Jump to content
Sign in to follow this  
AlexVivas

Alphabet Challenge - Comunicado: Fim de Save (18/05)

Recommended Posts

baltazar

Parabéns pelo títulos, finalmente copou tudo, mas também, é praticamente a seleção jogando a liga do país. ^^

Gostei bastante tbm dessa parte falando dos jogadores, títulos e principalmente da coletiva de imprensa, que é algo que no FM acaba deixando a desejar com o passar do tempo, já que fica bem repetitivo.

Vamos ver o próximo desafio, esse save promete demais com tantos clubes que terá de passar ainda.

Boa sorte na continuação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
thyagocda

Desafio insano... começando a acompanhar... Me lembro que antigamente eu gostava de saves assim e era legal pq eu pesquisa e aprendia um pouco mais sobre os países e suas culturas locais e isso ajudou muito a abrir minha mente e me adaptar... Quando tive que sair do Rio para morar em Minas... depois Goiás e agora no Tocantins kkkkk Era como tivesse mudando de time no FM :D:D:D Boa Sorte na continuação.

Share this post


Link to post
Share on other sites
zk01

Muito legal seu save Alex!!Vai passar um tempinho ocupado!!Nunca tinha ouvido falar dessa liga,pena não classificar pra liga dos campeões do caribe,tô curioso pra saber o próximo destino!!Boa sorte na continuação!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para mission 1"A" DE AMOR

MISSÃO 1-2 = PREPARATIVOS E ROTEIRO DE VIAGEM

Ao findar o meu vínculo com o Grenades, regressei ao Brasil e atualizei meu currículo no Centro de Emprego:

Citar

Licença de Treinador: Nacional C

Experiência Profissional:

  • Clube: Jennings Grenades United (Antígua e Barbuda)
  • Período: de Julho/2016 a Junho/2019
  • Títulos: 4 ( 1x ABFA Premier League; 3x ABFA Champions League )

Outras Conquistas:

1º colocado no Quadro de Honra de Antígua e Barbuda

 

mala-com-antigua-barbuda-bandeira-clip-arte_csp17925229.jpg ROTEIRO DE VIAGEM ( consulte aqui )

Antes de ir às novas entrevistas, inauguro a nova seção, que surgirá no período entre-países:

PONTOS TURÍSTICOS (onde ir)

  • Antigua's Donkey Sanctuary - é isso o que vocês entenderam: "Santuário dos Burros";

 

  • Shirley Heights - sem palavras sobre esse lugar, as imagens falam por si;

 

  • Fort Barrington - uma coisa que eu curto de monte são locais históricos, e o forte é incrível, com uma vista ainda mais incrível;

 

  • e para quem curte uma praia, dá uma olhada no vídeo abaixo:

 

GUIA DE ALIMENTAÇÃO ( o que comer )

Na hora da fome, a ilha é bastante democrática, reunindo cozinhas de todos os tipos. Por estar próxima ao oceano, a comida típica envolve frutos do mar, sempre frescos. A pimenta caribenha também é um dos carros-chefe e a marca produzida em Antigua e Barbuda é chamada de Susie's Original.

Outra produção pelo qual são conhecidos é o rum, ideais para levar de presente ou para um brinde nas noites calorosas. Geleia de goiaba, geleia de abacaxi, tamarindo em conserva e café aromático também são vendidos em toda a ilha.

Entre os pratos típicos, se destaca o Cou-Cou, de origem africana. A receita é composta de farinha de milho e quiabo, acompanhado de peixe frito ou cozido no vapor, mas também pode ser substituído por carne enlatada ou ensopada. 

Resultado de imagem para Antigua Coo-Coo

HOTÉIS ( onde dormir )

"Morei" no Table d'Hote Cottages, um simpático hotel 3 estrelas de Saint John durante todo o meu contrato com o Grenades. A senhora Nicky - a proprietária - e sua família são tão amistosos e gente fina que, mesmo quando a diretoria me propôs alugar um apartamento, preferi ficar.

table-d-hote-cottages.jpg A proprietária do Table d'Hote Cottages, Sra. Nicky, no aguardo dos hóspedes.

 

Edited by AlexVivas

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para mission 1"A" DE AMOR

MISSÃO 1-2 = PREPARAÇÃO - CENTRO DE EMPREGO

Com meu currículo devidamente atualizado, foi só aguardar as propostas de entrevista. Dentre os convites, clubes como o Golden Arrows (África do Sul) e San Nicolaas (Aruba)Al-Okhdood e Al-Rabie (Arábia Saudita), inclusive com o Presidente do Al-Rabie me fazendo uma pergunta muito interessante, a mesma sendo replicada nas demais entrevistas:

UJ6jnJl.png

Continuando, Naftëtari Kuçove e Veleçiku Koplik (Albânia), e os gigantes Shirak (Armênia) e o Time B do Stuttgart (Alemanha). Será que partirei do Caribe direto para a Bundesliga ?

s3D6w0K.png

No fim, recebi as propostas finais de Al-Rabie (Arábia Saudita), WA Boufarik (Argélia) e Karvan Yevlax (Azerbaijão), além dos clubes Albaneses mencionados acima, então coloquei os casacos e meias na mala e parti para a Europa. Não é dessa vez que irei à Alemanha ou para a Armênia, mas vou rumo a um país que acho bem simpático.

Sejam bem vindos a ANDORRA !!

Resultado de imagem para bandeira Andorra

Resultado de imagem para escudo Saint Julià

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Andorra, que surpresa! Vai ser um desafio simpático. Não conheço nada da liga nem dos times (coisas que provavelmente vai trazer no próximo post), mas acredito que vá ser no mesmo nível de Antígua e Barbuda.

Aliás, belo post de curiosidades o que você fez, curti muito mesmo, parabéns!

Share this post


Link to post
Share on other sites
baltazar

Vamos ver como se sairá em Andorra, fiz um save lá e até cheguei a postar na PM, mas desanimei com o nível do país, claro que apelei demais por querer jogar só com a base, então acredito que vai ser bem melhor podendo contratar.

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para coletiva de imprensa

Ao assumir o Saint Julià, marquei presença na coletiva do Fórum Manager, com os managers @marciof89 e @baltazar.

Porém, inicio essa coletiva dando o meu MUITO OBRIGADO ao manager @LuisSilveira pelo voto BRONZE no Save do Mês. Não imaginei esse resultado em tão pouco tempo de saga.

Deixemos de enrolação e vamos ao bate papo:

Em 06/08/2018 at 23:31, marciof89 disse:

Andorra, que surpresa! Vai ser um desafio simpático. Não conheço nada da liga nem dos times (coisas que provavelmente vai trazer no próximo post), mas acredito que vá ser no mesmo nível de Antígua e Barbuda.

Aliás, belo post de curiosidades o que você fez, curti muito mesmo, parabéns!

Bota desafio nisso !! Com certeza o nível é bem maior que Antígua, pois estamos falando de Europa, onde creio que todas as ligas levam aos torneios continentais.

Criei o Roteiro de Viagem para informar um pouco da cultura do país em questão, servindo como uma pequena base para alguém se aventurar na vida real.

Obrigado pelo apoio!

Em 10/08/2018 at 12:45, baltazar disse:

Vamos ver como se sairá em Andorra, fiz um save lá e até cheguei a postar na PM, mas desanimei com o nível do país, claro que apelei demais por querer jogar só com a base, então acredito que vai ser bem melhor podendo contratar.

Boa sorte.

 Verdade, Baltazar. Como dito ao Márcio, o nível aqui é outro, por vezes acho que dei um salto muito grande na carreira. Mas quero desafios !!

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para mission 1"A" DE AMOR

1-2 = U.E. SANT JULIÀ (ANDORRA)

CHEGADA AO CLUBE

Depois de um breve período de férias, tomei um vôo da Iberia para Barcelona (Espanha), e depois de 13 horas de viagem, um "passeio" de carro de apenas 2 horas e meia até a cidade de Saint Julià de Lòria, onde fica a sede da Unió Esportiva Sant Julià.

ihX2WfY.png

9oq6FBX.png

12 títulos impõem respeito (eu acho). Curti o lado "copeiro" e decidi tomar por base o período 2008-2011, onde o time foi campeão da Primera Divisió, bicampeão da Supertaça de Andorra, e tri da Copa Constitució. Isso me fez também concluir que posso ter dado um salto grande demais, saindo de um clube "local" para um de âmbito continental. O desafio vai ser grande.

O Sant Julià manda seus jogos no Estadi Comunal d'Andorra la Vella (no FM), com capacidade para 1.300 torcedores.

Resultado de imagem para Estadi Comunal Andorra la Vella

COMPETIÇÕES

Resultado de imagem para Andorra Primera Division           Primera Divisió: Nível = 1/3; Clubes = 8; Jogos = 27 (3 turnos de 7 + Playoffs com 6 jogos); Sistema = pontos corridos

Previsão da Diretoria = qualificar-se para a UEFA Europa League

Resultado de imagem para Copa ProtecvallCopa Constitució Protecvall: Clubes = 16; Jogos = 1 a 4; Sistema = eliminatório

Previsão = chegar na Semi-Final

A diretoria está exigente, me cobrando disputar a liga continental na próxima temporada. Já entendi: neste ano o clube completa 25 anos de história. Eu já disse que o desafio vai ser grande??

*clique no logotipo para visualizar as regras do torneio.
 

TÁTICAS

O esquema inicial será o 3-4-3 da fase vitoriosa do Grenades, com leves mudanças nas funções (conforme o jogador) e nas instruções coletivas (conforme o jogo).

ELENCO PRINCIPAL

4TtMMDD.png

Dentre os contratados, conseguimos trazer 3 jogadores do Grenades: o zagueiro Ken Phillip, o meia central Ivor Stanley e o atacante Akeem McCoy. Os principais me rejeitaram. Pois é, amigos managers, criei um monstro. Com exceção dos Antiguanos, destaco Rafael Brito no comando da zaga, e no poder ofensivo do meia Diego Marinho e do experiente centroavante Pandoro.

FINANÇAS

VTABwCO.png

O orçamento inicial é uma beleza!! Porém, mais dinheiro, mais responsabilidades.

 

JOGOS

F3viysD.png   ZrySx2m.png

hTj3UJb.png

hZBBnmH.png

DESTAQUES

Resultado de imagem para positivo

  • a pré-temporada foi incrível. Assumi o clube a partir do jogo contra o Rodez Aveyron, já marcado pela antiga gestão. O destaque é nos 4 últimos jogos: o preparativo para a Liga Europa (FC Andorra e Olot, espanhóis; e o time reserva do gigante francês Montpellier) e o massacre no Engordany, que eliminou o Sant Julià na última Copa;
  • Akeem McCoy destacou-se em sua estréia na Europa, marcando 9 gols, mais até que seu companheiro Pandoro (6). Ken Phillip foi o melhor da Liga em desarmes chave.

Resultado de imagem para negativo

  • terei de ver o que há de errado na tática, pois aqui também tivemos a pior defesa do campeonato;
  • Lusitanos é beeeeem superior ao Empire FC e foi impiedoso ao nos vencer nos 5 jogos disputados, com direito a goleadas nos três primeiros. Acho que 3 anos aqui vai ser pouco.

 

É isso aí, pe-pessoal!! Será que disputaremos a Liga Europa?? Isso eu respondo no próximo post!!

Grande abraço !!

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
LuisSilveira

Reconhecemos quando vemos um bom trabalho. ?

 

Andorra! Sou totalmente ignorante quanto ao futebol de lá. Qual é a maior potência do país?

O time ainda tá bem irregular. Será que 3-4-3 é mesmo o melhor para esse time?

Acompanhando. Boa sorte! 

Share this post


Link to post
Share on other sites
CCSantos

Achei que dava pra ir pra outros lugares. Anguilla (ali até eu não sei se tem liga), Afeganistão (com a Roshan Super League, que é uma mini-liga de quatro equipes), o próprio Al-Rabbea, e os times da Albânia,mas sobretudo o Karvan eram mais interessantes por ora (no caso azeri, pois conheço o domínio do Qarabag, Qabala, Netfçi e Inter Baku, todos da capital, enquanto o Karvan é do interior do País, que nem o Zira, por exemplo).

Pegou um dos quatro fortes de Andorra - o mais fraco, porém, pois está atrás dos dois Santa Coloma (UE e o FC), mas principalmente do Lusitans, time que tem em sua maioria, portugueses. No 'Desafio: Europa', quase fui pra Andorra, onde assumiria justamente o Sant Juliá, mas ele não estava em crise ou na 2ªDivisão, por isso não fui, mas conheço bem a liga e os clubes.

Pelo visto, você passou entre os quatro primeiros - vou chutar a ordem: Campeão: Lusitans; Vice: FC Santa Coloma; Terceiro: Sant Juliá e Quarto: Jenlai, que chegou de gaiato, tirando o UE Santa Coloma. Pegou a última vaga do País pela tabela, mas pode ter sido FC Santa Coloma e Lusitans na final, o que não seria questionável, e assim dando vaga para o Jenlai -pela boa campanha no final do 1ºe início do 2ºturno.

Parabéns pela vaga na Liga Europa. Acho que pegou um time interessante. A dica é olhar, principalmente na movimentação de jogadores do Lusitans.

Abraço!

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Boa garoto, já chegou novamente fazendo um bom trabalho, e arrisco dizer que foi pra Liga Europa sim, o suspense parece que entrega a paçoca pra isso hahaha porém realmente o Lusitanos é um time bem mais forte que os outros do país, e talvez você tenha mais trabalho do que teve no país anterior. De qualquer forma, muito bom seu desempenho. Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
baltazar

Já chegou fazendo um excelente trabalho, desempenho da equipe foi muito bom.

Agora é reforçar ainda mais para na próxima temporada buscar uma vaga na UEL ou quem sabe título e com isso ir pra UCL.

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
MitoMitológico

A ideia do save vem sendo muito bem executada, passando por vários times do planeta, colocando vários diários de viagem... só acho que o save só será concluído se apressar um pouco mais, pois são quase 200 países para se jogar, o que eu acho difícil.

Fez um trabalho de muito sucesso na Antígua, com 1 título Nacional e 3 títulos de continente, é isso? Com certeza fez um bom legado por lá.

Já jogar em Andorra parece ser um bom desafio, e é um País que pela língua e por outras coisas, lembra um pouco a Espanha e a Catalunha(parece até a relação de San Marino com a Itália e Liechtenstein com a Suíça)

Está na disputa por uma vaga na competição continental. Veremos o que acontecerá na sequência e se irá conseguir essa vaga.

Boa Sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
zk01

Lá vamos nós pra Andorra!!Apertem os cintos!!Gostei das fotos de Antigua,futebol é cultura!!Boa sorte na continuação!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para coletiva de imprensa

A caminho de mais uma temporada no comando do Saint Julià, honro meu primeiro compromisso, que é marcar presença na coletiva do Fórum Manager, que vai ficando melhor:

Em 16/08/2018 at 08:10, LuisSilveira disse:

Reconhecemos quando vemos um bom trabalho. ?

 

Andorra! Sou totalmente ignorante quanto ao futebol de lá. Qual é a maior potência do país?

O time ainda tá bem irregular. Será que 3-4-3 é mesmo o melhor para esse time?

Acompanhando. Boa sorte! 

Eu que agradeço o reconhecimento, caro colega @LuisSilveira. Ainda tenho muito trabalho pela frente, mas fico mais alegre com o apoio de outros managers.

Sobre o futebol Andorrano, acho que fica no nível da Série B do Brasil, não tenho certeza. A principal equipe do país é o Lusitans, clube Andorrano-Português, utilizando em seu escudo e uniformes as mesmas cores de Portugal, além de possuir vários jogadores de origem lusitana.

Com certeza terei de mudar a tática, pois o 3-4-3 não está tão efetivo como imaginava.

Em 16/08/2018 at 08:55, CCSantos disse:

Achei que dava pra ir pra outros lugares. Anguilla (ali até eu não sei se tem liga), Afeganistão (com a Roshan Super League, que é uma mini-liga de quatro equipes), o próprio Al-Rabbea, e os times da Albânia,mas sobretudo o Karvan eram mais interessantes por ora (no caso azeri, pois conheço o domínio do Qarabag, Qabala, Netfçi e Inter Baku, todos da capital, enquanto o Karvan é do interior do País, que nem o Zira, por exemplo).

Pegou um dos quatro fortes de Andorra - o mais fraco, porém, pois está atrás dos dois Santa Coloma (UE e o FC), mas principalmente do Lusitans, time que tem em sua maioria, portugueses. No 'Desafio: Europa', quase fui pra Andorra, onde assumiria justamente o Sant Juliá, mas ele não estava em crise ou na 2ªDivisão, por isso não fui, mas conheço bem a liga e os clubes.

Pelo visto, você passou entre os quatro primeiros - vou chutar a ordem: Campeão: Lusitans; Vice: FC Santa Coloma; Terceiro: Sant Juliá e Quarto: Jenlai, que chegou de gaiato, tirando o UE Santa Coloma. Pegou a última vaga do País pela tabela, mas pode ter sido FC Santa Coloma e Lusitans na final, o que não seria questionável, e assim dando vaga para o Jenlai -pela boa campanha no final do 1ºe início do 2ºturno.

Parabéns pela vaga na Liga Europa. Acho que pegou um time interessante. A dica é olhar, principalmente na movimentação de jogadores do Lusitans.

Abraço!

Pois é, @CCSantos, acredito que dei um salto grande demais no começo de minha carreira. Mas uma proposta de um time numa região bem interessante como Andorra pareceu-me irrecusável. 

Sobre o Saint Julià, gostei do desempenho geral dos atletas, mas diante dos "rivais" tenho um desafio enorme. Ainda não entendi nossa classificação para a Liga Europa pois fiquei na Semi-Final da Copa. Vou ler o regulamento da Liga com mais calma.

O meu "garimpo" de jogadores segue a ordem: Seleção, Liga, e Melhor Clube. Fiz isso no Grenades e deu muito certo, e aqui não será diferente. Muito obrigado pelo apoio !!   

Em 18/08/2018 at 18:18, marciof89 disse:

Boa garoto, já chegou novamente fazendo um bom trabalho, e arrisco dizer que foi pra Liga Europa sim, o suspense parece que entrega a paçoca pra isso hahaha porém realmente o Lusitanos é um time bem mais forte que os outros do país, e talvez você tenha mais trabalho do que teve no país anterior. De qualquer forma, muito bom seu desempenho. Boa sorte!

Verdade, eu estraguei a surpresa, não? E concordo plenamente, o Lusitans é mais forte e hegemônico do que o Empire, portanto a missão aqui será grande. Obrigado por acompanhar nossa jornada ao topo !!

Em 20/08/2018 at 11:28, baltazar disse:

Já chegou fazendo um excelente trabalho, desempenho da equipe foi muito bom.

Agora é reforçar ainda mais para na próxima temporada buscar uma vaga na UEL ou quem sabe título e com isso ir pra UCL.

Vamos ver o que acontece.

Boa sorte.

Obrigado, amigo @baltazar, eu também curti a performance do time nesse primeiro ano. 

Minha real intenção não é chegar às Ligas Continentais e sim somente ser campeão nacional e seguir viagem, afinal é o objetivo principal de minha carreira. Mesmo assim agradeço o apoio.

Em 22/08/2018 at 17:53, MitoMitológico disse:

A ideia do save vem sendo muito bem executada, passando por vários times do planeta, colocando vários diários de viagem... só acho que o save só será concluído se apressar um pouco mais, pois são quase 200 países para se jogar, o que eu acho difícil.

Fez um trabalho de muito sucesso na Antígua, com 1 título Nacional e 3 títulos de continente, é isso? Com certeza fez um bom legado por lá.

Já jogar em Andorra parece ser um bom desafio, e é um País que pela língua e por outras coisas, lembra um pouco a Espanha e a Catalunha(parece até a relação de San Marino com a Itália e Liechtenstein com a Suíça)

Está na disputa por uma vaga na competição continental. Veremos o que acontecerá na sequência e se irá conseguir essa vaga.

Boa Sorte.

Vários times, colega @MitoMitológico ? Eu só estou no 2º !! Sobre o save, acho que a dinâmica está legal, onde um país será bem rápido e outro não, não me desanimando ou ficando maçante.

Quanto aos títulos, foram 1 Liga Nacional (ABFA Premier League) e 3 Copas da Liga (ABFA Champions League), me colocando no topo dos treinadores e o Grenades como melhor clube no momento.

Sobre o país, aqui está a página da Wikipedia contando com detalhes a sua origem. Em resumo é um território Hispano-Francês, tendo também ligação com Portugal, daí os idiomas catalão, espanhol, francês e português como oficiais. Nesse ponto se assemelha à Suíça, onde se fala alemão, francês, italiano e romanche.

Continue nos acompanhando e terá fortes emoções. 

Em 24/08/2018 at 09:40, zk01 disse:

Lá vamos nós pra Andorra!!Apertem os cintos!!Gostei das fotos de Antigua,futebol é cultura!!Boa sorte na continuação!!

"E lá vamos nós!!" - parafraseando a bruxa do Pica-Pau - e o meu Roteiro de Viagem é para vocês conhecerem onde estou e quem sabe ir para lá de verdade??

Muito obrigado por acompanhar!

Com muita alegria quero encerrar esta coletiva agradecendo a você, @marciof89, que está presente, e ao manager @TicianoB por terem votado Bronze no "Save do Mês" nesta saga. Muito Obrigado !!

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para mission 1"A" DE AMOR

1-2 = U.E. SANT JULIÀ (ANDORRA)

PREPARAÇÃO

Aos poucos vamos evoluir em busca do título nacional. Este ano disputaremos a UEFA Europa League, de âmbito continental.

COMPETIÇÕES

Resultado de imagem para Andorra Primera Division Primera Divisió = qualificar-se para a UEFA Europa League;

Resultado de imagem para Copa ProtecvallCopa Constitució = chegar na Semi-Final;

Logo_Liga_Europa.png UEFA Europa League = chegar na 2ª Eliminatória.

TÁTICAS

Resolvemos treinar uma formação mais defensiva baseada no 4-3-3 para melhorarmos nosso desempenho contra equipes mais fortes. Clique na tática para visualizar suas instruções.

Tatica-02.png

ELENCO PRINCIPAL

2020---Transferencias-01.png

A Diretoria "fez o favor" de vender Iñaki Tuñas, zagueiro muito promissor, e não satisfeita, desfez o ataque liberando Roberto dos Santos Pandoro. Como podemos observar, "repatriei" Tuñas e Pandoro na janela de Janeiro.

Os destaques são o meia veterano Akeem Grant comandado por mim no Grenades visando tutoria de jovens e integração ao staff na aposentadoria; o vice-artilheiro de 2019 Francisco Javier Moreno vindo do rival Santa Coloma FC; e o ponta esquerdo titular da Seleção Sergio Sierra, do Santa Coloma UE.

ESTRUTURAS

2019---Melhora-academia-de-jovens-01.png

Este ano terminam as obras de melhoria do CT dos jovens, pedido feito por mim. O valor foi pago com recursos próprios.

JOGOS

Calendario-02.png Calendario-03.png

Calendario-04.png

2020---Classificacao-final.png

DESTAQUES

Resultado de imagem para positivo

  • a pré-temporada foi ótima no começo, mas em Janeiro tivemos esse passeio do Montpellier depois de um 2 a 2 no "1º Turno". O placar não condiz com o equilíbrio entre as equipes;
  • apesar das derrotas, gostei do desempenho na Liga Europa contra o vice-campeão da elite Norueguesa, Molde. Levar "só" 3 gols lá na Noruega é para se alegrar;

       ( Molde - ida )  ( Molde - volta )

Resultado de imagem para Aker Stadion Molde

Aker Stadion, a arena do FK Molde. Clique na imagem para ver o interior.

Resultado de imagem para negativo

  • mesmo mantendo a 4ª posição - como em 2019 - fizemos uma campanha bem pior, fazendo menos pontos (30 a 34), vencendo menos (7 a 9) e levando 5 goleadas impiedosas do Lusitans; por outro lado, 2 derrotas mínimas e 3 empates no forte Santa Coloma FC nos assegurou como 3º melhor clube do país;
  • acrescentando: NÃO iremos à Liga Europa em 2021;
  • para terminar a sofrência: piores goleiros da Liga de novo.

 

Vamos ver o que consigo fazer em 2021 para reverter esse quadro, senão vou ficar 10 temporadas por aqui (...)

Mais uma vez o meu muito obrigado aos amigos que lêem, acompanham e comentam nessa humilde odisséia !!

Grande abraço !!

 

 

 

 

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
marciof89

Nossa, o Lusitans fez 71 pontos e não perdeu uma única vez, que loucura hahaha

Pena não ter classificado para a Liga Europa, realmente vai ter que acertar bastante a equipe se pretende completar esse objetivo.

Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
LuisSilveira

Uma temporada um tanto irregular, com uma sequência até dando lugar a uma baita queda de rendimento depois da virada dos anos. Você tem feito alguma alteração tática pra frear isso? Percebi também que você deixou a maioria dos seus jogadores em funções mais genéricas. Há algum motivo para não adotar posições especializadas?

Talvez seja uma ideia interessante bolar uma tática específica anti-Lusitans. Só as derrotas acachapantes pra eles devem ter custado a vaga na Liga Europa.

No mais, elogio mais uma vez a organização e o pragmatismo do seu post. Parabéns!

Boa sorte! Não desanima!

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
MitoMitológico

Foi uma temporada de dificuldades hein. Com uma extrema irregularidade, e muitas sequências sem vitórias, além de uma peneira na defesa, o Sant Julià mereceu ficar sem a vaga para a Liga Europa. Uma pena. Vai ter que melhorar MUITO para na próxima temporada ser diferente, e o que dificulta mais é o fato do clube ser amador.

Mas é disso que gostamos, muitas dificuldades haha

Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Lanko

Meu Deus do céu, que desafio é esse???

Quantos países existe no mundo? Esse é um tipo de desafio que vai demorar anos, não é mesmo? 

Será que dá mesmo pra cumprir? Acho que só de ganhar a 1a divisão de todos com a letra A recomeçando do zero toda hora já vai ser o suficiente pra eu bater palmas pra você hahaha.

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para coletiva de imprensa

Antes dos preparativos para a temporada 2021/2022, marquei minha presença na coletiva do Fórum Manager, onde damos as boas vindas ao manager @Lanko:

Em 17/09/2018 at 22:02, Lanko disse:

Meu Deus do céu, que desafio é esse???

Quantos países existe no mundo? Esse é um tipo de desafio que vai demorar anos, não é mesmo? 

Será que dá mesmo pra cumprir? Acho que só de ganhar a 1a divisão de todos com a letra A recomeçando do zero toda hora já vai ser o suficiente pra eu bater palmas pra você hahaha.

Caro colega, esse é o desafio mais ousado que já vi na história do Football Manager, e dessa vez resolvi me aventurar.

Sobre a quantidade de nações, passam de 200, e com certeza afirmo que devo concluir dentro de 1 a 2 anos de tempo real. E reiniciarei o jogo somente após finalizar todos os países da letra, por exemplo, na letra A tem cerca de 16 países, então recomeço quando ir para a letra B.

Obrigado pelas perguntas e por acompanhar.

Em 12/09/2018 at 03:10, marciof89 disse:

Nossa, o Lusitans fez 71 pontos e não perdeu uma única vez, que loucura hahaha

Pena não ter classificado para a Liga Europa, realmente vai ter que acertar bastante a equipe se pretende completar esse objetivo.

Boa sorte!

Pois é @marciof89, o Lusitans está montando um verdadeiro esquadrão visando a Champions, o tornando bem difícil de ser batido no país. A classificação para o continental é um detalhe, pois pretendo unicamente ser campeão nacional. Obrigado pelo apoio.

Em 12/09/2018 at 08:38, LuisSilveira disse:

Uma temporada um tanto irregular, com uma sequência até dando lugar a uma baita queda de rendimento depois da virada dos anos. Você tem feito alguma alteração tática pra frear isso? Percebi também que você deixou a maioria dos seus jogadores em funções mais genéricas. Há algum motivo para não adotar posições especializadas?

Talvez seja uma ideia interessante bolar uma tática específica anti-Lusitans. Só as derrotas acachapantes pra eles devem ter custado a vaga na Liga Europa.

No mais, elogio mais uma vez a organização e o pragmatismo do seu post. Parabéns!

Boa sorte! Não desanima!

 

Amigo @LuisSilveira, acredito que o câmbio tático no geral foi o culpado porque só o usei em jogos específicos. Sobre as funções, altero de acordo com o jogador, de jogo para jogo.

Sobre o Lusitans, acredito que só fortalecendo o elenco para conseguir enfrentá-lo em pé de igualdade. Esperamos reverter esse quadro logo.

Obrigado pelo elogio, que me anima a melhorar a qualidade da minha escrita.

Em 17/09/2018 at 20:48, MitoMitológico disse:

Foi uma temporada de dificuldades hein. Com uma extrema irregularidade, e muitas sequências sem vitórias, além de uma peneira na defesa, o Sant Julià mereceu ficar sem a vaga para a Liga Europa. Uma pena. Vai ter que melhorar MUITO para na próxima temporada ser diferente, e o que dificulta mais é o fato do clube ser amador.

Mas é disso que gostamos, muitas dificuldades haha

Boa sorte!

 Verdade, amigo @MitoMitológico, o Saint Julià é semi-profissional, o que limita nosso crescimento, e a diretoria está irredutível sobre isso. A Liga Andorrana tem muito equilíbrio entre os maiores clubes, daí a dificuldade. Mas eu não pedi facilidade, certo? Obrigado pela força !!

Mais uma vez agradeço a presença de todos nesta coletiva, e vamos aos trabalhos !!

Share this post


Link to post
Share on other sites
AlexVivas

Alphabet-Challenge.jpg

Resultado de imagem para mission 1"A" DE AMOR

1-2 = U.E. SANT JULIÀ (ANDORRA)

PREPARAÇÃO

Após o "péssimo" desempenho na temporada passada, decidimos reformular o time.

COMPETIÇÕES

Logo_Liga_Europa.png

Como dito anteriormente, não estaremos na Liga Europa este ano, mas tivemos um balanço positivo, subindo 8 posições e ocupando o 439º lugar. É legal estarmos à frente de clubes como Ararat (Armênia), Fola Esch (Luxemburgo - alô, @CCSantos), o rival UE Santa Coloma e os mais tradicionais Derry City e Sligo Rovers (Irlanda).

2021---Ranking-Europa.png

No mais, mantivemos as previsões de 2020:

Resultado de imagem para Andorra Primera Division Primera Divisió = qualificar-se para a Europa League;

Resultado de imagem para Copa ProtecvallCopa Constitució = chegar na Semi-Final;

TÁTICAS

Mais um câmbio tático. Analisei o esquema da Seleção Nacional e trouxe para o Saint Julià. Clique na tática para ver suas instruções.

2021---Tatica.png

 

ELENCO

2021---Transferencias.png

Mantendo o sistema Seleção - Melhores da Temporada - Melhor Time, lá vem os reforços!! Abaixo os destaques dessa turma:

  • Alexandre Farinha (goleiro, Jenlai) = o goleiro mais jovem entre os menos vazados. Assume a titularidade e será tutorado pelo Dani Vinardell;
  • Diogo Filipe (zagueiro, FC Santa Coloma) = chegou em Janeiro e manteve o alto nível, liderando em desarmes chave e desbancando Federico Díaz Félix Lorente, defensores da Seleção;
  • Érico Lemos (zagueiro/volante/meia, Lusitans B) = dispensado, o versátil defensor vem para o presente - e futuro - do Saint Julià;
  • Yanis Simon (volante/meia, Jenlai) = mais um meia defensivo promissor e de qualidade chega ao time;
  • Luís Marciano (meia/ofensivo, Lusitans B) = futuro sucessor de Diego Marinho no setor ofensivo. Será tutorado por ele e jogará ao seu lado este ano;
  • João Oliveira (atacante, Lusitans B) = mais um jovem do gigante Lusitans chegando. Foi um dos artilheiros do campeonato Sub-19;
  • Adolfo Muñoz (meia ofensivo/atacante, Jenlai) = o artilheiro da liga nacional muda de lado em 2022.

JOGOS

2021---Calendario-01.png 2021---Calendario-02.png

2021---Calendario-04.png

2021---Classificacao-final.png

Apesar dos 16 pontos atrás do (mais uma vez) campeão Lusitans, chegamos na vice-liderança, "rapeize" !!

ESTATÍSTICAS

Gols - Adolfo Muñoz = 13

Assistências - Adolfo Muñoz = 7

Desarmes Chave - Diogo Filipe = 14

Passes Chave - Adolfo Muñoz = 33

Gols Sofridos - (tiveram menos de 18 jogos)

Melhor em Campo - Rafael Brito = 4

Nota Média - Adolfo Muñoz = 7,15/26 jogos 

DESTAQUES

Resultado de imagem para positivo

  • Os principais reforços elevaram o Saint Julià ao mesmo nível de seus rivais FC Santa Coloma e Lusitans. Podemos perder mas não somos mais dominados;
  • Segue abaixo o teste para cardíacos: 16 a 15 nos pênaltis contra o FC Santa Coloma pela Copa Constitució;

Resultado de imagem para negativo

  • vínhamos com boas sequências, mas perdemos pontos preciosos contra o Engordany (jogo 05 e jogo 19) e fomos abatidos pelos maiores rivais na reta final (jogo 15, jogo 16, jogo 26 e jogo 27). Esses vacilos tiraram nossa chance de título.

*Só faltam os "Extras" que postarei amanhã ou depois, mas o principal está aí.

Acho que no próximo ano temos chances maiores. E vocês? 

Grande abraço aos managers que leem, curtem, comentem e acompanham nossa trajetória, e muito obrigado !!

Share this post


Link to post
Share on other sites
LuisSilveira

Inevitável perder para o Lusitans nesse ponto. Parece que há algum abismo na qualidade do elenco deles em relação ao resto de Andorra. Tô curioso pra saber como eles vão se comportar na Europa League.

Não lembro de já ter visto um 16x15. Até você deve ter batido um pênalti nessa.

Objetivos parciais alcançados, a coisa tá melhorando. Bom jogo!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Cadu França

Baita evolução nessa temporada e bacana ver como pensa na montagem de elenco. Segue critérios que também tenha costume, boa sorte na próxima temporada.

Share this post


Link to post
Share on other sites

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

Sign in to follow this  

  • Similar Content

    • Tsuru
      By Tsuru
      Os celtas eram um conjunto de povos que ocupava grande parte do território da Europa por volta de 1.000 a.C., indo desde a atual Grã-Bretanha até o local onde hoje é a Turquia. Há muitas teorias sobre a origem e a expansão desses povos, mas é um período tão antigo que as raízes se perdem no tempo. É inclusive dessa época que surge a lenda do Rei Arthur, que teria liderado a resistência dos bretões celtas contra os romanos.
      Outro detalhe interessante é que, na cultura celta, "Brasil" era uma ilha mística situada em algum local do oceano, e a própria origem desse nome é céltica. Há quem acredite que os povos antigos já conheciam a origem do Brasil e que foram eles que introduziram, na cultura popular europeia, a informação de que existiam terras além mar cheias de riquezas e animais exóticos. Esse detalhe eu não sabia e quem compartilhou a informação foi o @Inner Logic.
      Entre outras coisas que se sabe concretamente, é notório que os celtas veneravam a natureza e que, entre seus pares, existiam os druidas, pessoas encarregadas das tarefas de aconselhamento, ensino, orientações filosóficas e jurídicas, e rituais religiosos. 
      Entre os druidas famosos, reais ou imaginários, estão o lendário Merlin e o Panoramix, que preparava a poção mágica do Asterix. E essa figura do druida sempre fascinou este que vos fala, o que levou a pesquisar mais sobre a cultura em questão e sobre sua história.
      Descobri, inclusive, que hoje existem seis nações apontadas como “célticas originais”, por manterem traços culturais ou de linguagem desse povo - País de Gales, Escócia, Irlanda, Bretanha (no norte da França), Cornualha (sul da Inglaterra) e Isle of Man (entre a Inglaterra e a Irlanda). Há ainda outras regiões onde a influência celta é considerada forte, como o Norte de Portugal, as regiões da Galícia e Astúrias na Espanha, e a antiga Gália (atuais França, Bélgica e norte da Itália). E há ainda territórios ocupados por antigas tribos celtas onde pouco se sabe sobre o legado deixado por eles, como o sul da Alemanha/Áustria e diversos países do Leste Europeu.
      No futebol, talvez a influência mais clara desses povos seja o Celtic FC da Escócia, batizado com objetivo de propagar o orgulho que os fundadores tinham dessa origem.
      Já havia lido sobre a liga de futebol do País de Gales e sentido bastante vontade de experimentá-la, talvez porque seja um país muito associado aos druidas. E a ideia se complementou com a descoberta das nações célticas.
      Assim, narrarei a carreira de Drew Johnson, um treinador galês fictício sem qualquer experiência, apelidado de “O Druida” por ser um adepto do Neodruidismo.
      A jornada se iniciará na terra natal de Johnson, uma vila de 7 mil habitantes chamada Cefn Mawr (se lê "Kevin Maur"), localizada no condado de Wrexham.

       


       


      Carreguei todas as nações celtas “originais”, algumas delas representadas pelo país onde se situam, e escolhi outras para representar os territórios com forte influência céltica. 
      Na database original do FM, a liga galesa só tem a Welsh Premier League, a elite do futebol local; para dar um pouco mais de emoção, ativei a segunda divisão através do update do Classen.
      Foi necessário deixar alguns países de fora - por exemplo, Itália, Alemanha e Áustria - até porque não sei se meu notebook aguentaria o tranco. Só para garantir, diminuí a qualidade gráfica e tirei as animações, aparentemente o jogo está rodando sem problemas.
      Acho que, no geral, ficou bem representativo e com boas opções de progressão de carreira.
       

       
      Conquistar pelo menos um título por cada país onde passar; Conquistar um título invicto; Conquistar, em uma temporada, todos os títulos em disputa; Vencer a Liga dos Campeões da Europa; Vencer a Copa do Mundo; Me divertir.
       
       
      Nunca pedir demissão no meio de uma temporada;
      Se receber uma proposta e estiver empregado, priorizar a assinatura de novos contratos para o início da temporada seguinte, fazendo o máximo possível para não abandonar nenhum clube durante uma competição.
       
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Geralmente quando se fala em reforços para nossas equipes, buscamos sempre o melhor para a nossa equipe, não importando a nacionalidade. Se é uma boa contratação e o clube é capaz de arcar com financeiramente com ela, muitas vezes é uma decisão simples e direta, buscar a contratação e esperar os frutos serem colhidos ao longo da temporada. Essa é uma filosofia que tende a dar certo em qualquer nível do FM, mas ao jogarmos em divisões inferiores ou em ligas com uma reputação bem menor do que os grandes palcos europeus, esse tipo de abordagem traz consequências financeiras.
      A tendência quando jogamos em países estabelecidos e que o dinheiro flui tranquilamente, é não se preocupar com essa tipo de questão, mas em certos saves pode ser a diferença a longo prazo de uma equipe bem-sucedida ou então de algumas dificuldades ao longo do caminho. Infelizmente, o FM ainda não consegue lidar com os impactos financeiros em certos níveis de futebol praticados pelo globo, sempre tratando essas questões de uma maneira unidimensional. Se não tem dinheiro, o clube vai se afundando em dívidas e é vendido ou socorrido por uma diretoria injetando dinheiro. Não tem jogadores descontente porquê a equipe não tem dinheiro para pagar seus salários, não tem jogador querendo sair porquê tem medo do futuro da equipe.
      A decisão de se preocupar ou não com isso cabe ao jogador e sendo um jogador novo, casual, veterano ou hardcore, tudo depende do que queremos num save que criamos. Um save curto provavelmente não se beneficiaria de nada que vai ser falado aqui, mas essa é a beleza do Football Manager: milhares de jogadores que enxergam o jogo de milhares de maneiras diferentes. Esse texto é voltado para aqueles que gostam dos desafios das ligas menos tradicionais e para aqueles que jogam sempre começando do nível mais baixo da pirâmide do país escolhido. Contudo, não deixa de existir lições importantes para qualquer jogador de FM.
      Com orçamentos reduzidos, a importância de se acertar no mercado de transferências é muito maior do que quando você tem espaço para manobrar e corrigir erros e muitas vezes, para dar uma maior profundidade no elenco, não há como trazer todo mundo que você quer ou deseja e tem que se preocupar com o que seu clube pode pagar e quanto um salário para aquele jogador fenomenal pode lhe custar ao longo da temporada, principalmente se a diretoria começar a barrar aquelas contratações que você precisa para equilibrar o time, porque o orçamento já superou o limite imposto.
      Um grande jogador ou três jogadores para equilibrar o elenco? Trazer dois ou três jogadores para desequilibrar e serem o diferencial ou balancear a equipe e ter um elenco coeso? Para quem está chegando num clube que luta contra o rebaixamento ou que está querendo diminuir a diferença entre ele e os clubes do topo da tabela, essas são questões importantes que são levantadas em toda pré-temporada, dependendo da situação em que sua equipe se encontra.
      Por que não ter os dois? Provavelmente aqueles 25 mil euros que sua diretoria lhe deu a mais no orçamento são o motivo. Você achou 2 jogadores perfeitos, mas vai ter que se contentar com reservas ruins ou até titulares meia-boca para realizar esse sonho. Ou então vai ter que engolir as dificuldades e trazer jogadores um pouco piores, mas você estava precisando de quantidade e não qualidade naquele momento.
      Em alguns países e divisões, existe uma solução que vai lhe ajudar a ter as duas coisas ao mesmo tempo. O livre trânsito de pessoas na União Europeia é lindo e maravilhoso e isso gerou consequências muito importantes na dinâmica do futebol, fazendo com que os grandes talentos estivessem nas grandes ligas. O FM consegue recriar isso e muitas vezes, um elenco tem mais jogadores estrangeiros do que locais.
      A solução é simples e é o título lá em cima: apostar em jogadores locais. Se pegarmos jogadores de reputação similar e nível técnico similar, provavelmente você será capaz de contratar o jogador do seu país pela metade do salário (ou até menos) do que um jogador estrangeiro. Obviamente que quando um jogador local tem uma reputação maior ou está, por exemplo, jogando em uma liga ou divisão bem mais interessante que a sua, essa diferença provavelmente não importará, mas em condições normais, o talento local sempre será mais barato que o estrangeiro.
      E com isso, você pode fazer as duas coisas ao mesmo tempo: ter vários jogadores que podem desequilibrar, enquanto equilibra o seu elenco, fazendo com que a qualidade vá aparecendo tanto no seu onze inicial quanto no seu banco de reservas. Para exemplificar, veja a situação abaixo:

      O zagueiro Álvaro Molina e o zagueiro Lee Desmond apresentam a mesma Capacidade Atual e o último tem um potencial um pouco maior do que o primeiro. A diferença é que Molina é espanhol e Desmond é irlandês. Porém, a variação nas exigências salarias dos dois é bem interessante, já que Desmond exigirá metade do salário que Molina está pedindo. Ou seja, eu reforçaria com qualidade minha equipe e ainda sobraria espaço no orçamento para que eu continuasse trabalhando no mercado de transferências.
      Agora vamos observar o fenômeno oposto, um talento estrangeiro que é muito melhor do que um talento local.

      Reece Mitchell é bem mais jogador do que Will Hayburst e sem sombras de dúvidas é uma escolha muito mais simples do que Will para reforçar o time, porém, levando em conta o exemplo de um aumento de apenas 25 mil euros no orçamento salarial, utilizado acima, ao tentar contratar Hayburst, eu gastaria ao menos 1/3 desse dinheiro apenas com o salário do jogador. E ainda vale lembrar que Desmond e Mitchell tem as mesmas avaliações de CA e PA pelos olheiros, mas aí a diferença salarial aumenta para quase o triplo.
      Esses casos são apenas exemplo que demonstram que é possível juntar qualidade e quantidade na hora de reforçar sua equipe no mercado de transferências, é só começar a se preocupar com a origem dos jogadores e isso pode ter uma grande diferença nos elencos que você monta. Você pode ter 5 Desmonds ou 2 Hayburst no seu elenco, basta apenas saber como proceder melhor no mercado de transferências e você será capaz de montar equipes de qualidades gastando muito menos dinheiro.
    • DiegoCosta7
      By DiegoCosta7
      Alguém sabe me dizer porquê o FM não baixa o conteudo selecionado da oficina para ele ? (Eu estou inscrito em varios conteúdos mas o fm não baixa todos eles ou só baixauma parte do conteúdo que estou inscrito. Porquê isso acontece ?
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Reflexões, ponderações e filosofias
      Antes de falar do save em si, queria aproveitar o espaço para fazer um desabafo. Parece que a cada novo FM que surge eu vou perdendo cada vez mais o contato que eu tinha com o jogo no passado, mas vejo alguns exemplos de pessoas na mesma faixa de idade, mesma faixa de afazeres ou até em faixa maiores, jogando e tendo a boa e velha conexão com o jogo. Não sei se posso culpar o jogo em si ou culpar o jogo com relação a mim. Poderia ser pessoal, mas recentemente venho me divertindo no Football Manager 2008 e poderia facilmente migrar para o Football Manager Touch, que foi minha grande empolgação com um save, tirando os playoffs de promoção com o Santarcangelo. Então acredito que o problema não é do jogo, nem da minha relação com o jogo. É do que eu quero ver acontecendo no jogo.
      Infelizmente eu escolhi um desafio que o jogo não estava disposto a aceitar nas minhas condições, era possível, mas eu precisava aceitar as condições que o jogo impunha e isso não era o suficiente, eu precisava de mais e não aguentava ver o resultado do que eu queria dentro de campo. Não ligo para derrotas, para os percalços, desde que eles ocorram com meu time atuando da maneira pela qual ele foi desenhado para atuar. Se eu me comprometo com a retranca, tenho que estar ciente do que ela causa, se eu me comprometo com o jogo ofensivo, tenho que estar ciente do que ele causa e assim por diante. A questão é que eu me comprometi com uma coisa diferente, que era o líbero, não era uma questão de tática, não era uma questão de estilo de jogo. Era uma questão de trazer uma função morta para o FM e fazê-la funcionar tanto defensivamente quanto ofensivamente, mas isso limitava meu estilo de jogo a ser puramente defensivo ou contra-ofensivo. E as equipes que tiveram grandes líberos ofensivos não jogavam exclusivamente assim e muitas poderiam ser descritas como equipes fluidas e ofensivas.
      Eu passei do estágio de querer ver um desafio impossível sendo feito por mim, passei do estágio de querer acumular títulos e fazer grandes saves em termos de troféus e vitórias. Tive um dos maiores prazeres no FM 2015 com uma equipe que ganhou 3 italianos em umas 15 temporadas, perdeu 2 vezes a Champions e até hoje sinto saudades desses momentos, pois ali eu não estava construindo a minha dinastia, ali eu estava construindo uma história em conjunto com um clube. Tinha aquele apego, tinha aquela paixão de transformar o mundo do futebol. E esse é um problema grande, não consigo fazer igual a maioria das pessoas e escolher um save simples, seguro e que seja factível de se encerrar. Eu quero o desafio de modificar a história, criar momentos que só o FM proporciona e isso acredito que vem dificultando o processo de jogar FM.
      Desafabo feito, hora de seguir adiante e tentar mais uma vez. Se falharmos, levantamos, sacudimos a poeira e tentamos de novo.
      Introdução
      No Football Manager 2014 eu tentei aquele desafio impossível, meu grande feito até hoje foi conquistar a Champions League com o Rangers da Escócia no FM 2012. Por isso, decidi apimentar as coisas e buscar o título da Champions League com outro clube britânico, só que dessa vez advindo da Irlanda. Foram lindas 12 temporadas com 10 títulos nacionais, 9 deles consecutivos e incontáveis títulos nas copas domésticas, transformando o Shamrock Rovers no maior vencedor de todas as competições irlandesas. Em nível continental, realizamos o feito que o Dundalk realizou nessa temporada, ao se tornar o primeiro clube irlandês a participar de uma fase de grupos de uma competição europeia e fomos além, chegamos até as oitavas-de-final da Champions em uma ocasião e participamos por 3 ou 4 vezes do mata-mata da Liga Europa. Porém, apesar de nunca sequer estar perto de alcançar o único objetivo do save, transformei o Shamrock Rovers, mas isso não foi o suficiente para alavancar o futebol irlandês e sem a alavancagem do futebol irlandês seria impossível chegar até o objetivo do save. Eu me frustrei com isso, encerrei o save, depois me arrependi, mas a decisão já estava feita. Contudo, nesse save desenvolvi jogadores, criei ícones e lendas do clube, inclusive consegui segurar uma gigante promessa irlandesa por mais de 10 temporadas na equipe, fazendo com que um jogador da base se tornasse um importante jogador da história da equipe. E eram essas pequenas coisas que seguravam o save, mas infelizmente, ele estaria fadado a nunca dar certo da maneira que eu gostaria.
      Por isso, no ano passado, o ggpofm traduziu e adaptou um texto sobre como tornar uma liga competitiva e eu decidi que era hora de tentar realizar o impossível novamente, porém eu incuti no erro de começar o jogo no FM 2014 e comparar as duas histórias e é óbvio que isso deu errado, pois eu me frustrava com o que ocorria e olhava e comparava com o que havia sido feito e me perguntava o que estava acontecendo e o que estava sendo feito de errado, até o ponto em que eu comecei a tentar emular as decisões do passado. Isso ruiu a tentativa.
      É hora de aprender com o passado e recomeçar um desafio diferente que é transformar uma liga com um desafio do passado, a busca do impossível. Sinceramente, espero que seja esse o combustível necessário, pois o fato de querer continuar participando ativamente da área me fez retornar rapidamente com uma história. Quando não estou contando um save, a atenção que dou a área é totalmente diferente e sinceramente, como é uma área que pulsa numa vibração interessante e revigorante, acho injusto comigo mesmo não estar aqui, mesmo que o preço seja mais uma história inacabada.
      Objetivo
      Conquistar a Champions League com o Shamrock Rovers Regras do save
      Se o jogador não serve mais para o Shamrock Rovers, a prioridade é repassá-lo para uma equipe irlandesa, mesmo que isso signifique aceitar uma oferta menor ou perder o jogador de graça. Não contratar destaques de outras equipes irlandesas. Buscar repatriar jogadores irlandeses de ligas estrangeiras. Buscar contratar jovens promessas de equipes irlandesas, com o propósito de acelerar a evolução do mesmo. Buscar antecipar a concorrência externa pelos principais jogadores da liga, evitando que jogadores de bom nível ou alto potencial saiam do país. (A única condição que permite contratar um jogador adversário que seja importante para o clube) Caso alguma nova necessidade vá surgindo, irei informar num post e adicionar aqui Histórico
      2017 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado na 1ª rodada qualificatória da Europa League
      2018 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado no Playoff dos campeões da Champions League, 4º lugar no Grupo K da Europa League
      2019 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Cup, 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2020 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, eliminado na 3ª Qualificatória da Champions League e nos Playoffs da Europa League
      2021 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup e 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2022 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º colocado no Grupo H da Champions League
      2023 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 2º colocado no Grupo J da Europa League
      2024 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup, eliminado nos 32-avos-de-final da Europa League e 3º colocado no grupo G da Champions League
      2025 - 2º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, eliminado nos 32-avos-de-final da Europa League e 4º colocado no grupo B da Champions League
      2026 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º colocado no Grupo L da Europa League
      2027 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup e 3º colocado no Grupo H da Champions League
      2028 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup e eliminado nas oitavas-de-final da Europa League e 3º colocado no Grupo E da Champions League
      2029 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado nos 32-avos de final da Europa League, 4º lugar no Grupo A da Champions League
      2030 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º lugar no Grupo C da Champions League
      2031 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup e 2º lugar no Grupo H da Champions League
      2032 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2031/2032  e 2º lugar no Grupo F da Champions League 2032/2033
      2033 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2032/2033 e 3º lugar no Grupo G da Champions League 2033/2034
      2034 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas quartas-de-final da Europa League 2033/2034 e 3º lugar no Grupo C da Champions League 2034/2035
      2035 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Campeão da FAI Ford Cup, Campeão da Europa League 2034/2035, Campeão da Super Copa da UEFA 2035 e 1º lugar no Grupo H da Champions League 2035/2036
      2036 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2035/2036 e 3º lugar no Grupo E da Champions League 2036/2037
      2037 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, 4º lugar no grupo C da Champions League 2037/2038
      2038 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, 3º lugar no Grupo F da Champions League 2038/2039
      2039 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, 3º lugar no Grupo G da Champions League 2039/2040
      Histórico de posts
      Shamrock Rovers e Irlanda A primeira pré-temporada Algumas surpresas na tabela Liderança na Irlanda, decepção na Europa Vantagem é sempre importante A baciada fica para o meio do ano Uma temporada mais competitiva Irlanda x Escócia Celtic Park, Olympiyskyi, Vélodrome e King Power Stadium 3 contratações, 32 despedidas Enfim mediremos força com o Dundalk? Onde os outros perdem, nós vencemos Um empate que vale por duas temporadas e meia Em time que está ganhando não se mexe? Mais um voo solo? Dois patetas, as traves e um muro espanhol Em terra de irlandês, quem é Shamrock, é rei! As primeiras cifras em reforços Um começo de temporada inédito 166 convocações no elenco Os desafios financeiros da Irlanda Um estádio para chamar de nosso Alguém parará o Shamrock Rovers? Muita movimentação no Tallaght Uma Irlanda que dá trabalho O retorno do atacante solitário Falta embalar Uma chance inesperada Deem um pouco mais de crédito para a Liga Irlandesa Vendas milionárias Sentimos sua falta, O’Brien! Gribbinaldinho Fenômeno! A 5ª maior instituição da Irlanda Remodelagem tática A melhor campanha da história do primeiro turno Na perseguição do Cork City Verde é a cor da Irlanda Um vacilo milionário A melhor campanha da história do primeiro turno – Parte 2 Mais Irlanda na Europa Forde, por que faz isso comigo? Batemos a marca de 2 milhões Um carrossel verde e branco Simplesmente avassalador! Um péssimo ano para ser Bohemian Um mercado prolífico Um novo concorrente no horizonte? Eurocopa 2028 A solução que veio e que foi Chora, Allegri! Reaprendendo a jogar Tudo conforme o script Dinamo Zagreb A única vez foi em 2017 O bom filho a casa torna Uma máquina chamada Conor Wilson Copa do Mundo 2030 Maldito sorteio da Champions League Uma abordagem renovada Poxa, UCD! Um dia ruim por turno O doce aroma da elite europeia De pontas para volante Uma noite irlandesa em Londres As dificuldades de ser maior que a liga irlandesa Meus jogadores são de um material superior Que venha o Lyon! Teremos um campeonato!? Segue o líder! A gente bem que tentou, mas o Cork não quis! Regulamento debaixo do braço Faltaram apenas 6 minutos Mais uma vaga na Champions League! Dosharaithe E estamos de volta A estrada até aqui... Real Madrid x Shamrock Rovers Super Copa da UEFA Green Stadium Uma homenagem à Conor Wilson Começo claudicante, mas final esperado O fim de duas eras Sob nova direção A Airtricity Premier League é uma das 10 maiores da Europa 20 anos de Danny Green Um campeonato que ainda está em aberto Vexatório! O plano quinquenal Zero gols, zero derrotas Uma nova era para o Hoops Tinha um italiano no meio do caminho Uma insípida janela de transferências Um paredão azul Winner Winner Chicken Dinner Um quinquênio que durou dois anos Uma debandada do Green Stadium
    • IgorNatalino
      By IgorNatalino
      Estamos animados em apresentar a todos, a criação do tópico para os kits FC'12, um projeto do FM Slovakia, para a temporada 2018-2019.
      Para os que gostam do nosso estilo de kits, aqui ficarão todos os links úteis e atualizações sobre o lançamentos dos kits, principalmente os brasileiros feitos por mim; A ideia principal do tópico é entregar packs de qualidade para todos jogadores do FM.
      Gosta de acompanhar o desenvolvimento dos kits e saber quais estão sendo produzidos?
      Nos acompanhe no Facebook - https://www.facebook.com/groups/allstar.kitmakers/
      Parceiros:
      FM Slovakia - http://fmslovakia.com/

      Todos os Kits produzidos na temporada 2016-2017:
      http://fmslovakia.com/downloads/kitpacks/fc12-season-201617/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2017-2018:
      http://fmslovakia.com/downloads/kitpacks/fc12-season-201718/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2018-2019:
      https://fmslovakia.com/en/downloads/kitpacks/fc12-season-2018-19/
      Todos os Kits produzidos na temporada 2019-2020:
      https://fmslovakia.com/en/downloads/kitpacks/fc12-season-2019-20/

      Como instalar:
      Passo 1:
      Faça o download do pack e extraia usando Winrar ou 7-zip.
      Passo 2:
      Copie a pasta com os arquivos para:
      \Documents\Sports Interactive\Football Manager 2017\graphics\kits\
      p.s: Crie as pastas Graphics e Kits caso não existam.
      Passo 3:
      Abra o FM e vá em Preferências > Interface
      Marque "Recarregar Skin quando confirmar alterações nas preferências"
      Desmarque "Usar cache para reduzir o tempo de carregamento das telas"
       
      Qualquer dúvida, sugestão ou comentário, deixe sua postagem!

      Quer nos ajudar?
      Me contate para fazer parte do All Star Kitmakers.
×
×
  • Create New...