Jump to content
PedroJr14

Cantando de Galo – River-PI

Recommended Posts

PedroJr14
Em 06/12/2017 at 09:03, (SPFC)Coach disse:

Flut skin 

Grandes campanhas na temporada passada. Vinicius Tanque é um monstro nas divisões inferiores em todos os FM hahahaha outros do bota tb como o Renan Gorne 

E que Vitória sensacional sobre o Cruzeiro

Confesso que fiquei surpreso com a facilidade que tivemos no jogo, estivemos no nosso melhor futebol

Em 06/12/2017 at 09:05, vinny_dp disse:

Nathan e Daniel Costa começaram bem sua trajetória pelo River. E o time hein? Segue firme para mais uma taça estadual e se manter o ritmo, no regional também. 

Na Copa do Brasil se valeu do regulamento do jogo único para aprontar uma bela surpresa ao Cruzeiro do enjoado Mano Menezes. Espero que pegue mais umas pedreiras na competição, para testar seu elenco. 

Tô curtindo o save, continue assim!

Boa sorte na sequência.

O elenco está unido e estamos todos focados no nosso objetivo. Seguimos jogando bem, devemos vencer o estadual sem dificuldades e podemos beliscar a lampions de novo.

Em 06/12/2017 at 14:40, (SPFC)Coach disse:

Uma dúvida: qual formação tem usado nessa temporada? 

No próximo post vou colocar um print com a formação, mas é um 4-2-1-1-2 sem pontas.

Em 07/12/2017 at 13:45, evanildolustosa disse:

Eita que a minha Esporão de Galo vai a loucura! Legal ver que tem gente da minha querida (E quente) Teresina jogando FM! =D

Boa sorte meu conterrâneo, estou na torcida!

Haha tamo junto!!

Em 07/12/2017 at 15:08, Messias Götze disse:

O Cruzeiro tremeu mais uma vez diante do Galo..nao pera.kkkk grande resultado. No estadual o time segue atropelando os adversários, acho que já dar para começar a pensar em testar jogadores da base nessa competição. E como fica a situação da sulamericana, irá disputar ou Não? Se Não, isso meio que acaba tirando o prestígio do Nordestao, será que dar pra buscar o bi-campeonato? Se conseguir o bi, tem tudo para fazer uma boa campanha na série B. Boa Sorte 

A sulamericana acabou de começar, os times brasileiros ainda não jogaram, mas eu não vi nenhuma informação sobre a nossa presença ou não na competição. Acredito que a gente deva participar, pois o Ceará que era o antigo campeão da Copa do Nordeste jogou no ano passado, inclusive terminou vencendo a competição.

19 horas atrás, DiogoHernandes disse:

Oi Pedro... só hoje peguei para ler seu save, e que trajetória fantástica do River, parabéns por ter sucesso em tão pouco tempo.

No geral estou gostando bastante da apresentação do save, só acho que algumas imagens poderiam ter o menu lateral cortados, pois elas consomem espaço e deixam as outras informações menores. Dê uma olhadinha neste tuturial da Central de Informações, não é difícil de fazer deixará seu save bem mais bonito.

Sobre esta temporada o time começou muito bem novamente e a vitória contra o Cruzeiro foi histórica, venceu com propriedade, além disso o time caminha bem para mais uma decisão de Lampions, mas será que desta vez os adversários já estarão preparados para jogar contra seu time?

Estamos sempre tentando melhorar. Vou seguir os seus conselhos.
Espero que os adversários não estejam preparados kkkk o fato é que a nossa equipe vem numa crescente e tem jogadores jovens com muito potencial que podem acabar surpreendendo outros times. Tmj, obrigado por acompanhar.

18 horas atrás, Herr Jones disse:

O time tá se desenvolvendo muito bem na sua mão, mesmo enfrentando dificuldades no final da primeira temporada. Na segunda acho que reforçou bem e o time manteve o bom futebol, sendo brindado com uma excelente vitória sobre o Cruzeiro na Copa do Brasil. 

Eu tive muita dificuldade em enxergar as imagens, que acabaram ficando bem pequenas. Seria legal se você pudesse printar as telas e cortar no paint mesmo, coisa bem simples, para enquadrar apenas a informação desejada. Assim a informação fica de um tamanho legal e dá pra enxergar bem. 

Em tempo: quais as suas expectativas para essa temporada?

Vou seguir os seus conselhos. Estamos caminhando bem nessa temporada para levar o estadual e a copa do nordeste, vamos em busca de uma boa colocaçao na série B, para que possamos nos firmar na nova divisão, buscando a briga pelo acesso nas próximas temporadas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

[II TEMPORADA - CAPÍTULO 2]

Começamos o estadual de maneira imponente, fazendo grandes jogos e não dando chances aos adversários, conseguimos encaixar o time e surpreender também na Copa do Nordeste. A bela campanha da nossa equipe chamou a atenção de dirigentes de outros clubes que acabaram por sondar a minha contratação, o clube que chegou a formalizar uma proposta foi a Ponte Preta, mas qualquer indício de mudança de clube foi rechaçado por mim, inclusive já assinei um novo contrato com o River.

COPA DO BRASIL

O sorteio da CdB nos colocou mais uma vez frente a um time grande do Brasil, dessa vez era o Botafogo. A nossa equipe quis aprontar de novo e chegou a estar na frente no placar, mas o Botafogo conseguiu o empate levando a disputa para os pênaltis.
Pimpão, Camilo, Emerson Santos, Montillo e Roger marcaram para o Botafogo.

Tiuí, Cléber Lucas, Rafaelson e Luiz Gustavo marcaram para o River, o lateral Caio terminou parado por Jefferson e o Botafogo acabou se classificando.

YhO0sq.png

CAMPEONATO PIAUIENSE

Sem ter ninguém para fazer frente à nossa equipe, levamos o campeonato piauiense sem dificuldade alguma. Os destaques ficaram por conta de Nathan, Daniel Costa e Rodrigo Tiuí, que foram votados como os 3 melhores do campeonato. Tiuí ainda arrecadou o prêmio de artilheiro da competição.

O jogo que merece destaque é o jogo do título. Após passarmos do IV de Julho com o time reserva na semifinal, colocamos os titulares para jogar o Derby contra o River e passeamos em campo. Apesar de o jogo ter sido bem aberto na segunda etapa, já tinhamos construido o resultado na fase inicial da partida.

45 mil pessoas lotaram o Albertão, para ver o Show dos nossos garotos frente ao Flamengo-PI, que terminou a partida sem sequer acertar o gol. Osmar(11') e Léo Mendes(25') marcaram de cabeça após cruzamentos de Daniel Costa, que mostrou que realmente estava com o pé direito calibrado marcando um golaço de falta aos 38, ainda da primeira etapa. No segundo tempo ainda criamos boas oportunidades, mas Rafaelson não estava em um dia muito inspirado.

9eB3ty.png

COPA DO NORDESTE

Após terminarmos a primeira fase de maneira invicta e aproveitando-se de tropeços do Bahia para encerrar na liderança do grupo, dávamos a aparência de que não haveria time que pudesse nos parar.

Na segunda fase enfrentamos o próprio Bahia, que chegou a nos meter medo no primeiro jogo, quando Edigar Junio marcou logo aos 20 segundos de jogo. Depois disso as coisas retornaram ao normal, conseguimos dominar o jogo e empatar com Nathan. Amorim ainda foi expulso depois de uma entrada forte em Allione.

O jogo de volta teve menos emoção, poucas oportunidades e terminou em um 0x0 morto, que nos deu a classificação.

O Fortaleza era o nosso adversário nas semifinais, quem passasse desse confronto já era tido por muitos como favorito frente a Náutico ou ASA que se enfrentavam na outra mão. Fomos ao Castelão sem medo e logo marcamos o primeiro gol com Léo Mendes que aproveitou o bate rebate na área para estufar as redes com um chute forte. Zé Carlos mostrou que estava inspirado, ao empatar o jogo com um belo chute aos 13 minutos. O próprio Zé Carlos virou a partida em um contra-ataque fulminante da equipe da casa. No finzinho do jogo Marquinhos, que havia entrado no lugar de Daniel Costa, contundido, sofreu pênalti e ele mesmo converteu para igualar o placar.

Na volta contamos com a presença do nosso torcedor e com a inspiração de Rafaelson e João Felipe que em dois minutos decidiram o jogo ao nosso favor.

O Náutico era o nosso adversário na final e no primeiro jogo a Arena Pernambuco lotada viu que já se desenhava uma eliminatória muito difícil para a equipe pernambucana. Acabamos no 0x0, mas criamos as melhores oportunidades do jogo.

BjdbMn.png

No jogo de volta não demos oportunidade alguma para a equipe visitante e passamos o carro no primeiro tempo.
Rafaelson aproveitou o cruzamento de João Felipe pra marcar o primeiro gol do jogo logo aos 7 minutos.
Daniel Costa cobrou escanteio, Amorim desviou e Léo Mendes teve apenas o trabalho de empurrar a bola para as redes.
Em belo contra-ataque Rafaelson achou Nathan que bateu na saída do goleiro para fazer 3x0.
O Náutico reagiu apenas aos 41 da segunda etapa, onde Jeferson Nem marcou de cabeça para diminuir.

O jogo já estava decidido e a extase já tomava conta do Albertão, que via o River ser campeão pela segunda vez consecutiva do torneio mais importante do Nordeste.

SL5vTv.png

FORMAÇÃO

Continuamos usando uma formação praticamente igual à que usávamos na temporada passada, o que muda são as instruções e o estilo que era de controlar e agora é de contra-ataque.

5S5Be3.png

CALENDÁRIO

Estão aí os jogos que disputamos recentemente e alguma parte da nossa trajetória nesse ano que está sendo maravilhoso.

3QjjAT.png

Até agora fizemos 32 partidas no ano e não sofremos nenhuma derrota no tempo normal. Será quem vai ser a equipe capaz de nos parar?

 

Share this post


Link to post
Share on other sites
Danut

Parabéns pelos títulos, especialmente o da Copa do Nordeste. Estadual é mais fácil, ainda mais em um estado com futebol menos poderoso. Mas a Copa do Nordeste já teve adversários bem mais fortes, e mesmo assim passou por todos.

Agora é fazer boa campanha no campeonato nacional.

 

EDIT: Estava dando uma olhada geral nos saves aqui da área, e percebi que a organização do teu me agrada bastante, entre os novatos na área. No entanto, justamente pela organização no geral agradar, as imagens acabam chamando um pouco a atenção, pois me parece que poderiam receber um pouco mais de atenção. Tu já leu os tutoriais da Central de Informações sobre edição de imagens? Recomendo dar uma olhada, especialmente na parte sobre recorte de imagem e como colocar bordas, que poderiam ajudar a dar um toque a mais aqui no save.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Messias Götze

Utilizou os reserva durante toda a competição do estadual? Resultados no geral muito bons, ainda acho que você irá brigar por mais uma promoção nessa temporada, mas quero mesmo é que brigue pra não cair e acabe caindo hahaha Parabéns pelos títulos! Uma curiosidade, quanto o clube ganhou com o titulo do Nordestão? Boa Sorte

Share this post


Link to post
Share on other sites
vinny_dp

Mais dois títulos para a sala de troféus e um desempenho consistente, que anima para a série B, que tende a ser mais dura e representa um grande teste para a equipe.

Tô curtindo a saga e por isso faço minhas as palavras do Danut. Siga firme com o save.

Boa sorte!

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tsuru

O save está muito legal de acompanhar. Conseguiu arrumar o time direitinho, fez excelente campanha na Série C e na Copa do Nordeste e foi coroado com dois títulos. Parabéns.

Curioso para saber como vai ser na Série B. Será que a equipe conseguirá manter a mesma pegada?

Boa sorte na continuação!

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm

Cheguei ao seu save pela Recomendação do Mês que você recebeu do @Danut e concordo no que ele disse sobre a melhora em seu save, mas acredito que ele possa melhorar ainda mais e espero que você siga evoluindo.

Me permita fazer uma sugestão sobre as imagens do calendário de partidas. Com um tamanho maior, elas melhoraram sensivelmente, mas ainda precisam melhorar mais. Para isso é preciso manter as informações relevantes e eliminar o que não é muito importante. Veja no spoiler abaixo a última imagem que você usou. Marquei em vermelho uma longa área onde não há nenhum informação relevante e que pode ser eliminada. 

 

Spoiler

Vuar9xl.png

E por falar em informações relevantes, nunca elimine as datas das partidas. Observe que a maioria dos saves mais organizados da área utilizam as datas nas imagens e isso não é uma coincidência. As datas permitem que vejamos a proximadade entre as partidas, o que facilita sabermos se o seu calendário de jogos foi mais folgado ou apertado, o que pode afetar o desempenho de sua equipe. Uma coisa é jogar duas partidas com diferença de 10 dias, outra coisa é jogar duas partidas com diferença de três dias. Uma coisa é jogar 10 partidas em dois meses, outra é jogar 10 partidas em um mês. Só temos essa noção se você mantiver as datas das partidas. Além disso, ter as datas nas imagens permite que nos localizemos no tempo e não perdidos sem saber se estamos no início de um ano ou no meio dele, ou no mês de fevereiro ou março.

Mudando um puoco de assunto, vou torcer para você perder um pouco. Além do estadual, tem vencido a Copa do Nordeste seguidamente e já está na Série B. Daqui a pouco, ficará mais rico que o xará argentino.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Gabriel Kanaan

Passando a acompanhar.

Realmente está cantando de galo, hahhaha

Aproveitamento incrível nas competições que tem disputado, teve muito azar nos sorteios do Copa do Brasil, mas faz parte e ainda conseguiu eliminar um clube grande, parabéns!

Acredito que o grande desafio terá início com a Série B, vamos ver a real capacidade do plantel formado.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14
Em 11/12/2017 at 11:38, Danut disse:

Parabéns pelos títulos, especialmente o da Copa do Nordeste. Estadual é mais fácil, ainda mais em um estado com futebol menos poderoso. Mas a Copa do Nordeste já teve adversários bem mais fortes, e mesmo assim passou por todos.

Agora é fazer boa campanha no campeonato nacional.

 

EDIT: Estava dando uma olhada geral nos saves aqui da área, e percebi que a organização do teu me agrada bastante, entre os novatos na área. No entanto, justamente pela organização no geral agradar, as imagens acabam chamando um pouco a atenção, pois me parece que poderiam receber um pouco mais de atenção. Tu já leu os tutoriais da Central de Informações sobre edição de imagens? Recomendo dar uma olhada, especialmente na parte sobre recorte de imagem e como colocar bordas, que poderiam ajudar a dar um toque a mais aqui no save.

Vou dar uma olhada lá e volto com novidades talvez já no próximo post. É importante que vocês continuem interagindo e dando dicas, para que eu possa estar sempre melhorando o conteúdo.

Em 14/12/2017 at 14:06, Messias Götze disse:

Utilizou os reserva durante toda a competição do estadual? Resultados no geral muito bons, ainda acho que você irá brigar por mais uma promoção nessa temporada, mas quero mesmo é que brigue pra não cair e acabe caindo hahaha Parabéns pelos títulos! Uma curiosidade, quanto o clube ganhou com o titulo do Nordestão? Boa Sorte

Hahahaha

Apesar de o objetivo é um dia poder colocar o time reserva para jogar todo o estadual, ainda não foi dessa vez. Utilizamos os titulares em alguns jogos na fase de pontos corridos e em 3 dos 4 jogos de semifinais e finais.

Em 19/12/2017 at 20:23, vinny_dp disse:

Mais dois títulos para a sala de troféus e um desempenho consistente, que anima para a série B, que tende a ser mais dura e representa um grande teste para a equipe.

Tô curtindo a saga e por isso faço minhas as palavras do Danut. Siga firme com o save.

Boa sorte!

Muito obrigado por acompanhar, Vinny. Mais tarde estarei de volta com atualizações.

Em 20/12/2017 at 11:13, Tsuru disse:

O save está muito legal de acompanhar. Conseguiu arrumar o time direitinho, fez excelente campanha na Série C e na Copa do Nordeste e foi coroado com dois títulos. Parabéns.

Curioso para saber como vai ser na Série B. Será que a equipe conseguirá manter a mesma pegada?

Boa sorte na continuação!

Tamo junto, Tsuru. Obrigado por acompanhar.

14 horas atrás, ggpofm disse:

Cheguei ao seu save pela Recomendação do Mês que você recebeu do @Danut e concordo no que ele disse sobre a melhora em seu save, mas acredito que ele possa melhorar ainda mais e espero que você siga evoluindo.

Me permita fazer uma sugestão sobre as imagens do calendário de partidas. Com um tamanho maior, elas melhoraram sensivelmente, mas ainda precisam melhorar mais. Para isso é preciso manter as informações relevantes e eliminar o que não é muito importante. Veja no spoiler abaixo a última imagem que você usou. Marquei em vermelho uma longa área onde não há nenhum informação relevante e que pode ser eliminada. 

 

  Mostrar conteúdo oculto

Vuar9xl.png

E por falar em informações relevantes, nunca elimine as datas das partidas. Observe que a maioria dos saves mais organizados da área utilizam as datas nas imagens e isso não é uma coincidência. As datas permitem que vejamos a proximadade entre as partidas, o que facilita sabermos se o seu calendário de jogos foi mais folgado ou apertado, o que pode afetar o desempenho de sua equipe. Uma coisa é jogar duas partidas com diferença de 10 dias, outra coisa é jogar duas partidas com diferença de três dias. Uma coisa é jogar 10 partidas em dois meses, outra é jogar 10 partidas em um mês. Só temos essa noção se você mantiver as datas das partidas. Além disso, ter as datas nas imagens permite que nos localizemos no tempo e não perdidos sem saber se estamos no início de um ano ou no meio dele, ou no mês de fevereiro ou março.

Mudando um puoco de assunto, vou torcer para você perder um pouco. Além do estadual, tem vencido a Copa do Nordeste seguidamente e já está na Série B. Daqui a pouco, ficará mais rico que o xará argentino.

Kkkkkkkkk valeu pelas dicas, espero que você siga acompanhando. Em breve estarei de volta com as atualizações.

11 horas atrás, Gabriel Kanaan disse:

Passando a acompanhar.

Realmente está cantando de galo, hahhaha

Aproveitamento incrível nas competições que tem disputado, teve muito azar nos sorteios do Copa do Brasil, mas faz parte e ainda conseguiu eliminar um clube grande, parabéns!

Acredito que o grande desafio terá início com a Série B, vamos ver a real capacidade do plantel formado.

Tamo junto, Gabriel. Espero que você siga acompanhando e participando para ajudar a melhorar ainda mais o save.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

[II TEMPORADA - CAPÍTULO 3]

Depois de deitar de novo nas competições regionais, agora é hora de começar o nosso maior desafio até agora. A meta é se manter na segunda divisão, terminando posicionados na parte de cima da tabela, mas quem sabe a gente surpreenda...

CAMPEONATO BRASILEIRO SÉRIE B

Depois de dois empates nas duas primeiras partidas, fomos derrotados pelo Vila Nova em Goiás, o que nos colocou na zona de rebaixamento. Foi um choque, zona de rebaixamento não era o que a gente esperava para o começo da temporada. Tivemos uma conversa no CT com os jogadores para saber o que estava faltando, já que os salários estão em dia, o time joga o fino da bola nos treinos e a torcida está apoiando a equipe.

Sem muitas respostas, só nos coube acreditar que os astros estavam contra nós, porque era para estar tudo perfeito. A única solução foi fazer mudanças no comportamento da equipe em campo, trocando o contra-ataque pelo ataque e armar jogadas ainda mais incisivas, resultado: vitórias sobre Tupi e CRB.

Na sexta rodada, chegamos a São Paulo empolgados para enfrentar a Portuguesa, mas acabamos não conseguindo impor o nosso ritmo de jogo e fomos derrotados.

JOGO DESTAQUE: Enfrentaríamos o Atlético-GO que vinha embalado na briga pela liderança e fizemos o nosso melhor jogo na competição, até agora. Não demos chances aos visitantes.
Após belíssima jogada de Rafaelson, Nathan finalizou na marca do pênalti para abrir o placar aos 20 minutos.
Aos 14 da segunda etapa, Nathan retribuiu o favor com um passe de calcanhar, para Rafaelson fechar o placar.
A dupla estava imparável, e ainda criou outras boas chances, pena que não conseguimos concluir.

River-PI---Atletico-Goianiense_-Geral-Vi

Depois dessa partida o Atlético-GO somou apenas uma vitória e perdeu 6 partidas consecutivas.

O nosso adversário seguinte seria o Fortaleza, que ficou com a posição do Atlético e que também não foi páreo para a nossa equipe. Agora já somamos 5 vitórias sobre o time cearense.
Na sequência, fomos derrotados pelo Paraná, empatamos com o líder Figueirense e com o Criciuma, antes de fechar essa parte do campeonato vencendo o Sampaio Correa fora de casa.

Campeonato-Brasileiro-Chevrolet-Serie-B_

O destaque da nossa campanha até aqui tem sido o atacante Nathan, que divide o posto de artilheiro do campeonato com Gabriel do Fortaleza, com 7 gols marcados em 12 partidas. O ponto negativo é que apesar de termos o segundo melhor ataque da competição, temos uma das piores defesas da mesma. Temos que corrigir isso, caso queiramos melhorar na tabela.

Bom, por hoje é isso. Depois da ceia de natal, barriga cheia e tempo para escrever e editar algumas fotos. Não poderia deixá-los esperando por mais tempo, então passei só para dar uma pincelada nos jogos que fizemos até aqui. Sei que a postagem não foi tão completa quanto poderia ser, mas foi algo que resolvi fazer de última hora e prometo que a próxima vai ser melhor. Deixem aí nas respostas o que eu posso melhorar e o que faltou nessa atualização. TMJ!

UM FELIZ NATAL A TODOS E #ForçaGalo!

Edited by PedroJr14

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Apenas um ponto te separa da zona da classificação, mas como você mesmo disse... tem que melhorar a defesa ou infelizmente ficará pelo caminho.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

Nos últimos dias tivemos o nosso nome vinculado a 4 equipes: Chapecoense(8 colocado da série B), Fortaleza(1 colocado da série B), Goiás(17 colocado da série A) e Bahia(15 colocado da série A). Chape e Fortaleza inclusive mandaram propostas de entrevistas, prontamente recusadas por mim, mas se a proposta viesse de uma das duas equipes da série A, eu ficaria balançado.

Queria saber de vocês se não está na hora de mudar os rumos do save, dando ênfase mais às conquistas e à vida do técnico do que para uma determinada equipe. Qual é a opinião de vocês?

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC
1 hora atrás, PedroJr14 disse:

Nos últimos dias tivemos o nosso nome vinculado a 4 equipes: Chapecoense(8 colocado da série B), Fortaleza(1 colocado da série B), Goiás(17 colocado da série A) e Bahia(15 colocado da série A). Chape e Fortaleza inclusive mandaram propostas de entrevistas, prontamente recusadas por mim, mas se a proposta viesse de uma das duas equipes da série A, eu ficaria balançado.

Queria saber de vocês se não está na hora de mudar os rumos do save, dando ênfase mais às conquistas e à vida do técnico do que para uma determinada equipe. Qual é a opinião de vocês?

Depende do que você quer com o save. Como o nome do save é de clube(River-PI) eu te aconselho a continuar no River ou finalizar o save e começar um novo, sendo de carreira e focado na vida de treinador.

Share this post


Link to post
Share on other sites
ggpofm
5 horas atrás, PedroJr14 disse:

Queria saber de vocês se não está na hora de mudar os rumos do save, dando ênfase mais às conquistas e à vida do técnico do que para uma determinada equipe. Qual é a opinião de vocês?

Começou a ceder às tentações do mundo do futebol, hein?

Pedro, de forma geral, dividimos um save em saves de carreira e saves de clube. Nos saves de carreira é comum que ocorram mudanças de clube, afinal a ideia é acompanhar a trajetória do treinador e não de um clube específico. Já no save de clube, acompanhamos, a trajetória de um determinado clube. A escolha se você vai fazer uma save de clube ou um de carreira, é uma das primeiras que se toma, anter de criar o save.

Quando você criou o save, para mim e acredito que para outros também, ficou claro que seu save seria um save de clube com o River-PI. Tudo sugere isso no post inicial do tópico. Nesse sentido, na minha opinião, o melhor seria você entregar o que prometeu, o seja, um save de clube com o River-PI. Contudo, há outro lado. Ninguém é obrigado a continuar fazendo algo que não deseja e se você está a fim de mudar de clube e fazer um save de carreira, faça. O importante é você jogar o que gosta, seja um save de carreira ou de clube. Da mesma forma, os leitores irão acompanhar o que gostam, seja o save de clube como o qual você criou o tópico ou o save de carreira que você está pensando em transformá-lo. ;)

Share this post


Link to post
Share on other sites
Tsuru

Está indo bem na Série B, longe da zona de rebaixamento e a 1 ponto da zona de classificação para a Série A. Essa temporada deve terminar sem sustos para o River-PI, e talvez até consiga uma promoção.

Como o LC comentou, acho que esse é mais um save de clube mesmo, focado na trajetória do River. Se você quiser partir para um save carreira, reforço as palavras dele e sugiro um novo começo, em outro save.

Boa sorte na continuação (seja ela qual for).

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14
Em 26/12/2017 at 10:04, Tsuru disse:

Está indo bem na Série B, longe da zona de rebaixamento e a 1 ponto da zona de classificação para a Série A. Essa temporada deve terminar sem sustos para o River-PI, e talvez até consiga uma promoção.

Como o LC comentou, acho que esse é mais um save de clube mesmo, focado na trajetória do River. Se você quiser partir para um save carreira, reforço as palavras dele e sugiro um novo começo, em outro save.

Boa sorte na continuação (seja ela qual for).

Tmj, Tsuru. Decidi ficar e continuar até encerrar o save, por mais que as tentações batam à minha porta.

Edited by PedroJr14

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

[II TEMPORADA - CAPÍTULO 4]

Teríamos mais 16 jogos nesse capítulo, antes do capítulo final. Era uma fase decisiva para nos manter na briga pelo acesso.

Depois da vitória contra o Sampaio Correa, vivemos uma semana negra, com duas derrotas, além da contusão séria de Dejair que não deve mais jogar nessa temporada. Primeiro perdemos para o Santa Cruz em casa, jogando melhor e depois uma noite fatídica para os nossos defensores.

13ª rodada Náutico x RIVER

Fomos à Arena Pernambuco em busca de recuperação, após a derrota contra o Santa Cruz. Mas a noite não estava boa para a nossa equipe.

Logo aos 3 minutos, em um cruzamento despretencioso, o goleirão Leandro Silva que substituia Daniel, contundido, saiu de soco e acabou não acertando a bola em cheio, a bola passou direto e morreu no fundo da rede, um gol bizarro.

Até finalizamos 12 vezes, 7 ao gol, mas nenhuma bola que causou perigo à meta do Nautico, assim como o Náutico finalizava sem perigo.

Até que aos 73 minutos em um contra ataque, o Náutico veio pela esquerda e em um cruzamento rasteiro, Franklin Joseph cortou mal e jogou contra a própria meta para decretar o resultado final.

Nautico---River-PI_-Geral-Vista-Geral-2.

Depois dessa partida mudamos um esquema para 4-5-1, variando para 4-3-3 e conseguimos manter 6 jogos de invencibilidade, empatando com a chapecoense e vencendo Ponte, Avaí, Bragantino, Londrina e Cuiabá, subindo do 11º lugar para o 5º, foram as rodadas que chegamos mais perto de entrar no G4, até que voltamos a ser derrotados e a cair na tabela. Fomos derrotados pelo Brasil de Pelotas e pelo Vila Nova, em dois jogos em que éramos favoritos e que as estatísticas do jogo confirmaram ainda mais esse favoritismo, tendo em vista que fomos amplamente superiores.

23ª rodada Tupi x River

Fomos a Juiz de Fora enfrentar o Tupi e não tomamos conhecimento do adversário. Passamos o carro e pareceu que íamos empolgar.
Aos 26 minutos, Rafaelson aproveitou cruzamento da direita e sozinho no segundo pau só teve o trabalho de empurrar para a rede.
Dois minutos depois foi a vez de Nathan receber na meia lua da área e bater no ângulo para marcar o segundo do River.


Flávio Caça-Rato, ele mesmo, diminuiu para o Tupi na segunda etapa em uma cobrança de falta.
Mas Nathan estava inspirado e volto a marcar para o River em uma cabeçada na entrada da pequena área.
Nathan estava impossível e marcaria seu terceiro gol em uma finalização rasteira da marca do pênalti.

Tupi---River-PI_-Geral-Vista-Geral.png

Quando eu disse que parecia que íamos empolgar é porque só parecia mesmo, pois nas duas rodadas seguintes acabamos derrotados por CRB(F) e Portuguesa(C), voltando a se recuperar apenas contra o líder e nosso freguês maior, Fortaleza. Além de termos encerrado o capítulo com uma boa vitória sobre o Paraná.

River-AC_-Calendario-Senior-108b333b6227

Poderíamos estar em uma posição melhor, mas demos algumas bobeiras e deixamos a chance escapar. Apesar de estarmos superando as expectativas, realmente poderíamos estar mais acima, porque costumamos bater as equipes da parte de cima da tabela com certa facilidade, mas muitas vezes perdemos pontos contra equipes que estão abaixo de nós, como foi o caso de CRB, Vila e Brasil.

Campeonato-Brasileiro-Chevrolet-Serie-B_

Apesar de não ter jogado bem nas últimas partidas e não ter marcado nos últimos 5 jogos, Nathan ainda divide a artilharia do torneio com Lucca, tendo marcado 15 gols.

 

As jóias piauienses

Guinei_-Geral-Perfil7a20bedffccd0e9c.png

Guinei Ferreira da Silva, de apenas 15 anos é tido como a principal cria das categorias de base, junto com Lenilson e Klebert. O meia-central parece ser a cria mais promissora da base do Galo e promete estourar como Marquinhos de 17 anos, que foi contratado junto ao Atlético Mineiro no início da temporada e hoje já conta com 24 presenças e 7 gols na equipe principal.

Marquinhos_-Geral-Perfil.png

 

Continuamos na briga pelo acesso e vamos com tudo para conseguir. Apesar de não ser uma tarefa fácil e de a equipe não ter encaixado 100%, vamos usar a raça e o coração para conseguir o nosso objetivo.

FORÇA GALO!!!

Edited by PedroJr14

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

[II TEMPORADA - CAPÍTULO 5]

Há 10 rodadas do fim do campeonato, estávamos na sétima colocação, mas ainda sonhávamos com o acesso, já que a diferença de pontos da nossa equipe para a primeira equipe no G4 era de apenas 4 pontos.

Conseguimos vencer 3 jogos em sequência, sequência que foi interrompida no empate com o Santa Cruz, mas logo em sequência vencemos também o Náutico, o que culminou na nossa subida para o 3º lugar.

34ª rodada Chapecoense x River

Fomos a Chapecó embalados pela boa sequência e começamos o jogo em cima. Logo aos 5 minutos, Nathan sofreu falta na entrada da área e Daniel Costa bateu com perfeição para abrir o placar.

Após boa jogada em velocidade, o cruzamento de João Pedro atravessou toda a área e encontou Arthur sozinho para empurrar para a rede.

Quando tudo parecia caminhar para o empate, uma cobrança de falta decidiu o jogo, Arthur cruzou e Wendel completou de cabeça para virar o jogo.

Chapecoense---River-PI_-Geral-Vista-Gera

Com esse revés inesperado, teríamos que vencer a líder Ponte Preta, para voltar ao G4 e mais do que isso, ficariamos há 1 ponto da liderança.

35ª rodada River x Ponte Preta

Não tomamos conhecimento dos líderes, assim como nos acostumamos a fazer durante todo o campeonato e fizemos um primeiro tempo massacrante.

Aos 5 minutos, Daniel Costa bateu falta, a bola tocou na trave direita e sobrou para Rafaelson, livre, estufar as redes.
8 minutos depois, o mesmo Daniel Costa cobrou escanteio na cabeça de Franklin Joseph que marcou o segundo.
Ainda criamos 2 chances claras de gol na primeira etapa, desperdiçadas por Rafaelson e Nathan.

A macaca só diminuiu na segunda etapa. Após um bate-rebate na área, a bola sobrou para Fernando Bob que chutou com raiva para iniciar a reação que seria freada com a expulsão de Matheus Jesus aos 85 minutos.

River-PI---Ponte-Preta_-Geral-Vista-Gera

Com a nossa vitória e a derrota de alguns dos nossos concorrentes diretos, subimos para a 3ª colocação, há 3 rodadas do fim.

Aí começou a brilhar a estrela do garoto Marquinhos, que em um jogo complicado, chato, contra o Avaí, achou um gol do meio da rua aos 39 do segundo tempo. Isso nos colocou na segunda posição, 1 ponto atrás da Ponte Preta que venceu a Chape, mas que ainda teria o Atlético-GO que lutava para conseguir a vaga no G4 e o Fortaleza que lutava para não perder essa vaga. Já o nosso caminho era muito mais simples, enfrentaríamos o já rebaixado Bragantino e o Londrina, então 11º colocado.

No jogo contra o Bragantino fizemos um primeiro tempo magistral, que só foi manchado pela expulsão de Luiz Gustavo. Nathan 2 vezes, com categoria, marcou para a nossa equipe. Daniel Costa fez o terceiro após pênalti sofrido por Franklin Joseph. O Bragantino só diminuiu aos 43 da segunda etapa com Anderson Ligeiro. Enquanto isso o Dragão vencia a Macaca, entrava no G4 e nos dava a liderança do campeonato.

38ª rodada Londrina x River

Após uma semana conturbada, em que parte do time mantinha a concentração para o jogo e outra parte se mostrava psicológicamente abalada com o feito que poderíamos alcançar, chegávamos ao Estádio do Café para o último jogo do ano, que coroaria uma arrancada incrível ou que mataria um náufrago que nadou até a praia.

A preleção foi difícil, poucos jogadores escutaram com atenção e tivemos apenas uma reação positiva, foi do zagueiro Franklin que chegou a gritar "vamos!!! vamos!!!", mas não obtêve mais do que algumas poucas respostas.

Entramos mal em campo, não fizemos nem de longe uma das nossas melhores atuações.
Mas parece que os Deuses do futebol estavam em um nosso lado. Em uma jogada totalmente depretenciosa, Marquinhos enfiou a bola para Nathan, que não conseguiu alcançá-la graças ao bloqueio de corpo dos zagueiros. A bola ficaria tranquila para o goleiro, que saiu ao encontro da bola e dos zagueiros. Nathan tentava buscar à bola, os zagueiros protegiam, o goleiro saía e... INEXPLICAVELMENTE NINGUÉM TOCOU NA BOLA, QUE SEGUIU CAPRICHOSAMENTE PARA DENTRO DO GOL. Foi o gol mais ridículo que eu já vi na minha história no Football Manager, foi o gol do título!

Passamos longe do gol em quase todas as ocasiões, menos em uma bola defendida pelo goleiro, sem nenhum perigo. Já o Londrina assustava e tentava o empatem, criou duas oportunidades desperdiçadas pelos atacantes cara a cara com o goleiro.

Londrina---River-PI_-Geral-Vista-Geral.p

A macaca derrotaria o Fortaleza, mas nada que atapalhasse a conquista do nosso sexto título pelo River, a maior da história do clube até agora.

Campeonato-Brasileiro-Chevrolet-Serie-B_

PRÊMIOS

Torcida:
- João Felipe foi o jogador do ano, segundo os torcedores. 44% contra 25% de Léo Mendes e 19% de Daniel Costa.
- Rafaelson marcou o gol da temporada em um chute de 3 dedos do bico da área, que encontrou o ângulo, contra o Santa Cruz.
- O Goleiro Daniel foi eleito como contratação da época.
- E o Zagueiro Léo Mendes foi o jogador jovem da temporada.

Estatísticas:
- Nathan foi o artilheiro da equipe com 34 gols.
- João Felipe foi quem teve a melhor média de notas em campo(7.43) e o maior número de assistências na temporada(20).
- Daniel Costa foi o jogador que mais recebeu prêmios de melhor em campo(8).
- E Amorim foi o jogador com maior média de passes completos no time(89%).

Divisão:
- João Felipe, Daniel Costa e Nathan estiveram presentes na seleção da Série B.
- Rafaelson Ficou com o prêmio de Revelação.
- Nathan ganhou o prêmio de Artilheiro da série B com 20 gols, contra 18 de Wallysson(Vila Nova), que ganhou o prêmio de melhor jogador.


- E por fim o prêmio de treinador do ano vai para... ou melhor, vem para mim!!
Um ano de trabalho árduo, e apesar de sermos campeões com 10 derrotas, o que vale é o título e o acesso. Vivemos bons momentos e soubemos controlar esse elenco jovem, que agora despertou o interesse de outros clubes, assim como este treinador que vos fala, que já foi sondado pelo Santa Cruz e recebeu uma proposta de entrevista do Internacional.

METAS PARA A PRÓXIMA TEMPORADA

Devemos vencer o Campeonato Estadual sem grandes dificuldades e brigar pelo tri da Copa do Nordeste, já na Série A, deveremos travar uma luta contra o rebaixamento desde a primeira rodada. Visamos a contratação de um medalhão para dar experiência à equipe. Kléber Gladiador e Marcelo Lomba foram os primeiros a serem oferecidos, o segundo tem mais chances de negócio. Apesar de termos 140 mil sobrando para salários, ou 7 milhões para contratações, o clube fecha a temporada um déficit de 5 milhões de reais. Esse déficit cresceu nos últimos meses, mais precisamente no último, onde mais de 1 milhão de reais foi distribuido como "bicho" para os jogadores e um valor superior a isso foi gasto em cláusulas que nos obrigavam a pagar para os ex-clubes de alguns jogadores em caso de título.

River-AC_-Financas-Sumario-2b6a320ed6205

Contamos com a presença da torcida no estádio e uma maior popularização da marca, para aumentar os lucros e normalizar as finanças na próxima temporada.

FORÇA, GALO CARIJÓ!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
vinny_dp

Parabéns pelo título. Em uma das mudanças de divisão onde as equipes mais costumam sentir o baque, você foi ajeitando o time aos poucos e arrancou no momento certo para conquistar o acesso. 

Agora vem o desafio máximo que é a manutenção na série A, que se for bem conduzida faz com que o clube chegue a uma fase estável. Como você comentou antes sobre as dúvidas entre manter o save como de clube, alerto para o seguinte: faça uma boa gestão de elenco (renovações de contrato na hora certa para não perder ninguém de graça, reposições antecipadas e etc), defina metas de curto, médio e longo prazo (mesmo que você não as apresente aqui) e vá investindo na infraestrutura da equipe. 

São coisas que ajudam a manter a motivação para a sequência do save. Saber para onde se está indo é importante para que não chegue uma hora e você comece a se perguntar porque ainda joga com o mesmo time.

Boa sorte na sequência.

Share this post


Link to post
Share on other sites
LC

Parabéns pelo título conquistado. Agora para a Série A vai ter que reforçar bem a equipe para evitar a descida.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14
6 horas atrás, vinny_dp disse:

Parabéns pelo título. Em uma das mudanças de divisão onde as equipes mais costumam sentir o baque, você foi ajeitando o time aos poucos e arrancou no momento certo para conquistar o acesso. 

Agora vem o desafio máximo que é a manutenção na série A, que se for bem conduzida faz com que o clube chegue a uma fase estável. Como você comentou antes sobre as dúvidas entre manter o save como de clube, alerto para o seguinte: faça uma boa gestão de elenco (renovações de contrato na hora certa para não perder ninguém de graça, reposições antecipadas e etc), defina metas de curto, médio e longo prazo (mesmo que você não as apresente aqui) e vá investindo na infraestrutura da equipe. 

São coisas que ajudam a manter a motivação para a sequência do save. Saber para onde se está indo é importante para que não chegue uma hora e você comece a se perguntar porque ainda joga com o mesmo time.

Boa sorte na sequência.

Muito obrigado pelas palavras, sigo firme com o River!
O ano promete ser difícil, mas vamos lutar para nos manter na Série A.

5 horas atrás, LC disse:

Parabéns pelo título conquistado. Agora para a Série A vai ter que reforçar bem a equipe para evitar a descida.

Nem eu mesmo esperava o título, talvez sonhasse com o acesso, mas o título era algo impensável até as últimas rodadas.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

[III Temporada - Capítulo 1]

simples-nacional.jpg?resize=370,297

Após a improvável conquista da Série B, agora enfrentaremos os maiores times do país, na divisão principal do Futebol Sulamericano, mas antes disso teremos os testes no Campeonato Piauiense e Copa do Nordeste, além de estrear na Copa do Brasil.

Tenho que ser franco com vocês e dizer que meu planejamento foi uma desgraça e que temos que dar 110% em campo para não voltar à segunda divisão. Não contava com o acesso logo na primeira temporada, principalmente depois do baque nas primeiras rodadas e acabei fazendo algumas contratações e mudanças em cláusulas de contratos, que prenderiam os principais jogadores ao clube por mais algumas temporadas, mas que colocariam as finanças do clube em negatividade total em caso de acesso. Foi o que aconteceu e o que nos fez começar o ano com quase 6 milhões de reais em dívidas.

Acabamos com o orçamento limitadíssimo para o início da temporada e teremos que bolar um plano para a recuperação das nossas finanças. Para reforços, nós tinhamos 7 milhões de reais, que caíam para menos da metade, quando equilibrávamos o valor disponível para transferências, com o valor dos salários. Tinhamos que nos virar, ou melhor, fazer milagres.

Transferencias.jpg

TRANSFERÊNCIAS

Após dias de reunião com o staff de finanças do clube, enfim nos reunimos pela primeira vez com os olheiros, que apresentaram relatórios de jogadores de grandes equipes do Brasil. Jogadores como: Arouca, Leandro Almeida e Amaral, do Palmeiras; Rodriguinho, Fellipe Bastos e Marcelo Cirino, do Corinthians; Henrique Almeida e Arthur, do Grêmio; Entre outros jogadores dos times de ponta da Série A, faziam parte do que nos foi apresentado, mas a situação financeira do clube impedia qualquer movimentação ao encontro destes, pois a pedida de valor de empréstimo pelas equipes, era muito alta.

Começamos com as saídas:

- Wanderson, Robertinho, Wallace, Erik, Humberto, Rodolpho Fernandes e Lucas Bacelar saíram em transferências livres.
- Valdemir, Johildo, Paulo, Genílson e Caique saíram por empréstimo para ajudar no desenvolvimento.
- A única venda foi do Zagueiro, promessa da base, Lenilson. O jogador deixou o Albertão rumo a São Januário, por uma transferência que movimentou 125 mil reais e deverá movimentar outros 75 mil, além de ter deixado o River com 50% do lucro da próxima transferência.

Agora falaremos das entradas no nosso plantel:

- Marcelo Lomba é o primeiro jogador de nome a chegar na nossa equipe, a transferência junto ao Internacional movimentou 475 mil reais.
- O lateral Diego deixou o Joinville para vir ao River em uma transferência que poderá movimentar até 2 milhões de reais. Diego já era nosso desejo antigo.
- Outro desejo antigo que finalmente chegou ao nosso clube foi o zagueiro Bruno Maia, que veio do Botafogo-PB, por 275 mil reais.
- Marquinhos Calazans, ex-Fluminense é outro que merece destaque. O jogador deixou as Laranjeiras por 375 mil reais.
- As demais transferências até o momento foram: Leonardo(lateral emprestado pelo Coxa), Mendieta(Meia ex-Palmeiras, que veio livre), Genilson(lateral que veio do Joinville, 68 mil), Vitão(zagueiro emprestado pelo Palmeiras) e Bochecha(emprestado pelo Botafogo).

Infelizmente a verba acabou e teremos que torcer para que entre algum dinheiro, caso queiramos efetivar mais contratações. A contratação de Kléber Gladiador está descartada por falta de verba, mas caso apareça, veremos o que é melhor para o time.

img_6347.jpg

CAMPEONATO PIAUIENSE

Com o que tinhamos nas mãos, iniciamos a preparação ainda antes da virada de ano e já podia se ver o esboço do time em titular, sem grandes mudanças. Pelo menos para o Campeonato Estadual. E essa era a formação escolhida para iniciar o ano:

River-AC_-Vista-Geral-6.png

Precisávamos do apoio da torcida no Estadual, para começar a balancear as finanças, mas na estréia apesar do show em campo, o que se via nas arquibancadas era pouco animador. Apenas 3 mil e 900 torcedores compareceram ao nosso primeiro jogo no campeonato. Tivemos a nossa primeira vitória dentro das 4 linhas e a primeira derrota fora delas.
A torcida começou a comparecer, diante das boas atuações, fomos passando por cima de todos os adversários, sem tomar conhecimento de ninguém e mesmo utilizando os reservas a partir da penúltima rodada da fase do grupo, conseguimos passar com uma média de 3 gols por partida e sofrendo apenas 2 gols. Enfrentaríamos o Parnahyba na semifinal.
O time do litoral piauiense não deu nem pro gasto. 3x1 no Albertão e vaga na final contra o Altos garantida.

FINAL DO 1º TURNO RIVER X ALTOS

Mais de 31 mil pessoas foram ao Albertão assistir o que poderiamos chamar de Davi x Golias. O Altos era o visitante, nosso adversário na partida que definiria o campeão do primeiro turno, em que apesar de jogar com o time reserva, éramos favoritos para a conquista. O jacaré tornou o jogo enjoado, impediu que criássemos chances de gol e só nos restou apelar para os chutes de longa distância.
Batemos tanto que conseguimos acertar. Aos 50 minutos, Daniel Costa recebeu de Dejair na meia lua, girou e bateu no cantinho, sem chances para o goleirão.
O jogo continuou como estava, parecia que até o Altos estava satisfeito com o resultado e realmente devia estar, porque hoje em dia perder só de 1x0 pra nós é lucro.

River-PI---Altos-PI_-Geral-Vista-Geral-2

Título do primeiro turno e vaga na grande final garantidos.

COPA DO NORDESTE

Caímos em um grupo que contava com Sampaio Correa-MA, Botafogo-SE e o nosso conterrâneo Altos-PI. Tivemos a sorte de não pegar um grupo tão difícil, mas isso pode se tornar um azar já que enfrentando adversários mais fracos na primeira fase pode nos deixar mal acostumados para enfrentar times cascudos nas outras fases.

Passamos por Sampaio Correa e Altos sem dificuldades, agora nos restava o Botafogo para tentar a vitória e fazer um primeiro turno perfeito.

3ª RODADA RIVER X BOTAFOGO-SE

Recebemos o Botafogo para fechar o primeiro turno da fase de grupos e éramos amplamente favoritos.
Quase 6 mil torcedores compareceram para ver o show de João Felipe. O lateral estava impossível e destruiu o lado esquerdo do Botafogo.
Aos 24 minutos, Marquinhos encontrou João Felipe livre pela direita, o lateral cruzou e Marquinhos Calazans completou de cabeça, 1x0.
Aos 34, nova jogada de João Felipe, só que dessa vez o cruzamento saiu rasteiro e encontrou Nathan na marca do pênalti para bater forte e ampliar.
Em jogada individual, Felipe Moreira Furou a defesa do River e bateu na saída de Marcelo Lomba para diminuir aos 36 minutos.
Só que não seria o suficiente, já que aos 63 minutos após linda jogada, Marquinhos foi derrubado na grande área, pênalti para o River. Ele mesmo bateu e deu números finais ao jogo, River 3x1 Botafogo-SE. Ainda veríamos a expulsão de Luiz Gustavo dois minutos depois, mas isso não influenciaria no resultado.

River-PI---Botafogo-SE_-Geral-Vista-Gera

 

COPA DO BRASIL

O sorteio nos colocou frente à frente com o Sinop-MT. E no estádio Gigante do Norte, não fizemos um bom jogo, mas fizemos o suficiente para vencer, nos manter na Copa do Brasil e segurar os 100% de aproveitamento no ano. Agora enfrentaremos o Sport e quem passar jogará a terceira fase contra Ponte Preta ou América-RN.

Sinop-MT---River-PI_-Geral-Vista-Geral.p

 

Por enquanto o ano tem sido mais do que tranquilo para a nossa equipe e deverá continuar assim até o início do pesadelo que deverá ser a Série A. Entrosamento e união podem não ser o suficiente, teremos que dar o coração. É muito provável que mudemos a tática e passemos a jogar mais recuados, ou explorando o contra-ataque.  Caminhamos para mais uma conquista Piauiense e temos grandes chances de ganhar o Nordestão também.

Ah e eu esqueci de avisar no final da temporada passada que o ano de 2017 no FM não foi tão bom assim para o Corinthians, que ao invés de sair do Brasileirão campeão, saiu rebaixado.

Sobre as finanças, a grande presença da torcida em alguns jogos e a renovação do programa de sócio torcedor nos ajudaram nesse início de temporada, principalmente a torcida. Conseguimos cobrir as despesas com as transferências e baixar a dívida para 5 milhões de reais.

Espero que tenham gostado do nosso início de temporada e que sigam acompanhando o save e interagindo com a gente.

BORA, GALO!!!

Share this post


Link to post
Share on other sites
vinny_dp

Ano de Série A é complicado, principalmente na montagem do elenco e você percebeu isso muito bem no mercado de transferências. Apesar disso, a equipe correspondeu e vai indo bem no Estadual e no Regional. 

Veremos o real nível da equipe na hora que o campeonato nacional começar e espero que consiga ao menos a manutenção.

Sobre o post, senti falta da tela do histórico de transferências, bem como screens dos jogadores contratados. Outra coisa que senti falta foi a tela do calendário, que como você apresenta em separado por campeonatos, também seria interessante se viesse assim. 

Boa sorte.

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14
18 horas atrás, vinny_dp disse:

Ano de Série A é complicado, principalmente na montagem do elenco e você percebeu isso muito bem no mercado de transferências. Apesar disso, a equipe correspondeu e vai indo bem no Estadual e no Regional. 

Veremos o real nível da equipe na hora que o campeonato nacional começar e espero que consiga ao menos a manutenção.

Sobre o post, senti falta da tela do histórico de transferências, bem como screens dos jogadores contratados. Outra coisa que senti falta foi a tela do calendário, que como você apresenta em separado por campeonatos, também seria interessante se viesse assim. 

Boa sorte.

Vinny, até eu espero que esse ano seja mais complicado que os outros kkk, mas como vc falou eu agi corretamente no mercado de transferências até agora, reforcei os setores em que o time não tinha bons jogadores de jeito nenhum e trouxe algumas peças que prometem ser chaves nos próximos anos. Terei excelentes novidades pra vocês no próximo post, se bem que pra mim não foram notícias nem tão boas.

Estamos na luta para fazer mais um bom amor como esse 2017 que passou.

Felizano novo a todos!

Share this post


Link to post
Share on other sites
PedroJr14

É bom salientar que o crescimento do nosso clube está sendo muito bom também para o nosso estado. Como a DB, apesar de ter vários clubes, não conta com a série D, a nossa subida para a série C acarretou na subida do vice-campeão estadual para a Série C.

O coroado foi o Altos, clube que tem tido um investimento forte de empresários locais, da cidade homônima, e que já vinha assustando no estado. O clube aproveitou a chance, se planejou, investiu e acabou como quarto colocado na Série C 2017, garantindo assim o acesso para a Série B em 2018 e mais do que isso, é cotado para lutar pela permanência e não como rebaixado direto.

Apesar de eu não esperar isso, esperar que pelo menos nos primeiros 5 anos a gente deitasse no estadual, o Altos mostrou que assim como na vida real vem crescendo rapidamente e fazendo história pelos campeonatos que passa.

Share this post


Link to post
Share on other sites
Guest
This topic is now closed to further replies.

  • Similar Content

    • PedroJr14
      By PedroJr14
      Real Racing Club Santander, S.A.D.
      O clube da cidade de Santander teve sucesso relativo na Espanha, mantendo-se na primeira divisão do país em 15 das 16 temporadas entre 1996/97 e 2011/2012, só não esteve presente em 2001/02. Em todas essas temporadas em La Liga, o Racing superou a décima posição apenas uma vez, quando terminou em sexto na temporada 2007/08, ganhando assim a vaga continental. Los Verdiblancos terminaram em quarto, num grupo que continha Twente, Manchester City, Schalke e PSG, perdendo apenas um jogo e vencendo o Manchester City, que terminou na liderança do grupo. Conseguiram se manter na liga principal até 2011/12, quando começou a cair sucessivamente até chegar à Terceira Divisão, 2 anos mais tarde. O clube ensaiou uma reação em 2014/15, quando conseguiu o acesso para a Segunda Divisão, mas logo caiu de volta e até o presente não mais saiu de lá.

      O Racing Santander manda seus jogos no folclórico estádio El Sardinero, que tem capacidade para pouco mais de 22 mil espectadores. Entre os nomes que desfilaram por esse aconchegante estádio vestindo a camisa do Racing, estão: Felipe Melo (Palmeiras), Henrique (Corinthians), Ezequiel Garay (Valencia), Yossi Benayoun (ex-Chelsea e Liverpool), Giovanni Dos Santos (LA Galaxy), Sérgio Canales (ex-Real Madrid), Marcos Alonso (ex-Barcelona e A. Madrid, pai de Marcos Alonso do Chelsea) e Christian Stuani.

      Sem nunca ter conquistado um título de expressão, o Racing Santander caiu ao fundo do poço por causa de uma crise financeira e nunca mais conseguiu se reerguer. A saída do treinador Pedro Muntis para o Ponferradina e a falta de recursos para buscar um técnico fora de Santander, obrigaram o clube a promover o Técnico Marco Botín, que terá um contrato curto, de apenas 1 ano. O jovem treinador de 26 anos terá que provar o seu valor e o seu amor pelo clube da cidade.
       
      Objetivos
      [Secundários]
      - Subir de volta à La Liga
      - Ter um jogador convocado por uma seleção top 10 mundial
      - Fortalecer as estruturas das divisões de base do clube ao máximo
      - Construir um novo estádio, ou ampliar o Sardinero
      - Transformar ao menos 3 jogadores contratados por mim em lendas do clube

      [Primários]
      - Terminar acima do décimo lugar em La Liga
      - Chegar a uma competição continental
      - Vencer uma competição de nível nacional 
      - Vencer uma competição intercontinental
      - Ser Campeão Mundial de Clubes
      - Tornar-se uma lenda no clube
       
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Reflexões, ponderações e filosofias
      Antes de falar do save em si, queria aproveitar o espaço para fazer um desabafo. Parece que a cada novo FM que surge eu vou perdendo cada vez mais o contato que eu tinha com o jogo no passado, mas vejo alguns exemplos de pessoas na mesma faixa de idade, mesma faixa de afazeres ou até em faixa maiores, jogando e tendo a boa e velha conexão com o jogo. Não sei se posso culpar o jogo em si ou culpar o jogo com relação a mim. Poderia ser pessoal, mas recentemente venho me divertindo no Football Manager 2008 e poderia facilmente migrar para o Football Manager Touch, que foi minha grande empolgação com um save, tirando os playoffs de promoção com o Santarcangelo. Então acredito que o problema não é do jogo, nem da minha relação com o jogo. É do que eu quero ver acontecendo no jogo.
      Infelizmente eu escolhi um desafio que o jogo não estava disposto a aceitar nas minhas condições, era possível, mas eu precisava aceitar as condições que o jogo impunha e isso não era o suficiente, eu precisava de mais e não aguentava ver o resultado do que eu queria dentro de campo. Não ligo para derrotas, para os percalços, desde que eles ocorram com meu time atuando da maneira pela qual ele foi desenhado para atuar. Se eu me comprometo com a retranca, tenho que estar ciente do que ela causa, se eu me comprometo com o jogo ofensivo, tenho que estar ciente do que ele causa e assim por diante. A questão é que eu me comprometi com uma coisa diferente, que era o líbero, não era uma questão de tática, não era uma questão de estilo de jogo. Era uma questão de trazer uma função morta para o FM e fazê-la funcionar tanto defensivamente quanto ofensivamente, mas isso limitava meu estilo de jogo a ser puramente defensivo ou contra-ofensivo. E as equipes que tiveram grandes líberos ofensivos não jogavam exclusivamente assim e muitas poderiam ser descritas como equipes fluidas e ofensivas.
      Eu passei do estágio de querer ver um desafio impossível sendo feito por mim, passei do estágio de querer acumular títulos e fazer grandes saves em termos de troféus e vitórias. Tive um dos maiores prazeres no FM 2015 com uma equipe que ganhou 3 italianos em umas 15 temporadas, perdeu 2 vezes a Champions e até hoje sinto saudades desses momentos, pois ali eu não estava construindo a minha dinastia, ali eu estava construindo uma história em conjunto com um clube. Tinha aquele apego, tinha aquela paixão de transformar o mundo do futebol. E esse é um problema grande, não consigo fazer igual a maioria das pessoas e escolher um save simples, seguro e que seja factível de se encerrar. Eu quero o desafio de modificar a história, criar momentos que só o FM proporciona e isso acredito que vem dificultando o processo de jogar FM.
      Desafabo feito, hora de seguir adiante e tentar mais uma vez. Se falharmos, levantamos, sacudimos a poeira e tentamos de novo.
      Introdução
      No Football Manager 2014 eu tentei aquele desafio impossível, meu grande feito até hoje foi conquistar a Champions League com o Rangers da Escócia no FM 2012. Por isso, decidi apimentar as coisas e buscar o título da Champions League com outro clube britânico, só que dessa vez advindo da Irlanda. Foram lindas 12 temporadas com 10 títulos nacionais, 9 deles consecutivos e incontáveis títulos nas copas domésticas, transformando o Shamrock Rovers no maior vencedor de todas as competições irlandesas. Em nível continental, realizamos o feito que o Dundalk realizou nessa temporada, ao se tornar o primeiro clube irlandês a participar de uma fase de grupos de uma competição europeia e fomos além, chegamos até as oitavas-de-final da Champions em uma ocasião e participamos por 3 ou 4 vezes do mata-mata da Liga Europa. Porém, apesar de nunca sequer estar perto de alcançar o único objetivo do save, transformei o Shamrock Rovers, mas isso não foi o suficiente para alavancar o futebol irlandês e sem a alavancagem do futebol irlandês seria impossível chegar até o objetivo do save. Eu me frustrei com isso, encerrei o save, depois me arrependi, mas a decisão já estava feita. Contudo, nesse save desenvolvi jogadores, criei ícones e lendas do clube, inclusive consegui segurar uma gigante promessa irlandesa por mais de 10 temporadas na equipe, fazendo com que um jogador da base se tornasse um importante jogador da história da equipe. E eram essas pequenas coisas que seguravam o save, mas infelizmente, ele estaria fadado a nunca dar certo da maneira que eu gostaria.
      Por isso, no ano passado, o ggpofm traduziu e adaptou um texto sobre como tornar uma liga competitiva e eu decidi que era hora de tentar realizar o impossível novamente, porém eu incuti no erro de começar o jogo no FM 2014 e comparar as duas histórias e é óbvio que isso deu errado, pois eu me frustrava com o que ocorria e olhava e comparava com o que havia sido feito e me perguntava o que estava acontecendo e o que estava sendo feito de errado, até o ponto em que eu comecei a tentar emular as decisões do passado. Isso ruiu a tentativa.
      É hora de aprender com o passado e recomeçar um desafio diferente que é transformar uma liga com um desafio do passado, a busca do impossível. Sinceramente, espero que seja esse o combustível necessário, pois o fato de querer continuar participando ativamente da área me fez retornar rapidamente com uma história. Quando não estou contando um save, a atenção que dou a área é totalmente diferente e sinceramente, como é uma área que pulsa numa vibração interessante e revigorante, acho injusto comigo mesmo não estar aqui, mesmo que o preço seja mais uma história inacabada.
      Objetivo
      Conquistar a Champions League com o Shamrock Rovers Regras do save
      Se o jogador não serve mais para o Shamrock Rovers, a prioridade é repassá-lo para uma equipe irlandesa, mesmo que isso signifique aceitar uma oferta menor ou perder o jogador de graça. Não contratar destaques de outras equipes irlandesas. Buscar repatriar jogadores irlandeses de ligas estrangeiras. Buscar contratar jovens promessas de equipes irlandesas, com o propósito de acelerar a evolução do mesmo. Buscar antecipar a concorrência externa pelos principais jogadores da liga, evitando que jogadores de bom nível ou alto potencial saiam do país. (A única condição que permite contratar um jogador adversário que seja importante para o clube) Caso alguma nova necessidade vá surgindo, irei informar num post e adicionar aqui Histórico
      2017 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado na 1ª rodada qualificatória da Europa League
      2018 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado no Playoff dos campeões da Champions League, 4º lugar no Grupo K da Europa League
      2019 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Cup, 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2020 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, eliminado na 3ª Qualificatória da Champions League e nos Playoffs da Europa League
      2021 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup e 4º colocado no Grupo C da Champions League
      2022 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º colocado no Grupo H da Champions League
      2023 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 2º colocado no Grupo J da Europa League
      2024 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup, eliminado nos 32-avos-de-final da Europa League e 3º colocado no grupo G da Champions League
      2025 - 2º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, eliminado nos 32-avos-de-final da Europa League e 4º colocado no grupo B da Champions League
      2026 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º colocado no Grupo L da Europa League
      2027 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup e 3º colocado no Grupo H da Champions League
      2028 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup e eliminado nas oitavas-de-final da Europa League e 3º colocado no Grupo E da Champions League
      2029 - 1º lugar na Airtricity Premier League, eliminado nos 32-avos de final da Europa League, 4º lugar no Grupo A da Champions League
      2030 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da Leinster Senior Cup e 4º lugar no Grupo C da Champions League
      2031 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Copa da Irlanda, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup e 2º lugar no Grupo H da Champions League
      2032 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2031/2032  e 2º lugar no Grupo F da Champions League 2032/2033
      2033 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2032/2033 e 3º lugar no Grupo G da Champions League 2033/2034
      2034 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Eliminado nas quartas-de-final da Europa League 2033/2034 e 3º lugar no Grupo C da Champions League 2034/2035
      2035 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, Campeão da FAI Ford Cup, Campeão da Europa League 2034/2035, Campeão da Super Copa da UEFA 2035 e 1º lugar no Grupo H da Champions League 2035/2036
      2036 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, Eliminado nas oitavas-de-final da Champions League 2035/2036 e 3º lugar no Grupo E da Champions League 2036/2037
      2037 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, 4º lugar no grupo C da Champions League 2037/2038
      2038 - 1º lugar na Airtricity Premier League, Campeão da FAI Ford Cup, Campeão da EA Sports Cup, Campeão da Leinster Senior Cup, 3º lugar no Grupo F da Champions League 2038/2039
      Histórico de posts
      Shamrock Rovers e Irlanda A primeira pré-temporada Algumas surpresas na tabela Liderança na Irlanda, decepção na Europa Vantagem é sempre importante A baciada fica para o meio do ano Uma temporada mais competitiva Irlanda x Escócia Celtic Park, Olympiyskyi, Vélodrome e King Power Stadium 3 contratações, 32 despedidas Enfim mediremos força com o Dundalk? Onde os outros perdem, nós vencemos Um empate que vale por duas temporadas e meia Em time que está ganhando não se mexe? Mais um voo solo? Dois patetas, as traves e um muro espanhol Em terra de irlandês, quem é Shamrock, é rei! As primeiras cifras em reforços Um começo de temporada inédito 166 convocações no elenco Os desafios financeiros da Irlanda Um estádio para chamar de nosso Alguém parará o Shamrock Rovers? Muita movimentação no Tallaght Uma Irlanda que dá trabalho O retorno do atacante solitário Falta embalar Uma chance inesperada Deem um pouco mais de crédito para a Liga Irlandesa Vendas milionárias Sentimos sua falta, O’Brien! Gribbinaldinho Fenômeno! A 5ª maior instituição da Irlanda Remodelagem tática A melhor campanha da história do primeiro turno Na perseguição do Cork City Verde é a cor da Irlanda Um vacilo milionário A melhor campanha da história do primeiro turno – Parte 2 Mais Irlanda na Europa Forde, por que faz isso comigo? Batemos a marca de 2 milhões Um carrossel verde e branco Simplesmente avassalador! Um péssimo ano para ser Bohemian Um mercado prolífico Um novo concorrente no horizonte? Eurocopa 2028 A solução que veio e que foi Chora, Allegri! Reaprendendo a jogar Tudo conforme o script Dinamo Zagreb A única vez foi em 2017 O bom filho a casa torna Uma máquina chamada Conor Wilson Copa do Mundo 2030 Maldito sorteio da Champions League Uma abordagem renovada Poxa, UCD! Um dia ruim por turno O doce aroma da elite europeia De pontas para volante Uma noite irlandesa em Londres As dificuldades de ser maior que a liga irlandesa Meus jogadores são de um material superior Que venha o Lyon! Teremos um campeonato!? Segue o líder! A gente bem que tentou, mas o Cork não quis! Regulamento debaixo do braço Faltaram apenas 6 minutos Mais uma vaga na Champions League! Dosharaithe E estamos de volta A estrada até aqui... Real Madrid x Shamrock Rovers Super Copa da UEFA Green Stadium Uma homenagem à Conor Wilson Começo claudicante, mas final esperado O fim de duas eras Sob nova direção A Airtricity Premier League é uma das 10 maiores da Europa 20 anos de Danny Green Um campeonato que ainda está em aberto Vexatório! O plano quinquenal Zero gols, zero derrotas Uma nova era para o Hoops Tinha um italiano no meio do caminho Uma insípida janela de transferências Um paredão azul
    • Felipe Soares
      By Felipe Soares
      Desde o saudoso CM 01/02 eu marco presença e viro noites e dias jogando games de manager. E, talvez, como muitos aqui vivia na solidão de não ter nenhum amigo que jogasse e pudesse compartilhar histórias, fatos e conquistas. Eu acreditava que era um universo pouco explorado e pouquíssimas pessoas jogavam, até que recentemente descobri o blog do Henrique M. (https://www.engenhariadofutebol.com.br/) que consequentemente me levou até aqui. Acompanho muitas histórias aqui, mas sempre fui tímido pra comentar ou até mesmo criar uma conta, preferi segui o anonimato. Em meus anos de vivência de alegrias e tristezas provindas do FM, tive várias conquistas épicas, mas sem ninguém pra contar, sem prints, sem nada, hoje não passariam de história de pescador. Então resolvi escrever minha primeira história, rasgar a barreira do anonimato e me colocar no mapa do FManager.


      O Save  

      Aproveitando a oportunidade, quero colocar o Maranhão no mapa também. Mesmo tendo nascido em Imperatriz e ser torcedor Cavalino (Cavalo de Aço é a alcunha do time em questão), nunca comecei um save com o SID (Sociedade Imperatrizense de Desportos). Sempre preferi os saves europeus e tal, porém no último sábado o Cavalo de Aço levantou a a taça do Campeonato Maranhense pela 3x na sua história com um gol aos 47 minutos do segundo tempo na casa do adversário (#ChupaMoto). Não existe nada mais incrível no mundo que uma situação assim, nada é mais lindo que um gol de título nos acréscimos. Foi impossível não me apaixonar novamente pelo clube da minha cidade natal depois dessa experiência. 


      Apresentação do Imperatriz (SID) e contexto político

      Conhecido como a força do interior, o time representa a maior cidade do interior do Maranhão (Que por muito tempo foi/é considerado o estado mais pobre do país). Fundado em 4 de janeiro de 1962 o clube nunca teve muito destaque no cenário futebolístico brasileiro, contando apenas com discretas participações no Campeonato Brasileiro da Série C no seu auge e apenas três (gloriosos) títulos estaduais (2005, 2015 e 2019).

      O time tem a honra de ter tido na estreia do seu estádio (Frei Epifânio D'Abadia) o gênio das pernas tortas, Garrincha, vestindo o seu manto. Além dos títulos estaduais, o maior feito do time foi ter descoberto o Ralf (atualmente Corinthians e Seleção Brasileira) quando ele estava esquecido e sem clube. Após a campanha história do primeiro título estadual, marcando gol na final, o volante revitalizou a carreira. Mas ficou conhecido como "caso Ralf" porque saiu a custo zero e o SID nunca ganhou um centavo com o sucesso dele. Anos depois em entrevista ele criticou a diretoria e ainda mandou a frase: "passei fome lá".


      Ralf em 2005

      Sim, futebol e política se misturam e no Maranhão essa sempre foi uma verdade. Talvez existam aqui no grupo companheiros ludovicenses que possam discordar (ou não) dos fatos a seguir, mas meu vô (ex-ponta esquerda) sempre falou "Só quem calça o sapato sabe onde aperta".

      Por muito tempo houve um movimento separatista chamado Maranhão do Sul (onde Imperatriz seria a capital desse novo estado) movido pela insatisfação das inúmeras injustiças/descaso do governo da capital. Não quero adentrar nos detalhes econômicos e sociais da "coisa", vou me ater ao futebol. Além dos regulamentos like a Carioca, a FMF sempre arrumou uma maneira de prejudicar os times de Imperatriz. O próprio JV Lideral, time que surgiu com força econômica e estrutura acima da média, desistiu do futebol profissional por não aguentar as barbáries da Federação Maranhense. 

      Objetivos e regras do save

      Sempre tive curiosidade de jogar um desafio da base e então esse será o primeiro. Mas diferente de outros desafios da base, quero responder essa pergunta: "Será que é possível desenvolver uma base moldado em uma filosofia e, com o tempo, formar jogadores nesses moldes e eles mudarem a 'cultura futebolística' de um lugar?" Sou fã de Pepe Guardiola, La Masia, J. Cruyff e tudo que envolveu essa atmosfera 'barcelonística'. Inclusive sou técnico de um time de fut7 (@atleticorealec - instagram) e tento aplicar esse estilo de jogo (quem sabe um dia eu conto sobre isso). Então não poderia ser diferente, a ideia é colocar o Maranhão no mapa do futebol brasileiro jogando um futebol que lembre o Barcelona de Pep: Ofensividade e Posse de Bola.
       
      Ser o maior time maranhense (Títulos, Reputação e Finanças) Se tornar o maior campeão maranhense - Sampaio Correia (33) Superar o feito histórico do Sampaio (Único time no país a vencer 3 divisões - B, C e D) Repetir o Caso Ralf (Um jogador revelado no clube que chega a seleção), só que com um desfecho "feliz" e com um jogador oriundo da base. Ter um representante do "Barcelona do Maranhão" no verdadeiro: um jogador revelado no SID ser contratado pelo Barcelona. Vencer a Série A Vencer a Copa do Brasil Vencer a Libertadores Vencer o Mundial  
      Então é isso, em breve eu atualizo aqui com os dados do jogo, treinador e os primeiros resultados. 
    • Tsuru
      By Tsuru
      Os celtas eram um conjunto de povos que ocupava grande parte do território da Europa por volta de 1.000 a.C., indo desde a atual Grã-Bretanha até o local onde hoje é a Turquia. Há muitas teorias sobre a origem e a expansão desses povos, mas é um período tão antigo que as raízes se perdem no tempo. É inclusive dessa época que surge a lenda do Rei Arthur, que teria liderado a resistência dos bretões celtas contra os romanos.
      Outro detalhe interessante é que, na cultura celta, "Brasil" era uma ilha mística situada em algum local do oceano, e a própria origem desse nome é céltica. Há quem acredite que os povos antigos já conheciam a origem do Brasil e que foram eles que introduziram, na cultura popular europeia, a informação de que existiam terras além mar cheias de riquezas e animais exóticos. Esse detalhe eu não sabia e quem compartilhou a informação foi o @Inner Logic.
      Entre outras coisas que se sabe concretamente, é notório que os celtas veneravam a natureza e que, entre seus pares, existiam os druidas, pessoas encarregadas das tarefas de aconselhamento, ensino, orientações filosóficas e jurídicas, e rituais religiosos. 
      Entre os druidas famosos, reais ou imaginários, estão o lendário Merlin e o Panoramix, que preparava a poção mágica do Asterix. E essa figura do druida sempre fascinou este que vos fala, o que levou a pesquisar mais sobre a cultura em questão e sobre sua história.
      Descobri, inclusive, que hoje existem seis nações apontadas como “célticas originais”, por manterem traços culturais ou de linguagem desse povo - País de Gales, Escócia, Irlanda, Bretanha (no norte da França), Cornualha (sul da Inglaterra) e Isle of Man (entre a Inglaterra e a Irlanda). Há ainda outras regiões onde a influência celta é considerada forte, como o Norte de Portugal, as regiões da Galícia e Astúrias na Espanha, e a antiga Gália (atuais França, Bélgica e norte da Itália). E há ainda territórios ocupados por antigas tribos celtas onde pouco se sabe sobre o legado deixado por eles, como o sul da Alemanha/Áustria e diversos países do Leste Europeu.
      No futebol, talvez a influência mais clara desses povos seja o Celtic FC da Escócia, batizado com objetivo de propagar o orgulho que os fundadores tinham dessa origem.
      Já havia lido sobre a liga de futebol do País de Gales e sentido bastante vontade de experimentá-la, talvez porque seja um país muito associado aos druidas. E a ideia se complementou com a descoberta das nações célticas.
      Assim, narrarei a carreira de Drew Johnson, um treinador galês fictício sem qualquer experiência, apelidado de “O Druida” por ser um adepto do Neodruidismo.
      A jornada se iniciará na terra natal de Johnson, uma vila de 7 mil habitantes chamada Cefn Mawr (se lê "Kevin Maur"), localizada no condado de Wrexham.

       


       


      Carreguei todas as nações celtas “originais”, algumas delas representadas pelo país onde se situam, e escolhi outras para representar os territórios com forte influência céltica. 
      Na database original do FM, a liga galesa só tem a Welsh Premier League, a elite do futebol local; para dar um pouco mais de emoção, ativei a segunda divisão através do update do Classen.
      Foi necessário deixar alguns países de fora - por exemplo, Itália, Alemanha e Áustria - até porque não sei se meu notebook aguentaria o tranco. Só para garantir, diminuí a qualidade gráfica e tirei as animações, aparentemente o jogo está rodando sem problemas.
      Acho que, no geral, ficou bem representativo e com boas opções de progressão de carreira.
       

       
      Conquistar pelo menos um título por cada país onde passar; Conquistar um título invicto; Conquistar, em uma temporada, todos os títulos em disputa; Vencer a Liga dos Campeões da Europa; Vencer a Copa do Mundo; Me divertir.
       
       
      Nunca pedir demissão no meio de uma temporada;
      Se estiver empregado, priorizar a assinatura de novos contratos para o início da temporada seguinte, a fim de não abandonar nenhum clube durante uma competição.
       
    • Neynaocai
      By Neynaocai
      PRA QUEM CHEGOU AGORA, RECOMENDO DAR APENAS UMA OLHADA POR CIMA NA PRIMEIRA TEMPORADA E IR LOGO AO QUE INTERESSA, QUE A PARTIR DE HOJE (07/12/2018) SERÁ INDICADO ABAIXO:
       
       
      Uma nova jornada. Capítulo 1: La voix du peuple est la voix de Dieu.
      Uma nova jornada. Capítulo 2: Entre grandes expectativas e a realidade!
      Uma nova jornada. Capítulo 3: A segunda temporada.
      Uma nova jornada. Capítulo 4: X-saladas, caldo-de-canas, bolachas, refrigerantes e gols.
      Uma nova jornada. Capítulo 5: Tem que ter pojeto?
      Uma nova jornada. Capítulo 6: Tutorial de como ser campeão em menos de duas temporadas.
      Uma nova jornada. Capítulo 7: Em segundo, se virares a mesa.
      Uma nova jornada. Capítulo 8: O último a sair apague a luz.
      Uma nova jornada. Capítulo 9: Prioridades.
      Uma nova jornada. Capítulo 10: Um Chicago a sorrir.
       
      ESPECIAIS
      You are fake news. Um desabafo contra a imprensa.
      Copa do Mundo Sub-20 2017.
      Copa do Mundo 2018
      Copa Ouro 2019 - Campeonato Mundial Sub-20 2019.
      Pré-olímpico 23: Sem chance.
       
       
       
×