Jump to content

Homeland - 8a temp.


John the Baptist.
 Share

Recommended Posts

Homeland

Homeland.jpg

Alguém mais tá vendo, fora eu, o bbds e o martinss?

Sobre o último episódio - E09:

Será, vendo o final, que os dois agentes tinham sido convertidos, o Brody e o Walker? Foi o que eu entendi, mas espero que não seja.

Índice

- Primeira temporada

- Segunda temporada

- Terceira temporada

Link to comment
Share on other sites

Comecei a ver também, mas só vi o primeiro episódio até agora... tou sem tempo, pretendo arrumar um tempinho pra assistir os outros episódios.

Gostei do que vi no piloto.

Link to comment
Share on other sites

MUITO FODA A SÉRIE!!!

Acabei de assistir os 2 primeiros eps, tem tudo pra entrar no quadro das séries top´s, vamos seguir acompanhando e torcer pra continuar evoluindo.

Muito boa mesmo, a showtime é foda.

Link to comment
Share on other sites

Esperando sair legenda pro 1x09. Recomendo fortemente essa série. A guinada que ela deu no último episódio foi MUITO boa.

Edited by martinss
Link to comment
Share on other sites

Produtor Defende Abertura de Homeland

Homeland_Abertura.jpg

Considerada uma das melhores estreias da temporada, a trama de Homeland tem sido bastante elogiada. Contudo, sua abertura não conta com a mesma unanimidade.

Com imagens de uma criança, notícias de ameaças terroristas – incluindo Bill Clinton e o atentado ao World Trade Center, entre outros -, há quem considere que a sequência inicial é muito confusa. “Eu acho que é uma relação de amor e ódio. Algumas pessoas adoram, algumas pessoas odeiam. O que eu gosto é que nos mostra claramente como 25 anos de notícias ruins, em termos de guerra ao terrorismo, podem ter influenciado essa garota que cresceu com uma doença bipolar. E uma garota que sente as coisa tão intensamente, você sabe, meio que vai mais ao extremo, e é afetada por essas imagens de uma maneira que é mais forte do que para outras pessoas, e escolhe devotar sua vida a fazer com que não aconteça de novo“, defende Alex Gansa, produtor da série, mencionando o paralelo entre as imagens e a protagonista.

Além disso, ele explica que o que considera mais interessante é a presença dessa menina em frente à tevê. “Para mim, é onde está a força e o poder da abertura. Nós olhamos para essa sequência meio que como um visual jazz, de certa forma. Em outras palavras, é jazz que está tocando na cabeça de Carrie. Essas são as imagens que constantemente invadem sua consciência. E representar isso na abertura é algo legal para nós“.

Prestes a exibir seu oitavo episódio, Homeland já encerrou a produção de seu primeiro ano. Renovada oficialmente, o produtor revela que a segunda temporada é ainda um ‘mar aberto’ para seus responsáveis.

Fonte: Blog na TV

Link to comment
Share on other sites

Nunca eu esperava a última cena, cheio de reviravoltas os dois últimos episódios. Excelente o nível até agora da série.

Link to comment
Share on other sites

Esses dois últimos episódios foram sensacionais, ritmo "alucinante" (by Sessão da Tarde), reviravoltas... É, tomara que o episódio de hoje mantenha o nível.

Link to comment
Share on other sites

Fiquei curioso, fala sobre o que?

A séria acompanha uma agente da CIA, Carrie, que acredita que um Marine recém resgatado da Al-Qaeda se tornou um dos inimigos (foi convertido ou algo assim). Esse marine ficou preso por oito anos pela Al-Qaeda. Essa é mais ou menos a sinopse.

Link to comment
Share on other sites

Mais um excelente episódio.

Finalmente vamos conhecendo mais do Abu Nazir e o que rolou com o Brody no tempo que ele foi capturado.

Link to comment
Share on other sites

Vi só o piloto por falta de tempo. Homeland é série épica, nivel Lost (respeitando gostos e afins).

Link to comment
Share on other sites

Cheguei no atual. Que série pica, jzus.

Eu só não consigo ver muito o que será contado em temporadas seguintes.

Tudo leva a crer que as coisas podem se fechar no próximo (season finale). É lógico que vão deixar pontas abertas, mas sei lá, talvez fosse legal que se fechasse a história, estilo 24 horas.

No mais, série de vida longa, espero eu.

Link to comment
Share on other sites

Season finale visto.

Teria sido maneiro se ele se explodisse. Plano foda.

Mas como o Brody é um dos principais da série, ele simplesmente não pode morrer. Então o que aconteceu faz sentido.

Só que eu ainda acho que o estilo 24h é mais legal pra quem vê. Se sei lá, a Carrie tivesse dado um jeito louco de fazer com que a explosão pudesse ser evitada, e não necessariamente fosse o Brody com o colete explosivo e tal.

Enfim, série foda sem dúvidas. Mas a próxima temporada parece que vai acabar sendo toda meio que política. Não sei se será tão legal.

E na moral, fiquei tensão com o Brody lá pra apertar o botão. Ele todo bolado, todo tenso. Interpretação mítica, puta merda. Genial na verdade.

Link to comment
Share on other sites

  • Leho. changed the title to Homeland - 8a temp.

Join the conversation

You can post now and register later. If you have an account, sign in now to post with your account.

Guest
Reply to this topic...

×   Pasted as rich text.   Paste as plain text instead

  Only 75 emoji are allowed.

×   Your link has been automatically embedded.   Display as a link instead

×   Your previous content has been restored.   Clear editor

×   You cannot paste images directly. Upload or insert images from URL.

 Share

  • Similar Content

    • Leho.
      By Leho.
      (“O Conto da Aia”, em PT-BR)
      Enredo:
       
      Trailer (1a temporada):
      .-.-.
      Porra, eu podia jurar que já havia um tópico destacado pra ela, hahahah... fui procurar e não achei. Cá estou.
      Senhores, que série lindíssima. Esteticamente falando. Tudo é minimamente orquestrado e organizado: enquadramento, posição dos móveis, figurino, combinação de cores, diálogos, puta que me pariu. Pra quem tem TOC essa série é um prato cheio eu diria, hahahaha! Não tem nada fora do lugar, e as tomadas de câmera de cima (frequentes nos episódios) mostram bem isso.
      O enredo também não fica atrás. Apesar de um tema já saturado como é a distopia futurística, o mais foda aqui é como a subjugação feminina é elevada ao quadrado. Como o @Douglas. já comentou no outro tópico, essa série é pra quem tem estômago. Porque é uma porrada atrás da outra, e não tem refresco, não. Um ou outro episódio "pra encher linguiça" só, porque na maioria deles é a June (protagonista) sendo abusada fortemente (entre outras subtramas interessantes também).
      Por fim e pra não me estender, o enredo em si ótimo mas é carregado mt também pela atuação já premiada da Elizabeth Moss, como June (ou Offred). A série é mt pica TAMBÉM pela atuação dela, impecável. Papel extremamente difícil, que ela dá conta inteiramente.
      Acho que o @SilveiraGOD. iniciou ela há pouco, fica aqui meu veredito então pra ajudar na sua escolha de maratona aí hahah.
    • Everett
    • Moura Edu
      By Moura Edu
      Assisti apenas o primeiro episódio, mas pelo que vi fiquei empolgado para ver o resto, a qualidade das cenas é algo que parece de filme, tem uma luta no primeiro episódio tão bem coreografada e filmada que lembrou o John Wick, recomendo demais.
    • Henrique M.
      By Henrique M.
      Brasilzão tá bem demais, puta que pariu.
    • Ariel'
      By Ariel'
      Acabei de assistir agora. Fiquei 2 horas sem respirar nos últimos episódios. Movido pela emoção, temo a dizer que é a melhor obra da "tv" brasileira.
×
×
  • Create New...