Ir para conteúdo
  • Cadastre-se
joaovitalfn

The Red Rebels - Road to glory

Recommended Posts

marciof89

Conseguir acesso com título sempre dá moral, e como o Danut falou, é mostra que o time tem capacidade mais que suficiente para permanecer da divisão de cima. Acho que não pegar elevador não, pois as divisões inglesas são mais chatinhas do que as outras, mas tem time pra fazer uma temporada bem confortável, acredito eu.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
LC

Parabéns pelo título, mas quem subiu junto com o Manchester? York City subiu também?

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
joaovitalfn
Em 19/02/2019 at 10:56, marciof89 disse:

Conseguir acesso com título sempre dá moral, e como o Danut falou, é mostra que o time tem capacidade mais que suficiente para permanecer da divisão de cima. Acho que não pegar elevador não, pois as divisões inglesas são mais chatinhas do que as outras, mas tem time pra fazer uma temporada bem confortável, acredito eu.

Janela deve me fazer ter de mexer bem no elenco. Espero que jogadores como o Adu recebam propostas e vai ser difícil segurar e mais difícil ainda achar alguém pra substituir. 

34 minutos atrás, LC disse:

Parabéns pelo título, mas quem subiu junto com o Manchester? York City subiu também?

Muito obrigado, cara... os playoffs me surpreenderam. York não conseguiu o acesso. Na próxima atualização (que deve sair amanhã se tudo der certo) vou fazer um apanhado da temporada, os newgens e o começo da janela. Daí falo certinho quem subiu. 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora

  • Conteúdo Similar

    • hgvinicius
      Por hgvinicius
      Me ajudem, não consigo inscrever jogadores para a sul americana, a tela está travada na mensagem de inscrição, aí aperto pra responder e não tem como enviar os jogadores que selecionei, aí consequentemente fica travado o jogo, alguem sabe o que fazer??
    • Felipe Pessoa
      Por Felipe Pessoa
      Caso eu comece a carreira em algum clube que não possua Equipe B, ou até sub-23, sub-20, sub-18 etc... tem como solicitar para a direção a criação dela?
    • Herr Jones
      Por Herr Jones
      Considerações Iniciais: Depois de passar um perrengue no ano passado com o computador, que queimou placa mãe e processador, consegui, com esforço, retomar o save com o Cannes que vinha compartilhando aqui na área. Esse ano, no entanto, percebi que o meu Windows estava com algum problema e decidi formatar o computador; decisão que possibilitou fazer o sistema rodar com melhor velocidade e segurança, mas que, por um equívoco impensado, acabei perdendo um dos arquivos que usava como base de dados para o jogo e, com isso, fiquei impossibilitado de carrega-lo para dar sequência.
      Dessa vez, no entanto, como se pode ver pelo banner farei um save na Alemanha, pois não jogo há tempos por lá e tenho um particular apreço pelo estilo de futebol que se apresenta por lá. O clube escolhido, apesar da forma recente, possibilita uma progressão muito mais fácil do que eu tive no Cannes, por exemplo. Inicialmente fiquei em dúvida entre três times para iniciar, todos passando por maus bocados, então a escolha acabou sendo facilitada com a possibilidade de "facilitar uma rivalidade" durante o save. Posto isso, acredito que os objetivos mais plausíveis giram mais em torno do desenvolvimento do treinador do que do clube propriamente dito, já que a progressão do save na Alemanha, até onde me recordo, é bastante tranquila por conta das premiações/cotas de TV.
      Uma única observação é que o save não termina se eu for demitido do clube, tratei de criar um contexto para o treinador justamente para que caso alguma coisa dê errado na trajetória seja possível dar sequência em busca dos objetivos sem, necessariamente, ter que encerrar precocemente a carreira.
      O estilo de postagem será em formato de coluna de jornal, enfatizando alguns aspectos relevantes do período postado - mas nem sempre todos os aspectos de cada período. Para alguns, eventualmente, tratarei de forma específica em postagens.  Espero que vocês gostem! 🙂 
      Objetivos: Retornar à Bundesliga Ganhar a DfB Pokal Ganhar a Bundesliga Vencer a UEFA Champions League Entrar para o top 10 de treinadores mundiais Revelar um grande jogador para a seleção alemã Ligas Carregadas → base de dados grande + jogadores de Áustria, Polônia, Turquia e Croácia | carregados jogadores importantes das principais ligas europeias
      ***** **** *** ** * ** *** **** *****

      Bierofka não aceita renovação e se despede do clube
      por Dieter Friedrich | 18.06.2018 | 10:30 a.m.
      Apesar de ter conquistado o retorno dos leões à 3.Bundesliga como campeão regional da Bavária, o treinador optou por não assinar a renovação contratual com o clube para dedicar mais tempo à família, já que sua esposa está grávida. Também agradeceu à torcida que o acolheu com tanto carinho por suas duas passagens, sendo esta mais recente a maior delas: voltou como jogador ainda em 2007 e prosseguiu como atleta até 2014, quando se aposentou e tomou parte como preparador no clube de onde não saiu até os dias atuais.
      "Eu sou grato a tudo o que este clube me proporcionou, mas sinto que é o momento de me dedicar a minha família. Minha esposa está grávida novamente, então é o momento ideal para me dedicar com maior tempo a eles.", comentou Bierofka após a reunião com a diretoria. Entretanto, ele diz que "gostaria muito de ver o Heinrich comandando o clube. Conheci ele mais propriamente numa das aulas da Federação Alemã para progredir nas licenças e, além de ter sido um bom jogador, tem a cara dos leões. Uma pessoa dedicada àquilo que faz e que se doa para alcançar.", indicou o ex-treinador do clube.
      Com a indicação de Bierofka, a diretoria do clube estabeleceu contato para assinar com o ex-meio-campista Heinrich Weber, de 35 anos, para o cargo de treinador. Nascido na Alemanha Oriental, em Dresden na data de 31 de maio de 1983, o novo treinador do clube iniciou sua trajetória como jogador no Dynamo Dresden, atuando em sua primeira partida durante a temporada 1999/2000 e permaneceu por lá durante três temporadas, quando foi contratado pelo Hertha Berlim, em 2003, desenvolvendo suas habilidades como meia-atacante até chamar a atenção, em 2007, do Borussia Dortmund que conseguiu sua contratação sem custos após a desavença de Weber e a diretoria do Hertha que culminou na expiração do contrato do jogador com o clube.
      Em Dortmund, Weber atingiu seu ápice na carreira ao levantar duas Bundesliga, uma Pokal e alcançar o vice-campeonato europeu contra o Bayern. No ano de 2014, aos 31 anos, Weber estava convivendo com sucessivas lesões e acertou sua transferência para o St. Pauli, clube em que reencontrou a forma e superou a má fase até decidir se aposentar dos gramados nesta última temporada, enquanto graduava-se no Curso Nacional C para treinadores promovido pela DFB.
      O acordo de Weber com a diretoria do 1860 München é válido por uma temporada.
      Historial como jogador:
      O treinador espera uma campanha acima da média em sua temporada de estréia e jogou as expectativas para o alto, em busca de alcançar logo de começo os play-offs de acesso.
      - Acredito que o clube passou por problemas nas últimas temporadas até chegar à Regionalliga, embora tenha apresentado uma recuperação na volta para a 3.Liga. Confio que nosso plantel é bom o suficiente para disputar as ligas mais competitivas da Alemanha. [...] a diretoria me deu uma tarefa, que é a de brigar na parte superior da tabela, mas eu preciso mostrar que estou empenhado aqui no clube e me comprometi em brigar alcançar os play-offs e passar para a segunda eliminatória da Pokal.  - afirmou Weber em sua apresentação à imprensa.
    • mfeitosa
      Por mfeitosa
      Fala pessoal! Estou de volta para trazer uma reedição de um save que havia postado com o FM 2011, um dos primeiros que publiquei por aqui e que foi muito prazeroso de jogar. Trata-se do save "Como nos velhos tempos", onde tentei retratar a trajetória do ex-atacante Marinho sob o comando do glorioso Bangu Atlético Clube. 
      Estarei utilizando o MRT90 Brasil, como forma de possibilitar o comando do time dentro do FM 2019, que se encontra atualmente sem divisão. Para deixar as competições mais equilibradas, atualizei as transferências e elencos de diversos times, com base em sites oficiais e outros como o 'Transfermarkt' e 'O Gol'. Caso alguém tenha interesse neste arquivo, pode baixar por aqui.

      Fundado por britânicos em 17 de abril de 1904, o Bangu Atlético Clube é um dos clubes mais tradicionais do Rio de Janeiro e um dos pioneiros no Brasil, sendo o primeiro a escalar um atleta negro no país, mesmo contra a vontade da federação local, que chegou a proibir a prática, forçando a equipe a decidir por não participar da extinta Liga Metropolitana de Football. 
      Em seus mais de 110 anos, o Alvirrubro de Moça Bonita colecionou algumas conquistas, tais como os títulos do Campeonato Carioca em 1933 e 1966, o Torneio dos Campeões de 1967 e a International Soccer League em 1960, quando superou equipes como Sampdoria, Rapid Wien, Sporting, Estrela Vermelha e Kilmarock. Para muitos, a ISL representa um título mundial para o Banguzão.

      Em 1985, o Alvirrubro foi vice-campeão brasileiro, quando perdeu o campeonato para o Coritiba, que faturou o título após histórica decisão por pênaltis no Maracanã. Em 1987, a equipe venceu a Taça Rio, sua última conquista relevante. No ano seguinte, em 1988, o Bangu foi rebaixado para a Série B e nunca mais retornou à elite do futebol nacional.
      Era o final da "era" liderada pelo famoso bicheiro Castor de Andrade, presidente de honra e grande financiador do clube até o final da década de 1980. Desde então, o Bangu Atlético Clube não mais reencontrou seu rumo e suas participações no Campeonato Brasileiro têm se tornado cada vez mais raras.
      Nos últimos dez anos, a equipe se classificou apenas duas vezes para o Brasileirão Série D, abrindo mão de sua participação em 2009, por falta de recursos, e fazendo uma campanha nada animadora em 2017 (encerrou como 40º, na classificação geral).

      - Conquistar, ao menos, duas vezes o Campeonato Carioca, repetindo os feitos de 1933 e 1966;
      - Retornar à Série A (última participação em 1988);
      - Conquistar o título da Série A, superando o feito de 1985 (vice contra o Coritiba);
      - Conquistar o título da Copa do Brasil (nunca fez boa campanha);
      - Conquistar o título da Libertadores da América (decepcionou em sua única participação, em 1986);
      - Conquistar o título do Mundial de Clubes, equiparando a façanha de 1960 (International Soccer League);
      - Superar a reputação de, ao menos, um dos grandes do Rio de Janeiro;
      - Emplacar um ídolo que supere, ao menos, a marca do ex-atacante Marinho no clube (83 gols).

      Desta vez, não teremos Marinho no comando do Bangu. Sendo assim, teremos uma "passagem de bastão" para um ídolo mais recente da torcida alvirrubra. Trata-se do ex-zagueiro Carlos Renan, que defendeu a equipe de Moça Bonita entre 2010 e 2014, sendo aproveitado depois como auxiliar da comissão técnica. 

      Dentro do jogo, defini sua qualificação "baseada no Bangu", o que deixou o treinador com Licença Nacional B, e selecionei experiência anterior como Futebolista Profissional (nível local), o que condiz com a realidade. Por se tratar de uma pessoa que, enquanto jogador, demonstrava perfil de liderança junto aos companheiros, deixei Carlos Renan com estilo de treino Motivador. Nenhum atributo foi alterado manualmente. 
    • Paulo Barrionuevo Jr.
      Por Paulo Barrionuevo Jr.
      Estou com o Londrina na primeira divisão do BR, subi logo no primeiro ano, nem esperava por isso, mas aconteceu. O time é fraco e não tenho grana para contratar ninguém praticamente (300m só). Estou só levando taca, 1 ponto em 9 partidas. Queria dica de uma tática para "fechar a casinha" e tentar sair nos contra-ataques. Alguém pode me indicar uma boa?
×