Jump to content

De virada, Sport bate Americana e é campeão


Guest João Gilberto

Recommended Posts

Guest João Gilberto

De virada como na primeira partida, Sport bate Americana e é campeão

Time pernambucano conquista Liga de Basquete Feminina de maneira invicta

Parecia que não seria neste sábado que o torcedor do Sport, que lotou o ginásio Jorge Maia, na Ilha do Retiro, comemoraria o título da Liga de Basquete Feminina. Mas num roteiro semelhante ao primeiro jogo da série melhor de três das finais, com direito a muito sofrimento e uma virada no último período, a equipe pernambucana derrotou o time de Americana, comandado pelo técnico da seleção brasileira, o ex-jogador Luis Zanon, por 62 a 57 (21 a 17), e conquistou de maneira invicta o inédito título brasileiro para o Nordeste.

As atuais campeãs abriram 2 a 0 com Clarissa, e foi só. Depois só deu Sport no primeiro quarto. Embalado por seu fanático torcedor e liderada em quadra pela experiente armadora Adrianinha - de volta ao Brasil após 12 anos na Europa -, a equipe pernambucana abriu 11 a 6 e deu a impressão de que não teria maiores problemas para deslanchar no marcador e confirmar o favoritismo.

Mas o ataque do time do técnico Roberto Dornelas parou de funcionar e as visitantes reagiram. Comandadas pela pivô da seleção brasileira, Clarissa, o quinteto do interior paulista fez 5 a 1 para diminuir o prejuízo para apenas um ponto ao fim do período.

5.jpg

O melhor momento da equipe paulista continuou no segundo quarto. Num início avassalador, Americana fez 10 pontos consecutivos, virou a partida e, de quebra, abriu sete pontos de frente. O desempenho das donas da casa caiu tanto no segundo período, que o Sport ficou mais de sete minutos sem pontuar no período, e só voltou a marcar numa bandeja de Adrianinha após um erro de Americana.

Depois de um toco na defesa, a experiente Érika chamou a massa rubro-negra para jogar junto com o time. A galera atendeu ao apelo da pivô e colocou pressão sobre o time paulista. Mas o fraco desempenho do time pernambucano comprometia a reação. No final do primeiro tempo, após anotar apenas cinco pontos no período, a derrota parcial por 21 a 17 acabou sendo um bom negócio para o Sport.

Se a tônica dos primeiros 20 minutos foi o péssimo aproveitamento ofensivo das duas equipes, o cenário no terceiro período mudou. As duas equipes voltaram para quadra com as mãos calibradas. Enquanto Karla e Babi passaram a acertar uma bola de três atrás da outra, Palmira dava o troco na mesmo moeda pela equipe rubro-negra e, com dois arremessos precisos de longa distância, diminuiu o prejuízo para apenas três pontos.

7.jpg

O jogo era lá e cá, e o placar seguiu inalterado até os dois minutos finais do período. Foi quando o Sport, empurrado por sua fanática torcida, chegou ao empate com uma bola debaixo da cesta de Érika e um arremesso de Franciele. Na mesma hora Luiz Zanon parou o jogo. Mas nem a pedido de tempo do novo técnico da seleção brasileira diminuiu o nervosismo do time paulista, que viu as donas da casa virarem o jogo pela primeira vez desde o início do segundo período com dois lances livres de Adrianinha. No final, a americana Sandora sofreu falta e deu o troco na mesma moeda para deixar tudo igual em 41 a 41.

Os dez minutos finais começaram eletrizante, com as duas equipes se alternando na liderança. O jogo era lá e cá e o resultado totalmente imprevisível. O placar se manteve igual até os dois minutos finais, quando o Sport abriu cinco pontos numa cesta de Franciele e outro arremesso de três pontos da armadora Adrianinha para selar a vitória e ferver o caldeirão da Ilha do Retiro.

GLOBOESPORTE.COM

Link to comment
Share on other sites

Sportv transmitiu. Chiaram pra caralho porque nem mostraram a comemoração. Assim que acabou, já encerraram a transmissão.

Link to comment
Share on other sites

Se o campeonato masculino já é bem ruinzinho, imagina o nível desse jogo hahahahahaha

Link to comment
Share on other sites

Archived

This topic is now archived and is closed to further replies.

  • Similar Content

    • CCSantos
      By CCSantos
      Depois de um tempo de muito corre-corre - onde até joguei toda a primeira temporada no Panionios - acabei comprando um jogo manager de Basquete, o International Basketball Manager 22, e gostei bastante a ponto de trazer um save dele aqui para a área.
      Vocês vão conhecer a história do primeiro time francês campeão de um torneio de primeiro escalão na Europa, juntando todos os esportes. Ao contrário do que a maioria pensa, não foi o Olympique de Marseille o primeiro do país a conquistar esta honraria.
      Foi o CSP Limoges que, um mês antes da conquista do Olympique na Champions League, foi campeão da Euroleague, em cima de um estrelado Benetton Treviso - que possuía no time ninguém menos que Toni Kukoc -, jogando em Atenas, sendo que na semifinal do Final Four, o time venceu do Real Madrid. Durante o save, eu entro em mais detalhes desta conquista.
      O jogo completo está aqui, sendo que o Limoges na época, usava as cores amarelo e roxo, não o tradicional verde:
      Mas a história do CSP Limoges não se resume apenas a esta data emblemática para o esporte francês. A equipe é a segunda em número de títulos na Liga francesa: São 11 títulos, contra 20 do ASVEL Villeurbanne, time que possui vaga fixa na EuroLeague (nesta temporada, o Monaco também está participando da competição, por ter sido campeão da EuroCup).
      Porém, a história do time não é somente ligada a conquistas: O time já conquistou um título francês e foi rebaixado na mesma temporada. Em 2000, ele caiu para a segunda divisão por motivos financeiros, e chegou a ameaçar de fechar as portas, só que o clube conseguiu se reerguer, inclusive ganhando dois títulos na última década.
      Tem outro detalhe: Além de ser o único francês a conquistar um título na EuroLeague em sua história, o Limoges é o time francês que mais conquistou títulos internacionalmente: São cinco títulos, sendo três Korac Cup e uma Saporta Cup - anos mais tarde, ambas as competições se uniriam e formam atualmente a EuroCup, que fica logo abaixo a EuroLeague, por isto as cinco estrelas no banner.
      Na próxima atualização, eu venho com o elenco, expectativas, parte financeira, como é a Liga Francesa e as qualificações para as competições europeias nesta primeira temporada.
    • bstrelow
      By bstrelow
      Prováveis escalações:

    • EduFernandes
      By EduFernandes
    • EduFernandes
      By EduFernandes
      Partida atrasada da rodada 35. 

    • Leho.
      By Leho.
      🗓️ Hoje, 27/11
      🕤 21h30
      🗣️ Heber Roberto Lopes
      🏟️ Morumbi
      📄 Prováveis escalações:

      ▪️

      Só tenho um adendo a fazer sobre o jogo de hoje:
       
       
      Isso posto, PERDEMO.
×
×
  • Create New...