja a primeira de muitas tentativas de inovar. O erro não me preocupa, o importante é mirar alto.
      Passos:
      1) Ao fim de cada capítulo você terá uma decisão a fazer, um caminho a seguir.
      2) Não se trata de enquete, mas talvez possa ter, fique atento.
      3) Como não dá pra antecipar tudo que será jogado, senão teria que ter uma história completa (e eu não sou Netflix), faremos assim:
      a) Leia o capítulo, comente, critique, observe as decisões a serem tomadas e aguarde.
      b) Após os caminhos alternativos ficarem prontos, colocarei as indicações e avisarei os interessados (portanto, se você quiser participar só deixar um: eu quero).
      c) Aí, até perceber algum erro, deve ser assim.
      4) Evite spoiler.
       
      Dados do save
      FM 2019, base de dados padrão, liga portuguesa ativada apenas (por enquanto).
      Objetivos:
      a) se divertir e proporcionar o mesmo.
      b) uma temporada (ou ano - você entenderá) por sessão - depois avaliarei o custo/benefício de seguir.
       
      Vamos lá.
      Se você chegou até aqui, se interessou na brincadeira, siga indicando:
      - Interesse em ser chamado para escolher os caminhos seguintes (pensei agora: avise qual caminho escolheu no comentário e na sequência eu te marco na sequência respectiva).
      Pra ver se entenderam, primeira decisão:
       
      Começar desempregado                                                                 
      Começar em um clube
       
      RESULTADOS DA PRIMEIRA DECISÃO
      RESULTADOS DA SEGUNDA DECISÃO
      RESULTADOS DA TERCEIRA DECISÃO
      RESULTADOS DA QUARTA DECISÃO 
    • jbds.sccp
      By jbds.sccp
      Boa noite
      Jogo FM a questão de 1 mês
      E gostaria de saber
      Como colocar mais patchs no meu jogo...
      Até então só tenho do Brasil e de Portugal

      Em compensação tenho escudos e uniformes de outros países e continentes..
      Alguém pode me ajudar?
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Depois de muito tempo sem jogar um save no Brasil, decidi que era hora de retornar ao nosso país e começar uma nova aventura. Com o recém-lançamento do patch 19.2 do Football Manager 2019 e o final da temporada brasileira, e consequentemente atualização da database que irei utilizar para adicionar a Série D ao jogo, é hora do anúncio. Para o meu retorno ao Brasil, escolhi um clube mineiro, a Associação Atlética Caldense, também conhecida como A veterana.
      Coincidentemente ou não, é meu terceiro save consecutivo aqui com uma equipe alviverde (Shamrock Rovers em Uma Só Nação e Werder Bremen). E se não fosse a Caldense, aparentemente, a outra opção também seria alviverde. Acaba sendo uma curiosidade, apesar de não ter muita relevância, achei interessante mencionar. O clube é de Poços de Caldas, cidade do interior de Minas Gerais. Poços de Caldas conta com quase 170 mil habitantes, portanto, é uma cidade com potencial para um clube de futebol.
      A Caldense foi fundada em 1925, logo, a ideia é estarmos ao menos na Série A no ano do centenário. Como entre a temporada 2019 e 2025 ocorrem cinco temporadas, seria uma meta plausível, entretanto, algumas ideias surgiram para tornar esse save diferente do tradicional. Não via muito sentido em fazer uma jogatina tradicional, tal qual fiz com o Werder Bremen no FM 2018, por isso, decidi pensar algumas estratégias para tornar o desafio de levar uma equipe brasileira do anonimato ao estrelato.
      Categoria de base ou Diretor de Futebol?
      Existem alguns desafios tradicionais no Football Manager, como o desafio de San Marino, o Desafio do Sir Alex Ferguson, o Desafio da Base, o Desafio do Diretor de Futebol e muitos outros. Os dois primeiros são específicos da liga italiana e inglesa, respectivamente, enquanto a aplicação dos outros dois é universal. Eu já realizei um save da base, nos moldes idealizados no FM 2016, mas não fui muito além. Assumi o Concarneaux, na última divisão francesa e apesar de ter jogado seis temporadas, não foi de muito sucesso. Consegui subir e jogar a Ligue 2 na quinta temporada, mas caímos na primeira participação de volta à National, mas encerramos a sexta temporada com o retorno a Ligue 2 e título da divisão.
      O desafio do Diretor de Futebol eu nunca tentei e por isso, ficava o desejo. E temos que lembrar que a liga brasileira é uma das mais recomendadas para esse tipo de abordagem, já que simula bem a realidade dos treinadores brasileiros. Esse desafio consiste em delegar todas as contratações ao seu Diretor de Futebol, com o treinador podendo apenas realizar indicações.
      Até pensei em mesclar as duas coisas em uma só, mas o fato de poder recomendar contratações, tiraria todo o sentido de fazer um save de categoria de base. Por isso, para o save com a Caldense, retirando o atual elenco, eu apenas utilizarei jogadores oriundos da base nesse save. Logo, A Veterana será a busca de fazer com que a base da Caldense leve a equipe até o ápice do futebol continental e mundial.
      Apresentação do save sem FM
      Meu tempo está meio curto nesse final de ano, mas deve melhorar a partir da próxima semana, mas eu quis utilizar um pouco do tempo que tenho para fazer o anúncio e apresentar o save. Desde que o FM 2019 foi lançado, meu tempo passou a ser dividido entre FM 2017, recentemente o 2018 e The Witcher 3. Ao optar por fazer isso, terei tempo para fazer uma apresentação mais detalhada e não algo apressado apenas para jogar o FM 2019.
      Por isso, essa apresentação veio assim, sem muito FM, entretanto, para compensar resolvi trazer algumas informações para que vocês possam conhecer melhor o clube.
      Informações sobre a Caldense
      Como já mencionamos, as cores da equipe são verde e branco e o mascote da veterana é um periquito. A sua grande rivalidade futebolística é o Rio Branco de Andradas Futebol Clube. A equipe joga no Estádio Dr. Ronaldo Junqueira, carinhosamente apelidado de Ronaldão. O estádio tem capacidade para 7600 pessoas (vida real), e sua maior lotação foi de 14200 pessoas. Infelizmente, o proprietário não é o clube. Felizmente, algumas dessas informações divergem do que está na base de dados do Football Manager. O estádio é maior e do clube no jogo.

      Periquitão, o mascote da Caldense
      Principais conquistas
      Em termos de título, a equipe ganhou o Campeonato Mineiro em 2002. Entretanto, nesse ano, o campeonato foi uma espécie de Campeonato do Interior, já que os grandes da capital não participaram. Enquanto em 2015, a Caldense fez uma brilhante campanha, chegou até a final contra o Atlético-MG e foi prejudicada pela arbitragem no jogo decisivo, onde o mando de campo era seu. Infelizmente, esses são os maiores momentos de glória da Veterana.

      Estádio Dr. Ronaldo Junqueiro, o Ronaldão, a casa da Caldense

      Elenco da equipe na conquista do Campeonato Mineiro de 2002
      A equipe participa do Campeonato Mineiro desde 1960, são 43 participações ao longo desses anos todos. A equipe esteve na elite mineira em 36 delas, e desde 1986 foi rebaixada apenas uma vez. A queda em 2007 levou a equipe ao Módulo II, onde levou duas temporadas para retornar. E desde 2009, a equipe está ininterruptamente no Módulo I do Campeonato Mineiro, apesar de ter flertado com o rebaixamento nesse ano.

      Elenco da Caldense que foi vice-campeão do Campeonato Mineiro em 2015
      Participações em competições nacionais
      A equipe participou apenas uma vez da elite do futebol brasileiro, em 1979. Além disso, também só tem uma participação na Série B e Série C. Mas em termos de Série D, ela é uma das equipes que mais representou Minas Gerais. São cinco participações em 10 anos de competição, e apenas o Villa Nova tem mais participações que a Veterana.
      A equipe de Nova Lima participou por seis vezes do último escalão nacional. Curiosamente, nenhuma das duas conquistou a promoção para a Série C, mesmo com uma participação enorme na divisão. Em Minas Gerais, apenas Tombense e Tupi já conquistaram o acesso, com a equipe de Juiz de Fora sendo a equipe que mais vezes subiu para a Série C na história da competição, com dois acessos.
      Curiosidades e ídolos do clube
      No site oficial da Caldense, a equipe cita algumas curiosidades como ter sido a última equipe que Garrincha enfrentou, a primeira equipe que Ronaldo Fenômeno enfrentou, ter recebido um prêmio das mãos de Galvão Bueno e ter disputado uma partida com a seleção brasileira.
      Os ídolos são o goleiro Paulão (jogador que mais vezes vestiu a camisa do clube), o goleiro Gilberto Voador (considerado o melhor goleiro da história do clube), o zagueiro Fábio Paulista (que chegou ao clube no último rebaixamento ao módulo II e ajudou na transformação da Veterana em uma das forças do interior mineiro), o zagueiro Buzuca (considerado o maior zagueiro da história do clube), o lateral-direito Orlando (um dos quatro jogadores que vestiram a camisa da seleção brasileira na história do clube), o também lateral-direito Arnaldo, o ponta-direita Augusto (um dos maiores artilheiros da história do clube), o atacante Mirandinha (o maior artilheiro da história da Caldense e não é o ex-São Paulo), e o atacante Walderi. Além disso, Walter Casagrande já passou pelo clube e é o jogador de maior renome a vestir a camisa da veterana.
      Objetivos do save
      Conquistar o Mundial de Clubes; Conquistar a Libertadores da América; Conquistar o Campeonato Brasileiro - Série A; Conquistar a Copa do Brasil; Conquistar o Campeonato Mineiro; Ser o clube mineiro com a maior quantidade de campeonatos brasileiros (Cruzeiro possui 4); Ser o clube brasileiro com a maior quantidade de Libertadores (Grêmio, São Paulo e Santos possuem 3); Ser o clube mineiro com a maior quantidade de Copas do Brasil (Cruzeiro possui 6); Ser o clube do interior com a maior quantidade de estaduais (Villa Nova possui 5); Ter, simultaneamente, 11 jogadores da base da Caldense na seleção brasileira; Ser o clube brasileiro com a maior quantidade de jogadores formados no clube na Série A; Ser o clube brasileiro com a maior quantidade de jogadores formados no clube nas principais ligas europeias; Ter superioridade de vitórias no confronto direto contra as grandes equipes do Estado; Estar na Série A no ano do centenário do clube; Mais objetivos podem ser adicionados, caso eu julgue necessário; Continuidade de Uma Só Nação
      O save Uma Só Nação continuará a todo vapor. Não tenho intenção de pará-lo.
      Histórico da Caldense
      2019: 7º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas quartas-de-final, 4º lugar no Grupo M da Série D; 2020: 7º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas quartas-de-final, 4º lugar no Grupo N da Série D; 2021: 5º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas quartas-de-final, 3º lugar no Grupo M da Série D; 2022: 6º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas quartas-de-final, 3º lugar no Grupo M da Série D; 2023: 4º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas semi-finais, 1º lugar no Grupo M da Série D, eliminado nas quartas-de-final; 2024: 5º lugar no Campeonato Mineiro, eliminado nas semi-finais, 1º lugar no Grupo M da Série D, eliminado na 1ª Eliminatória; Índice da história
      Apresentação do save; Começo de trabalho no Mineiro; Um periquito costuma ser inofensivo; A classe de 2019 Déjà Vu Uma pequena evolução A classe de 2020 A Veterana vai encorpando Copo meio cheio ou meio vazio? A classe de 2021 Aos trancos e barrancos é o suficiente O verdadeiro primeiro adeus A classe de 2022 Nos restabelecendo como força do interior A dois pênaltis do paraíso A classe de 2023 Periquito contra Raposa, um duelo previsível A marca da cal que machuca
    • Paulo Barrionuevo Jr.
      By Paulo Barrionuevo Jr.
      Existem algum arquivo ou alguma forma de colocar "faces" nos jovens que vão surgindo durante o jogo??
×