Jump to content

Stefan Kovács: Legado dos Cárpatos - Aguardando avaliação


Darthz
 Share

Recommended Posts

Mais um save diferenciado no leste europeu. Boa sorte, sucesso na carreira.

Ajax já deu um bom agouro ontem hahaha

Link to comment
Share on other sites

Acompanhando a partir de agora.

Rapaz, o time é bem meio termo ein? Realmente não deve fazer mt mais do que campanha de meio de tabela, apesar de não ter noção exata dos seus adversários. O problema de jogar divisões inferiores na Europa é que os jogadores costumam ser bem ruins, diferente do Brasil onde ainda dá pra garimpar uns nomes interessantes. Mas é o desafio que dá graça a coisa.

Como eu sempre falo, amistoso não dita ritmo de temporada. Então não vou me iludir com os resultados.

Boa sorte!

Link to comment
Share on other sites

4 horas atrás, Neynaocai disse:

Mais um save diferenciado no leste europeu. Boa sorte, sucesso na carreira.

Ajax já deu um bom agouro ontem hahaha

Valeu Ney! Ajax surpreendeu mesmo hehe.

2 horas atrás, marciof89 disse:

Acompanhando a partir de agora.

Rapaz, o time é bem meio termo ein? Realmente não deve fazer mt mais do que campanha de meio de tabela, apesar de não ter noção exata dos seus adversários. O problema de jogar divisões inferiores na Europa é que os jogadores costumam ser bem ruins, diferente do Brasil onde ainda dá pra garimpar uns nomes interessantes. Mas é o desafio que dá graça a coisa.

Como eu sempre falo, amistoso não dita ritmo de temporada. Então não vou me iludir com os resultados.

Boa sorte!

A equipa é bem mais ou menos. A questão aqui é que eu fiquei na dúvida se era mal geral da divisão ou era o plantel que era fraco mesmo. Para perceber, o nosso avançado, Moldovan, é dos melhores da divisão em termos de atributos. Apesar disso, quero mesmo começar por aqui, de modo a sentir que tenho uma "verdadeira" carreira, subindo aos poucos.

Eu nunca ligo à pré-temporada, apenas aproveito para testar táticas e dar ritmo aos jogadores.

Valeu Márcio!

Link to comment
Share on other sites

kovacsfinalcef1fd9e2f32209b.png

 

Temporada 2018/2019 

Regras da Liga III

A terceira divisão da Roménia (Liga III) é dividida em cinco séries, cada uma com dezasseis equipas, que jogam duas vezes entre si, perfazendo um total de trinta partidas por série. O primeiro classificado de cada uma sobe à segunda liga, sendo que cinco clubes são promovidos, e as equipas B que participam não podem subir de divisão.

Para a despromoção, as últimas quatro equipas descem à Liga IV, enquanto que o 12º qualifica-se para a fase de descida, onde mais três clubes são despromovidos. Segundo percebi, quem fica e quem desce é decidido pelas médias de resultados conseguidos frente às equipas que ficaram acima (1º-11º), mas a explicação que encontrei é um pouco confusa.

Curioso que existem também algumas regras na utilização de jogadores. É obrigatória a utilização de um jogador com menos de 20 anos formado na Roménia no onze inicial, não pode haver mais do que um extracomunitário na equipa titular, e também é necessário o uso de dois sub-19. Estas regras poderão dar-me algumas dores de cabeça, mas tenho de as ter sempre em mente.

Agosto, Setembro e Outubro de 2018 - Acima das expectativas

Como eu já tinha dito anteriormente, não sabia bem o que esperar. A qualidade geral da equipas destas divisões não é lá grande coisa, e os atributos são baixos. A minha expectativa inicial era tentar fazer o máximo de pontos na primeira parte da temporada, para que a equipa ficasse o mais longe possível da despromoção, e depois tentar ver o que seria possível fazer.

out2018cal6c215b38b0e7a3a7.png

Já tínhamos jogado um encontro para a Taça da Roménia, e o adversário que nos calhou em sorte foi o Sporting Rosiori, da nossa série. Vencemos por dois a zero, numa partida que fomos melhores que o adversário, e atingimos o objectivo para a competição definido pela direção do clube, que para mim era o mais importante.

O Alexandria surpreendeu-me nos primeiros três jogos da liga, pois vencemos dois e empatámos um. Relevante referir que as vitórias sobre o Flacara Horezu, e Sporting Rosiori (dois encontros em menos de quinze dias) foram fora de portas. Em casa estivemos perdulários, e empatámos a uma bola com o Turris Magurele.

Na quarta eliminatória da Taça fomos eliminados sem apelo nem agravo pelo Sportul Sagnov. O adversário é da divisão acima, e não conseguimos contrariar as expectativas. Fomos dominados em toda a linha, e ficámos pelo caminho, como seria de esperar.

Para minha surpresa, após a derrota, engatámos quatro vitórias consecutivas. Defrontámos adversários complicados, com a equipa B do Astra, o Atletic Bradu, o U. Craiova II e o ACSO Filiasi. Tenho de destacar os noventa minutos que fizémos com o Craiova, já que são uma equipa bem superior à nossa, e vencemos por claríssimos quatro a um. Além dos golos marcados, é possível verificar nas estatísticas que fomos melhores, quer no número de remates e posse de bola, quer na classificação média final dos jogadores.

Outubro começou com mais uma partida complicada, com o Voluntari II. Estes são candidatos aos primeiros lugares, e as exibições das equipas demonstraram isso mesmo. Não achei que fossemos muito superiores, apesar de até termos feito um jogo mais ou menos. O penalty marcado por Vilcica a menos de dez minutos do final deu-nos mais três pontos que talvez não tivéssemos merecido.

voluntarii77d0e1fd1ebcc9db.png

Obtivemos mais quatro pontos, com o empate a zero frente ao Pucioasa, e a vitória em casa por três a um sobre o Viitorul Domnesti. Neste último resultado, o avançado Moldovan fez dois golaços, que resolveram uma partida que esteve complicada, apesar de termos marcado por três vezes.  

Fechámos o mês com dois empates, resultados com sabores diferentes. Com o Unirea Bascov, no estádio de Alexandria, o zero a zero não foi nada bom, pois tivemos algumas chances de marcar, e não conseguimos materializar. Com a segunda equipa do Hermannstadt, um a um não foi nada mau. Eles têm um plantel bem melhor que o nosso, e são, para mim, o principal candidato ao título da nossa série. Basta olhar para o número de cartões amarelos para perceber que tivemos de fazer uma marcação bem em cima para não permitir grandes espaços, e mesmo assim fiquei aliviado quando o encontro terminou, dando-nos mais um ponto.

hermanstad83e6006a52643f6f.png

Classificação Geral

O primeiro lugar da classificação, ocupado pelo CSM Alexandria, é muito enganador. Este primeiro período de 12 jogos serviu para verificar algumas coisas. Acho que vamos conseguir o objectivo de ficar nos primeiros oito, mas título parece-me complicado. Há equipas que têm mais qualidade no plantel e isso pode ser um diferencial. Penso ainda que temos conseguido acumular tantos pontos pois a defesa tem estado bem, já que só concedemos 5 golos em 12 partidas, o que me leva a crer que esse é o caminho a seguir: assentar a equipa numa defesa sólida.

out2018cla7528eb0ce6a9acff.png

Link to comment
Share on other sites

Gostei bastante da escolha da equipe, é mesmo um time bem simpático.

Começou bem na divisão e também acho que fica entre os oito primeiros. Com um bom desempenho acho também que dá pra sonhar com o título, sim.

Me corrija se estiver errado, mas o nível em geral me parece muito baixo, meio nivelado mesmo, então quem consegue aliar encaixe tático com um pouquinho de sorte briga pela ponta.

Boa sorte na continuação!

Link to comment
Share on other sites

Excelente começo. Considerando a posição atual, é até engraçado te ver falando que "acha" que consegue ficar entre os oito. A essa altura o título já é obrigação!

Tá, exagerando um pouco menos, entendo que ainda é cedo pra dizer definitivamente que vai brigar pelo título. Mas acho que consegue ficar ali no top5 sem muita dificuldade. E quem sabe não dê para surpreender mesmo?

Link to comment
Share on other sites

Boa sorte, Darthz, ou o "rei do leste europeu". 

Quanto à temporada, um início muito promissor. Como o Danut disse, após um início desses, ficar apenas entre os oito é uma ambição muito pequena e o clube demonstrou ter total capacidade de ir mais além nessa temporada mesmo. 

Link to comment
Share on other sites

Olha, jja que a liderança é enganadora, eu to bem enganado... não to vendo essa dificuldade que vc ta descrevendo.

Curioso para ver se vc tem razão.

Link to comment
Share on other sites

A campanha invicta até o momento é realmente surpreendente - só não é mais surpreendente pelo fato de não conhecermos muito bem a divisão. Porém, estou achando você muito "modesto" nesse pensamento de que não brigará pelo título até o fim da temporada. Você citou a defesa como  ponto forte da equipe, o que é comprovado pelo fato de ser a melhor defesa do campeonato, porém o ataque também está entre os melhores da divisão. O desempenho dentro de campo está realmente justificando esses pés no chão?

Link to comment
Share on other sites

Como o Alexandria está cotado para ficar na parte de cima da tabela, fazer uma campanha boa é o mínimo que se espera e para mim não seria motivo de surpresas se estivesse entre os quatro ou cinco primeiros. ?

A questão é que desde as primeiras rodadas já despontou como líder e segue em 1º lugar e ainda por cima invicto e com a melhor defesa da competição. Como não estamos vendo tudo o que acontece nas partidas é bastante possível que esteja vendo algo e aí, dá para entender seus receios e dúvidas. Fora isso, não dá para não deixar de colocar o Alexandria como candidato ao título e se perdê-lo não vejo a equipe ficando muito distante do topo. Obviamente, vou torcer para não subir, senão fica fácil demais, né??

Link to comment
Share on other sites

Em 07/03/2019 at 13:30, Tsuru disse:

Gostei bastante da escolha da equipe, é mesmo um time bem simpático.

Começou bem na divisão e também acho que fica entre os oito primeiros. Com um bom desempenho acho também que dá pra sonhar com o título, sim.

Me corrija se estiver errado, mas o nível em geral me parece muito baixo, meio nivelado mesmo, então quem consegue aliar encaixe tático com um pouquinho de sorte briga pela ponta.

Boa sorte na continuação!

Ainda bem que gostou Tsuru, é um clube pequeno e desconhecido, mas acho que caiu bem no início de save. Talvez dê para sonhar com o título, mas como a divisão é nivelada, pode cair para qualquer dos clubes de cima, e por isso é que digo que não estou à espera de vencer e subir. Tenho tentado manter as coisas simples no departamento tático e por isso é que também acho que temos conseguido somar pontos. Valeu!

Em 07/03/2019 at 17:20, Danut disse:

Excelente começo. Considerando a posição atual, é até engraçado te ver falando que "acha" que consegue ficar entre os oito. A essa altura o título já é obrigação!

Tá, exagerando um pouco menos, entendo que ainda é cedo pra dizer definitivamente que vai brigar pelo título. Mas acho que consegue ficar ali no top5 sem muita dificuldade. E quem sabe não dê para surpreender mesmo?

Hehe obrigação nada. Top 5 é bem provável, mas como disse acima, há equipas com jogadores bem melhores que os nossos, como as equipas II dos clubes da primeira, e isso pode complicar as nossas contas.

Em 07/03/2019 at 20:41, Luchín disse:

Boa sorte, Darthz, ou o "rei do leste europeu". 

Quanto à temporada, um início muito promissor. Como o Danut disse, após um início desses, ficar apenas entre os oito é uma ambição muito pequena e o clube demonstrou ter total capacidade de ir mais além nessa temporada mesmo. 

Valeu Luchín! Talvez a ambição seja pequena mesmo, mas ainda não nos vejo como candidatos. Se as coisas continuarem neste padrão de igualdade, talvez eu me torne mais positivo, mas por enquanto, não espero nada.

20 horas atrás, Andreh68 disse:

Olha, jja que a liderança é enganadora, eu to bem enganado... não to vendo essa dificuldade que vc ta descrevendo.

Curioso para ver se vc tem razão.

Se reparar nas estatísticas dos encontros que mostrei, os jogos foram equilibrados, e vencemos ou empatamos nos detalhes. Isto tem acontecido na maioria dos jogos e isso é que me faz duvidar da hipótese de subir.

5 horas atrás, guigasparotto disse:

A campanha invicta até o momento é realmente surpreendente - só não é mais surpreendente pelo fato de não conhecermos muito bem a divisão. Porém, estou achando você muito "modesto" nesse pensamento de que não brigará pelo título até o fim da temporada. Você citou a defesa como  ponto forte da equipe, o que é comprovado pelo fato de ser a melhor defesa do campeonato, porém o ataque também está entre os melhores da divisão. O desempenho dentro de campo está realmente justificando esses pés no chão?

O nível da divisão é baixo mesmo guiga. O ataque tem vivido muito à conta do Moldovan, e penso que ter mantido o básico na parte tática é que nos tem dado pontos, como disse acima. Sinceramente não tenho achado as nossas exibições nada de especial, por isso é que considero que poderemos desandar de um momento para o outro.

3 horas atrás, ggpofm disse:

Como o Alexandria está cotado para ficar na parte de cima da tabela, fazer uma campanha boa é o mínimo que se espera e para mim não seria motivo de surpresas se estivesse entre os quatro ou cinco primeiros. ?

A questão é que desde as primeiras rodadas já despontou como líder e segue em 1º lugar e ainda por cima invicto e com a melhor defesa da competição. Como não estamos vendo tudo o que acontece nas partidas é bastante possível que esteja vendo algo e aí, dá para entender seus receios e dúvidas. Fora isso, não dá para não deixar de colocar o Alexandria como candidato ao título e se perdê-lo não vejo a equipe ficando muito distante do topo. Obviamente, vou torcer para não subir, senão fica fácil demais, né??

Concordo GG, os objectivos da direcção e a que me propus são relativamente fáceis de alcançar. A questão aqui é que a falta de "destaque" do Alexandria em relação aos outros clubes deixa-me "de pé atrás".  Não sinto que a equipa seja claramente melhor que os outros na maior parte das partidas, mesmo tendo mais alguns remates e um pouco mais de posse de bola. Eu já sabia que você ia torcer contra a subida, e desta vez concordo consigo, eu preferiria manter-me mais um ano na terceira liga e criar uma base, mas vamos ver o que acontece no resto da temporada. 

Link to comment
Share on other sites

kovacsfinalcef1fd9e2f32209b.png

 

Temporada 2018/2019 

Novembro e Dezembro de 2018 - Tudo na mesma

A primeira série de jogos tinha deixado a equipa do Alexandria na primeira posição, com mais dois pontos que o segundo classificado, mas como eu já tinha dito anteriormente, eu não achava que fossemos os principais candidatos ao primeiro posto, longe disso. Nos dois últimos meses do ano de 2018 teríamos mais seis partidas para verificar como iríamos enfrentar a segunda metade da temporada.

caldez2018821aefd61f2ccae0.png

Novembro começou com um empate a um com o Flacara Moreni, fora de casa. Voltamos perder pontos fora, e fizemos uma exibição fraca. Salvou-se o golo de Moldovan, que em novembro e dezembro foi decisivo para os resultados que conseguimos.

O U. Craiova 1948 é outra equipa que tem muita qualidade, e conseguir golear por quatro a zero não é para qualquer um. Foi um daqueles jogos em que tudo corre bem, e dos seis remates que fizemos à baliza, quatro entraram. A posse de bola esteve sempre mais do nosso lado, e acho que até controlamos bem o adversário, como comprova a média de classificações.

cariova1948nov4ee814d67e7aeb15.png

Voltámos a perder, mais de dois meses depois, desta vez contra o SR Brasov. Num encontro em que até contava com um Alexandria forte, fomos totalmente dominados pelo adversário, e que nunca fomos capazes de incomodar muito, apesar de até termos tido mais bola. O Brasov até está numa fase complicada, e apesar disso, demonstrou muito mais capacidades que a equipa da casa, tendo tido oportunidades para ganhar por bem mais que dois golos.

fcbrasov20189738793d410c9be1.png

Para compensar a derrota, os jogadores redimiram-se vencendo o Flacara Horezu e o Turris Magurele. Destaque para o segundo encontro, em que dois a zero foi curto para o número de situações de perigo que causámos. Não rematámos muito, mas quando o fizémos, foi sempre com perigo para a baliza do Turris.

Fechámos 2018 com mais um empate em casa, frente ao Sporting Rosiori. O destaque principal neste jogo vai para a fraca exibição de ambos os clubes. Nenhuma das equipas quis jogar, e mesmo tendo eu tentado alterar as coisas, só rematámos quatro vezes, com apenas uma oportunidade clara de golo.

Classificação Geral

Mantivemos a primeira posição na tabela, e a distância para o segundo, que é o Hermannstadt, passou para três pontos. Destaque para a aproximação aos lugares cimeiros do Pucioasa, que vem numa série de cinco vitórias consecutivas. Continuo com a impressão que não estamos seguros no lugar cimeiro, e que um conjunto de encontros mais negativo pode atirar-nos para baixo. Pelo menos os oito primeiros estão garantidos, e isso é que importa.

cladez2018930a7a6873e62997.png

Estatísticas

Falei no post anterior da importância da nossa defesa, que ao fim de 18 jogos apenas concedeu 9 golos. Isso deve-se muito às médias dos centrais Adelin David e Andrei Nitu, e do lateral direito Eduard Sîrbu, todos com valores acima de 7. O médio Novacek (que até tem jogado mais a lateral esquerdo) e Sabin Moldovan (10 golos em 20 jogos) também têm ajudado a carregar o Alexandria para as primeiras posições.

estatisticasdez2018d44ba35cf8ee2fb8.png

Táctica

Ainda não tinha falado sobre o esquema táctico que tenho utilizado nesta primeira época de save, e aproveito o post para fazer uma pequena referência. Devido aos baixos atributos dos jogadores, decidi apostar num 4-4-2 bem básico, com passe curto e tentando controlar a posse de bola.

Nos primeiros encontros joguei de forma estruturada, mas acabei por alterar para fluída, retirando rigidez ao jogo da equipa, que sinceramente não gostei muito. Poderei vir a modificar novamente as coisas, até para testar o princípio “3-2-3”, que o ggpofm fala em muitos dos seus saves.

tacticalexandria2018b56283d4cf7fb6ff.png

Link to comment
Share on other sites

Tudo na mesma, o que não é uma coisa ruim ?

Curioso esse Moldovan, alguns bons números com uma média de classificação relativamente baixa

Link to comment
Share on other sites

A diferença para o FC Pucioasa diminuiu bastante, é esse time que tem o melhor elenco da competição? Afinal de contas eles tem cinco vitórias consecutivas.

Link to comment
Share on other sites

5 horas atrás, Andreh68 disse:

Tudo na mesma, o que não é uma coisa ruim ?

Curioso esse Moldovan, alguns bons números com uma média de classificação relativamente baixa

Não é mesmo. O Moldovan fez alguns jogos mais fracos, por isso a média abaixo de sete.

2 horas atrás, Johann Duwe disse:

A diferença para o FC Pucioasa diminuiu bastante, é esse time que tem o melhor elenco da competição? Afinal de contas eles tem cinco vitórias consecutivas.

Eles têm um plantel melhor que o nosso, mas as equipas B do Hermmanstadt, Astra e U. Craiova são as mais fortes, pois por vezes têm alguns jogadores da equipa A.

Link to comment
Share on other sites

Mas as equipes B não podem subir de divisão, certo? Então eles não são os verdadeiros adversários na luta pela subida.

Link to comment
Share on other sites

2 minutos atrás, Johann Duwe disse:

Mas as equipes B não podem subir de divisão, certo? Então eles não são os verdadeiros adversários na luta pela subida.

Não podem subir não. Tem razão, estava só a explicar em relação ao primeiro lugar.

Link to comment
Share on other sites

Gostei bastante da proposta e a Romênia é um país bem legal pra dar os primeiros passos na carreira mesmo. A III Liga é relativamente equilibrada e pelo que eu vi dos jogadores descritos e daquela relação capacidade-potencial que veio na apresentação do plantel já imaginei que se conseguisse encaixar um esquema que trouxesse a solidez necessária na defesa, os bons resultados viriam. De fato vieram e, inclusive, impressionam bastante a tal ponto que me arrisco dizer que tem tudo para conquistar o acesso - mesmo que não venha com o título, já que o adversário mais preparado para brigar com o Alexandria é o segundo time do Hermannstadt que não poderá subir se terminar na primeira colocação.

Link to comment
Share on other sites

11 horas atrás, Herr Jones disse:

Gostei bastante da proposta e a Romênia é um país bem legal pra dar os primeiros passos na carreira mesmo. A III Liga é relativamente equilibrada e pelo que eu vi dos jogadores descritos e daquela relação capacidade-potencial que veio na apresentação do plantel já imaginei que se conseguisse encaixar um esquema que trouxesse a solidez necessária na defesa, os bons resultados viriam. De fato vieram e, inclusive, impressionam bastante a tal ponto que me arrisco dizer que tem tudo para conquistar o acesso - mesmo que não venha com o título, já que o adversário mais preparado para brigar com o Alexandria é o segundo time do Hermannstadt que não poderá subir se terminar na primeira colocação.

A Roménia é um país em que eu já tinha curiosidade em experimentar, mais por causa do histórico dos clubes tradicionais, e pelas constantes refundações das equipas. Venho sendo surpreendido pela nossa posição na tabela, mas é bem por aí, acho que tem sido a defesa a manter o Alexandria no lugar cimeiro. Título vai ser complicado, só consigo acreditar mesmo quando estivermos na fase final da liga. Valeu Herr Jones!

Link to comment
Share on other sites

A campanha é muito boa, 11 vitórias em 18 jogos com apenas 1 derrota, vai mostrando que o time tem tudo para chegar ao final da temporada com o título. Que pontaria no jogo contra o Craiova, 6 finalizações, 6 na direção do gol. Você explicou sobre a classificação média dos jogadores de contenção e isso mostra realmente o quando a defesa está recebendo ajuda para não receber a carga toda do adversário. Há alguma mexida que pretenda fazer nessa sequência que vem pela frente ou o que está rendendo é o que você espera? Bom trabalho na sequência.

Link to comment
Share on other sites

6 horas atrás, Vannces disse:

A campanha é muito boa, 11 vitórias em 18 jogos com apenas 1 derrota, vai mostrando que o time tem tudo para chegar ao final da temporada com o título. Que pontaria no jogo contra o Craiova, 6 finalizações, 6 na direção do gol. Você explicou sobre a classificação média dos jogadores de contenção e isso mostra realmente o quando a defesa está recebendo ajuda para não receber a carga toda do adversário. Há alguma mexida que pretenda fazer nessa sequência que vem pela frente ou o que está rendendo é o que você espera? Bom trabalho na sequência.

A campanha é melhor do que eu esperaria na melhor das hipóteses. Defensivamente temos estado bem, e a minha ideia é manter, pelo menos até final da época, já que me parece que se virarmos o jogo mais para o ofensivo, provavelmente a equipa vai começar a desandar. O nosso meio-campo não é lá grande coisa, e não posso contar com a força dos jogadores do meio para aguentar a equipa. 

Link to comment
Share on other sites

kovacsfinalcef1fd9e2f32209b.png

 

Temporada 2018/2019

Outros Destaques - Campeonato do Mundo de Clubes, Bola de Ouro e FIFA Player of the Year

O Real Madrid revalidou o título de campeão mundial de clubes, ao vencer o River Plate por dois golos a zero. Os japoneses do Higashiosaka Rosa bateram o Chivas nos penalties, após um empate a um no tempo regulamentar.

O argentino Lionel Messi venceu a Bola de Ouro e o FIFA Player of the Year. O português Cristiano Ronaldo ficou na segunda posição nos dois prémios, enquanto que Luis Suarez completou o pódio no primeiro, e Neymar foi terceiro no segundo.

Alterações na Equipa Técnica

O nosso olheiro-chefe foi  contactado pelo Concordia Chiajna, da primeira divisão, e acabou por sair. Aproveitei para fazer algumas alterações, com as entradas de um preparador, um olheiro-chefe, e um olheiro. Temos agora um total de 7 elementos na equipa técnica, e acho que estamos um pouco melhor que anteriormente.

Fevereiro e Março de 2019 -  Amigáveis e re-início dos jogos a sério

Eu não tinha referido anteriormente, mas a liga pára durante cerca de três meses, como é usual nos campeonatos do leste europeu, e os jogos do campeonato só são retomados em Março, o que dá espaço a uma espécie de “pré-temporada” nos meses de Janeiro e Fevereiro.

calmar2019e667cceab53531d0.png

Se quisermos comparar os resultados desta série de amigáveis com os do início da época, vamos notar que estivemos muito pior. A sorte é que eu não dou grande importância aos encontros deste género, e aproveito mais para testar alternativas, quer seja em termos tácticos, quer seja em termos de jogadores que não costumam ser titulares. De qualquer forma o saldo final foi de duas vitórias, três empates e duas derrotas.

A chegada de Março trouxe o regresso da Liga III, e o Alexandria deslocou-se a casa do Astra II para defender o primeiro posto que ocupava. Foi um uma partida muito equilibrada, com mais posse de bola para o nosso lado, mas igual número de remates. Vencemos pela margem mínima, devido ao excelente golo de Radu, que decidiu para o nosso lado, e nos deu a vitória no final dos 90 minutos.

astraiimar20193cdbc72192996343.png

O Atletic Bradu foi bem mais complicado de vencer que o esperado, e só conseguimos vencer por um a zero. É certo que eles apenas remataram por duas vezes, mas “estacionaram o autocarro” em frente da grande área, e tivemos muitas dificuldades em colocar a bola dentro da baliza. Tenho de confessar que foi um jogo muito frustrante, já que os golos não saíam de maneira nenhuma.

Na primeira parte da época vencemos o U. Craiova II com um resultado muito bom, e desta vez aconteceu precisamente o contrário: perdemos, e perdemos bem. Este jogo é o exemplo claro que ter a bola não chega, se não soubermos o que fazer com ela. O adversário deu-nos o controlo do jogo, e no contra-ataque rápido marcou por três vezes. Só não foram mais porque o nosso guarda-redes até fez uma boa exibição e impediu uma goleada.

ucraiovaiimar2019706e0aaa312b0eb5.png

A resposta perante a última derrota foi dada no Municipal de Alexandria, com uma vitória pela margem mínima frente ao ACSO Filiasi. Pela primeira vez senti que o Alexandria foi muito melhor que o adversário, e o golo de Moldovan foi curto para o domínio da minha equipa. Podíamos e devíamos ter feito mais golos, mas os três pontos foram para a equipa que melhor jogou.

Classificação Geral

Com 22 dos 30 jogos já disputados, começo a acreditar que a subida é possível. Temos 2 pontos de vantagem sobre o segundo, que é o Pucioasa, e 3 sobre o terceiro. Apesar disso, verificamos que apenas 5 pontos separam o primeiro do quarto, o que quer dizer que tudo ainda está por decidir, e que qualquer um pode ser o vencedor da série III da terceira liga.

clamar2019ff4cca1f2a4c0b22.png

Link to comment
Share on other sites

Vem indo muito bem na Liga, mas não pode dar espaço para má exibições, pois a diferença é muito pouca para os adversários. Boa sorte na sequência.

Link to comment
Share on other sites

Bom se agora estas confiante eu fico preocupado :).

Mas sério tem uma boa campanha, mas sempre com alguém fungando na nuca. Como vc disse está tudo ainda aberto, mas tem boas chances de manter o ritmo, só não pode cochilar, passar por uma epidemia de contusões, essas coisas....

Link to comment
Share on other sites

Quando vi a primeira atualização das 3 que não li, achei que o título já era possível. Agora acho mais ainda, apesar de estar tudo aberto. Por você ser técnico humano e pela divisão ser mt nivelada, acredito que você tenha vantagem sobre a máquina. A não ser que aconteça alguma coisa pelo caminho, acredito que venha coisa boa por ai.

Boa sorte!

Link to comment
Share on other sites

  • marciof89 changed the title to Stefan Kovács: Legado dos Cárpatos - Aguardando avaliação
  • marciof89 locked this topic
Guest
This topic is now closed to further replies.
 Share

  • Similar Content

    • Nei of
      By Nei of
      “Depois de maio de 1940, os bons tempos se acabaram: primeiro a guerra a capitulação, seguida da chegada dos alemães. Foi então que, realmente, principiaram os sofrimentos dos judeus. Decretos anti-semitas surgiam, uns após os outros, em rápida sucessão. Os judeus tinham de usar, bem à vista, uma estrela amarela; os judeus tinham de entregar suas bicicletas; os judeus não podiam andar de bonde; os judeus não podiam dirigir automóveis. Só lhes era permitido fazer compras das três as cinco e, mesmo assim, apenas em lojas que tivessem uma placa com os dizeres: LOSA ISRAELIA. Os judeus eram obrigados a se recolher a suas casas às oito da noite, e, depois dessa hora, não podiam sentar-se nem mesmo em seus próprios jardins. Os judeus não podiam frequentar teatros, cinemas e outros locais de diversão. Os judeus não podiam praticar esportes publicamente. Piscinas, quadras de tênis, campos de hóquei e outros locais para a prática de esportes eram-lhes terminantemente proibidos. Os judeus não podiam visitar os cristãos. Só podiam frequentar escolas judias, sofrendo ainda uma série de restrições semelhantes.
      Assim, não podíamos fazer isto e estávamos proibidos de fazer aquilo. Mas a vida continuava, apesar de tudo Jopie costumava dizer-me: _ A gente tem medo de fazer qualquer coisa porque pode estar proibido. _ Nossa liberdade era tremendamente limitada, mas ainda assim as coisas eram suportáveis.” Diário de Anne Frank, págs. 11 e 12.
       
      Não possuo qualquer ligação com a comunidade judaica, nem ascendência ou apreço maior por algum clube com tal relação. Por outro lado, os absurdos cometidos pelos nazistas foram muito bem documentados para não deixar ninguém incauto. Nada obstante, a idiotice humana aparece com mais força em tempos e situações de escassez (econômica, política, cultural...), portanto não me surpreendem que manifestações preconceituosas se reciclem em nossa história.
      A não ser que cheguemos em um tempo de disponibilidade total de recursos (o que considero improvável), entendo que o preconceito sempre existirá, transmutando-se em mentes fracas e com medo. Sim, o preconceito é a voz do medo e faz do ódio seu fio condutor. Por isso, não consigo ver muito sentido na frase comum: “não acredito que em 2019 alguém ainda pense assim”. Pois pensamos absurdos todo santo dia e o melhor que podemos fazer é explorar nossas opiniões, amadurecê-las e buscar evoluir – a expressão preconceituosa é imatura, fechada em si mesma e irracional.
      Apesar de não ser judeu, meu nome – para quem ainda não sabe – é Israel (tambores de revelação). O livro da Anne Frank chegou agora em minha vida e a genialidade, sensibilidade e capacidade de transmitir a crueldade e dor de um período com a sutileza do olhar de uma criança de 13 anos, me tocou demais.
      Pensei, portanto, em fazer uma jornada entre Alemanha e Holanda, lugares por onde Anne passou. Mas como ficaria um tanto limitado, decidi que vou começar de baixo, trabalhando em clubes com ligações à comunidade judaica, especialmente em Alemanha, Holanda e Israel, eventualmente jogando em algum clube dos EUA. O objetivo é chegar ao topo da carreira treinando Ajax e/ou Tottenham.
      A princípio começaria em Frankfurt, mas não consegui encontrar na base de dados (German System Football League - dica muito boa do @Johann Duwe) que estou utilizando o FC Gudesding Frankfurt, um clube criado por amigos judeus em Frankfurt an Main, cidade de nascimento de Anne. Enquanto procurava, me chamou atenção o TuS Makkabi Berlin e é por lá que vamos começar. Ou melhor, por onde Pedro Van Pels vai começar sua carreira.
       
      Makkabi Berlin
      Fundado em 1898, o clube antecessor Bar Kochba Berlin era uma das maiores organizações judaicas do mundo em 1930, com mais de 40.000 membros de 24 países, parte do movimento geral de Bar-Kochba destinado a promover a educação física e a herança judaica. O clube organizou equipes em vários esportes, incluindo um time de futebol que competiu nas ligas da cidade entre 1911 e 1929. Em 1924, Lilli Henoch, recordista mundial de eventos de discus, arremesso de peso e revezamento de 4 × 100 metros, treinou as mulheres. (Henoch foi assassinada pelos nazistas em um gueto próximo a Riga, Letônia, em 1942).
      Em 1929, o Bar Kochba fundiu-se com o Hakoah Berlin para formar o clube esportivo Bar Kochba-Hakoah . O lado Hakoah teve um sucesso cada vez maior, conquistando três campeonatos consecutivos na divisão inferior entre 1925 e 1927. Eles eram promovidos a cada vez até que, em 1928, jogavam futebol de primeira linha. O lado recém-combinado continuou a competir como Hakoah depois de 1929.
      A ascensão ao poder dos nazistas no início dos anos 30 levou à discriminação contra judeus e, em 1933, as equipes judias foram excluídas da competição geral e limitadas a jogar em ligas ou torneios separados. Em 1938, as equipes judaicas foram banidas imediatamente, quando a discriminação se transformou em perseguição.
      Em 26 de novembro de 1970, o TuS Makkabi Berlin foi formado a partir da fusão da Bar-Kochba Berlin (ginástica e atletismo), Hakoah Berlin (futebol, restabelecido em 1945) e Makkabi Berlin (boxe).
      Aparentemente não possui quaisquer títulos, mas poderei descobrir mais sobre o clube no decorrer.
      O clube joga a Berlin Liga, que faz parte do sexto nível do futebol alemão, tendo o seguinte caminho de ascensão:

       
      Índice:
      Histórico:
      Ligas selecionadas:
       
    • AllMight
      By AllMight
      A REENCARNAÇÃO DO HERÓI
      Olá, aqui estou de volta, já faz algum tempo que estava planejando este save mas nos últimos meses não tinha motivação para jogar FM novamente, isso tudo voltou quando estava com um PC velho e resolvi baixar o FM13 para passar um tempo, foi baixar o game e vontade de jogar veio com tudo pra cima de mim. Isso já faz um tempo, fui me segurando para não começar o save sem um formato estabelecido e conversando com um pessoal daqui da área e especialmente o @Tsuru fui estabelecendo as diretrizes do save.
      O save será totalmente dentro da Dinamarca, embora eu tenha carregado mais algumas ligas elas estão como "ver apenas", e terá como objetivo principal treinar a Seleção Dinamarquesa e superar a melhor campanha da seleção em Copas do Mundo, mas para isso preciso percorrer um longo caminho, meu treinador começará sua jornada com 20 anos e sem qualificações anteriores e com um passado somente no futebol amador. O nome dele será Holger Dasnke, o mesmo nome do herói que segundo a lenda quando a Dinamarca passar por um perigo iminente ele levantará do seu trono e libertará a nação.

       
      DIRETRIZES DO SAVE
      Não sair dos clubes pedindo demissão ou se candidatando a outros clubes, só sair em fim de contrato ou sendo demitido. Não assumir clubes de divisões superiores ao meu antigo clube. Na primeira divisão até ganhar um título nacional, só assumir clubes que acabaram de subir ou da segunda divisão. Não assumir a seleção principal da Dinamarca sem antes ganhar um título nacional de primeira divisão. Não usar a barra de pesquisas para contratação de jogadores/staff, usar somente a base de dados fornecidas pelos olheiros do clube e pelos agentes.  
      OBJETIVOS DO SAVE
      Ganhar o Campeonato Dinamarquês Ganhar a Eurocopa Ganhar as Olimpíadas Chegar em uma Semi-Final de Copa do Mundo  
      ÍNDICE
      Temporada 1
      O primeiro emprego
      Os heróis improváveis
      Uma contratação mágica: Ibra chega ao Kolding!
      Um pistoleiro sem balas
      Temporada 2
      Seguindo os passos do mestre Fernando
      Um segundo turno complicado
      Um pouco de esperança
      Temporada 3
      Início muito promissor
      Consistência
      A primeira conquista do herói
      Temporada 4
      Novo lar
      Os verdes
      Trapalhões
      O azarado
      Temporada 5
      Começo decepcionante
      Um leve progresso
      A maldição da décima colocação
      Temporada 6
      O herói ainda resiste...
      Temporada 7
      De volta ao lar
      Os primeiros jogos
      O fim da batalha
      Temporada 8
      Lutando contra leões
      Choque de realidade
      De volta ao jogo
      Relações estremecidas
      Correnteza alviceleste
      Temporada 9
      Olá, Superliga!
      Recorde negativo
      Saco de pancadas
      Temporada para esquecer
      Temporada 10
      Convite inusitado
      Mudanças à vista
      A volta das férias
      A decisão
       
      RETROSPECTIVAS
      Retrospectiva 2018-2023
      Retrospectiva 2023-2028
       
      HISTÓRICO DE CLUBES
      Kolding BK (2019 - 2022)
      (2019/20) 15º na 2. Division / Eliminado nas oitavas de final da DBU Pokalen
      (2020/21) 7º na 2. Division / Eliminado na Segunda Eliminatória da DBU Pokalen
      (2021/22) 1º na 2. Division 🏆 / Eliminado na Segunda Eliminatória da DBU Pokalen
      Viborg FF (2022 - 2024)
      (2022/23) 3º na NordicBet Liga 🥉 / Eliminado nas oitavas de final da DBU Pokalen
      (2023/24) 5º na NordicBet Liga / Eliminado na semi final da DBU Pokalen 🥉
      Hobro IK (2024 - 2025)
      (2024/25) 6º na NordicBet Liga / Eliminado na semi final da DBU Pokalen 🥉 Assumiu na semi-final
      FC Helsingør (2026 - 2029)
      (2025/26) 3º na NordicBet Liga 🥉 Assumiu em 5º / Eliminado nas oitavas de final da DBU Pokalen Assumiu com o clube já eliminado 
      (2026/27) 1º na NordicBet Liga 🏆 / Eliminado nas quartas de final da DBU Pokalen
      (2027/28) 12º na Superliga / Eliminado na segunda eliminatória da DBU Pokalen
      (2028/29) 4º na NordicBet Liga / Eliminado na semi final da DBU Pokalen
       
      TÍTULOS DO TREINADOR
      2. Division
      (2021/22) Kolding BK
      NordicBet Liga
      (2026/27) FC Helsingør 
       

    • div
      By div
      Olá! Tudo bem com vocês? Espero que sim. 
      Sou novo aqui, pelo menos em relação a uma participação mais ativa. Acesso o fórum há algum tempo, costumava ler sobre dicas táticas ou contratações para me atualizar no FM (tive um hiato bem longo entre edições do jogo). De um tempo pra cá, passei também a frequentar esta zona do fórum e foi aqui que mais gastei meu tempo, li diversas histórias e resolvi criar a minha própria.
      Como o próprio nome da história já fala, este save tem foco na carreira de um treinador, não em um clube específico. Assim, não terei compromisso com nenhum clube caso surja proposta que represente um avanço na carreira do treinador. Tudo dependerá da proposta e do que for mais adequado para a história. Comecei o jogo desempregado, com a menor reputação e experiência possíveis e tentarei subir na carreira de técnico, até chegar ao topo (considero que os principais objetivos seriam: Chegar num clube da Série A, ganhar a Libertadores, treinar na Europa, ganhar a Champions, treinar uma seleção e ganhar a Copa do Mundo. Muita coisa? Talvez, mas por que não?).
      Como verão abaixo, carreguei Brasil, Argentina, Uruguai e as principais ligas europeias apenas. Confesso que tentei carregar mais divisões inferiores e mais ligas sul-americanas, mas o jogo ficou com um processamento muito lento e tive que refazer o save pra retirar algumas ligas e divisões (notebook do milhão é complicado). Como a ideia é começar no Brasil, além do nosso país só carreguei a Argentina e o Uruguai, pra ver se a Libertadores não ficava uma Copa do Brasil 2.0, e as principais ligas europeias, que são uns dos objetivos finais do save.
      De antemão já peço desculpas em razão da longuíssima introdução que fiz antes de adentrar no save (vocês verão nos próximos posts), mas sinto que era necessário para que pudesse estabelecer algumas bases para a história.
      Pra terminar essa apresentação, queria dizer que espero que gostem de acompanhar essa história, e que críticas e sugestões são sempre bem-vindas.
       

      Versão do Jogo: Fm 2019
      Update: Brasil MundiUp, atualizado até novembro de 2019, com algumas transferências atualizadas por mim nos times da Série A do brasileiro (já joguei outro save com esta db e não tive problemas de crash ou erro no jogo).
      Ligas: Brasil (Divisão Inferior e acima), Inglaterra (Sky Bet Championship e acima), Argentina, Uruguai, Portugal, Itália, Holanda, Alemanha, Espanha e França (somente a primeira divisão nacional).
       

      Temporada 1 - 2019
      Prólogo (07/08/2020)
      Capítulo 1 (08/08/2020)
      Capítulo 2 (08/08/2020)
      Capítulo 3 (10/08/2020)
      Capítulo 4 (16/08/2020)
      Capítulo 5 (19/08/2020)
      Capítulo 6 (22/08/2020)
       
      Temporada 2 - 2020
      Capítulo 7 (25/08/2020)
      Capítulo 8 (28/08/2020)
      Capítulo 9 (31/08/2020)
      Capítulo 10 (04/09/2020)
      Capítulo 11 (06/09/2020)
       
      Temporada 3 - 2021
      Capítulo 12 (08/09/2020)
      Capítulo 13 (11/09/2020)
      Capítulo 14 (14/09/2020)
       
      Temporada 4 - 2022
      Capítulo 15 (17/09/2020)
      Capítulo 16 (21/09/2020)
       
      Temporada 5 - 2023
      Capítulo 17 (24/09/2020)
      Capítulo 18 (27/09/2020)
      Capítulo 19 (30/09/2020)
      Capítulo 20 (03/10/2020)
       
      Temporada 6 - 2024
      Capítulo 21 (06/10/2020)
      Capítulo 22 (09/10/2020)
      Capítulo 23 (12/10/2020)
      Capítulo 24 (15/10/2020)
       
      Temporada 7 - 2025
      Capítulo 25 (18/10/2020)
      Capítulo 26 (21/10/2020)
      Capítulo 27 (24/10/2020)
      Capítulo 28 (26/10/2020)
       
      Temporada 8 - 2026
      Capítulo 29 (05/11/2020)
      Capítulo 30 (10/11/2020)
      Capítulo 31 (16/11/2020)
      Capítulo 32 (21/11/2020)
       
      Temporada 9 - 2027
      Capítulo 33 (24/11/2020)
      Capítulo 34 (28/11/2020)
      Capítulo 35 (07/12/2020)
      Capítulo 36 (12/12/2020)
      Capítulo 37 (17/12/2020)
      Capítulo 38 (22/12/2020)
       
      Temporada 10 - 2028
      Capítulo 39 (26/12/2020)
      Capítulo 40 (28/12/2020)
      Capítulo 41 (31/12/2020)
      Capítulo 42 (04/01/2021)
      Capítulo 43 (06/01/2021)
       
      Temporada 11 - 2029
      Capítulo 44 (12/01/2021)
       
      Temporada 12 - 2030-31
      Capítulo 45 (14/01/2021)
      Capítulo 46 (17/01/2021)
      Capítulo 47 (23/01/2021)
      Capítulo 48 (28/01/2021)
      Capítulo 49 (02/02/2021)
       
      Temporada 13 - 2031-32
      Capítulo 50 (04/02/2020)
      Capítulo 51 (06/02/2021)
      Capítulo 52 (09/02/2021)
      Capítulo 53 (11/02/2021)
       
      Temporada 14 - 2032-33
      Capítulo 54 (14/02/2021)
      Capítulo 55 (17/02/2021)
      Capítulo 56 (20/02/2021)
      Capítulo 57 (23/02/2021)
       
      Temporada 15 - 2033-34
      Capítulo 58 (25/02/2021)
      Capítulo 59 (28/02/2021)
      Capítulo 60 (02/03/2021)
      Capítulo 61 (05/03/2021)
       
      Temporada 16 - 2034-35
      Capítulo 62 (07/03/2021)
      Capítulo 63 (10/03/2021)
      Capítulo 64 (13/03/2021)
      Capítulo 65 (16/03/2021)
       
      Temporada 17 - 2035-36
      Capítulo 66 (17/03/2021)
      Capítulo 67 (20/03/2021)
      Capítulo 68 (23/03/2021)
      Capítulo 69 (26/03/2021)
       
      Temporada 18 - 2036-37
      Capítulo 70 (29/03/2021)
      Capítulo 71 (31/03/2021)
      Capítulo 72 (03/04/2021)
      Capítulo Final (06/04/2021)
       
      Bônus
      Capítulo Bônus (29/10/2020)
       

       
    • Leonardo Souza
      By Leonardo Souza
      Ola Galera e Com Muito prazer que venho Trazer pra vocês Uma Narração que fiz com todo carinho Pra Mim Jogar FM mais Estou compartilhando Com vocês Espero que Gostem . ! 
      Vai algumas Observações : 

      Primeiro Colocar ela na Pasta : C:\Users\Documents\Sports Interactive\Football Manager 2020 
      Se for Outra pasta que vc usa ai conforme sua pasta . 

      Segundo Colocar o Jogo mais Lento e Tirar o Replay do Gol fica melhor se nao vai repetir a Voz do Gol no replay 

      Terceiro : Eu Configurei o Audio Muito alto então Ja vou avisando coloque o Som do FM Baixo kkkkkkk! 

      Quarto e Mais importante  Para a narração Funcionar faz a Limpeza de cash e Recarrega a Skin 😃 

      A Galera tem um arquivo no meio dos audios que e o canto da torcida  e o arquivo FM_loop2      vcs vao ouvir a torcida do Coimbra MG  pra voces Mudarem e colocar do time de voces e so achar um audio da torcida converter para Wav e renomear para o mesmo nome do arquivo ai oK 😃 ! ValeuU!

      Lembrando que essa Narração esta Simples e Em andamento se Gostarem e quizer que eu Coloque mais completo e Faça Uma mais Profissional Só so deixar o Feedback 😃 Obrigado a Todos 

      Link : http://www.mediafire.com/file/qwgzmsyds00o89q/sounds.rar

      Espero que Gostem ! 
    • Allanzera
      By Allanzera
      alguém sabe como fazer tranferencias pelo editor 2019?
×
×
  • Create New...