Jump to content
Luchín

FC Andorra: Virtus Unita Fortior | Entrevista com Marc Valés [22/05]

Recommended Posts

Luchín

JgnPinK.png

Prólogo

Após quase dois anos ausente do fórum, devido à vários motivos, o lançamento de uma nova versão do Football Manager me trouxe novamente até aqui e estar no fórum e ler algumas excelentes histórias de alguns companheiros, é impossível que o bichito não te pique. Ainda não me adaptei completamente a essa nova versão, que, para quem vem do FM17, apresenta muitas novas features, principalmente no âmbito tático e de controle de plantel, mas, como vinha tendo algumas dificuldades para me empolgar em saves offline, acabei me decidindo a contar uma história, que, de antemão, afirmo que será simples, nada mais que um relato do que estou jogando. 

O clube escolhido é o Fútbol Club Andorra, que participa da pirâmide espanhola, estando, na vida real, na Preferente Catalana, equivalente ao quinto nível, mas como a expansão de ligas ainda não está completa, o coloquei na Tercera División, que é o quarto nível, substituindo a equipe de menor reputação presente. 

A minha ideia para esse save será utilizar apenas jogadores andorranos. Para isso, habilitei, além da pirâmide espanhola, as duas divisões do futebol andorrano. 

O treinador do clube será o ex-zagueiro Antoni "Toni" Lima, que, apesar de nunca ter atuado no clube, é um dos maiores jogadores da história do futebol andorrano. Antoni tem um irmão mais novo, Ildefons, que atualmente atua no próprio futebol andorrano, mas foi formado no FC Andorra e rodou por vários clubes, passando até mesmo pelo futebol da América, onde atuou no Pachuca. Via editor, coloquei o no clube para que termine sua carreira onde começou e "comandado" pelo irmão. 

Concluindo, acredito que possa não receber a melhor recepção nesse retorno, pois cometi erros no passado, ofendi alguns membros desnecessariamente, e sei que após errar, a confiança não retorna de imediato, mas espero pode demonstrar que os erros ficaram no passado e que retorno à área com uma nova forma de pensar e me comportar. De todas as maneiras, um sincero pedido de desculpas para aqueles com quem não me portei bem no passado.

Espero me divertir e que vocês também se divirtam com a história.

Luiz. 

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Boa sorte.

 

PS: Depois coloca a tag do jogo, tipo qual versão.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lucas Matías

Boa sorte no campeão da Copa Cataluña de 1994!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Este save promete. Boa sorte

Share this post


Link to post
Share on other sites
Buzzuh

Gostei da proposta, vamo que vamo!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andreh68

Borel né? Erros todos cometemos.

Bom save!

Share this post


Link to post
Share on other sites
MitoMitológico

É bom ver mais um membro "um pouco mais antigo" voltando a área. Prefiro lembrar mais de você pelo seu grande save com o "O Mochileiro" ou o da "Chapecoense", do que pelos seus erros. 

Sobre a proposta de save, achei muito interessante, pois Andorra é um país sem muita tradição no futebol, mas começar dentro da Liga local seria muito mais difícil de jogar, jogando com um clube mãe em um país maior, no caso a Espanha (tipo Monaco na França e Swansea na Inglaterra) é muito melhor.

Eu mesmo pensei muito na possibilidade de postar um save aqui com uma vertente parecida, só que pela Itália. Já fiz um save no futebol de San Marino em 2016, mas era muito complicado jogar no puro amadorismo, então nesse FM (18 ou 19) gostaria muito de começar com o San Marino Calcio, da terceira(ou quarta) divisão da Itália, para levar ao mais alto escalão de uma das melhores ligas do mundo e ao mesmo tempo elevar o nível da liga sanmarinense. Assim que tiver tempo vou amadurecer a ideia. Creio que você pretende fazer algo parecido por aí em Andorra.

Enfim, Boa Sorte, pois assim que eu puder, sempre estarei acompanhando.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Save interessante, boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
VitorSouza

Boa sorte. Estarei de olho. A Segunda B e a Tercera sempre são campeonatos complicados para subir.

Edited by VitorSouza

Share this post


Link to post
Share on other sites
DiegoCosta7

A julgar pelo prólogo, teremos mais uma boa história aqui na área.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Luchín

FCA629c875975f39724.png

A cotação das casas de apostas para o FC Andorra antes da temporada era de 65-1 e de terminar em 13º. 

Após metade da temporada, o clube está um pouco acima dessa cotação. Com nove vitórias, dois empates e nove derrotas, o clube ocupa a 12ª posição na tabela, com 29 pontos. 

3-Divisao-Espanhola---Grupo-5_-Vista-Geral-Fases2255aceaf4b92304.png

Inconstante pode ser a palavra utilizada para descrever o rendimento do clube, que ainda não teve sucesso em vencer mais de duas partidas em sequência. "Toni" Lima vem trabalhando com dois esquemas táticos, um 5-2-2-1 e um 4-1-2-3, esquemas ofensivos, mas que, na prática, não têm funcionado como ele quer. Um fato que pode exemplificar é que o jogador que mais marcou gols foi o defensor Ildefons Lima, cobrador de pênaltis da equipe, que converteu em cinco das seis oportunidades que teve. O sistema defensivo tampouco funciona bem, tendo a equipe a oitava defesa mais vazada, com 31 gols contra.

Futbol-Club-Andorra_-Calendario-Seniorddb1195e7c41e8ec.png

O elenco, muito jovem, pode ser uma justificativa. Apenas nove dos vinte e cinco jogadores do FC Andorra têm mais de 18 anos. Seis jogadores têm entre 20 e 30 anos, e os experientes Ludovic Clemente (32), Marc Pujol (36) e Ildefons Lima (39) completam o plantel. O estatuto amador do clube é um empecilho para atrair outros jogadores, mesmo dos outros clubes andorranos, o que faz com que as categorias mais jovens sejam a principal esperança do clube para qualificar o elenco.

Entre os jovens, quem mais promete é o meia-atacante Luciano Martins, que anotou quatro gols e quatro assistências até o momento e teve o seu debute na seleção andorrana nas partidas de novembro, contra Letônia e Cazaquistão, onde a seleção andorrana teve bons resultados, com vitória por 3 a 1 contra os letões (dois gols anotados por Ildefons Lima) e empate contra os cazaques por 2 a 2 (Aarón Sánchez, jogador do FC Andorra, marcou um gol). 

A expectativa de "Toni" Lima para a outra metade da temporada é manter o clube entre a 10ª e a 15ª posição. As equipes recém-rebaixadas da Segunda División B, UE Llagostera e CE L'Hospitalet, abriram uma excelente vantagem em relação às outras equipes e devem protagonizar a luta pelo acesso direto até o fim. O Sant Andreu também caminha a passos largos rumo a uma vaga nos playoffs, enquanto a terceira vaga é a única que pode ser mais considerada em aberto, com menos de 10 pontos separando o Santfeliuenc (4º) e o Castelldefels (14º). 

Para concluir, os perfis daqueles que foram o top 3 de rendimentos individuais da equipe: Ildefons Lima (7.03), Jordi Aláez (6.99) e Albert Reyes (6.96). 

cats.png

Coments47b3fbdfb0085ead.png

Em 12/11/2018 at 14:24, LC disse:

Boa sorte.

PS: Depois coloca a tag do jogo, tipo qual versão.

Valeu, LC.

Em 12/11/2018 at 14:41, Lucas Matías disse:

Boa sorte no campeão da Copa Cataluña de 1994!

Valeu, Lucas.

Em 12/11/2018 at 15:24, ggpofm disse:

Este save promete. Boa sorte

Valeu, Gílson.

22 horas atrás, Buzzuh disse:

Gostei da proposta, vamo que vamo!

Valeu, Buzzuh.

21 horas atrás, Andreh68 disse:

Borel né? Erros todos cometemos.

Bom save!

Eu mesmo. 

Valeu, André. 

19 horas atrás, MitoMitológico disse:

É bom ver mais um membro "um pouco mais antigo" voltando a área. Prefiro lembrar mais de você pelo seu grande save com o "O Mochileiro" ou o da "Chapecoense", do que pelos seus erros. 

Sobre a proposta de save, achei muito interessante, pois Andorra é um país sem muita tradição no futebol, mas começar dentro da Liga local seria muito mais difícil de jogar, jogando com um clube mãe em um país maior, no caso a Espanha (tipo Monaco na França e Swansea na Inglaterra) é muito melhor.

Eu mesmo pensei muito na possibilidade de postar um save aqui com uma vertente parecida, só que pela Itália. Já fiz um save no futebol de San Marino em 2016, mas era muito complicado jogar no puro amadorismo, então nesse FM (18 ou 19) gostaria muito de começar com o San Marino Calcio, da terceira(ou quarta) divisão da Itália, para levar ao mais alto escalão de uma das melhores ligas do mundo e ao mesmo tempo elevar o nível da liga sanmarinense. Assim que tiver tempo vou amadurecer a ideia. Creio que você pretende fazer algo parecido por aí em Andorra.

Enfim, Boa Sorte, pois assim que eu puder, sempre estarei acompanhando.

Valeu, MM.

Dentro do futebol andorrano é muito difícil crescer mesmo, mas estando na pirâmide espanhola há uma movimentação financeira maior que pode permitir a evolução do clube. 

19 horas atrás, marciof89 disse:

Save interessante, boa sorte.

Valeu, Márcio.

19 horas atrás, VitorSouza disse:

Boa sorte. Estarei de olho. A Segunda B e a Tercera sempre são campeonatos complicados para subir.

Valeu, Vitor. 

É verdade, com apenas um acesso direto as coisas tendem a ser mais complicadas, embora agora haja outra chance, via playoff, que não havia até temporadas anteriores.

17 horas atrás, DiegoCosta7 disse:

A julgar pelo prólogo, teremos mais uma boa história aqui na área.

Valeu, Diego.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

Mais uma boa história, com certeza. Seja bem-vindo de volta e boa sorte com esse desafio!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Só existem andorranos na equipe ou também existem jogadores de outras nacionalidades?

Campanha dentro do esperado até o momento. Vamos aguardar a sequencia para ver se mantém o fôlego.

Share this post


Link to post
Share on other sites
panikbr

Llagostera é a cidade natal dos meus avós..  visitei a cidade, muito organizada, o estádio é bem pequeno...

Curiosidade:  Llagostera é a menor cidade a ter uma equipe em uma das duas divisões profissionais do futebol na Espanha.

Boa sorte!

Edited by panikbr

Share this post


Link to post
Share on other sites
Vannces

Cada lançamento novo, me interessa, principalmente quando se trata de FM 19. Já comprei a versão e quero aos poucos aprender com os amigos o que há de diferente. Por outro lado ainda estou jogando a saga de Steve Park. Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Luchín

FCA629c875975f39724.png

O FC Andorra teve uma melhora de rendimento na segunda metade da temporada, sobretudo após a chegada de novos jogadores. Com dez vitórias, três empates e sete derrotas, o tricolor chegou aos 62 pontos e terminou o campeonato em 8º lugar. 

mmsGkFS.png

ZRK7qYk.png

Durante o mês de janeiro quatro importantes jogadores deixaram o FC Andorra, mesmo com toda a insistência de "Toni" Lima em mantê-los. O atacante Luciano Martins foi para o Rayo Majadahonda, enquanto Enrique Ruiz, Jordi Aláez e Albert Reyes foram para outros clubes da Tercera División. Sem outros andorranos interessados em se juntarem ao FC Andorra, "Toni" Lima teve de procurar alternativas no próprio elenco

A partir desse momento, o atacante José Cruzado, de 18 anos, que era apenas reserva, teve um aumento exponencial de rendimento. Ele somou 17 gols, sendo vários determinantes para o FC Andorra vencer partidas. Números que o fizeram terminar a temporada com a melhor nota média da equipe, de 7.18 pontos.

No mês de março, dezesseis novos jogadores chegaram ao FC Andorra e foram incorporados ao elenco principal. Nenhum teve impacto imediato, mas quatro foram habituais titulares do momento em que chegaram a equipe até o término da temporada: Enol TraperoMarcos Ontiveros, Rui Almeida e Sergio Sánchez. Outros, dentre eles os que são considerados os com maior capacidade potencial, Rubén Martínez e Bernardo Guedes, ainda esperam a sua primeira oportunidade. 

O supracitado Rui Almeida, para a "infelicidade" de "Toni" Lima, teve um rendimento muito bom, somando três gols e sete assistências em oito partidas, mas que chamou a atenção da Formentera, que abordou o jogador para se juntar a equipe e obteve sucesso. Tiago Ramos, outro jovem, também deixou o FC Andorra, com destino a UE Llagostera. 

Em linhas gerais, o FC Andorra fez uma temporada acima da expectativa e todos no principado estão contentes, mas a tendência é de que a exigência sobre o clube e o treinador cresçam para a próxima temporada.

Para concluir com uma notícia boa, Ildefons Lima confirmou que irá continuar por mais uma temporada. Será a sexta do defensor de 39 anos representando o FC Andorra e a vigésima quinta da carreira.

cats.png

Coments47b3fbdfb0085ead.png

Em 14/11/2018 at 12:05, PedroJr14 disse:

Mais uma boa história, com certeza. Seja bem-vindo de volta e boa sorte com esse desafio!

Valeu, Pedro.

Em 14/11/2018 at 12:12, ggpofm disse:

Só existem andorranos na equipe ou também existem jogadores de outras nacionalidades?

Campanha dentro do esperado até o momento. Vamos aguardar a sequencia para ver se mantém o fôlego.

Apenas andorranos. No FM17, aparecia um ou outro espanhol ou português nas fornadas de jovens. Na primeira, não apareceu aqui, mas esses são exceções.

Valeu pelo comentário.

20 horas atrás, panikbr disse:

Llagostera é a cidade natal dos meus avós..  visitei a cidade, muito organizada, o estádio é bem pequeno...

Curiosidade:  Llagostera é a menor cidade a ter uma equipe em uma das duas divisões profissionais do futebol na Espanha.

Boa sorte!

Que legal.

É verdade. Pena que eles não conseguiram se manter ali e retornaram ao quarto nível rapidamente. O FC Andorra não deve superar, mas o Camp d'Esports d'Aixovall é menor que o Nou Munipal.

Valeu.

6 horas atrás, Vannces disse:

Cada lançamento novo, me interessa, principalmente quando se trata de FM 19. Já comprei a versão e quero aos poucos aprender com os amigos o que há de diferente. Por outro lado ainda estou jogando a saga de Steve Park. Boa sorte!

Espero que você goste, Vannces. Valeu.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Andreh68

Um bom começo, mas as limitações para a chegada de novos jogadores pode ter um peso negativo. Tomara que Cruzado não tenha tido uma temporada fora da média.

Share this post


Link to post
Share on other sites
LuisSilveira

Uma ideia de save interessante.

Bacana ver que o time começou a ganhar corpo. Espero que seja daí pra cima!

Bom jogo.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Conseguiu fazer uma temporada interessante, se mantiver o padrão, pode subir em breve.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Sinachi

Bela temporada, um excelente começo. No mais, parabéns pela ideia do save

Share this post


Link to post
Share on other sites
Luchín

Wc15syV.png

0YAZADe.png

O retorno do lateral Cristian foi a única novidade do FC Andorra para a temporada 2019/20. Formado no próprio clube e com passagens por FC Santa Coloma e Lusitans, Cristian teve uma breve passagem pelo Alfaro, também da Tercera División. É um jogador com bons atributos, em especial, a velocidade. Sua característica é de um lateral com mais poder defensivo do que ofensivo.

CM5D2bs.png

+ |  perfil completo de Cristian

P5vMDfR.png

Após o bom desempenho na temporada anterior, as casas de apostas colocaram o FC Andorra um pouco acima, cotando a equipe para terminar em 10º, com a cotação 20-1 - um retorno mais de três vezes menor para o apostador que escolhesse o FC Andorra para conquistar o título. 

Na atual temporada, o clube vem novamente estando acima das expectativas, mas, com um campeonato mais "embolado", o FC Andorra e "Toni" Lima podem até sonhar com uma vaga nos playoffs de promoção. Até o presente momento, foram 23 partidas, com 13 vitórias, 5 empates e 5 derrotas para o Tricolor, que ocupa a 5ª posição. Com uma partida a menos, que será contra o último colocado Premià, o FC Andorra pode entrar na zona do playoff caso não contrarie as expectativas de vitória. 

O Sant Andreu é a única equipe que está bem encaminhada para, no mínimo, ir ao playoff, tendo uma vantagem de nove pontos em relação ao FC Andorra, primeira equipe fora da zona do playoff. Um pouco atrás, uma distância de oito pontos separa o segundo do oitavo colocado. 

1IhwQra.png

+ |  tabela de classificação completa

jYvIg7I.png

J7P7yrq.png

Os experientes Ildefons Lima e Marc Pujol vêm tendo um desempenho muito bom, mas, na minha opinião, quem tem sido fundamental para a boa temporada do FC Andorra é o jovem ponta David Fernández Pérez. Muito além dos números (cinco gols e quatro assistências), o jogador de 18 anos é um dos mais participativos em campo, atuando como ponta-direito no 4-2-3-1 de "Toni" Lima. 

gdX1ahj.png

cats.png

0NvBnoc.png

SUtTqMG.png

Um bom começo, mas as limitações para a chegada de novos jogadores pode ter um peso negativo. Tomara que Cruzado não tenha tido uma temporada fora da média

yvrjacq.png

— É um desafio que me dispus a encarar. Não pude colaborar com a equipe como jogador, mas quero deixar o meu nome marcado de alguma outra forma. Quanto ao José, é um bom menino e teve um crescimento na hora certa. Infelizmente seu início na nova temporada foi distante daquele nível, mas confio que ele possa se recuperar. @Andreh68

aCAZ5GP.png

Uma ideia de save interessante.

Bacana ver que o time começou a ganhar corpo. Espero que seja daí pra cima!

Bom jogo.

yvrjacq.png

— O primeiro passo será nos firmar na Tercera División, antes de pensar um acesso para a Segunda División B, que conta com muitas equipes profissionais e poderia ser um passo maior do que o que o clube pode dar nesse momento. @LuisSilveira

aYnkUL3.png

Conseguiu fazer uma temporada interessante, se mantiver o padrão, pode subir em breve.

yvrjacq.png

— Obrigado, meu caro. A minha meta é subir em três ou quatro temporadas, com o plantel mais fortalecido. @marciof89

fjt25Ou.png

Bela temporada, um excelente começo. No mais, parabéns pela ideia do save

yvrjacq.png

— Obrigado, meu caro. Espero poder deixar o meu nome na história do FC Andorra. @Sinachi

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Vannces

O time vem rendendo bem e parece muito provável conseguir um lugar nos playoffs, mas a dúvida é se conseguirá na hora decisiva manter o bom rendimento. De qualquer forma vejo que você não está se preocupando tanto com a subida, mas com a manutenção e fortalecimento da equipe, ou seja, trabalho com os pés no chão, se vier o acesso será bem vindo, se não vier, paciência. Boa sorte na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Na temporada de estreia do save teve um desempenho pouco acima das previsões, mas neste parece almejar um vaga nos playoffs. Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Como o Vannces disse, parece que é mais importante pavimentar o caminho aos poucos do que de fato subir. O playoff parece possível, o time tá indo bem (engatou uma bela sequência ali, com apenas 2 derrotas entre 9 V e 3 E), vamos ver como ela se portará agora. Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Luchín

41gmrX5.png

kAZV2cN.png

A deficiência na lateral-esquerda era notável no plantel no FC Andorra e, até dezembro, quatro jogadores haviam atuado nela. Quando "Toni" Lima teve a oportunidade de contratar Kiko, ex-jogador do Elche Ilicitano, não a deixou a passar. O jogador havia tido um bom rendimento na temporada anterior, mas não teve o seu contrato renovado. As principais características do jogador de 21 anos são a velocidade e o condicionamento físico, enquanto o ponto fraco é o jogo aéreo.

BsU8N4R.png

+ |  perfil completo de Kiko

aKDYVMP.png

O bom rendimento na primeira metade do campeonato empolgou os torcedores do FC Andorra, mas "Toni" Lima sempre procurou manter o pé no chão. Sempre estive de acordo com ele, pois penso que o clube ainda não está pronto para conquistar o acesso. É uma equipe jovem, em formação, e poderia ser um passo maior do que o pé pode dar. 

O FC Andorra manteve o rendimento na segunda metade do campeonato, mas em poucos momentos realmente ambicionou entrar na zona dos playoffs, tanto que as equipes que foram para o mesmo confirmaram a sua presença com rodadas de antecedência, mesmo que ao término do campeonato, a vantagem do Prat para o FC Andorra tenha diminuído para dois pontos depois deles perderem três partidas em sequência, enquanto o terceiro colocado terminou com 14 pontos a mais que o Tricolor. 

Os números da temporada foram de 25 vitórias, 10 empates e 11 derrotas. A evolução é notável e acredito que na temporada 2020/21, a expectativa em cima dos andorranos será mais alta, mesmo que a chegada de novos jogadores ainda seja difícil. Por esse motivo, Ildefons Lima e Marc Pujol anunciaram que por pelo menos mais uma temporada irão continuar. São jogadores muito importantes para tutorar aqueles jovens que chegam à equipe e cada momento que adiarem o término de suas carreiras será válido.

ckaNbEn.png

+ |  classificação completa

eaHbgg0.png

RblzrVl.png

Em Abril, o FC Andorra ainda ambicionava ir ao playoff e foi à El Prat de Llobregat enfrentar o rival direto, Prat. "Toni" Lima mandou sua equipe a campo com uma proposta defensiva e em busca do contra-ataque. No primeiro ataque, José Cruzado colocou o Tricolor em vantagem, mas o Prat empatou ainda antes da metade da etapa inicial, com Toni Lao, histórico nome do futebol catalão. Ainda no primeiro tempo, Cruzado colocou o FC Andorra novamente à frente, e "Toni" Lima não teve dúvida em "estacionar o ônibus". O Prat tampouco ameaçou muito e o FC Andorra saiu com uma grande vitória. 

stRBMX1.png

z3WhVuZ.png

kPa2c92.png

José Cruzado foi, como na temporada anterior, um dos pontos fortes da equipe. O atacante, que em janeiro fez um teste no Levante, da segunda divisão, foi o homem-gol da equipe e anotou mais de 25% dos tentos da equipe. De acordo com Isaac Silva, componente da equipe técnica de "Toni" Lima, o atacante pode ser ainda melhor, mas está próximo de atingir o máximo de sua capacidade potencial. 

ubnLNlD.png

+ | estatísticas completas do elenco

cats.png

HQdIAMi.png

MPX1g04.png

O time vem rendendo bem e parece muito provável conseguir um lugar nos playoffs, mas a dúvida é se conseguirá na hora decisiva manter o bom rendimento. De qualquer forma vejo que você não está se preocupando tanto com a subida, mas com a manutenção e fortalecimento da equipe, ou seja, trabalho com os pés no chão, se vier o acesso será bem vindo, se não vier, paciência. Boa sorte na sequência.

zqCAtfr.png

Oi, @Vannces, seja bem-vindo. As probabilidades existiam, mas nunca considerei altas. O nosso time ainda comete alguns erros, muito em decorrência da juventude dos jogadores, e em várias partidas foi possível perceber isso, e essas partidas foram determinantes para que não terminássemos na zona do playoff. Obrigado.

2JV5IIG.png

Na temporada de estreia do save teve um desempenho pouco acima das previsões, mas neste parece almejar um vaga nos playoffs. Boa sorte.

zqCAtfr.png

Oi, @ggpofm. Almejamos, mas nunca entramos. Como respondi anteriormente, sempre que tínhamos a oportunidade de nos aproximar, tropeçamos. Isso é um reflexo de que a equipe ainda não está pronta. Obrigado.

1jD9gzK.png

Como o Vannces disse, parece que é mais importante pavimentar o caminho aos poucos do que de fato subir. O playoff parece possível, o time tá indo bem (engatou uma bela sequência ali, com apenas 2 derrotas entre 9 V e 3 E), vamos ver como ela se portará agora. Boa sorte!

zqCAtfr.png

Oi, @marciof89 Sem dúvidas. É um trabalho que necessita de um prazo mais extenso, para que, quando subirmos, não sejamos uma "foca". Por isso, não lamento não ter conseguido ir ao playoff e penso que na próxima temporada, falando antes de eventuais chegadas e saídas, se não acontecer, também não irei lamentar. Obrigado.

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites

Create an account or sign in to comment

You need to be a member in order to leave a comment

Create an account

Sign up for a new account in our community. It's easy!

Register a new account

Sign in

Already have an account? Sign in here.

Sign In Now

  • Similar Content

    • AlexVivas
      By AlexVivas
      E aí, meus amigos managers, beleza? Após o "acidente" envolvendo o falecimento precoce do Alphabet Challenge, volto com um novo desafio. 
      Não tenho certeza, mas acho que a partir da Copa do Mundo de 1994 venho percebendo que muitas Seleções vêm meio que priorizando os atletas que jogam fora de seu país, menosprezando o futebol local. Pesquisando mais a fundo me deparei com a imagem acima, o emblema da Legião Estrangeira e seu Lema.
      Então decidi fazer uma nova saga de "volta ao mundo" treinando somente em países onde a maior parte da Seleção Nacional joga no exterior. Desta vez a jornada não será em ordem alfabética, e sim de acordo com o ranking de seleções da FIFA de 20 de Dezembro de 2018. Criei uma tabela no Excel dividindo todas as Seleções em 08 "grupos" distribuídos conforme as Licenças de Treinador do FM: Nenhuma - Nacional C - Nacional B - Nacional A - Continental C - Continental B - Continental A - Pro Continental. 
      Dessa forma, a trajetória se torna mais realista, onde um técnico começa no meio amador e alcança o status mundial no fim da carreira. Vejamos abaixo as metas que nortearão este save:  

      nacionalizar a Seleção, fazendo pelo menos 80% a 90% do elenco jogar no País, independente do Clube; feito isso, fazer pelo menos 50% da Seleção jogar no Clube escolhido; o Clube escolhido deve ser o maior campeão da Liga Principal/Primeira Divisão;  nacionalizar o Clube, vendendo todos os jogadores estrangeiros, com exceção dos atletas Naturalizados, os quais aparecem como primeira Nacionalidade a do país ativo; priorizar a venda dos jogadores dispensáveis para os demais clubes do país, nivelando a Liga e tornando-a mais competitiva; tentar trazer as maiores lendas do país para o Staff do clube; tornar o Clube hegemônico em todos os campeonatos Nacionais. Caso ele já seja soberano no país, tentar ser o maior campeão Continental; o prazo para alcançar a hegemonia segue a seguinte fórmula: nº de títulos do maior campeão + 1;   melhorar o nível do futebol local chegando o mais longe possível nas competições Continentais, aumentando a quantidade de clubes que disputarão as mesmas e assim tornando o País mais atrativo para os atletas locais; reiniciar o FM ao concluir o país em questão. Essa nova jornada é baseada no artigo "Construindo uma liga Competitiva" do nosso colega @ggpofm e na saga "Uma só Nação" do @Henrique M..
      Grande abraço !!
       
    • andre lp
      By andre lp
      Olá pessoal.. atualmente comecei um save com o manchester city no fm, devido a sua qualidade de jogadores e o ainda pequeno histórico de títulos, meu objetivo é criar uma hegemonia de muitos anos com ele e conquistar a Europa diversas vezes, mas respondam aí, o que vocês acham de começar com times grandes ? Eu tinha até pensando em postar meu save na profissão manager, entretanto, só vejo gente começando com times bem pequenos.
    • Johann Duwe
      By Johann Duwe
      Fonte
       
       
      Fonte
      Inspirado no Ypiranga do @Leonardo Moreno e no Tupi do @marciof89 vem aí mais um save em terras tupiniquins, eu, pessoalmente, não gosto de jogar no Brasil, mas irei abrir uma exceção pois como disse o @CCSantos, promessa é dívida.
      A cidade de Joinville é mais reconhecida pela sua equipe de Futsal, que por muitas vezes eu vi jogar contra a equipe de Malwee/Jaraguá quando a mesma tinha o craque Falcão e tantos outros dando show.
    • Xandrovsky
      By Xandrovsky
      Tudo começa com a idéia de ter uma equipe "Equilibrada". Defender com solidez. Recuperar a bola e, quando em posse, ter condição para criar jogadas. Joga curto onde precisa jogar curto. Joga longo quando precisa jogar longo. Jogadas pelas pontas, tabelas pelo meio campo. Equilíbrio. A formação que escolhi para acomodar tal idéia foi o 3-4-3.
      Funções:
      Goleiro Libero (Defesa): Um goleiro que avance um pouco a frente. Que tenha como prioridade jogar simples. Nada de lançamentos arriscados. Passes curtos quando necessário para o time controlar a posse. 
      Defensor Com Bola (Defender): Jogando pelos lados da defesa, esses jogadores são os responsáveis por começar as jogadas. Podendo tentar passes longos para os pontas, ou sair jogando curto devido a boa distribuição ofensiva. Defensivamente São os Pilares na Bola Aérea. Zagueiros altos e fortes são altamente recomendados para essa posição. Vão jogar mais abertos quando em posse. E bem compactados quando defendendo. 
      Libero Ofensivo (Suporte)/Defesa com bola (Cobertura): O zagueiro Técnico, mais rápido. Funciona quase como um meia defensivo. Jogando centralizado, é o Zagueiro que vai cobrir as costas da sua defesa. Vai avançar pouco quando em posse, mas fará o suficiente. 
      Esses três zagueiros saem jogando bem, e também formam Uma Parede Defensiva com um homem em cada setor. Bolas afastadas da defesa são facilmente recuperadas pela nossa equipe. Defensivamente São um bloco sólido Junto dos Alas, formam Uma Linha q dificilmente se desfaz. Quando um deles sai, o outro da cobertura. É simples. Superioridade numérica. De forma simples. Com jogadores que estão acostumados a jogar defensivamente. Solidez.
      Defensor Ala Invertido (Suporte): O coração da equipe é aqui. Vão defender como laterais. Fechar a Linha de 5. Em posse, tornam-se o link entre a Defesa e o ataque. Com passes simples, muitas vezes entre eles, a equipe espera o momento correto de avançar a bola. Quando a equipe perde a posse. Ou combatem o adversário direto por dentro, ou retornam a sua posição de lateral. Fechando a Linha de 5.
      Mezzala (Ataque): Sem a bola vão fechar a linha de 4, vão precionar mais. Se a linha de 5 defensores é mais solida, A linha de meio campistas é a que irá fazer a pressão. Vão participar com toques simples e se apresentar constantemente em posições de finalização. Vão fazer muitos gols da entrada da área, ou com corridas tardias a área adversária. Vão se posicionar como opção de tabelas para os pontas. 
      Extremos (Apoio): São os jogadores que vão fazer a diferença. Jogando abertos, a equipe funciona para que eles estejam em situações de 1x1 contra um defensor adversário. Velozes e bom dribladores. Devem aproveitar dessa situação, bater o marcador e decidir a assistência. Defensivamente fecham a linha de 4. 
      Ponta de Lança (Ataque). Centroavante clássico. Vai preferencialmente estar dentro da Área para finalizar. Mas também irá cair pelos lados do campo. Sua função defensiva é incomodar a zaga adversária com sua presença. Não dando combate, mas sendo uma ameaça constante ofensivamente. Aproveita dos espaços deixados pelos laterais adversários. Abrindo a defesa adversária e puxando contragolpes. 
    • Neynaocai
      By Neynaocai
      Por um erro meu o tópico anterior foi arquivo/apagado, mas o save continuou firme e forte. Algumas alterações pequenas neste, para melhor acomodar a história.

      Dez anos depois
      Quando contrataram Robbie Keanne para treinar o Killie, ninguém podia imaginar o que aquilo significava para cidade de Kilmarnock. Muito menos, poderiam imaginar o que representava para o Robert Davie Keanne.
      Como poucos sabiam, apesar de nascido em Dublin, Robbie crescer nos arredores do Castelo De Turnberry e embora amasse a Irlanda e fizesse sucesso com a camisa verde, as vezes pegava-se a pensar em como teria sido se tivesse ficado em sua cidade. Se ganharia títulos, se seria convocado para seleção escocesa.
      Essa história começou em 2018, logo após ele anunciar sua aposentadoria. Muitos contam um encontro inesperado quando foi encontrar velhos amigos no pub Oceans 11. Mas a verdade, senhoras e senhores, desconhecida do público, foi revelada aos poucos, com esse final bombástico.
      Começar essa história pelo final é para te convidar a participar da epopeia que movimentou o futebol da Escócia – e do mundo, por que não? Durante os dez anos de ligação entre Robbie e Kilmarnock. Hoje ele deixa o clube, mas estará para sempre em nossos corações.
       
      A contratação
      Angus, seu amigo de longa data, começou o brinde:
      _ Ao nosso Keane, que não é o irmão do Roy! O irlandês mais escocês que essas colinas já vira. Seja bem-vindo a vida mansa, companheiro. Brincou o ruivo McDonald.
      _ Senhores, senhores, ainda não estou no ritmo de férias, passei apenas para vê-los. Amanhã, iniciarei o módulo final do curso para retirar a Licença Pro Continental. Contestou Robbie e continuou. Como anda as coisas no nosso Killie?
      Neste momento, uma figura imensa entra no pub e um silêncio se impera. Alguns cochichos nos grupos, mas ninguém volta a conversar até que o recém-chegado anuncia aos brados:
      _ Cerveja liberada até eu sair!
      E chegando-se a mesa de Robbie gritou, em bom e velho galês:
      _ Dea-oíche, mister Robbie. Serei direto, para que possamos beber tranquilamente. Meu nome é Billy Bowie, sou descendente de Arthur Guinnes e CEO da cervejaria. O nosso amigo Angus me convenceu a patrocinar um projeto em que você é a figura principal, pelo nome e história.
      Robbie demonstrou surpresa, mas aguardava aquele encontro há muito tempo. Tudo corria conforme esperado.
       
      Kilmarnock  FC
      O Clube leva o nome dessa cidadezinha bem de boas, no leste escocês, a poucos quilômetros de Glasglow. Fica próxima ao Castelo de Turnberry, onde Robert The Bruce nasceu e cresceu.
      A cidade possui pouco mais de 45.000 habitantes e deu ao mundo o whiske Jhonnie Walker. Ocorre que em 2009, a atual dona da marca tirou a centenária fábrica de Kilmarnock, o que gerou protestos, mas não teve jeito. Por isso, em nossa história, a também centenária cervejaria Guinnes é que irá patrocinar o clube. Afinal, eles estão buscando criar raízes na terra da aguardente vermelha.
      Também em Kilmarnock viveu um cara chamado Alexander Fleming que ganhou o Nobel da Medicina por criar uma coisa não muito útil chamada Penicilina.
      Já o clube é apenas o profissional mais velho da Escócia, o que me fez acreditar que eu fazia parte do Clube dos Pioneiros, mas daí eu vi que o clube mais antigo do Queens Park FC, que agora é um time semiprofissional. Já adiantando, Queens Park é nosso parceiro.
      Enfim, o Killie como é chamado, conquistou um escocesão em 1964/65, três copas da Escócia 1919/20, 1928/29 e 1996/97, além de uma copa da Liga em 2011/12.
      Jogamos no acanhado, mas aconchegante Rugby Park, com capacidade para 18.128 torcedores.
      O presidente do Clube, Billy Bowie, que na nossa história é dono da Guinnes, na vida real é dono de uma empresa de transporte de resíduos e talvez não seja um bilionário.
       
      Regras, objetivos e curiosidades do save:
       
×